Você está na página 1de 83

PLANALTO INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA

INSTALAÇÃO OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO

Picador Florestal Planalto


Modelo PFP 250 x 600
E-mail: comercial@planaltopicadores.com.br / www.planaltopicadores.com.br
ENDEREÇO: Rod. BR 282– Km 346 – Distrito de Macro Zona de Expansão Urbana 01.
CEP: 89620-000 – CAMPOS NOVOS – SC – BRASIL
TELEFONE/FAX: 0**49 3541 7400 – Caixa Postal 32
CLIENTE: SÃO ROQUEAGRONEGÓCIOS LTDA
ANO DE FABRICAÇÃO: 2017
NÚMERO DE SÉRIE: 825/17
NÚMERO DO CHASSI: PFP 250 x 600 - 082/2017 Rev. 0
.
Brasil
IMPORTANTE
Comunicamos que esse Equipamento está coberto por uma garantia contra qualquer defeito
de fabricação pelo período de 12 meses a contar da entrega.

Salvo acessórios que não sejam de nossa fabricação (motores, componentes elétricos,
mancais, correias, etc.) não serão por esta garantia, devendo ser analisado antes da garantia
ser aceita.

A garantia tornar-se-á nula quando ficar afirmado que o defeito ou quebras foram
resultados do uso inadequado das instruções de manutenção ou inexperiência do operador.

Fica excluído da garantia o produto que sofrer reparos ou modificações sem a prévia

autorização da .

Essa garantia somente terá validade se o Startup do equipamento for efetuado por um
técnico credenciado pelo fabricante.

Para isso solicitamos ao cliente que entre em contato com o Departamento Comercial da

com no mínimo três (3) dias de antecedência ao evento, para que possa ser
programado o deslocamento do técnico até o local da instalação do equipamento.

2
.
Brasil
UMA PALAVRA AO CLIENTE

Senhor Proprietário, parabéns por adquirir um Picador Florestal , certamente


você fez a melhor escolha.

A é a empresa possuidora da mais atualizada tecnologia em Picadores Florestais


e outros equipamentos voltados para a área de produção de cavacos de madeira.

Além da tecnologia de primeiro mundo a conta com uma equipe altamente


qualificada, tanto na orientação e elaboração de projetos, fabricação, montagem e instalação dos
equipamentos. Conta também com uma equipe técnica para assistência imediata durante as 24
horas do dia, evitando assim perda de produção provocada por acidente ou quebra de
equipamentos.

A mantêm em estoque peças de reposição de seus equipamentos, garantindo a


entrega de qualquer peça de sua fabricação dentro de um prazo mínimo.
Está apta também a fornecer peças de equipamentos de outros fabricantes dentro de um prazo
curto, quando não as tem em estoque.

Tudo isso faz da uma empresa capacitada, com tecnologia comprovada,


confiável e cumpridora de suas responsabilidades junto aos clientes.

"NOSSO LEMA”
“O CLIENTE SEMPRE EM PRIMEIRO LUGAR, ELE É A FONTE DE NOSSO SUCESSO”.

3
.
Brasil
SUMÁRIO
O Presente manual tem por objetivo orientar o usuário do equipamento para o manuseio
correto do mesmo, bem como dar instruções para a sua instalação, operação e manutenção.

Os Picadores são projetados para a produção de cavacos de qualquer tipo de


madeira, podendo ser em forma de troncos, galhos, destopos, costaneiras, restos de lâminas
etc.

O Picador é fabricado de acordo com as necessidades do cliente e adequado para produzir


cavacos dentro da granulometria pré-determinada.

A Madeira é conduzida até a entrada do Picador através de correntes, rolos tracionados, ou


calha vibratória, permitindo assim uma alimentação homogênea e constante tirando o máximo
de produção.

A alimentação é feita horizontalmente, após a calha de entrada ser alimentada com


madeira. Os rolos dentados que se auto alimentam, o acionamento se dá através dos redutores
que estão acoplados aos eixos ou através de engrenagens com correntes.

A Máquina é de construção robusta, preparada para serviços pesados, possui a base para o
motor principal fixo na estrutura da máquina, que se operada corretamente ela é de baixa
manutenção.

A mantém uma equipe altamente qualificada para dar assistência técnica


preventiva e/ou corretiva, colocando-se a disposição para solucionar quaisquer dúvidas ou
problemas que eventualmente possam surgir.

4
.
Brasil
MEIO AMBIENTE

A produz equipamentos que promovem o consumo de combustíveis


renováveis, recursos de biomassa. O vento, a água e o sol são fontes energéticas comprovadas
e altamente utilizadas no mundo todo.
As fontes de energia renováveis estão encontrando cada vez mais espaço, a biomassa é
uma tecnologia ainda em fase de desenvolvimento, no entanto destaca-se, pois, também pode
fornecer calor e combustível na queima direta em uma planta de aquecimento de caldeira. A
quantidade de CO², que é liberado durante o processo de incineração, é idêntico à emissão de
dióxido de carbono criado durante o crescimento da madeira.
Levando em consideração o cultivo florestal, transporte e recondicionamento, a biomassa
tem baixo impacto no meio ambiente se comparado às fontes de energia fóssil, devido à baixa
emissão de CO².
Seja auto sustentável e amigo do meio ambiente, utilizando os produtos para geração,

transporte e armazenamento de biomassa fabricados pela .

Ao executar operações no picador, sempre entregue restos de produtos químicos


usados a um distribuidor de resíduos autorizado.
Ao trabalhar com líquidos, use um recipiente para evitar derramamentos.

5
.
Brasil
ÍNDICE
IMPORTANTE .............................................................................................................................................2
UMA PALAVRA AO CLIENTE .................................................................................................................3
SUMÁRIO ....................................................................................................................................................4
MEIO AMBIENTE .......................................................................................................................................5
ÍNDICE .........................................................................................................................................................6
Ficha técnica ..................................................................................................................................................8
SEGURANÇA OPERACIONAL ...............................................................................................................11
SÍMBOLOS .................................................................................................................................................13
NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ................................14
PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA ...........................................................................................................17
PROCEDIMENTOS DE MONTAGEM.....................................................................................................18
FUNCIONAMENTO ..................................................................................................................................19
MANUTENÇÃO ........................................................................................................................................20
MANUTENÇÃO DO SISTEMA HIDRÁULICO ......................................................................................21
PERÍODO DE LUBRIFICAÇÃO ...............................................................................................................22
LUBRIFICAÇÃO DO MANCAL DO ACIONAMENTO .........................................................................23
LUBRIFICAÇÃO DO PICADOR E CALHA DE ENTRADA..................................................................24
LUBRIFICAÇÃO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA..........................................................................25
DIAGNÓSTICO PARA DETECTAR DEFEITOS ....................................................................................26
LUBRIFICAÇÃO DO CONJUNTO DA RODA........................................................................................27
TIPOS DE LUBRIFICANTES ...................................................................................................................28
PROCEDIMENTOS PARA DAR PARTIDA NA MÁQUINA .................................................................29
OPERAÇÃO E PREVENTIVA ..................................................................................................................30
REAPERTO DE PARAFUSOS ..................................................................................................................31
MONTAGEM DOS ANÉIS DE FIXAÇÃO...............................................................................................32
TABELA DE TORQUE DE APERTO DE PARAFUSOS.........................................................................33
CONJUNTO GERAL (PFP 03-626) ...........................................................................................................34
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................36
CONJUNTO DO PICADOR (PFP 03-476) ................................................................................................38
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................40
CONJUNTO INFERIOR DO PICADOR (PFP 03-477).............................................................................42
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................44
6
.
Brasil
CONJUNTO DA BIGORNA ......................................................................................................................45
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................46
CONTRA FACA – DESMONTAGEM E MONTAGEM ..........................................................................47
DESMONTAGEM E MONTAGEM DO MANCAL DO ROTOR............................................................48
CONJUNTO DO CHASSI (PFP 03-794) ...................................................................................................49
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................50
CONJUNTO DA CALHA DE ENTRADA (PFP 03-836) .........................................................................51
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................52
CONJUNTO DO BASCULANTE (PFP 03-113) .......................................................................................53
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................54
CONJUNTO DO ROTOR (PFP 03-001) ....................................................................................................56
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................57
DESMONTAGEM E MONTAGEM DAS FACAS ...................................................................................58
AFIAÇÃO DAS FACAS: ...........................................................................................................................59
REGULAGEM DAS FACAS .....................................................................................................................60
ACIONAMENTO DO ROLO DENTADO INFERIOR .............................................................................61
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................62
CONJUNTO DA BOMBA HIDRÁULICA ................................................................................................63
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................64
CONJUNTO DO EIXO DE ARTICULAÇÃO DA CALHA (PFP 02-085)...............................................65
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................66
CONJUNTO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA (PFP 03-629) ...........................................................67
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................68
CONJUNTO DE ACIONAMENTO DO TRANSP. DE SAÍDA ...............................................................69
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................70
CONJUNTO DE RETORNO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA ........................................................71
RELAÇÃO DE PEÇAS ..............................................................................................................................72
TABELA DE LUBRIFICANTES ...............................................................................................................73
DETALHAMENTO DO REDUTOR .........................................................................................................74
ESQUEMA HIDRÁULICO ........................................................................................................................82
ANEXOS .....................................................................................................................................................83
ANÁLISE DE RISCO/ LAUDO DE SEGURANÇA/ ART’ MECÂNICA/ CERTIFICADOS
COMPONENTES DE SEGURANÇA
7
.
Brasil

Ficha técnica
CLIENTE: ..................................................................................................................... SÃO ROQUE AGRONEGÓCIOS LTDA
CIDADE: ..................................................................................................................................... SÃO ROQUE DE MINAS - MG
EQUIPAMENTO: ....................................................................... PICADOR MÓVEL FLORESTAL PLANALTO - PFP 250 x 600
CHASSI Nº: ...................................................................................................................................... PFP 250 x 600 - 082/ 2017
PI Nº: .......................................................................................................................................................381/ 2016 OPD: 794/15
N° DE SÉRIE: ................................................................................................................................................................. 0825/17

DADOS GERAIS
CONJUNTO GERAL: ................................................................................................................................................ PFP 03-626
ALTURA DE CORTE: ...................................................................................................................................................... 250 mm
LARGURA DE CORTE: .................................................................................................................................................. 620 mm
DIMENSÕES MÁXIMAS DE CORTE: .......................................................................................................................... 250 x 600
TIPO DO ROTOR: .................................................................................................................................................... A TAMBOR
DIÂMETRO DO ROTOR: .................................................................................................................................................... Ø580
NÚMERO DE FACAS: ................................................................................................................................................ 02 FACAS
TIPO DE CONTRA FACA: ................................................................................................................................................... FIXA
COMPRIMENTO DOS CAVACOS: ............................................................................................................................. Até 30 mm
ROTAÇÃO DO ROTOR: .................................................................................................................................................. 730 rpm
VELOCIDADE DE ENTRADA: ...................................................................................................................................... 28 m/min
VELOCIDADE DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA: .................................................................................................... 151 m/min
PRODUÇÃO DA MÁQUINA (DEPENDE DO PESO ESPECÍFICO DO MATERIAL): ................................................. até 25 mst/h
COMPRIMENTO DA CALHA: ....................................................................................................................................... 2000 mm
PESO DA MÁQUINA: ................................................................................................................................................... ~ 4900 kg
PENEIRA LISA: ............................................................................................................................ MALHA 70 x 70 (PFP 03-710)
RODADO: ................................................................................................... PNEU LISO COMUM 10 LONAS 750 x 16 (04 PÇS)

ACIONAMENTO
MOTORIZAÇÃO
ACIONADO POR: ................................................................................................................................ TOMADA DE FORÇA DE TRATOR
POTÊNCIA NECESSÁRIA: ............................................................................................................................................. ACIMA DE 120 CV

ACIONAMENTO HIDRÁULICO
CONJUNTO DO SUPORTE DA BOMBA: ........................................................................................................................ 01 PÇ (PFP 03-505)
POLIA MOTORA DA BOMBA: .............................................................................................................................. Ø 310 x 5V (PFP 08-014)
POLIA MOVIDA DA BOMBA: ............................................................................................................................... Ø 150 x 5V (PFP 03-788)
ROTAÇAO DA BOMBA HIDRÁULICA: ......................................................................................................................................... 1515 rpm
ROLAMENTO 6210 2RS SKF: .............................................................................................................................................................. 02 PÇS
BOMBA HIDRÁULICA DUPLA BOSCH REXROTH AZPFF-11-22-22 LRB01-01MB - 23 cm³ - ROT. ESQ.: .................................. 01 PÇ
ACOPLAMENTO FLEXÍVEL HDA AC-42 EIXO ESTRIADO: ...................................................................................... 01 PÇ (PFP 09-371)
CORREIA DE ACIONAMENTO BOMBA 5V -1000: ............................................................................................................................ 02 PÇS
COMANDO CH 60, 1 ESTÁGIO, 1 DETENTE, ROSCA SUC./ PRES. 7/8" UNF ROSCA COMANDO 3/4" UNF: ............................ 01 PÇ
COMANDO CH 60 5 ESTÁGIOS, 4 CENTRADO POR MOLA C/ RETENÇÃO PILOTADA, 1 DETENTE C/ VÁLV. RET. PILOTADA,
SUCÇÃO/ PRESSÃO 7/8" UNF, COM 3/4" UNF: .................................................................................................................................. 01 PÇ

ACIONAMENTO (TRANSMISSÃO DO TRATOR)


EIXO DA TRANSMISSÃO: ............................................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 03-519)
CARDÃ SÉRIE CC 6002/6P C/ CAPA DE PROTEÇÃO: ......................................................................................................................... 01 PÇ
POLIA MOVIDA: ...................................................................................................................................................... Ø 300 x 8-B (PFP 03-165)
BUCHA FIXAÇÃO POLIA MOVIDA: ............................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 03-039)
POLIA MOTORA: ..................................................................................................................................................... Ø 400 x 8-B (PFP 03-704)
CORREIA DE ACIONAMENTO B-97: .................................................................................................................................................. 08 PÇS
MANCAL SNHL 513 COM VEDAÇÃO TG: ......................................................................................................................................... 02 PÇS
ROLAM. AUTOCOMPENSADOR DE ROLOS 22213 CCK/W33 C3: ................................................................................................. 02 PÇS
BUCHA H-313: ........................................................................................................................................................................................ 02 PÇS

ROTOR (PFP 03-001)


EIXO DO ROTOR: ............................................................................................................................................................. 01 PÇ (PFP 08-006)
FACA 20 x 120 x 610 mm: ........................................................................................................................................................... (PFP 03-011)
QUANTIDADE DE FACAS: ................................................................................................................................................................. 02 PÇS
CONTRA FACA 30 x 46 x 615 mm: ................................................................................................................................. 01 PÇ (PFP 02-037)
SISTEMA DA CONTRA FACA: .............................................................................................................................................................. FIXA
QUANTIDADE DE CONTRA FACA: ..................................................................................................................................................... 01 PÇ
TAMPA DE FACA: ..........................................................................................................................................................02 PÇS (PFP 03-010)
ANEL FIXAÇÃO (RFN 7012) Ø 120 x Ø 165: ....................................................................................................................................... 02 PÇS
RETENTOR Ø 100 x Ø 125 x 12 NB (DIN 3760) 01549 BRG BI NBR: ................................................................................................ 04 PÇS
8
.
Brasil
ROLAM. AUTOCOMPENSADOR DE ROLOS 22222 CCK/W33 C3: ................................................................................................. 02 PÇS
BUCHA H-322: ....................................................................................................................................................................................... 02 PÇS
PARAFUSO ALLEN M 20 x 75 DIN EM ISO 4762: ............................................................................................................................. 12 PÇS

BASCULANTE (PFP 03-113)


ROLO DENTADO SUPERIOR Ø 456: .............................................................................................................................. 01 PÇ (PFP 02-047)
EIXO DO ROLO DENTADO SUPERIOR: ......................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 03-107)
ANEL FIXAÇÃO (RFN 7012) Ø 65 x Ø 95: ........................................................................................................................................... 02 PÇS
MANCAL COM ROLAMENTO UCFC 213: .......................................................................................................................................... 02 PÇS
REDUTOR FA SEW: ................................................................................................................................................................................ 01 PÇ
REDUÇÃO: ............................................................................................................................................................................................... i:15,64
MODELO: .................................................................................................................................................................................... FA 77/B AD4
ROTAÇÃO: .......................................................................................................................................................................................... 109 rpm
FATOR DE SERVIÇO: ............................................................................................................................................................................... 1,00
Nº SÉRIE: .................................................................................................................................................................70.0278635301.0001.17.21
FORMA CONSTRUTIVA ............................................................................................................................................................................. M5
MOTOR HIDRÁULICO PARKER TE0065AS100AAAA: ....................................................................................................................... 01 PÇ
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=18 P=1/2” (MOTOR HIDRÁULICO): ........................................................... 01 PÇ (PRP 10-041)
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=24 P=1/2” (REDUTOR): ................................................................................. 01 PÇ (PRP 10-017)
CORRENTE DUPLA P=1/2" x 66 ELOS + EMENDA: ............................................................................................................................ 01 PÇ
BATENTE SUSPENSÃO FORD. F-100 REF. 160 CÓD. 004151:.......................................................................................................... 02 PÇS
BUCHA ELÁSTICA PARA REDUTOR FA 77 - Ø 21 X 30 X 60: ......................................................................................................... 02 PCS

CALHA DE ENTRADA (PFP 03-836)


PRESSÃO DE TRABALHO: ........................................................................................................................................................ 60 – 70 BAR
CORRENTE P=3” x 62 ELOS: ....................................................................................................................................... 07 PÇS (CTP 01-016)
RODA DENTADA DE ACIONAMENTO: ......................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 02-080)
RODA DENTADA DE RETORNO: .................................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 02-078)
MANCAL COM ROLAMENTO UCF 213:............................................................................................................................................ 02 PÇS
MANCAL COM ROLAMENTO UCT 210: ............................................................................................................................................ 02 PÇS
ENGRENAGEM SIMPLES DO ROLO DE ACIONA. P/ A ARTICULAÇÃO Z=31 P=3/4”:........................................... 01 PÇ (PRP 03-042)
ROLO DE LIMPEZA: ......................................................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 02-337)
MANCAL COM ROLAMENTO UCFL 212 (ROLO DE LIMPEZA): ..................................................................................................... 02 PÇ
ENGRENAGEM DUPLA DO ROLINHO DE LIMPEZA P/ ROLO DENTADO Z=18 P=3/4”: ................................ 01 PÇ (PRP 03-044)
ROLO DENTADO INFERIOR: .......................................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 02-277)
ANEL FIXAÇÃO (RFN 7012) Ø 65 x Ø 95 (ROLO DENTADO): ......................................................................................................... 02 PÇS
MANCAL COM ROLAMENTO UCFC 213 (ROLO DENTADO): ....................................................................................................... 02 PÇS
ENGRENAGEM SIMPLES DO ROLO DENTADO INFERIOR P/ ROLINHO Z=40 P=3/4”: ....................................... 01 PÇS (PRP 03-045)
CORRENTE SIMPLES P=3/4" x 52 ELOS + ELO FALSO: ..................................................................................................................... 01 PÇ
CORRENTE SIMPLES P=3/4" x 62 ELOS + ELO FALSO: ..................................................................................................................... 01 PÇ
CORRENTE SIMPLES P=3/4" x 69 ELOS + EMENDA+ ELO FALSO: ................................................................................................. 01 PÇ
ARTICULAÇÃO DA CALHA: ........................................................................................................................................... 01 PÇ (PFP 02-085)
ENGRENAGEM DUPLA DA ARTICULAÇÃO P/ O ROLO DE ACIONA. Z=22 P=3/4”:.............................................. 01 PÇ (PRP 03-043)
ROLAMENTO 6208 ZZ: ......................................................................................................................................................................... 02 PÇS
REDUTOR FA SEW: ................................................................................................................................................................................ 01 PÇ
REDUÇÃO: ............................................................................................................................................................................................... i:15,64
FATOR DE SERVIÇO: ............................................................................................................................................................................... 1,00
MODELO: .................................................................................................................................................................................... FA 77/B AD4
ROTAÇÃO: .......................................................................................................................................................................................... 109 rpm
Nº SERIE: .................................................................................................................................................................70.0278635302.0001.17.21
FORMA CONSTRUTIVA ............................................................................................................................................................................. M3
MOTOR HIDRÁULICO PARKER TE 0065AS100AAAA: ..................................................................................................................... 01 PÇ
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=24 P=1” (MOTOR HIDRÁULICO): ............................................................... 01 PÇ (PRP 10-029)
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=22 P=1/2” (REDUTOR): ................................................................................. 01 PÇ (PRP 10-053)
CORRENTE DUPLA P=1/2" x 67 ELOS + EMENDA + ELO FALSO: ................................................................................................. 01 PÇ

TRANSPORTADOR DE SAÍDA (PFP 03-629)


MOTOR HIDRÁULICO PARKER TE 0100AS100AAAA: ...................................................................................................................... 01 PÇ
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=13 P=3/4": ....................................................................................................... 01 PÇ (PRP 03-103)
ENGRENAGEM CORRENTE DUPLA Z=19 P=3/4": ....................................................................................................... 01 PÇ (PRP 03-106)
CORRENTE DUPLA P=3/4" x36 ELOS + EMENDA: ........................................................................................................................... 01 PÇ
MANCAL COM ROLAMENTO UCFC 208: .......................................................................................................................................... 02 PÇS
MANCAL COM ROLAMENTO UCT 208: ............................................................................................................................................ 02 PÇS
CORREIA TRANSPORTADORA - ABERTA - NERVADA "U"-EP-250/2 16" X 1/8" X 1/16" X 2 LONAS X 14.600 mm, PASSO 250 mm
H=12,5 mm: .............................................................................................................................................................................................. 01 PÇ
ROLETE DE RETORNO Ø 3” x 420:................................................................................................................................. 04 PÇ (TCP 16-168)
CILINDRO HIDRÁULICO Ø 30 x Ø 60 x 250 (DOBRA 01): ........................................................................................... 01 PÇ (CHP 57-001)
CILINDRO HIDRÁULICO Ø 30 x Ø 60 x 560 (DOBRA 02): ........................................................................................... 01 PÇ (CHP 58-001)
9
.
Brasil
CILINDRO HIDRÁULICO Ø 30 x Ø 60 x 560 (DOBRA 03): ........................................................................................... 01 PÇ (CHP 58-001)

CHASSIS DO PICADOR (PFP 03-794)


CUBO DE RODA C/ PONTEIRA (TRITON) P/ RODADO DUPLO COMPLETO - PFP 250 X 600: ................................................... 02 PÇS
CÂMARA DE AR PARA PNEU 750 X 16:............................................................................................................................................. 04 PÇS
PNEU LISO COMUM 10 LONAS 750 X 16: .......................................................................................................................................... 04 PÇS
RODAS (TRITON) ARO 550 X 16 X 6 FUROS DUPLOS: .................................................................................................................... 04 PÇS
APARELHO DE LEVANTAMENTO CARRETA C/MANIVELA JOST 2600-00104-P: ....................................................................... 01 PÇ

SISTEMA HIDRÁULICO
FILTRO DE RETORNO PARKER - KLT 810 QBGGS241: .................................................................................................................... 01 PÇ
CAPACIDADE RESERVATÓRIO HIDRÁULICO: ................................................................................................................................... 300 l
VOLUME DE ÓLEO HIDRÁULICO NO SISTEMA: ................................................................................................................................. 20 l
CAPACIDADE DE VAZÃO BOMBA: ...................................................................................................................................... 34,7 l/min (2 x)
ROTAÇÃO DA BOMBA: ...................................................................................................................................................................1515 RPM

DIVERSOS:
CHAPA DE DESLIZAMENTO (NYLON) DESCARGA DO MATERIAL ...................................................................... 01 PÇ (PFP 03-681)
CHAPA SUPORTE DA CHAPA DE DESLIZAMENTO DE NYLON (SOLDADA) ...................................................... 01 PÇ (PFP 03-694)

OBSERVAÇÕES:

ITENS FORNECIDOS:

GABARITO DE REGULAGEM DE FACAS: ............................................................................................................... 01 PÇ (PPKK 04-164)


MANUAL DE OPERAÇÃO: ................................................................................................................................................................... 01 PÇ
CONTRA FACA SOBRESSALENTE: .............................................................................................................................. 01 PÇ (PFP 02-037)
FACAS SOBRESSALENTES: ......................................................................................................................................... 02 PÇS (PFP 03-011)

10
.
Brasil
SEGURANÇA OPERACIONAL
A segurança operacional depende principalmente da correta manutenção e operação
sendo o operador o maior responsável por isso.
Para que a máquina opere corretamente, é preciso estar atento às manutenções
programadas, para mais informações sobre manutenção consultar o capítulo manutenção
programada.
Para uma maior longevidade dos itens que compõem a máquina e segurança, o
operador deve estar atento aos seguintes:
• Antes de acionar o equipamento o operador deve familiarizar-se com seus comandos e
sistema de segurança, para isso tem de ler todo o manual de operação;
• Para operar o equipamento em locais com maior movimentação de pessoas, deve-se
demarcar e isolar a área;
• Verifique e regule todos os acessórios antes de ligar a máquina, bem como conferir o
nível do líquido de arrefecimento, nível de combustível, nível de óleo hidráulico,
possíveis vazamentos, integridade de todos os filtros (combustível, ar, óleo, etc.), período
de manutenção programada, etc.
• As operações de manutenção devem ser executadas somente com a máquina desligada e
com a chave geral no modo desligado;
• Nunca introduza elementos metálicos na calha de alimentação, sob risco de sérios danos à
máquina e ao operador, que não serão cobertos pela garantia;
• Em caso de acidente interromper, de imediato, a operação do picador, que pode ser feita
através do botão de para de emergência que se encontra no painel de comando e no
controle remoto (para mais informações consultar o manual do painel de comando);
• Em caso de encontrar algum material estranho na calha de entrada, deve-se reverter o
sentido de avanço da calha imediatamente e pará-la, a retirada de ser feita para lateral da
calha, nunca se deve entrar na calha mesmo estando parada.
• É de suma importância uma revisão semanal no equipamento, isso evita paradas
ocasionadas por quebras em horários de pico ou até mesmo a parada da máquina.
• Sempre desligue o motor antes de efetuar inspeções e reparos, exceto se indicado de outra
forma.
11
.
Brasil
• Bloqueie o dispositivo de partida ao trabalhar a máquina. Se a máquina ligar
inesperadamente, existe um grave risco de ocorrer ferimentos.
• Fixe uma plaqueta de advertência em algum lugar apropriado indicando que está sendo
efetuado serviço no motor e ou no picador.
• Assegure-se de posicionar todas as proteções antes de dar partida na máquina. Assegure-
se de que nenhuma ferramenta ou outro objeto tenha ficado quaisquer parte do picador.

Figura 1 – Equipamentos de proteção individual

12
.
Brasil
SÍMBOLOS

Advertência

Descarte correto

13
.
Brasil

NR 12 - Segurança no Trabalho em Máquinas e Equipamentos

Figura 2 – Visão geral NR 12

As adequações da NR 12 feitas abaixo, devem ser conservadas e mantidas na


máquina. Não sendo retiradas em hipótese alguma, pois elas serão a garantia de manter a
integridade física do operador e de todas as pessoas envolvidas na operação da máquina.
Este picador é equipado de controle remoto que deverá se operado à distância.

14
.
Brasil
Transportador de saída PFP 03-629

Proteção

Figura 3 – Calha de saída com proteção

15
.
Brasil
Proteção do eixo cardã PFP 03-486

Proteção

Figura 4 – Proteção do eixo Cardã NR 12

16
.
Brasil
PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA

O Picador Florestal Planalto, vem equipado com adesivos de orientações e


segurança:
• Adesivo abafador de ruídos
• Adesivo, cuidados ao efetuar soldas
• Adesivo de gotas de óleo
• Adesivo, proibido inserir a mão (elementos em movimentos)
• Adesivos Planalto
• Adesivos tempo de revisão
• Adesivos trava de segurança
• Adesivo é proibido (mãos x rolos)

Com o objetivo de manter a integridade física das pessoas e também a conservação


do equipamento, deve-se seguir as orientações contidas nos adesivos.

Os adesivos devem permanecer íntegros, limpos e desobstruídos nos lugares onde


foram colocados. Não devem ser retirados, deteriorados, ou quaisquer outros atos que venham
ocasionar perigo por falta dos mesmos.

17
.
Brasil
PROCEDIMENTOS DE MONTAGEM

Pela construção robusta o Picador está preparado para o trabalho com carga
constante e com uma alimentação regular poderá trabalhar com o mínimo de manutenção.
No ato do recebimento do equipamento é importante inspecionar todos os itens, a fim
de apurar se não ocorreram danos durante o transporte ou manuseio do mesmo.

O Picador Florestal é apropriado para transformar todos os tipos de


resíduos de madeira, em cavacos de boa qualidade.
A forma construtiva do sistema de alimentação garante um transporte e alimentação
com gravetos, restos de lâminas, costaneiras, destopos, cascas, bem como troncos de madeira,
independente de comprimentos e formatos de material. A máquina é fabricada sob encomenda,
atendendo as necessidades do cliente.
Para mudar a granulometria dos cavacos, faz-se necessário uma alteração no picador,
através da mudança na redução dos motoredutores ou engrenagens, realizado pelo cliente.

Observação: É de suma importância uma revisão semanal no equipamento, isso


evita paradas ocasionadas por quebras em horários de pico ou até mesmo a parada da máquina.

18
.
Brasil
FUNCIONAMENTO
Antes de iniciar a operação da máquina, faça a verificação dos seguintes itens:

• De acordo com as normas internacionais de segurança, todos os equipamentos que


possuem elementos rotativos externos requerem proteção, por isso é necessário que o
equipamento esteja provido desse sistema de proteção;

• Certifique-se de que não existem peças quebradas ou corpos estranhos no Picador


Florestal;

• Para primeira partida do equipamento, deve-se deixar o mesmo livre de qualquer tipo de
carga;

• O rotor deverá ser girado manualmente, certificando-se de que não há interferências entre
as facas e contra faca;

• Os parafusos fixadores das facas também deverão ser inspecionados e caso necessário,
reapertados, observando-se o torque de aperto em 45 Kgf/m. Usando-se para isso um
torquímetro;

• Para manutenção, verificação e controle das facas e contra faca, abre-se a tampa da
câmara do rotor e trava o rotor com o pino de segurança;

OBS.: Para operações que exigem contato ou trabalho próximo ao rotor, é obrigatório
tomar cuidado com o fio das facas para evitar acidentes (utilizar luvas).

• É importante observar que não haja acumulo de material em torno do picador, visando
proporcionar a livre circulação

19
.
Brasil
MANUTENÇÃO
A manutenção do Picador Florestal deve ser executada de forma preventiva, evitando
assim paradas inesperadas do equipamento.
Para um bom funcionamento da máquina verifique periodicamente ou a cada troca de
turno, os seguintes itens:

• Aperto dos parafusos;


• Lubrificação dos mancais;
• Desgaste, alinhamento, lubrificação e conservação de engrenagens, correias e correntes;
• Verificar o desgaste da contra faca;
• Quando houver sistema hidráulico, já sairá com a pressão ajustada de fabrica;
• Facas: Observar se o fio está bom e se estão bem apertadas;
• Contra Faca: Verificar o desgaste;
• Mancais: Verificar a temperatura e a lubrificação;
• Sistema Hidráulico: Ver esquema hidráulico;
• Correia: Verificar o estado de conservação, alinhamento e estiramento;
• Correia de Transmissão: Manter bem esticado;
• Correntes de Transmissão: Manter Lubrificado;

Fazer periodicamente um reaperto generalizado em todos os parafusos, inclusive nos dos anéis
expansivos.

ATENÇÃO: Nas primeiras semanas de trabalho é muito importante que se proceda um reaperto
generalizado a cada dois dias, principalmente nos anéis expansivos do Rotor e dos Rolos de
Alimentação.

20
.
Brasil
MANUTENÇÃO DO SISTEMA HIDRÁULICO
Para a correta manutenção do sistema hidráulico da máquina devem-se seguir as
indicações abaixo:
• O filtro de óleo do sistema hidráulico deve ser trocado a cada troca de óleo ou
filtragem, não reutilizar filtros velhos ou usados, para que o sistema tenha um período de
vida longo utilizar sempre filtros novos.
• Para identificar o momento de troca é preciso observar o indicador de contaminação
da seguinte forma. Durante partidas a frio poderá ocorrer o acionamento do indicador de
contaminação devido ao aumento da viscosidade do fluído hidráulico. Aguarde até que o
fluído atinja a temperatura normal de trabalho. Se o elemento filtrante não estiver
contaminado o indicador de contaminação se rearmará automaticamente com a seta
marcando a área verde do indicador, caso contrário o elemento filtrante deverá ser
substituído.
• O óleo hidráulico deve ser constantemente verificado, pois, nunca se deve operar o
equipamento com nível de óleo abaixo do mínimo.
• O óleo hidráulico pode ser filtrado e ou trocado a cada 4.000 horas de trabalho ou
quando estiver com nível baixo. Recomenda-se filtrar o óleo do sistema e durante o
processo de filtragem inspecionar o óleo e se for necessário efetuar a troca.

Figura 5 – Indicador de Contaminação

OBS.: Para que o sistema hidráulico trabalhe corretamente e tenha um período de vida
longo, é preciso estar atento às manutenções para fazê-las da forma correta. Portanto, para
garantir uma boa instalação, inspeção e manutenção, é necessário dar uma atenção especial à
limpeza do equipamento e da área onde será efetuada a instalação. Todos os componentes devem
estar protegidos e isolados, e deverá ser mantida essa condição até o momento da montagem
final.
21
.
Brasil
PERÍODO DE LUBRIFICAÇÃO

DENOMINAÇÃO PERÍODO DE LUBRIFICAÇÃO / INSPEÇÃO PERÍODO DE TROCA LUBRIFICANTE

MANCAIS Graxa à base de Lítio


A cada 45h ou uma vez por semana. 2500h
consistência NGLI – 2

MANCAL DO ROTOR Diariamente pressionando a engraxadeira manual Graxa à base de Lítio


2500h
somente uma vez. consistência NGLI – 2

REDUTORES Verificar semanalmente. Consultar tabela do


Página 74
Completar se necessário fabricante em anexo.

CORRENTES DE
Graxa à base de Lítio
Verificar semanalmente. Engraxar quando necessário
TRANSMISSÃO consistência NGLI – 2

ROLETES E
Eventualmente substitua a São utilizados rolamentos
Examiná-los periodicamente
TAMBOR DE RETORNO cada 5000h blindados

Tabela 1 – Período de Lubrificação

22
.
Brasil
LUBRIFICAÇÃO DO MANCAL DO ACIONAMENTO

Figura 6- Lubrificação do Mancal do Acionamento

23
.
Brasil
LUBRIFICAÇÃO DO PICADOR E CALHA DE ENTRADA

Figura 7 - Lubrificação do Picador e Calha de Entrada

24
Brasil
LUBRIFICAÇÃO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA

Figura 8 - Lubrificação Conjunto Geral do Transportador de Saída

25
Brasil
DIAGNÓSTICO PARA DETECTAR DEFEITOS

DEFEITOS MOTIVOS SOLUÇÃO

A máquina está vibrando As facas estão desiguais Fazer afiação das facas, deixando-as uniforme.

Afiar as facas;
As facas cegaram o fio;
Lascas e pontas de toras muito Inverter a posição ou trocar a contra faca;
A contra faca está gasta;
grande nos cavacos Regular as Facas.
A folga entre Faca e Contra faca é muito grande.

A calha de alimentação não está A pressão não está de acordo (80 a 100 bar). Cilindro Verificar a pressão no manômetro. Regular (80 a
alimentando corretamente com defeito 100 bar)
A calha de saída não está A pressão não está de acordo (70 a 120 bar). Cilindro Verificar a pressão no manômetro. Regular (70 a
trabalhando corretamente com defeito 120 bar)
Afiar as facas;
As facas cegaram o fio de corte;
A máquina perde a rotação com Inverter a posição ou trocar a contra faca;
A contra faca está gasta;
frequência Respeitar as dimensões máximas da alimentação
A máquina está sendo sobrecarregada na alimentação.
da máquina.

Tabela 2 – Diagnóstico para Detectar Defeitos


26
Brasil
LUBRIFICAÇÃO DO CONJUNTO DA RODA

Figura 9 – Lubrificação do Conjunto da Roda

27
Brasil
TIPOS DE LUBRIFICANTES
GRAXA: Graxa a base de lítio com aditivo de extrema pressão Grau NGLI-2

PETROBRÁS ............................................................ LUBRAX GMA 2EP


IPIRANGA ..................................................................... LITHOLINE MP2
AGIP ................................................................................ GR30/EP-NGNI-2
TEXACO .......................................................................... MULTIFAK EP2

ÓLEO: Óleo hidráulico ISO VG68, com propriedades antidesgaste, protetivas contra
oxidação, com agente antiespumante, corrosão.

28
Brasil
PROCEDIMENTOS PARA DAR PARTIDA NA MÁQUINA
Antes de efetuar a partida na máquina, o rotor deverá ser girado manualmente,
certificando-se de que não há interferência entre as facas e contra faca.

Os parafusos fixadores das facas também deverão ser inspecionados e caso


necessário devem ser reapertados, observando-se a tabela de torque de aperto dos
parafusos na página 33. Usando-se para isso um torquímetro.

De acordo com as normas internacionais de segurança, todos os equipamentos


que possuem elementos rotativos externos requerem proteção, por isso é necessário que o
equipamento esteja provido desse sistema de proteção.

Para verificação das facas, contra faca e manutenção interna da máquina, abre-
se a tampa da câmara do rotor e travar o rotor com o pino de segurança.

OBSERVAÇÃO: Em picadores maiores essa abertura poderá ser feita hidraulicamente,


uma vez que todo o sistema é acionado por pistões hidráulicos.

É importante observar que não haja acumulo de material em torno do picador,


visando proporcionar a livre circulação.

PARTIDA
1. Antes de começar a operar a máquina, certifique-se de que todas as pessoas estejam
a uma distância segura;

2. Nivelar a máquina, para isso deixe a em superfície plana e faça uso das patolas;

3. Engatar o cardã no trator;

4. Ativar a tomada de força no trator;

5. Posicione as calhas adequadamente;

6. Cheque o nível de óleo do sistema hidráulico.

7. A continuidade dos procedimentos será feita pelo técnico responsável e autorizado

pela .

29
Brasil
OPERAÇÃO E PREVENTIVA
O Picador Florestal é basicamente uma máquina de operação
automática desde que esteja toda regulada e ajustada para a função a qual foi especificada.
A relação de observações que segue deve ser avaliada a cada início de operação.

• Observar se tem sido aplicado à manutenção periódica na máquina;


• Avaliar as condições e o desgaste das Correias de Acionamento;
• Avaliar as condições e o desgaste das Correntes;
• Avaliar as condições e o desgaste das Facas e da Contra faca.

30
Brasil
REAPERTO DE PARAFUSOS

Devido à forma de trabalho, o equipamento sofre vibração em toda a sua estrutura, o que
faz com que necessite que o operador faça um reaperto diário em alguns parafusos de
fixação que sofrem maiores vibrações, conforme descrito abaixo:

• Parafusos das tampas de facas;


• Parafusos da contra faca;
• Parafusos das buchas cônicas das polias;
• Parafusos dos mancais externos;
• Parafusos de fixação da carenagem;
Porém a cada semana deve-se fazer um reaperto generalizado em todos os
parafusos do picador.

Para efetuar aperto nos parafusos, deve ser observado o torque de aperto
adequado para cada medida de parafuso, conforme indicado na pág. Erro! Marcador não
definido.

31
Brasil
MONTAGEM DOS ANÉIS DE FIXAÇÃO
Os anéis de fixação unem, sem folga e por arraste, eixos com qualquer tipo de
cubos. A transmissão se faz por pressão e atrito entre as superfícies de trabalho. Deve se
dar atenção especial às superfícies de contato ao aperto dos parafusos travantes.

1- Limpar e lubrificar ligeiramente o eixo e o interior do cubo, bem como os parafusos;


2- Colocar os parafusos nos anéis e centrar o cubo;
3- Apertar os parafusos igualmente em forma de cruz, em duas ou três etapas, de tal
maneira a se alcançar o aperto (MA) indicados;
4- Controlar o momento de aperto dos parafusos por ordem de disposição. Apertar os
parafusos com um torque conforme tabela página 33. Após o primeiro esforço
aplicado sobre a peça montada com o anel, o mesmo deverá ser reapertado, assim
sucessivamente, até que não se movam mais.

Antes de montar os anéis de fixação, já usados, deve ser limpos e engraxados,


observando na montagem a mesma sequência da montagem item 01.
Os três parafusos marcados, ou seja, de cor brilhante, equipados com arruelas,
são para marcar o local de rosca interna, servindo para sacar os anéis quando necessário.
Os anéis se encontram no eixo do rotor, nos rolos dentados e basculante.

NOTA: Os parafusos não devem ser montados á seco.


Não usar óleos ou graxas que contenham bissulfeto de molibdênio

32
Brasil
TABELA DE TORQUE DE APERTO DE PARAFUSOS

dG M6 M8 M 10 M 12 M 14

MA (Kgm) 1,4 3.5 7 12.5 19


(ft-lbs) 10,13 25,32 50,63 90,41 137,43

dG M 16 M 18 M 20 M 22 M 24

MA (Kgm) 29,5 40,5 58 78 100


(ft-lbs) 213,37 292,94 419,51 564,17 723,3

Tabela 3 – Torque de Aperto de Parafusos

MA – TORQUE PARA APERTO


* dG – Ø PARAFUSO

33
Brasil
CONJUNTO GERAL (PFP 03-626)

Figura 10 – Conjunto Geral

34
Brasil

Figura 11 – Conjunto Geral 02

35
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Transportador de Saída PFP 03-629 01

02 Conjunto do Picador PFP 03-476 01

03 Parafuso Sextavado ISO 4017 (fix. da base do picador) M20 x 60 08

04 Arruela Lisa ISO 7091 Ø20 08

05 Arruela de Pressão DIN 128 Ø20 08

06 Porca Sextavada ISO 4032 M20 08

07 Conjunto do Comando Manual PFP 03-707 01

08 Parafuso Sextavado ISO 4017 (fix. do comando) M12 x 20 02

09 Arruela Lisa ISO 7091 Ø12 02

10 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 02

11 Porca Sextavada ISO 4032 M12 02

12 Calha de Entrada PFP 03-836 01

13 Conjunto do Chassi PFP 03-794 01

14 Barra Roscada M20 x 350 02

15 Arruela de Pressão DIN 128 Ø20 08

16 Porca Sextavada ISO 4032 M20 08

17 Eixo de Transmissão PFP 03-519 01

18 Eixo Cardã Convencional Quadrado Comercial 01

19 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 80 (fix. do mancal) 04

20 Arruela Lisa ISO 7091 Ø16 04

36
Brasil

21 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 04

22 Porca Sextavada ISO 4032 M16 04

Mancal SNHL 513 02


23 Bucha H 313 02
Rolamento 22213 EK 02

24 Proteção do Acionamento PFP 03-514 01

25 Correias de Acionamento B-94 08

26 Polia Motora Ø400 PFP 03-704 01

Proteção do Acionamento das


27 PFP 03-516 01
Bombas

28 Parafuso Sextavado ISO 4017 M12 x 30 (fix. do tanque hidr.) 04

29 Arruela Lisa ISO 7091 Ø12 04

30 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

31 Porca Sextavada ISO 4032 M12 04

32 Conjunto do Tanque Hidráulico PFP 03-500 01

Pistão Hidráulico da Calha de


33 CHP 62-001 01
Entrada

Pino do Pistão PFP 02-141 02


34
Pino de Fenda ISO 1234 M5 x 56 02

35 Vedação do Basculante PFP 03-113 01

36 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 25 04

37 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

Tabela 4 - Relação de Peças do Conj. Geral (PFP 03-626)

37
Brasil
CONJUNTO DO PICADOR (PFP 03-476)

Figura 12 – Conjunto do Picador do Lado das Engrenagens

38
Brasil

Figura 13 - Conjunto do Picador do Lado dos Motoredutores

39
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Pino do Basculante PFP 02-287 02

02 Conjunto do Basculante PFP 03-113 01

03 Conjunto da Capota PFP 03-106 01

04 Tampa de Fechamento da Traseira PFP 03-493 01

05 Parafuso Allen Cabeça Chata ISO 10642 M12 x 60 02

06 Conjunto Inferior do Picador PFP 03-477 01

07 Polia Movida Ø300 PFP 03-165 01

08 Bucha Cônica PFP 03-039 01

09 Parafuso Allen ISO 4762 M16 x 50 06

10 Arruela Lisa ISO 7091 Ø16 06

11 Proteção Fixa das Correntes PFP 02-150 01

12 Engrenagem PRP 03-045 01

13 Engrenagem PRP 03-044 01

14 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 30 01

15 Arruela Lisa ISO 7091 Ø16 01

Engrenagem PRP 03-042 01


16 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 30 01
Arruela Lisa ISO 7091 PRP 20-001 01

17 Proteção Móvel das Correntes PFP 02-145 01

18 Conjunto do Eixo de Articulação da Calha PFP 02-085 01

19 Batente do Basculante PFP 03-518 02

40
Brasil

20 Polia Movida da Bomba Hidráulica Ø310 PFP 08-014 01

21 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 60 04

22 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

Tabela 5 – Relação de Peças do Conj. do Picador (PFP 03-476)

41
Brasil
CONJUNTO INFERIOR DO PICADOR (PFP 03-477)

Figura 14 – Conjunto Inferior do Picador

42
Brasil

Figura 15 – Conjunto Inferior do Picador 02

43
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Conjunto do Rotor PFP 08-025 01

02 Parafuso Allen ISO 4762 M16 x 40 02

03 Conjunto da Peneira Conforme Ficha Técnica (pág. 09) 01

04 Parafuso Allen ISO 4762 M16 x 40 08

05 Mancal PPKK 03-112 02

06 Parafuso Sextavado ISO 4017 M14 x 75 14

07 Retentor Ø100 x Ø125 x 12 04

Rolamento 22222 EK 02
08
Bucha H 322 02

09 Tampa Vazada PFP 03-103 02

10 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 55 08

11 Mancal do Rolo Dentado UCFC 213 02

12 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 50 08

13 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 08

14 Mancal do Rolo de Limpeza UCFL 212 02

15 Parafuso Sextavado ISO 4017 M20 x 40 04

16 Arruela de Pressão DIN 128 Ø20 04

17 Rolo de Limpeza PFP 02-337 01

18 Conj. do Acionamento do Rolo Dentado PFP 03-273 01

19 Rolo Dentado Inferior PFP 02-277 01

Tabela 6 – Relação de Peças do Conj. Inferior do Picador (PFP 03-477)


44
Brasil
CONJUNTO DA BIGORNA

Figura 16 - Conjunto da Bigorna

45
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Suporte da Contra Faca PFP 03-073 01

02 Bigorna PFP 03-023 01

03 Contra Faca PFP 02-037 01

04 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 40 07

Parafuso Sextavado ISO 4017 M12 x 40 04


05
Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

06 Tampa da Contra Faca PFP 03-353 02

07 Suporte de Aperto PFP 03-354 02

08 Parafuso Allen ISO 4026 M16 x 45 04

09 Pente de Limpeza PFP 02-038 01

10 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 40 14

Tabela 7 – Relação de Peças do Conj. da Bigorna

O Rolo Dentado Superior indicado na Pos. 05/ pág. 53) e o Rolo Dentado
Inferior indicado na Pos. 19/ pág. 43, têm a função de puxar o material que se encontra na
Calha de Alimentação Pos. 12/ pág. 34. O Rolo de Limpeza Pos. 17/ pág. 42, tem a função
de manter limpo o Rolo Dentado Inferior.

46
Brasil
CONTRA FACA – DESMONTAGEM E MONTAGEM
Desmontagem
1. Afrouxar os parafusos (Pos. 08/ Figura 16);
2. Afrouxar e sacar os parafusos (Pos. 05/ Figura 16);
3. Retirar a tampa da contra faca (Pos. 06/ Figura 16);
4. Puxar o suporte da contra faca (Pos. 01/ Figura 16) para fora do picador;
5. Afrouxar e sacar os parafusos (Pos. 04/ Figura 16);
6. Retirar a contra faca (Pos. 03/ Figura 16);

Montagem
1. Colocar a contra faca novamente em seu lugar, tomando cuidado para que seu leito
esteja bem limpo, colocar e apertar os parafusos (Pos. 04/ Figura 16);
2. Colocar o suporte da contra faca (Pos. 01/ Figura 16) no picador;
3. Posicionar a tampa da contra faca (Pos. 06/ Figura 16);
4. Colocar e apertar os parafusos (Pos. 05/ Figura 16);
5. Apertar os parafusos (Pos. 08/ Figura 16).

47
Brasil
DESMONTAGEM E MONTAGEM DO MANCAL DO ROTOR
Desmontagem
1. Afrouxar e sacar os parafusos que fixam a tampa do mancal;
2. Sacar a tampa do mancal;
3. Encontrar a aba da arruela trava da bucha que esta travando a porca de fixação da
bucha e endireitá-la;
4. Afrouxar a porca de fixação da bucha até a mesma desprender-se do eixo do rotor;
5. Afrouxar e sacar os parafusos de fixação do mancal;
6. Retirar o mancal trazendo junto o rolamento e a bucha de fixação;
7. Retirar o rolamento do mancal, fazendo uso de 04 furos posicionados na parte de
trás do mancal (com Ø10 mm) que são usados para sacar o rolamento;
8. Sacar o retentor da mesma forma que o rolamento.

Montagem
1. Limpar bem o interior do mancal, evitando que fique sujeira no alojamento do
rolamento e do retentor;
2. Colocar o retentor no mancal, tomando cuidado para não danificá-lo;
3. Montar o rolamento no mancal evitando pancadas em partes que possam danificar o
mesmo, vindo a prejudicar seu funcionamento e durabilidade;
4. Montar o mancal, em conjunto com o rolamento e a bucha de fixação, no picador.
Encaixando-o corretamente na lateral;
5. Colocar e apertar os parafusos de fixação do mancal;
6. Apertar a porca da bucha de fixação;
7. Travar a porca com a arruela trava;
8. Colocar a tampa do mancal;
9. Colocar e apertar os parafusos de fixação da tampa;

48
Brasil
CONJUNTO DO CHASSI (PFP 03-794)

Figura 17 – Conjunto do Chassi

49
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Cubos das Rodas c/ Ponteira (TRITON) P/ Rodado Duplo Completo 02

02 Rodas (TRITON) Aro 550 X 16 X 6 furos Duplos 04

03 Pneu Liso Comum 10 Lonas 750 x 16 04

04 Paralamas PFP 02-383 01

05 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 40 04

06 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 04

Aparelho de Levantamento de Carreta


07 JOST cód. 2600-00104-P 01
com Manivela

08 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 35 08

09 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 08

10 Engate PFP 02-120 01

11 Braço de engate PFP 03-797 01

12 Estrutura do Chassi PFP 03-795 01

Tabela 8 – Relação de Peças do Chassi (PFP 03-794)

50
Brasil
CONJUNTO DA CALHA DE ENTRADA (PFP 03-836)

Figura 18 –Conj. Da Calha de Entrada

NOTA: A Calha de Alimentação tem como função o abastecimento do picador

51
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS
POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Parafuso Sextavado ISO 4017 M10 x 40 04

02 Arruela Lisa ISO 7091 Ø10 04

03 Roda Dentada do Retorno PFP 02-078 07

04 Mancal da Roda Dentada do Retorno UCT 210 Completo 02

05 Calha de entrada (2000 mm) PFP 02-076 01

06 Suporte de articulação PFP 02-074 02

07 Corrente da Calha P=3” x 64 Elos CTP 01-016 07

08 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 45 08

09 Arruela Lisa ISO 7091 Ø16 08

10 Mancal da Roda de Acionamento UCF 213 Completo 02

11 Roda Dentada de Acionamento PFP 02-080 01

12 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 30 01

13 Arruela Lisa Ø18 x Ø60 x 6 (PRP 20-001) 01

14 Engrenagem Simples PRP 03-042 01

15 Lateral da Calha PFP 02-079 02

16 Suporte da Roda Dentada do Retorno PFP 02-073 02

17 Porca Sextavada ISO 4032 M10 04

18 Arruela Lisa ISO 7091 Ø10 04

19 Porca Sextavada ISO 4032 M24 08

20 Barra Roscada M24 x 300 02

Tabela 9 – Relação de Peças da Calha de Entrada (PFP 03-836)

52
Brasil
CONJUNTO DO BASCULANTE (PFP 03-113)

Figura 19 – Conjunto do Basculante

53
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT.

01 Mancal do Basculante UCFC 213 02

02 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 08

03 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 60 08

04 Eixo do Basculante PFP 03-107 01

05 Rolo Dentado Superior PFP 02-047 01

06 Parafuso Sextavado ISO 4017 M20 x 150 01

07 Anel de Fixação Ø65 x Ø95 – RFN 7012 02

08 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 25 02

Conforme Ficha Técnica (pág.Erro!


09 Motor Hidráulico 01
Marcador não definido.)

10 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 50 04

Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 35 04


11
Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 04

12 Suporte Motor Hidráulico PFP 02-094 01

13 Suporte do Redutor PFP 02-281 01

14 Engrenagem Dupla PRP 10-041 01

15 Proteção das Correntes PFP 03-350 01

16 Parafuso Allen ISO 4762 M10 x 25 02

Conforme Ficha Técnica (pág.Erro!


17 Redutor (SEW) 01
Marcador não definido.)

18 Engrenagem Dupla PRP 10-017 01


54
Brasil

19 Corrente Dupla P=1/2” x 66 elos + emenda 01

20 Articulação do Basculante PFP 03-101 02

21 Porca Sextavada ISO 4032 M20 02

22 Arruela Lisa ISO 7091 Ø21 x Ø60 x 10 01

23 Bucha Elástica Conforme Redutor 02

24 Pré Montagem do Basculante PFP 03-100 01

25 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 06

26 Parafuso Allen ISO 4762 M16 x 40 06

Tabela 10 – Relação de Peças do Conj. do Basculante (PFP 03-113)

55
Brasil
CONJUNTO DO ROTOR (PFP 03-001)

Figura 20 – Conjunto do Rotor

56
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT.

01 Faca PFP 03-011 02

02 Tampa de Faca PFP 03-010 02

03 Parafuso Allen ISO 4762 M20 x 75 (Rosca Inteira) 12

04 Conjunto do Rotor PFP 03-001 01

05 Eixo do Rotor PFP 08-006 01

06 Anel de Fixação RFN 7012 - Ø 120 x Ø 165 02

Tabela 11 – Relação de Peças do Conj.do Rotor (PFP 03-001)

57
Brasil
DESMONTAGEM E MONTAGEM DAS FACAS

Desmontagem
1. Travar o rotor (Pos. 01/ Figura 14), evitando o giro do mesmo;

2. Soltar os parafusos de fixação da capota e abrir (Pos. 05/ Figura 12);

3. Afrouxar e sacar os parafusos (Pos. 03/ Figura 20), retirar a tampa de faca (Pos. 02/
Figura 20);

4. Sacar a faca (Pos. 01/ Figura 20), puxando à mesma para frente com cuidado.

ATENÇÃO: Deve-se tomar cuidado com o fio da faca, evitando acidentes, para isso
deverá ser usado um sistema de proteção no fio da faca e luvas.

Montagem
1. Antes de montar a faca ela deverá ser afiada e aferida no gabarito de regulagem.

2. Limpar a superfície e o alojamento das facas, evitando que partículas de cavacos


possam prejudicar o ajuste e o aperto;

3. Alojar a parte inferior da faca (Pos. 01/ Figura 20) em sua base, encostando os
parafusos de regulagem nos calços, que estão soldados no rotor;

4. Colocar a tampa de faca (Pos. 02/ Figura 20);

5. Colocar e apertar os parafusos de fixação da tampa (Pos. 03/ Figura 20);

6. Fechar e travar a capota com os parafusos (Pos. 05/ Figura 12).

IMPORTANTE: Antes de colocar a máquina em movimento, verificar se as facas estão


bem firmes e se a regulagem está perfeita. Para isso, é necessário dar uma volta inteira no
rotor, girando-o manualmente, para certificar-se de que as facas não estão batendo na
contra faca.

58
Brasil
AFIAÇÃO DAS FACAS:

As facas são afiadas no ângulo de 32º, recomendamos, na afiação das facas


usarem o resfriamento a base de óleo solúvel.

As facas deverão ter um desgaste uniforme, evitando assim o


desbalanceamento do rotor.

O desgaste das facas não deverá ultrapassar a 32 mm de sua largura total,


portanto, quando a faca chegar a 88 mm de sua largura original, deverá ser descartada,
evitando acidentes com a soltura de uma faca na câmara de corte.

Figura 21 – Ângulo de Afiação das Facas

59
Brasil
REGULAGEM DAS FACAS

Figura 22 – Regulagem das Facas

Após as facas terem passado pelo processo de afiação as mesmas devem ser
aferidas no gabarito de regulagem de facas, para depois serem instaladas no picador.
O gabarito sai de fabrica com a regulagem correta, portanto nunca destrave o
parafuso da pos. 01, para não alterara medida de 135 mm, pois esta é a medida correta para
a faca passar bem próxima da contra faca e não bater na mesma.
Para regular a faca siga as seguintes orientações:

1. Limpe bem o gabarito, na parte em que a faca será alojada, para evitar o
desnivelamento da mesma;
2. Destrave a porca da pos. 03;
3. Coloque a faca no gabarito;
4. Encoste o parafuso da pos. 02 no parafuso da pos. 01;
5. Trave a porca da pos. 03.

60
Brasil
ACIONAMENTO DO ROLO DENTADO INFERIOR

Figura 23 – Acionamento do Rolo Dentado Inferior

61
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT

01 Redutor (SEW) Conforme Ficha Técnica (pág. 11) 01

02 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 50 04

03 Motor Hidráulico Conforme Ficha Técnica (pág. 11) 01

04 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 25 02

05 Parafuso Sextavado ISO 4017 M16 x 35 04

06 Arruela de Pressão DIN 128 Ø16 04

07 Suporte do Motor Hidráulico PFP 02-094 01

08 Suporte do Redutor PFP 02-281 01

09 Engrenagem Dupla PRP 10-055 01

10 Corrente Dupla P = 1/2” + 67 elos + emenda 01

11 Proteção Acionamento dos Redutores PFP 03-350 01

12 Parafuso Allen ISO 4762 M8 x 20 02

13 Engrenagem Dupla PRP 10-029 01

Tabela 12 – Relação de Peças do Acionamento do Rolo Dentado Inferior (PFP 03-273)

62
Brasil
CONJUNTO DA BOMBA HIDRÁULICA

Figura 24 – Conjunto do Suporte da Bomba Hidráulica

63
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT.

01 Parafuso Allen ISO 4762 M8 x 30 (fixa. bomba hidr.) 04

02 Arruela de Pressão DIN 128 Ø8 04

03 Acoplamento PFP 09-371 01

04 Anel Elástico DAe 50 01

05 Espaçador da Bomba PFP 06-378 01

06 Suporte do Esticador PFP 11-253 01

07 Bucha Espaçadora PFP 11-256 01

08 Eixo da Polia da Bomba PFP 11-255 01

09 Anel Elástico DAi 90 01

10 Anel Espaçador PFP 11-195 01

Polia Motora Ø150 PFP 03-788 01


11
Correia de Acionamento da Bomba 5V – 1000 02

12 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 50 04

13 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

14 Rolamento 6210 2RS 02

Conforme Ficha Técnica (pág.Erro!


15 Bomba Hidráulica 01
Marcador não definido.)

Tabela 13 – Relação de Peças do Conj. do Suporte da Bomba Hidráulica (PFP 03-499)

64
Brasil
CONJUNTO DO EIXO DE ARTICULAÇÃO DA CALHA (PFP 02-085)

Figura 25 - Conj. do Eixo de Articulação da Calha

65
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT.

01 Flange da Articulação da Calha PFP 02-087 01

02 Engrenagem PRP 03-043 01

03 Anel Elástico DAe 40 01

04 Rolamento 6208 2Z 02

05 Eixo de Articulação PFP 02-086

Tabela 14 – Relação de Peças do Conj. do Eixo de Articulação da Calha (PFP 02-085)

66
Brasil
CONJUNTO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA (PFP 03-629)

Figura 26 - Conjunto do Transportador de Saída

OBS.:Ao transportar o picador, o conjunto da calha de saída deve estar fixo em seu
lugar através dos parafusos presos no suporte, na parte superior da estrutura.

67
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº DESENHO QUANT.

01 Conjunto de Acionamento PFP 03-638 01

02 Cilindro Hidráulico CHP 58-001 02

03 Estrutura da Calha 3 PFP 03-636 01

04 Estrutura do Módulo Intermediário PFP 03-633 01

05 Conjunto de Retorno PFP 03-630 01

Conforme Ficha Técnica


06 Correia Transportadora (pág.Erro! Marcador não 01
definido.)

07 Cilindro Hidráulico CHP 57-001 01

08 Pino do Cilindro PFPJ 10-683 06

09 Pino Quebra Dedo Ø2" x 5 06

10 Bucha do Braço PFPJ 15-107 18

12 Pino de Dobra do Transp. de Saída PFPJ 15-108 06

13 Parafuso Allen ISO 4762 M10 x 25 04

14 Arruela de Pressão DIN 128 Ø10 04

15 Chapa de Fixação do Rolete PFP 09-234 08

16 Parafuso Sextavado ISO 4017 M8 x 15 16

17 Arruela de Pressão DIN 128 Ø8 16

Tabela 15 - Relação de Peças do Conj. do Transportador de Saída (PFP 03-629)

68
Brasil
CONJUNTO DE ACIONAMENTO DO TRANSP. DE SAÍDA
(PFP 03-638)

Figura 27 – Conjunto de Acionamento do Transportador de Saída

69
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS
POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº DESENHO QUANT.

01 Tambor de Acionamento PFP 03-490 01

02 Corrente Dupla P=3/4” x 36 Elos + Emenda 01

03 Engrenagem Dupla PRP 03-103 01

04 Mancal UCFC 208 02

05 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 40 08

06 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 08

07 Engrenagem Dupla PRP 03-106 01

08 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 40 01

09 Arruela Especial Ø60 x Ø14 x 6 01

10 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 40 02

11 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 02

12 Proteção do Acionamento PFPJ 15-115 01

13 Parafuso Allen ISO 4762 M8 x 20 (fix. da proteção) 02

14 Arruela de Pressão DIN 128 Ø8 02

Conforme Ficha Técnica (pág.


15 Motor Hidráulico 01
Erro! Marcador não definido.)

16 Parafuso Allen ISO 4762 M12 x 30 (fix. da base do motor) 02

17 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 02

18 Barra Roscada M16 x 150 01

19 Arruela Lisa ISO 7091 Ø16 04

20 Porca Sextavada ISO 4032 M16 04


70
Brasil
Tabela 16 - Relação de Peças do Conj. de Acionamento do Transp. de Saída (PFP 03-638)

CONJUNTO DE RETORNO DO TRANSPORTADOR DE SAÍDA


(PFP 03-630)

Figura 28 – Conjunto de Retorno do Transportador de Saída

71
Brasil
RELAÇÃO DE PEÇAS

POS. DESCRIÇÃO DAS PEÇAS DIMENSÃO/ Nº. DESENHO QUANT.

01 Tambor de Retorno PFP 03-489 01

02 Parafuso Sextavado ISO 4017 M12 x 30 04

03 Arruela de Pressão DIN 128 Ø12 04

04 Barra Roscada M20 x 300 02

05 Porca Sextavada ISO 4032 M20 08

06 Arruela Lisa ISO 7091 Ø20 08

07 Mancal Esticador UCT 208 02

08 Parafuso Sextavado ISO 4017 M10 x 30 04

09 Arruela de Pressão DIN 128 Ø10 04

10 Raspador PFP 03-491 01

Tabela 17 – Relação de Peças do Conj. de Retorno do Transp. de Saída (PFP 03-630)

72
Brasil

TABELA DE LUBRIFICANTES

73
Brasil

DETALHAMENTO DO REDUTOR

74
Brasil

75
Brasil

76
Brasil

77
Brasil

78
Brasil

79
Brasil

80
Brasil

81
Brasil

ESQUEMA HIDRÁULICO

82
Brasil
Anexos

83