Você está na página 1de 2

TEXTO: I TESSALONICENSES 5.

18
“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”
Paulo nesta passagem estava encorajando os crentes de Tessalônica a viver uma vida de gratidão e alegria
Este versículo escolhido (I Ts 5.18) faz parte de alguns conselhos que Paulo dava aos irmãos, dentre estes
estava a gratidão, extrairemos algumas lições sobre a necessidade de ser agradecido ao Senhor, isto será
baseado no tema abaixo.

TEMA: LIÇÕES APRENDIDAS SOBRE A GRATIDÃO

1. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS EM TUDO. V.18a


“Em tudo, dai graças [...]”

1.1 Todas as dádivas que recebemos vêm do Senhor. Tg 1.17


“Toda boa dádiva e todo dom perfeito vêm do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança
nem sombra de variação”.

1.2 Tudo que passamos é permitido por Deus para o nosso bem. Rm 8.28
“E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são
chamados segundo o seu propósito”.

1.3 Todos os eventos que Deus permite os seus servos passar servem para formar a glória de Deus em
nós. II Co 4.17-18
“[17] Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós cada vez mais abundantemente um
eterno peso de glória; [18] não atentando nós nas coisas que se vêem, mas sim nas que se não vêem;
porque as que se vêem são temporais, enquanto as que se não vêem são eternas”.

2. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS PORQUE É A SUA VONTADE. V.18b


“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus [...]”.

2.1 A vontade de Deus é boa, perfeita e agradável, por isso devemos agradecer. Rm 12.1-2
“[1] Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício
vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. [2] E não vos conformeis a este mundo, mas
transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e
perfeita vontade de Deus”.

2.2 A vontade de Deus é soberana e nenhum dos seus planos pode ser frustrado, por isso devemos
agradecer. Jó 42.1-2
“[1] Então respondeu Jó ao Senhor: [2] Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus planos pode
ser frustrado”.

2.3 A vontade de Deus foi revelada a nós na sua Palavra, por isso devemos ser gratos. II Pe 1.20-21
“[20] sabendo, primeiramente, isto: que nenhuma profecia da Escritura provém de particular
elucidação; [21] porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens
[santos] falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo”.
3. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS POR MEIO DE CRISTO. V.18c
“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”.

3.1 A maneira mais importante de ser grato a Deus é estando em união com Cristo. Ef 5.20
“Sempre dando graças por tudo a Deus, o Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo”.

3.2 A maneira mais importante de ser grato a Deus é estando trabalhando para Cristo. Cl 3.17
“E tudo quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças
a Deus Pai”.

3.3 A maneira mais importante de ser grato a Deus é estando em santidade de vida. Rm 6.17-19
“[17] Mas graças a Deus que, embora tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de
doutrina a que fostes entregues; [18] e libertos do pecado, fostes feitos servos da justiça. [19] Falo como
homem, por causa da fraqueza da vossa carne. Pois assim como apresentastes os vossos membros como
servos da impureza e da iniqüidade para iniqüidade, assim apresentai agora os vossos membros como
servos da justiça para santificação”.

CONCLUSÃO
Esta mensagem trouxe algumas verdades sobre gratidão que foram:
1. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS EM TUDO. V.18;
2. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS PORQUE É A SUA VONTADE. V.18b;
3. DEVEMOS SER GRATOS A DEUS POR MEIO DE CRISTO. V.18c.
Temos sido gratos a Deus pelas bênçãos que Ele tem nos concedido? Que o Senhor nos dê um coração
agradecido!

Deixo para você este trecho da Palavra de Deus: “[24] O Senhor te abençoe e te guarde; [25] o Senhor faça
resplandecer o seu rosto sobre ti, e tenha misericórdia de ti; [26] o Senhor levante sobre ti o seu rosto, e te
dê a paz” (Nm 6.24-26). Amém!