Você está na página 1de 2

A Contabilidade é uma ciência essencialmente utilitária, no sentido de que

responde, por mecanismos próprios, a estímulos dos vários setores da


economia, dentre estes também está o governo. Portanto, entender a
evolução das sociedades, em seus aspectos econômicos, dos usuários
da informação contábil, em suas necessidades informativas, é a melhor
forma de entender e definir os objetivos da Contabilidade.
IUDÍCIBUS, Sérgio de. Conhecimento. Teoria da Contabilidade. 5.ed. São Paulo: Atlas,
1997.
Considera-se que a finalidade principal do Estado é proporcionar bem-estar à
sociedade. Para que isso seja cumprido, são necessárias a realização de
atividades financeiras e a utilização de recursos públicos. Diante disso, para
desenvolver as ações e ter sucesso na conclusão de suas metas e seus
objetivos, os entes da federação devem ter seus recursos administrados,
controlados e coordenados, sem prescindir dos aspectos contábeis, fiscais,
tributários e orçamentários e sempre preservando o interesse predominante
quanto à respectiva matéria

Tratando-se de contabilidade pública, é importante conhecer todos os aspectos


relacionados a ela. Dentre estes, o principal normativo legal é a Lei n. 4.320/64.
Essa lei estabelece muitos dos procedimentos e funções que são exercidas
pela Contabilidade Pública. Entretanto, não basta conhecermos os princípios e
as técnicas contábeis profundamente, é necessário também termos a
compreensão das determinações contidas na legislação relativa à
Administração Pública.

A contabilidade deverá evidenciar, em seus registros, o

montante dos créditos orçamentários vigentes, a despesa

empenhada e a despesa realizada à conta dos mesmos

créditos e as dotações disponíveis (BRASIL, 1964, ar t. 90).

De acordo com Mota (2009), a Contabilidade Pública registra a previsão da


receita e a fixação da despesa estabelecidas no orçamento público aprovado
para o exercício, escritura a execução orçamentária, faz a comparação
entre a previsão e a realização das receitas e das despesas, revela as
variações patrimoniais, demonstra o valor do patrimônio e controla: as
operações de crédito, a dívida ativa, os créditos e as obrigações.
O objeto da Ciência Contábil, em seu sentido amplo, é o patrimônio constituído
por bens, direitos e obrigações vinculados a uma entidade (pessoa física ou
jurídica). Dentro dessa ótica, podemos definir o objeto da contabilidade
praticada por entidades privadas, como sendo o patrimônio privado, de
propriedade de cada empresa. Já na contabilidade pública, o patrimônio
público é um dos seus objetos, além dele, também podemos citar o orçamento
público. Assim entendido como a peça autorizativa para arrecadação de
recursos financeiros (receitas) e realização de gastos (despesas).

O orçamento aprov
acompanha a sua ex

Estuda, regitra Os atos administrati


fazendo públic
controla e demonstra

Patrimônio público
variações

Receita
fixação da despesa
orçamento público
exercício,
escrituração
execução orçamentária faz a comparação entre a previsão e a realização
das receitas e das despesas, revela as variações patrimoniais, demonstra o
valor do patrimônio e controla: as
operações de crédito
dívida ativa
os créditos
obrigações

Você também pode gostar