Você está na página 1de 5

Pensamentos e Um Poema

Clavio J. Jacinto
(48)999947392
facebook/claviojacinto
claviojj@gmail.com

Sobre visão espiritual:


“Os olhos nunca estarão voltados para o que é espiritual
se o coração estiver completamente voltado para o que é
material”

Sobre decadência:
“A causa da queda de muitos e a ruína conseqüente estão
no fato de ignorarem um princípio espiritual de que
existe na vida a lei da semeadura e da colheita daquilo
que semeamos.”

Sobre palavras:
“Vigia, pois as tuas palavras, porque tudo o que proferires
da tua boca trará consigo todo o peso de teu caráter.

Sobre reputação:
“O homem verdadeiramente santo é aquele que ergue
altares de dignidades com as pedradas que recebe, molda
o caráter acima da linha das aflições, constrói a reputação
sobre a resiliencia, fortalece o coração pela paciência e
inabalável quando é acusado injustamente”

Sobre coração fortalecido:


“Não deve ser o coração fraco diante da lisonja que
corrompe, porém deve ser forte para resistir a mentira e
ser aceitável perante a correção que necessita receber”
Sobre eternidade:
“A sabedoria consiste em viver o momento partilhado do
presente com responsabilidade de modo a perceber que o
presente é o fio que tece o caminho da eternidade.”

Sobre pessimismo e otimismo:


“O pessimismo e o otimismo é uma questão de visão e
senso, depois do entardecer uns esperam a escuridão da
noite, e outros esperam as estrelas cintilantes.”

Sobre superfluidade:
“Jamais devemos dar ênfase para o que é supérfluo em
prejuízo pelo que é perene, muitos homens trabalham a
vida toda para morrerem debaixo da ruína dos
escombros de suas escolhas ruins.”
Sobre orações:
“A oração deve ser um pulsar contínuo por onde flui a
permanência de uma vida sóbria e nasce uma esperança
verdadeira.”

Sobre equilíbrio de sentimentos:


“Nenhuma liberdade é mais coerente do que a liberdade
de amar as coisas certas e odiar as coisas erradas.”

Sobre fortaleza de caráter:


"A suma da vida espiritual é evitar a corrupção moral,
preservar o nosso coração da corrupção mental e evitar
com tenacidade e com austeros combates, o gérmen onde
nascem todas as injustiças e iniqüidades"

Sobre batalhas:
As maiores batalhas são travadas dentro da nossa mente,
muitas vezes elas são reações das percepções que temos
das coisas que a vida nos oferece. Trata-se de uma guerra,
porque embora sejam seduções potentes, carregam por
trás de prodigiosas fantasias um poder fatal de
destruição.

Sobre Vigilância:
“Estejamos atentos aos movimentos espirituais da vida: a
dor que nos induz a uma reflexão existencial profunda é
melhor do que uma alegria passageira que pode
anestesiar a nossa sensibilidade”

Sobre realidade e Ilusão:


“O que vimos hoje em nosso mundo? Pessoas sob uma forte
influência de estagnação mental. Há uma grande quantidade de
pessoas em nossa sociedade que sofreram uma dissociação da
realidade no seu todo, fixando o raciocínio em um foco do
problema agindo de forma completamente parcial para
satisfazer apenas interesses pessoais.”
Infância de Meus Pesares

Ancorado no cais distantes da vida

Entre jardins e sonhos de infância

Escondido nos lírios e alfazemas de verão

Plácidas colinas de meus segredos

Robustos tenores das vozes medo

Antigas tumbas de meus sorrisos

Poentes luminosos de meus brinquedos

A face dourada de bonecos de chumbo

Caracóis de pétalas e moedas antigas

Louças coloridas que se quebram

Das faias e murtas tais orquestras

Dos alamos e salgueiros meus refúgios

Como anjo da alva em cristal de almíscar


Entre pedaços de pães e o açúcar

Adormece a nostálgica saudade

Quem me dera fosse como o açafrão

Em mil sois girando em torno e ferro

Diria ao mundo entre gritos e berros

Que as janelas e as portas se abrem agora

Para entrar triunfante o Rei da glória