Você está na página 1de 3

Recredenciamento

Portaria MEC 347, de 05.04.2012 - D.O.U. 10.04.2012.


Fundamentos de Matemática II
Unidade de Aprendizagem: Da realidade às funções e sequências numéricas.
Quest(ix)

Breve história do logaritmo Exemplos:

Com o propósito de simplificar cálculos, o Barão escocês John a) Encontre o logaritmo:


Napier (Neper) criou os logaritmos, cujos princípios são
transformar uma multiplicação em adição e uma divisão em log 6 36  x  6 x  36
subtração. A idéia de Neper foi representar números positivos
em forma de potências de mesma base, exemplo, 16  512 . 6 x  62
Inicialmente construímos uma tabela onde a primeira linha x2
seja o expoente e a segunda as potências de dois
correspondentes a esse expoente. b) Encontre o logaritmo:
log 0,01  x  10  0,01
x

1 2 3 4 ... 9 10 11 12 13
 1 
2 4 8 16 512 1024 2048 4096 8192 10 x   
 100 
Observe que: 10 x  10  2
- 16, na segunda linha corresponde ao expoente 4 na primeira
linha; x  2
- 512 na segunda linha corresponde ao expoente 9 na primeira OBS: quando o logaritmo tem base dez, escreve-se apenas
linha; log.
- Somando os expoentes 4  9  13 , onde 13 corresponde a
log a 25  2
um expoente na primeira linha e sua potência na base é 8192. c) Sabe-se que o . Calcule a.
49
16  512  2  2  2
4 9
 2  8192
13
log a 25  2  a 2  25
Neper tinha como objetivo construir uma tabela semelhante a a   25
essa para calcular o produto ou razão de quaisquer dois
números. a  5

Conceito de logaritmo
como a > 0, consideramos apenas o 5.
Qual o expoente que se deve dar ao 2 para se obter 8?
Exercícios:
2 x  8  2 x  23  x  3
1) Determine:
Esse expoente x que se deve dar a uma base positiva e
diferente de 1, chamamos de Logaritmo. Assim: a) log 2 128 f) log 9 27
- 3 é o logaritmo de 8 na base 2, escreve-se log 2 8  3 , onde:
5
Definição: determinar o logaritmo de um número b numa b) log 3
9 g) log 2  log 3 100
10
base a significa determinar o expoente x tal que a  b . Os
x

números representados por a e b devem ser positivos ( a  0 1


e b  0 ). c) log 1 3 3 h) log 5
9
625
Forma logarítmica e forma exponencial
1
d) log 1  log 1 7  log 4 32
log a b  x  a b
x
5
25 49

1
- a é a base, b é o logaritmando e x é o logaritmo. e) log 2 3 64  log 0,1  log 3
27
2) Sabendo –se que log a 64  6 , calcule a. 3ª propriedade: logaritmo de uma potência

Numa mesma base, o logaritmo de uma potência de base


positiva é igual ao produto do expoente pelo logaritmo da
base da potência.

log a M N  N  log a M
3) Sabendo –se que log a 125  3 , calcule 2a  1 .
Exemplos:

1) log 3 27 2  2  log 3 27

C - aplique a propriedade e resolva: log 2 4 7


1
4) Sabendo –se que log a  4 , calcule a. Podemos aplicar essa propriedade no logaritmo de uma
81
raiz:

PROPRIEDADES OPERATÓRIAS DOS LOGARITMOS 1


1
log a M  log a M
N N
  log a M
1ª propriedade: logaritmo de um produto N
O logaritmo do produto de dois números positivos é igual
log 2 3 4  log 2 43   log 2 4
1 1
a soma dos logaritmos de cada um deles. 2)
3
log a M  N   log a M  log a N
D - aplique a propriedade e resolva: log 3 6 9
Exemplo:
4ª propriedade: mudança de base
log 2 4  8  log 2 4  log 2 8
Para escrever log b N usando logaritmos na base a,
A - aplique a propriedade e resolva: log 3 81  27  realizamos a mudança de base:.

log a N
2ª propriedade: logaritmo de um quociente log b N 
log a b
Numa mesma base, o logaritmo do quociente de dois
números positivos é igual à soma dos logaritmos de cada um
deles. Exemplo: log 4 64 , podemos escrever como:
log 2 64
M log 4 64  , resolvendo os logaritmos
log a  log a M  log a N log 2 4
N separadamente e depois dividindo.

Exemplo:
E - aplique a propriedade e resolva: log 25 125
16
log 2  log 2 16  log 2 4
4

 125 
B - aplique a propriedade e resolva: log 5  
 625 
Função logarítmica

Chama-se função logarítmica de base a, com a >0 e a diferente


de 1. Essa função é definida por f: R*+ →R

f(x)= logax
Exemplo:
Construa o gráfico de f(x) = log2 x

x y= log2 x (x,y)
1/8 y= log2 (1/8)= -3 (1/8;-3)
1/4 y= log2 (1/4)= -2 (1/4;-2)
1/2 y= log2 (1/2)=-1 (1/2;-1) Resolva a questão: O pH do sangue humano é calculado por
1 y= log2 1=0 (1,0) pH = log 1/x, sendo x a molaridade dos íons H3O+. Se essa
molaridade for dada por 4,0 .10–8 e, adotando-se log 2 = 0,30,
2 y= log2 2=1 (2;1) o valor desse pH será:
4 y= log2 4=2 (4;2)
(A) 7,20
8 y= log2 8=3 (8;3)
(B) 4,60

(C) 6,80

(D) 4,80

(E) 7,40

EXERCÍCIO: Construa o gráfico de f(x) = log1/2 x


Demonstra-se que:

1) O gráfico da função logarítmica está sempre à


direita do eixo y, pois seu domínio é são o conjunto
dos números reais positivos excluindo-se o 0

2) O gráfico sempre intercepta o eixo x no ponto (1,0),


pois loga 1=0

3) Se a>1 a função é crescente

4) Se 0<a <1 a função é decrescente

5) A função logarítmica é inversa da função


exponencial e vice e versa e os gráficos são
simétricos em relação à bissetriz dos quadrantes
ímpares que é a reta y=x.

Você também pode gostar