Você está na página 1de 3

UFPI - Universidade Federal do Piauí

Curso de Engenharia Mecânica


CEE0063 - Eletricidade II
Prof. Me Francisco Carlos Moreira Abreu
Alunos (a):_________________________________________
_________________________________________

Lista de Exercícios
1.9 - A Figura P1-6 mostra um fio que conduz 2,0 A na presença de um campo magnético.
Calcule o valor e o sentido da força induzida no fio.

1.10 - A Figura P1-7 mostra um fio que se move na presença de um campo magnético.
Com a informação dada na figura, determine o valor e o sentido da tensão induzida no
fio.
1.11 Repita o Problema 1-10 para o condutor da Figura P1-8.

1.21 A máquina linear mostrada na Figura P1-15 tem uma densidade de fluxo magnético
de 0,5 T para dentro da página, uma resistência de 0,25 Ω, um comprimento de barra de
l = 1,0 m e uma tensão de bateria de 100 V.
(a) Qual é a força inicial na barra durante a partida? Qual é o fluxo de corrente inicial?
(b) Qual é a velocidade de regime permanente sem carga da barra?
(c) Se a barra for carregada com uma força de 25 N em oposição ao sentido do movimento,
qual é a nova velocidade de regime permanente? Qual é a eficiência da máquina nessas
circunstâncias?
1.22 - Uma máquina linear tem as seguintes características:

(a) Se uma carga de 20 N por aplicada a essa barra, opondo-se ao sentido do movimento,
qual será a velocidade de regime permanente da barra?
(b) Se a barra deslocar-se até uma região onde a densidade de fluxo cai para 0,45 T, que
acontecerá com a barra? Qual será a velocidade final de regime permanente?
(c) Agora suponha que VB seja diminuída para 100 V com tudo mais permanecendo como
na parte (b). Qual é a nova velocidade de regime permanente da barra?
(d) Dos resultados das partes (b) e (c), quais são dois métodos de controlar a velocidade
de uma máquina linear (ou um motor CC real)?

Os Problemas 8-1 a 8-12 referem-se ao seguinte motor CC:

Nos Problemas 8-1 a 8-7, assuma que o motor pode ser ligado em derivação. O circuito equivalente do motor em
derivação está mostrado na Figura P8-2.

8.1 Se o resistor Raj for ajustado para 175 Ω, qual será a velocidade de rotação do motor
a vazio?
8.2 Assumindo que não há reação de armadura, qual é a velocidade do motor a plena
carga? Qual é a regulação de velocidade do motor?
8.3 Se o motor estiver operando a plena carga e se sua resistência variável Raj for
aumentada
para 250 Ω, qual será a nova velocidade do motor? Compare a velocidade de plena carga
do motor, para Raj = 175 Ω, com a velocidade de plena carga para Raj =250Ω_ . (Assuma
que não há reação de armadura, como no problema anterior.)