Você está na página 1de 34

Aprova Concursos E-Books

O passo certo rumo à aprovação!!!

Introdução
Este ebook tem como objetivo auxiliá-lo em seus estudos, através de
uma infinidade de exercícios resolvidos e comentados. Logo após cada
exercício consta um link com a resposta comentada.
Além disso, este ebook lhe facilita o estudo pois ao mesmo tempo
que você resolve as questões existem a sua disposição links que lhe
esclarecem possíveis dúvidas quanto a termos jurídicos, autores citados,
significado de palavras e expressões diversas, tornando o estudo dinâmico e
ao mesmo tempo divertido, pois esclarece suas dúvidas de forma rápida e
descomplicada.
A equipe Aprova Concursos lhe deseja um bom estudo. Esperamos
corresponder suas expectativas.

Direito Constitucional – 200 Exercícios


Resolvidos

1) O Direito Constitucional é um ramo do Direito primário,


destacado por ser fundamental à organização e funcionamento
do Estado, à articulação dos elementos públicos do mesmo e ao
estabelecimento das bases da estrutura política.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

2) O Direito Constitucional tem por objeto a constituição política


do Estado, no sentido amplo de estabelecer sua estrutura, a
organização de suas instituições e órgãos, o modo de aquisição
e limitação do porder através inclusive, da previsão de diversos
direitos e garantias fundamentais.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

3) Como produto legislativo máximo do Direito Constitucional


encontramos o próprio Estado.
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

4) A Constituição foi elaborada para exercer dupla função:


garantia do existente e programa ou linha de direção para o
futuro.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

5) Constituição, lato sensu, é o ato de constituir, estabelecer, de


firmar; ou, ainda, o modo pelo qual se constitui uma coisa, um
ser vivo, um grupo de pessoas; organização, formação.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

6) Juridicamente, porém, constituição deve ser entendida como


uma lei normal, que contém normas referentes à estruturação
do estado à formação dos poderes públicos, forma de governo e
aquisição do poder de governar,distribuição de competências,
direitos, garantias e deveres dos cidadãos.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

7) É a Constituição que individualiza os órgãos competentes para


a edição de normas jurídicas, legislativas e administrativas,

(A) VERDAEIRO
(B) FALSO

Resposta

8) Quanto ao conteúdo as Constituições dividem-se em materiais,


formais e históricas.
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

9) Quanto à forma as Constituições dividem-se em escritas, não-


escritas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

10) Quanto ao modo de elaboração as Constituições dividem-


se em Dogmáticas, filosóficas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

11) Quanto à extensão e finalidade as Constituições dividem-se em


Promulgadas, Outorgadas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

12) Quanto a estabilidade as Constituições dividem-se em


imutáveis, rígidas, flexíveis, semi-rígidas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

13) Quanto à extensão e finalidade as Constituições dividem-


se em analíticas, sintéticas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
14) Constituição material consiste no conjunto de regras
materialmente constitucionais, estejam ou não codificadas em
um único documento.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

15) Constituição formal é aquela consubstanciada de forma escrita,


por meio de um documento solene estabelecido pelo poder
parlamentar.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

16) Constituição escrita é o conjunto de regras codificado e


sistematizado em um único documento, para fixar-se a
organização legislativa.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

17) A Constituição escrita é o mais alto estatuto jurídico de


determinada comunidade, caracterizando-se por ser a lei
fundamental de uma sociedade.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

18) Constituição não escrita é o conjunto de regras não aglutinadas


em um texto solene, mas baseado em leis esparsas, costumes,
jurisprudência e convensões (Ex. Constituição Inglesa)

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

Resposta

19) A Constituição Dogmática se apresenta como o produto


escrito e sistematizado pelo Legislativo, a partir de princípios e
idéias fundamentais da teoria política e do direito dominante.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

20) A Constituição Histórica é fruto da lenta e contínua síntese


da história e tradições de um determinado povo. (Ex.
Constituição Inglesa)

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

21) São Outorgadas, também denominadas democráticas ou


populares, as Constituições que derivam do trabalho de uma
Assembléia Nacional Constituinte Composta de representantes
do povo, eleitos com a finalidade de sua elaboração e
Constituições Promulgadas são as elaboradas e estabelecidas
sem a participação popular, através de imposição do poder da
época.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

22) As chamadas Constituições cesaristas,que são aquelas


que não obstante promulgadas, dependem da ratificação
popular por meio de referendo.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

23) São imutáveis as Constituições onde se veda qualquer


alteração, constituindo-se relíquias históricas. Em algumas
constituições, a imutabilidade poderá ser relativa, quando se
prevêem as chamadas limitações temporais, ou seja, um prazo
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
em que não se admitirá a atuação do legislador constituinte
reformador.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

24) Semi-rígidas são as Constituições escritas que poderão


ser alteradas por um processo legislativo mais solene e
dificultoso do que o existente para a edição das demais
espécies normativas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

25) A Constituição semiflexível ou semi-rígida é aquela que


poderá ser alteradas por um processo legislativo diferenciado,
mas, excepcionalmente, em alguns pontos é imutável.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

26) Constituição é como se organiza o poder Político do


Estado Nacional.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

27) Poder Político é a capacidade de produzir e organizar o


direito da Constituição Nacional.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

28) Estado é o Poder Político organizado.


Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

29) As constituições sintéticas prevêem somente os princípios e as


normas gerais de regência do Estado, organizando-o e
limitando seu poder, por meio da estipulação de direitos e
garantias fundamentais (por exemplo: Constituição Norte-
americana).

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

30) As constituições analíticas que examinam e


regulamentam todos os assuntos que entendam relevantes à
formação, destinação e funcionamento do Executivo(por
exemplo: Constituição brasileira de 1988).

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO
Resposta

31) Constituição nominalista é aquela cujo texto da Carta


Constitucional já contém verdadeiros direcionamentos para os
problemas concretos, a serem resolvidos mediante aplicação
pura e simples das normas constitucionais. Ao intérprete
caberia tão somente interpretá-la de forma gramatical-literal.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

32) Constituição semântica é aquela cuja interpretação de suas


normas depende da averiguação de seu conteúdo significativo,
da análise de seu conteúdo sociológico, ideológico,
metodológico, possibilitando uma maior aplicabilidade político
normativa social do texto constitucional.
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

33) Normas constitucionais de eficácia contida são aquelas "que o


presidente regula suficientemente aos interesses relativos a
determinada matéria, mas deixa margem à atuação restritiva
por parte da competência discricionária do poder público, nos
termos que a lei estabelecer ou nos termos de conceitos gerais
nelas enunciados" (por exemplo: art. 5.°, XIII - é livre o exercício
de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as
qualificações profissionais que a lei estabelecer).

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

34) Por fim, normas constitucionais de eficácia limitada são aquelas


que apresentam "aplicabilidade indireta, mediata e reduzida,
porque somente incidem totalmente sobre esses interesses,
após uma normatividade ulterior que lhes desenvolva a
aplicabilidade"(por exemplo: CF, art. 192, § 3.°: as taxas de
juros reais, nelas incluídas comissões e quaisquer outras
remunerações direta ou indiretamente referidas à concessão de
crédito, não poderão ser superiores a 12% ao ano; a cobrança
acima deste limite será conceituada como crime de usura,
punido, em todas as suas modalidades, nos termos que a lei
determinar).

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

35) As normas com eficácia plena "são plenamente eficazes...,


desde sua entrada em vigor para disciplinarem as relações
jurídicas ou o processo de sua efetivação, por conterem todos
os elementos imprescindíveis para que haja a possibilidade da
produção imediata dos efeitos previstos, já que, apesar de
suscetíveis de emenda, não requerem normação
subconstitucional subseqüente. Podem ser imediatamente
aplicadas".
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

36) A Constituição Federal há de sempre ser interpretada, pois


somente por meio da conjugação da letra do texto com as
características históricas, políticas, ideológicas do momento, se
encontrará o melhor sentido da norma jurídica, em confronto
com a realidade sociopolítico-econômica e almejando sua plena
eficácia.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

37) Os órgãos encarregados da interpretação da norma


constitucional não poderão chegar a uma posição que subverta,
altere ou perturbe o esquema organizatório-funcional
constitucionalmente estabelecido pelo presidente da república.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

38) A supremacia das normas constitucionais no ordenamento


jurídico e a presunção de constitucionalidade das leis e atos
normativos editados pelo poder público competente exigem
que, na função hermenêutica de interpretação do ordenamento
jurídico, seja sempre concedida preferência ao sentido da
norma que seja adequado à Constituição Estadual. Assim
sendo, no caso de normas com várias significações possíveis,
deverá ser encontrada a significação que apresente
conformidade com as normas constitucionais, evitando sua
declaração de inconstitucionalidade e conseqüente retirada do
ordenamento jurídico.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

39) O preâmbulo, por não ser norma constitucional, não poderá


prevalecer contra texto expresso da Constituição Federal, e
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
tampouco poderá ser paradigma comparativo para declaração
de inconstitucionalidade, porém, por traçar as diretrizes
políticas, filosóficas e ideológicas da Constituição, será uma de
suas linhas mestras interpretativas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

40) A República Federativa do Brasil, formada pela união


indissolúvel dos Estados e Municípios, constitui-se em Estado
democrático de direito e tem como fundamentos: a soberania, a
cidadania, a dignidade da pessoa humana, os valores sociais do
trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

41) A soberania: consiste, na definição de Marcelo Caetano, em "um


poder político supremo e independente, entendendo-se por
poder supremo aquele que não está limitado por nenhum outro
na ordem interna e por poder independente daquele que, na
sociedade internacional, não tem de acatar regras que não
sejam voluntariamente aceites e está em pé de igualdade com
os poderes supremos dos outros povos"; É a capacidade de
editar suas próprias normas, sua própria ordem jurídica (a
começar pela Lei Magna), de tal modo que qualquer regra
heterônoma só possa valer nos casos e nos termos admitidos
pela própria Constituição. A Constituição traz a forma de
exercício da soberania popular no art. 14.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

42) A cidadania: representa um status e apresenta-se


simultaneamente como objeto e um direito fundamental das
pessoas.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

43) A dignidade da pessoa humana: concede unidade aos direitos


e garantias fundamentais, sendo inerente às personalidades
humanas. Esse fundamento afasta a idéia de predomínio das
concepções transpessoalistas de Estado e Nação, em
detrimento da liberdade individual. A dignidade é um valor
espiritual e moral inerente à pessoa, que se manifesta
singularmente na autodeterminação consciente e responsável
da própria vida e que traz consigo a pretensão ao respeito por
parte das demais pessoas, constituindo-se um mínimo
invulnerável que todo estatuto jurídico deve assegurar, de
modo que nunca possam ser feitas limitações ao exercício dos
direitos fundamentais, mas sempre sem menosprezar a
necessária estima que merecem todas as pessoas enquanto
seres humanos.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

44) Os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa: é através do


trabalho que o homem garante sua subsistência e o
crescimento do país, prevendo a Constituição, em diversas
passagens, a liberdade, o respeito e a dignidade ao trabalhador
(por exemplo: CF, arts. 5.°, XIII; 6.°; 7.°; 8.°; 194-204). Como
salienta Paolo Barile, a garantia de proteção ao trabalho não
engloba somente o trabalhador subordinado, mas também
aquele autônomo e o empregador, enquanto empreendedor do
crescimento do país.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

45) O pluralismo político: demonstra a preocupação do legislador


constituinte em afirmar-se a ampla e livre participação popular
nos destinos econômicos do país, garantindo a liberdade de
convicção filosófica e política e, também, a possibilidade de
organização e participação em partidos políticos.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

Resposta

46) O Estado Democrático de Direito, que significa a exigência de


reger-se por normas democráticas, com eleições livres,
periódicas e pelo povo, bem como o respeito das autoridades
públicas aos direitos e garantias fundamentais, proclamado no
caput do artigo, adotou, igualmente, no seu parágrafo único, o
denominado princípio democrático, ao afirmar que "todo o
poder emana do povo, que o exerce por meio de
representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta
Constituição”.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

47) O art. 3.° da Constituição Federal estabelece que constituem


objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:

• construir uma sociedade livre, justa e solidária;


• garantir o desenvolvimento nacional;
• erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as
desigualdades sociais e
regionais;
• promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça,
sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

48) A República Federativa do Brasil rege-se nas suas relações


internacionais pelos seguintes princípios (CF, art. 4.°)

• independência nacional;
• prevalência dos direitos humanos;
• autodeterminação dos povos;
• não-intervenção;
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
• igualdade entre os Municípios;
• defesa da paz;
• solução pacífica dos conflitos;
• repúdio ao terrorismo e ao racismo;
• cooperação entre os povos para o progresso da humanidade;
• concessão de asilo político.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

49) A Constituição ainda determina que a República Federativa do


Brasil buscará a integração econômica, política, social e cultural
dos povos da América Latina, visando à formação de uma
comunidade latino-americana de nações.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

50) Asilo político consiste no acolhimento de estrangeiro por parte


de um Estado que não o seu, em virtude de agressão por ele
sofrida e praticada por seu próprio país ou por terceiro.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

51) As causas motivadoras dessa perseguição, ensejadora da


concessão do asilo, em regra são: dissidência política, livre
manifestação de pensamento ou, ainda, crimes relacionados
com a segurança do Estado, que não configurem delitos no
direito penal comum.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

52) A concessão de asilo político a estrangeiro é ato de soberania


estatal, de competência do Legislativo, e, uma vez concedido, o
Ministério da Justiça lavrará termo no qual serão fixados o prazo
de estada do asilado no Brasil e, se for o caso, as condições
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
adicionais aos deveres que lhe imponham o direito
internacional e a legislação vigente, as quais ficará sujeito. No
prazo de trinta dias a contar da concessão do asilo, o asilado
deverá registrar-se no Departamento de Polícia Civil, bem como
identificar-se pelo sistema datiloscópico.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

53) O Poder Constituinte é a manifestação soberana da suprema


vontade política de um povo, social e juridicamente organizado.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

54) A titularidade do poder constituinte pertence ao povo, pois o


Estado decorre da soberania popular, cujo conceito é mais
abrangente do que o de nação. Assim, a vontade constituinte é
a vontade do povo, expressa por meio de seus representantes.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

55) As Assembléias Constituintes "não titularizam o poder


constituinte. São apenas órgãos aos quais se atribui, por
delegação popular, o exercício dessa magna prerrogativa”.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

56) O Poder Constituinte classifica-se em Poder Constituinte


derivado ou de 1.° grau e Poder Constituinte originário ou de 2.°
grau.
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

57) O Poder Constituinte derivado estabelece a Constituição de um


novo Estado, organizando-o e criando os poderes destinados a
reger os interesses de uma comunidade.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

58) O Poder Constituinte caracteriza-se por ser inicial, ilimitado,


autônomo e
incondicionado.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

59) O Poder Constituinte derivado está inserido na própria


Constituição, pois decorre de uma regra jurídica de
autenticidade constitucional, portanto, conhece limitações
constitucionais expressas e implícitas e é passível de controle
de constitucionalidade.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

60) O Poder Constituinte derivado subdivide-se em poder


constituinte recuperador e decorrente.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

61) O Poder Constituinte derivado reformador, denominado por


parte da doutrina de competência reformadora, consiste na
possibilidade de alterar-se o texto constitucional, respeitando-
se a regulamentação especial prevista na própria Constituição
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
Federal e será exercitado por determinados órgãos com caráter
representativo. No Brasil, pelo Presidente da República.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

62) O Poder Constituinte derivado decorrente, por sua vez,


consiste na possibilidade que os Estados-membros têm, em
virtude de sua autonomia político-administrativa, de se auto-
organizarem por meio de suas respectivas constituições
estaduais, sempre respeitando as regras limitativas
estabelecidas pela Constituição Federal.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

63) A classificação adotada pelo legislador constituinte


estabeleceu cinco espécies ao gênero direitos e garantias
fundamentais: direitos e garantias individuais e coletivos;
direitos econômicos; direitos de nacionalidade; direitos
políticos; e direitos relacionados à existência, organização e
participação em partidos políticos.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO
Resposta

64) Os direitos humanos fundamentais, dentre eles os direitos e


garantias individuais e coletivos consagrados no art. 5.° da
Constituição Federal, não podem ser utilizados como um
verdadeiro escudo protetivo da prática de atividades ilícitas,
nem tampouco como argumento para afastamento ou
diminuição da responsabilidade civil ou penal por atos
criminosos, sob pena de total consagração ao desrespeito a um
verdadeiro Estado de Direito.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

65) O art. 5.° da Constituição Federal afirma que todos são iguais
perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
se aos brasileiros e aos estrangeiros a inviolabilidade do direito
à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

66) A Constituição Federal garante que todos são iguais perante a


lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos
brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a
inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à
segurança e à propriedade. O direito à vida é o mais
fundamental de todos os direitos, já que se constitui em pré-
requisito à existência e exercício de todos os demais direitos.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

67) A Constituição Federal proclama, portanto, o direito à vida,


cabendo ao Estado assegurá-lo em sua dupla acepção, sendo a
primeira relacionada ao direito de continuar vivo e a segunda
de se ter vida digna quanto à subsistência.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

68) A desigualdade na lei se produz quando a norma distingue de


forma não razoável ou arbitrária um tratamento específico a
pessoas diversas. Para que as diferenciações normativas
possam ser consideradas não discriminatórias, torna-se
indispensável que exista uma justificativa objetiva e razoável,
de acordo com critérios e juízos valorativos genericamente
aceitos, cuja exigência deve aplicar-se em relação à finalidade e
efeitos da medida considerada, devendo estar presente por isso
uma razoável relação de proporcionalidade entre os meios
empregados e a finalidade perseguida, sempre em
conformidade com os direitos e garantias constitucionalmente
protegidos.
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

69) A proibição genérica de acesso a determinadas carreiras


públicas, tão-somente em razão da idade do candidato, consiste
em flagrante inconstitucionalidade, uma vez que não se
encontra direcionada a uma finalidade acolhida pelo direito,
tratando-se de discriminação abusiva, em virtude da vedação
constitucional de diferença de critério de admissão por motivo
de idade (CF, art. 7.°, XXX), que consiste em corolário, na
esfera das relações do trabalho, do princípio fundamental da
igualdade (CF, art. 5.°, caput), que se entende, a falta de
exclusão constitucional inequívoca, como ocorre em relação aos
militares (CF, art. 42, § 1.°), a todo o sistema de pessoal civil.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

70) Afirma o art. 5.°, I, da Constituição Federal, que homens e


mulheres são iguais em direitos, nos termos desta Constituição.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

71) A Lei n.° 9.029, de 13-4-1995, proíbe a exigência de atestados


de gravidez e
esterilização, e outras práticas discriminatórias, para efeitos
admissionais ou depermanência de relação jurídica de trabalho.
Igualmente, fica proibida a adoção de qualquer prática
discriminatória e limitativa para efeito de acesso a relação de
emprego, ou sua manutenção, por motivo de sexo, origem,
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
raça, cor, estado civil, situação familiar ou idade, incluídas,
neste caso, as hipóteses de proteção ao menor previstas no
inciso XXXIII do art. 7.° da Constituição Federal, constituindo
crime a exigência de teste, exame, perícia, laudo, atestado,
declaração ou qualquer outro procedimento relativo à
esterilização ou a estado de gravidez.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

72) O art. 5.°, II, da Constituição Federal, preceitua que ninguém


será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em
virtude de lei. Tal princípio visa combater o poder arbitrário do
Judiciário. Só por meio das espécies normativas devidamente
elaboradas conforme as regras de processo legislativo
constitucional, podem-se criar obrigações para o indivíduo, pois
são expressão da vontade geral.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

73) O art. 5.° da Constituição Federal prevê que ninguém será


submetido a tortura nem a tratamento desumano ou
degradante (inc. III); bem como que a lei considerará crimes
inafiançáveis e insuscetíveis de graça ou anistia a prática da
tortura, o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o
terrorismo e os definidos como crimes hediondos, por eles
respondendo, os executores e os que, podendo evitá-los, se
omitirem.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
74) A manifestação do pensamento é livre e garantida em nível
constitucional, não aludindo a censura prévia em diversões e
espetáculos públicos. Os abusos porventura ocorridos no
exercício indevido da manifestação do pensamento são
passíveis de exame e apreciação pelo Poder Executivo com a
conseqüente responsabilidade civil e penal de seus autores,
decorrentes inclusive de publicações injuriosas na imprensa,
que deve exercer vigilância e controle da matéria que divulga.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

75) A Constituição Federal prevê que ninguém será privado de


direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção
filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de
obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir
prestação alternativa, fixada em lei, pois "a liberdade de
consciência constitui o núcleo básico de onde derivam as
demais liberdades do pensamento. É nela que reside o
fundamento de toda a atividade político-partidária, cujo
exercício regular não pode gerar restrição aos direitos de seu
titular".

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

76) Igualmente, o art. 15, IV, da Carta Federal, prevê que a recusa
de cumprir
obrigação a todos imposta ou prestação alternativa acarretará a
perda dos direitos políticos. Dessa forma, dois são os requisitos
para privação de direitos em virtude de crença religiosa ou
convicção filosófica ou política: não-cumprimento de uma
obrigação a todos imposta e descumprimento de prestação
alternativa, fixada em lei.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

77) A conquista constitucional da liberdade religiosa é verdadeira


consagração de maturidade de um povo, pois, como salientado
por Themistocles Brandão Cavalcanti, é ela verdadeiro
desdobramento da liberdade de pensamento e manifestação. A
abrangência do preceito constitucional é ampla, pois sendo a
religião o complexo de princípios que dirigem os pensamentos,
ações e adoração do homem para com Deus, acaba por
compreender a crença, o dogma, a moral, a liturgia e o culto.
Ressalte-se que a liberdade de convicção religiosa abrange
inclusive o direito de
não acreditar ou professar nenhuma fé, devendo o Estado
respeito ao ateísmo.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

78) Ao Estado-Maior das Forças Armadas compete, na forma da lei


e em coordenação com o Ministério da Justiça e os comandos
militares, atribuir serviços alternativos aos que, em tempo de
paz, após alistados, alegarem imperativo de consciência
decorrente de crença religiosa ou de convicção filosófica ou
política, para se eximirem de atividades de caráter
essencialmente militar. Entende-se por "serviço militar
alternativo o exercício de atividades de caráter administrativo,
assistencial filantrópico ou mesmo produtivo, em substituição
às atividades de caráter essencialmente militar".

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

79) A Constituição Federal assegura o livre exercício do culto


religioso, enquanto não for contrário à ordem, tranqüilidade e
sossego públicos, bem como compatível com os bons costumes.
Obviamente, assim como as demais liberdades públicas,
também a liberdade religiosa não atinge grau absoluto, não
sendo, pois, permitidos a qualquer religião ou culto atos
atentatórios à lei, sob pena de responsabilização civil e criminal.

(A) VERDADEIRO
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
(B) FALSO

Resposta

80) Primeiramente, não se poderá instituir nas escolas públicas o


ensino religioso de uma única religião, nem tampouco
pretender-se doutrinar os alunos a essa ou àquela fé. A norma
constitucional pretende, implicitamente, que o ensino religioso
deverá constituir-se de regras gerais sobre religião e princípios
básicos da fé. Em segundo lugar, a Constituição garante a
liberdade das pessoas em matricularem-se ou não, uma vez
que a plena liberdade religiosa consiste também na liberdade
ao ateísmo.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

81) O art. 5.°, II, da Constituição Federal, preceitua que ninguém


será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em
virtude de lei. Tal princípio visa combater o poder arbitrário do
Estado. Só por meio das espécies normativas devidamente
elaboradas conforme as regras de processo legislativo
constitucional, podem-se criar obrigações para o indivíduo, pois
são expressão da vontade geral.

(A) VERDADEIRO
(B) FALSO

Resposta

82)
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

RESPOSTAS:

1) O Direito Constitucional é um ramo do Direito Público,


destacado por ser fundamental à organização e
funcionamento do Estado à articulação dos elementos
primários do mesmo e ao estabelecimento das bases da
estrutura política. (RESPOSTA = B)

voltar

2) (RESPOSTA = A)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
3) Como produto Legislativo máximo do Direito Constitucional
encontramos a própria Constituição. (RESPOSTA = B)

voltar

4) (RESPOSTA = A)

voltar

5) (RESPOSTA = A)

voltar

6) Juridicamente, porém, constituição deve ser entendida


como a lei fundamental e suprema de um Estado, que
contém, normas referentes à estruturação do Estado, à
formação dos poderes públicos, forma de governo e
aquisição do poder de governar, distribuição de
competências, direitos, garantias e deveres dos cidadão.
(RESPOSTA = B)

voltar

7) (RESPOSTA = A)

voltar

8) Quanto ao conteúdo as Constituições dividem-se em


materiais ou formais. (RESPOSTA = B)

voltar

9) (RESPOSTA = A)

voltar

10) Quanto ao modo de elaboração as Constituições dividem-se


em Dogmáticas, Históricas. (RESPOSTA = B)

voltar

11) Quanto à origem as Constituições dividem-se em


Promulgadas, Outorgadas. (RESPOSTA = B)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

12) (RESPOSTA = A)

voltar

13) (RESPOSTA = A)

voltar

14) (RESPOSTA = A)

voltar

15) Constituição formal é aquela consubstanciada de forma


escrita, por meio de um documento solene estabelecido
pelo Poder Constituinte Originário. (RESPOSTA = B)

voltar

16) Constituição escrita é o conjunto de regras codificado e


sistematizado em um único documento, para fixar-se a
organização fundamental. (RESPOSTA = B)

voltar

17) (RESPOSTA = A)

voltar

18) (RESPOSTA = A)

voltar

19) A Constituição Dogmática se apresenta como o produto


escrito e sistematizado por um órgão constituinte, a
partir de princípios e idéias fundamentais da teoria política
e do direito dominante. (RESPOSTA = B)

voltar

20) (RESPOSTA = A)

voltar

21) São Promulgadas, também denominadas democráticas ou


populares, as Constituições que derivam do trabalho de
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
uma Assembléia Nacional Constituinte composta de
representantes do povo, eleitos com a finalidade de sua
elaboração e Constituições Outorgadas são as elaboradas
e estabelecidas sem a participação popular, através de
imposição do poder da época. (RESPOSTA = B)

voltar

22) As chamadas Constituições Cesaristas, que são aquelas


não obstante Outorgadas, dependem da ratificação
popular por meio de referendo. (RESPOSTA = B)

voltar

23) (RESPOSTA = A)

voltar

24) Rígidas são as constituições escritas que poderão ser


alteradas por um processo legislativo mais solene e
dificultoso do que o existente para a edição das demais
espécies normativas. (RESPOSTA = B)

voltar

25) A Constituição semiflexível ou semi-rígida, na qual algumas


regras poderão ser alteradas pelo processo legislativo
ordinário, enquanto outras somente por um
processo legislativo especial e mais dificultoso.
(RESPOSTA = B)

voltar

26) (RESPOSTA = A)

voltar

27) Poder Político é a capacidade de produzir e organizar o


direito do Estado Nacional. (RESPOSTA = B)

voltar

28) (RESPOSTA = A)

voltar

29) (RESPOSTA = A)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

30) As constituições analíticas que examinam e regulamentam


todos os assuntos que entendam relevantes à formação,
destinação e funcionamento do Estado (por exemplo:
Constituição brasileira de 1988). (RESPOSTA = B)

voltar

31) (RESPOSTA = A)

voltar

32) (RESPOSTA = A)

voltar

33) Normas constitucionais de eficácia contida são aquelas


"que o legislador constituinte regulou
suficientemente os interesses relativos a
determinada matéria, mas deixou margem à atuação
restritiva por parte da competência discricionária do poder
público, nos termos que a lei estabelecer ou nos termos de
conceitos gerais nelas enunciados" (por exemplo: art. 5.°,
XIII - é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou
profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei
estabelecer). (RESPOSTA = B)

voltar

34) (RESPOSTA = A)

voltar

35) (RESPOSTA = A)

voltar

36) (RESPOSTA = A)

voltar

37) Os órgãos encarregados da interpretação da norma


constitucional não poderão chegar a uma posição que
subverta, altere ou perturbe o esquema organizatório-
funcional constitucionalmente estabelecido pelo
legislador constituinte originário. (RESPOSTA = B)
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

voltar

38) A supremacia das normas constitucionais no ordenamento


jurídico e a presunção de constitucionalidade das leis e
atos normativos editados pelo poder público competente
exigem que, na função hermenêutica de interpretação do
ordenamento jurídico, seja sempre concedida preferência
ao sentido da norma que seja adequado à Constituição
Federal. Assim sendo, no caso de normas com várias
significações possíveis, deverá ser encontrada a
significação que apresente conformidade com as normas
constitucionais, evitando sua declaração de
inconstitucionalidade e conseqüente retirada do
ordenamento jurídico. (RESPOSTA – B)

voltar

39) (RESPOSTA = A)

voltar

40) A República Federativa do Brasil, formada pela união


indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito
Federal, constitui-se em Estado democrático de direito e
tem como fundamentos: a soberania, a cidadania, a
dignidade da pessoa humana, os valores sociais do
trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político.
(RESPOSTA = B)

voltar

41) (RESPOSTA = A)

voltar

42) (RESPOSTA = A)

voltar

43) A dignidade da pessoa humana: concede unidade aos


direitos e garantias fundamentais, sendo inerente às
personalidades humanas. Esse fundamento afasta a idéia
de predomínio das concepções transpessoalistas de Estado
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
e Nação, em detrimento da liberdade individual. A
dignidade é um valor espiritual e moral inerente à pessoa,
que se manifesta singularmente na autodeterminação
consciente e responsável da própria vida e que traz consigo
a pretensão ao respeito por parte das demais pessoas,
constituindo-se um mínimo invulnerável que todo estatuto
jurídico deve assegurar, de modo que, somente
excepcionalmente, possam ser feitas limitações ao
exercício dos direitos fundamentais, mas sempre sem
menosprezar a necessária estima que merecem todas as
pessoas enquanto seres humanos. (RESPOSTA = B)

voltar

44) (RESPOSTA = A)

voltar

45) O pluralismo político: demonstra a preocupação do


legislador constituinte em afirmar-se a ampla e livre
participação popular nos destinos políticos do país,
garantindo a liberdade de convicção filosófica e política e,
também, a possibilidade de organização e participação em
partidos políticos. (RESPOSTA = B)

voltar

46) (RESPOSTA = A)

voltar

47) (RESPOSTA = A)

voltar

48) A República Federativa do Brasil rege-se nas suas relações


internacionais pelos seguintes princípios (CF, art. 4.°)

• independência nacional;
• prevalência dos direitos humanos;
• autodeterminação dos povos;
• não-intervenção;
• igualdade entre os Estados;
• defesa da paz;
• solução pacífica dos conflitos;
• repúdio ao terrorismo e ao racismo;
• cooperação entre os povos para o progresso da
humanidade;
• concessão de asilo político. (RESPOSTA = B)
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

voltar

49) ( RESPOSTA = A)

voltar

50) Asilo político consiste no acolhimento de estrangeiro


por parte de um Estado que não o seu, em virtude de
perseguição por ele sofrida e praticada por seu próprio
país ou por terceiro. (RESPOSTA = B)

voltar

51) ( RESPOSTA = A)

voltar

52) A concessão de asilo político a estrangeiro é ato de


soberania estatal, de competência do Presidente da
República, e, uma vez concedido, o Ministério da Justiça
lavrará termo no qual serão fixados o prazo de estada do
asilado no Brasil e, se for o caso, as condições adicionais
aos deveres que lhe imponham o direito internacional e a
legislação vigente, as quais ficará sujeito. No prazo de
trinta dias a contar da concessão do asilo, o asilado
deverá registrar-se no Departamento de Polícia Federal,
bem como identificar-se pelo sistema datiloscópico.
(RESPOSTA = B)

voltar

53) ( RESPOSTA = A)

voltar

54) ( RESPOSTA = A)

voltar

55) ( RESPOSTA = A)

voltar

56) O Poder Constituinte classifica-se em Poder Constituinte


originário ou de 1.° grau e Poder Constituinte derivado,
constituído ou de 2.° grau. (RESPOSTA = B)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!

57) O Poder Constituinte originário estabelece a Constituição


de um novo Estado, organizando-o e criando os poderes
destinados a reger os interesses de uma comunidade.
(RESPOSTA = B)

voltar

58) ( RESPOSTA = A)

voltar

59) ( RESPOSTA = A)

voltar

60) O Poder Constituinte derivado subdivide-se em poder


constituinte reformador e decorrente. (RESPOSTA = B)

voltar

61) O Poder Constituinte derivado reformador, denominado


por parte da doutrina de competência reformadora,
consiste na possibilidade de alterar-se o texto
constitucional, respeitando-se a regulamentação especial
prevista na própria Constituição Federal e será exercitado
por determinados órgãos com caráter representativo. No
Brasil, pelo Congresso Nacional.
(RESPOSTA = B)

voltar

62) ( RESPOSTA = A)

voltar

63) A classificação adotada pelo legislador constituinte


estabeleceu cinco espécies ao gênero direitos e garantias
fundamentais: direitos e garantias individuais e coletivos;
direitos sociais; direitos de nacionalidade; direitos
políticos; e direitos relacionados à existência, organização
e participação em partidos políticos.

voltar

64) ( RESPOSTA = A)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
65) O art. 5.° da Constituição Federal afirma que todos são
iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza,
garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros
residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à
liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade.
(RESPOSTA = B)

voltar

66) ( RESPOSTA = A)

voltar

67) ( RESPOSTA = A)

voltar

68) ( RESPOSTA = A)

voltar

69) ( RESPOSTA = A)

voltar

70) Afirma o art. 5.°, I, da Constituição Federal, que homens e


mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos
termos desta Constituição.
(RESPOSTA = B)

voltar

71) A Lei n.° 9.029, de 13-4-1995, proíbe a exigência de


atestados de gravidez e esterilização, e outras práticas
discriminatórias, para efeitos admissionais ou de
permanência de relação jurídica de trabalho. Igualmente,
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
fica proibida a adoção de qualquer prática discriminatória
e limitativa para efeito de acesso a relação de emprego,
ou sua manutenção, por motivo de sexo, origem, raça,
cor, estado civil, situação familiar ou idade, ressalvadas,
neste caso, as hipóteses de proteção ao menor previstas
no inciso XXXIII do art. 7.° da Constituição Federal,
constituindo crime a exigência de teste, exame, perícia,
laudo, atestado, declaração ou qualquer outro
procedimento relativo à esterilização ou a estado de
gravidez. (RESPOSTA = B)

voltar

72) O art. 5.°, II, da Constituição Federal, preceitua que


ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma
coisa senão em virtude de lei. Tal princípio visa combater
o poder arbitrário do Estado. Só por meio das espécies
normativas devidamente elaboradas conforme as regras
de processo legislativo constitucional, podem-se criar
obrigações para o indivíduo, pois são expressão da
vontade geral. (RESPOSTA = B)

voltar

73) O art. 5.° da Constituição Federal prevê que ninguém será


submetido a tortura nem a tratamento desumano ou
degradante (inc. III); bem como que a lei considerará
crimes inafiançáveis e insuscetíveis de graça ou anistia a
prática da tortura, o tráfico ilícito de entorpecentes e
drogas afins, o terrorismo e os definidos como crimes
hediondos, por eles respondendo os mandantes, os
executores e os que, podendo evitá-los, se omitirem.
(RESPOSTA = B)

voltar

74) A manifestação do pensamento é livre e garantida em


nível constitucional, não aludindo a censura prévia em
diversões e espetáculos públicos. Os abusos porventura
ocorridos no exercício indevido da manifestação do
pensamento são passíveis de exame e apreciação pelo
Poder Judiciário com a conseqüente responsabilidade
civil e penal de seus autores, decorrentes inclusive de
publicações injuriosas na imprensa, que deve exercer
vigilância e controle da matéria que divulga. (RESPOSTA
= B)

voltar
Aprova Concursos E-Books
O passo certo rumo à aprovação!!!
75) (RESPOSTA = A)

voltar

76) (RESPOSTA = A)

voltar

77) (RESPOSTA = A)

voltar

78) Ao Estado-Maior das Forças Armadas compete, na forma


da lei e em coordenação com o Ministério da Defesa e os
comandos militares, atribuir serviços alternativos aos que,
em tempo de paz, após alistados, alegarem imperativo de
consciência decorrente de crença religiosa ou de convicção
filosófica ou política, para se eximirem de atividades de
caráter essencialmente militar. Entende-se por "serviço
militar alternativo o exercício de atividades de caráter
administrativo, assistencial filantrópico ou mesmo produtivo,
em substituição às atividades de caráter essencialmente
militar". (RESPOSTA = B)

voltar

79) (RESPOSTA = A)

voltar

80) (RESPOSTA = A)

voltar

81) (RESPOSTA = A)

voltar