Você está na página 1de 9

CCDR2

Camila da Rosa
CCDR3

• Nasceu em 1932, na Coréia, e em 1950


mudou-se para o Japão.

• Bacharelou-se em História da Arte e História


da Música

• Formação musical influenciou sua carreira.

• Performance + tecnologia.

• Vida × tecnologia.

• Faleceu em 2006.
CCDR4

 Universidade de Munique (Alemanha).

 John Cage, Karlheinz Stockhausen e


outros artistas conceituais.

 Fluxus: antiarte.

Nam June Paik, John Cage e David Tudor (1960)


CCDR6

 Estreia: “Exposition of music –


eletronic television” (1963).

 “TV Magnet”: origem da


videoarte.

 Happenning.

 Interação com o público.


CCDR8 PAIK, Nam June. “TV Magnet”, 1965.
CCDR7

“O título que Paik escolheu para a obra indica a sua transição da música
para a imagem eletrônica. Os visitantes não só eram confrontados com a
novidade da imagem eletrônica nas televisões, mas também se
encontravam integrados numa instalação dadaísta. Criou-se, assim, um
ambiente de desorientação que antecipava o que estaria para vir nos anos
sessenta – a invasão da programação televisiva por toda a parte. Desta
forma, descobriu-se o aparelho da televisão como material artístico, que
muitos outros artistas além de Nam June Paik vieram a explorar e a
desenvolver sob formas de arte multimídia. A videoarte começava, assim,
a dar passos largos e a ocupar um grande espaço no caminho das obras de
arte.”

(Adaptado de Loureiro, 2013)


 Campo expandido: esbater
fronteiras, alargar limites, gerar
conexão.

 Happening: conexão entre arte


e vida.

CCDR5
 TV: expansão de objeto final
para meio e matéria-prima.
"Our life is half natural and half technological. Half-and-half is good. You
cannot deny that high-tech is progress. We need it for jobs. Yet if you make
only high-tech, you make war. So we must have a strong human element to
keep modesty and natural life.”
 http://www.guggenheim-bilbao.es/en/exhibitions/the-worlds-of-nam-june-paik/
 http://www.villagevoice.com/2000-03-14/art/screen-saver/
 http://www.paikstudios.com/#intro
 http://art.buffalo.edu/coursenotes/art314/krauss.pdf
 http://www.revistacinetica.com.br/namjunepaik.htm