Você está na página 1de 9

PROJETO VERSOS COLORIDOS– ONDE ESTÁ A POESIA?

TEREZINHA BASTOS (SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE CAXIAS-MA).

Resumo
VERSOS COLORIDOS– ONDE ESTÁ A POESIA? é um projeto de incentivo à leitura e
à escrita fundamentado no princípio de que a poesia associada a atividades lúdicas
e a diversas formas de arte (música, dança, teatro, desenho e pintura) estimula o
prazer de ler e escrever em alunos com difuculdades de aprendizagem. O Projeto
foi desenvolvido no período de agosto de 2006 a abril de 2008, na Escola Pública
U.I.M. Profª Magnólia Hermínia Araújo, em Caxias–Ma. O Projeto foi divido em
quatro etapas: na primeira etapa denominada ONDE ESTÁ A POESIA?, os alunos
estudaram quadrinhas, parlendas, cantigas de roda, (conforme anexo 1) e de ninar,
brincaram com jogos, fizeram dramatizações e painéis poéticos (ver anexo 2). Na
segunda etapa, intitulada O QUE É O POEMA?, realizaram–se leituras e análises de
poemas, pesquisaram–se biografias de poetas e confeccionaram–se livrinhos com
os poemas preferidos das crianças (ver anexo 3). Na terceira etapa, denominada
EU SOU O POETA! – os alunos apreciaram músicas instrumentais, participaram de
oficinas de música, dança, desenho e pintura (conforme anexo 4); trabalhou–se
com leitura de imagens, recortes e colagens, os alunos criaram e ilustraram
poemas e em seguida realizou–se um recital (conforme anexo 5);posteriormente
foram selecionados poemas de cada aluno para a organização do livro a ser
editado. Na quarta etapa, realizou–se uma parada poética na escola com exposição
dos trabalhos dos alunos. Nesta etapa aconteceu oficialmente o lançamento do livro
“VERSOS COLORIDOS – ONDE ESTÁ A POESIA?“, no qual os alunos poetas
demonstraram na noite de autógrafos,(conforme anexo 6) seu saber e fazer
poéticos. O projeto VERSOS COLORIDOS– ONDE ESTÁ A POESIA? foi selecionado
pelo Ministério da Cultura no I Concurso Pontos de Leitura 2008– Edição Machado
de Assis, por representar uma proposta inovadora no campo educacional.

Palavras-chave:
POESIA, LUDICIDADE, MÚSICA.

1 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

A linguagem é o instrumento pelo qual o ser humano se comunica, tem acesso à


informação, expressa seu pensamento, articula idéias e produz cultura. E para
tanto, faz-se necessário o domínio de uma língua. Aprender uma língua significa
conhecer e compreender os signos linguísticos e seus significados e refletir sobre a
natureza da comunicação, suas intenções nas diversas situações de interação
sociais que exigem modos diversos de expressão da linguagem.

Entretanto, "a língua é um conjunto de signos histórico e social que possibilita ao


homem significar o mundo e a realidade" (Parâmetros Curriculares
Nacionais/Língua Portuguesa, 2001: 34).

Partindo de uma visão interacionista da linguagem, o ensino de Língua Portuguesa


deve centrar-se em práticas significativas e contextualizadas em que o uso da
língua oral, escrita e a análise e reflexão sobre a língua sejam trabalhos essenciais
no processo de aprendizagem a fim de que o aprendiz desenvolva "as quatro
habilidades linguísticas básicas, falar, escutar, ler e escrever". (Parâmetros
Curriculares Nacionais / Língua Portuguesa, 2001:43).
Leitura e escrita são atividades interdependentes, pois através da inter-relação
leitura-produção é possível o educador trabalhar com o aluno a atividade de
reflexão. "A leitura é um processo de interlocução entre o leitor/autor mediado pelo
texto. Encontro com o autor, ausente, que se dá pela palavra escrita" (GERALDI,
1999: 91). Através da leitura crítica e dinâmica de gêneros textuais diversos é
possível formar leitores que sejam capazes também de produzir textos coerentes,
coesos e adequados quanto à ortografia e à situação de comunicação.

O ensino de Literatura deve estar integrado ao ensino da Língua Portuguesa, pois o


texto literário suscita o imaginário, desperta as emoções, desenvolve a
sensibilidade estética, a expressão linguística, favorece a construção de
conhecimentos e ainda diverte. A poesia (gênero literário) é a expressão de nossos
sentimentos, valores e visão de mundo, porém, ela se materializa no poema. A
fantasia, a sensibilidade e o predomínio da linguagem afetiva caracteriza o campo
da poesia e da infância e, por isso, a experiência que a criança deve ter na escola
em relação à poesia é aquela em que o seu valor artístico seja trabalhado de forma
lúdica e prazerosa, na qual a música, os jogos e as brincadeiras façam parte desse
universo, como argumenta Cunha (1994):

Sabemos que a poesia de nossa época está próxima das cantigas populares e
folclóricas, das canções de ninar, dos versos de roda e dos jogos - e ao entrar na
escola esta é a experiência que a infância tem, e continuará a ter no período
escolar no campo da poesia. (p. 120)

Ludicidade, arte e poesia são conhecimentos que se entrelaçam. As brincadeiras e


jogos também possibilitam múltiplas aprendizagens.

Ângela Meyer Borba, doutora em educação (in. BRASIL/MEC, 2000: 39) afirma que:
" ... o brincar é um espaço de apropriação e constituição pelas crianças de
conhecimentos e habilidades no âmbito da linguagem, da cognição, dos valores e
da sociabilidade".

A poesia associada a diferentes formas de arte (desenho, pintura, música, dança e


teatro) contribui inegavelmente para uma aprendizagem significativa da língua
materna e desperta o gosto pela literatura, pois de acordo com os Parâmetros
Curriculares Nacionais/Artes (2001):

O conhecimento em arte abre perspectivas para que o aluno tenha uma


compreensão do mundo na qual a dimensão poética esteja presente: a arte ensina
que é possível transformar continuamente a existência, que é preciso mudar
referencias a cada momento, ser flexível. Isto quer dizer que criar e conhecer são
indissociáveis e a flexibilidade é a condição fundamental para aprender. (p. 21)

Portanto, para que as atividades que envolvem linguagem oral e linguagem escrita,
leitura e produção de textos venham contribuir para um ensino-aprendizado
eficiente e eficaz da Língua Portuguesa e a da Literatura, faz-se necessária a
elaboração de projetos de leitura e escrita, pois são formas organizadas
significativas e contextualizadas nas quais todos os envolvidos compartilham um
objetivo e buscam um produto final.

O Projeto Versos Coloridos - Onde está a poesia? através de práticas dinâmicas de


leitura e produção textual alicerçadas nesses três pilares de ensino e
aprendizagem: poesia, arte e ludicidade, contribuiu para superação das carências
apresentadas por alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental proporcionando-
lhes um ler e um fazer poético prazeroso.
JUSTIFICATIVA

O Projeto Versos Coloridos - Onde está a poesia? é uma proposta educacional de


incentivo à leitura e à escrita.

Os aprendizes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental da Unidade Integrada


Municipal Professora Magnólia Hermínia Araújo apresentavam carências
significativas no aprendizado da leitura e da escrita. O Projeto Versos Coloridos -
Onde está a poesia? fundamentado no princípio de que a poesia associada a
diversas formas de arte (música, dança, teatro, desenho e pintura) e a atividades
lúdicas (brincadeiras e jogos) estimula o prazer de ler e escrever.

O poema é um gênero textual com características próprias que permite através da


sua linguagem polissêmica o desenvolvimento da imaginação, do senso crítico, da
expressão oral e escrita e do vocabulário. O brincar possibilita o desenvolvimento
da linguagem, da inteligência, dos valores e da socialização. E o ensino de arte
desenvolve a percepção, observação e a sensibilidade do educando.

OBJETIVOS

•· Estimular a prática da leitura-prazer e a produção de textos poéticos.

•· Desenvolver a sensibilidade, a criatividade e senso crítico.

•· Realizar leitura de poemas observando a pontuação, a entonação e o ritmo


adequados, bem como a temática e o significado de palavras desconhecidas no
texto.

•· Desenvolver habilidades ortográficas e gramaticais.

•· Diminuir as carências de leitura e escrita apresentadas pelos alunos.

METODOLOGIA

O Projeto Versos Coloridos - Onde está a poesia? foi desenvolvido no período de 08


de agosto de 2006 a 26 de abril de 2008 e apresentou uma metodologia
diversificada. O Projeto foi dividido em quatro etapas fundamentais: na primeira
etapa intitulada Onde está a poesia?, a introdução ao estudo da poesia foi
dinamizada através da leitura de poemas que abordavam essa temática; os alunos
estudaram quadrinhas, parlendas, cantigas de roda (anexo 1) e de ninar, fizeram
dramatizações e painéis poéticos (anexo 2).

Na segunda etapa denominada O que é o poema?, os alunos realizaram leituras


de poemas de autores diversos, estudaram os conceitos de poema, verso, estrofe,
rima, ritmo, poeta e temática poética; analisaram poemas e confeccionaram
livrinhos com seus poemas prediletos (anexo 3). Foram aplicadas várias dinâmicas
com utilização de jogos e brincadeiras.
Na terceira etapa com o tema Eu sou o poeta!, as dinâmicas de leitura e produção
textual foram dinamizadas a partir de oficinas de músicas, dança, desenho e
pintura (anexo 4). Trabalhou-se com recorte e colagem de gravuras. Os alunos
criaram poemas a partir dessas imagens e também de músicas e de suas pinturas e
desenhos. Nessa etapa, cada aluno-poeta fez com orientação do professor a auto-
avaliação de suas produções poéticas. Houve preparação de recital e foram
selecionados poemas de cada aluno para a organização do livro Versos Coloridos -
Onde está a poesia?, a ser editado.

Na quarta etapa realizou-se uma Parada poética com recital de poesias (anexo 5)
e exposição de trabalhos à comunidade. As atividades foram expostas na própria
escola, na Feira de Livros do Serviço Social do Comércio (SESC) e também no
povoado Canoas, situado na zona rural de Caxias - MA.

O ponto culminante do Projeto foi o evento de lançamento oficial do livro Versos


Coloridos - Onde está a poesia? de autoria do alunos participantes do Projeto. Pais
de alunos, diretoras, coordenadora pedagógica da escola e membros da Secretaria
Municipal de Educação de Caxias-MA foram convidados para a noite de autógrafos
(anexo 6) dos alunos-poetas, que de forma brilhante demonstraram todo o seu
saber e fazer poético.

AVALIAÇÃO

A avaliação do processo de ensino e aprendizagem das atividades desenvolvidas no


Projeto Versos Coloridos - Onde está a Poesia? priorizou tanto os aspectos
qualitativos quanto os quantitativos. Foram avaliados:

•· O interesse do aluno por ouvir, ler e escrever poemas.

•· Assiduidade e participação nas atividades realizadas.

•· A sensibilidade e a criatividade na recepção, apreensão e produção de textos


poéticos.

•· A socialização das idéias do aluno perante o grupo e o respeito às idéias do


outro.

•· Autonomia e posicionamento crítico na leitura e produção de poemas.

•· A disposição do aluno em fazer a auto-avaliação de suas produções escritas com


o objetivo de aprimorá-las.

•· O uso adequado da linguagem na expressão oral e escrita dos alunos.

•· Desempenho na realização das atividades individuais e grupais e dos trabalhos


de pesquisa.

•· A qualidade das produções escritas nos campos formal, discursivo e semântico


observando as habilidades de cada faixa etária dos alunos e a série (ano).

Os aspectos mencionados foram registrados sistematicamente em fichas individuais


de acompanhamento do rendimento escolar do aluno. A partir do preenchimento
das fichas, observação e análises de seus resultados, constatou-se que o projeto
contribuiu para a aquisição de conhecimentos linguísticos, o aprendizado de
técnicas literárias, a formação de leitores escritores, o respeito à opinião e a
expressão; resgatou a identidade cultural da comunidade e contribuiu para a
formação de cidadãos críticos. Portanto o Projeto alcançou todos os seus objetivos.

REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BRASIL. Ministério da educação. Ensino Fundamental de nove anos:


orientações para a inclusão da criança de seis anos de idade. 1. ed. Brasília:
FNDE, Estação Gráfica, 2006.

CUNHA, Maria Antonieta Antunes. Literatura Infantil: Teoria & Prática. São
Paulo: Ática, 1994.

DIEZ, Carmem Lúcia Fornari; HORN, Geraldo Balduino. Orientações para a


elaboração de projetos e monografias. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Miniaurélio Século XXI Escolar: O


minidicionário da língua Portuguesa. 4.ed. rev. Ampliada. Rio de Janeiro: Nova
Fronteira, 2001.

GERALDI, João Wanderley. [et alii]. O texto na sala de aula. Editora Ática,
Coleção na Sala de Aula, São Paulo, 1999.

PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS: Língua Portuguesa. Ministério da


Educação. Secretaria da Educação Fundamental. 3. ed. vol. 2. Brasília: 2001.

______ : Arte/Ministério da Educação Fundamental. 3. ed. vol. 6. Brasília: 2001.


ANEXOS
ANEXO 1 – PRIMEIRA ETAPA DO PROJETO: ONDE ESTÁ A POESIA?

Alunos brincando e dramatizando a cantiga de roda “Carneirinho, carneirão”.

ANEXO 2 – PRIMEIRA ETAPA DO PROJETO: ONDE ESTÁ A POESIA?

Crianças confeccionando painéis poéticos a partir da temática: onde está a poesia?


ANEXO 3 – SEGUNDA ETAPA DO PROJETO: O QUE É O POEMA?

Alunos mostrando livrinhos que confeccionaram com seus poemas prediletos

ANEXO 4 – TERCEIRA ETAPA DO PROJETO: EU SOU POETA!

Crianças participando de oficina de arte (desenho e pintura).


ANEXO 5 – TERCEIRA ETAPA DO PROJETO: EU SOU POETA!

Recital: criança recitando poesia

ANEXO 6 – QUARTA ETAPA DO PROJETO: PARADA POÉTICA

Lançamento do livro: Versos Coloridos - onde está a poesia? – alunas


autografando livros.
 

Você também pode gostar