Você está na página 1de 13

Suzan Duarte é educadora há mais de 40 anos e psicóloga há mais de

30. Já vivenciou as mais variadas posições de liderança, como diretora


de escola, Policial Federal e Psicopedagoga.

Sempre focada nos resultados e consciente do seu papel de


desbravadora, observou e fundamentou cada nuance vivida como líder
mulher nos mais distintos universos.

Tornou-se especialista em Empoderamento Feminino quando resolveu


disseminar suas descobertas e formar líderes poderosas, capazes de
gerenciar suas vidas e seus negócios.

Hoje dedica-se a compartilhar seu conhecimento sobre a as formas de


agir e pensar, disseminando a importância da mulher assumir e se
posicionar como líder para obtenção de respeito e sucesso em seus
empreendimentos, sejam pessoais ou profissionais.
Me encontre no Instagram
Acredita que agora é a hora da virada para a mulher que se apoderar do
seu espaço e se assumir como líder. http://www.instagram.com/suzanpoderosa/

Em 2020 Suzan Poderosa pretende alcançar muito mais mulheres para


no Facebook
juntas transformarem e fazer a diferença na vida das pessoas.
http://www.facebook.com/suzanpoderosa/

e também pelo YouTube


http://www.youtube.com/SuzanPoderosa
Pode soar estranho dizer que você precisa se ver como marca.

Há algum tempo costumava-se imaginar que as marcas eram


construídas para enganar consumidores com o objetivo de vender ou
fisgar alguém para extorquir lucros gananciosos.

Já ouvi dizer, por exemplo, que:

“Fulana é puro marketing, não tem nada a oferecer”, como se


o fato de se utilizar dessa metodologia para apresentação já
indicasse que está carregada de falsidade.

Frequentar redes sociais é arrumar encrencas, descuidar da


segurança, se expor ao perigo, mentir sobre a existência,
maquiar o ambiente, fingir uma vida impossível.

Eu mesma me abstive de frequentar redes sociais, presenciais e online,


e já aconselhei pessoas a evitar aparecer na internet, achando que
ajudava a se resguardarem.

Em palestras e encontros com mulheres escuto algumas que não


possuem redes online e não frequentam festas ou ambientes sociais -
as que preferem esperar uma oportunidade para entregar seu currículo
ou trabalho, acreditando que conseguirão mostrar seu valor a alguma
pessoa que aparecer espetacularmente do nada, por um acaso.

Mas, é preciso perceber que o mundo evoluiu muito rápido e entender


como ele funciona hoje.

Não vivemos mais, apenas dos contatos de familiares e de amigos.


A velocidade da informação, das descobertas, da evolução tecnológica
facilitou de tal forma a comunicação que, abdicar de seus benefícios é
ficar fora das oportunidades, do mercado de trabalho, com poucas
chances de escolher relacionamentos.

As formas de trabalhar, de contratar, de conhecer pessoas e de se


divertir mudaram e mudam a cada instante.

É preciso que nos preparemos rapidamente para viver nesse mundo.

Lutar contra a evolução é perder antes de o jogo começar.

Quando você começa a se ver como marca percebe a importância da


sua imagem pessoal - presencial e online, ao mesmo tempo.
Nos dias de hoje, quem não está online, não existe.

Se não está online por conta própria, pode ser que alguém esteja
apresentando você de uma forma que não lhe favorece ou de um jeito
que você não escolheria para se mostrar.

A melhor maneira de aparecer para o seu público (sua família, seus


possíveis empregadores ou clientes, seus possíveis relacionamentos
amorosos, seus fornecedores, seus amigos, seus potenciais parceiros de
atividades profissionais, sociais ou esportivas) é entender que você é
uma marca e que precisa ser promovida.

Se entender como marca é se comportar de forma a ser querida,


apreciada, compreendida. É preciso demonstrar realmente o que você
é de verdade, dizer para que veio a esse mundo, nesse ambiente e nesse
momento.

Entender o seu papel e sua condição como marca que se coloca na


sociedade e, portanto, no mercado, é fundamental para que você se
encontre nesse mar de informações e oportunidades, se integre na
sociedade, se relacione, se gerencie e se mantenha mentalmente sadio.
hábitos ou de jeito de se comportar ou de se vestir, mas é preciso que
Existem profissionais especializados em branding que ajudam a você se recorde do que pensava, como agia, como construía seus
construir marcas, inclusive a sua. relacionamentos, como se apresentava. É necessário que consiga
entender e explicar para você mesma e para os outros, como e porque
Esses profissionais estão altamente preparados para ajudar você a se aconteceram as mudanças.
descobrir e encontrar a melhor forma de apresentar sua marca pessoal
e/ou de seu produto. Sua marca representará cada gesto, cada símbolo, cada pedacinho de
tudo que foi elaborado por você e a compreensão desse processo é
Mas a construção de sua imagem não começa quando você contrata um importante para que a imagem seja fiel a origem, pois não é possível
profissional ou quando resolve fazer de si uma marca. sustentar por muito tempo uma imagem montada em realidade que
não é sua.
Sua imagem começa a ser construída quando você nasce.

Ela se desenvolve na medida em que você cresce e enfrenta desafios, se


relaciona com colegas, vizinhos ou conhecidos, expõe opinião sobre
pessoas, jeitos de viver, gostos, gestos, sabores, lugares.

Na medida em que atrai uns e repele outros pela forma de se vestir,


falar, pensar, andar, agir constrói uma rede intuitiva que será a base da
construção consciente e inconsciente de marca pessoal futura.

Esse esboço de imagem inicial e intuitivo será lembrado pelas pessoas


que conviveram com você e será propagado quando falarem de você.
Todos nós falamos uns dos outros para apresentar, introduzir, explicar
quem é, fazer lembrar ou mesmo para elogiar ou criticar.

Tudo isso é a constituição de sua marca. Não significa que você não
possa mudar de jeito ou de opinião, de lugar ou de crença religiosa, de
Durante a conscientização do que você é diante da sua representação
presencial e online, é preciso que aprecie o resultado construído e se
perceba como desejável e relacionável.

Quando nos apresentamos somos vistos por inteira. Tudo que vestimos,
a forma como falamos, nossa postura, nossos gestos, nosso olhar, nosso
caminhar – tudo isso é scaneado por quem nos observa e contribui para
um julgamento que resulta nos mais variados níveis de aceitação.

É claro que, depois do julgamento, ainda podemos reverter o quadro, a


depender do tempo e da firmeza com que se julgou, mas se
começarmos bem a chance de aceitação é infinitamente maior.

A responsabilidade pela performance, ao se apresentar em um


ambiente, é de quem se apresenta.

Nenhum profissional estará no seu lugar para ser você quando aparecer
em público. Mesmo uma imagem construída com esmero por
profissional altamente capacitado, não resiste a apresentação pessoal
da figura que ele formatou.

Então, comece a se preparar e se responsabilizar por tudo que é, faz e


deixa parecer a seu respeito. Comece a observar cada resultado para
corrigir os rumos, caso estejam indo para caminhos diferentes do que
você determinou como ideal.
Muitas pessoas costumam confundir Marca com Propaganda e quando
falo em construção de Marca Pessoal pode parecer que devemos
ensaiar uma forma para nos expor como um produto a venda em uma
vitrine.

Bem, é preciso fazer distinção entre esses dois termos.

Embora eu acredite que todos nós estejamos nos vendendo como


marca o tempo todo, não imagino que sejamos objetos de consumo
manipuláveis e organizáveis como produtos.

Nesse caso, a venda é considerada em um sentido mais amplo - de fazer


desejável, querida, apreciável, necessária, importante para
determinada pessoa, local, serviço ou causa.

Exatamente por isso acredito que cada uma de nós se constitui uma
marca única e especial, completamente exclusiva que precisa ser
entendida e respeitada.

Mas qual é a diferença entre construção de marca e propaganda?

Uma marca se constrói aos poucos e demora tempo para se consolidar,


para ser confiável e respeitável, para que permitamos que faça parte do
nosso dia a dia. Quando adotamos uma marca nos tornamos fãs,
acompanhamos sua evolução e protegemos seu legado.
A propaganda pode estar relacionada à marca, mas é preparada para
vender um produto específico em determinada ocasião. Todos os
elementos para vender aquele produto são pensados e colocados
exatamente no lugar determinado.

Serão vistos exatamente da mesma forma quantas vezes forem


necessárias e várias pessoas ou locais podem reproduzir o que foi
planejado ou ensaiado em um script.

A existência de uma marca pressupõe compreensão da essência. Não


existe ensaio, mas formação, aprimoramento, crescimento, construção.

A ligação de pessoas à sua marca pessoal pressupõe empatia e


comunicação, compromisso com tudo que foi vivido na interação para
constituição do que se apresenta.

Não se confunda. Não faça propaganda de você. Desenvolva-se como


MARCA.
Quando você decide cuidar de você como uma marca, deve se lapidar
como um joalheiro faz com uma pedra preciosa.

Você vai se examinar, descobrir sua origem, sua cor, sua essência e a
partir do seu tamanho no estado “bruto” e da sua essência
fundamental, decidir o tamanho que quer ficar depois de “lapidada”.

Nessa analogia é importante revelar que se pode ter uma pedra


limpinha, sem trincas e sem manchas se forem retiradas muitas partes,
ficando com uma pedra menor e muito límpida ou decidir por uma
pedra maior desde que se conviva com uma ou duas trincas e manchas.
Tudo dependerá da qualidade, do valor, da singularidade, da
especificidade da pedra a ser lapidada.

Bem, descubra tudo que é e o que pode se tornar, respeite todas as suas
condições, conhecendo suas qualidades, decidindo dentro das
possibilidades reais, o que pode ser aprimorado e o que pode ser
descartado sem destruir sua essência ou você própria.

Saiba tudo que conseguir saber sobre você e sobre como chegou até
esse momento de sua vida.

Seja proativa e desenvolva atitudes que contribuam para que você


conheça e se relacione com as pessoas que podem ajudá-la nos seus
projetos.

Não aceite ser menos do puder ser. Cuide de sua aparência em todos os
aspectos, pessoalmente ou nas redes online.
Apenas estudar e saber sobre tudo isso não vai ajudá-la a construir uma  Com que cores, em qual ambiente, em que espaço vai se
marca pessoal forte o suficiente para conquistar seus objetivos. desenvolver sua marca?
 Sua presença será apenas online?
É preciso traçar um plano, estabelecer metas, definir as etapas e as
 Você pode criar um evento, um grupo, um meio de
estratégias, determinar cada passo e quanto tempo despenderá em
disseminar os valores que busca desenvolver?
cada momento.
 O que vai oferecer para atrair seguidores, alcançar fãs e
conseguir vendas ou adeptos?
Então, mãos à obra.
 Você pode sustentar esse projeto? Com que valores? Por
Defina e anote sua meta em longo prazo e estabeleça seus objetivos em
quanto tempo?
prazos menores.
 Qual será sua estratégia para entregar conteúdo de valor
para realmente fazer a diferença na vida das pessoas?
Pense no que necessita para atingir cada um. Seja realista. Deseje algo
alcançável, possível de ser conseguido com os meios que você mesma
Respondida todas as questões e estabelecido o plano está na hora de
pode desenvolver.
começar a realização.
Escreva sua história e defina os motivos para realizar essa jornada.
É importante lembrar que todo negócio – e sua marca é um negócio –
demora um tempo para se consolidar, se firmar, se manter.
Encontre pessoas que podem ajudá-la. Anote quem e o que cada um
pode contribuir com você.
Revise periodicamente o processo, procurando ver se sua construção
está crescendo, para corrigir os rumos, se necessário.
Descubra e anote todas as suas qualidades, habilidades, competências,
valores.
Cuide para que sua marca esteja refletindo exatamente o seu propósito
de vida, pois nenhum negócio se sustenta se não oferecer valor real e
Estabeleça a sua singularidade:
fizer diferença na vida das pessoas que apostaram nele.
 O que você faz ou pensa que merece ser compartilhado?
E lembre-se: você é a sua marca! Comece a apostar nela!
 Porque alguém prestará atenção em você e não alguém que
já está mercado?
 Qual a sua contribuição especial e única?
Vamos ao plano!

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________
________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

________________________________________________________ ________________________________________________________

Você também pode gostar