Você está na página 1de 5

EXERCÍCIOS DE QUÍMICA - RECUPERAÇÃO FINAL – 3 ANO

01. O Teflon é um polímero sintético amplamente empregado. Ele é formado a partir de um


monômero que se obtém por pirólise do trifluormetano.
O trifluormetano, CHF3 , é produzido pela fluoração do gás metano, de acordo com a reação

CH4 (g)  3F2 (g)  CHF3 (g)  3HF(g).

A entalpia-padrão da reação de fluoração do gás metano, em kJ  mol1, é igual a


a) – 1 633. b) – 2 175. c) – 2 325. d) + 1 633. e) + 2 175.

02. O fenol é um composto que pode ser utilizado na fabricação de produtos de limpeza, para
desinfecção de ambientes hospitalares.

Considere as entalpias-padrão de formação, relacionadas na tabela. A energia liberada, em kJ, na


combustão completa de 1 mol de fenol é
a) 515. b) 845. c) 1 875. d) 2 733. e) 3 057.

03. A sacarose é um alimento importante para o ser humano. O metabolismo dos açúcares envolve
reações que são as fontes de energia para que a célula possa realizar os trabalhos mecânico,
elétrico e químico. O metabolismo de açúcares durante a respiração e representado pela reação de
combustão: C12H22O11(s) + 12O2(g)  12CO2(g) + 11H2O(ℓ) ∆H < 0 Dados:
0
∆H (formação) C12H22O11 = - 2222 kJ/mol; CO2 = - 394 kJ/mol; H2O = - 286 kJ/mol
Massas molares (g/mol): C = 12; O = 16; H = 1.
Qual a massa de sacarose necessária para a liberação de 314 kJ de energia?
a) 11 g. b) 25 g. c) 19 g. d) 29 g. e) 31 g.

04. A queima do gás de cozinha (propano) ocorre de acordo com a seguinte equação:
C3H8(g) + 5 O2(g)  3 CO2(g) + 4 H2O(l) ∆H = - 2200 kJ/mol
Considerando-se essa equação, é INCORRETO afirmar que
a) a reação da queima do propano é exotérmica.
b) a entalpia dos reagentes é maior que a entalpia dos produtos.
c) a queima de 1 mol do gás propano produz 1,8 × 1024 moléculas de gás carbônico.
d) a variação de entalpia, neste caso, indica que a quantidade de calor absorvida é de 2200 kJ/mol.
05. O consumo de um certo carro a álcool é de 8,0km/L. Sabendo-se que 23.803 kJ de energia
foram necessários para o automóvel percorrer um determinado trajeto, pode-se afirmar que o
comprimento desse trajeto é aproximadamente de
(DADOS: PM(álcool) = 46 g/mol; d(álcool) = 0,8g/cm3; ∆H comb. (álcool) = - 1.368 kJ/mol.)
a) 4 km b) 8 km c) 16 km d) 24 km e) 28 km

06. A reação do alumínio com o oxigênio é altamente exotérmica e pode ser representada como
segue. 2 Al(s) + 3/2 O2(g)  Al2O3(s) ∆H = -1670 kJ
A quantidade de calor, expressa em kJ, liberada na combustão de 1 grama de Al é
aproximadamente igual a
a) 15. b) 31. c) 62. d) 835. e) 1670.

07. Em um aquário onde a água apresentava pH igual a 6,0, foram colocados peixes ornamentais
procedentes de um rio cuja água tinha pH um pouco acima de 7,0. Em razão disso, foi necessário
realizar uma correção do pH dessa água. Entre as substâncias a seguir, qual é a mais indicada para
tornar o pH da água desse aquário mais próximo do existente em seu ambiente natural?
a) KBr b) NaC c) NH4C d) Na2CO3 e) A 2  SO4 3

08. Alguns sais apresentam a propriedade de tomar as soluções aquosas ácidas ou básicas quando
dissolvidos, enquanto outros não alteram o pH natural da água. O carbonato de sódio (Na 2CO3), o
cloreto de sódio (NaC ) e o sal amoníaco (NH4C ) produzem, respectivamente, soluções aquosas
a) neutra, básica e ácida. b) ácida, neutra e básica.
c) básica, neutra e ácida. d) ácida, ácida e neutra.

09. A acidez do solo é uma importante propriedade que influencia no plantio e na produtividade de
vários produtos agrícolas. No caso de solos ácidos, é necessário fazer uma correção do pH antes do
plantio, com a adição de substâncias químicas. Assinale a alternativa que apresenta sais que, ao
serem individualmente solubilizados em água destilada, causam a diminuição do pH.
a) NaCℓ e K2SO4. b) NH4Br e AℓCℓ3. c) KBr e CaCO3.
d) NH4Cℓ e CaCℓ2. e) NaCN e Na2CO3.

10. Em um laboratório, 3 frascos contendo diferentes sais tiveram seus rótulos danificados. Sabe-
se que cada frasco contém um único sal e que soluções aquosas produzidas com os sais I, II e III
apresentaram, respectivamente, pH ácido, pH básico e pH neutro. Estes sais podem ser,
respectivamente:
a) acetato de sódio, acetato de potássio e cloreto de potássio.
b) cloreto de amônio, acetato de sódio e cloreto de potássio.
c) cloreto de potássio, cloreto de amônio e acetato de sódio.
d) cloreto de potássio, cloreto de sódio e cloreto de amônio.
e) cloreto de amônio, cloreto de potássio e acetato de sódio.
11. A descoberta da bateria de lítio viabilizou o uso de marca-passos cardíacos, possibilitando o
prolongamento da vida humana. Entre as vantagens que as baterias de lítio oferecem, estão o seu
pequeno tamanho, a baixa massa e o elevado conteúdo energético. Considerando as semirreações de
redução representadas abaixo, assinale a alternativa correta.

a) O zinco metálico é oxidado espontaneamente, em presença do íon lítio.


b) O lítio metálico é um agente redutor mais forte do que o zinco metálico.
c) O lítio metálico é um agente oxidante mais forte do que o zinco metálico.
d) O íon lítio e o zinco metálico, em solução eletrolítica, formam uma célula galvânica.
e) O íon lítio sofre redução, em presença do zinco metálico.

12. As baterias classificadas como células secundárias são aquelas em que a reação química é
reversível, possibilitando a recarga da bateria. Até pouco tempo atrás, a célula secundária mais
comum foi a bateria de chumbo/ácido, que ainda é empregada em carros e outros veículos. As
semirreações padrões que ocorrem nesta bateria são descritas abaixo:

I. PbSO4(s)  2e  Pb(s)  SO42(aq) Eo  0,36 V

II. PbO2(s)  4H(aq)  SO42(aq)  2e  PbSO4(s)  2H2O( ) Eo  1,69 V


Considerando a reação de célula espontânea, assinale a alternativa que apresenta a direção da
semirreação I e seu eletrodo; a direção da semirreação II e seu eletrodo; e o potencial-padrão da
bateria, respectivamente.
a) direção direta no ânodo; direção inversa no cátodo; +1,33 V
b) direção inversa no ânodo; direção direta no cátodo; +2,05V
c) direção inversa no cátodo; direção direta no ânodo; + 2,05 V
d) direção inversa no ânodo; direção direta no cátodo; +1,33V

13. Considere o esquema a seguir, que representa uma pilha, no qual foi colocado um voltímetro e
uma ponte salina contendo uma solução saturada de cloreto de potássio. No Béquer 1,
correspondente ao eletrodo de alumínio, está imersa uma placa de alumínio em uma solução aquosa
de sulfato de alumínio e no Béquer 2, correspondente ao eletrodo de ferro, está imersa uma placa
de ferro em uma solução aquosa de sulfato de ferro. Os dois metais, de dimensões idênticas, estão
unidos por um fio metálico. DADOS:
Potenciais padrão de redução Ered  a 1atm e 25 °C.
3
A  3e  A E   1,66 V
2 
Fe  2e  Fe E   0,44 V
Considerando esta pilha e os dados abaixo, indique a afirmativa
correta.
a) A placa de ferro perde massa, isto é, sofre “corrosão”.
b) A diferença de potencial registrada pelo voltímetro é de 1,22 V (volts).
c) O eletrodo de alumínio é o cátodo.
d) O potencial padrão de oxidação do alumínio é menor que o potencial padrão de oxidação do
ferro.
e) À medida que a reação ocorre, os cátions K  da ponte salina se dirigem para o béquer que
contém a solução de A 2  SO4 3 .
14. A obtenção de energia é uma das grandes preocupações da sociedade contemporânea e, nesse
aspecto, encontrar maneiras efetivas de gerar eletricidade por meio de reações químicas é uma
contribuição significativa ao desenvolvimento científico e tecnológico.
A figura mostra uma célula eletroquímica inventada por John Daniell em 1836. Trata-se de um
sistema formado por um circuito externo capaz de conduzir a corrente elétrica e de interligar dois
eletrodos que estejam separados e mergulhados num eletrólito. Uma reação química que ocorre
nesse sistema interligado leva à produção de corrente elétrica.
Dados: Zn2+ (aq) + 2e– → Zn (s) E0 = – 0,76 V
Cu2+ (aq) + 2e– → Cu (s) E0 = + 0,34 V

Com base nessas informações, afirma-se que:


I. Nessa célula eletroquímica, a energia produzida
pela reação de oxirredução espontânea é
transformada em eletricidade.
II. Os elétrons caminham espontaneamente, pelo fio
metálico, do eletrodo de zinco para o de cobre.
III. A reação de redução do Cu2+ consome elétrons e, para compensar essa diminuição de carga, os
íons K+ migram para o cátodo através da ponte salina.
IV. A força eletromotriz gerada por essa célula eletroquímica a 25 oC equivale a –1,1 V.

É correto o que se afirma em


a) I, II e III, apenas. b) I, II e IV, apenas. c) I, III e IV, apenas.
d) II, III e IV, apenas. e) I, II, III e IV.

15. Considerando 1 F = 96.500 C (quantidade de eletricidade relativa a 1 mol de elétrons), na


eletrólise ígnea do cloreto de alumínio, A C 3 , a quantidade de eletricidade, em Coulomb,
necessária para produzir 21,6 g de alumínio metálico é igual a:
a) 61.760 C. b) 154.400 C. c) 231.600 C. d) 308.800 C. e) 386.000 C.

16. Uma bateria de chumbo de 10 A  h funciona durante meia hora fornecendo 10 A de corrente.
Sabe-se que a Constante de Faraday é 96500 C  mol1 e a reação não balanceada é:
2 
Pb s  SO4 aq  PbSO4 s  e . Assinale alternativa que possui o número de moles de chumbo
consumido.
a) 0,187 mol. b) 0,481 mol. c) 0,093 mol. d) 0,041 mol. e) 0,047 mol.

17. Pode-se niquelar (revestir com uma fina camada de níquel) uma peça de um determinado metal.
Para esse fim, devemos submeter um sal de níquel (II), normalmente o cloreto, a um processo
denominado eletrólise em meio aquoso. Com o passar do tempo, ocorre a deposição de níquel sobre
a peça metálica a ser revestida, gastando-se certa quantidade de energia. Para que seja possível o
depósito de 5,87 g de níquel sobre determinada peça metálica, o valor da corrente elétrica
utilizada, para um processo de duração de 1000 s, é de: Dados:
Constante de Faraday = 96500 ; Massas molares em (g/mol) Ni = 58,7
a) 9,65 A. b) 10,36 A. c) 15,32 A. d) 19,30 A. e) 28,95 A.
18. A eletrólise é muito empregada na indústria com o objetivo de reaproveitar parte dos metais
sucateados. O cobre, por exemplo, é um dos metais com maior rendimento no processo de
eletrólise, com uma recuperação de aproximadamente 99,9%. Por ser um metal de alto valor
comercial e de múltiplas aplicações, sua recuperação torna-se viável economicamente.
Suponha que, em um processo de recuperação de cobre puro, tenha-se eletrolisado uma solução de
sulfato de cobre (II) (CuSO4) durante 3 h, empregando-se uma corrente elétrica de intensidade
igual a 10A. A massa de cobre puro recuperada é de aproximadamente
Dados: Constante de Faraday F = 96 500 C/mol; Massa molar em g/mol: Cu = 63,5.
a) 0,02g. b) 0,04g. c) 2,40g. d) 35,5g. e) 71,0g.

GABARITO:

1. B 2. E 3. C 4. D 5. B 6. B 7. D 8. C 9. B

10. B 11. B 12. B 13. B 14. A 15. C 16. C 17. D 18. D

Você também pode gostar