Você está na página 1de 3

Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

AvaliaçãoaDistância–AD22017/2º
Disciplina:História do Pensamento Administrativo I – HPA I
Coordenadores: José Antônio de Souza Veiga e Marcelo Sobreiro

Aluno (a): IGOR BRITO BERRIEL - 18115060769


Polo: São Fidélis

Orientações:
 Esta primeira atividade da AD2 vale 1,0 ponto e será disponibilizada na
ferramenta “Atividades”.
 Envie o arquivo em formato doc ou pdf.
 A atividade deverá ser entregue através dessa ferramenta até a data prevista no
cronograma (até 06/05/2018).
 Não deixe para postar a atividade no último dia e, em caso de dificuldades na
postagem, peça ajuda aos tutores a distância.
 Pré-requisito: Leitura do texto-síntese da Experiência de Hawthorne, de
autoria de Idalberto Chiavenato.

ATIVIDADE I DA AD2:
Conhecendo e analisando a Experiência de Hawthorne

O texto-síntese da Experiência de Hawthorne, de autoria de Idalberto Chiavenato, está


disponível para você na ferramenta "Exercícios e Complementos" e consttui a base
para Atvidade I da AD2d

Leia atentamente o texto-síntese da Experiência de Hawthorned


Releia o texto-síntese agora observando as quatro fases da Experiência de Hawthorne,
e, marque os pontos que você considerou mais relevantes para fundamentar as
conclusões da pesquisad

Agora releia as conclusões da Experiência de Hawthorne apresentada por Chiavenato


em 6 tópicos e formule (elabore) uma frase-síntese para cada uma das conclusões
expressando a essência de cada conclusãod
Releia o texto-síntese agora observando as quatro fases da Experiência de
Hawthorne, e, marque os pontos que você considerou mais relevantes para
fundamentar as conclusões da pesquisa.

Pontos relevantes 1° Fase:


– Foram escolhidos dois grupos de operários que faziam o mesmo trabalho e em
condições idêntcas: Comprovou-se a preponderância do fator psicológico sobre o
fsiológico: a efciência dos operários é afetada por condições psicológicasd
Reconhecendo o fator psicológico apenas quanto á sua infuência negatva, os
pesquisadores prenderam isolá-lo ou eliminá-lo da experiência por considerá-lo
inoportunod

Pontos relevantes 2° Fase:


– Separou-se o pagamento do grupo experimental e, como ele era pequeno, os
reforços individuais repercutam diretamente no saláriod Esse período durou 8
semanasd Verifcou-se aumento de produçãod
– A produção aumentou seguidamente de um período para o outrod No 11° período,
um ano após o início da experiência os pesquisadores perceberam que os resultados
eram estranhosd Havia um fator psicológico que já havia aparecido na experiência
anterior sobre iluminaçãod

Pontos relevantes 3° Fase:


– Preocupados com a diferença de attudes entre as mulheres do grupo experimental e
as do grupo de controle, os pesquisadores se afastaram do objetvo inicial de
verifcaras condições fsicas de trabalhod Verifcaram que, no grupo de controle, as
operárias consideravam humilhante e constrangedora a supervisão vigilanted
– Entre 1928 e 1930 foram entrevistadas cerca de 21d126 empregadosd Em 1921
adotou-se a técnica de entrevista não diretva, que permita que os operários falassem
livremente, sem que o entrevistador desviassem o assunto ou tentasse impor um
roteiro préviod Com a organização informal, os operários se mantém unidos por laços
de lealdaded Quando o operário pretende também ser leal à empresa, essa lealdade
dividida entre grupos e a companhia traz confito, ten~sao, inquietação e
descontentamentod

Pontos relevantes 4° Fase:


– Foi escolhido um grupo experimental para trabalhar em uma sala especial com
condições de trabalho idêntcas às do departamentod O sistema de pagamento era
baseado na produção do grupo, havendo um salário-hora com base em fatores em um
salário-mínimo horário, para o caso de interrupções na produçãod Os salários só
podiam ser maiores se a produção total aumentassed Assim que se familiarizou com o
grupo experimental, o observador pôde constatar que os operários dentro da sala
usavam várias artmanhas: logo que montavam que julgavam ser a sua produção
normal, reduziam seu ritmo de trabalhod Os operários passaram a presentar certa
uniformidade de sentmentos e solidariedade grupald O grupo desenvolveu métodos
para assegurar suas attudes, considerando delator o membro que prejudicasse algum
companheiro e pressionado os mais rápidos para “estabilizarem” sua produção por
meio de punições simbólicasd
Agora releia as conclusões da Experiência de Hawthorne apresentada por Chiavenato
em 6 tópicos e formule (elabore) uma frase-síntese para cada uma das conclusões
expressando a essência de cada conclusão.

1- O nível de produção é resultante da integração social:


É a capacidade social do trabalhador que estabelece o seu nível de competência e
efciênciac quanto mais integrado socialmente no grupo de trabalho, tanto maior será
a disposição de produzird

2- Comportamento social dos empregados:


O comportamento do indivíduo se apoia totalmente no grupod Os trabalhadores não
agem ou reagem isoladamente como indivíduos, mas como membros de gruposd A
qualquer desvio das normas grupais, o trabalhador sofre punições sociais ou morais
dos colegas, no intuito de se ajustar aos padrões do grupod

3- Recompensa e sanções sociais:


O comportamento dos trabalhadores está condicionado a normas e padrões sociaisd Os
operários que produziram acima ou abaixo da norma socialmente determinada
perderam o respeito e a consideração dos colegasd Os operários preferiram produzir
menos – e ganhar menos – a pôr em risco suas relações amistosas com os colegasd

4- Grupos informais:
Os grupos informais defnem suas regras de comportamento, suas formas de
recompensas ou sanções sociais, punições, seus objetvos, sua escala de valores
sociais, suas crenças e expectatvas, que cada partcipante vai assimilando e integrando
em suas attudes e comportamentod

5- Relações humanas:
As relações humanas são as ações e as attudes desenvolvidas com os contatos entre
pessoas e gruposd Cada pessoa tem uma personalidade própria e diferenciada que
infui no comportamento e nas attudes das outras com que mantém contatos e vice-
versad

6- Importância do conteúdo do cargo:


Observaram que os operários trocavam de posição para variar e evitar monotonia,
contrariando a polítca da empresad Essas trocas provocavam efeitos negatvos da
produção, mas elevavam o moral do grupod

Você também pode gostar