Você está na página 1de 2

Casos práticos destinados a exercitar e a testar a capacidade de resolução de

problemas que envolvem a aplicação do princípio do Estado de Direito (e suas


dimensões concretizadoras) e do princípio democrático.
NOTA: as alíneas que estão ressaltadas a azul correspondem a matéria que ainda
não foi leccionada

A/

III (9 valores)

Visando melhorar a organização e o funcionamento dos partidos políticos, o


Governo resolveu elaborar um decreto-lei que dispõe o seguinte:

a) O carácter secreto das votações no interior dos partidos, não sendo de futuro
admitidas as votações por braço no ar.
b) O estabelecimento de quotas a favor das mulheres nas listas de candidatos às eleições
legislativas e autárquicas.
c) A exclusão da impugnação judicial das decisões dos partidos no sentido da expulsão
dos respectivos membros.
d) A proibição de os partidos adoptarem uma forma de organização autoritária.
e) 1. A extinção imediata dos partidos que não apresentem, no prazo estabelecido na lei,
as contas das respectivas campanhas eleitorais.
e) 2. A medida anterior terá aplicação desde 1 de Janeiro de 2000.

No caso de algumas medidas violarem a CRP, o Governo pretende propor ao


Presidente da República que desencadeie o procedimento referendário para alteração da
Constituição.

Comente estas medidas governamentais relativas aos partidos políticos. Na sua


resposta não deixe de considerar os princípios e subprincípios constitucionais em jogo e
a sua caracterização, elaborando um discurso convincente e constitucionalmente
adequado.

B/

Avalie a constitucionalidade dos seguintes diplomas legais, tendo em


consideração a sua conformidade com o princípio do Estado de Direito/princípio
democrático/princípio da universalidade/princípio da igualdade

1
a) Tendo em conta o clima de grave instabilidade social que presentemente se vive, a
AR aprova uma lei na qual se autorizam as forças policiais a disparar balas reais em
manifestações com mais de 50 pessoas.

b) Com vista a fomentar o uso mais frequente do referendo, a AR decide, através de lei,
que o PR passa a ter competência para propor este tipo de consulta popular.

c) A AR, através de diploma legal, estabelece a proibição de as mulheres que prestam


serviço nas forças armadas participarem, em caso de conflito armado, na frente de
combate.

d) Dando-se conta do incremento de divórcios motivados por razões fiscais (as pessoas
divorciadas pagam menos IRS), a AR resolve criar um imposto especial para pessoas
divorciadas, devendo a respectiva lei produzir efeitos desde o momento em que entrou
em vigor o regime fiscal que, indevidamente, beneficiou a categoria de pessoas em
apreço.

e) O Governo, através de um decreto-lei, estabelece um novo número mínimo de


assinaturas necessárias para a criação de um novo partido político.

f) A AR propõe ao PR a convocação de um referendo político nacional cujo objecto será


a alteração do Hino Nacional.

g) O cidadão norueguês Olaf Nielssen pretende recorrer aos tribunais porque a sua
candidatura a um lugar no Parlamento Europeu não foi aceite pelas autoridades
eleitorais competentes.