Você está na página 1de 3

Nome: Componente curricular: Língua Portuguesa

Turma: 10___ Moré: Matheus Avila

FIGURAS DE LINGUAGEM
2º SEMESTRE

Figura de inguagem é uma forma de expressão que consiste no emprego de palavras em sentido diferente
daquele em que convencionalmente são empregadas; daí advém a expressão sentido figurado, que consiste em
empregar uma palavra, uma expressão ou uma frase que remeta à utilização de uma figura de linguagem. Esses
recursos linguísticos são classificados em três tipos: figuras de fonética, de sintaxe e de semântica.

Exercício: Relacione as figuras listadas aos CONCEITOS e aos respectivos EXEMPLOS:


A. Metáfora F. Personificação ou Prosopopeia
B. Metonímia G. Aliteração
C. Hipérbole H. Onomatopeia
D. Eufemismo I.Antítese
E. Ironia J. Pleonasmo

Conceitos
(___) É a figura de linguagem que consiste na substituição de uma palavra por outra em razão de haver entre elas
uma relação de interdependência, de inclusão, de implicação.
(___) Consiste em atribuir a uma pessoa ou coisa uma qualidade que não lhe cabe logicamente. É, pois, uma
transferência de significado de um termo para o outro e se baseia em semelhanças que o emissor da mensagem
encontra entre os termos comparados. Portanto, é uma comparação de caráter subjetivo.
(___) Consiste no exagero proposital de seres, qualidades ou fatos, atribuindo-lhes proporções ou intensidade
fora do normal, quer no sentido positivo, quer no sentido negativo.
(___) Consiste em exprimir, intencionalmente, o contrário do que se pensa. Geralmente revela intenção
depreciativa ou sarcástica.
(___) É uma figura de pensamento que consiste em evitar expressões que são tabu.
(___) Consiste em dar características de seres animados a seres inanimados, ou ainda, de dar características
humanas a animais ou objetos.
(___) Consiste na repetição de fonemas para sugerir um som.
(___) É a figura pela qual se procura representar sons através de sinais gráficos que não são palavras. São conjuntos
de fonemas que se combinam para imitar sons ou ruídos.
(___) É o emprego de palavras ou expressões de significado semelhante, próximas uma da outra, para reforçar uma
ideia.
(___) É a figura pela qual se evidencia a oposição entre duas ou mais ideias.

EXEMPLOS
(___) Para dar brilho, use Bombril.

(___) Ela partiu desta para melhor.

(___) Ele viveu uma vida solitária e difícil.

(___) “Vai passar


Nessa avenida um samba popular
Cada paralelepípedo
Da velha cidade
Essa noite vai
Se arrepiar” (Chico Buarque)

(___) “Sua boca era um pássaro escarlate”


(Castro Alves)

(___) “Vozes veladas, veludosas vozes,


Volúpias dos violões, vozes veladas,
Vagam nos velhos vórtices velozes
Dos ventos, vivos, vós, vulcanizados.”
(Cruz e Souza)

(___) “Bebo silenciosamente a essas imagens da morte e da vida.” (Rubem Braga)

(___) Nunca tive um teto próprio.

(___) Ela é um amor de criança, disse a mulher após constatar que a menina havia arrancado várias flores do jardim.

(___) “Eu possa me dizer do amor (que tive): Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.” (Vinícius de Moraes)

(___) Diante de tanta tristeza, ela preferiu faltar com a verdade.

(___) “Estas altas árvores são umas harpas verdes com cordas de chuva que tange o vento” (Cecília Meireles)
(___) Teus olhos são o abrigo de minhas inconstâncias.

(___) “Como eu bato batucada, Beto bate bola”.

(___) Ele é lindo: espanta até os postes.

(___) A ventania às vezes surpreendia as janelas abertas do meu lar e então as doces sombras se moviam,
trêmulas, trêmulas a bailar. (Jorge de Lima)

(___) Aos membros do grupo, não lhes interessam tais questões.

(___) Conseguiu sucesso com determinação e suor.

(___) “A manhã, toldo de um tecido tão aéreo que, tecido, se eleva por si: luz balão.” (João Cabral de Melo Neto)

(___) Eu vi este filme milhões de vezes.

(___) As galinhas cacarejam ao amanhecer.