Você está na página 1de 6

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E

TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

Orientador: Emirvalton de Souza Miranda


Aluno: Afonso de Carvalho Pinheiro

_________________________________________________________________________________
Resumo
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E
TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

1.
Realizar uma pesquisa efetuando um resumo sobre o princípio de funcionamento
dos instrumentos de medição de grandezas elétricas do tipo: Ferro Móvel,
Bobina Móvel, Bobinas Cruzadas, Eletrodinâmico, Eletrostático e Ressonante.
Esse resumo poderá ser feito de forma manuscrita ou digitada. Anexando aqui o
trabalho desenvolvido.

Os aparelhos de medidas elétricas são instrumentos que fornecem


uma avaliação da grandeza elétrica, fundamentadas basicamente
em efeitos reativos provocados e aplicáveis, tais como: forças
eletromagnéticas, forças eletrostáticas, efeito Joule, efeito da
temperatura na resistência, o que nos leva a 6 tipos de
equipamentos medição elétrica que iremos discutir nesse resumo,
são eles, Ferro Móvel, Bobina Móvel, Bobinas Cruzadas,
Eletrodinâmico, Eletrostático e Ressonante.Com base nisso
podemos dizer por exemplo que o medidor do tipo, Bobina
Móvel, é destinado a medição de correntes e tensões contínuas
diretas. Seu sistema de medição com um núcleo magnético não é
sensível aos campos eletromagnéticos externos e é resistente a
impactos mecânicos e vibrações. A escala é inteiramente linear e
intercambiável. Inicialmente o instrumento do tipo bobina
móvel, foi projetado para ser montado em painéis de supervisão e
distribuição de energia e também em estações de
transformação onde é exigido a medição de tensão e corrente
contínua. No campo de um imã permanente, é montada uma
bobina móvel, giratória que é trocada constantemente por corrente
elétrica de forma natural e a corrente é levada até a bobina por
meio de molas espiras. O ponto zero da escala do medidor da
bobina pode tanto ficar no meio quanto na extremidade. Quando
ocorre inversão do sentido de circulação da corrente, ocorre
também a inversão da rotação da bobina ou da deflexão do
ponteiro sabendo disso, por consequência resulta que este
instrumento apenas pode ser usado para medição de tensão ou
corrente contínua.
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E
TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

Os instrumentos de ferro móvel, têm esse nome porque possuem


um mecanismo de ferro móvel que mede valores efetivos (r.m.s.)
de corrente e tensão alternada da faixa de 15Hz a 100Hz,
independente da forma de curva. O início da escala, não linear,
com valores comprimidos, representa uma característica inerente
a qualquer instrumento de ferro móvel e significa que a leitura
efetiva do mesmo só começa com 15% da escala.

No caso das bobinas cruzadas, temos entre os pólos de um imã


permanente, duas bobinas interligadas entre si, porém cruzadas, e
em forma de X que estão dispostas de tal forma que possam girar
feito hélices de helicóptero. Cada uma das bobinas é ligada a
determinada tensão. Logo, temos que cada uma das bobinas
provoca certa força magnética sobre o imã permanente. Em outras
palavras o instrumento de bobinas cruzadas basicamente se
destina apenas a indicar diferenças de tensões. Seu emprego é
encontrado sobretudo na medição de resistências, assim como na
de temperaturas e pressões, à distância.

O sistema de medição eletrodinâmico consiste de uma bobina


móvel e uma fixa. Perante a passagem de determinada corrente, as
bobinas apresentarão a mesma polaridade e assim levarão o
ponteiro à deflexão, por repulsão. A corrente que alimenta a
bobina móvel é levada a esta por meio de duas molas espirais,
que, simultaneamente, desenvolvem uma força contrária ao
deslocamento angular.

As cargas eletrostáticas em materiais sintéticos podem causar


grandes dificuldades para os produtores, processadores e usuários
(público e industrias). Estes materiais quando carregados são de
difícil processamento e manuseio, contaminam mais rápido e
podem até mesmo causar explosões devido às faíscas. O medidor
eletrostático permite por exemplo, uma determinação instantânea
de todas as voltagens ocorrentes sem a adição de qualquer outro
instrumento. Além disso, as propriedades antiestáticas de
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E
TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

preparações aplicadas em produtos sintéticos podem facilmente


ser testadas e controladas. Esse aparelho foi especialmente
desenvolvido para testes de propriedades físicas de fibras tais
como a poliamida e o poliéster, por exemplo. É particularmente
bom para o uso na indústria têxtil e química. Também é usado
com sucesso em institutos de pesquisa e laboratórios de
desenvolvimento. Em refinarias, tanques de estocagem, moinhos
de pó, etc., este equipamento é usado para detectar riscos de
explosão. Uma checagem exata e eficiente das cargas
eletrostáticas é possível durante a produção e processamento de
Fibras sintéticas Químicas, Plásticos Folhas de alumínio Tapetes,
acabamento de pisos e Etc. medidor eletrostático consegue fazer
medições de cargas corporais e no geral medições de 1 – 50.000V
estáticos. O seu princípio de funcionamento consiste em um
condensador que converte a carga eletrostática em uma voltagem
alternante proporcional. Um sistema eletromagnético com uma
amplitude constante ativa uma placa condensadora. Devido as
variações, uma voltagem alternante proporcional a voltagem DC
aplicada é gerada no eletrodo condensado em movimento, que é
conectado a um ponto de referência comum do dispositivo de
medição via uma resistência ôhmica. Através de um divisor de
voltagem nesta resistência, a voltagem disponível pode ser
variada de acordo com a necessidade do operador. A voltagem
alternante obtida neste modo é amplificada por vários estágios e
indicada no galvanômetro.

E pra finalizar, temos o medidor ressonante, e a principal


vantagem dos sistemas ressonantes é a baixa potência necessária
para realização dos testes porque apenas as perdas no circuito de
teste devem ser supridas pela fonte de alimentação. Um sistema
de testes do tipo ressonante, por conseguinte, são notavelmente
mais leves e mais econômicos do que uns sistema de testes
baseado em transformador. Os sistemas ressonantes são
caracterizados por um baixo nível de ruído de descargas parciais
(DP) devido, normalmente, os designs sofisticados. As potências
e as tensões de testes podem ser adaptadas às necessidades dos
clientes e também podem ser aumentadas através de ligação série
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E
TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

ou paralelo dos reatores. A concepção personalizada dos sistemas


de testes faz com que seja possível arranjar os componentes de
alta tensão de uma maneira a se economizar espaço. Devido à
perfeita forma senoidal, os sistemas série ressonantes tem boa
aplicação para testes de alta tensão com medição de descargas
parciais e tangente delta. Os sistemas ressonantes também
permitem a realização de testes com diferentes frequências como
por exemplo para transformadores de instrumentos ou testes
dinâmicos com rápidas variações de tensões para capacitores e
reatores. Por exemplo, Testes em cabos no comprimento de
entrega, amostras de cabos e, acessórios de cabos com o tipos de
WR ou WRM e Testes de Tensão Aplicação também em
transformadores com o tipo específicos para Testes, e Testes em
Capacitores, Testes em geradores de energia e motores.O medidor
ressoante tem especificações de uso ou limite a nível de potência
e outros como todo medidor em caso de reatores e
transformadores comutadores TAP. Sistemas com Reatores em
tanque de metal tipo WR e Sistemas com Reatores modulares
encapsulados tipo WRM, variam entre faixas de tensão, e tipo e
ressonante série e ressonante paralelo.

 Para os testes de cabo Sistemas de Testes Ressonante série


Faixa de tensões entre 35 kV a 400 kV Potência nominal de
300 kVA até 10.000 kVA Para testes de capacitor Sistemas
de testes de ressonância série e paralelo Faixa de Tensões
entre 6 kV a 60 kV Potência nominal de 5.000 kVA até
10.000 kVA Testes dinâmicos opcionais para testes de
motor e gerador Sistemas de testes ressonantes série e
paralelo Faixas de tensões entre 15 kV a 60 kV Potência
nominal de 300 kVA até 1000 kVA.
 Para testes de cabo Sistemas de testes Ressonante Série
Faixa de tensões entre 250 kV até 1.600 kV Potência
nominal de 1.600 kVA até 56.000 kV Para testes em
Transformador de Potência, GIS / GIL, e acessórios de cabo
Sistemas de teste Ressonante Série Faixa de tensões entre
250 kV até 1.600 kV Potência nominal de 1.000 kVA até
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL E
TRABALHO SENAI VITÓRIA DA CONQUISTA

22.500 kVA.Para testes de transformador de instrumentos


Sistemas Ressonantes série para teste de aplicada e testes de
tensão induzida Faixa de tensões entre 250 kV até 1.600 kV
Potência nominal de 1.000 kVA até 10.000 kVA e esses são
Sistemas para frequências mais altas e testes dinâmicos

Você também pode gostar