Você está na página 1de 53

ESCOLA:

PROVA TIPO EXAME – FÍSICA E QUÍMICA A

10º e 11º Ano de Escolaridade

DURAÇÃO DO TESTE: 120 minutos

DATA:

VERSÃO 1

Indique de forma legível a versão da prova.

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

É permitida a utilização de régua, esquadro, transferidor e calculadora gráfica.

Não é permitido o uso de corretor. Deve riscar aquilo que pretende que não seja
classificado.

Para cada resposta, identifique o grupo e o item.

Apresente as suas respostas de forma legível.

Apresente apenas uma resposta para cada item.

As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado do teste.

É permitido o uso da tabela de constantes, do formulário e da tabela periódica.

Nas respostas aos itens de escolha múltipla, selecione a opção correta. Escreva, na folha de
respostas, o número do item e a letra que identifica a opção escolhida.

Nas respostas aos itens em que é pedida a apresentação de todas as etapas de resolução,
explicite todos os cálculos efetuados e apresente todas as justificações ou conclusões
solicitadas.

Utilize unicamente valores numéricos das grandezas referidas no teste (no enunciado dos
itens) ou na tabela de constantes e na tabela periódica.
Física e Química A 10º e 11º

Grupo I
Num parque infantil de uma estância de esqui a Maria brinca deslizando com o seu
trenó ao longo do plano inclinado representado na figura. Partindo do repouso, o
conjunto Maria + trenó, de massa 30 kg, atingiu a base do plano inclinado com uma
velocidade de módulo 7,0 m s1.
Admita que durante a descida é desprezável a ação das forças não conservativas que
atuam no conjunto.

Considere um referencial unidimensional O com origem no topo do plano inclinado e


com a direção e sentido do movimento e considere a base do plano como nível de
referência da energia potencial gravítica.
Considere ainda que o conjunto Maria + trenó pode ser representado pelo seu centro
de massa (modelo da partícula material).

1. A Maria desce o plano inclinado com movimento retilíneo __________, descrito


pela equação do movimento __________.
(A) … uniforme … = 7,0 t + 2,5 t 2 (SI)
(B) … uniforme … = 2,5 t 2 (SI)
(C) … uniformemente acelerado … = 7,0 t + 2,5 t 2 (SI)
(D) … uniformemente acelerado … = 2,5 t 2 (SI)

2. Determine a distância percorrida pelo conjunto Maria + trenó até atingir a base do
plano inclinado.
Apresente todas as etapas de resolução.

2
Física e Química A 10º e 11º

3. No regresso a casa a mãe da Maria arrastou a menina em cima do trenó,


exercendo uma força constante de intensidade 55 N. O conjunto Maria + trenó
deslocou-se com velocidade constante durante os 30 m do percurso ao longo de uma
estrada retilínea e horizontal, coincidente com o eixo O de um referencial
unidimensional, como representado na figura.

3.1. A energia mecânica do conjunto Maria + trenó + Terra __________ durante a


descida no plano inclinado e __________ durante o percurso horizontal.
(A) … permaneceu constante … aumentou
(B) … permaneceu constante … permaneceu constante
(C) … aumentou … permaneceu constante
(D) … aumentou … aumentou

3.2. Determine o trabalho realizado pelas forças dissipativas no percurso efetuado na


horizontal.
Apresente todas as etapas de resolução.

3.3. O trabalho realizado pela força normal à superfície pode ser obtido pela
expressão…
(A)
(B)
(C)
(D)

3
Física e Química A 10º e 11º

Grupo II
“Os países em vias de desenvolvimento recusam-se a parar a emissão de dióxido de
carbono, uma vez que precisam dos combustíveis fósseis para desenvolverem as suas
economias. O caso mais preocupante é o da China, onde o automóvel está a substituir
a bicicleta como principal meio de transporte.” (…)
Tomás absorveu a ideia. “Pois, é um grande problema, é.” (…)
A russa pegou numa caneta e escreveu três letras sobre a toalha de papel posta na
mesa.
ppm
“Sabes o que é isto?”
“Não.”
“São as iniciais de partes por milhão em volume, ou ppm. É uma forma de medir o
dióxido de carbono na atmosfera.” (…) “Os estudos paleoclimáticos mostram que o
dióxido de carbono é responsável por metade das alterações térmicas no passado. Ora
há quinhentos anos o dióxido de carbono atingiu o mínimo de 270 ppm. Mas a
expansão da presença humana fez aumentar o dióxido de carbono até aos 380 ppm
atuais.”
Extraído de “O Sétimo Selo” de José Rodrigues dos Santos, pág. 204 a 206

1. O que significa dizer que o dióxido de carbono atingiu 380 ppm?

2. A configuração eletrónica de um átomo de oxigénio (8O), num estado excitado de


energia, poderá ser…
(A) 1s2 2s2 2px2 2py1 2pz1
(B) 1s2 2s2 2px1 2py2 2pz1
(C) 1s1 2s3 2px2 2py1 2pz1
(D) 1s1 2s2 2px2 2py2 2pz1

3. Com base nas posições relativas dos elementos carbono (C) e oxigénio (O) na
Tabela Periódica, compare os valores das energias de primeira ionização de um átomo
de carbono e de um átomo de oxigénio.

4. Atendendo à informação presente no texto, quantas moléculas de dióxido de


carbono existem atualmente a mais num litro de ar, em condições PTN,
comparativamente com o número mínimo de moléculas de dióxido de carbono, há
quinhentos anos atrás?

4
Física e Química A 10º e 11º

5. Apesar do vapor de água, H2O, e do dióxido de carbono, CO2, serem os gases com
maior influência no efeito de estufa, por serem mais abundantes, o metano, CH 4, é
cerca de vinte vezes mais potente que o dióxido de carbono.
5.1. As moléculas de água e de metano apresentam, respetivamente, geometrias
__________ e, atendendo às posições relativas dos elementos carbono e oxigénio na
Tabela Periódica, é de prever que o comprimento da ligação O–H na molécula de água
seja __________ ao comprimento da ligação C–H na molécula de metano.
(A) … tetraédrica e angular … superior
(B) … tetraédrica e angular … inferior
(C) … angular e tetraédrica … superior
(D) … angular e tetraédrica … inferior

5.2. Represente a molécula de dióxido de carbono, utilizando a notação de Lewis.

5
Física e Química A 10º e 11º

Grupo III
Com o objetivo de determinar o rendimento de um processo de aquecimento, um grupo
de alunos utilizou um calorímetro com 5,0 g de água e 20,0 g de gelo em equilíbrio
térmico, à temperatura de 0,0 ºC.
Os alunos começaram por introduzir um sensor de temperatura num dos orifícios do
calorímetro e uma resistência de aquecimento no outro orifício.

Em seguida, os alunos montaram um circuito elétrico, ligando a resistência de


aquecimento a uma fonte de alimentação, a um voltímetro, a um amperímetro e a um
interruptor.
Na figura que se segue encontra-se representado o gráfico da massa de gelo no
interior do calorímetro em função do tempo de aquecimento e na tabela estão
registados os valores de algumas propriedades físicas da água.

p.f. = 0 ºC
Hfusão = 3,33  105 J kg1
cágua estado líquido = 4,186  103 J kg1 K1
cágua estado sólido = 2,100  103 J kg1 K1
kágua estado líquido = 0,58 W m1 K1
kágua estado sólido = 2,2 W m1 K1

6
Física e Química A 10º e 11º

1. Qual dos esquemas seguintes pode representar o circuito elétrico montado pelos
alunos?
(A) (B) (C) (D)

2. Durante o período de aquecimento os valores mais prováveis da diferença de


potencial elétrico e da corrente elétrica foram, respetivamente, 11,2 V e 8,45 A.
Determine o rendimento do processo de aquecimento.
Apresente todas as etapas de resolução.

3. Depois da fusão completa do gelo, a energia recebida pela água, até atingir a
temperatura de 10,0 ºC, pode ser determinada pela expressão…
(A)
(B)
(C)
(D)

4. Fornecendo a mesma energia a massas iguais de água no estado líquido e de


água no estado sólido, verifica-se que o aumento de temperatura é __________ na
água no estado sólido porque apresenta __________.
(A) … maior … menor capacidade térmica mássica
(B) … menor … menor capacidade térmica mássica
(C) … maior … maior condutividade térmica
(D) … menor … maior condutividade térmica

7
Física e Química A 10º e 11º

Grupo IV

Um carrinho de plástico, de massa 2,5 kg, move-se ao longo de uma calha de atrito
reduzido com velocidade constante, de módulo 3,0 m s1, como mostra a figura.

O carrinho transporta uma espira retangular rígida de um fio condutor, com massa
desprezável quando comparada com a massa do carrinho.
Ao longo do seu movimento o carrinho encontra, entre as posições = 0,00 m e
= 0,40 m, um campo magnético uniforme de intensidade 2,0 T, perpendicular à espira
e dirigida do leitor para o plano da página.
Considere que a posição do carrinho é determinada pela parte frontal.

1. Qual das figuras traduz o esboço do gráfico da variação do fluxo magnético que
atravessa a espira em função do tempo, quando o carrinho se move entre a posição
representada na figura e a posição = 0,80 m?
(A) (C)

(B) (D)

2. A expressão que permite determinar o fluxo magnético, em unidades do SI, que


atravessa a espira quando o carrinho se encontra na posição = 0,12 m é…
(A) m = 2,0  0,12  cos 0º
(B) m = 2,0  0,012  cos 0º
(C) m = 2,0  0,20  cos 0º

8
Física e Química A 10º e 11º

(D) m = 2,0  0,020  cos 0º

3. Atendendo à Lei de Faraday, entre que posições do movimento do carrinho se


origina uma força eletromotriz induzida na espira? Justifique.

4. Durante a passagem do carrinho o ponteiro do galvanómetro oscila. O módulo da


força eletromotriz registado foi 0,6 V. Esse valor quadruplicaria se fosse utilizada uma
bobina de igual área com…
(A) … 3 espiras e se aumentasse a velocidade do carrinho para 4,5 m s1.
(B) … 3 espiras e se reduzisse a velocidade do carrinho para 2,0 m s1.
(C) … 6 espiras e se aumentasse a velocidade do carrinho para 4,5 m s1.
(D) … 6 espiras e se reduzisse a velocidade do carrinho para 2,0 m s1.

Grupo V

As hortênsias (Hydrangea macrophylla), também designadas por novelos, são um


ícone turístico na Madeira e nos Açores. Aí é possível encontrá-las em quantidade e de
diversas cores em tons que vão desde o rosa ao azul, dependendo do tipo de solo e
dos fertilizantes utilizados.

Na verdade, é possível escolher a cor das hortênsias, basta controlar a acidez do solo.
Em solos ácidos, com pH abaixo de 6,5, surgem flores azuis; já em solos alcalinos,
com pH acima de 7,5, surgem flores rosadas e até brancas.

1. Nos solos onde as hortênsias adquirem cor azul a concentração hidrogeniónica é


__________ em relação aos solos onde adquirem cor rosa e o produto [H 3O+] [OH-] é
__________ nos dois solos.
(A) … superior … igual
(B) … superior … diferente
(C) … inferior … igual
(D) … inferior … diferente

9
Física e Química A 10º e 11º

2. Para diminuir o pH do solo pode optar-se pela adição de enxofre, que as bactérias
do solo metabolizam e convertem em ácido sulfúrico, H 2SO4, ou adubos com nitrato de
amónio, NH4NO3, uma vez que o ião amónio é um ácido fraco com uma constante de
acidez 5,6  1010, a 25 ºC.
Considere que na primeira etapa de ionização o ácido sulfúrico se comporta como um
ácido forte.

2.1. Considerando a adição de iguais volumes de duas soluções aquosas de ácido


sulfúrico e de ião amónio de igual concentração, a adição da solução aquosa de
__________ irá ___________ mais a acidez do solo.
(A) … … aumentar
(B) … … diminuir
(C) … H2SO4 … aumentar
(D) … H2SO4 … diminuir

2.2. Preparou-se uma solução aquosa de ião amónio 0,30 mol dm3.
Determine o pH da solução, a 25 ºC.
Apresente todas as etapas de resolução.

3. Para perceber se um adubo líquido de nitrato de amónio, com pH inferior a 7 a


25 ºC, deveria ser armazenado num recipiente de ferro ou num recipiente de cobre,
realizou-se a experiência esquematizada na figura.

Com base na equação química que traduz a reação ocorrida e na comparação do


poder redutor dos dois metais com o hidrogénio, H2, indique, justificando, o recipiente
apropriado.

10
Física e Química A 10º e 11º

Grupo VI

1. Todas as águas naturais possuem sais dissolvidos, no entanto, as águas


subterrâneas possuem, em geral, teores mais elevados de sais do que as águas
superficiais, por estarem intimamente expostas ao contacto dos materiais solúveis
presentes no solo e nas rochas. Em regiões onde chove muito a salinização das águas
é menor do que em regiões onde chove pouco.
O odor e o sabor de uma água dependem dos sais e dos gases dissolvidos, como se
pode observar pela tabela I.
Tabela I
Sal dissolvido na água Sabor adquirido pela água
Cloreto de sódio (NaCℓ) Salgado
Bicarbonato de sódio (NaHCO3) Ligeiramente salgado e doce
Sulfato de cálcio (CaSO4) Ligeiramente amargo
Cloreto de cálcio (CaCℓ2) Fortemente amargo
Dióxido de carbono (CO2) Picante
Adaptado de: http://www.meioambiente.pro.br/agua/guia/quimica.htm

1.1. Sabendo que a solubilidade do cloreto de sódio, a 25 ºC, é 35,9 g / 100 g de


água, dissolvendo 0,230 g do sal em 1,0 g de água, obtém-se…
(A) … uma solução saturada com sólido depositado no fundo.
(B) … uma solução saturada sem sólido depositado no fundo.
(C) … uma solução sobressaturada com sólido depositado no fundo.
(D) … uma solução não saturada.

1.2. Escreva a equação química que traduz o equilíbrio de solubilidade do sulfato de


cálcio e determine a sua solubilidade em água, a 25 ºC.

2. De um modo geral, as águas subterrâneas são desprovidas de odor, exceto


algumas águas termais que exalam cheiro a “ovo podre” devido à presença de H 2S.
O enxofre é um elemento essencial, relativamente abundante. Nas águas naturais
encontram-se vários estados de oxidação para o enxofre, mas a maior parte do enxofre
ocorre na forma . O enxofre contribui também para a formação de chuvas ácidas,
nomeadamente na forma de óxidos de enxofre que reagem com a água dando origem
a uma solução aquosa de ácido sulfúrico.

2.1. Em que espécies o número de oxidação do enxofre é + 6.


(A) e SO2
(B) SO3 e
(C) e H2S
(D) SO2 e H2S

11
Física e Química A 10º e 11º

2.2. A ocorrência de nas águas naturais é rara porque o é rapidamente


__________, pelo O2 do ar, a , sendo o O2 o agente __________.
(A) … reduzido … redutor
(B) … oxidado … oxidante
(C) … oxidado … redutor
(D) … reduzido … oxidante

2.3. Além do dióxido de carbono e dos óxidos de enxofre, outros gases contribuem
para a formação de chuvas ácidas.
Identifique o ácido forte que esses gases originam e que contribuiu para a acidificação
da água da chuva.

12
Física e Química A 10º e 11º

Cotações

GRUPO I GRUPO IV
1. .................................5 pontos 1. ................................. 5 pontos
2. ...............................10 pontos 2. ................................. 5 pontos
3.1. ..............................5 pontos 3. ............................... 10 pontos
3.2. ............................10 pontos 4. ................................. 5 pontos
3.3. ..............................5 pontos -----------------
----------------- 25 pontos
35 pontos
GRUPO V
GRUPO II 1. ................................. 5 pontos
1. .................................5 pontos 2.1 ............................... 5 pontos
2. .................................5 pontos 2.2. ............................ 15 pontos
3. ...............................10 pontos 3. ............................... 10 pontos
4. ...............................15 pontos -----------------
5.1 ...............................5 pontos 35 pontos
5.2 ...............................5 pontos
----------------- GRUPO VI
45 pontos 1.1 ............................... 5 pontos
1.2 ............................. 10 pontos
GRUPO III 2.1. .............................. 5 pontos
1. .................................5 pontos 2.2. .............................. 5 pontos
2. ...............................15 pontos 2.3. .............................. 5 pontos
3. .................................5 pontos -----------------
4. .................................5 pontos 30 pontos
-----------------
30 pontos ------------------
Total 200 pontos

13
CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO

GRUPO I

1. Versão 1 – (D); Versão 2 – (B) .......................................................... 5 pontos

2. ......................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Cálculo do módulo da aceleração ......................................5 pontos
FR = m a  Fg, x = m a  m g sen  = m a  a = g sen  
 a = 10 sen 30º  a = 5,0 m s2

B) Cálculo da distância percorrida ..........................................5 pontos


Sendo v = v0 + at  . Substituindo t na equação do movimento
obtém-se:

, pelo que:

Ou recorrendo a considerações energéticas:


Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Cálculo da altura do plano inclinado ..................................5 pontos
Como só atuam forças conservativas ou forças que não realizam trabalho:

B) Cálculo da distância percorrida ..........................................5 pontos

3.1. Versão 1 – (B); Versão 2 – (A) ....................................................... 5 pontos


3.2. ...................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Relacionar o trabalho das forças não conservativas com a
variação da energia mecânica ................................................5 pontos
B) Cálculo do trabalho realizado pelas forças dissipativas .....5 pontos

3.3. Versão 1 – (C); Versão 2 – (B) ....................................................... 5 pontos

Grupo II
1. ........................................................................................................... 5 pontos
Significa que em cada 106 unidades de volume (dm3) de ar existem
380 unidades de volume (dm3) de dióxido de carbono.

2. Versão 1 – (D); Versão 2 – (C); ......................................................... 5 pontos

3. ......................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentados os seguintes tópicos:
A) O carbono e o oxigénio pertencem ao mesmo período da Tabela
Periódica, mas o carbono (grupo 14) antecede o oxigénio (grupo 16)
B) Ao longo de um mesmo período da Tabela Periódica, à medida
que o número atómico aumenta, aumenta a carga nuclear e a
atração dos eletrões ao núcleo, o que leva a um aumento da energia
de ionização
C) Como a energia de ionização aumenta ao longo do período é de
prever que a energia de primeira ionização de um átomo de oxigénio
seja superior à energia de primeira ionização de um átomo de
carbono.
Descritores do nível de desempenho no domínio específico da
Níveis Pontuação
disciplina
A resposta integra os três tópicos de referência com organização
4 10
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.
A resposta integra os três tópicos de referência com falhas na
3 8
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A e B ou apenas os
2 tópicos de referência B e C com organização coerente dos conteúdos e 6
linguagem científica adequada.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A e B ou apenas os
tópicos de referência B e C com falhas na organização dos conteúdos ou
na utilização da linguagem científica.
1 4
OU
A resposta integra apenas o tópico de referência A ou apenas o tópico
de referência B com linguagem científica adequada.
4. ......................................................................................................... 15 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Cálculo do volume de dióxido de carbono excedente ........5 pontos

B) Cálculo da quantidade de matéria de dióxido de


carbono...................................................................................5 pontos

C) Cálculo do número de moléculas de dióxido de


carbono...................................................................................5 pontos

5.1 Versão 1 – (D); Versão 2 – (B); ....................................................... 5 pontos

5.2 ......................................................................................................... 5 pontos

Grupo III

1. Versão 1 – (B); Versão 2 – (C); ......................................................... 5 pontos

2. ......................................................................................................... 15 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Cálculo da energia dissipada pela resistência elétrica de
aquecimento ...........................................................................5 pontos

B) Cálculo da energia transferida durante a fusão do gelo .....5 pontos

C) Cálculo do rendimento do processo de aquecimento .......5 pontos


3. Versão 1 – (D); Versão 2 – (A) .......................................................... 5 pontos

4. Versão 1 – (A); Versão 2 – (C) .......................................................... 5 pontos

Grupo IV

1. Versão 1 – (A); Versão 2 – (D) .......................................................... 5 pontos

2. Versão 1 – (B); Versão 2 – (A) .......................................................... 5 pontos

3. ......................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentados os seguintes tópicos:
A) De acordo com a Lei de Faraday só há força eletromotriz induzida
se o fluxo do campo magnético através da espira variar no tempo
B) Sendo o campo magnético uniforme e a sua orientação em
relação à normal da espira constante, o fluxo do campo magnético
varia quando varia a área da espira exposta ao campo
C) Assim, à força eletromotriz induzida na espira à entrada e à saída
do campo magnético, quando o carrinho se desloca entre as
posições = 0,00 m e = 0,20 m e entre as posições = 0,40 m e
= 0,60 m.
Descritores do nível de desempenho no domínio específico da
Níveis Pontuação
disciplina
A resposta integra os três tópicos de referência com organização
4 10
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.
A resposta integra os três tópicos de referência com falhas na
3 8
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A e B ou apenas os
2 tópicos de referência B e C com organização coerente dos conteúdos e 6
linguagem científica adequada.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A e B ou apenas os
tópicos de referência B e C com falhas na organização dos conteúdos ou
na utilização da linguagem científica.
1 4
OU
A resposta integra apenas o tópico de referência A ou apenas o tópico
de referência B com linguagem científica adequada.

4. Versão 1 – (D); Versão 2 – (A) .......................................................... 5 pontos


GRUPO V

1.Versão 1 – (A); Versão 2 – (B) ........................................................... 5 pontos

2.1. Versão 1 – (C); Versão 2 – (B) ....................................................... 5 pontos

2.2. ...................................................................................................... 15 pontos


Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Apresentação da tabela “iVe”............................................5 pontos
c / mol dm3 NH4+(aq) + H2O(ℓ) ฀ NH3(aq) + H3O+(aq)
inicial 0,30 - 0 ≈0
Variação -x - +x +x
equilíbrio 0,30 - x - x x

B) Determinação da concentração hidrogeniónica ................5 pontos

C) Determinação do pH da solução.......................................5 pontos

3. ......................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Equação química que traduz a reação que ocorre ...........5 pontos
Fe(s) + 2 H+(aq) → Fe2+(aq) + H2(g)

B) Pelo facto do ferro reagir com o ácido e o cobre não pode


concluir-se que Cu < H2 < Fe traduz a ordem crescente de poder
redutor das espécies, logo, o ferro, como sofre oxidação em meio
ácido, não deve ser utilizado para guardar o adubo. Assim, o
recipiente apropriado seria o de cobre.

GRUPO VI
1.1.Versão 1 – (D); Versão 2 – (B) ........................................................ 5 pontos
1.2. ...................................................................................................... 10 pontos
Na resposta, devem ser apresentadas as seguintes etapas:
A) Equação química que traduz o equilíbrio de solubilidade….5pontos

B) Determinação da solubilidade ...........................................5 pontos

2.1.Versão 1 – (B); Versão 2 – (C) ........................................................ 5 pontos

2.2.Versão 1 – (B); Versão 2 – (A) ........................................................ 5 pontos

2.3. ........................................................................................................ 5 pontos


Ácido nítrico
ESCOLA:

PROVA TIPO EXAME – FÍSICA E QUÍMICA A

10.º e 11.º Ano de Escolaridade

DURAÇÃO DO TESTE: 120 minutos

DATA:

VERSÃO 1

Indique de forma legível a versão da prova.

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

É permitida a utilização de régua, esquadro, transferidor e calculadora gráfica.

Não é permitido o uso de corretor. Deve riscar aquilo que pretende que não seja
classificado.

Para cada resposta, identifique o grupo e o item.

Apresente as suas respostas de forma legível.

Apresente apenas uma resposta para cada item.

As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado do teste.

É permitido o uso da tabela de constantes, do formulário e da tabela periódica.

Nas respostas aos itens de escolha múltipla, selecione a opção correta. Escreva, na folha de
respostas, o número do item e a letra que identifica a opção escolhida.

Nas respostas aos itens em que é pedida a apresentação de todas as etapas de resolução,
explicite todos os cálculos efetuados e apresente todas as justificações ou conclusões
solicitadas.

Utilize unicamente valores numéricos das grandezas referidas no teste (no enunciado dos
itens) ou na tabela de constantes e na tabela periódica.
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo I

1. Leia atentamente o seguinte texto:


O vento arrastou a nuvem poluente de dióxido de enxofre (SO 2) provocada pelo
incêndio que no dia 14 de fevereiro de 2017 devastou dois armazéns com enxofre na
zona de Setúbal, causando um grande impacto na região de Vila Franca de Xira e
Alverca. A estação de medição de poluição atmosférica registou um pico daquele gás
nocivo durante a manhã, com 400 g / m3 de ar numa hora quando o valor habitual é
1 – 2 g / m3 de ar numa hora.
Adaptado de “Acidente industrial em Setúbal causou pico de poluição em Alverca”, DN 15 de fevereiro de 2017

1.1. A expressão que permite determinar a concentração de dióxido de enxofre no ar,


em condições PTN, registada durante o pico expressa em ppmV é…
(A) ppm

(B) ppm

(C) ppm

(D) ppm

1.2. Atendendo às suas posições na Tabela Periódica, compare o raio atómico do


enxofre com o raio atómico do oxigénio.

1.3. A partir da configuração eletrónica do oxigénio, indique o número de eletrões


desemparelhados nos átomos desse elemento.

2. O dióxido de enxofre é um dos poluentes atmosféricos mais comuns sendo


proveniente tanto de fontes antropogénicas quanto de fontes naturais.
Uma vez emitido, o SO2 pode reagir com vários oxidantes presentes na atmosfera
formando uma solução aquosa de ácido sulfúrico, um dos ácidos fortes responsáveis
pela chuva ácida.
Uma das reações possíveis de oxidação do SO2, estudada em laboratório, é a reação
catalisada por metais na presença de oxigénio que pode ser descrita pela seguinte
equação química:

2 SO2(g) + O2(g) 2 SO3(g) H =  198 kJ

2.1. A energia da ligação enxofre – oxigénio na molécula de SO2 é 397 kJ mol1 e a


energia da ligação enxofre – oxigénio na molécula de SO3 é 381 kJ mol1.

2.1.1. Determine a energia de ligação da molécula de oxigénio.

2
Física e Química A 10.º e 11.º

2.1.2. A ligação enxofre – oxigénio na molécula de SO2 apresenta __________


comprimento e __________ ordem de ligação que a ligação enxofre – oxigénio na
molécula de SO3.
(A) …menor …menor
(B) …menor …maior
(C) …maior …maior
(D) …maior …menor

2.2. Na reação de oxidação do SO2, a variação do número de oxidação do enxofre é


__________ havendo uma transferência de eletrões do __________.
(A) …2 …oxigénio para o enxofre
(B) …2 …enxofre para o oxigénio
(C) …+2 …oxigénio para o enxofre
(D) …+2 …enxofre para o oxigénio

2.3. A produção de ácido sulfúrico pelo processo de contacto também envolve, numa
segunda etapa, a oxidação do SO2.
Além do recurso a catalisadores metálicos que aceleram a reação, esta etapa
desenvolve-se a cerca de 430 ºC e à pressão de 5 atm de modo a otimizar o
rendimento.
Justifique a utilização dessas condições e não outras.

3
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo II

A Aspirina é o nome comercial para o composto ácido acetilsalicílico, utilizado como


anti-inflamatório, antipirético e analgésico. É indicado para o alívio de dores de
intensidade leve ou moderada como dor de cabeça, dor de dentes, dor de garganta,
dor muscular, dor nas articulações, dor nas costas e no alívio sintomático da febre.
A síntese do ácido acetilsalicílico consiste numa reação de esterificação do grupo –OH
do ácido salicílico com o anidrido acético, usando o ácido sulfúrico como catalisador da
reação.

Visto que o ácido acetilsalicílico é um ácido fraco (Ka = 3,16  104, a 25 ºC), ele sofre
ionização parcial em meio aquoso de acordo com a seguinte equação química:

Apenas a forma não ionizada do fármaco tem tendência a atravessar a membrana do


estômago, acelerando a difusão do fármaco para o sangue.

1. Qual é a expressão que traduz a constante de acidez da reação de ionização do


ácido acetilsalicílico?
(A)

(B)

(C)

(D)

4
Física e Química A 10.º e 11.º

2. Enquanto o pH do estômago é cerca de 1,5, o pH na corrente sanguínea (plasma)


é 7,4.

2.1. A razão entre a concentração de anião acetisalicilato e a concentração do ácido


acetilsalicílico no estômago, a 25 ºC, é…
(A)

(B)

(C)

(D)

2.2. A ionização do ácido acetilsalicílico é __________ extensa no estômago do que


na corrente sanguínea pois a __________ concentração de catiões H 3O+ no estômago
desloca o equilíbrio no sentido __________.
(A) …mais …maior …direto
(B) …mais …menor …direto
(C) …menos …menor …inverso
(D) …menos …maior …inverso

3. O Ibuprofeno, nome que deriva das iniciais do ácido isobutilfenilpropanoico


(Ka = 3,98  105, a 25 ºC), é também um anti-inflamatório com propriedades
analgésicas e antipiréticas utilizado para o tratamento da dor, febre e inflamação.
Atendendo aos valores da constante de acidez, pode concluir-se que o ácido
acetilsalicílico (aspirina) é um ácido mais __________ do que o ácido
isobutilfenilpropanoico (ibuprofeno) e, por isso, ioniza-se em __________ extensão.
(A) …fraco …maior
(B) …fraco …menor
(C) …forte …maior
(D) …forte …menor

4. Durante a síntese laboratorial da aspirina, fez-se reagir 1,30 g de ácido salicílico


com excesso de anidrido acético. Quando a reação terminou, separou-se o produto
pretendido, tendo-se obtido 1,23 g de aspirina.
Determine o rendimento da reação.
Apresente todas as etapas de resolução.

5
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo III

Em 1986 a antiga linha ferroviária que unia as cidades de Guimarães e Fafe foi
desativada, sendo mais tarde transformada em Ecopista. Este percurso proporciona
uma pista de cicloturismo contínua, fácil, segura e agradável de percorrer, com uma
extensão total superior a 15 km.
Um ciclista, cuja massa do conjunto ciclista + bicicleta é 90,0 kg, realizou o percurso de
ida e volta da Ecopista Guimarães – Fafe iniciando o percurso em Guimarães. As
figuras seguintes mostram o percurso e o respetivo gráfico de altimetria.

Já no final do percurso, próximo de Guimarães, o ciclista atinge um troço horizontal da


pista com velocidade de módulo 5,0 km h1 e pedala de modo a manter essa
velocidade durante 850 m até iniciar a descida numa rampa com 4% de inclinação.
Durante a descida deixa de pedalar e aplica uma força de travagem constante que lhe
permite adquirir uma velocidade de módulo 5,4 km h1 depois de percorrer 1,3 km na
rampa.
Considere que o conjunto ciclista + bicicleta pode ser representado pelo seu centro de
massa.

1. Entre Guimarães e Fafe o trabalho realizado pelo peso do conjunto


ciclista + bicicleta é __________ e __________ variação da energia potencial gravítica.
(A) …positivo …igual à
(B) …positivo …simétrico da
(C) …negativo … igual à
(D) …negativo …simétrico da

2. Qual é a relação entre o trabalho realizado pela força aplicada pelo ciclista e o
trabalho realizado pela força de atrito no percurso horizontal?

3. Determine a energia dissipada durante a descida na rampa.


Apresente todas as etapas de resolução.

6
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo IV

Em janeiro de 2017, o Presidente da Direção da APREN (Associação Portuguesa de


Energias Renováveis), fazendo um balanço do consumo de eletricidade em Portugal,
salientou três acontecimentos importantes que tiveram lugar durante 2016. O primeiro
refere-se ao que se sucedeu entre 7 e 11 de maio: durante 107 horas consecutivas, a
produção de eletricidade a partir de fontes renováveis excedeu o consumo dessa
mesma eletricidade em Portugal continental. O segundo foi o facto de, ao longo de
2016, a produção renovável ter excedido o consumo durante 1130 horas. O terceiro foi
que a produção das centrais renováveis atingiu 32,2 TW h, o valor mais elevado de
sempre, e que representou 64% do consumo.
Adaptado de http://www.ambienteonline.pt, O balanço da eletricidade renovável em 2016, 9 de janeiro de 2017

1. A potência média, em unidades do SI, desenvolvida pelas centrais renováveis


durante o ano de 2016 pode ser determinada pela expressão…
(A) W

(B) W

(C) W

(D) W

2. O Sol representa uma fonte limpa e inesgotável de energia para o nosso planeta.
No entanto, a energia solar fotovoltaica contribuiu apenas 1,5% para a produção das
centrais renováveis em 2016. Um dos problemas é que os painéis solares têm um
rendimento de apenas 25%, apesar de este valor ter vindo a aumentar ao longo dos
anos.
Além da geração fotovoltaica de energia elétrica, a energia solar também pode ser
aproveitada para aquecimento de água.

2.1. Pretende-se instalar painéis fotovoltaicos numa habitação com uma utilização
média de 1125 W. Supondo que, nessa localidade, a potência média da radiação solar
que incide na superfície terrestre por cada metro quadrado é 350 W, determine a área
de painéis fotovoltaicos necessária.

7
Física e Química A 10.º e 11.º

2.2. Um sistema básico de aquecimento de água para consumo doméstico por energia
solar é composto por coletores solares e um reservatório térmico, como esquematizado
na figura seguinte.

A água circula naturalmente entre os coletores e o reservatório.


Como se processa o mecanismo de transferência de energia como calor que permite
explicar esse movimento natural da água.

2.3. A energia solar também pode ser usada para produzir indiretamente energia
elétrica a partir do aquecimento da água. Numa central termossolar são instalados
coletores solares parabólicos que, atingindo temperaturas superiores, permitem
vaporizar a água contida numa caldeira. É o vapor a alta pressão que movimenta uma
turbina acoplada a um gerador de energia elétrica.
Determine a energia térmica necessária para vaporizar 1 m3 de água a 20,0 ºC.
Considere a massa volúmica da água 1,000 g cm3 e a variação da entalpia de
vaporização da água 2,26  106 J kg1.
Apresente todas as etapas de resolução.

8
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo V

Portugal venceu o Festival Eurovisão da Canção 2017 com a música “Amar pelos dois”,
interpretada pelo cantor Salvador Sobral e escrita e composta pela irmã Luísa Sobral,
com 758 pontos, a pontuação mais alta de sempre.
Um dos instrumentos que acompanhava o cantor era o violino, um instrumento musical
de cordas cujo som é geralmente produzido pela fricção das cerdas de um arco de
madeira sobre as cordas.
A figura seguinte representa o estado de propagação de uma onda, na corda, em dois
instantes diferentes. A linha a cheio representa a onda no instante 0,0 s e a linha a
tracejado 2,5  103 s depois.

1. Qual é o comprimento de onda da onda que se propaga na corda?

2. Determine a frequência da onda sonora produzida a partir da velocidade de


propagação da onda na corda.

3. A figura seguinte mostra o espetro do som emitido por uma nota musical do violino,
onde é possível visualizar a frequência das ondas que compõem o som.

3.1. O som emitido pelo violino é um som __________ que se propaga no ar como
uma onda __________.
(A) …complexo …transversal
(B) …complexo …longitudinal
(C) …puro …longitudinal
(D) …puro …transversal

9
Física e Química A 10.º e 11.º

3.2. O sinal harmónico A pode ser descrito pela função…


(A) y = 3,0 sen (400  t) (SI)
(B) y = 3,0 sen (0,01  t) (SI)
(C) y = 3,0  102 sen (400  t) (SI)
(D) y = 3,0  102 sen (0,01  t) (SI)

Grupo VI
Numa aula laboratorial de Física, um grupo de alunos pretendia estudar o movimento
de um carrinho de atrito reduzido, com 0,950 kg, ao longo de uma calha horizontal. Na
figura, que não está à escala, encontra-se representada uma montagem semelhante à
utilizada pelos alunos.

O carrinho, com uma tira opaca estreita de comprimento ℓ, percorre a calha horizontal
ligado por um fio a um corpo suspenso de massa 0,400 kg, que cai na vertical. O fio
apresenta um comprimento tal que permite que o corpo suspenso embata no solo
antes de o carrinho chegar ao fim da calha.
Os alunos registaram o tempo de passagem do carrinho na célula fotoelétrica, t, em
diferentes pontos do percurso, assim como o tempo total decorrido entre o momento
em que o carrinho é largado pelo eletroíman, até à passagem pela célula fotoelétrica,
ttotal.
Após a recolha dos dados determinaram o valor da velocidade do carrinho ao
atravessar a célula fotoelétrica, em várias posições, e construíram o gráfico da
velocidade em função do tempo.
Considere que o carrinho pode ser representado pelo seu centro de massa.

1. Para medir o comprimento, ℓ, da tira opaca estreita utilizou-se uma régua com uma
escala cuja menor divisão é 1 mm. Qual é a incerteza de leitura associada à medição
do comprimento em unidades do SI?

10
Física e Química A 10.º e 11.º

2. Considerando tsolo o instante em que o corpo suspenso embate no solo, qual é o


gráfico da velocidade em função do tempo que traduz o movimento do carrinho ao
longo da calha?

(A) (C)

(B) (D)

3. Num dos ensaios realizados, o carrinho percorreu 0,600 m até a tira opaca passar
pela célula fotoelétrica tendo-se registado um t de 0,070 s.
Determine a intensidade da resultante das forças que atuaram no carrinho.
Apresente todas as etapas de resolução.

11
Física e Química A 10.º e 11.º

Cotações

GRUPO I GRUPO IV
1.1................................ 5pontos 1. ................................. 5 pontos
1.2..............................10 pontos 2.1. ............................ 10 pontos
1.3............................... 5 pontos 2.2. ............................ 15 pontos
2.1.1...........................10 pontos 2.3. ............................ 10 pontos
2.1.2............................ 5 pontos -----------------
2.2............................... 5 pontos 40 pontos
2.3..............................15 pontos
----------------- GRUPO V
55 pontos 1. ................................. 5 pontos
2. ............................... 10 pontos
GRUPO II 3.1. .............................. 5 pontos
1.................................. 5 pontos 3.2. .............................. 5 pontos
2.1............................... 5 pontos -----------------
2.2............................... 5 pontos 25 pontos
3.................................. 5 pontos
4.................................15 pontos GRUPO VI
----------------- 1. ................................. 5 pontos
35 pontos 2. ................................. 5 pontos
3. ............................... 15 pontos
GRUPO III -----------------
1.................................. 5 pontos 25 pontos
2.................................. 5 pontos
3.................................10 pontos ------------------
----------------- Total 200 pontos
20 pontos

12
CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO

GRUPO I

1.
1.1. Versão 1 – (C); Versão 2 – (A) ....................................................... 5 pontos

1.2. ...................................................................................................... 10 pontos


A resposta integra os tópicos de referência seguintes ou outros de conteúdo
equivalente:
A) O oxigénio e o enxofre encontram-se no mesmo grupo da Tabela Periódica
(grupo 16) mas no 2º e 3º período, respetivamente.
B) Como o raio atómico aumenta ao longo do grupo, devido ao aumento do
número de níveis de energia preenchidos, o raio atómico do enxofre é maior do
que o raio atómico do oxigénio.
Níveis Descritores do nível de desempenho Pontuação

A resposta integra os dois tópicos de referência com organização


4 10
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.

A resposta integra os dois tópicos de referência com falhas na


3 8
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com linguagem


2 5
científica adequada.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com falhas na


1 3
utilização da linguagem científica.

1.3. ........................................................................................................ 5 pontos


O átomo de oxigénio apresenta 2 eletrões desemparelhados ( .

2.
2.1.
2.1.1..................................................................................................... 10 pontos
Etapas de resolução:

A) Apresentação da expressão que traduz a variação da entalpia da reação a


partir das energias de ligação ...................................................................... 5 pontos
- -

B) Cálculo da energia de ligação do oxigénio .............................................. 5 pontos

2.1.2. Versão 1 – (B); Versão 2 – (D) .................................................... 5 pontos

2.2 Versão 1 – (D); Versão 2 – (B) ........................................................ 5 pontos

2.3 ....................................................................................................... 15 pontos


A resposta integra os tópicos de referência seguintes ou outros de conteúdo
equivalente:
A) Sendo a reação de oxidação do SO2 uma reação exotérmica, a conversão de
SO2 em SO3 aumenta com a diminuição de temperatura e, atendendo a que é
acompanhada de uma diminuição do número de moléculas gasosas, a reação é
também favorecida por um aumento de pressão.
B) No entanto, a baixas temperaturas a reação é demasiado lenta, não sendo
rentável do ponto de vista industrial. Assim, a temperatura adotada, 430 ºC, é a
temperatura mais baixa a que ainda se consegue uma velocidade da reação
aceitável com auxílio de um catalisador.
C) Opta-se ainda por uma pressão de compromisso, uma vez que pressões muito
elevadas exigem equipamentos muito mais caros.
Níveis Descritores do nível de desempenho Pontuação

A resposta integra os três tópicos de referência com organização


6 15
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.

A resposta integra os três tópicos de referência com falhas na


5 13
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.

A resposta integra apenas dois tópicos de referência com organização


4 10
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.

A resposta integra apenas dois tópicos de referência com falhas na


3 8
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com linguagem


2 5
científica adequada.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com falhas na


1 3
utilização da linguagem científica.
GRUPO II

1. Versão 1 – (A); Versão 2 – (C) .......................................................... 5 pontos

2.
2.1. Versão 1 – (B); Versão 2 – (B) ....................................................... 5 pontos

2.2. Versão 1 – (D); Versão 2 – (A) ....................................................... 5 pontos

3. Versão 1 – (C); Versão 2 – (D) .......................................................... 5 pontos

4. ......................................................................................................... 15 pontos
Etapas de resolução:
A) Cálculo da quantidade de matéria de ácido salicílico ............................ 4 pontos
-1
M(C7H6O3) = 138,13 g mol
m = n M ⇒ n(C7H6O3) =
B) Cálculo da quantidade de matéria de ácido acetilsalicílico teoricamente
prevista ......................................................................................................... 3 pontos
Partindo da quantidade de matéria de ácido salicílico, como a razão molar é 1 mol
C7H6O3: 1 mol C9H8O4, então:
n(C7H6O3) = n(C9H8O4) ⇔ n(C9H8O4) =
C) Cálculo da massa de ácido acetilsalicílico teoricamente prevista ........... 4 pontos
-1
M(C9H8O4) = 180,17 g mol
m = n M ⇒ m(C9H8O4) = ⇔ m(C9H8O4) = 1,70 g
(D) Cálculo do rendimento da reação .......................................................... 4 pontos
η(%) = η(%) = η(%) = 72,4%

GRUPO III

1. Versão 1 – (D); Versão 2 – (C) .......................................................... 5 pontos

2. ........................................................................................................... 5 pontos
São simétricos.

3. ......................................................................................................... 10 pontos
A) Cálculo da altura da rampa ................................................................... 3 pontos
Uma inclinação de 4% significa que, quando se desce 4 m em altura, se percorrem
100 m de comprimento na rampa. Como, na realidade, a rampa tem 1300 m,
significa que terá uma altura de 52 m.
B) Cálculo da variação da energia mecânica ............................................ 5 pontos
5,0 km h1 = 1,4 m s1
5,4 km h1 = 1,5 m s1

C) Determinação da energia dissipada ...................................................... 2 pontos

GRUPO IV

1. Versão 1 – (A); Versão 2 – (B) .......................................................... 5 pontos

2.
2.1. ...................................................................................................... 10 pontos
A) Cálculo da potência total ........................................................................ 5 pontos

B) Cálculo da área dos painéis fotovoltaicos .............................................. 5 pontos

2.2 ....................................................................................................... 15 pontos


A resposta integra os tópicos de referência seguintes ou outros de conteúdo
equivalente:
A) A água “fria” que entra na parte inferior do coletor aquece, torna-se menos
densa e sobe sendo substituída por outra porção de água fria. Depois de atingir a
parte superior do coletor a água “quente”, menos densa, sobe até ao reservatório
criando um movimento de água “quente” ascendente.
B) Já a água “fria”, mais densa, desce até ao fundo do reservatório criando um
movimento de água “fria” descendente. Uma vez no fundo do reservatório, a água
fria tende a descer até ao coletor,
C) A água circula, assim, de modo natural, devido às correntes de convecção.
Níveis Descritores do nível de desempenho Pontuação

A resposta integra os três tópicos de referência com organização


6 15
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.

A resposta integra os três tópicos de referência com falhas na


5 13
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.

A resposta integra apenas dois tópicos de referência com organização


4 10
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.

A resposta integra apenas dois tópicos de referência com falhas na


3 8
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com linguagem


2 5
científica adequada.

A resposta integra apenas um dos tópicos de referência com falhas na


1 3
utilização da linguagem científica.

2.3 ....................................................................................................... 10 pontos


A) Cálculo da massa de água a vaporizar .................................................. 2 pontos

B) Cálculo da energia transferida para a água para elevar a temperatura dos 20 ºC


aos 100 ºC…………………………………………...……………………….…. 3 pontos

C) Cálculo da energia necessária à completa vaporização da


água………………………………………………………………………..….…. 3 pontos

D) Cálculo da energia térmica total transferida……………...………..….…. 2 pontos

GRUPO V

1. ........................................................................................................... 5 pontos
= 0,20 m.
2. ......................................................................................................... 10 pontos
A)  Cálculo da velocidade de propagação da onda ................................... 5 pontos

B)  Cálculo da frequência da onda sonora ................................................ 5 pontos


3.
3.1. Versão 1 – (B); Versão 2 – (D) ....................................................... 5 pontos

3.2 Versão 1 – (C); Versão 2 – (A) ........................................................ 5 pontos

GRUPO VI

1. ........................................................................................................... 5 pontos
-4
5 10 m ou equivalente.

2. Versão 1 – (D); Versão 2 – (C) .......................................................... 5 pontos

3. ......................................................................................................... 15 pontos
A) Cálculo do módulo da velocidade do carrinho na posição em que a tira de
cartolina passou em frente da célula fotoelétrica ........................................ 4 pontos

B) Cálculo do módulo da aceleração do carrinho ...................................... 7 pontos


Sendo . Substituindo t na equação do movimento
obtém-se:

, pelo que:

C) Cálculo da intensidade da resultante das forças que atuaram no carrinho


durante a travagem .................................................................................... 4 pontos
ESCOLA:

PROVA TIPO EXAME – FÍSICA E QUÍMICA A

10.º e 11.º Ano de Escolaridade

DURAÇÃO DO TESTE: 120 minutos

DATA:

VERSÃO 1

Indique de forma legível a versão da prova.

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

É permitida a utilização de régua, esquadro, transferidor e calculadora científica.

Não é permitido o uso de corretor. Deve riscar aquilo que pretende que não seja
classificado.

Para cada resposta, identifique o grupo e o item.

Apresente as suas respostas de forma legível.

Apresente apenas uma resposta para cada item.

As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado do teste.

É permitido o uso da tabela de constantes, do formulário e da tabela periódica.

Nas respostas aos itens de escolha múltipla, selecione a opção correta. Escreva, na folha de
respostas, o número do item e a letra que identifica a opção escolhida.

Nas respostas aos itens em que é pedida a apresentação de todas as etapas de resolução,
explicite todos os cálculos efetuados e apresente todas as justificações ou conclusões
solicitadas.

Utilize unicamente valores numéricos das grandezas referidas no teste (no enunciado dos
itens) ou na tabela de constantes e na tabela periódica.
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo I

A fosfina, PH3, à temperatura ambiente e pressão atmosférica normal é um gás incolor,


inflamável e tóxico. Esta substância é comercializada sob a forma de pastilhas e pastas com o
objetivo de combater pragas em produtos armazenados, como as moscas de frutas, os
besouros de cereais, os carunchos de feijão e as pestes do tabaco.
A fosfina pode ser obtida por aquecimento de fósforo branco, com hidróxido de sódio aquoso
concentrado, de acordo com a seguinte equação química:
P4(s) + 3 OH−(aq) + 3 H2O(ℓ) → PH3(g) + 3 H2 PO-2(aq)

1. Qual é o número total de átomos que existem em 50,0 dm3 de fosfina, medidos nas
condições normais de pressão e de temperatura?
(A) 2,70  1023 átomos
(B) 1,08  1024 átomos
(C) 1,34  1024 átomos
(D) 5,38  1024 átomos

2. Na transformação da espécie P4 na espécie PH3, o número de oxidação do fósforo varia


de…
(A) …0 para −1.
(B) …0 para −3.
(C) …+4 para −1.
(D) …+4 para −3.

3. Embora o nitrogénio e o fosforo pertençam ao mesmo grupo da Tabela Periódica, as


moléculas de amoníaco, NH3, e de fosfina, PH3, apresentam características físicas e químicas
muito distintas.
3.1. Represente a estrutura de Lewis da molécula de amoníaco.

3.2. As moléculas NH3 e PH3 assumem ambas uma geometria molecular __________, mas a
ligação P – H na molécula de PH3 apresenta __________ comprimento de ligação que a
ligação N – H na molécula de NH3.
(A) …piramidal trigonal …maior
(B) …piramidal trigonal …menor
(C) …triangular plana …menor
(D) …triangular plana …maior

4. Na síntese industrial de fosfina, um químico fez reagir 2,478 g de fósforo branco,


M = 123,88 g mol−1, com 5% de impurezas. Tendo a reação ocorrido com um rendimento de
70 %, determine a quantidade de matéria de fosfina obtida.
Apresente todas as etapas de resolução.

2
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo II

O estudo experimental do efeito da variação da temperatura no estado de equilíbrio químico


pode ser realizado através da reação de síntese do tetróxido de dinitrogénio a partir de dióxido
de nitrogénio, em sistema fechado.
2 NO2(g) ⇌ N2O4(g)
Castanho Incolor

Neste sistema, atendendo a que o N2O4 é um gás incolor enquanto o NO2 é castanho, o
progresso da reação pode ser controlado pela cor da mistura.
As mudanças de cor observadas, quando a reação ocorre a diferentes temperaturas,
encontram-se registadas na tabela seguinte:

1. O átomo de nitrogénio possui __________ eletrão(ões) desemparelhado(s) em orbitais


com uma distribuição __________ da densidade eletrónica, de modo a garantir __________.
(A) …um …esférica …o Princípio de Exclusão de Pauli
(B) …um …lobular …a Regra de Hund
(C) …três …esférica …o Princípio de Exclusão de Pauli
(D) …três …lobular …a Regra de Hund

2. Identifique o elemento químico do período do nitrogénio que apresenta menor valor de


energia de ionização.

3. A variação da entalpia da reação de síntese do tetróxido de dinitrogénio será positiva ou


negativa? Justifique.

4. Qual das seguintes alterações intensificaria a cor castanha da mistura de reação, a uma
temperatura constante?
(A) Aumento do volume do sistema.
(B) Aumento da pressão do sistema.
(C) Adição de um gás inerte.
(D) Adição de um catalisador.

3
Física e Química A 10.º e 11.º

5. Colocando dióxido de nitrogénio no sistema reacional à temperatura de 25 ºC o equilíbrio


químico foi atingido. No instante t1, depois de atingido o equilíbrio, aumentou-se a temperatura
para 100 ºC e aguardou-se que um novo estado de equilíbrio fosse atingido. Em t2 aumentou-
se novamente a temperatura para 300 ºC.
Qual é o gráfico que melhor traduz a variação da concentração de N2O4 e de NO2 ao longo do
tempo da situação descrita?
Note-se que os instantes t1 e t2, marcados no eixo Ox, não se encontram à escala.
(A)

(B)

(C)

(D)

4
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo III

O ácido acético, CH3COOH, cujo nome IUPAC é ácido etanoico, é um líquido incolor, à
temperatura ambiente, de cheiro penetrante, solúvel em água, álcool e éter, sendo o ácido
carboxílico mais conhecido. É o principal componente do vinagre, daí o seu nome do latim
acetum, que significa vinagre, sendo o responsável pelo seu sabor azedo.
Para determinar a concentração de ácido etanoico numa amostra de 250 cm3 de vinagre
diluído, procedeu-se à titulação, a 25 ºC, de 25,00 cm3 da amostra com uma solução padrão de
NaOH 6,00  10−2 mol dm−3.
A figura seguinte permite determinar o volume de NaOH utilizado até atingir o ponto final da
titulação.

A reação que ocorre no decorrer da titulação pode ser traduzida pela equação química
seguinte:
CH3COOH(aq) + OH−(aq) → CH3COO−(g) + H2O(ℓ)

1. Determine a concentração, em mol dm−3, de ácido acético nos 250 cm3 da solução de
vinagre diluído.
Apresente todas as etapas de resolução.

2. A constante de equilíbrio da reação de ionização de um ácido é designada constante de


acidez, Ka. É uma grandeza adimensional cujo valor depende da temperatura.
De forma a determinar a constante de acidez do ácido acético, um grupo de alunos mediu o pH
de uma solução de concentração 0,150 mol dm−3, tendo obtido o valor 2,78, a 25 ºC.
2.1 Qual é a expressão que permite determinar o valor da constante de acidez do ácido
etanoico à temperatura a que foi realizada a medição?
× −2,
(A) 𝐾a = −2,
, −
−2, 2
(B) 𝐾a = −2,
, −

, − −2,
(C) 𝐾a = −2,
×
, − −2,
(D) 𝐾a = −2, 2

5
Física e Química A 10.º e 11.º

2.2 O ácido clorídrico é um ácido mais forte que o ácido acético.


O ácido clorídrico é mais forte porque, uma solução com a mesma concentração que a solução
de ácido acético à mesma temperatura, …
(A) …é mais corrosiva.
(B) …tem menor valor de pH.
(C) …tem uma constante de equilíbrio superior.
(D) …tem maior concentração de ácido não ionizado.

3. As soluções aquosas de hidróxido de cálcio, Ca(OH)2, ou hidróxido de zinco, Zn(OH)2,


embora sejam básicas como a solução de hidróxido de sódio, não são geralmente usadas na
titulação pois apresentam um baixo valor de Kps.
Kps (Ca(OH)2) = 6,5  10−6 e Kps (Zn(OH)2) = 3,0  10−17, a 25 ºC

3.1. Qual é a relação entre a constante de produto de solubilidade e a solubilidade do hidróxido


de cálcio em água?

3.2. A relação entre a ordem de grandeza da solubilidade do hidróxido de cálcio e a ordem de


grandeza do hidróxido de zinco é…
(A) 10−11
(B) 10−4
(C) 104
(D) 1011

3.3. A solubilidade de uma solução aquosa de hidróxido de zinco, Zn(OH)2, __________ se se


__________ a acidez da solução por __________.
(A) …aumenta …aumentar …aumento da [H O+ ]
(B) …aumenta …diminuir …diminuição de pH
(C) …diminui …aumentar …diminuição de pH
(D) …diminui …diminuir …aumento da [H O+ ]

6
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo IV

Em maio de 2018 o tenista vimaranense João Sousa venceu a final do mais importante torneio de ténis
realizado no nosso país, o Estoril Open, tornando-se o primeiro português a conquistar a única prova
portuguesa do ATP World Tour.
Nesta modalidade desportiva, para dar início ao serviço, o tenista lança a bola de ténis ao ar e bate-lhe
com a raquete antes que toque no chão. O serviço terá que passar por cima da rede e cair no quadrado
de serviço diagonalmente oposto, antes de ser devolvida pelo adversário, como mostra a figura.

Imagine que o jogador lança a bola de ténis, de 57,0 g, verticalmente para cima, da posição 1,80 m e
com uma velocidade de módulo 4,0 m s−1.
Considere o referencial de eixo vertical, com origem no solo, e sentido positivo para cima. Considere
ainda que a bola pode ser representada pelo seu centro de massa (modelo da partícula material) e que
é desprezável a ação da resistência do ar.

1. Durante o movimento de subida da bola, esta adquire movimento retilíneo __________, com uma
componente escalar da aceleração de __________.
(A) …uniformemente acelerado …10 m s−2
(B) …uniformemente acelerado …− 10 m s−2
(C) …uniformemente retardado …10 m s−2
(D) …uniformemente retardado …− 10 m s−2

2. Recorrendo exclusivamente às equações do movimento, determine a altura máxima que a bola


atinge no lançamento vertical.

3. Quando a bola atinge a posição A, a 2,50 m do chão, o jogador acerta na bola de modo a fazê-la
atravessar a rede e atingir o campo do seu adversário. O módulo da velocidade adquirida pela bola
nesse serviço foi 64,0 m s−1.
As velocidades inicial, 𝑣⃗⃗⃗⃗ , e final, 𝑣 , antes e depois do impacto da bola com a raquete, estão
representadas na figura abaixo.

7
Física e Química A 10.º e 11.º

3.1. Quando a raquete bate na bola, a resultante das forças aplicadas deve ter componente na direção
da velocidade inicial__________ e componente __________ na direção perpendicular à velocidade
inicial.
(A) …nula …nula
(B) …nula …não nula
(C) …não nula … não nula
(D) …não nula … nula

3.2. No trajeto da bola de A para C, o trabalho realizado pela força gravítica que atua na bola é
__________ e __________ variação da energia cinética do sistema bola + Terra.
(A) … negativo …igual à
(B) … negativo …simétrico da
(C) … positivo …simétrico da
(D) … positivo …igual à

3.3. Determine o módulo da velocidade que a bola atinge o solo, na posição C.


Apresente todas as etapas de resolução.

3.4. No ressalto da bola na posição C, existe __________ de energia mecânica pelo que a energia
cinética com que a bola sai do solo é __________ à energia cinética com que a bola chega ao solo.
(A) …dissipação …igual
(B) …dissipação …inferior
(C) …conservação …igual
(D) …conservação …inferior

4. Para não perder o ponto, o jogador adversário deve devolver o serviço depois da bola tocar a
primeira vez no chão do seu quadrado de serviço.
Considere que o jogador adversário devolve o serviço imprimindo na bola uma velocidade de módulo
55,0 m s−1, sem provocar alteração na direção do seu movimento, e que, para isso, o tempo de contacto
entre a bola e a raquete, desde que a bola parou até que foi lançada em sentido contrário, foi de 30 ms.
Qual deverá ser a intensidade da força aplicada na bola?
Apresente todas as etapas de resolução.

8
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo V

Uma das descobertas mais importantes do eletromagnetismo foi feita pelo inglês Michael
Faraday em 1831, na data da sua primeira demonstração experimental da lei de indução
eletromagnética de Faraday, o princípio básico do funcionamento do gerador elétrico, do
transformador elétrico ou de uma guitarra elétrica.
Uma espira condutora encontra-se numa região onde existe um campo magnético. Na figura
encontram-se representadas as linhas do campo magnético que atravessam
perpendicularmente a espira, num dado instante. O gráfico mostra como varia o fluxo
magnético na espira num intervalo de tempo de 12 s.

1. A partir da figura, classifique o campo magnético na região onde se localiza a espira.

2. Qual é a intensidade máxima do campo magnético que atravessa a espira no período de


tempo de 12 s?

3. De acordo com a lei de indução eletromagnética de Faraday, a força eletromotriz induzida


na espira é máxima no intervalo de tempo __________ sendo o seu módulo __________.
(A) …[0; 6] s …0,1 V
(B) …[0;6] s …0,1 T
(C) …[10; 12] s …0,3 T
(D) …[10; 12] s …0,3 V

9
Física e Química A 10.º e 11.º

Grupo VI

Numa aula laboratorial, um grupo de alunos pretendia determinar a capacidade térmica


mássica do cobre, avaliando depois a sua exatidão comparando o valor obtido com o valor de
referência, 387 J kg−1 ºC−1.
Para isso, introduziram nos orifícios de um bloco calorimétrico de cobre, de massa 1,10 kg, um
termómetro e uma resistência de aquecimento ligada a uma fonte de alimentação com um
circuito elétrico, tal como representado na figura seguinte.

Fechando o interruptor, foram registando, de minuto em minuto, os valores da temperatura, da


corrente elétrica e da diferença de potencial, até se verificar uma variação de cerca de 10,00 ºC
na temperatura do bloco.
A energia dissipada, por efeito Joule, pela resistência elétrica de aquecimento pode ser
determinada conhecendo a corrente elétrica que atravessa o circuito elétrico, I, a diferença de
potencial elétrico nos terminais da resistência, U, e o intervalo de tempo, ∆t, em que esteve
ligada.
No gráfico seguinte estão registados os valores de variação de temperatura, ∆T, do bloco em
função da energia fornecida pela resistência elétrica de aquecimento, E, ao bloco, e a reta de
ajuste aos pontos experimentais.

10
Física e Química A 10.º e 11.º

1. No circuito elétrico, o amperímetro encontra-se instalado em __________ e o voltímetro


em __________.
(A) …série …série
(B) …série …paralelo
(C) …paralelo …paralelo
(D) …paralelo …série

2. Indique o significado físico do declive da reta do gráfico da variação de temperatura em


função da energia e determine a capacidade térmica mássica do cobre.

3. Num segundo ensaio, os alunos retiraram o isolamento do bloco tendo obtido o valor
423 J kg−1 ºC−1. Nesse ensaio o erro relativo em percentagem cometido pelos alunos foi
superior podendo ser determinado pela expressão…
| − |
(A) 𝑒𝑟 % = ×
| − |
(B) 𝑒𝑟 % = ×

(C) 𝑒𝑟 % = | − |
×

(D) 𝑒𝑟 % = | |
×

4. Uma esfera de cobre, com 152,3 g, à temperatura de 76,0 ºC e foi mergulhada em 100,0 g
de água à temperatura de 17,5 ºC tendo-se atingido o equilíbrio térmico à temperatura de
21,2 ºC.
Determine a variação da energia interna do sistema, interpretando o sinal do valor encontrado.
Apresente todas as etapas de resolução

Cotações

Item
Grupo Total
Cotação (em pontos)
1. 2. 3.1. 3.2. 4.
I
5 5 5 5 10 30
1. 2. 3. 4. 5.
II
5 5 15 5 5 35
1. 2.1. 2.2. 3.1. 3.2. 3.3.
III
15 5 5 5 5 5 40
1. 2. 3.1. 3.2. 3.3. 3.4. 4.
IV
5 10 5 5 10 5 10 50
1. 2. 3.
V
5 5 5 15
1. 2. 3. 4.
VI
5 10 5 10 30
Total 200

11
CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO

GRUPO I
1. Versão 1 - (D); versão 2 – (A) .................................................................... 5 pontos
2. Versão 1 - (B); versão 2 – (C).................................................................... 5 pontos
3.
3.1. ................................................................................................................. 5 pontos

3.2. Versão 1 - (A); versão 2 – (D) ................................................................. 5 pontos


4. ...................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Cálculo da quantidade de matéria de fósforo ................................. 4 pontos
pura = , × , = , g
, −
= 𝑀 P = ,
= , × mol

B) Cálculo da quantidade de matéria de fosfina prevista .................... 3 pontos


Como 1 mol P4: 1 mol PH3, então:

PH = P = , × mol
C) Cálculo da quantidade de matéria de fosfina obtida ....................... 3 pontos
obtida obtida −
𝜂 % = × , =
, × − ⇔ obtida = , × mol
prevista

GRUPO II
1. Versão 1 - (D); versão 2 – (A) .................................................................... 5 pontos
2. Lítio ............................................................................................................ 5 pontos
3. ...................................................................................................................15 pontos
A resposta integra os tópicos de referência seguintes ou outros de conteúdo
equivalente:
A) A análise da tabela permite concluir que o aumento da temperatura
desloca o sistema em equilíbrio no sentido inverso, aumentando a
concentração de NO2, que apresenta cor castanha, e diminuindo a
concentração de N2O4.
B) De acordo com o princípio de Le Châtelier, um aumento de temperatura
favorece a reação endotérmica.
C) Assim, a reação inversa será endotérmica e a direta exotérmica, pelo que
a variação da entalpia da reação será negativa.
Níveis Descritores do nível de desempenho Pontuação
A resposta integra os três tópicos de referência com organização
6 15
coerente dos conteúdos e linguagem científica adequada.
A resposta integra os três tópicos de referência com falhas na
5 13
organização dos conteúdos ou na utilização da linguagem científica.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A) e B) ou apenas
4 os tópicos de referência A) e C) com organização coerente dos 10
conteúdos e linguagem científica adequada.
A resposta integra apenas os tópicos de referência A) e B) ou apenas
3 os tópicos de referência A) e C)com falhas na organização dos 8
conteúdos ou na utilização da linguagem científica.
A resposta integra apenas o tópico de referência A ou apenas o tópico
2 5
de referência B com linguagem científica adequada.
A resposta integra apenas o tópico de referência A ou apenas o tópico
1 3
de referência B com falhas na utilização da linguagem científica.

4. Versão 1 - (A); versão 2 – (D).................................................................... 5 pontos


5. Versão 1 - (C); versão 2 – (B).................................................................... 5 pontos

GRUPO III

1. ...................................................................................................................15 pontos
Etapas de resolução:
A) Determinação do volume de NaOH consumido ................................ 3 pontos
𝑉 NaOH = , – , = , mL
B)Cálculo da quantidade de matéria de OH−......................................... 4 pontos
− − −
NaOH = , × × , × = , × mol
OH − = NaOH = , × −
mol
C) Cálculo da quantidade de matéria de CH3COOH ............................. 4 pontos
De acordo com a equação química que traduz a reação de neutralização, o
H3O+ proveniente da ionização completa do acido CH3COOH e o OH−
proveniente da dissociação completa da base NaOH reagem na proporção de
1:1, logo:
H O+ = OH - = , × −
mol
CH COOH = H O+ = , × −
mol
D) Cálculo da concentração de CH3COOH na solução de vinagre........ 4 pontos
n , × −

𝑐CH COOH =V 𝑐CH COOH = − = , × mol dm−3
, ×

2.
2.1. Versão 1 - (B); versão 2 – (C) ................................................................. 5 pontos
2.2. Versão 1 - (C); versão 2 – (B) ................................................................. 5 pontos
3.1. ................................................................................................................ 5 pontos
𝐾ps =
3.2. Versão 1 - (C); versão 2 – (B) ................................................................. 5 pontos
3.3. Versão 1 - (A); versão 2 – (D) ................................................................. 5 pontos

GRUPO IV
1. Versão 1 - (D); versão 2 – (A) ................................................................... 5 pontos
2. ..................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Escrita das equações do movimento ................................................ 2 pontos
𝑣= 𝑣 + 𝑎𝑡 ⇔𝑣= , − 𝑡

𝑦= 𝑦 + 𝑣 𝑡+ 𝑎𝑡 𝑦= , + , 𝑡− 𝑡

B) Cálculo do tempo de subida da bola ................................................ 4 pontos


A bola atinge a altura máxima, no instante 𝑡 , em que 𝑣 = m s−
𝑣= , − 𝑡 ⇔ = , − 𝑡 ⇔𝑡= , s
C) Cálculo da altura máxima ................................................................. 4 pontos
𝑦= , + , 𝑡− 𝑡 ⇔𝑦= , + , × , − × , ⇔𝑦= , m
3.
3.1. Versão 1 - (C); versão 2 – (B) ................................................................. 5 pontos
3.2. Versão 1 - (D); versão 2 – (A) ................................................................. 5 pontos
3.3. ................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Cálculo da energia mecânica no ponto A ......................................... 4 pontos

m, A = c, A + pg, A m, A = 𝑣A + 𝑔 ℎA
− −
m, A = × , × × , + × , × × , = , × J

B) Determinação da energia mecânica no ponto C ............................... 2 pontos


Como no trajeto de A para C só atua a força gravítica, uma força conservativa,
m, C = ,A = , × J
C) Cálculo do módulo da velocidade no ponto C .................................. 4 pontos

m, C = c, C + pg, C m, C = 𝑣A + 𝑔 ℎA

, × = × , × × 𝑣𝐶 + 𝑣𝐶 = , m s−

3.4 Versão 1 - (B); versão 2 – (C) .................................................................. 5 pontos


4. ..................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Cálculo da aceleração média ........................................................... 5 pontos
∆𝑣 𝑣𝑓 − 𝑣𝑖 , −
𝑎 = ⇔ 𝑎 = 𝑎 = ⇔ 𝑎 = , × m s−
∆𝑡 𝑡𝑓 − 𝑡𝑖 × −
B) Cálculo da intensidade da força ....................................................... 5 pontos

𝑅 = 𝑎 𝑅 = , × × , × ⇔ 𝑅 = , × N

GRUPO V
1. ................................................................................................................... 5 pontos
Campo magnético uniforme
2. ................................................................................................................... 5 pontos
[𝛷m = B A cos α , =B×π× , × cos ° ]B = , T
3. Versão 1 - (D); versão 2 – (A) .................................................................... 5 pontos

GRUPO VI
1. Versão 1 - (B) ; versão 2 – (C) ................................................................... 5 pontos
2. ..................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Indicação do significado físico do declive ......................................... 5 pontos
= 𝑐∆ ∆ = declive =
𝑐 𝑐

B) Cálculo da capacidade térmica mássica........................................... 5 pontos



declive = 𝑐
, × = , 𝑐
𝑐= J Kg - K -

3. Versão 1 - (A); versão 2 – (D).................................................................... 5 pontos


4. ..................................................................................................................10 pontos
Etapas de resolução:
A) Cálculo da variação da energia interna da esfera ............................. 3 pontos

= 𝑐∆ = , × × × , − , =− , × J
B) Cálculo da variação da energia interna da água............................... 3 pontos

= 𝑐∆ = , × × , × × , − ,
= , × J
C) Cálculo da variação da energia interna do sistema .......................... 2 pontos
∆ =− , × + , × =− , × J
D) Interpretação do sinal da variação da energia interna do sistema .... 2 pontos
O sinal negativo significa que o sistema perdeu energia para a vizinhança

Você também pode gostar