Você está na página 1de 6

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA


ENGENHARIA MECÂNICA

Mecânica Geral 2 - Dinâmica


Prof. Elvis Bertoti

Formulário Prova 1
Derivadas de Vetores

Regra da Cadeia
UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ
DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA
ENGENHARIA MECÂNICA

Mecânica Geral 2 - Dinâmica


Prof. Elvis Bertoti

Nome:________________________________ Assinatura:___________________

PROVA 1 – 2015/1 – TURMA S41

Seção Teórica
Questão 1) (10%) Partindo da fórmula que descreve a posição de uma partícula num
referencial polar , deduza as fórmulas para o vetor velocidade e para o vetor
aceleração. Faça considerações durante o processo a respeito do sentido e do módulo das
derivadas dos versores e .
Questão 2) (10%) Explique o significado (ou físico ou vetorial) de cada termo presente no vetor
aceleração no sistema de coordenadas polares:
Seção Numérica
Questão 3) O braço AO está rotacionando no sentido anti-horário com uma velocidade angular
de . Por meios mecânicos o anel B move-se ao longo do braço com uma
velocidade . Se e quando , para o momento em que :
a) (10%) Determine os vetores velocidade e aceleração para a partícula B no sistema de
coordenadas polar descrito na figura;
b) (5%) Represente para o anel B a orientação do sistema de coordenadas polar em
relação à horizontal e os vetores velocidade e aceleração. Sobreponha no esquema,
também, o sistema de coordenadas normal-tangencial para o anel B.
c) (5%) Determine os vetores velocidade e aceleração para a partícula B no sistema de
coordenadas normal-tangencial e calcule o raio de curvatura da trajetória neste
instante.
Questão 4) O trator a seguir é empregado para elevar o caixote de 150 kg com auxílio de uma
corda de 24 m de comprimento e um sistema de polia. Dado que quando sA=0, sB=0:
a) (10%) Determine as relações de velocidade e de aceleração que conectam o
movimento realizado pela caixa ao movimento executado pelo trator;
b) (5%) Represente o diagrama de corpo livre para o caixote.
c) (5%) Se o trator se desloca para a direita com uma velocidade de 4 m/s e uma
aceleração de 3 m/s², determine a tensão na corda para o instante em que sA = 5 m.
d) (5%) Determine os vetores velocidade e aceleração da caixa como percebidos pelo
operador do trator em termos de seus módulos e do ângulo formado com a horizontal.
(Use para d vCAIXA = 2,5 m/s para cima e aCAIXA = 2 m/s² para cima se você não concluiu a
parte c).
Questão 5) Um bloco de 2 kg (A) é empurrado contra uma mola, a qual é comprimida 0,1 m de
sua posição sem deformação (a mola não está presa ao bloco). O bloco é, então, liberado a
partir do repouso e desliza sobre a superfície inclinada em 20° até atingir a esfera de 1 kg (B), a
qual é suspensa por um cabo inextensível de 1 m de comprimento. Considerando que a
constante elástica da mola é k = 800 N/m, o coeficiente de atrito entre A e o solo é 0,2, a
distância percorrida pelo bloco desde a posição indeformada da mola até B é d = 1,5 m e o
coeficiente de restituição entre A e B é 0,8:
a) (10%) Determine a velocidade do bloco A instantes antes do choque com a esfera B;
b) (5%) Considerando que o impulso gerado pela força gravitacional, pela mola e pelo
atrito pode ser desprezado durante o impacto, há conservação da quantidade de
movimento durante choque na direção normal ao impacto? Justifique.
c) (10%) Calcule a velocidade da bola B após o impacto e a energia perdida durante o
impacto;
(Use vA = 3,5 m/s logo antes do impacto, se você não concluiu a parte a).
d) (10%) Determine a tração no cabo para quando α = 30°. Trace o diagrama de corpo
livre para esta posição;
(Use vB = 4 m/s logo após o impacto, se você não concluiu a parte c).