Você está na página 1de 5

Módulo:

Saúdeda Criança do Adolescente Cuidados


e e Enfermagem
de I
______________________________________________________________________
Discente: Bianca Estevam Farias TutoriaA

Crescimento e
desenvolvimento
infantil

Desenvolvimento Crescimento

Representam
São mudanças Mudanças aumento no
Mudanças graduais, quantitativas número e
qualitativas avançam do mais tamanho de
simples para o células,
mais complexo tamanho e
peso

Estágios etários
da criança

Período Primeira Infância Infância


Lactância infância
pré-natal intermediária tardia

divide-se divide-se conhecido


divide-se divide-se

• germinativo neonatal criança Idade


embrionário • • pré-adolescência
• • infância • pré-escolar escolar •
• fetal • adolescência

caracterizado caracterizado caracterizado caracterizado


caracterizado

Rápida velocidade de Rápido Desenvolvimento Maturação


crescimento e desenvolvimento Intensa físico, mental e biológica e
atividade é
período crucial no motor, social, com ênfase da
processo evolutivo cognitivo e descobertas em competências e personalidade
social habilidades
Caderneta de
saúde da
criança

Indicadores do
crescimento e O que é a
desenvolvimento caderneta?
infantil

algunsindicadores

É um documento A da criança É direito de


Acidentes importante para acompanha do
Higiene domésticos todo
acompanhar asaúde, nascimento até os brasileiro
crescimento e 9 anos de idade
desenvolvimento da
criança
deve-se deve-se

Registro das
informações sobre
Instruir aos pais Instruir aos pais contém
cuidados acerca cuidados para o atendimento a
da higiene previnir possíveis criança
corporal ebucal quedas,
queimaduras e serviço de no
intoxicação

Violência Nutrição Saúde Educação Serviço


social

instrumento importante Compartilhamento


deve-se deve-se
para
de dados e
orientações

Identificar Instruir aos


possíveis
práticas de pais cuidados
sobre práticas Facilita a Orientações Orientações
maus-tratos alimentares integração para os para o
das ações cuidados das profissional
sociais crianças que presta
assistência
Crescimento e
desenvolvimento
da criança

Fatores que
influenciam o Marcos do
crescimento e desenvolvimento
desenvolvimento

presentes desde o
período pré-natal
até a vida adulta

Roteiro de observação e Vigilância do


Fatores Fatores identificação de crianças serve faz parte desenvolvimento
intrínsecos extrínsecos com problemas de como
desenvolvimento infantil

Presença dos
Caderneta marcos do
de saúde da presente verifica-se desenvolvimento
criança de acordo com
a idade
Fatores Fatores
Fatores Fatores ambientais, como
genéticos e metabólicos infecções,
congênitos nutricionais
e higiene e
psicossociais cuidados com
a criança Marcos dos P=
P=Marco
desenvolvimento observa-se preencher presente
do nascimento até A= marco ausente
6 anos de idade NV=Marco não
verificado

Tendências
ou padrões

são universais e básicos


para todos os seres humanos

Tendências Tendências Ritmo de Períodos


direcionais sequenciais desenvolvimento sensíveis

tendência onde refere-se


refere-se

A sequência definida O desenvolvimento Aos períodos


• Direção cefalocaudal e previsível em que não progride na críticos, sensíveis,
• próximo-distal cada criança passa mesmavelocidade vulneráveis ou
• diferenciação por todos os ou ritmo ideais
estágios

exemplo
observa-se

Refletem a direção do Crianças rastejam Épocasem que


Períodos de
desenvolvimento físico e a antes de engatinhar, um organismo é
maturação das funções engatinham antes de crescimento mais suscetíveis
neuromusculares ficar de pé e ficam acelerado de a influências
estabilização e de
de pé antes de desacelaração
andar

A qualidade das
interações nesses
períodos podem
ter efeitos
benéficos ou
maléficos
Puericultura

acontece 7 vezes no
primeiro ano de vida do bebê

Oque se
realiza? Oque é?
no segundo ano de vida a
consulta é semestral
promove
cuidado com a criança
realiza de forma integral avalia

Monitoramento Fisicamente com Eixo central de Possui um Foi implantado na


do calendário intuito de todas as ações Alto Esf e vem
vacinal e das reconhecer desenvolvidas conteúdo impactando na
condições alterações que para e com as cognitivo morbimortalidade
nutricionais podem ser tratadas crianças infantil
precocemente

a partir do terceiro ano de vida


avalia é uma consulta por ano
acompanha
Resolução do cofen
272/2002 propõe
Desenvolvimento Saúde bucal e estratégias para a
e crescimento orienta acerca puericultura
neuropsicomotor, da higiene oral e
afetivo e social da sobre prevenção
criança de acidentes

Momentos da
consulta de
puericultura

Acolher Perguntar

imerso avalia-se

Imerso em Condições de
todas as Anamneseou nascimento da
práticas de histórico de
criança, história
cuidado enfermagem perinatal e
familiar

Checar sinais
Avaliar de perigo

São
indicativos
de avaliação
médica
imediata
Examefísico Instruir Avaliar possíveis
com intuito Observar os cuidados para alterações Estratificar
de analisar marcos do mãe ou fenotípicas e o risco
as condições desenvolvimento cuidador e fazer o
de saúde da e investigar ouvir a opinião preenchimento da
criança os fatores de dos pais caderneta de
risco significa
saúde

Separar pessoas
com necessidade
semelhantes e
que demandam
a avaliação do desenvolvimento recursos
está presente na específicos
Diagnosticar
e conduzir

engloba
caderneta de vacinação
e procedimentos de
triagem, como o Denver Serão
II Definir o diagnóstico
de enfermagem, as interpretados e
orientações e o agrupados os
agendamento para dados colhidos
retorno para selecionar
intervenções
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primaria à Saúde. Departamento de


Ações Programáticas e Estratégicas. Caderneta da Criança. 2. ed. Brasília: Ministério da
Saúde, 2020. Disponível em: www.saude.gov.br/bvs

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção


Básica. Saúde da criança: crescimento e desenvolvimento. 1. ed. Brasília: Ministério da
Saúde, 2014.

HOCKENBERRY, Marilyn J.; WILSON, David. Wong, Fundamentos de Enfermagem


Pediátrica. 9. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014.

ALMEIDA, Edmar Rocha. Proposta de protocolo de puericultura para enfermeiros


da atenção primária à saúde de Taiobeiras/MG. Universidade Federal de Minas
Gerais. Faculdade de Medicina. Núcleo de Educação em Saúde Coletiva, 2013.

Você também pode gostar