Você está na página 1de 31

S OF T

S KI LL S
Como otimizar a comunicação na sua empresa
ÍNDICE

03 Introdução

06 Por que comunicação?

09 Comunicação no dia a dia

12 Comunicação Não Violenta

20 Feedback

26 Conclusão
Introdução

D
e todas as habilidades e competências que existem, qual você
considera a mais importante para melhorar o nível de confian-
ça e a alta performance das pessoas da sua organização?
Para nos ajudar a refletir sobre esta questão, recorri a uma
matéria publicada na Forbes que apresentou uma seleção com as
habilidades mais requisitadas pelas empresas. A primeira habilida-
de mencionada foi a comunicação.

Comunicar-se vai muito além de falar a mesma lín-


gua. A comunicação verdadeira e eficaz inclui a trans-
missão e a interpretação das ideias de uma forma que
se consiga passar para outra pessoa exatamente o que
se está querendo dizer. Quando isso ocorre, a pessoa se
torna capaz de falar para os mais diversos públicos
e, possivelmente, alcançar os objetivos que buscava
com a comunicação.“

Tal frase só reforçou a minha inquietação sobre o quanto as


empresas e as pessoas são dependentes da comunicação e, em
contrapartida, no quanto esses grupos estão alinhados com as boas
práticas para melhorarem o seu repertório comunicacional, tanto

SOFT SKILLS 03
com foco no relacionamento interpessoal quanto no comercial.
Todos nós compartilhamos a necessidade de interagir com as
pessoas. Nesse sentido, a comunicação pode ser entendida como
o processo de compreensão e compartilhamento de uma ideia.
Transmitimos uma mensagem não apenas através do que di-
zemos, mas como a dizemos, de modo verbal ou não verbal ou por
escrito.
Como você acha que seria sua vida se não pudesse se comuni-
car, se não pudesse pedir o que precisa ou entender as necessida-
des dos outros?
Ser incapaz de se comunicar pode até significar, de várias ma-
neiras, perder uma parte de si mesmo(a); portanto perceba que a
sua capacidade de se comunicar é fundamental para o seu autocon-
ceito.
Trazendo a comunicação para um contexto mais amplo, tudo
comunica. A nossa escrita, as marcas que vestimos, a linguagem que
usamos, o estado das nossas roupas, as jóias que usamos, as tatu-
agens que fazemos, a nossa postura e gestos, tudo! E, ao mesmo
tempo, tudo isso constitui o conceito que temos de nós mesmos.
Independente da sua área de atuação, seja você uma pes-
soa que exerce o papel de líder, ou responsável pela contratação

SOFT SKILLS 04
e desenvolvimento de competências profissionais de um grupo
de pessoas, o ponto é: a comunicação pode facilitar a sua vida
e das pessoas envolvidas, além de melhorar os seus resultados
no dia a dia.
Essas são algumas das razões pelas quais criei vários cursos de
comunicação para a Alura e escrevo este eBook.
Espero que ele sirva como um guia para te ajudar a desenvol-
ver a sua comunicação e das pessoas que trabalham com você.

Boa leitura,

Priscila Stuani
Instrutora Alura
Neuroeducadora

SOFT SKILLS 05
Porque nos comunicamos


Quando melhoramos nossa comunicação,
melhoramos os nossos resultados.”
Adriano Lima - Chief Human Resources Officer na Minerva Foods

A comunicação é uma ferramenta muito útil para divulgar a oferta


de uma empresa, mas também para melhorar o funcionamento interno
de todos os seus departamentos. O que nos indica que um dos setores
que mais podem se beneficiar de uma estratégia otimizada é a área de
pessoas.
No que se refere a comunicação, é importante mencionar que
trata-se do processo pelo qual um emissor e um receptor estabelecem
uma conexão por meio de uma mensagem que lhes permite trocar
ou compartilhar ideias e informações. Em um sentido mais profundo,
comunicar-se é compartilhar um pouco de nós mesmos com
os outros.

SOFT SKILLS 06
Por outro lado, suas habilidades de comunicação são uma ótima
ferramenta para compreender os outros, com isso quero mencionar que
a comunicação vai além das palavras ditas, lembre-se que a linguagem
não-verbal pode fornecer pistas muito claras de quem você é e quais são
seus valores e interesses.

Sugestão de curso:
Comunicação: Como se expressar bem e ser compreendido

A comunicação nos ajuda a ensinar e aprender.

Outra vantagem da comu- interagem com seus clientes e fu-


nicação dentro das organizações turos clientes, além das equipes
é que ela nos ajuda a disseminar responsáveis pela existência da
conhecimento e informação en- organização.
tre as pessoas.
Por exemplo, um escritor
publica um livro para compar-
tilhar sua experiência com os
leitores, uma professora facilita
o processo de aprendizado de
quem estuda com ela, amigos e
colegas discutem suas ideias en-
tre si e as empresas, por sua vez,

SOFT SKILLS 07
Com o acesso à Internet, tivemos várias facilidades, como por
exemplo, ter acesso a informações de todos os tipos, mas além disso,
isto também nos facilita um contato mais próximo com pessoas de todo
o mundo.
Sem dúvida, o processo de compartilhamento de conhecimento
e informação não seria possível sem comunicação.
Os relacionamentos humanos são estabelecidos por meio da co-
municação. Esse processo contribui na expressão de ideias e permite
que entendamos nossas emoções por meio de outras pessoas.
Como resultado, podemos desenvolver sentimentos de afeto ou de-
safeto pelos outros e criar relacionamentos positivos ou negativos em
função da comunicação que estabelecemos.

SOFT SKILLS 08
Diante disso, é possível
mencionar que todos os dias es-
tamos imersos no processo de
comunicação, quer percebamos
ou não.
Mas vamos ao que interes-
sa. As pessoas se comunicam
por necessidade, o ser humano
é um animal social, então a troca

de informações entre pessoas do mesmo círculo ou com os mesmos


interesses é uma questão inata, algo natural.
Agora, o que acontece quando a vida se passa na rua, no escritó-
rio ou em casa, mas também tem sua réplica no ecossistema digital?
Muito simples: temos que ter claro que não só os nossos pró-
ximos vão ter uma opinião sobre nós, mas que também há um pú-
blico (difuso e indistinto, escondido na rede) que também terá cer-
tas informações para formar uma opinião a respeito. Para o bem
e para o mal.

SOFT SKILLS 09
Comunicação no dia a dia
A comunicação na área de
pessoas tem o desafio de eviden-
ciar e valorizar o importante papel
que este departamento desem-
penha em qualquer contexto, não
só na contratação dos(as) melho-
res profissionais mas também no
processo de formação, adaptação
ao negócio, integração na cultura
corporativa, prevenção de riscos
ocupacionais, etc.

Às vezes, quem trabalha na organização se queixa que nem


sempre estão devidamente informados de todas as possibilidades e
oportunidades que suas empresas lhes oferecem, por isso devemos
fazer um esforço para resolver este problema, algo que podem al-
cançar simplesmente anunciando de forma adequada (por exemplo,
através da comunicação interna) todas as notícias que são produzi-
das em todos os momentos.

SOFT SKILLS 10
Pedir aos profissionais de
uma empresa que demonstrem
envolvimento e comprometi-
mento com ela em um determi-
nado momento (por exemplo,
em uma situação difícil ou deli-
cada) pode ser simples. Mas con-
seguir manter o mesmo grau de
compromisso de longo prazo
já é uma questão muito mais difícil
e complicada.

Pois bem, um dos objetivos finais da comunicação


em gestão de pessoas deve ser aumentar o engajamento, ou
seja, aumentar o envolvimento dos profissionais no negócio.
Mas como conquistar isso? Tornando essas pessoas participan-
tes da operação e evolução da empresa.
Outro aspecto relevante é a questão da comunicação dentro
da cultura corporativa.
Não faz falta mencionar que as pessoas que trabalham na sua
organização são seus principais apoiadores. Se esses profissionais se
posicionarem em relação ao quanto eles tem uma boa experiência
profissional dentro da empresa, melhor será a imagem organizacio-

SOFT SKILLS 11
nal dela para o mercado. O inverso também é verdadeiro.
Por isso, outro objetivo da comunicação, dentro da perspectiva da
gestão de pessoas, deve ser o de valorizar a cultura corporativa de todos
os colaboradores, criando e veiculando mensagens uniformes e coe-
rentes, alinhadas com a estratégia e os princípios da organização.
As organizações já deixaram no passado o papel de apenas reunir
as pessoas para buscar lucro de uma atividade. Esses(as) profissionais
estão envolvidos no trabalho em equipe com foco no atingimento dos
objetivos do negócio.
A peça fundamental que faz essa engrenagem se manter é base-
ada na oratória, na capacidade de se comunicar verbalmente. É ela que
irá garantir que cada profissional envolvido nas diferentes operações da
empresa possa se sentir pertencente a ela. Isso irá se refletir no aumen-
to de desempenho e, inovação constante, uma vez que as pessoas tra-
balharão forma conjunta e alinhada aos objetivos da empresa.

SOFT SKILLS 12
Dicas para manter uma boa oratória
• Conquiste atenção desde o começo da sua fala: Assim os espectadores
acompanham o seu raciocínio, o que contribui no correto recebimento
da mensagem.

• Tom de voz e entonação correta: Esses atributos podem manter a


atenção das pessoas por mais tempo.

• Poder de síntese: Lembre-se que menos é mais. Manter um discurso


mais objetivo facilita a compreensão da mensagem.

• Tenha um plano B: Pense em uma possível solução para cada im-


previsto, de modo a aumentar a sua segurança.

• Clareza sobre suas ideias: Isso não significa que você decore a agen-
da, mas tenha intimidade com o conteúdo a ser compartilhado.

Lembre-se que quem é capaz de se comunicar de forma bem articulada


e sensata, defenderá melhor seus pensamentos, produtos ou serviços,
e influenciará positivamente seu ambiente. Por isso, é sempre conve-
niente preparar-se para qualquer intervenção pública, pois o conheci-
mento proporciona segurança.

Sugestões de cursos:

Oratória parte 1: Compartilhe ideias e histórias

Oratória parte 2: Apresentações em público

SOFT SKILLS 13
Comunicação não-violenta

Você já tentou fazer uma proposta em sua equipe e os mem-


bros aceitaram mal? Ou já tentou falar com sua equipe para resolver
um problema e tudo o que fez foi piorá-lo?
Certamente, como já aconteceu com muitas pessoas, você pen-
sou que os outros não te entendiam, que eles não aceitam críticas e
se sente frustrada(o) porque o que a priori parecia uma boa ideia se
tornou uma fonte de conflito.

Esse sentimento foi vivenciado por diferentes pessoas. E, na


maioria dos casos, descobrimos que o problema não está na ideia em
si, mas na forma como ela é comunicada.
A solução? Usar a “Comunicação Não Violenta” (CNV), que se trata
de um esquema de comunicação criado pelo Dr. Marshall Rosenberg

SOFT SKILLS 14
que te ajudará a expor suas ideias, críticas, conselhos e pedidos de
forma que a outra pessoa te acolha e mantenha um ambiente de
diálogo construtivo.

O que é comunicação não-violenta?


A comunicação não-violenta (CNV) é uma ferramenta poderosa
que serve para expor uma mensagem de tal forma que o desti-
natário não se sinta agredido, mas compreenda o ponto de vista
de quem a expõe para estabelecer um diálogo construtivo e se con-
centrar em encontrar soluções para os problemas expostos.
Este esquema de comunicação foi idealizado pelo educador, me-
diador e psicólogo americano Marshall Rosenberg. Em outras palavras,
a CNV, é um método que busca filtrar as emoções que geralmente
são prejudiciais para a compreensão e fortalecer a coerência de nos-
sas crenças e valores.

SOFT SKILLS 15
A CNV também é conhecida como comunicação compassiva ou
colaborativa, pois visa promover relacionamentos humanos mais sau-
dáveis.
Enquadrada na consciência e na inteligência emocional, essa co-
municação empática pode ser o pilar fundamental para compartilhar
nossas necessidades com os outros. Longe de fomentar o conflito,
pretende-se criar maior compreensão entre as pessoas por meio da
autoconsciência.
Ao contrário da comunicação agressiva, cheia de preconceitos,
reações e que nos afasta de outras pessoas, a Comunicação Não-
-violenta visa incutir compreensão, consideração e cuidado com o
outro. Isso requer técnicas de aprendizagem que desenvolvam a
escuta ativa e a empatia.
Ao internalizar esses elementos de comunicação, você enten-
de como pode ser sincera(o) sem a necessidade de magoar ou im-
por, buscando a abordagem antes do distanciamento.

SOFT SKILLS 16
Por que é fundamental promover a Comunicação Não-violen-
ta no ambiente de trabalho?
A comunicação eficaz pode ser difícil, especialmente no local
de trabalho. Isso ocorre porque os funcionários tendem a se ex-
pressar de forma agressiva (muitas vezes impulsionados pelo es-
tresse), o que leva a muitos mal-entendidos, suposições e falta de
clareza na mensagem.
A comunicação sem violência visa substituir as situações em
que a autoridade, a imposição, a humilhação e a rejeição prevale-
cem no tratamento pessoal. Com o objetivo de gerar maior proxi-
midade, enriquecimento e compreensão, o esquema de comuni-
cação proposto pelo Dr. Marshall Rosengber apresenta diversas
vantagens para qualquer organização:

SOFT SKILLS 17
Promove empatia
A liderança empática permite que gerentes
e profissionais entendam melhor como se colo-
car no lugar dos outros. A melhor forma de criar
um ambiente harmonioso dentro da empresa
é controlar o que dizemos com e sem palavras.
Isso nos impede de fazer julgamentos precipitados, fazer
generalizações não construtivas e colocar as pessoas na defensiva.
Líderes que sabem usar a comunicação não violenta têm
mais chance de estabelecer uma visão clara e alcançar resultados
favoráveis.
A comunicação empática busca que os interlocutores tenham
uma relação sincera, aberta e livre de preconceitos. Isso se traduz
em respeito pelos valores dos outros e eventual desenvolvimento
pessoal.

Construa relacionamentos mais satisfatórios


Os elementos de comunicação da CNV estão focados em deixar de
lado a agressividade para que você possa se concentrar em se expressar
de forma mais precisa e concisa. Dentro de seus vários propósitos, aju-
da a evitar críticas destrutivas em favor da compreensão do outro. Des-
sa forma, há mais espaço para desenvolver e cultivar relacionamentos
no local de trabalho.
A formulação eficaz do que você diz dá a oportunidade para

SOFT SKILLS 18
que outras pessoas o entendam e compartilhem o que você sente.
De acordo com o livro de comunicação não violenta de Rosenberg,
é de vital importância envolver a outra pessoa na expectativa
compartilhada de que o fracasso pode ser alcançado. Isso leva
ao entendimento ao invés do conflito.

Leva à assertividade

De acordo com muitos es-


Pessoas assertivas são ca-
pecialistas, como Daniel Gole-
racterizadas por aceitar sem
man, a assertividade pode ser
questionar as possíveis falhas ou
vista como o estado de equilíbrio
incongruências das pessoas ao
entre a passividade e a agressi-
seu redor. Isso significa que eles
vidade. É uma habilidade que o
não se comportam com indiferen-
ajuda a expressar suas opiniões
ça, mas também não os criticam
e estabelecer limites, respeitan-
ou os negligenciam.
do os outros. Essa qualidade
permite que você nutra seus re-
lacionamentos pessoais dentro
e fora do escritório.

SOFT SKILLS 19
Na verdade, eles se esforçam mais para ouvi-las, entendê-las
e aceitá-las. Por esses motivos, a assertividade é essencial para a
comunicação sem violência e ambas as habilidades são nutridas de
forma bidirecional.

Ajuda a resolver conflitos


Sabemos que os ambientes de trabalho
podem ser desafiadores devido a choques
de personalidade e situações estressantes.
Nestes casos, a chave para um bom CNV é
falar de sua própria perspectiva. Visto que se trata da sua mensa-
gem, é mais difícil para os outros discordarem de você. Para evitar
mal-entendidos ou suposições, use expressões como: eu acredito,
eu penso, eu sinto ...
Em vez de se concentrar em criticar ou acusar, comece sua men-
sagem a partir do que você sente. Ao contribuir com sua versão das
coisas sem envolver outras pessoas, você reduz a negatividade e a
possibilidade de conflito. Assim, você pode se expressar com mais li-
berdade, sem que os outros se ofendam, e pode resolver as situações
de uma forma mais amigável.

SOFT SKILLS 20
Aumente a honestidade
Uma parte importante do desenvolvimento de habilidades so-
ciais envolve aprender a ser honesto consigo mesmo e com os outros.
Em uma organização, a honestidade é essencial, pois pode significar
a diferença entre um projeto bem executado e descobrir “no final do
dia” que todo o trabalho realizado foi em vão.
Isso acontece mais do que pensamos, porque muitas pessoas
têm medo do conflito ou de expressar sua opinião quando sabem
que algo está errado.
Com isso em mente, a verdadeira comunicação não violenta exi-
ge que você elimine formas de expressão destrutivas e especulativas.
Desta forma, os seus conselhos e sugestões serão acolhidos de forma
positiva e não implicarão um conflito dentro da equipe, mas sim uma
oportunidade de melhoria.

SOFT SKILLS 21
Ao aplicar os 4 elementos da comunicação não agressiva, a ob-
servação determina o contexto, seus sentimentos fornecem conexão,
suas necessidades identificam o que é importante e sua solicitação
esclarece o que você espera. Ao incorporar essa sequência sistemá-
tica em suas relações de trabalho, não é necessário recorrer ao julga-
mento moral que causa grande parte de nossa agressividade.
Mas por que é importante lidar com o conflito?
Quando ignoramos nossas próprias necessidades, as dos outros
e temos comunicação agressiva, os problemas serão nosso pão de
cada dia. Isso acontece porque não estamos sendo assertivos ao nos
expressarmos, e é mais provável que nossas palavras estejam aber-
tas a interpretações errôneas ou confusões compreensíveis.
Se esse cenário lhe parecer familiar, seus relacionamentos pes-
soais e profissionais podem não ser os mais produtivos e satisfató-
rios.
Para conhecer os quatro pilares da Comunicação Não-violenta, co-
nheça os nossos cursos:

Sugestões de cursos:

Comunicação não violenta: Consciência para agir

Comunicação não violenta parte 2: Mantendo a empatia

SOFT SKILLS 22
Feedback
Como você descobre se está fazendo um bom trabalho?
Quando recebe um feedback, certo?
Certo.
E com os profissionais da sua empresa não é diferente.
O que nos faz pensar que o feedback é a chave para promo-
ver uma melhor comunicação e desempenho em qualquer equipe
de trabalho.
Agora gostaria de definir em poucas palavras o que é feedback.
Nada mais é do que o ato de oferecer informações sobre os resul-
tados de uma atividade, expectativas de colaboradores e dirigentes
de um determinado espaço.
Um feedback pode incluir dicas, comentários e avaliações.
Seu objetivo principal é avaliar o desenvolvimento de um processo
pessoal ou grupal.

SOFT SKILLS 23
Partindo desse princípio, é inevitável nos perguntarmos: Qual a
importância de termos essas instâncias dentro das equipes de traba-
lho e no nível organizacional?
A cultura do feedback contínuo ajuda a canalizar corretamente
as expectativas dos líderes, colaboradores e da empresa como tal. Da
mesma forma, também serve para detectar problemas precocemen-
te. Isso nos permite corrigir atitudes ou procedimentos nos momentos

Por que dar feedback?

• Comunicação constante e fluída entre líderes e equipes.

• Evita o acúmulo de não conformidades e ajuda a trabalhar nos pon-


tos de insatisfação.

• Alinha a organização ao discutir objetivos e metas.

• Fortalece a motivação da equipe ou colaboradores(as) ao reconhe-


cer o bom desempenho de seus membros.

• Forma interações mais envolventes, mantendo o foco nas principais


metas que são definidas como uma equipe.

SOFT SKILLS 24
adequados, sem esperar que essas situações acabem gerando maiores
transtornos na organização ou entre os colaboradores.
Para alcançarmos e construirmos essa cultura de feedback contí-
nuo, devemos ter a plena convicção da liderança de cada área ou equi-
pe. Líderes serão basicamente responsáveis por promover essa prática.
Mas como podemos promover essa prática?
Existem 5 estratégias que podemos aplicar para criar uma cul-
tura de feedback positivo em nossas equipes de trabalho, são elas:

Frequência
Não há um momento específico para fazê-los. No entanto, tam-
bém não é aconselhável esperar até o final do ano para dar conselhos
construtivos e / ou reforço positivo.
Esses momentos propiciam um ambiente mais inclusivo e so-
lidário, onde as equipes se sentem mais valorizadas a partir de sua
individualidade e como parte de um núcleo. Isso os torna capazes
de manter e / ou aprimorar seus pontos fortes e melhorar as áreas
de fraqueza.

SOFT SKILLS 25
Entrega
A forma como fornecemos feedback é de grande importância. Uma
conversa cara a cara sempre será muito mais valorizada pelos colabora-
dores de qualquer instituição. Fazê-lo por e-mail ou talvez por telefone
deve ser considerado apenas como última opção e apenas se justifica-
do pela distância ou tempo.

Trabalho remoto
O trabalho remoto faz
parte da realidade de muitas
organizações, pensando nisso,
é importante garantir que seus
profissionais estejam alinhados
com as melhores práticas para

garantir um bom nível de produtividade e qualidade no trabalho, ou seja,


é importante que essas pessoas sejam capazes de se concentrarem,
apesar das distrações, que podem acontecer ainda que as pessoas ten-
tam diminuí-las ao máximo, e quanto mais maduro e bem planejado for
o sistema de administração de atividades de cada profissional, melhor
pode ser a sua produtividade.

SOFT SKILLS 26
Reconhecimento
Reconhecer quando sua
equipe faz um bom trabalho ou
faz mudanças é uma parte im-
portante de um bom feedback.
Mudanças e melhorias no desem-
penho devem ser observadas e
avaliadas. Faça com que a pessoa
saiba que você percebeu, porque
isso faz parte de um esforço para
fazer melhor o trabalho.
Por outro lado, para profissionais bem avaliados, certifique-se
de dar-lhes um reforço positivo com base em seu trabalho bem exe-
cutado. Isso é essencial para ajudá-los(as) a permanecer motivados e
em sintonia com o resto da equipe.

Feedback 360º
Costuma-se associar o feedback a uma avaliação que vem apenas
dos “líderes”, mas também existem outras formas que podem ser igual-
mente positivas. Para que tenham um impacto positivo na cultura de
nossa organização, devemos garantir que nossos funcionários e funcio-
nárias tenham a mesma dinâmica entre si e com seus/suas líderes.

SOFT SKILLS 27
A ideia de tudo isso é que existem canais e instâncias em que
nos sentimos livres para falar em qualquer direção.

Treinamento
É essencial gerar instâncias de crescimento que nos permitam
garantir que nossa equipe saiba dar feedback de forma adequada.
Com isso, cada colaborador(a) e líder se habituarão a momentos de
feedback constante. Por isso, é conveniente ter gerado apoio prévio
e treinar ambas as partes. Só então ele se tornará parte da cultura
organizacional.
Fazer esses treinamentos ajudará a definir novas expectativas,
além de promover e reforçar boas práticas. Abrimos uma possibilida-
de de crescimento e relacionamento, o que nos permite gerar uma
rede de contenção e apoio para tomarmos, juntos, decisões que vão
para uma mudança positiva.

SOFT SKILLS 28
Essas práticas nos ajudam a promover muito o diálogo aberto.
Portanto, são fundamentais para alinhar interesses, motivar a equi-
pe de trabalho, ter uma comunicação mais transparente e também,
atingir as expectativas que cada um tem dos outros.
Enfim, a comunicação faz parte do crescimento, e se um dos
objetivos é crescer juntos, a cultura do feedback contínuo é parte
fundamental para que isso aconteça.

Sugestão de curso:

Feedback: a arte de orientar e ser orientado com sentido

SOFT SKILLS 29
Conclusão

... um bom líder passa mais tempo em comunica-


ção do que em qualquer outra atividade.”
Jan Carlzon, presidente da Scandinavian Airlines

A importância de uma boa comunicação se aplica a todas as áre-


as da nossa vida, ou seja, uma boa comunicação nos ajuda a ter um
bom lar, uma família estável, um bom relacionamento com colegas e
não só isso, também nos ajuda a estabelecer bons relacionamentos
em nossa vida profissional.

Uma boa comunicação é necessária para manter a ordem e es-


tabelecer tarefas; Também nos ajuda a estabelecer um bom ambien-
te competitivo mais saudável, permite-nos adaptarmo-nos melhor às
mudanças e promover um bom ambiente de trabalho.

Lembre-se que a boa comunicação tem três aspectos que são:


escuta ativa, assertiva e pró-ativa. A importância de uma boa comuni-
cação é fazer a outra pessoa entender o que queremos dizer.

E no mundo dos negócios esta é a base de bons relacionamen-


tos, seja com os clientes, seja com a nossa equipe.

SOFT SKILLS 30
Sem uma boa comunicação, profissionais não reconhecerão o pro-
pósito do que se espera que chegue, nem terão um bom relacionamento
entre si.

Por outro lado, com uma boa comunicação, será estabelecida


uma competitividade saudável entre as pessoas que atuam na orga-
nização, e assim, permitirá o crescimento de profissionais e do negó-
cio. É um esforço conjunto, necessário para que haja um crescimento
poderoso e perceptível para o resto do mercado envolvido.

No ambiente profissional, uma pessoa interage com colegas, lí-


deres e clientes. Da mesma forma, recebe informações, dá ou recebe
instruções e se articula com as equipes de trabalho. Todas essas ta-
refas e relacionamentos envolvem comunicação, daí a importância de
melhorar cada vez mais esse aspecto.

Espero que este eBook traga muitas ideias de como fomentar as


melhores práticas para otimizar sua comunicação, bem como a das
pessoas que atuam na sua organização.

Um forte abraço,

Priscila Stuani

SOFT SKILLS 31

Você também pode gostar