Você está na página 1de 223
RELATÓRIO DE GESTÃO 2010

RELATÓRIO DE GESTÃO 2010

Índice

Perfil Unimed Paulistana 7 1 - Unimed Paulistana aposta no crescimento sustentável 9 2 -
Perfil Unimed Paulistana
7
1 - Unimed Paulistana aposta no crescimento sustentável
9
2 - Unimed é a maior cooperativa de saúde do mundo
10
3
- Com 39 anos de existência, a Unimed Paulistana possui mais
de 1,6 milhão de clientes
13
4 - Prêmios recebidos em 2010
16
5 - Identidade corporativa
20
6 - Administração
21
7
- Organograma Unimed Paulistana
Mensagem da Diretoria
22
25
1. Mensagem do Presidente
27
2. Mensagem do Diretor Secretário
30
3. Mensagem do Diretor Financeiro
32
4. Mensagem do CEO
34
Desempenho Econômico
37
1
- Perspectivas para o setor de saúde suplementar são positivas
39
- Tendências e perspectivas
3- Performance anual em números
2
41
43
4
- Fundos, sobras e perdas
Área Financeira
45
47
Desempenho Sócioambiental
55
1. Política Unimed Paulistana de Sustentabilidade
57
2. A responsabilidade social para a Unimed Paulistana
61
Performance da Cooperativa
Gestão de Pessoas
71
73
Tecnologia da Informação
Área Comercial
83
85
Recursos Próprios
90
Jurídico
94
Regulação e Atenção à Saúde
Atendimento e Intercâmbio
99
106
Casa do Cooperado
Centro de Procedimentos e Apoio Zona Norte
Centro de Procedimentos e Apoio Zona Leste
Normatização
114
120
126
129
Área de Compras
Marketing
Resultados
132
135
141

6

6

7

“ A verdadeira vocação para a medicina só surge após exercer “ a profissão e
A verdadeira vocação para a
medicina só surge após exercer
a
profissão e ter contato com a
população. A medicina é difícil
De pequena queria ser arqueóloga ou
pianista clássica, mas como minha família
sempre teve uma preocupação social com
as pessoas, acabei me influenciando e
e
trabalhosa, mas só quem tem
vocação sente prazer e satisfação
então procurei algo que poderia ajudar na
vida das pessoas. Também tive influência
em servir as pessoas.
do meu irmão que já cursava medicina.
Dr. Tito Cesar dos Santos Nery
Dra. Telma de Cássia dos Santos Nery
Dr. Tito e Dra. Telma são irmãos
Perfil Unimed Paulistana

9

1 - Unimed Paulistana aposta no crescimento sustentável

A Unimed Paulistana acredita que o relacionamento com todos os seus stakeholders – colaboradores, médicos cooperados, clientes, fornecedores e sociedade - deve ser norteado por meio de atitudes éticas que confirmam o seu comprometimento com a realização de ações socialmente responsáveis e boas práticas corporativas.

A Cooperativa tem apresentado

grandes resultados a todos os públicos com os quais se relaciona e para o Sistema Unimed, fortalecendo a marca

e disseminando sua expertise e excelência para o mercado de saúde suplementar.

o Sistema Unimed, fortalecendo a marca e disseminando sua expertise e excelência para o mercado de

10

2 - Unimed é a maior cooperativa de saúde do mundo

A Unimed Paulistana faz parte do

Sistema Unimed, maior cooperativa na área da saúde em todo o mundo, além da mais representativa rede de assistência médica do Brasil, presente em 83% do território nacional, o que representa 4.623 municípios.

A trajetória da Unimed começou

quando o Dr. Edmundo Castilho fundou, em 1967, a Unimed Santos, no litoral paulista. Hoje, depois de 43 anos de existência, a marca já é reconhecida por sua excelência e solidez, além de ser condecorada com os mais importantes prêmios do setor. Possui 373 cooperativas, mais de 110 mil médicos cooperados que prestam assistência para mais de 17 milhões de clientes e 73 mil empresas em todo o País.

Clientes Unimed contam com 3.244

hospitais credenciados, além de pronto- atendimentos, laboratórios, ambulâncias

e hospitais próprios e credenciados para

garantir qualidade na assistência médica, hospitalar e de diagnóstico

complementar oferecidos.

Além de deter 37% do mercado nacional de planos de saúde, a marca possui lembrança cativa na mente dos brasileiros. De acordo com pesquisa nacional do Instituto Datafolha, a Unimed é pelo 17º ano consecutivo a marca Top of Mind quando o assunto

é plano de saúde. Outro destaque é o

Prêmio Plano de Saúde em que os Brasileiros Mais Confiam, recebido, pela nona vez consecutiva, na pesquisa

Marcas de Confiança.

11

11

12

Os números do Sistema Unimed

37% de participação (Pesquisa Datafolha 2010) no mercado nacional de planos de saúde (atende 17 milhões de clientes);

373 cooperativas com abrangência em

83% do território nacional (4.623

municípios);

Mais de 110 mil médicos cooperados;

Conjunto das cooperativas somou em 2009 faturamento de R$ 23,2 bilhões;

Mais de 73 mil empresas contratantes;

99 hospitais próprios e 3.244 hospitais credenciados, sendo 6.596 hospitais no Brasil;

158 pronto-atendimentos próprios, 103

laboratórios próprios e 186 ambulâncias próprias;

Disponibiliza 3.286 leitos próprios e 327 mil leitos credenciados;

Mais de 20 mil recursos credenciados;

Realização de mais de 69 milhões de consultas/ano; 2 milhões internações/ano; e 138 milhões de exames complementares/ano;

Realização de mais de 5,33 consultas/usuários/ano; 10,66 exames complementares por usuário ano e 11 mil leitos ocupados permanentemente;

57 mil empregos diretos (de acordo com o Balanço Social Consolidado do Sistema Unimed 2009) e 290 mil empregos indiretos;

A consultoria BrandFinance verificou o

valor da marca Unimed: R$ 2,94 bilhões. Segundo o ranking da companhia, ocupa o 31º lugar entre as marcas mais

valiosas do país.

Por 17 anos consecutivos a Unimed é a marca Top of Mind em Plano de Saúde, de acordo com pesquisa nacional do Instituto Datafolha;

Detentora 22 vezes do Prêmio Mérito Lojista, como plano de saúde preferido dos sócios da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas;

A Unimed foi a escolhida, na categoria

convênio e assistência médica, para receber o “Oscar” da área de recursos humanos: o Prêmio Top of Mind – Fornecedores de RH do ano 2010. Esta foi a 11ª vez que a marca foi premiada;

13

3 - Com 39 anos de existência, a Unimed Paulistana possui mais de 1,6 milhão de clientes

Desde 1971, ano de sua criação, a Unimed Paulistana, que integra o maior sistema de saúde da América Latina, tem a difícil missão de elevar o conceito de assistência médica para uma visão de saúde focada no aumento da qualidade de vida e do bem-estar. Sabe que, justamente por estar lidando com o bem mais precioso do ser humano, a saúde, é necessário empregar essa filosofia em todos os seus processos, que vão desde o tratamento e reabilitação, até a prevenção e promoção da saúde.

A atuação da Unimed Paulistana, focada em seu crescimento, na competência dos médicos cooperados e na expertise dos profissionais que fazem parte do seu quadro funcional, além de produtos inovadores e que atendem a demanda do setor com excelência, foi muito positiva, quando são analisados os resultados conquistados pela empresa nos últimos doze meses. Isso é o reflexo do comprometimento e no empenho dos conselheiros, diretores, gestores e colaboradores da companhia, que colocaram em prática as ações estratégicas traçadas no planejamento. Isso fortalece, cada vez mais, a marca e reforça o compromisso em alcançar indicadores ainda melhores.

O resultado líquido da Unimed

Paulistana, em 2010, foi de R$ 44,9 milhões, com crescimento de quase 146% em relação a 2009. O faturamento

consolidado da empresa também subiu, indo de R$ 1,9 bilhão em 2009 para R$ 2,5 bilhões em 2010.

A Unimed Paulistana, em 39 anos de

trajetória, está sempre alinhada às mais modernas tecnologias de informação e

busca investir, constantemente, no aprimoramento dos colaboradores que trabalham na Cooperativa, com foco na excelência dos serviços – ferramentas que possibilitaram um alto comprometimento de seus médicos pela prática cooperativista.

Além de ser gestora do Hospital Unimed Santa Helena (HUSH), há dez anos, a Unimed Paulistana conta hoje com mais de 1,6 milhão de clientes atendidos por mais de 2.200 mil médicos cooperados em 30 municípios da Grande São Paulo. Registrou, ao longo de 2010, mais de 6 milhões de atendimentos em seus diversos canais, conta com cerca de 500 prestadores, entre hospitais, laboratórios, clínicas e homecare, e acompanhou mais de 15 mil pacientes com doenças crônico-degenerativas por meio da Medicina Preventiva.

14

Sede da Unimed Paulistana na Avenida Brigadeiro Luís Antônio, nº 792
Sede da Unimed Paulistana na Avenida
Brigadeiro Luís Antônio, nº 792

15

Mapa de abrangência da Unimed Paulistana

Arujá
Arujá

16

4 - Prêmios recebidos em 2010

Pelo 9º ano consecutivo, Unimed é a marca de maior confiança

9º ano consecutivo, Unimed é a marca de maior confiança A Unimed foi eleita, em 2010,

A Unimed foi eleita, em 2010, pelo 9º ano consecutivo, a marca de maior confiança entre os consumidores brasileiros na categoria Assistência Médica, com

52% dos votos. A informação é resultado da 9ª Pesquisa Marcas de Confiança, um estudo realizado pela Revista Seleções em parceria com o Ibope Inteligência.

A pesquisa foi realizada via web com

leitores de todo país, em uma amostra de 1.500 questionários.

A Unimed Paulistana é a 5ª maior operadora de saúde do Brasil

A Unimed Paulistana foi classificada

como o 5º maior plano de saúde do Brasil, de acordo com um estudo divulgado recentemente pela revista

Valor 1000 – uma produção do jornal Valor Econômico. A análise tem como objetivo ranquear e reconhecer as

melhores empresas, divididas por categorias, escolhidas por meio de uma pesquisa cuja base de dados está relacionada às maiores instituições do Brasil em receita líquida.

Unimed sobe duas posições entre as marcas mais valiosas

A Unimed conquistou a 31° posição no

ranking das 100 marcas mais valiosas do Brasil, duas casas acima de sua colocação no ano passado. Foi observado também um

acréscimo no valor da marca, chegando a R$ 2,941 bilhões. O estudo é realizado pela consultoria Brand Finance, em parceria com

a revista The Brander/IAM. As empresas foram avaliadas por uma pesquisa

quantitativa de mercado com mais de 6.200 pessoas e com 35 indicadores dos seguintes grupos:

produtos/serviços; preço; marketing

e comunicação; governança

corporativa e responsabilidade socioambiental; serviços ao

consumidor e pós-venda e canal de distribuição.

17

Responsabilidade Social 2010

A Unimed Paulistana recebeu o selo de

Responsabilidade social 2010, concedido pela Unimed do Brasil. O Sistema Unimed certifica as cooperativas que desenvolvem programas voltados a uma sociedade mais justa, ética e comprometida com o desenvolvimento sustentável. A metodologia de avaliação baseia-se nos sete temas de responsabilidade social: Valores, Transparência e Governança, Público interno, Meio ambiente, Fornecedores, Clientes, Comunidade e Governo e Sociedade - e no preenchimento do Balanço Social - Modelo IBASE , adaptado para cooperativas.

Balanço Social - Modelo IBASE , adaptado para cooperativas. Gestão & RH A Unimed Paulistana foi

Gestão & RH

A

Unimed Paulistana foi considerada

os meses de julho a novembro de 2010, onde importantes organizações e gestores de RH indicaram os principais fornecedores no Brasil.

destaque pela revista Gestão & RH,

com a melhor avaliação na Pesquisa

100

Melhores Fornecedores para RH

2011

no segmento Medicina de

Grupo/Cooperativas. Resultado de uma pesquisa nacional realizada entre

para RH 2011 no segmento Medicina de Grupo/Cooperativas. Resultado de uma pesquisa nacional realizada entre

18

Top of Quality

18 Top of Quality A Unimed Paulistana recebeu também o prêmio Top of Quality, que reconhece

A Unimed Paulistana recebeu também o prêmio Top of Quality, que reconhece as empresas que apresentam ao mercado produtos e serviços que

Superbrands Brasil

Unimed recebe, pelo quinto ano consecutivo, o certificado Superbrands. Marca participa do livro de luxo que reunirá

Grupo Troiano

A Unimed foi eleita uma das empresas

de maior prestígio no Brasil no setor de saúde, segundo levantamento do

Top of Mind Internet

A Unimed é, pela segunda vez consecutiva,

a marca mais lembrada e conquistou o Top

of Mind Internet, Uol/Datafolha. Embora o prêmio esteja na quarta edição, em 2009 foi a primeira vez que a categoria Plano de Saúde foi inclusa. A marca teve 21% das lembranças em 2010.

primam pela excelência em qualidade. As empresas homenageadas foram

submetidas a uma criteriosa avaliação

e apuração das informações feitas

junto a clientes, consumidores e fornecedores a respeito da companhia

e seus serviços.

história e curiosidades das mais importantes marcas que atuam no país. A iniciativa faz parte do projeto Superbrands Brasil.

Grupo Troiano para a revista Época Negócios, nas edições 2008, 2009

e 2010.

faz parte do projeto Superbrands Brasil. Grupo Troiano para a revista Época Negócios, nas edições 2008,

19

Dr. Paulo José Leme de Barros conquistou a medalha Dr. Ulysses Guimarães pela Ordem dos Parlamentares do Brasil

Dr. Paulo José Leme de Barros, Diretor Presidente da Unimed Paulistana, foi premiado pela Ordem dos Parlamentares do Brasil - O.P.B com a medalha Dr. Ulysses Guimarães como Executivo do Ano no segmento da Saúde. De acordo com

Dennys Serrano, presidente da Ordem dos Parlamentares do Brasil, este é o reconhecimento do importante trabalho desenvolvido pelo Dr. Paulo, juntamente com os diretores, que tem garantido resultados significativos à Cooperativa.

desenvolvido pelo Dr. Paulo, juntamente com os diretores, que tem garantido resultados significativos à Cooperativa.

20

5 – Identidade corporativa

Missão

Promover soluções em saúde sempre buscando a excelência, valorizar o trabalho do médico e propiciar o seu desenvolvimento profissional dentro dos princípios cooperativistas, com ética e responsabilidade socioambiental.

Negócio Assegurar aos clientes soluções de saúde com qualidade.

Visão Ser referência nacional em saúde, cooperativismo e gestão, superando as expectativas dos clientes, cooperados e colaboradores.

Valores Foco no cooperado Compromisso com o cliente Valorização dos colaboradores Dignidade no trabalho Oportunidades iguais aos cooperados Compartilhar conhecimento Transparência e integridade Inovação Governança corporativa Gestão profissional Desenvolvimento e valorização dos fornecedores Princípios e valores cooperativistas Responsabilidade socioambiental

21

6 - Administração

Conselho de Administração Dra. Ana Regina Cruz Vlainich Dr. David Serson Dr. Paulo José Leme de Barros Dr. Valdemir Gonçalves da Silva

Diretoria Executiva Estatuária Dr. Paulo José Leme de Barros – Diretor Presidente Dr. David Serson - Diretor Secretário Dr. Valdemir Gonçalves da Silva - Diretor Financeiro

Diretoria Executiva Dr. Maurício Rocha Neves - C.E.O.

Conselho Técnico Efetivos Dr. Cláudio Hideki Toi Dr. Cláudio Magalhães Rangel Dr. Jacob Levites Dr. Ricardo José Gaspar Dr. Roberto Gustavo Tasselli

Suplentes Dr. Paulo Paes Silvado Júnior Dr. Renato Lima de Moraes Júnior Dra. Rosimere Christov

Conselho Fiscal Efetivos Dr. Francisco de Assis Lima Júnior Dra. Maria Inês P. Trigo Dr. Nadir Zacarias

Suplentes Dr. Ricardo José Brites da Silva Dr. Silvio Keniti Iwamura Dra. Volga Ide Marques dos Santos

22

EXECUTIVA CONSELHODIRETORIA

SUPERINTENDÊNCIA

7 - Organograma Unimed Paulistana

Conselho de Administração

Dra. Ana Regina Cruz Vlainich Dr. David Serson Dr. Paulo José Leme de Barros Dr. Valdemir Gonçalves da Silva

Conselho Técnico

Dr. Cláudio Hideki Toi Dr. Cláudio Magalhães Rangel Dr. Jacob Levites Dr. Paulo Paes Silvado Junior Dr. Renato Lima de Moraes Junior Dr. Ricardo José Gaspar Dr. Roberto Gustavo Tasselli Dra. Rosimere Christov

Gaspar Dr. Roberto Gustavo Tasselli Dra. Rosimere Christov Superintendência de Regulação e Atenção à Saúde

Superintendência de Regulação e Atenção à Saúde

Superintendência de Atendimento e Intercâmbio

Superintendência

Estratégica

Dr. Maurício Rocha Neves

Dr. Jesse Bertellotti

Gisele Lopes

23

Assembleia Geral Conselho Fiscal Dr. Francisco de Assis Lima Junior Dra. Maria Inês P. Trigo
Assembleia Geral
Conselho Fiscal
Dr. Francisco de Assis Lima Junior
Dra. Maria Inês P. Trigo
Dr. Nadir Zacarias
Dr. Ricardo José Brites da Silva
Dr. Silvio Keniti Iwamura
Dra. Volga Ide Marques dos Santos
Diretoria Executiva Estatuária
Dr. Paulo José Leme de Barros - Diretor Presidente
Dr. David Serson - Diretor Secretário
Dr. Valdemir Gonçalves da Silva - Diretor Financeiro
Diretoria Executiva
Dr. Maurício Rocha Neves
Superintendência
Administrativa e
Superintendência de
Recursos Próprios
Financeira
Superintendência de
Desenvolvimento de
Negócios

(Vago)

Dr. José Carlos E. de Almeida

(Vago)

24

24

25

“ Meu pai é médico e minha mãe também trabalhava na área da saúde, por
Meu pai é médico e minha mãe também
trabalhava na área da saúde, por esse
motivo, sempre soube que queria fazer
medicina, pois sempre gostei de tudo
que meus pais contavam.
Dr. Daniel Paulillo
Na escola tinha um professor de Biologia
que nos estimulava a estudar muito e
também meu pai que trabalhava em um
laboratório sempre me levava em palestras
e simpósios. Desde os 12 anos tinha certeza
do que queria para minha vida.
Dr. Luiz Francisco Paulillo
Dr. Luiz e Dr. Daniel são pai e filho
Mensagem da Diretoria

27

1. Mensagem do Presidente

Na condição de Diretor Presidente da Unimed Paulistana, dirijo-me aos cooperados e a toda sociedade brasileira para apresentar o Relatório de Gestão referente ao ano de 2010. Este documento teve como missão descrever as principais conquistas do período, que refletiram em um ano significativo para os cooperados, colaboradores, clientes, fornecedores e sociedade.

Após um árduo período de reestruturações, ajustes e mudanças estratégicas – quando saímos de um resultado de (-) R$ 98 milhões para um resultado de (+) R$ 45 milhões em nosso Balanço Contábil – é com imenso orgulho que convido a todos a observar nas próximas páginas as principais ações que culminaram com esta histórica ascensão de nossa Cooperativa.

E para celebrá-lo, não podíamos deixar de homenagear nossos mais de 2.200 cooperados, que foram fundamentais durante todo esse trajeto. A Unimed Paulistana possui hoje, indiscutivelmente um corpo clínico de qualidade incontestável que sobejamente tem sustentado esta empresa a despeito de todos os caminhos trilhados. Nos seis capítulos que compomos para os nossos demonstrativos de gestão centralizamos tematicamente a imagem do cooperado, que é razão da existência desta Cooperativa. Destacamos os cooperados, seus pais e filhos, os mais novos, os mais

os cooperados, seus pais e filhos, os mais novos, os mais antigos em atividade, além de

antigos em atividade, além de cooperadas que também escreveram suas histórias nesta importante caminhada. Assim, você poderá conhecer seus pequenos relatos que descrevem grandes momentos.

Aproveito a oportunidade para salientar também importantes iniciativas desenvolvidas em 2010, que marcaram esta gestão.

Desde que assumimos, em novembro de 2009, nosso compromisso com o cooperado não era apenas um valor estabelecido e divulgado no Relatório de Gestão e no site da Unimed Paulistana. Temos um compromisso real em

28

oferecermos ao cooperado informações fidedignas e atuais da Cooperativa, mesmo quando isso acarretar descontentamentos e exigir um posicionamento mais firme por parte desta gestão.

O Programa de Saneamento, estabelecido pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) em função da direção fiscal que ainda cumprimos, contemplou uma série de ações, dentre elas, a renegociação com nossos prestadores e fornecedores, uma readequação da rede e a otimização de custos da Cooperativa. O Programa foi amplamente exercido, tendo sido suas metas superadas em todos os aspectos.

Por meio dele, foi possível disponibilizar uma série de benefícios aos nossos sócios, com destaque para o plano de saúde Supremo Uniplan, produto “top de linha”, que foi oferecido gratuitamente ao cooperado e aos dependentes. Além disso, também foi possível proporcionarmos um aumento do prêmio SERIT (Seguro de renda por Incapacidade Temporária) e do Seguro de Vida.

Fez parte de nossa gestão a readequação de nosso passivo tributário. Realizamos a adesão ao PPI (Programa de Parcelamento Incentivado), cuja finalidade é oferecer oportunidade para que os contribuintes possam quitar seus débitos de ISS, e assim, regularizar a situação perante o município de São Paulo. Só para se ter uma ideia do

benefício desse programa, a nossa dívida, considerando o período até 2006 que era de R$ 529.839.068,80, passou a ser de R$ 212.734.878,18, realizável em 120 meses e corrigida por taxa Selic. Com esse ato, mais da metade

de todo o nosso passível tributário passa

a ser contingenciado em forma legal, resolvendo junto ao município um

passado que gerava insegurança quanto

a estes valores e nos trazia uma grande expectativa quanto ao nosso futuro.

A Unimed Paulistana formalizou sua

adesão ao REFIS IV regularizando grande parte de sua situação fiscal, obtendo certidões negativas perante a Secretaria

da Receita Federal, Instituto Nacional do Seguro Social - INSS e Procuradoria- Geral da Fazenda Nacional. A Cooperativa reduziu de forma expressiva

a incidência de juros de mora, multa e

encargos legais incidentes no valor total da dívida de acordo com a Lei nº 11.941/09 e ainda os débitos previdenciários em período de decadência superiores a cinco anos.

Outra importante conquista foi o aumento do número de cooperados. Temos conseguido trazer mensalmente novos médicos de diferentes especialidades que contribuem para o crescimento sustentável da Cooperativa, possibilitando melhor atendimento e condições de trabalho médico.

29

Foi o ano que marcou o maior crescimento em número de vidas tomando-se o cuidado de rever todos os cálculos atuariais referentes às precificações feitas para os nossos clientes. O resultado do conjunto das ações foi notório quando da redução dos nossos índices de sinistralidade.

Realizamos importantes benfeitorias em nossos Recursos Próprios e no atendimento

do Intercambio que gerou melhor atendimento aos clientes.

Aproveito o ensejo para agradecer a todos: cooperados, colaboradores, fornecedores e Cooperativas coirmãs e convido-os para a leitura deste Relatório de Gestão 2010.

Um forte abraço.

Dr. Paulo José Leme de Barros Diretor Presidente

30

2. Mensagem do Diretor Secretário

É

com grande satisfação que a Unimed

aumento da qualidade de vida de nossos beneficiários. o

aumento da qualidade de vida de nossos beneficiários.

o

Paulistana completa seus 39 anos de atuação, amparada em importantes conquistas e resultados surpreendentes.

Nas próximas páginas deste Relatório de Gestão, você poderá conferir apenas algumas das iniciativas desenvolvidas pelos departamentos de nossa Cooperativa, durantes os 12 últimos meses, que juntas angariaram um fortalecimento ainda maior de nosso negócio.

Um dos principais resultados que podem ser elencados é a totalização de mais de 1,6 milhão de clientes, incluindo os que

estão em Intercâmbio, ou seja, clientes de outras Unimeds que são atendidos pela Unimed Paulistana. Este resultado significou um aumento de 15% em relação

a

2009. Já a carteira própria somou

940.418 vidas, crescendo 14% em relação

 

ao ano passado.

Importantes negociações com empresas de OPMEs (Órteses, Próteses e Materiais Especiais), hospitais e com importantes prestadores foram conquistadas, garantindo valores mais justos.

Não poderíamos deixar de mencionar que

Em 2010 foram realizados mais de 6 milhões de atendimentos nos mais diversos canais como chamadas telefônicas, fax, atendimento presencial, demandas de médicos cooperados, análises administrativas, entre outros.

o

reflexo de todos estes esforços garantiu

Nossa área de Atenção à Saúde promoveu

um aumento de 31% de nosso Faturamento Líquido e a diminuição de quase 3% de sinistralidade – indicadores de gestão fundamentais de nosso negócio.

e

consolidou importantes programas como

o

Viva Bem Saudável – Coluna, o Programa

de Assistência Terapêutica, o Monitoramento de Diabéticos, entre outros, que contribuem diretamente para

Deixo aqui meu agradecimento aos nossos colegas cooperados, que muito se

31

empenharam para que nossa Cooperativa atingisse hoje o resultado tão sonhado nos últimos tempos. A prática da medicina precisa ser valorizada e é nosso papel defender e auxiliar nossos cooperados.

Esperamos que neste próximo ano consigamos tê-los mais próximos da Cooperativa e que seja cada vez mais frequente sua participação nas decisões.

Dr. David Serson Diretor Secretário

32

3. Mensagem do Diretor Financeiro

Desde a última Assembleia Ordinária, em março de 2010, pudemos constatar um excelente crescimento sustentável de nossa Cooperativa.

Receita Total acumulada em bilhões de reais

2009 R$ 1,95 bilhões 2010 R$ 2,56 bilhões
2009 R$ 1,95 bilhões 2010 R$ 2,56 bilhões

2009 R$ 1,95 bilhões

2010 R$ 2,56 bilhões

EBITDA* acumulado em milhões de reais

2009 (-) R$ 80,6 milhões 2010 (+) R$ 84,1 milhões
2009 (-) R$ 80,6 milhões 2010 (+) R$ 84,1 milhões

2009 (-) R$ 80,6 milhões

2010 (+) R$ 84,1 milhões

Resultado Líquido acumulado em milhões de reais

2009 (-) R$ 97,9 milhões 2010 (+) R$ 44,9 milhões
2009 (-) R$ 97,9 milhões 2010 (+) R$ 44,9 milhões

2009 (-) R$ 97,9 milhões

2010 (+) R$ 44,9 milhões

*Ebitda é a sigla em inglês para earnings before interest, taxes, depreciation and amortization, que significa: "Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização".

Esse resultado é reflexo da dedicação e qualidade do atendimento que cada um de nós, médicos cooperados, damos aos nossos pacientes, que nesse caso, são também clientes da nossa Cooperativa.

No início de 2010, tivemos uma grande turbulência política, que afetou negativamente a imagem da Cooperativa perante o mercado, mas o voto de confiança e credibilidade que os mais de 374 cooperados presentes na última AGO

que os mais de 374 cooperados presentes na última AGO nos deram, quando aprovaram o Balanço

nos deram, quando aprovaram o Balanço de 2009 por unanimidade, foi o principal pilar de sustentação da Cooperativa no mercado.

Outro marco que garantiu esse crescimento foi o envolvimento, o carinho e a dedicação de todos os nossos colaboradores, voltados a uma gestão profissional que levou-nos a trazer o Dr. Mauricio Neves para ocupar a função de CEO na empresa. Cargo esse ainda não garantido pelo Estatuto da Cooperativa, mas que deve ter sua continuidade apoiada por todos nós cooperados. Foi essa integração de todos os gestores com a

33

Diretoria Executiva envolvidos em um único objetivo de reverter a situação de pré liquidação que encontramos em novembro de 2009, quando assumimos a Direx, que possibilitou esses resultados significativos em tão pouco tempo.

Em 13 meses de gestão conseguimos aprovar na íntegra nosso Plano de Saneamento na Agência Nacional de Saúde, liquidamos todas as pendências financeiras com os bancos, prestadores e fornecedores, equalizamos e iniciamos o pagamento do nosso passivo tributário, mostrando que nossa Cooperativa é viável.

Mas uma coisa ainda me incomoda, que é não ter, no mínimo, 3% de sobra do resultado da operação para dividirmos entre nós cooperados. Tivemos que sanar problemas que herdamos do passado, porém agora nossa meta é um crescimento sustentável com valorização do cooperado, colaborador e cliente.

Em 2010, subimos da quinta posição para a terceira maior operadora de saúde do Brasil, e primeira no Sistema Unimed.

Diante de tudo isso, só tenho a dizer uma coisa “Muito obrigada colegas cooperados, colaboradores e clientes. A vitória é de todos nós!”

Dr. Valdemir Gonçalves da Silva Diretor Financeiro

34

4. Mensagem do CEO

De acordo com o Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), a definição de Governança Corporativa é a seguinte:

sistema pelo qual as sociedades são dirigidas e monitoradas, envolvendo os relacionamentos entre acionistas, Conselho de Administração, Diretoria, auditoria independente e Conselho Fiscal. As boas práticas de Governança têm a finalidade de aumentar o valor de uma empresa, facilitar seu acesso ao capital e contribuir para sua perenidade.

Desde que assumi a Diretoria Executiva, tenho atuado na busca por este tipo de gestão, que tem contribuído para valorizar ainda mais o posicionamento da Unimed Paulistana frente ao mercado de saúde suplementar.

Com a concorrência cada vez mais acirrada

e clientes ainda mais exigentes, as

empresas vão em busca de uma profissionalização efetiva, que contemple

serviços de excelência e redução de custos.

É aí que a Governança Corporativa exerce

seu papel, promovendo transparência, prestação de contas, cumprimento das leis

e ética, sob seus mais diversos aspectos.

Cumprindo todos estes elementos, a Unimed Paulistana garantiu o seu melhor ano de vendas, com aumento significativo em sua carteira própria e geral. Ainda neste sentido, é importante ressaltar o valor de nosso Intercâmbio, que movimentou um grande volume de atendimentos, refletindo em ganhos expressivos à Cooperativa.

refletindo em ganhos expressivos à Cooperativa. Gostaria de salientar a renegociação realizada com nossa

Gostaria de salientar a renegociação realizada com nossa rede de prestadores, que garantiu importantes reduções de custos, sem prejudicar o respeito mútuo consolidado nos últimos tempos. Nossos recursos próprios também receberam o merecido reconhecimento, e em vista do crescimento dos próximos anos, investiremos em novos CPA's, aprimorando ainda mais nosso atendimento.

A Unimed Paulistana tem despontado como uma empresa sólida, que busca no trabalho médico seu maior valor, aprimorando o atendimento aos seus mais

35

de 1,6 milhão de clientes. Os princípios cooperativistas são desenvolvidos com ética e responsabilidade socioambiental.

Sua atuação socioambiental defende importantes causas relacionadas à saúde, qualidade de vida, meio ambiente e educação, sendo a sustentabilidade parte de sua estratégia de negócio. A Cooperativa reafirmou esse compromisso por meio da promoção do desenvolvimento econômico e social na relação com seus diferentes públicos.

Após um ano de grandes conquistas, a mensagem que fica não pode deixar de estar relacionada à crença de que somente

amparada a intensos esforços, nossa Cooperativa atingiu importantes patamares. Saímos de um resultado de (-) R$ 98 milhões para um resultado de (+) R$ 45 milhões em nosso Balanço Contábil.

Em outubro de 2010, já havíamos atingido a meta do ano, em termos de resultado, estabelecido pelo Plano de Saneamento. Em dezembro, essa meta já havia praticamente sido duplicada. Isso demonstra a solidez de nossa empresa e o comprometimento de cooperados e colaboradores que juntos elevaram o valor de nossa marca e assumiram o desafio de recuperação, adotando uma postura ética e responsável.

Dr. Mauricio Rocha Neves CEO

36

36

37

“ Desde a adolescência já sabia o que queria cursar. Sempre tive vontade de ser
Desde a adolescência já sabia
o que queria cursar. Sempre tive
vontade de ser médico e quando
prestei o vestibular não tive dúvidas.
Dr. Carlos Tasso
Dr. Carlos Tasso - Um dos cooperados mais antigos
Desempenho Econômico

39

1 - Perspectivas para o setor de saúde suplementar são positivas

para o setor de saúde suplementar são positivas O mercado de planos de assistência médica manteve

O mercado de planos de assistência

médica manteve na maior parte de 2010 um desempenho bastante favorável. Mesmo com as perspectivas de insegurança, que são comuns em anos eleitorais, as operadoras registraram

incremento no número de beneficiários. Contribuiu também para que o ano fosse mais positivo, o fato de que as turbulências econômicas aparentemente

já foram superadas, de modo a gerar

maior segurança para a população, assim como, para as empresas, que podem realizar novos investimentos e, com isso, aquecer a economia.

Uma tendência que tem sido observada nos últimos anos e que deverá se manter

nos próximos períodos é a de maior concentração de mercado, abrangendo inclusive as empresas de maior porte. Esse enxugamento no número de operadoras é resultado, principalmente, das maiores exigências por parte da ANS, que têm resultado na saída de muitas empresas de menor porte que não conseguem se adequar a esse novo cenário.

Um dos pontos de maior discórdia no setor tem sido o aumento das coberturas básicas obrigatórias. Essa expansão dos serviços acaba gerando um maior custo operacional e, ao mesmo tempo, as operadoras alegam que os reajustes liberados pela agência são insuficientes para arcar com esses novos encargos.

40

Como a expectativa é de que essa atuação mais eficaz continue nos próximos anos, pode-se esperar uma manutenção da queda no número de players.

De uma maneira geral, as perspectivas para os próximos anos para o segmento de assistência médica são positivas. Deverão contribuir para esse desempenho o fato de que a economia nacional deverá manter-se em alta, principalmente pela realização da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. Esses eventos demandam elevados investimentos, principalmente em infraestrutura e nos setores ligados a essa cadeia, que são importantes geradores de empregos. Com isso, as operadoras passam a ter um novo público a ser conquistado, principalmente nos contratos coletivos.

Outro ponto que deve ser ressaltado é que, como a Copa será realizada em diversas cidades, a expansão ocorrerá de

realizada em diversas cidades, a expansão ocorrerá de forma pulverizada, de modo incentivar a demanda por

forma pulverizada, de modo incentivar a demanda por planos médicos em regiões que talvez não tenham sido totalmente exploradas pelas operadoras de saúde. O papel do governo federal também deve ser evidenciado, visto que com os incentivos concedidos a diversos setores chaves da economia, existe um ganho em produtividade e demanda, o que acaba gerando também incremento no nível de contratações, o que tende a alavancar as inserções no setor de planos médicos.

Para que as perspectivas continuem positivas, no entanto, as operadoras deverão investir em diferenciações,

agregando maior valor aos seus produtos

e também em criar novos planos, que

possam atender públicos mais abrangentes. O foco em setores em expansão, que estão sendo impulsionados pela economia e que deverão aumentar

o nível de contratação num curto e médio

prazo, também deverá ser uma estratégia

a ser explorada pelas operadoras.

o nível de contratação num curto e médio prazo, também deverá ser uma estratégia a ser

41

2 - Tendências e perspectivas

41 2 - Tendências e perspectivas As perspectivas para o mercado de planos de assistência médica

As perspectivas para o mercado de planos de assistência médica são positivas. Nos próximos anos, com

No tocante à maior fiscalização da ANS, a expectativa é de que

a

agência crie mecanismos cada

o

processo de preparação do País para

vez mais severos de regulação, o que deverá retirar do mercado as operadoras que não conseguirem se adaptar a esse novo cenário. As dificuldades de se manterem

o

recebimento de importantes eventos

esportivos, a tendência é de que o nível de emprego da população apresente uma

trajetória de incremento poderá

representar alta na demanda pelos serviços no setor. Além disso, as operadoras estão investindo na diversificação de planos

competitivas tendem a incentivar uma continuidade nas movimentações de aquisições, o que deverá repercutir numa maior consolidação do setor num curto

e

opções de contratos, o que acaba

atraindo para o setor nichos cada vez mais

distintos de usuários.

e

médio prazo.

42

Fonte: Estudo Setorial – Planos de Assistência Médica – 2º semestre 2010, da All Consulting

Unimed

Com 43 anos de atuação no mercado nacional de planos médicos, a Unimed está estudando novas estratégias para ampliar sua participação no segmento de saúde privada.

A estratégia é não deixar que seus

concorrentes se distanciem no mercado, de modo que a compra de novas carteiras será a maneira mais rápida para ampliar a sua base de beneficiários e, consequentemente, aumentar seu market share. A Cooperativa estuda também a

Unimed Paulistana

possibilidade de passar a concorrer nos leilões públicos, que são realizados quando uma operadora quebra.

Além das aquisições, a Unimed também quer impulsionar sua participação na venda de planos para as classes populares. Um novo produto desenvolvido para esse nicho, chamado de Unifácil, custa cerca de R$ 70 e já está sendo comercializado em sete cidades do País. Para 2011 o objetivo é dobrar o número de cidades atendidas por esse plano.

A Unimed Paulistana registrou no primeiro

semestre de 2010 uma significativa recuperação. De acordo com informações da operadora, o número de beneficiários passou de 820,18 mil, para 885,74 mil usuários, em junho de 2010. Comparando este dado com o mercado, o resultado é extremamente favorável, tendo em vista que no primeiro semestre deste ano o segmento de planos médicos nacional apresentou crescimento de 4%, ou seja, a operadora registrou resultados bem mais favoráveis do que a média do mercado.

Esse desempenho pode ser atribuído ao processo de reestruturação que vem sendo implementado na operadora, que tem investido numa maior aproximação com corretores e toda a equipe de vendas. Além disso, a Unimed Paulistana tem focado na estratégia de identificação de novas oportunidades de atuação, alternativas de mercado e conquista de novos beneficiários.

43

3- Performance anual em números

Evolução do Faturamento Líquido Total

2.566.320.446,42

Evolução dos Custos Assistenciais Totais

1.721.728.562,58 1.955.298.568,95 1.594.793.013,36 31,25% 1.381.440.021,73 1.764.622.803,00 15,44% 10,81% 7,96%
1.721.728.562,58
1.955.298.568,95
1.594.793.013,36
31,25%
1.381.440.021,73
1.764.622.803,00
15,44%
10,81%
7,96%
2008
2008/
2009
2009/
2010
2008
2008/
2009
2009/
2010
2009
2010
2009
2010
Variação
Variação

Nota explicativa: De acordo com o novo Plano de Contas da ANS, (IN 36) os valores de 2008 sofreram reclassificações para fins de comparabilidade com 2009

44

Sinistralidade Geral

79,68%

44 Sinistralidade Geral 79,68% 4,38% 83,17% -2,89% 80,76% 2008 2008/ 2009 Variação 2009 2009/ 2010 2010

4,38%

83,17%

-2,89%

80,76%

44 Sinistralidade Geral 79,68% 4,38% 83,17% -2,89% 80,76% 2008 2008/ 2009 Variação 2009 2009/ 2010 2010

2008

2008/

2009

Variação

2009

2009/

2010

2010

Nota explicativa: De acordo com o novo Plano de Contas da ANS, (IN 36) os valores de 2008 sofreram reclassificações para fins de comparabilidade com 2009

Percentual das Despesas Administrativas em relação ao Faturamento Total

12,07% 11,74% 11,90% 1,43% -2,73% 2008 2008/ 2009 2009/ 2010 2009 2010 Variação
12,07%
11,74%
11,90%
1,43%
-2,73%
2008
2008/
2009
2009/
2010
2009
2010
Variação

Nota explicativa: Consta na despesa administrativa o valor dos serviços próprios, que corresponde a 4,15% da receita total. A partir de 2009 o valor da despesa administrativa dos serviços próprios passou a ser incorporado no indicador de sinistralidade

45

4 - Fundos, sobras e perdas

Das Sobras verificadas em cada setor de atividade, são deduzidas as seguintes taxas:

a) 10% (dez por cento), pelo menos, para o

Fundo de Reserva;

b) 5% (cinco por cento), pelo menos, para

o Fundo de Assistência Técnica Educacional e Social;

As Perdas operacionais verificadas, que não tenham cobertura no Fundo de Reserva, são rateadas entre os associados após a aprovação do Balanço pela Assembleia Geral Ordinária, na proporção das operações que houverem realizado com a Cooperativa.

O Fundo de Reserva destina-se a reparar eventuais perdas de qualquer natureza que a Cooperativa venha a sofrer no

desenvolvimento das suas atividades.

Além da taxa de 10% (dez por cento) das Sobras, revertem em favor do Fundo de Reserva os créditos não reclamados pelos associados, decorridos cinco anos,

o produto da taxa cobrada sobre a

transferência das quotaspartes, os auxílios

e doações sem destinação especial.

O Fundo de Assistência Técnica Educacional e Social destina-se à prestação de assistência aos associados, seus familiares e aos empregados da sociedade.

Parágrafo único - Os serviços de

assistência técnica educacional e social,

a serem atendidos pelos respectivos Fundos, poderão ser executados mediante convênios com entidades especializadas, oficiais ou não.

46

46

47

Unimed Paulistana tem guinada financeira em 2010 Área Financeira
Unimed Paulistana tem
guinada financeira em 2010
Área Financeira

Ao longo do ano, a Unimed Paulistana renegociou grandes contratos da operadora com seus prestadores e fornecedores, que garantiram bons resultados à Unimed Paulistana, iniciando uma nova era, com geração de caixa positivo. Prova disso, é que, a partir de janeiro de 2010, não houve atrasos ou solicitações de prorrogações nos pagamentos aos fornecedores da companhia.

Uma das ações da área rendeu uma economia superior a R$ 3,8 milhões, fruto da renegociação de OPME´s (Órteses, Próteses e Materiais Especiais)

utilizadas e não pagas aos respectivos fornecedores. Sendo assim, o valor passou de R$ 8.622.493,00 para R$ 4.801.407,00.

A Cooperativa também economizou mais de R$ 6,2 milhões, decorrentes da renegociação dos pagamentos pendentes à rede credenciada, que, em outubro de 2009, somavam mais de R$ 15,5 milhões. Posteriormente, o valor de R$ 21,2 milhões, também referente a pendências com a rede credenciada, foi renegociado, economizando R$ 7,7 milhões. O percentual médio de redução do valor dos pagamento foi de 40%.

48

48 Na rubrica de IOF houve uma redução no ano de R$ 1,1 milhão, fruto da

Na rubrica de IOF houve uma redução no ano de R$ 1,1 milhão, fruto da gestão de caixa e da melhor administração dos saques e liquidações financeiras dos limites de contas garantidas da empresa.

Em 2010, foram aplicados R$ 22 milhões de reais para recomposição das reservas técnicas que, em 31 de dezembro, totalizaram R$ 142,08 milhões.

A operadora passou a aplicar em papéis privados, denominados LCA – Letras de Crédito do Agronegócio para rentabilização de recursos de tesouraria. O rendimento bruto da ação (iniciada em maio de 2010) foi de R$ 350 mil. Esta operação é similar ao antigo over night, mas com poucos papéis no mercado. Grandes empresas utilizam este meio para rentabilizar suas tesourarias, daí a sua escassez.

No final do ano de 2010, o Governo Federal publicou o Decreto 7412 de 28/12/2010 extinguindo o IOF efeito cascata para títulos e valores mobiliários com prazo inferior a 30 dias. Com esta abertura, surgiram outras opções para rentabilizar recursos de tesouraria . Até 21 de fevereiro de 2011, a Unimed Paulistana obteve R$ 99 mil em rendimento financeiro.

De janeiro de 2010 a janeiro de 2011, a Cooperativa cobrou R$ 314 mil em juros de outras singulares por pagamentos fora do prazo. No mesmo período, pagou R$ 69 mil, gerando superávit nesta rubrica de R$ 245 mil. O intuito não foi a obtenção de juros, mas sim, regular e disciplinar as Unimeds a efetuarem seus pagamentos em dia, bem como a Unimed Paulistana.

Confira o detalhamento das operações financeiras nos gráficos a seguir:

Endividamento bancário - capital de giro e conta garantida

Banco

31/10/2009

31/12/2009

31/1/2010

31/10/2010

31/12/2010

Bradesco - CG

9.882.124

0

0

0

0

Itaú - CG

13.526.315

16.987.927

15.987.927

14.487.927

0

Daycoval - CG

9.891.134

14.998.351

14.998.351

0

2.006.160

Daycoval - Giro (*)

0

0

15.187.635

4.056.787

1.374.451

Total

33.299.572

31.986.278

46.173.912

18.544.714

3.380.610

(*) Refere-se à operação de empréstimo (Capital de Giro) tomado para recomposição de reserva técnica junto à ANS no montante de R$ 16 milhões. A diferença correspondente foi efetuada a partir da própria operação da Unimed Paulistana.

49

Composição financeira Posições em aberto nas datas de fechamento

Descrição

ago/09

set/09

out/09

nov/09

dez/09

jan/10

fev/10

Fornecedores Prorrogados

2.846.004

19.313.226

7.184.812

10.807.574

6.647.924

180.895

0

Nota: Após janeiro, não houve atrasos ou solicitações de prorrogações a fornecedores. Todas as obrigações foram pagas nas datas de vencimento aos prestadores.

Impostos pagos

Mês

Data de

Data de

Valor

Valor

Valor

Competência

Vencimento

Pagamento

Original (R$)

Multa (R$)

Juros (R$)

Total (R$)

dez/09

29/1/2010

29/1/2010

13.474.433

309.942

70.274

13.854.648

jan/10

26/2/2010

26/2/2010

18.721.225

1.066.454

229.719

20.017.398

fev/10

31/3/2010

31/3/2010

12.162.715

351

41

12.163.107

mar/10

30/4/2010

30/4/2010

14.575.149

231.371

24.242

14.830.762

abr/10

31/5/2010

31/5/2010

14.594.659

1.626

171

14.596.456

mai/10

30/6/2010

30/6/2010

14.544.657

7.318

259

14.552.233

jun/10

30/7/2010

30/7/2010

13.604.604

3.594

22

13.608.220

jul/10

31/8/2010

31/8/2010

14.253.390

1.126

138

14.254.653

ago/10

30/9/2010

30/9/2010

13.596.456

42.329

4.429

13.643.214

set/10

30/10/2010

15/10/2010

14.440.836

0

0

14.440.836

out/10

30/11/2010

30/11/2010

16.474.565

952

116

16.475.633

nov/10

30/12/2010

30/12/2010

17.937.746

58

12

17.937.816

 

Total acumulado

178.380.434

1.665.120

329.422

180.374.976

Total das multas e juros pagos por atraso - jan/10 a dez/10: R$ 1.994.542,02

Nota: Os valores de multas e juros pagos em 2010 no montante de R$ 1.994.542,02 referem-se a IRPJ/CSLL de dezembro de 2009 pagos em março de 2010; Vencimento em julho e de abril pagos em maio de 2010. A Unimed Paulistana optou por atrasar estes impostos para manter em dia o pagamento de seus colaboradores, cooperados, prestadores, fornecedores, aluguéis, encargos, dentre outras despesas.

50

Processo OPME´s Rede Credenciada – negociado (2008/2009)

Valor fornecedor

Valor negociado

Economia

R$ 8.622.493,00

R$ 4.801.407,00

R$ 3.821.086,00

Pendências na Rede Hospitalar

nov / 2009

Negociação média

Economia

 

R$ 15.500.419,39

 

40%

R$ 6.200.167,60

Evolução dos investimentos

 
 

Mês

ANS

Fiança

Livre/ISS

Total

out/09

 

110.821.979

15.633.832

9.486.590

135.942.401

nov/09

 

111.320.814

25.288.364

0

136.609.178

dez/09

 

111.636.054

28.180.998

1.876.792

141.693.844

jan/10

 

128.387.484

27.719.991

2.131.995

158.239.470

fev/10

 

129.064.766

28.095.883

2.292.463

159.453.112

mar/10

 

129.952.455

28.679.339

2.207.902

160.839.696

abr/10

 

130.131.678

28.610.335

3.201.720

161.943.733

mai/10

 

131.595.983

29.227.486

7.334.716

168.158.185

jun/10

 

132.654.735

30.461.710

6.561.022

169.677.467

jul/10

 

133.541.631

31.585.095

10.178.569

175.305.294

ago/10

 

134.532.533

31.860.586

10.717.870

177.110.988

set/10

 

135.002.188

32.124.671

10.777.262

177.904.121

out/10

 

135.918.778

32.252.375

10.975.937

179.147.090

nov/10

 

136.991.791

32.510.333

12.311.040

181.813.164

dez/10

 

144.362.878

32.807.398

13.510.547

190.680.822

 

Total acumulado

 

29,32%

16,42%

619,87%

34,57%

Nota: Reservas Técnicas ANS – Alocados R$ 22 milhões em 2010

51

Demonstração de rendimentos em LCA Banco Mercantil do Brasil 2010

R$ 80.000 R$ 60.000 R$ 40.000 R$ 20.000 R$ 0 mai jun jul ago set
R$ 80.000
R$ 60.000
R$ 40.000
R$ 20.000
R$ 0
mai
jun
jul
ago
set
out
nov
dez

Nota: O Governo Federal publicou o Decreto 7.412 de 28/12/2010 extinguindo o IOF das operações de curto prazo para títulos de valores mobiliários de curto prazo. Com isto, papéis privados de prazo inferior a 30 dias tornaram-se atrativos e rentáveis para as empresas. A Unimed Paulistana obteve no ano passado R$ 350 mil na administração da tesouraria. Em 2011 formou outros R$ 99 mil.

Rendimento mensal

maio

R$ 51.587,64

junho

R$ 48.607,86

julho

R$ 52.601,87

agosto

R$ 74.907,15

setembro

R$ 10.529,98

outubro

R$ 14.725,75

novembro

R$ 20.221,45

dezembro

R$ 77.026,92

Total

R$ 350.208,62

Demonstrativo de custos Rubricas de Tarifas, IOF, Juros e Comissões

Histórico

2009

2010

Redução(-) / Adição +

Tarifa bancária

78.971,45

86.089,51

7.118,06

Tarifa de cobranças

2.579.721,97

2.808.816,71

229.094,74

IOF

1.527.071,50

423.421,19

(1.103.650,31)

Juros

5.242.393,63

4.609.139,39

(633.254,24)

Comissões de fiança

1.232.604,51

320.285,27

(912.319,24)

Juros sobre empréstimo capital de giro

0

1.438.388,12

1.438.388,12

Total geral

10.660.763,06

9.686.140,19

(974.622,87)

Nota: Juros sobre empréstimo / Capital de Giro são referentes à operação de empréstimo junto ao Banco Daycoval, tomado em janeiro de 2010, no valor de R$ 15 milhões, para recomposição da reserva técnica junto à ANS no montante de R$ 16 milhões.

52

Contratos renegociados

Contratos

Economia Anual

Vida Link - empresa para divulgar e fornecer benefícios a nossos clientes (desconto em farmácia) - rescisão

R$ 338.028,12

Manobrista para o prédio da Av. Brig. Luiz Antônio 792 - Hiper Park Estacionamento - rescisão

R$ 51.240,00

Engenharia de Imagens - Assessoria e Comunicação - rescisão

R$ 360.000,00

Original 123 Comunicação - Assessoria de Imprensa - rescisão

R$ 300.00,00

Mudança de contrato de locação de 2 veículos - empresa Premiun para Eficaz

R$ 43.440,00

NT - UX Empresa de infraestrutura - TI - rescisão

R$ 576.000,00

Unirepro - empresa de outsourcing de impressão - rescisão

R$ 508.896,00

VCN - Rede de rádio comunicação Wan - renegociação

Redução de 24,59% gerando R$ 40.430,20 de economia

Total (soma resultante das economias geradas pela rescisão, renegociação ou troca de fornecedores)

R$ 2.850.000,00

Previsão das renegociações e readequações de contratos administrativos para 2011

R$ 5.000.000,00

Resultado gerado - Substituição de apenas 1 fornecedor (2 tipos de materiais gráficos)

Fornecedor Anterior

Fornecedor Atual

Descrição

Qtde

VR. Unit

VR. Total

VR. Unit

VR. Total

Contrato pessoa física - 0P0055

88.228

R$ 11,00

R$ 970.508,00

R$ 3,58

R$ 312.856,24

Contrato PME (Pequenas Médias Empresas) - OP0056

48.400

R$ 9,35

R$ 452.540,00

R$ 2,48

R$ 120.032,00

Valor total final

R$ 1.423.048,00

 

R$ 435.888,24

 

Economia

 

R$ 987.159,76

53

Fornecedor Anterior

Fornecedor Atual

Descrição

Qtde

VR. Unit

VR. Total

VR. Unit

VR. Total

Guia Médico 33 - OP0019

250.021

R$ 3,48

R$ 870.073,08

R$ 2,40

R$ 600.050,40

Guia Médico original - OP0070

82.766

R$ 3,17

R$ 262.368,22

R$ 1,90

R$ 157.255,40

Valor total final

R$ 1.132.441,30

 

R$ 757.305,80

 

Economia

 

R$ 375.135,50

Valor total da economia

R$ 1.362.295,26

54

54

55

“ A minha inspiração veio da família. Desde pequena acompanhava meu pai, que também é
A minha inspiração veio da família.
Desde pequena acompanhava meu
pai, que também é médico, em
visitas a hospitais. Sempre admirei
Tive alguns parentes que me
inspiraram, entre eles um tio e
um sobrinho do meu pai. Sempre
gostei e na adolescência já tinha
a dedicação dele.
certeza do que queria.
Dra. Glaucia Carneiro
Dr. José Carneiro
Dr. José Carneiro e Dra. Glaucia são pai e filha
““
Desempenho Sócioambiental

57

1. Política Unimed Paulistana de Sustentabilidade

A Unimed Paulistana possui a missão

de promover soluções em saúde,

sempre buscando a excelência, valorizar

o trabalho do médico e propiciar o seu desenvolvimento profissional dentro

dos princípios cooperativistas, com ética

e responsabilidade socioambiental.

A satisfação de seus cooperados, a

valorização de seus colaboradores, a ética e a transparência na realização dos negócios são princípios refletidos

em seu compromisso com clientes

e fornecedores.

Alinhada ainda aos valores da Unimed do Brasil e aos Objetivos do Milênio

(ODM), da Organização das Nações Unidas (ONU), a Cooperativa procura pautar sua atuação socioambiental defendendo causas importantes em Saúde, Qualidade de Vida, Meio Ambiente e Educação. Os projetos, programas próprios e as causas das quais compartilha revelam uma empresa que possui a sustentabilidade como parte de sua estratégia de negócio.

A Unimed Paulistana tem como visão ser referência nacional em saúde, cooperativismo e gestão, superando as expectativas dos clientes, cooperados e colaboradores.

nacional em saúde, cooperativismo e gestão, superando as expectativas dos clientes, cooperados e colaboradores.

58

Objetivo

Reafirmar o compromisso da Unimed Paulistana com a sustentabilidade por meio da promoção do desenvolvimento econômico, social e da preservação do meio ambiente nas suas relações com seus diferentes públicos.

Alinhada aos valores da Unimed do Brasil, a Unimed Paulistana procura atuar de forma socialmente responsável, ambientalmente correta e economicamente sustentável.

A Cooperativa cumpre com sua

Responsabilidade Social ao realizar seu

Estatuto, satisfazendo seus cooperados

sempre pautada na ética, na integridade

e na transparência dos negócios que realiza e ao mesmo tempo:

Estabelecendo contato direto com as comunidades do entorno de suas áreas de atuação; Gerando recursos para o Estado por meio do recolhimento de impostos e tributos; Criando oportunidades de trabalho e de desenvolvimento profissional e pessoal; Desenvolvendo negócios econômico

e socialmente sustentáveis; Preservando o meio ambiente pensando nas futuras gerações;

Respeitando a legislação local existente; Estabelecendo parcerias com outras singulares do Sistema Unimed em prol do desenvolvimento local; Buscando qualidade nos serviços

prestados;

local; Buscando qualidade nos serviços prestados; Satisfazendo economicamente seus cooperados; Aprimorando

Satisfazendo economicamente seus cooperados; Aprimorando continuamente seus processos, produtos e serviços para atender às expectativas de seus clientes, colaboradores, cooperados, comunidades, fornecedores e prestadores.

Esse posicionamento traduz o entendimento de co-responsabilidade social da Unimed Paulistana ao tratar com todos os seus stakeholders. A Unimed Paulistana destina, por liberalidade e voluntariamente, parte de seus resultados investindo em iniciativas que estejam dentro de suas esferas de atuação. Os recursos são utilizados para ações de interesse público, podendo-se utilizar ou não o incentivo fiscal.

59

Esferas de atuação

Alinhada aos Objetivos do Milênio (ODM), da Organização das Nações Unidas (ONU),

a Cooperativa procura pautar sua atuação socioambiental defendendo causas importantes em Saúde, Meio Ambiente

e Educação. São priorizadas ações que:

Tenham potencial de replicação, que possam ser avaliadas e aplicadas em outras localidades; Que não gerem dependência, ou seja, que possuam estratégia de

sustentabilidade;

Que promovam a cultura, a educação

e a preservação do meio ambiente;

Que estejam incluídos em seu público- alvo, pessoas desfavorecidas sócio-

economicamente;

Ações e projetos que beneficiem crianças

e adolescentes em situação de risco social;

Que procurem atender ou solucionar

necessidades reais de comunidades locais; Que possam gerar resultados concretos

e benefícios diretos aos seus públicos de

interesse;

Que possuam mérito, relevância

e impacto; Que possuam relação direta com o

negócio da Cooperativa: saúde, bem-estar

e qualidade de vida.

Formas de investimento e execução

A Unimed Paulistana poderá executar seu

investimento das formas abaixo, distintas

e complementares:

Projetos e/ou programas próprios:

identificação de oportunidades, elaboração do projeto e/ou programa, execução e avaliação de processo, resultados e impactos. Programa de Voluntariado: estimular, orientar e capacitar os colaboradores da Cooperativa a se engajarem nas causas defendidas pela operadora e em outras de seu interesse, priorizando o contato direto dos mesmos com as comunidades beneficiadas pela Unimed Paulistana.

Parcerias: recepção de propostas de outras instituições (ONGs, OSCIPS, empresas).

beneficiadas pela Unimed Paulistana. Parcerias: recepção de propostas de outras instituições (ONGs, OSCIPS, empresas).

60

Recursos

Os recursos utilizados para esses investimentos poderão ser empregados de forma direta ou com a utilização de incentivos fiscais provenientes integralmente da Cooperativa ou em

Esferas de atuação

qualquer outra porcentagem de participação em casos de parceria com outras empresas e/ou singulares para a realização de uma intervenção socioambiental conjunta.

a realização de uma intervenção socioambiental conjunta. A Unimed Paulistana se compromete a: Manter incorporados

A Unimed Paulistana se compromete a:

Manter incorporados todos os conceitos de responsabilidade social

e sustentabilidade como parte de sua

estratégia de negócio; Disseminar internamente e externamente os conceitos e formas de atuação;

Estimular seus clientes, prestadores e fornecedores a valorizar os princípios da política de responsabilidade socioambiental da Unimed Paulistana; Divulgar suas ações e resultados socioambientais de forma clara e transparente para todos os seus públicos por meio do Relatório de Sustentabilidade.

61

2. A responsabilidade social para a Unimed Paulistana

61 2. A responsabilidade social para a Unimed Paulistana A Unimed Paulistana tem como compromisso permanente

A Unimed Paulistana tem como compromisso permanente atuar de maneira ética, contribuindo para o desenvolvimento econômico do País, ao mesmo tempo em que colabora para melhorar a qualidade de vida de seus colaboradores e suas famílias, da comunidade local e da sociedade como um todo.

Em 2010, a Cooperativa focou seus investimentos em projetos e programas nas áreas de educação, saúde e meio ambiente.

A empresa possui parceria com a Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança (Programa Empresa Amiga da Criança), é signatária do Pacto Global (iniciativa da ONU) e Empresa Limpa pela Integridade e Contra a Corrupção.

62

Programas

Programa Visão em Ação

Nem sempre notas baixas ou pouco interesse pelos estudos indicam dificuldades no aprendizado. Problemas de visão não detectados podem ter grande impacto no rendimento escolar. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, 20% das crianças apresentam dificuldades de visão. Por isso, a Unimed Paulistana, em conjunto com a Fundação Ação Criança e a Ótica Ventura, celebram uma parceria de sucesso que atende mais de 300 crianças e adolescentes todos os anos.

O mecanismo do programa é simples. Os representantes das creches e abrigos atendidos pela Fundação passam por um treinamento, ministrado pelo Dr. Sócio Graziano - médico cooperado da Unimed Paulistana e voluntário do Programa - e recebem o material necessário para realizar uma primeira triagem nas crianças e adolescentes.

Após essa triagem, as crianças que apresentaram alguma dificuldade visual são encaminhadas para consultas oftalmológicas com os médicos cooperados voluntários da operadora.

com os médicos cooperados voluntários da operadora. Quando diagnosticada a necessidade do uso de óculos, a

Quando diagnosticada a necessidade do uso de óculos, a Ótica Ventura faz a doação e o ajuste. São atendidas crianças a partir dos três anos, época em que estão iniciando a vida escolar.

63

“Para a Fundação Ação Criança, poder contar com a Unimed Paulistana em um de nossos projetos significa diferenciar o nosso trabalho. É com o apoio de nossos parceiros que podemos passar credibilidade e, principalmente, poder oferecer mais às crianças brasileiras tão carentes de necessidades básicas. Hoje, sabemos o

“Por sermos uma cooperativa, a participação de todos se torna fundamental, principalmente quando nos referimos a um projeto voluntário que tem como foco crianças e adolescentes. O projeto fortalece o

tamanho da importância do Projeto Visão em Ação para o desenvolvimento saudável e a qualidade de vida dos beneficiados.

Gostaríamos de agradecer sempre a Unimed Paulistana por acreditar em nosso trabalho, sem seu apoio o nosso principal objetivo não seria alcançado”.

Maria Cristina Tormin Setor Social Fundação Ação Criança

nome da Unimed Paulistana como empresa socialmente responsável, oferece aos cooperados a oportunidade de praticar ações voluntárias e garante a essas crianças um atendimento médico de excelência.”

Dr. Sócio Graziano, médico cooperado e idealizador do Programa

64

Programa Crescer Saudável

A sociedade possui uma demanda grande

por atendimento em saúde. Por isso,

o Programa Crescer Saudável nasceu, em

2000, com a preocupação de dar acesso ao sistema de saúde às crianças

e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade social.

Os parceiros atuais da Cooperativa são

a Fundação Gol de Letra e a Fraternidade Assistencial Casa do Caminho.

A Unimed Paulistana oferta planos de saúde

à essas instituições que, reconhecidamente,

realizam trabalhos educativos com crianças e adolescentes de comunidades

carentes. Oferecer atendimento de qualidade e realizar um trabalho preventivo e não apenas curativo também são objetivos do programa, melhorando a qualidade de vida de crianças

e adolescentes de baixa renda.

As metas para os próximos anos são ainda mais desafiadoras, como aumentar a quantidade de cooperados no programa

e o número de instituições participantes, ampliando os beneficiados pela ação.

a quantidade de cooperados no programa e o número de instituições participantes, ampliando os beneficiados pela

65

Número de crianças e adolescentes beneficiados: 1.200.

Dentre os resultados, alguns podem ser considerados excelentes no que se refere à prevenção e tratamento de doenças nas crianças e adolescentes atendidos. Em seus dez anos de existência, foram

atendidos. Em seus dez anos de existência, foram "A imagem da Fundação Gol de Letra é

"A imagem da Fundação Gol de Letra é algo que se mistura a imagem dos parceiros e de quem ajuda o nosso trabalho. A parceria entre Fundação e a Unimed Paulistana tem sido um sucesso e isso pode ser visto na motivação das

beneficiadas mais de 6 mil crianças e adolescentes. A adesão dos médicos cooperados foi um fator decisivo para o sucesso da iniciativa. Estes profissionais doam consultas às instituições que fazem parte do programa. Cada instituição possui um guia próprio de profissionais credenciados.

crianças, dos jovens e de suas famílias.

É possível acompanhar o impacto que

essa parceria tem na vida das pessoas.

A Unimed Paulistana tem uma

responsabilidade muito grande dentro do nosso trabalho, o que fortalece a nossa missão e o nosso ideal, que é o de ajudar uma geração de adolescentes a se tornar capaz de transformar a sua realidade. A parceria com a Unimed Paulistana é um caso de sucesso dada a sua amplitude e seriedade, e essa parceria está sendo dividida com muita gente.”

Raí, ex-jogador da Seleção Brasileira de Futebol e Diretor Presidente da Fundação Gol de Letra

66

Programa Unimed Paulistana de Voluntariado

O

principal objetivo do programa é

meio do atendimento de suas necessidades e compartilhar know how com as comunidades.

Dentre as metas para o próximo ano estão:

mobilizar os cooperados e colaboradores da Unimed Paulistana em prol de causas importantes para a comunidade.

O

programa de voluntariado é recente,

 

mas já sinaliza excelentes resultados.

Ampliar o número de instituições atendidas pelo Programa; Servir de exemplo para outras singulares, estimulando que outras façam o mesmo; Disseminar boas práticas de consumo consciente nas instituições atendidas, implantando a coleta seletiva e a reciclagem. Ampliar a possibilidade de atuação dos voluntários em outras organizações, inclusive de saúde, como hospitais.

O

grupo é formado por colaboradores

que desejam fazer algo pela comunidade. Os voluntários trazem sempre ideias e sugestões para solução dos problemas da instituição. Como resultados, são esperados

o

desenvolvimento pessoal do colaborador;

o

engajamento do cooperado em uma

causa social; benefício às comunidades por

“A importância de fazer parte do programa Unimed Paulistana de Voluntariado é levar solidariedade e

“Quando decidi participar do Programa de Voluntariado vi uma oportunidade de me integrar à comunidade paulistana, visto que era recém - chegado à cidade. Senti que poderia ser uma grande chance de conhecer de perto a realidade de pessoas com as quais passaria a conviver e até quem sabe, cruzar pelas ruas. Observava em minhas andanças uma grande quantidade de

alegria a crianças que já passaram por muitas dificuldades na vida. Ajudar é a palavra que define a importância da ação”.

Ana Cláudia Morais da Silva Saúde Ocupacional da Unimed Paulistana

moradores de rua e, quando o programa foi lançado, me senti atraído em fazer algo que pudesse contribuir, de alguma maneira, para tentar propiciar uma melhor qualidade de vida a quem fosse escolhido para receber atenção. Assim, me sinto privilegiado em poder participar de algo que venha ao encontro da proposta da Cooperativa e saibam: o prazer é todo meu, obrigado pela oportunidade.”

Antenor Antiquera Machado Gerência de Planejamento/Metodologia e Processos da Cooperativa

67

Programa de Apoio às Cooperativas de Reciclagem

67 Programa de Apoio às Cooperativas de Reciclagem As cooperativas de reciclagem são uma realidade inegável

As cooperativas de reciclagem são uma realidade inegável hoje nos grandes centros urbanos e seu papel tem se mostrado de suma importância para a destinação de resíduos gerados nas empresas, escritórios e, até mesmo, nas residências. Os catadores que trabalham nas cooperativas são outra realidade das metrópoles e constituem verdadeiros elos entre a destinação correta de todo lixo que produzimos e a reciclagem, fundamental para o planeta no qual vivemos. Realizar

parcerias diretamente com essas cooperativas é de fundamental importância para empresas que desejam fazer a sua parte com a sociedade e com o meio ambiente.

Contribuir para a coleta seletiva de resíduos e, ao mesmo tempo, melhorar a qualidade de vida dos catadores de papel é o objetivo principal do programa que se iniciou em outubro de 2010. Apesar de seu início recente, o programa já promete bons

68

resultados. Uma pequena parte do material reciclável (papel, sobretudo) originado hoje na empresa é enviada diretamente à Cooperativa.

O material é utilizado em oficinas de

reciclagem e se transforma em bijuterias que são vendidas em bazares e stands em eventos. A receita arrecadada é rateada entre os catadores.

A experiência tem se mostrado bem eficaz

no rompimento do ciclo da miséria no qual vivem essas famílias. Muitos filhos de

catadores têm voltado a estudar, rompendo

a lógica da pobreza presente em gerações na família.

Programa Adoção de Áreas Verdes

O Programa de Adoção de Áreas Verdes

é resultado de parcerias da Unimed

Paulistana com governos locais. Atualmente, a Cooperativa adotou a Praça Padroeira do Brasil, em Osasco – ao lado da unidade de Osasco da Unimed Paulistana. Fruto da parceria com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente do município, a praça foi revitalizada. A Cooperativa assinou um

As metas para o próximo ano são:

Aumentar a quantidade de cooperativas participantes do programa; Contribuir para melhoria das condições de vida de um número muito maior de catadores de material reciclável; Servir de exemplo para empresas, estimulando que outras façam parcerias diretas ao invés de simplesmente contratar uma empresa de coleta seletiva.

No ano, 100 catadores foram beneficiados pela destinação direta de parte do material reciclável gerado pela empresa. Até fevereiro de 2011, já foram doadas cerca de meia tonelada de papel.

termo de compromisso com a Prefeitura

e será a responsável pela manutenção da praça nos próximos quatro anos.

Outras áreas verdes na cidade de São Paulo

e nas demais localidades de atuação da

Unimed Paulistana estão em processo de adoção. O objetivo da iniciativa é cuidar dos espaços públicos urbanos, protegendo sua vegetação, escassa nos grandes centros.

69

Programa 3Rs (Reduzir, Reutilizar e Reciclar)

O

projeto 3Rs é um programa educativo

 

cujo objetivo é despertar a consciência do público interno em relação a correta destinação do lixo, em uma atitude de respeito ao meio ambiente e à coletividade, incentivando o consumo solidário e sustentável. A iniciativa mobilizou mais de 2.600 colaboradores da empresa.

O

3Rs possui um comitê gestor com 30

membros (representantes de todas as áreas da Cooperativa). Os participantes, que são

disso, também foi disponibilizada a Cartilha Coleta Seletiva, que detalha passo a passo uma série de práticas do consumo consciente.

os

multiplicadores das ações em suas áreas,

se

reúnem mensalmente para avaliar o

andamento do programa e rever as práticas.

A meta de redução do consumo de energia, água e papel foi fixada em 3% em seu primeiro ano de funcionamento. O próximo passo será levar todo o conhecimento adquirido com a experiência para comunidades do entorno da Cooperativa.

A

maior estratégia de sensibilização para a

causa foi a Campanha Viva Bem Consciente. Todas as instalações da empresa receberam uma comunicação diferenciada (adesivos com dicas de consumo consciente). Além

Resultados

Coleta Seletiva e Reciclagem

Em 2010, foram coletadas e encaminhadas para a reciclagem em todas as unidades da Unimed Paulistana:

71.870 Kg de papel (papelão, papel branco de escritório, papel misto, jornal, revista, tetra-pak, papel fragmentado, mix e outros);

24.308 Kg de plástico (plástico em geral, copos plásticos, garrafas Pet, plástico duro e outros);

3.374 Kg de metal (sucata metálica,

latinhas de alumínio, inox, cobre com capa, cobre sem capa e outros);

1.653 Kg de vidro (embalagens e outros).

70

Economia de Recursos Naturais em 2010:

· Deixamos de cortar quase 800 árvores reciclando papel;

· Economizamos mais de três toneladas de bauxita reciclando metal;

Servir de exemplo é requisito fundamental em qualquer sociedade. A Unimed Paulistana busca orientar suas operações dentro de critérios éticos, justos e transparentes. E não é por acaso que durante 16 anos consecutivos tem sido a marca de plano de saúde mais

· Disponibilizamos quase 15 toneladas de plásticos para a produção de novos produtos ao invés de descartá-los na natureza;

· Reaproveitamos mais de 1/2 tonelada de

vidro ao invés de poluir o meio ambiente.

lembrada pelos consumidores. Portanto, todo o trabalho da Cooperativa traz benefícios aos seus cooperados, clientes e fornecedores, sem agredir o meio ambiente, com foco na satisfação das necessidades da sociedade como um todo.

71

“ Desde que me entendo por gente sempre quis ser médica. Foi muito fácil a
Desde que me entendo por gente sempre quis
ser médica. Foi muito fácil a decisão. Escolhi a
pediatria, pois adoro crianças e hematologia
infantil. Fico encantada de poder cuidar de casos
graves e ajudá-las a responder bem ao tratamento.
Dra. Julie Anne Colnago Soares
Dra. Julie Anne – cooperada mais jovem
Performance da Cooperativa

73

2010 marca nova fase na área de Gestão de Pessoas Gestão de Pessoas
2010 marca nova fase na área de Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas

Em 2010, a área de Gestão de Pessoas concluiu a implantação do sistema de

gestão do departamento, iniciada durante

o Programa de Modernização, em 2009,

o que representou um grande avanço nos procedimentos da operadora.

Com os processos organizados e automatizados, houve espaço para o desenvolvimento de diversas iniciativas

importantes para a Cooperativa, como ações que visaram não apenas atender a legislação vigente no País, mas também introduzir a cultura de responsabilidade social e de qualidade de vida no dia a dia da empresa e, consequentemente, no cotidiano dos colaboradores. A seguir, conheça mais sobre os projetos realizados ao longo do ano.

74

Programa de inclusão de PCDs (Pessoas com Deficiência)

A necessidade de inclusão de pessoas

com deficiência deu origem ao Núcleo

de PCDs (Pessoas com Deficiência), que tem como objetivo alcançar a cota definida pela Lei 8213/1991 e também preparar e capacitar esse público para

o mercado de trabalho, assim como conscientizar os colaboradores para a recepção e convívio com essas deficiências.

puderam assistir a uma apresentação do Ballet das Meninas Cegas.

O Núcleo de PCDs ofereceu, inicialmente, 50 vagas para pessoas com deficiência, que foram recrutadas por meio de um processo seletivo amplamente divulgado.

Os colaboradores aprovados receberam orientação profissional por três meses, totalizando 200 horas/aula. O treinamento, ministrado pela equipe de Treinamento e Desenvolvimento da área de Gestão de Pessoas, abordou o fluxo de trabalho de cada departamento da Cooperativa, preparando os contratados para

O lançamento oficial do programa

aconteceu em abril, em cerimônia com gestores e colaboradores no Teatro Bibi Ferreira. Além de entender a importância da ação, os participantes

com gestores e colaboradores no Teatro Bibi Ferreira. Além de entender a importância da ação, os

75

ingressarem no job rotation, por meio da qual as PCDs passam por, pelo menos três áreas diferentes da Unimed Paulistana, aumentando sua vivência profissional e proporcionando aos gestores a convivência com os participantes, o que permite que eles avaliarem melhor as habilidades pessoais de cada integrante do programa, sendo contratados como efetivos em posições de quadro em aberto.

O diferencial do projeto é que o Núcleo, além de reconhecer que a inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho requer cuidados com orientação e capacitação, ainda tornou-se permanente, ou seja, após a recolocação nas áreas de trabalho da Cooperativa, as vagas são repostas, gerando novas turmas.

O programa é um referencial e foi apresentado como case na edição 2010

do Congresso Brasileiro de Treinamento

e Desenvolvimento (

dezembro, em Santos (SP).

CBTD), realizado em

A operadora não apenas evoluiu a meta

em relação ao número de pessoas com deficiência na Cooperativa, exigido por lei, mas também conseguiu maior consciência sócio-responsável e divulgação da Cooperativa no mais importante evento de Treinamento e Desenvolvimento do Brasil.

Ainda há muito o que fazer para que

a Unimed Paulistana atinja a meta legal

requerida, mas neste ano, a Cooperativa teve um avanço muito significativo, conforme demonstrado nos gráficos a seguir.

Gráfico de evolução de PCDs 2010 – em %

6,0%

5,0%

4,0%

3,0%

2,0%

1,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

5,0%

 

3,0%

3,0%

3,0%

3,0%

2,9%

3,5%

3,3%

 

2,6%

1,0%

1,1%

1,1%

1,1%

jan/10

fev/10 mar/10

abr/10

mai/10

jun/10

jul/10

ago/10

set/10

out/10 nov/10 dez/10

 

Previsto

Realizado

76

Gráfico de evolução de PCDs 2010 – em número de colaboradores

93 100 89 81 79 80 78 73 80 69 60 40 28 29 27
93
100
89
81
79
80
78
73
80
69
60
40
28
29
27
27
20
jan/10
fev/10
mar/10 abr/10
mai/10
jun/10
jul/10
ago/10
set/10
out/10 nov/10 dez/10
Programa de Gestantes

Outra iniciativa promovida pela área de Gestão de Pessoas em 2010 foi o Programa de Gestantes, essencial para a Cooperativa, já que o universo feminino representa cerca de 73% do quadro de funcionários admitidos pelo regime CLT.

O programa conta com a colaboração de uma equipe multidisciplinar, com enfermeiras, fisioterapeutas e nutricionistas. Por meio de encontros mensais, a ação leva informações importantes para as colaboradoras grávidas, abordando temas como pré- natal, nutrição, psicologia, fisioterapia, parto, puerpéreo, recém-nascido e aleitamento, fundamentais para melhorar a qualidade de vida do bebê e da mãe.

parto, puerpéreo, recém-nascido e aleitamento, fundamentais para melhorar a qualidade de vida do bebê e da

77

Programa de Qualidade de Vida

77 Programa de Qualidade de Vida Para a Medicina do Trabalho, 2010 foi um ano de

Para a Medicina do Trabalho, 2010 foi um ano de evolução e conquistas no Programa de Qualidade de Vida. Em abril, como parte do Programa Viva Bem Saudável, desenvolvido em conjunto com a equipe da área de Atenção à Saúde, foi feita a medição

de IMC (Índice de Massa Corpórea), nível de glicemia e pressão arterial dos colaboradores.

A coleta de informações atingiu 965 pessoas, sendo 577 mulheres com idade abaixo dos 40 anos.

78

Veja abaixo os resultados:

Panorama dos colaboradores com idade inferior a 40 anos

Panorama dos colaboradores com idade superior a 40 anos

9% são fumantes;

13% são fumantes;

1% apresentou índice glicêmico alternado;

3% apresentaram índice glicêmico alterado;

8% apresentaram pressão arterial alterada;

24% apresentaram pressão arterial alterada;

44% possuem IMC (Índice de Massa Corpórea) acima da média;

65% possuem IMC (Índice de Massa Corpórea) acima da média;

3,5% apresentaram risco cardiovascular aumentado.

2,2% apresentaram risco cardiovascular aumentado.

2,2% apresentaram risco cardiovascular aumentado. Os colaboradores que apresentaram resultados mais críticos

Os colaboradores que apresentaram resultados mais críticos continuarão recebendo acompanhamento médico,

sendo reavaliados periodicamente, além disso, foram incentivados a adotar um estilo de vida mais saudável.

79

Pesquisa de satisfação de benefícios

Com o objetivo de avaliar o índice de satisfação dos colaboradores em relação

aos benefícios concedidos pela operadora, contribuindo para a retenção de talentos

e ambiente mais produtivo, a Unimed

Paulistana, realizou, em abril, a Pesquisa

de Satisfação de Benefícios.

Na avaliação geral, o levantamento computou 68% de satisfação em relação

aos benefícios concedidos pela operadora

e 66% em relação ao Hospital Unimed Santa Helena.

Diante desse cenário, a Cooperativa realizou uma série de mudanças com

o intuito de atender às solicitações dos colaboradores:

Troca da empresa fornecedora dos cartões de benefícios de vale refeição, vale combustível e administração do vale transporte para Visa Vale, obtendo ganhos em custo benefício e melhor relacionamento com o fornecedor,

fundamental para a gestão dos benefícios;

Troca da cesta de alimentos pelo cartão alimentação (Visa Vale), permitindo ao colaborador a escolha dos produtos que deseja adquirir com o valor concedido; houve ainda incremento no valor do benefício, comparado com o valor de compra da cesta que era oferecida aos colaboradores e o valor concedido no cartão alimentação.

Implantação do convênio com a Droga

Raia, permitindo ao colaborador desconto em folha de pagamento de medicamentos

e ampla rede de atendimento;

Alteração da modalidade de assistência médica para UniPlan, permitindo atendimento aos colaboradores e seus dependentes com cobertura nacional;

Alteração nos valores de cobertura e

indenização em casos de sinistro para

o seguro de vida e auxílio funeral.

80

Implantação da portaria 1510/2009 sobre jornada de trabalho

Para atender a Portaria 1510/2009 do Ministério do Trabalho e Emprego, a Unimed Paulistana realizou, em outubro, um projeto de adequação à norma

e de mudança no comportamento

organizacional da Cooperativa.

Uma das adequações foi a troca dos relógios de ponto para marcação da jornada dos colaboradores, que, agora, também pode funcionar por sistema de biometria. A modificação incluiu ainda o pagamento do excedente de banco de horas, além de promover uma conscientização sobre o cumprimento da jornada de trabalho, acarretando na

redução de horas extras e banco de horas,

o que proporciona maior qualidade de

vida aos profissionais da operadora.

Para que essas ações se tornassem possíveis, a área de Gestão de Pessoas, em conjunto com as áreas de Tecnologia da Informação e Planejamento, elaborou um fluxo para a administração do expediente dos colaboradores, que culminou no desenvolvimento de um software de gerenciamento de jornada. Essa iniciativa também tem potencial para se tornar um case de Gestão de Pessoas.

As mudanças, embora recentes, registraram resultados positivos, de acordo com os gráficos de médias de horas extras e banco de horas por colaborador por mês, acompanhe:

Gráfico de média de horas extras por colaborador / mês

1,4

1,2

1,0

0,8

0,6

0,4

0,2

1,2

1,2

 

1,0

1,0

0,9

0,9

 

0,8

0,8

0,7

 

0,5

0,5

0,6

jan/10

fev/10

mar/10 abr/10

mai/10 jun/10

jul/10

ago/10

set/10

out/10 nov/10 dez/10

81

Gráfico de média de banco de horas por colaborador / mês

42,0

36,0

30,0

24,0

18,0

12,0

6,0

34,6

26,4

26,5

25,1

24,8

23,4

22,8

24,5

17,9

15,1

14,9

7,1

jan/10

fev/10

mar/10 abr/10

mai/10 jun/10

jul/10

ago/10

set/10

out/10 nov/10 dez/10

Otimização de mão de obra

A Unimed Paulista conseguiu, em 2010,

otimizar significativamente a utilização da

mão de obra disponível na Cooperativa. Prova disso é que, conforme descrito no

gráfico a seguir, a operadora registrou um crescimento de apenas 3,8% no quadro de colaboradores. Se excluirmos as vagas geradas pelo Núcleo de PCD´s, a variação

é de 1,8%.

Além disso, a variação do custo de salários na folha de pagamento foi somente de 4,5%. Apesar das melhorias propostas pela diretoria aos colaboradores, a mudança foi apenas a correção de inflação acumulada no período e que pode refletir em melhor produtividade.

82

Gráfico de evolução do quadro de pessoal CLT / 2010

3.000

2.500

2.000

1.500

1.000

500

2.593

2.554

2.558

2.535

2.624

2.654

2.655

2.653

2.649

2.648

2.682

2.682

jan/10

fev/10 mar/10 abr/10 mai/10 jun/10

jul/10 ago/10

set/10 out/10 nov/10 dez/10

Gráfico de folha de pagamento em salários nominal médio - colaborador CLT / 2010 7.000
Gráfico de folha de pagamento em salários nominal médio -
colaborador CLT / 2010
7.000
5.808
5.862
5.868
5.893
5.907
5.906
5.650
5.612
5.614
5.560
5.620
5.725
6.000
5.000
4.000
3.000
2.000
1.000
jan/10
fev/10 mar/10 abr/10 mai/10 jun/10
jul/10
ago/10 set/10
out/10 nov/10 dez/10

83

Tecnologia da Informação reduz custos e aprimora processos Tecnologia da Informação
Tecnologia da Informação reduz
custos e aprimora processos
Tecnologia da Informação

A Área de Tecnologia da Informação

realizou, ao longo de 2010, diversas mudanças que culminaram na redução significativa dos custos operacionais, na

melhoria de processos, na contenção de despesas e na eliminação de ônus provenientes de multas e sanções na companhia.

Uma delas foi a renegociação dos contratos de serviço de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicações), que trouxe uma redução de 18% nos custos operacionais da Unimed Paulistana, o que equivale a R$ 1,532 milhão por ano.

A área também implementou a

tecnologia de virtualização, que reduz

o risco associado à interrupção das

operações causadas por falhas nos hardwares da companhia.

Além disso, o custo de propriedade foi reduzido em 40% por meio da diminuição do volume de licenças utilizadas pela Unimed Paulistana, garantindo uma economia de R$ 130 mil por ano.

Outro custo minimizado no ano foi com a manutenção de infraestrutura, que baixou 30% (R$ 36,2 mil por ano). O consumo de

utilities (energia elétrica, área útil do CPD

e ar condicionado) também diminuiu,

proporcionando uma economia anual de R$ 58 mil, além de ir ao encontro das diretrizes sócio-ambientais da operadora.

84

Ainda em 2010, a área de TI regularizou as licenças de programas de computador da operadora, garantindo a mitigação de risco de multa e sanções jurídicas da ordem de R$ 2,5 milhões, e implantou o sistema de

Nota Fiscal Eletrônica (NFe), que representa redução de R$ 288 mil por ano para

a companhia.

A implantação da Terminologia Única

de Saúde Suplementar (TUSS) evitou o pagamento de multas da ordem de R$ 35 mil por evento, assim como a implementação da Tabela Nacional Única de Materiais e Medicamentos – TNUMM, que evitou a queda da Unimed Paulistana no ranking da Unimed do Brasil e, por consequência, reduziu a taxa de administração cobrada no faturamento do intercâmbio nacional.

Por último, a área pôs em funcionamento

o sistema de Intercâmbio Eletrônico (WSD),

que agiliza os processos de autorização do intercâmbio nacional, e implantou o sistema de controle de jornada em conformidade com a portaria 1510 do Ministério do Trabalho, eliminando o risco de multas e sanções jurídicas da ordem de R$ 4,05 milhões.

1510 do Ministério do Trabalho, eliminando o risco de multas e sanções jurídicas da ordem de

85

Crescimento expressivo nas vendas é resultado da aproximação com os corretores Área Comercial
Crescimento expressivo nas vendas é resultado
da aproximação com os corretores
Área Comercial

O ano de 2010 começou com uma meta ousada para a área Comercial: a conquista de 240 mil novas vidas. Ao longo do ano, muitas ações foram implementadas para que a meta fosse superada em 9,29%, totalizando 262.301 vidas. Esse resultado foi 29,53% maior do que o registrado em 2009, que somou 202.496 novas vidas.

Até o final de 2010, a carteira geral totalizou 1.695.680 vidas, crescendo 15,03% em relação ao ano anterior. Já a carteira da Unimed Paulistana, excluindo os beneficiários em Intercâmbio (clientes de outras Unimeds que são atendidos pela Cooperativa) totalizou, este ano, 940.418 vidas, crescendo 14,66%.

86

 

Item

Real 2009

Real 2010

Crescimento de

Vendas Novas

202.496

262.305

29,53%

Carteira Geral

1.474.072

1.695.680

15,03%

Carteira Unimed Paulistana

820.189

940.418

14,66%

Confira abaixo os indicadores da área de Vendas:

 
 

Carteira

Vidas

Valores

Preço médio

PME

70.483

9.424.518,52

133,71

Empresarial

83.736

7.618.515,96

90,98

PF

54.505

10.308.876,94

189,14

Uma série de iniciativas contribuiu para a conquista deste resultado. Uma delas foi a participação no Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas. Organizado pela ABRH – Associação Brasileira de Recursos Humanos, o evento conta com um espaço para palestras e outro para exposição de produtos, o que possibilita estreitar relacionamento e fomentar negócios com grandes empresas.

Com o objetivo de aproximar a relação entre a Unimed Paulistana e seus prospects, gerentes e proprietários de corretoras, a Cooperativa realizou cinco eventos no hotel Renaissance sobre os mais diversificados temas, como finanças pessoais, busca por talentos, conquista de clientes, entre outros.

Grande parte do sucesso das vendas em 2010 se deu pela campanha “Você é UP” direcionada aos corretores. Ao longo do ano, foram promovidas diversas ações como raspadinhas, viagens e sorteio de grandes prêmios, que motivaram os corretores a comercializarem os produtos da operadora. No dia do encerramento, quando grandes prêmios foram distribuídos, a Unimed Paulistana aproveitou para lançar a campanha 2011, intitulada “Unimed Paulistana Adventure”, mantendo a motivação em todos os corretores.

Além destas iniciativas, também foram desenvolvidos eventos esportivos, gastronômicos, café e happy hour, o que proporcionou maior visibilidade a marca e, consequentemente, aos produtos.

87

87 Outras ações realizadas: - Redução do custo de vendas; - Realinhamento das atribuições da área

Outras ações realizadas:

- Redução do custo de vendas;

- Realinhamento das atribuições da área de produto;

- Adequação da remuneração variável da equipe comercial;

- Realinhamento dos preços PJ (Pessoa

Jurídica), com 8,9% de aumento na tabela de vendas no decorrer do ano;

- Realinhamento dos preços PF (Pessoa Física), com 5% em todos os planos;

- Realinhamento dos preços PME

(Pequenas e Médias Empresas), com reajuste de 13% a planos com até 49 vidas e reajuste de 18% para planos com mais de 50 vidas;

- Aos clientes PJ (Pessoa Jurídica) foram

realizados sete treinamentos na Casa do Cooperado com a participação de 110 pessoas, além de 26 treinamentos em corretoras, somando mais de 130 participantes. Alem desses, também foram realizamos dois treinamentos pela Sandler com 30 participantes;

- Aos clientes PME (Pequenas e Médias

Empresas) e PF (Pessoa Física), foram realizados, de abril a novembro de 2010, 22 treinamentos com 355 participantes

na Casa do Cooperado. Além desses, também foram promovidos treinamentos pela Sandler, com 10 participantes, e a equipe comercial treinou nas corretoras no mesmo período 1.280 vendedores.

- Conquista de novas corretoras.

88

Reflexos da atuação de Relacionamento Empresarial

A área de Relacionamento Empresarial demonstrou importantes resultados ao longo do ano. No quadro abaixo estão detalhados os índices gerados

com reajustes financeiros e técnicos, além dos valores negociados em aporte financeiro para recuperação de sinistros ocorridos.

Valor

Gestão

Dados

Total geral

Meta

Valor Meta

% Superado

Superado

 

Receita mês

42.908.952,18

Grandes contas

Reaj. conced. mês

3.282.948,98

6,5%

2.789.081,89

1,15%

493.867,09

adesão

%

Reajuste

7,65%

       
 

Receita mês

13.993.940,90

       

Grandes contas

Reaj. conced. mês

1.360.941,74

7,5%

1.049.545,57

2,23%

311.396,17

empresarial

           
 

%

Reajuste

9,73%

 

Receita mês

7.522.306,58

       

Médias contas

Reaj. conced. mês

824.644,31

8%

601.784,53

2,96%

222.859,78

%

Reajuste

10,96%

 

Receita mês

26.760.000,68

       

PME

Reaj. conced. mês

3.360.910,48

12%

3.211.200,08

0,56%

149.710,40

%

Reajuste

12,56%

Total receita mês

91.185.200,34

       

Total reajuste concedido mês

8.829.445,51

8,28%

7.651.612,07

1,40%

1.177.833,44

Total % reajuste

9,68%

Total aporte

 

1.662.789,20

Total receita superada

   

2.840.622,64

Em 2010, foram realizadas importantes negociações com os clientes com o objetivo de aumentarmos a população ativa, ou seja, foram cadastrados novos beneficiários dentro de clientes (PJ) já existentes.

89

Confira abaixo a evolução da sinistralidade da carteira PJ (Pessoa Jurídica) entre 2009 e 2010.

Redução

da diferença

 

Diferença

D/R

Diferença

D/R

Crescimento

(pontos

jan/09 a

jan/09 a

jan/10 a

jan/10 a

da diferença

percentuais)

Gestão

dez/09

dez/09

dez/10

dez/10

2010-2009

2010-2009

Grandes contas

Empresarial

22.411.239,44

89,00%

44.138.637,60

81,72%

21.727.398,16

-7,28%

Grandes contas

           

Adesão

135.585.070,10

74,37%

161.932.686,28

72,42%

26.347.616,18

-1,95%

Contas Médias

16.862.853,46

85,62%

26.112.655,22

80,63%

9.249.801,76

-4,99%

PME Paulistana

89.515.646,36

61,70%

131.944.321,81

59,67%

42.428.675,45

-2,03%

PME adesão

28.272.350,53

73,72%

29.597.211,87

69,11%

1.324.861,34

-4,61%

Total

292.647.159,89

75,44%

393.725.512,78

71,60%

101.078.352,89

-3,84%

É importante ressaltar que o modelo

de administração de contratos PME (Pequenas e Médias Empresas) foi alterado. Além disso, algumas mudanças internas no quadro de colaboradores foram realizadas,

o que garantiu resultados significativos percebidos pelos clientes. Obtivemos redução de 20% na folha de pagamento e a equipe se mostrou motivada e focada.

Outro importante negócio administrado pelo Relacionamento Empresarial é a carteira de contratos por adesão, firmado com entidades de classe, sindicatos, associações etc. Este segmento trouxe significativo incremento de vidas para Unimed Paulistana ao todo foram 53.577 novos beneficiários, cadastrados com ticket médio de 158,51, resultando em faturamento anual de mais R$ 8.492602,59.

90

HUSH investe em ações de melhoria contínua Recursos Próprios
HUSH investe em ações de melhoria contínua
Recursos Próprios

A Superintendência de Recursos Próprios,

responsável pela administração do Hospital Unimed Santa Helena (HUSH), investiu em uma série de ações ao longo de 2010, que proporcionaram importantes melhorias à instituição.

Uma das ações foi a implantação de um

sistema para a gestão integral dos custos hospitalares, realizada em conjunto com

a Área de Planejamento da Cooperativa.

A novidade permite a apuração mensal

das despesas do Hospital, individualmente,

por suas unidades de atendimento e

internação, além dos custos dos principais procedimentos realizados. Essa medida mostra-se essencial para a definição de estratégias de gestão da Unimed Paulistana afim de otimizar os resultados da Cooperativa.

Outra melhoria foi a criação de um setor específico para o atendimento aos pacientes que necessitam de transplante de medula autólogo ou transplante alogênico, alinhando-se à legislação imposta pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), no que se refere à

91

91 estrutura física e de equipamentos. Os dois apartamentos disponibilizados para este fim ficam no 3º

estrutura física e de equipamentos. Os dois apartamentos disponibilizados para este fim ficam no 3º andar do Hospital, na Ala A, e serão utilizados exclusivamente por esses pacientes.

Com o objetivo de oferecer mais conforto e segurança aos pacientes,

a operadora realizou obras para a troca

do sistema de aquecimento de água, substituindo o ultrapassado aquecimento por caldeiras.

Em 2010, a área também reorganizou

o fluxo de pacientes nos procedimentos

cirúrgicos. Desde então, os segurados são internados em suas acomodações definitivas e, somente no momento da cirurgia são encaminhados para o Centro Cirúrgico, diferentemente do que acontecia antes, quando somente eram encaminhados para seu leito após a

realização do procedimento. Essa mudança foi possível por meio da reorganização dos leitos hospitalares, da redução da disponibilidade de internações clínicas, da ampliação dos leitos cirúrgicos e da adaptação das enfermarias e clínicas.

Para padronizar os materiais, agilizar o atendimento das equipes nos procedimentos cirúrgicos e proporcionar a adequada apuração de custos por procedimento, foram implantados kits cirúrgicos, que têm auxiliado na racionalização, utilização e maior controle sobre os materiais das cirurgias.

O HUSH ainda implantou o serviço de gastronomia hospitalar com o intuito de apresentar um cardápio semelhante ao dos restaurantes. Desta forma, existe a possibilidade de escolha de uma entrada, prato principal, acompanhamento e

92

sobremesa, proporcionando ao paciente a sensação de maior bem-estar alimentar e, consequentemente, melhora da imagem do HUSH perante os pacientes e seus acompanhantes.

A ampliação dos leitos da maternidade foi

outra ação necessária para atender

o crescente número de atendimentos

a gestantes. As adaptações e investimentos permitiram que a unidade realizasse 300 partos por mês em 2010, enquanto em

2009 a média foi de 200 partos. Além disso, as adequações feitas no hospital em razão de exigências da Anvisa permitiram que a licença de funcionamento do HUSH fosse renovada.

E, por último, iniciou-se a implantação do prontuário e prescrição eletrônicos em todas as unidades de internação do hospital.

iniciou-se a implantação do prontuário e prescrição eletrônicos em todas as unidades de internação do hospital.

93

Ano

Tipo de Atendimento

Total

Período

Unidades

Nº Leitos

Pronto-Socorro

110.437

Clínica Médica e Cirúrgica

135

Cirurgias no Centro Cirúrgico

8.432

Maternidade

38

Cirurgias Centro Obstétrico

1.207

Internação Pediátrica

12

Partos

3.427

2010

UTI Pediátrica

8

Internações

16.364

UTI Adulto

28

Quimioterapia Ambulatorial

3.726

UTI Neonatal Interna

7

2010

Quimioterapia Internados

573

UTI Neonatal Externa

7

UTI Adulto

940

UTI Semi Neo Interna

5

UTI Pediátrica

203

TOTAL

240

Semi UTI Neonatal - Interna

110

UTI Neo Interna

242

UTI Neo Externa

112

Período

Unidades