Você está na página 1de 2

Questões de Sociologia – MOVIMENTOS SOCIAIS – Parte 1

1. (Enem-2016/2a Aplicação) O Movimento como o descrito no texto, tem como


Negro Unificado (MNU) distingue-se do objetivo contribuir para o processo de
Teatro Experimental do Negro (TEN) por
sua critica ao discurso nacional a) inovação institucional.
hegemônico. Isto e, enquanto o TEN b) organização partidária.
defende a plena integração simbólica dos c) renovação parlamentar.
negros na identidade nacional “hibrida”, o d) estatização da propriedade.
MNU condena qualquer tipo de e) democratização do sistema.
assimilação, fazendo do combate a
ideologia da democracia racial uma das 3. (Enem – 2015 – 2a aplicação) O
suas principais bandeiras de luta, visto que, reconhecimento da união homoafetiva
aos olhos desse movimento, a igualdade levou o debate a esfera publica, dividindo
formal assegurada pela lei entre negros e opiniões. Apesar da grande repercussão
brancos e a difusão do mito de que a gerada pela mídia, a população ainda não
sociedade brasileira não e racista teriam se faz suficientemente esclarecida,
servido para sustentar, ideologicamente, a confundindo o conceito de união estável
opressão racial. com casamento. Apesar de ter sido
COSTA, S. Dois Atlânticos: teoria social antirracismo, legitimado pelo Supremo Tribunal Federal
cosmopolitismo. Belo Horizonte: UFMG, 2006
(STF), o reconhecimento da união
(adaptado).
No texto, são comparadas duas homoafetiva é fruto do protagonismo dos
organizações do movimento negro movimentos sociais como um todo.
AREDES, N.; SOUZA, I.; FERREIRA, E. Disponível
brasileiro, criadas em diferentes contextos em: http://reporterpontocom.wordpress.com. Acesso
históricos: o TEN, em 1944, e o MNU, em em: 1o mar. 2012 (adaptado).
1978. Ao assumir uma postura divergente As decisões em favor das minorias,
da do TEN, o MNU pretendia tomadas pelo Poder Judiciário, foram
possíveis pela organização desses grupos.
a) pressionar o governo brasileiro a Ainda que não sejam assimiladas por toda
decretar a igualdade racial. a população, essas mudanças
b) denunciar a permanência do racismo
nas relações sociais. a) contribuem para a manutenção da
c) contestar a necessidade da igualdade ordem social.
entre negros e brancos. b) reconhecem a legitimidade desses
d) defender a assimilação do negro por pleitos.
meios não democráticos. c) dependem da iniciativa do Poder
e) divulgar a ideia da miscigenação como Legislativo Federal.
marca da nacionalidade. d) resultam na celebração de um consenso
político.
2. (Enem – 2016 – 3a aplicação) De e) excedem o principio da isonomia
alcance nacional, o Movimento dos jurídica.
Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST)
representa a incorporação a vida política de
parcela importante da população, 4. (Enem – 2015 – 2a aplicação) A razão
tradicionalmente excluída pela forca do principal que leva o capitalismo como
latifúndio. Milhares de trabalhadores rurais sistema a ser tão terrivelmente destrutivo
se organizaram e pressionaram o governo da biosfera e que, na maioria dos casos, os
em busca de terra para cultivar e de produtores que lucram com a destruição
financiamento de safras. Seus métodos – a não a registram como um custo de
invasão de terras publicas ou não produção, mas sim, precisamente ao
cultivadas – tangenciam a ilegalidade, mas, contrario, como uma redução no custo. Por
tendo em vista a opressão secular de que exemplo, se um produtor joga lixo em um
foram vitimas e a extrema lentidão dos rio, poluindo suas águas, esse produtor
governos em resolver o problema agrário, considera que está economizando o custo
podem ser considerados legítimos. de outros métodos mais seguros, porem
CARVALHO, J. M. Cidadania no Brasil: o longo mais caros de dispor do lixo.
carrinho/Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2006 WALLERSTEIN, I. Utopística ou as decisões
(adaptado). históricas do século vinte e um. Petrópolis: Vozes,
Argumenta-se que as reivindicações 2003.
apresentadas por movimentos sociais,

2
A pressão dos movimentos
socioambientais, na tentativa de reverter a
lógica descrita no texto, aponta para a

a) emergência de um sistema econômico


global que secundariza os lucros.
b) redução dos custos de tratamento de
resíduos pela isenção fiscal das empresas.
c) flexibilização do trabalho como estratégia
positiva de corte de custos empresariais.
d) incorporação de um sistema normativo
ambiental no processo de produção
industrial.
e) minimização do papel do Estado em
detrimento das organizações não
governamentais.

5. (Enem – 2014 – 2a aplicação) O próprio


movimento operário não pode ser reduzido
a um conflito de interesses econômicos ou
a uma reação contra a proletarização. Ele e
animado por uma imagem de "civilização"
industrial, pela ideia de um progresso das
forcas de produção utilizado para o bem de
todos. O que e bem diferente da utopia
igualitarista simples, pouco preocupada
com as condições de crescimento.
TOURAINE, A. Os movimentos sociais. In:
FORRACHI, M. M.; MARTINS, J. S. (Org.). Sociologia
e sociedade. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e
Científicos, 1997.
Considerando a caracterização
apresentada pelo texto, a busca pela
igualdade pressupõe o(a)

a) estimulo da luta política.


b) adoção da ideologia marxista.
c) coletivização dos meios de produção.
d) aprofundamento dos conflitos sociais.
e) intensificação do crescimento
econômico.

GABARITO
1-B
2-E
3-B
4-D
5-E