Você está na página 1de 4

A Transição Planetária

Pelas informações que recebemos dos nossos amigos extraterrestres, a Terra encaminha-se
para a sutilização. Atualmente o planeta se encontra na 3ª biodimensão mas está prestes a
passar para a 4ª biodimensão, outro universo paralelo mais sutil que este. Essa passagem já
se iniciou, e deverá atingir seu ápice quando o setor do nosso Sistema Solar junto à Via
Láctea passar definitivamente por um portal universal dimensional, que os estudiosos
chamam de Cinturão de Fótons. Conforme as afirmações da autora Christiana Bastos Tigre,
também conhecida como Ma Jivan Bhumi, os astrônomos Freidrich Wilhelm Bessel, Paul
Otto Hesse, José Comas Solá e Edmund Halley, concluíram que o nosso Sistema Solar gira
em torno da estrela central da constelação das Plêiades, chamada Alcione. Nosso Sol é a
oitava estrela da constelação (localizada a aproximadamente 28 graus de Touro) e leva 26
mil anos para completar uma órbita ao redor de Alcione. Em 1961 descobriu-se, com a ajuda
de satélites, que Alcione tem ao seu redor um gigantesco anel, ou disco de radiação, em
posição transversal ao plano das órbitas de seus sistemas (inclusive o nosso). Este anel é o
que chamamos Cinturão de Fótons.
O Sistema Solar vem penetrando neste Cinturão de Fótons desde 1972. A Terra,
especificamente, começou a penetrá-lo em 1987 e está avançando gradativamente e até que
em 2012 estará totalmente imersa em sua luz. Quando o planeta Terra penetrar
definitivamente por esse portal dimensional, todos os átomos e moléculas do planeta
passarão por uma transformação sob a influência da energia fotônica, precisando adaptar-se
a novos parâmetros vibracionais. Isto é o que chamamos de transição planetária. Bárbara
Marciniak, autora da obra "Mensageiros do Amanhecer", e a astróloga Bárbara Hand Clow,
autora de "The Peidian Agenda" receberam várias canalizações de seres pleiadianos que
falam sobre as transformações que estão ocorrendo em nosso planeta e na preparação a
que precisamos submeter-nos nessa mudança dimensional.
Tudo que existe na superfície da 3ª biodimensão passará para a superfície da 4ª
biodimensão. Isto vem ocorrendo desde a década de 80, quando a Terra começou a
ingressar no Cinturão de Fótons. As conexões interdimensionais ocorrem por ressonância, e
para sobrevivermos à radiação fotônica, temos que nos afinar ao novo campo vibratório.
Para suportar as vibrações da passagem dimensional, é preciso sutilizarmos nossos corpos,
que nos desanimalizemos, que nos purifiquemos dos instintos animais que nos prendem às
vibrações da 3ª biodimensão. Para tanto, é preciso que façamos uma limpeza e
requalificação dos corpos físico, emocional, mental e espiritual. Quando a passagem
dimensional se completar, a maioria dos habitantes da Terra não estará em condições de
suportar as novas vibrações. Os espíritos sombrios, trevosos, que sentem prazer no mal, no
egoísmo, no destrutivismo, não suportarão as vibrações mais sutis da 4ª biodimensão. Essas
vibrações são tão elevadas que produziriam choques eletromagnéticos no corpo físico
dessas pessoas negativas, o que seria como se elas tocassem em fios de alta tensão, coisa
que provocaria sua morte instantânea.
Se essas pessoas negativas ficassem aqui para a transição dimensional, até mesmo seus
corpos astrais mais densos seriam desintegrados. As dimensões de ressonância do nosso
mundo físico em relação ou plano astral serão totalmente modificadas. Por isso, entidades
extraterrestres estão atuando intensamente para retirar essas pessoas da Terra e levá-las
para outros planetas da 3ª biodimensão. Segundo consta, a retirada das pessoas negativas
não será no corpo físico, elas serão retiradas em corpo astral. Não faz parte dos planos
superiores levá-las para outros planetas com o corpo físico, antes é necessário que elas
deixem o corpo físico através do que chamamos de "morte". Essas mortes devem ocorrer, e
já estão ocorrendo, provocadas pelo próprio desequilíbrio coletivo, através de enfermidades
causadas pelos desajustes corporais, como os vários tipos de câncer, infartos, derrames,
AIDS, etc., pelos distúrbios mentais, distúrbios emocionais e pela maneira viciosa de viver
dos seres humanos terrestres. As pessoas estão e vão continuar provocando sua própria
morte por livre-arbítrio.
Existem alguns seres que não querem, de forma alguma. ser retirados daqui. Estes seres
estão formando verdadeiras legiões de bilhões de seres negativos, constituindo imensos
exércitos de rebelião, com o objetivo de permanecer na Terra. Ocorre que, feliz ou
infelizmente, se isso acontecesse elas não pereceriam apenas no plano físico, seus corpos
astrais também seriam desintegrados e nessas condições eles não teriam como encarnar
mesmo depois de milhões e milhões de anos. O processo de recomposição dos corpos
astrais é extremamente demorado, especialmente tendo sido destruídos de forma voluntária,
já que isso significaria uma espécie de suicídio astral que não é permitido pelas Leis
Superiores. Para executar as determinações destas Leis Superiores, há seres que atuam
sobre os raios da Justiça, do Poder e do Amor. Eles assumiram o trabalho de fazer a retirada
compulsória dos espíritos trevosos do planeta Terra e de fazer a reciclagem da população
com espíritos de nível superior, vindos de mundos mais evoluídos. Esses seres fazem parte
do Comando Ashtar.
Eis alguns dos efeitos previstos na transição planetária:
A energia do Cinturão de Fótons penetrará no interior de toda a matéria existente da 3ª
dimensão, produzindo a inversão das polaridades das moléculas e a aceleração da
intimidade atômica.
O choque da energia do Cinturão de Fótons com as vibrações mentais das pessoas poderá
causar mal estar e doenças nos indivíduos despreparados e de baixo nível vibracional,
decorrente de sentimentos negativos como ódio, raiva, inveja, despeito, vingança, cobiça,
crueldade, injustiça, em fim, todos os sentimentos animalizados.
A radiação do Cinturão de Fótons afetará física e psicologicamente o ser humano, resultando
em mudanças de comportamento, na cultura e na economia.
As partículas subatômicas serão aceleradas a tal ponto que a matéria entrará para a 4ª
biodimensão. Os corpos ficarão menos densos (serão sutilizados) e ficarão mais leves, com
a gravidade terrestre reduzida.
Também está prevista a aproximação de um grande astro que influenciará no clima e no
magnetismo da Terra, provocando a subida do nível do mar e a inundação das partes baixas
de vários países, coisa que terá graves conseqüências na economia e nas relações
internacionais.
Finalmente, o eixo da Terra voltará a ser vertical, provocando catástrofes como terremotos,
erupções vulcânicas, inundações e maremotos.
Além da passagem pelo portal dimensional, fomos informados também de que há um planeta
que está se aproximando rapidamente do nosso Sistema Solar, dotado de um campo
magnético extremamente poderoso, que está influindo no campo magnético e gravitacional
da Terra. Isso está fazendo com que verdadeiras falanges de seres negativos estejam
surgindo em massa na superfície do planeta. Esse astro intruso, dotado de outro campo
gravitacional, está puxando como um ímã esses seres negativos do plano astral, e trazendo-
os para a superfície. Tais seres estão tentando (e em grande parte conseguindo) montar
impérios na quarta dimensão astral, e a hierarquia superior está permitindo que isso ocorra,
por motivos cármicos nestes tempos de transição. Isto significa que cada pessoa que
descuidar de suas emoções, de seus sentimentos, pensamentos e ações, irá deparar-se com
uma falange de milhares de entidades inferiores, que tentarão de todas as formas vampirizar
e manipular a pessoa. Especialmente se a pessoa diminui, de algum modo, seu grau de
consciência, seja através da bebida, uso de drogas ou manutenção de sentimentos
negativos, ela corre o sério risco de submeter-se a essas entidades que buscarão fazer com
que faça coisas que em seu estado lúcido, plenamente consciente, não faria.
É preciso ficar claro que só é escravizado aquele dá ensejo à atuação dos tiranos da
liberdade. Portanto, que isto sirva como um alerta. A cada dia que passa as entidades
inferiores estão subindo à superfície do planeta, e é preciso redobrarmos nossa atenção no
que pensamos, no que sentimos, no que fazemos, no que falamos, em fim, em toda a nossa
manifestação. É preciso eliminarmos ou minimizarmos a energia negativa que existe dentro
de nós e, para tanto, é preciso muito trabalho. É preciso, antes de tudo, querer firmemente, é
preciso vontade para tanto. Sem isso não conseguiremos nada, esta é a responsabilidade
que cabe a cada um de nós.
Para vencermos as dificuldades deste mundo, é preciso eliminarmos a origem das
dificuldades de nós mesmos. Se não nos trabalharmos, se não nos transformarmos, não
suportaremos as ondas vibracionais mais sutis da nova Terra que está para surgir. Por isso é
tão necessário que comecemos imediatamente a fazer uma revisão de nossas emoções,
sentimentos, pensamentos e ações, procurando modificar positivamente nosso
comportamento, buscando viver em harmonia como nossos semelhantes e com o meio
ambiente. Nos dias que já se iniciaram e que nos esperam, precisaremos de muita energia
interior para permanecermos firmes e equilibrados em todos os setores da vida. Precisamos
aprender muito sobre as Leis da Vida, especialmente sobre as Leis de Ação e Reação,
porque somente através da compreensão dessas Leis, e a confiança nelas, teremos a
tranqüilidade necessária nesta época turbulenta que atravessamos. Estamos numa fase
decisiva e de muita definição. Muitas vezes, não compreendemos o porquê de tanta
violência, tanta dor, tanta doença, tanta desigualdade social e cultural, coisas que tanto nos
têm nos feito sofrer. Em função da iminente transição planetária, o ambiente terrestre, deverá
tornar-se cada vez mais hostil e agressivo, aparentemente injusto e desumano, e precisamos
aprender fortificar-nos para enfrentarmos a vida em todos os setores, seja em nossa vida
familiar, no meio externo desde os vizinhos até o trabalho, na escola, no governo e na
sociedade como um todo.
Após a grande transição planetária, surgirá na Terra uma nova civilização, purificada dos
vícios emocionais, mentais e físicos. Como já disse, nem todos os que vivem hoje no planeta
poderão permanecer aqui após a transição, pois os antigos vícios não serão mais tolerados
pelas novas vibrações da Terra. As pessoas que não se educarem e não se transformarem
para suportar equilibrada e harmoniosamente o processo de sutilização vibracional, serão
levadas para outros planetas da 3ª biodimensão. Nesses mundos essas pessoas
encontrarão um ambiente semelhante ao que a Terra tinha no princípio, onde terão a
oportunidade de continuarem seu desenvolvimento espiritual. Precisamos saber que a Vida
não termina quando a vestimenta de carne morre. Esta roupagem de carne passa por
diversos processos de transformação e nesses processos, quando provocados por vibrações
mais sutis, mais elevadas, chega a atingir uma vibração tamanha que é como se o ser
estivesse na 4ª biodimensão, desenvolvendo uma série de capacidades que chamamos
atualmente de "paranormais", como a clarividência, clariaudiência, capacidade de ver à
distância, de ver o passado, de ver o futuro, de ver outras dimensões, efetuar projeções
astrais que é a capacidade de sairmos do corpo e voltarmos lembrando-nos de tudo o que
fizemos fora dele, capacidade de lembrar-nos de outras vidas, auto-regressão a vidas
passadas, etc.
Cada pessoa precisa evoluir no seu próprio ritmo com suas próprias forças. É preciso
evitarmos entregar nossas vidas na mão de outras pessoas, que muitas vezes se auto-
denominam de messias, mestres e contatados. Cada um de nós, por seu próprio esforço e
dedicação, precisa despertar a consciência para sua verdadeira identidade, e assim saber
qual é seu verdadeiro papel diante da vida. Todo aquele que deseja viver com maior
tranqüilidade deve procurar tornar-se consciente através do estudo e da vivência das Leis
Superiores, sem restringir-se a nenhum conceito religioso pré-determinado, mas sim fazendo
uma rigorosa seleção do material apresentado pelas diferentes religiões. Através de um
processo de auto-aprimoramento podemos transformar até mais de 60% da nossa genética
hereditária. Nessa transformação começamos a sentir nossas próprias vibrações espirituais e
identificar nossa verdadeira natureza. O amadurecimento pessoal ocorre em conseqüência
de uma constante vigilância e atenção aos motivos pelos quais as coisas acontecem
conosco. Através disso, podemos reformular nosso modo de sentir, de pensar e de agir,
mesmo que seja preciso atuar de maneira diferente daquilo que a cultura, a escola, a família
e o meio ambiente nos impõe. Assim, podemos manifestar padrões de comportamentos bem
distintos daqueles que a maioria manifesta.
Muitas pessoas, embora não tenham uma clara consciência disso, são provenientes de
outros planetas e planos evolutivos, e estão encarnando na Terra para contribuir com a
elevação vibracional da humanidade. Estas pessoas apresentam uma série de
características emocionais e mentais diferentes da maioria dos seres humanos terrenos, em
geral sentem-se como se não pertencessem a este mundo e seus padrões de
comportamento geralmente seguem um conjunto de procedimentos específicos.
Vejamos algumas das características dessas entidades:
A pessoa não se contenta em viver simplesmente em busca de objetivos efêmeros.
Para ela, não basta apenas ter um trabalho estável, uma condição material satisfatória e o
lado afetivo preenchido.
Para ela o ser humano é muito mais do que isso, é um ser que precisa sentir intensamente
cada vez mais sua vida e a vida daqueles que o cercam.
Ela não é uma pessoa isolada, preocupa-se muito com a felicidade dos outros.
É como se quisesse participar de uma felicidade coletiva, de uma harmonia entre as
pessoas.
Muitas vezes ela se choca ao perceber a maldade humana e ver o quanto poderíamos ser
felizes mas, devido ao egoísmo, à agressividade, a mágoas, a vaidades e orgulhos, não
somos.
Ela sente que não pertence a este mundo, que não se enquadra nas leis deste mundo. É
como se ela lembrasse, mas ao mesmo tempo não conseguisse visualizar, suas recordações
de um lugar muito diferente deste.
Ela estranha a maneira com que as pessoas vivem aqui.
Muitas vezes ela gosta de ficar sozinha, pensando, tentando adaptar-se a este mundo,
tentando compreender porque as pessoas vivem dessa maneira, e passam algum tempo
assim.
A pessoa pode passar anos com esses sentimentos, até o despertar da lucidez com a
descoberta de quem ela é de fato, de onde ela veio e para quê. Muitas vezes trata-se de
seres originários de planetas muito mais avançados que a Terra. Essas pessoas estão
nascendo nos mais diversos locais em variadas situações socioculturais. Elas podem nascer
nas mais diversas funções de acordo com sua missão neste mundo. Juizes, promotores,
escritores, artistas, esportistas, professores, médicos, empresários, políticos, funcionários
das mais diversas empresas, donas de casas, estudantes... As mais diversas pessoas estão
vindo de outros planetas para auxiliar nas mudanças necessárias na civilização terrena.
Essas pessoas em geral demonstram um comportamento mais evoluído, não costumam
corromper-se com a perversidade, com lucros fáceis, com perversões do caráter, da moral e
da ética. Essas pessoas têm a missão de servirem como um sustentáculo para que a
humanidade da Terra não se auto-destrua antes da grande transição planetária.

Chico Salvador

Você também pode gostar