Você está na página 1de 28

05/07/2021 AULA 03 LITERATURA.

Classicismo - PDF Free Download

 Login (/login/)
Registro (/register/)

Busqueda... Buscar

AULA 03 LITERATURA. Classicismo

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 1/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download


SHARE 
HTML 
DOWNLOAD

Save this PDF as:

 WORD
 PNG

 TXT
 JPG

 Bianca Cavalheiro Madeira (/user/43362858/)


 4 Há anos
 Visualizações: 445

 Transcrição
AULA 03 LITERATURA Classicismo PROFª Edna Prado O
1
Classicismo, terceiro grande movimento literário da língua
portuguesa, marca o início a chamada Era Clássica da Literatura. A
Era Clássica é formada por três movimentos ou escolas literárias:
ERA CLÁSSICA Classicismo (século XVI) Barroco (século XVII)
Arcadismo ou Neoclassicismo (século XVIII) O marco inicial do
Classicismo é o retorno de Sá de Miranda a Portugal, em 1527,
depois de passar alguns anos na Itália em contato com a nova
literatura renascentista, conhecida como o doce estilo novo. O fato
que marca o final do Classicismo é a unificação da Península Ibérica
sob o domínio espanhol em 1580, quando Portugal não consegue
mais a sustentação política e econômica do país. É importante lembrarmos que esta divisão marco
inicial e final de um movimento é apenas uma classificação para fins didáticos. Como já vimos no
Humanismo, antes mesmo do retorno de Sá de Miranda, alguns autores portugueses, como Gil
Vicente, já apresentavam antecipações renascentistas.

2 I - CONTEXTO HISTÓRICO-CULTURAL O Classicismo Português ou também Renascimento em


Portugal corresponde ao período de apogeu da nação, marcado por grandes acontecimentos,
dentre os quais se destaca a expansão ultramarina. Veja um de seus símbolos: A Torre de Belém
localizada na entrada do porto de Lisboa e construída no século XVI simboliza a época das grandes
navegações portuguesas. O século XVI ficou conhecido como a época dos grandes descobrimentos.
Entre as grandes conquistas ultramarinas estão: a descoberta do caminho marítimo para as Índias,
empreendida por Vasco da Gama, em 1498; o descobrimento do Brasil, em 1500 e o descobrimento
de várias regiões da África nos anos seguintes. Essa expansão proporcionou uma grande
prosperidade econômica e Lisboa transformou-se em um importante centro comercial da Europa.
II- CARACTERÍSTICAS Entre as várias características do Classicismo, destacam-se:

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 2/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

3 Racionalismo De acordo com essa concepção, a razão era quem governava as emoções e os
sentimentos, buscando uma harmonia, um equilíbrio entre forma e conteúdo. Nessa concepção
mais racional o indivíduo e seu lugar deixavam de ser particularizados, assumindo um caráter mais
universal. A arte clássica estava preocupada com o Mundo e com o Homem. Retomada da mitologia
pagã Os autores greco-latinos eram imitados como modelos de perfeição - ideais de beleza - e seus
deuses eram retomados, aparecendo em grande escala nas produções do período como figuras
literárias ou como tema da pintura renascentista. Verossimilhança Os clássicos acreditavam que a
beleza era o racional, aquilo que era verdadeiro. O verdadeiro por sua vez, era o natural, daí
resultou a valorização da natureza e sua imitação constante. Fusionismo Correspondia à fusão, à
união da mitologia pagã - com seus vários deuses e ninfas - com a tradição cristã. Não se esqueça
da importância, até hoje, da religião católica para os portugueses. Esse fusionismo será, como
veremos no próxima aula, uma das principais marcas da grande obra épica da língua portuguesa.
Medida Nova Nós já vimos o que era no Humanismo a Medida Velha utilização de versos
redondilhos formados por cinco ou sete sílabas poéticas. A Nova Medida Clássica correspondia ao
uso dos versos decassílabos e das formas fixas: MEDIDA NOVA * Versos decassílabos * Formas fixas
O verso decassílabo, como o próprio nome já sugere, é um verso composto por dez sílabas
poéticas. Também influenciados pelo modelo greco-latino os clássicos utilizavam formas fixas de
escrita, ou seja, formas determinadas por algumas regras. Entre elas, destacaram-se o soneto
(composição fixa com 14 versos, dispostos em dois quartetos e dois tercetos, ou seja, estrofes de 4
e 3 versos respectivamente), o terceto (composição em

4 estrofes de três versos), a oitava (composição de 8 versos decassílabos), entre outras formas. 2.1
Camões O Classicismo Português tem uma figura central. Falar sobre ele é falar sobre o grande Luís
Vaz de Camões. Camões teve uma vida atribulada, marcada por muitos relacionamentos amorosos
e por muitas aventuras. Contam os estudiosos que seus vários casos amorosos, geralmente com
mulheres da corte, e seu jeito de valentão, foram responsáveis por muitas brigas em Portugal. Mas
foi como soldado, que numa batalha no norte da África, perdeu o seu olho direito, ficando por esses
motivos conhecido como Trinca Fortes ou Diabo Zarolho. Como aventureiro, fez várias viagens que
retomaram a rota de Vasco da Gama na viagem do descobrimento do caminho marítimo para as
Índias, viagem esta que será retratada pelo poeta em Os Lusíadas. Veja a composição da obra
camoniana:

5 * Poesias líricas * Peças teatrais * Obra épica Os Lusíadas A poesia lírica camoniana é marcada
por uma dualidade, ou seja, compreende duas vertentes. Ora são textos de nítida influência
medieval (escritos em redondilhos, com motes glosados), ora são brilhantes exemplos da escola
clássica, escritos em decassílabos e em formas fixas. Poucas foram as suas peças, apenas três são
conhecidas. Essas peças foram escritas sob a forma de autos. As duas primeiras têm origem na
tradição medieval e a última é de inspiração latina. Os Lusíadas, tema da próxima aula, é sem
dúvida, a grande obra de Camões, considerada a maior epopéia da língua portuguesa. 2.2
Curiosidade Veja um dos sonetos mais famosos de Camões: Amor é um fogo que arde sem se ver, É
ferida que dói e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer. É
um não querer mais que bem querer; É um andar solitário entre a gente; É nunca contentar-se de
contente; É um cuidar que ganha em se perder. É querer estar preso por vontade; É servir a quem
vence, o vencedor; É ter com quem nos mata lealdade.

6Mas como causar pode seu favor Nos corações humanos amizade, Se tão contrário a si é o
mesmo Amor? Renato Russo, o compositor e músico brasileiro, ao escrever a letra da música Monte
Castelo, utilizou-se de trechos desse famoso soneto de Camões e de um trecho bíblico da 1ª carta

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 3/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

do apóstolo Paulo aos Coríntios, no capítulo 13. Veja a semelhança: Monte Castelo Ainda que eu
falasse a língua dos homens E falasse a língua dos anjos, Sem amor eu nada seria (...) Amor é fogo
que arde sem se ver É ferida que dói e não se sente É um contentamento descontente É dor que
desatina sem doer (...) IV EXERCÍCIOS 1- (FUVEST-SP) Camões escreveu obra épica ou lírica?
Justifique sua resposta, exemplificando com obras do autor. R:Camões escreveu tanto líricas quanto
épicas. Os Lusíadas é uma obra épica; as várias composições do livro Rimas são exemplos de sua
obra lírica. 2- (FUVEST-SP) Na Lírica de Camões, a) O verso usado para a composição dos sonetos é o
redondilho maior. b) Encontram-se sonetos, odes, sátiras e autos. c) Cantar a pátria é o centro das
preocupações. d) Encontra-se uma fonte de inspiração de muitos poetas brasileiros do século XX. e)
A mulher é vista em seus aspectos físicos, despojada de espiritualidade.

7 R: d 3- (FUVEST-SP) Camões: a) Nasceu no dia 10 de junho de b) Escreveu uma epopéia no ano de


c) Tomou a Divina Comédia como modelo de seu poema. d) Foi amigo de Gil Vicente, com quem
conviveu na corte. e) Esteve na Itália, de onde levou para Portugal os princípios da estética clássica.
R: b 4- (UM-SP) Sobre a lírica camoniana, é incorreto afirmar que: a) Boa parte de sua realização se
encontra na poesia de inspiração clássica. b) Sua temática é variada, encontrando-se desde temas
abstratos até tradicionais. c) No aspecto formal, é toda constituída em versos decassílabos em
oitava rima. d) Sonda o sombrio mundo do eu, da mulher, da Pátria e de Deus. e) Muitas vezes, o
poeta procura conceituar Amor, lançando mão de antíteses e paradoxos. R: c 5- (F.C. Chagas) Nem
cinco sóis eram passados que de vós nos partiríamos, quando a mais temerosa desdita pesou sobre
nós. Por uma bela noite dos idos de maio do ano translato, perdíamos a muiraqitã; que outrem
grafara muraquitã, e alguns doutos, ciosos de etimologias esdrúxulas, ortografam muyrakitan e até
mesmo muraquéitã, não sorriais! Neste fragmento da Carta prás Icamiabas, em Macunaíma, de
Mário de Andrade, encontramos a) Uma paródia do estilo clássico lusitano. b) Um elogio à
eloqüência dos parnasianos. c) A valorização da linguagem utilizada pela estética do século XVIII. d)
Uma apologia do estilo pretensioso e da oratória vazia de conteúdo. Uma sátira aos romances
indianistas do século XIX. R: a

Unidade 3 Por mares nunca dantes navegados. Escola EB2,3 do Caramulo


2.008_ (/70202381-Unidade-3-por-mares-nunca-dantes-navegados-escola-
eb2-3-do-caramulo-2-008_.html)
Unidade 3 Por mares nunca dantes navegados 2.008_.2009 1 Para compreender a
epopeia Os Lusíadas, devemos conhecer: 1 - O contexto histórico cultural dos Séc. XV
e XVI 2 - As fontes literárias dos poetas

Leia mais
(/70202381-Unidade-3-por-mares-nunca-dantes-navegados-escola-eb2-3-do-caramulo-
2-008_.html)

ミ Trabalho de Literatura 彡. Tema: Classicismo e Humanismo. (/27759810-


Mi-trabalho-de-literatura-shan--tema-classicismo-e-humanismo.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 4/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

ミ Trabalho de Literatura 彡 Tema: Classicismo e Humanismo. Movimento cultural


que se desenvolveu na Europa ao longo dos séculos XV e XVI, com reflexos nas artes,
nas ciências e em outros ramos da atividade

Leia mais
(/27759810-Mi-trabalho-de-literatura-shan--tema-classicismo-e-humanismo.html)

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO. Componente Curricular:


Literatura Portuguesa I. Professor(es): (/72685113-Faculdade-sumare-
plano-de-ensino-componente-curricular-literatura-portuguesa-i-professor-
FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso: Letras Língua Portuguesa Semestre/
Módulo: 5º Semestre Componente Curricular: Literatura Portuguesa I Professor(es):
Carga Horária: 50 horas Período: 1º Semestre/2017

Leia mais
(/72685113-Faculdade-sumare-plano-de-ensino-componente-curricular-literatura-
portuguesa-i-professor-es.html)

Luís Vaz de Camões. 1º Abs Joana Santos nº2486 (/24399592-Luis-vaz-de-


camoes-1o-abs-joana-santos-no2486.html)
Luís Vaz de Camões 1º Abs Joana Santos nº2486 Ano lectivo: 2010/2011 Índice.. 2 Luís
Introdução...3 Vida de Luís de Camões.. 4 Obra. 5 Conclusão 6 Bibliografia..7 2 Neste Vaz de
trabalho irei falar sobre Luís Vaz Camões.
1º Abs

Leia mais
(/24399592-Luis-vaz-de-camoes-1o-abs-joana-santos-no2486.html)

Por. Raphael Hormes. Monitor: Bruna Basile (/88708817-Por-raphael-


hormes-monitor-bruna-basile.html)
Por. Professor: Eduardo Valladares Raphael Hormes Monitor: Bruna Basile Figuras de
Linguagem 02 nov EXERCÍCIOS DE AULA 1. Canção do vento e da minha vida O vento
varria as folhas, O vento varria os frutos,

Leia mais
(/88708817-Por-raphael-hormes-monitor-bruna-basile.html)

ENSINO SECUNDÁRIO 10º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL (/34541002-Ensino-


secundario-10o-ano-planificacao-anual.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 5/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

ENSINO SECUNDÁRIO Ano letivo 2015 / 2016 10º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL
PLANIFICAÇÃO A MÉDIO E A LONGO PRAZO - PORTUGUÊS - 10º ANO MANUAL:
SENTIDOS, ASA Período Domínios / Tópicos de Conteúdo Metas Curriculares

Leia mais
(/34541002-Ensino-secundario-10o-ano-planificacao-anual.html)

Os gêneros literários. Literatura Brasileira 3ª série EM Prof.: Flávia Guerra


(/71841887-Os-generos-literarios-literatura-brasileira-3a-serie-em-prof-
flavia-guerra.html)
Os gêneros literários Literatura Brasileira 3ª série EM Prof.: Flávia Guerra Os gêneros
literários O termo gênero é utilizado para determinar um conjunto de obras que
apresentam características semelhantes

Leia mais
(/71841887-Os-generos-literarios-literatura-brasileira-3a-serie-em-prof-flavia-
guerra.html)

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS - Grupo 300. Planificação Anual /Critérios de


avaliação. Disciplina: Português 10º ano 2016/2017 (/85858365-
Departamento-de-linguas-grupo-300-planificacao-anual-criterios-de-
AGRUPAM ENTO DE ESCOL AS ANSEL M O DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE
LÍNGUAS - Grupo 300 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português
10º ano 2016/2017 Domínios de referência Metas Curriculares:

Leia mais
(/85858365-Departamento-de-linguas-grupo-300-planificacao-anual-criterios-de-
avaliacao-disciplina-portugues-10o-ano-2016-2017.html)

LITERATURA PROFª Ma. DINA RIOS (/27851458-Literatura-profa-ma-dina-


rios.html)
OS GÊNEROS LITERÁRIOS LITERATURA PROFª Ma. DINA RIOS OS GÊNEROS
LITERÁRIOS Conceito; Origem; Classificação. OS GÊNEROS LITERÁRIOS GÊNERO ÉPICO
OU NARRATIVO; LÍRICO OU POÉTICO; DRAMÁTICO OU TEATRAL. O GÊNERO

Leia mais
(/27851458-Literatura-profa-ma-dina-rios.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 6/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS - Grupo 300. Planificação Anual /Critérios de


avaliação. Disciplina: Português 10º ano 2015/2016 (/83953273-
Departamento-de-linguas-grupo-300-planificacao-anual-criterios-de-
AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS -
Grupo 300 Planificação Anual /Critérios de avaliação Disciplina: Português 10º ano
2015/2016 Domínios de referência Metas Curriculares:

Leia mais
(/83953273-Departamento-de-linguas-grupo-300-planificacao-anual-criterios-de-
avaliacao-disciplina-portugues-10o-ano-2015-2016.html)

FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA (/142088006-


Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)
FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA ROTEIRO DE ATIVIDADES 1ª SÉRIE 3
BIMESTRE AUTORIA ANA PAULA MAIA Rio de Janeiro 2012 Este Texto Gerador é um
trecho do artigo enciclopédico Arcadismo, parte integrante

Leia mais
(/142088006-Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)

Cantigas Medievais. Cantadas pelos trovadores, as can0gas chegaram a.


cancioneiros (coleções) de diversos 0pos. Séc. XII a XIV (/139827103-
Cantigas-medievais-cantadas-pelos-trovadores-as-can0gas-chegaram-a-
Cantigas Medievais Cantadas pelos trovadores, as can0gas chegaram a n ó s p e l o s
cancioneiros (coleções) de diversos 0pos. Séc. XII a XIV Anote no caderno suas
respostas para as questões propostas ao

Leia mais
(/139827103-Cantigas-medievais-cantadas-pelos-trovadores-as-can0gas-chegaram-a-
cancioneiros-colecoes-de-diversos-0pos-sec-xii-a-xiv.html)

COLÉGIO KENNEDY REDE PITÁGORAS (/68926403-Colegio-kennedy-rede-


pitagoras.html)
LITERATURA 2ª ETAPA 8º ANO/EF2 PROFESSORA: Alessandra Equipe de TI (Recebido
em: 29/08/17, 13h47; Postado no site em: 29/08/17, 16h00). INTERTEXTUALIDADE
Você sabia que os textos podem conversar entre

Leia mais
(/68926403-Colegio-kennedy-rede-pitagoras.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 7/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Síntese da Planificação da Disciplina de Português - 9 º Ano (/44499960-


Sintese-da-planificacao-da-disciplina-de-portugues-9-o-ano.html)
Síntese da Planificação da Disciplina de Português - 9 º Ano Dias de aulas previstos
Período 2.ª 3.ª 4.ª 5.ª 6.ª 1.º período 13 13 13 12 13 2.º período 10 9 9 11 11 3.º período
9 10 9 9 10 (As aulas previstas

Leia mais
(/44499960-Sintese-da-planificacao-da-disciplina-de-portugues-9-o-ano.html)

Exercícios Revisionais de Língua Portuguesa e Literatura Para 15/06/2015


(/61138317-Exercicios-revisionais-de-lingua-portuguesa-e-literatura-para-
15-06-2015.html)
Nome: Nº.: Ano: 1 T: Prof.: Luciana Arleu Vieira Data: 08/06/2015 Exercícios Revisionais de Língua
Portuguesa e Literatura Para 15/06/2015 As primeiras manifestações literárias em galego-
português ocorreram

Leia mais
(/61138317-Exercicios-revisionais-de-lingua-portuguesa-e-literatura-para-15-06-
2015.html)

SUPERIOR DE LICENCIATURA EM LETRAS, COM HABILITAÇAO EM LÍNGUA


PORTUGUESA, NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (/56539583-
Superior-de-licenciatura-em-letras-com-habilitacao-em-lingua-portuguesa-
PLANO DE DISCIPLINA IDENTIFICAÇÃO CURSO: SUPERIOR DE LICENCIATURA EM
LETRAS COM HABILITAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA DISCIPLINA: LITERATURA
BRASILEIRA I PRÉ-REQUISITO: TEORIA LITERÁRIA I UNIDADE CURRICULAR:

Leia mais
(/56539583-Superior-de-licenciatura-em-letras-com-habilitacao-em-lingua-portuguesa-
na-modalidade-de-educacao-a-distancia.html)

FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA (/147974869-


Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)
FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA ROTEIRO DE ATIVIDADES 1ª
SÉRIE 3º BIMESTRE AUTORIA GLORIA GONCALVES DE AZEVEDO Rio de Janeiro 2012
TEXTO GERADOR I Artigo enciclopédico Este texto gerador é um

Leia mais
(/147974869-Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 8/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Jovens estão perdendo audição por causa de fones de ouvido (/126256638-


Jovens-estao-perdendo-audicao-por-causa-de-fones-de-ouvido.html)
PROFESSOR(A): ELINELMA KURISAKA ALUNO(A): Nº SÉRIE: 8º ANO TURMA: TURNO:
TARDE / /2019 1- No primeiro quadrinho a palavra corresponde a um processo de a)
neologismo. b) redução. c) onomatopéia. d) estrangeirismo.

Leia mais
(/126256638-Jovens-estao-perdendo-audicao-por-causa-de-fones-de-ouvido.html)

O ALEM-MAR LITERATURA PORTUGUESA (/28260197-O-alem-mar-


literatura-portuguesa.html)
JOÃO DE CASTRO OSÓRIO O ALEM-MAR NA LITERATURA PORTUGUESA (ÉPOCA DOS
DESCOBRIMENTOS) NOVA ARRANCADA ÍNDICE DAS MATÉRIAS Breve nota sobre a
vida e obra de João de Castro Osório., CAPÍTULO I CONDIÇÕES HISTÓRICAS

Leia mais
(/28260197-O-alem-mar-literatura-portuguesa.html)

Unidade IV Cultura A pluralidade na expressão humana. (/12571481-


Unidade-iv-cultura-a-pluralidade-na-expressao-humana.html)
Unidade IV Cultura A pluralidade na expressão humana. 30.2 Conteúdo:
Intertextualidade no texto literário. Habilidade: Estabelecer, em textos de diferentes
gêneros, relações entre recursos verbais e não

Leia mais
(/12571481-Unidade-iv-cultura-a-pluralidade-na-expressao-humana.html)

KEURELENE CAMPELO PAZ NA ESCOLA. História Moderna: As Grandes


Navegações HISTÓRIA (/128867357-Keurelene-campelo-paz-na-escola-
historia-moderna-as-grandes-navegacoes-historia.html)
KEURELENE CAMPELO HISTÓRIA História Moderna: As Grandes Navegações PAZ NA
ESCOLA DATA: 13 de março. Conteúdo: As Grandes Navegações Europeia; Objetivo da
Aula: - Contextualizar as grandes navegações em

Leia mais
(/128867357-Keurelene-campelo-paz-na-escola-historia-moderna-as-grandes-
navegacoes-historia.html)

OS LUSÍADAS, DE LUÍS DE CAMÕES (/21426767-Os-lusiadas-de-luis-de-


camoes.html)
https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 9/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

PORTUGUÊS 9º ANO Prof. António Alves OS LUSÍADAS, DE LUÍS DE CAMÕES PROVA


DE AVALIAÇÃO FORMATIVA I CONTEXTUALIZAÇÃO: RENASCIMENTO, HUMANISMO E
CLASSICISMO 1. O Renascimento é a aceitação das formas artísticas:

Leia mais
(/21426767-Os-lusiadas-de-luis-de-camoes.html)

Bárbara da Silva. Literatura. Parnasianismo (/65286863-Barbara-da-silva-


literatura-parnasianismo.html)
Bárbara da Silva Literatura Parnasianismo O Parnasianismo foi um movimento essencialmente
poético, surgido na segunda metade do século XIX, reagindo contra o sentimentalismo e o
subjetivismo dos românticos.

Leia mais
(/65286863-Barbara-da-silva-literatura-parnasianismo.html)

Planificação Anual. Disciplina de Português (/31309116-Planificacao-anual-


disciplina-de-portugues.html)
Planificação Anual Disciplina de Português N.º e nome Módulo Horas Tempos (45 )
Conteúdos de cada módulo 1. Poesia trovadoresca - Contextualização histórico-
literária - Espaços medievais, protagonistas

Leia mais
(/31309116-Planificacao-anual-disciplina-de-portugues.html)

DATA: 26 / 09 / 2014 II ETAPA AVALIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE LÍNGUA


PORTUGUESA 1.º ANO/EM ALUNO(A): Nº: TURMA: (/56316106-Data-26-09-
2014-ii-etapa-avaliacao-de-recuperacao-de-lingua-portuguesa-1-o-ano-em-
SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA
MARIA DATA: 26 / 09 / 2014 1 UNIDADE: II ETAPA AVALIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE
LÍNGUA PORTUGUESA 1.º ANO/EM ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR(A):

Leia mais
(/56316106-Data-26-09-2014-ii-etapa-avaliacao-de-recuperacao-de-lingua-portuguesa-1-
o-ano-em-aluno-a-no-turma.html)

Uma grande parte dos sonetos incluídos nesta (/27583437-Uma-grande-


parte-dos-sonetos-incluidos-nesta.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 10/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Amor & desamor Uma grande parte dos sonetos incluídos nesta edição foram
garimpados criteriosamente pelo escritor Sergio Faraco, que os editou nos volumes
Livro dos sonetos, Livro do corpo, Livro das cortesãs,

Leia mais
(/27583437-Uma-grande-parte-dos-sonetos-incluidos-nesta.html)

Luís de Camões (1524?-1580?) (/41972386-Luis-de-camoes-1524-


1580.html)
Prof. André de Freitas Barbosa Análise literária Luís de Camões (1524?-1580?)
SONETOS (1595) Aspectos da lírica camoniana Luís de Camões é o maior expoente do
Classicismo literário e, por extensão, do

Leia mais
(/41972386-Luis-de-camoes-1524-1580.html)

Roteiros Mensais para Grupos (/53324111-Roteiros-mensais-para-


grupos.html)
Roteiros Mensais para Grupos JULHO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a
aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para
mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais
(/53324111-Roteiros-mensais-para-grupos.html)

"Bem-vindos ao melhor ano de suas vidas #2018" (/95200953-Bem-vindos-


ao-melhor-ano-de-suas-vidas-2018.html)
COLÉGIO SHALOM 65 Ensino Médio 1º Série Profº: Raul Dias Pimenta Disciplina:
Literatura Trabalho de recuperação Estudante:. No. "Bem-vindos ao melhor ano de
suas vidas #2018" Questão 1 Nos trechos abaixo,

Leia mais
(/95200953-Bem-vindos-ao-melhor-ano-de-suas-vidas-2018.html)

Primeiro dia Jogando eu aprendo a ser feliz (/80674525-Primeiro-dia-


jogando-eu-aprendo-a-ser-feliz.html)
Bons dias Primeiro dia Jogando eu aprendo a ser feliz Pensamento do dia O esporte não é
somente uma forma de entretenimento, mas também - e eu diria sobretudo - um instrumento
para comunicar valores que

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 11/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/80674525-Primeiro-dia-jogando-eu-aprendo-a-ser-feliz.html)

P L A N I F I C A Ç Ã 0 S E C U N D Á R I O (/80341357-P-l-a-n-i-f-i-c-a-c-a-0-s-
e-c-u-n-d-a-r-i-o.html)
ARUPAMNTO D SCOAS JOÃO DA SIVA CORRIA P A N I F I C A Ç Ã 0 S C U N D Á R I O 2 0
1 6-2 0 1 7 DISCIPINA / ANO: Português / 10ºano MANUA ADOTADO: MNSANS, TXTO
DITORS STÃO DO TMPO 1º PRÍODO Apresentação

Leia mais
(/80341357-P-l-a-n-i-f-i-c-a-c-a-0-s-e-c-u-n-d-a-r-i-o.html)

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUISTA FILHO Campus


Experimental de Itapeva. Literatura aula 04 22/03/ Profº Rafael Semensi
(/56086759-Universidade-estadual-paulista-julio-de-mesquista-filho-
Literatura aula 04 22/03/2.010 Profº Rafael Semensi 1 Classicismo (1527 ~ 1580) (pág.
36) 1527 Volta de Sá de Miranda da Itália. 1580 Domínio espanhol sobre Portugal e
morte de Luís Vaz de Camões. 2 Transformações:

Leia mais
(/56086759-Universidade-estadual-paulista-julio-de-mesquista-filho-campus-
experimental-de-itapeva-literatura-aula-04-22-03-profo-rafael-semensi.html)

Carta: quando se trata de "carta aberta" ou "carta ao leitor", tende a ser do


tipo dissertativoargumentativo (/78280071-Carta-quando-se-trata-de-carta-
aberta-ou-carta-ao-leitor-tende-a-ser-do-tipo-
Gêneros textuais Os Gêneros textuais são as estruturas com que se compõem os
textos, sejam eles orais ou escritos. Essas estruturas são socialmente reconhecidas,
pois se mantêm sempre muito parecidas,

Leia mais
(/78280071-Carta-quando-se-trata-de-carta-aberta-ou-carta-ao-leitor-tende-a-ser-do-
tipo-dissertativoargumentativo.html)

Elenco de Disciplinas do Dellin RES. N. 103/00-CEPE RES. N. 33/03-CEPE


RES. N. 10/07-CEPE (/123035064-Elenco-de-disciplinas-do-dellin-res-n-103-
00-cepe-res-n-33-03-cepe-res-n-10-07-cepe.html)
https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 12/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Elenco de Disciplinas do Dellin RES. N. 103/00-CEPE RES. N. 33/03-CEPE RES. N. 10/07-CEPE OBS:
Disciplinas de Grego e Latim migraram para o Departamento de Polonês, Alemão e
Letras Clássicas DEPAC a partir

Leia mais
(/123035064-Elenco-de-disciplinas-do-dellin-res-n-103-00-cepe-res-n-33-03-cepe-res-n-
10-07-cepe.html)

FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA (/88252101-


Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)
FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA ROTEIRO DE ATIVIDADES 2º ANO
3º BIMESTRE AUTORIA GUSTAVO AUGUSTO C. A. BORGES Rio de Janeiro 2012 TEXTO
GERADOR I O simbolismo é um movimento que atravessa o final

Leia mais
(/88252101-Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)

Introdução à Literatura (/44843490-Introducao-a-literatura.html)


L.E. Semana 3 Sexta Feira Introdução à Literatura Gênero Lírico Gênero Lírico Lírico
vem do latim lyricu e quer dizer lira, um instrumento musical grego. Áudio: Musique
de la Gréce Antique Épitaphe de

Leia mais
(/44843490-Introducao-a-literatura.html)

LITERATURA CONCEITOS GERAIS (/85686281-Literatura-conceitos-


gerais.html)
LITERATURA CONCEITOS GERAIS Palavra minha Matéria, minha criatura, palavra
(Chico Buarque) Lutar com palavras é a luta mais vã. Entanto lutamos mal rompe a
manhã. (Carlos Drummond de Andrade) O quadrado

Leia mais
(/85686281-Literatura-conceitos-gerais.html)

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO ANUAL DE LITERATURA (/34048240-Roteiro-


de-recuperacao-anual-de-literatura.html)
ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO ANUAL DE LITERATURA - 2016 Nome: Nº 1ª Série
Professores : Danilo / Fernando / Nicolas Nota: I Introdução Caro aluno, Neste ano,
você obteve média inferior a 6,0 e, portanto, não

Leia mais
(/34048240-Roteiro-de-recuperacao-anual-de-literatura.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 13/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

O texto poético Noções de versificação (/43545000-O-texto-poetico-


nocoes-de-versificacao.html)
O texto poético Noções de versificação Género lírico métrica, rima, composição
Introdução A poesia é uma arte muito antiga e sabe-se que todas as literaturas
começaram com textos em versos. Quando ouvimos

Leia mais
(/43545000-O-texto-poetico-nocoes-de-versificacao.html)

Resumo Aula 4 e 5 de Literatura: Classicismo, Quinhentismo e Barroco.


(/39331934-Resumo-aula-4-e-5-de-literatura-classicismo-quinhentismo-e-
barroco.html)
Resumo Aula 4 e 5 de Literatura: Classicismo, Quinhentismo e Barroco. Classicismo
Período literário que surgiu na época do Renascimento. Teve inicio na Itália e
difundiu-se ao longo na Europa, séc. XV

Leia mais
(/39331934-Resumo-aula-4-e-5-de-literatura-classicismo-quinhentismo-e-barroco.html)

c A/ HISTORIA E ANTOLOGIA DA LITE RAT U RA PORTUGUESA j O S c c u o


ÍVI VOLUME II o Tomo I SERVIÇO DE BIBLIOTECAS E APOIO À LEITURA
(/144242360-C-a-historia-e-antologia-da-lite-rat-u-ra-portuguesa-j-o-s-c-c-u-
c A/537808 HISTORIA E ANTOLOGIA DA LITE RAT U RA PORTUGUESA j O S c c u o ÍVI
VOLUME II o Tomo I SERVIÇO DE BIBLIOTECAS E APOIO À LEITURA índice Volume II -
Tomo I S é c u l o s X V I. n. 10 CANCIONEIRO

Leia mais
(/144242360-C-a-historia-e-antologia-da-lite-rat-u-ra-portuguesa-j-o-s-c-c-u-o-ivi-volume-
ii-o-tomo-i-servico-de-bibliotecas-e-apoio-a-leitura.html)

Colégio XIX de Março Educação do jeito que deve ser (/84263185-Colegio-


xix-de-marco-educacao-do-jeito-que-deve-ser.html)
Colégio XIX de Março Educação do jeito que deve ser 2017 2ª PROVA SUBSTITUTIVA
DE PORTUGUÊS Aluno(a): Nº Ano: 9º Turma: Data: 12/09/2017 Nota: Professor(a):
Letícia Silva Valor da Prova: 30 pontos Orientações

Leia mais
(/84263185-Colegio-xix-de-marco-educacao-do-jeito-que-deve-ser.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 14/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

PERÍODO: Origem do reino português, da língua e da literatura portuguesa


Introdução à literatura portuguesa visão geral (/82453760-Periodo-origem-
do-reino-portugues-da-lingua-e-da-literatura-portuguesa-introducao-a-
PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: Literaturas de Língua Portuguesa I PERÍODO:
PROFESSOR: Márcia Maria de Melo Araújo CH Semanal: 4 CH Total: 60 CH Teórica: 60
CH Prática: EMENTA: Visão cronológica das

Leia mais
(/82453760-Periodo-origem-do-reino-portugues-da-lingua-e-da-literatura-portuguesa-
introducao-a-literatura-portuguesa-visao-geral.html)

PLANIFICAÇÃO ANUAL Documentos Orientadores: Programa e Metas


Curriculares de Português, Aprendizagens Essenciais (/115404959-
Planificacao-anual-documentos-orientadores-programa-e-metas-
Português /10º Ano Página 1 de 6 PANIFICAÇÃO ANUA Documentos Orientadores:
Programa e Metas Curriculares de Português, Aprendizagens ssenciais Unidade 0
Diagnose Unidade 1 Poesia trovadoresca Cantigas

Leia mais
(/115404959-Planificacao-anual-documentos-orientadores-programa-e-metas-
curriculares-de-portugues-aprendizagens-essenciais.html)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VENDAS NOVAS (/59906360-


Agrupamento-de-escolas-de-vendas-novas.html)
Português AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VENDAS NOVAS 1. Critérios Gerais de
Avaliação para o Ensino Secundário Domínios Conhecimentos e capacidades Atitudes
85% 15% - Cumprimento de regras - Participação nas

Leia mais
(/59906360-Agrupamento-de-escolas-de-vendas-novas.html)

Soneto a quatro mãos (/58060197-Soneto-a-quatro-maos.html)


Soneto a quatro mãos Circus do Suannes "Aonde quer que eu vá, eu descubro que
um poeta esteve lá antes de mim". Sigmund Freud Não sou de dar lição a ninguém,
pois meu tempo de magistério pertence à História

Leia mais
(/58060197-Soneto-a-quatro-maos.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 15/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

UMA ESPÉCIE DE INTRODUÇÃO PARA QUE POSSAMOS ENTENDER-NOS


MELHOR (/27758668-Uma-especie-de-introducao-para-que-possamos-
entender-nos-melhor.html)
4 PLANO GERAL DA OBRA INTRODUÇÃO UMA ESPÉCIE DE INTRODUÇÃO PARA QUE
POSSAMOS ENTENDER-NOS MELHOR 11 O que é a literatura? 11 Porquê História de
Literatura em Portugal e não da Literatura Portuguesa? 12

Leia mais
(/27758668-Uma-especie-de-introducao-para-que-possamos-entender-nos-
melhor.html)

Síntese da unidade 4 (/40583865-Sintese-da-unidade-4.html)


Síntese da unidade 4 Influências da lírica camoniana (Século XVI) Medida
velha/corrente tradicional TEMAS Influência dos temas da poesia trovadoresca.
Tópicos de circunstância; a saudade, o sofrimento

Leia mais
(/40583865-Sintese-da-unidade-4.html)

Para que serve a? TERCEIRÃO. Profª. Jaqueline Alice Cappellari Aulas 1, 2 e 3


(/81642590-Para-que-serve-a-terceirao-profa-jaqueline-alice-cappellari-
aulas-1-2-e-3.html)
Para que serve a? TERCEIRÃO Profª. Jaqueline Alice Cappellari Aulas 1, 2 e 3 A
Literatura é a transposição do real para o ilusório por meio de uma estilização formal
da linguagem. (Antônio Candido) A Literatura,

Leia mais
(/81642590-Para-que-serve-a-terceirao-profa-jaqueline-alice-cappellari-aulas-1-2-e-
3.html)

Fabiana Medeiros Júlio Balisa (/53760290-Fabiana-medeiros-julio-


balisa.html)
Universidade Federal do Rio Grande do Norte Departamento de Letras Programa
Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência PIBID Escola Estadual José Fernandes
Machado Subprojeto: Língua Portuguesa Fabiana

Leia mais
(/53760290-Fabiana-medeiros-julio-balisa.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 16/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

LÍNGUA PORTUGUESA ENSINO MÉDIO PROF. DENILSON SATURNINO 1


ANO PROF.ª JOYCE MARTINS (/25566470-Lingua-portuguesa-ensino-medio-
prof-denilson-saturnino-1-ano-prof-a-joyce-martins.html)
LÍNGUA PORTUGUESA 1 ANO PROF.ª JOYCE MARTINS ENSINO MÉDIO PROF.
DENILSON SATURNINO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade II Cultura A pluralidade
na expressão humana 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 10.2 Conteúdo

Leia mais
(/25566470-Lingua-portuguesa-ensino-medio-prof-denilson-saturnino-1-ano-prof-a-
joyce-martins.html)

OS LUSÍADAS LUÍS DE CAMÕES. Biblioteca Escolar (/111628435-Os-


lusiadas-luis-de-camoes-biblioteca-escolar.html)
OS LUSÍADAS DE LUÍS DE CAMÕES Biblioteca Escolar Sumário O que é um poema
épico? Qual a matéria épica de Os Lusíadas? Qual a estrutura externa de Os Lusíadas?
Qual a estrutura interna de Os Lusíadas? Quais

Leia mais
(/111628435-Os-lusiadas-luis-de-camoes-biblioteca-escolar.html)

2. 1 A poesia trovadoresca - Leitura de cantigas de amor e de amigo


semântico, sintático, lexical e sonoro; (/24238582-2-1-a-poesia-
trovadoresca-leitura-de-cantigas-de-amor-e-de-amigo-semantico-sintatico-
EIXO TEMÁTICO: 1 TEXTO LITERÁRIO E NÃO LITERÁRIO 1) Analisar o texto em todas as
suas dimensões: semântica, sintática, lexical e sonora. 1. Diferenciar o texto literário
do não-literário. 2. Diferenciar

Leia mais
(/24238582-2-1-a-poesia-trovadoresca-leitura-de-cantigas-de-amor-e-de-amigo-
semantico-sintatico-lexical-e-sonoro.html)

2 Em que data começou o Trovadorismo em Portugal, e que fato marcou


essa data? (/148643697-2-em-que-data-comecou-o-trovadorismo-em-
portugal-e-que-fato-marcou-essa-data.html)
Escola de Educação Básica Hemes Fontes Petrolândia - SC Professor: Ricardo Luís
Mees Data: 07/06/2019 Disciplina: Língua Portuguesa e Literatura 1ª SÉRIE I Aluno (a):
LITERATURA - TROVADORISMO Responda

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 17/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/148643697-2-em-que-data-comecou-o-trovadorismo-em-portugal-e-que-fato-marcou-
essa-data.html)

Gêneros Literários OBRAS LITERÁRIAS: QUANTO À FORMA = VERSO &


PROSA QUANTO AO CONTEÚDO = GÊNEROS LITERÁRIOS (/58035832-
Generos-literarios-obras-literarias-quanto-a-forma-verso-prosa-quanto-ao-
GÊNEROS LITERÁRIOS Gêneros Literários OBRAS LITERÁRIAS: QUANTO À FORMA =
VERSO & PROSA QUANTO AO CONTEÚDO = GÊNEROS LITERÁRIOS Gêneros Literários
GÊNERO ÉPICO (NARRATIVO) = Quando é contada uma história.

Leia mais
(/58035832-Generos-literarios-obras-literarias-quanto-a-forma-verso-prosa-quanto-ao-
conteudo-generos-literarios.html)

CEMAS - REVISTA ARCADISMO REVISTA CEMAS 1º ANO A (/26925000-


Cemas-revista-arcadismo-revista-cemas-1o-ano-a.html)
ARCADISMO REVISTA CEMAS 1º ANO A 1 ARCADISMO O Arcadismo, também
conhecido como Setecentismo ou Neoclassicismo, é o movimento que compreende a
produção literária brasileira na segunda metade do século

Leia mais
(/26925000-Cemas-revista-arcadismo-revista-cemas-1o-ano-a.html)

Arcadismo e Neoclassicismo (/24178558-Arcadismo-e-neoclassicismo.html)


Arcadismo e Neoclassicismo Origem do nome Recupera as características do
classicismo porém em outra época = neoclassicismo Arcadismo = região da Grécia
(Arcádia), região do Peloponeso, onde fica o Monte

Leia mais
(/24178558-Arcadismo-e-neoclassicismo.html)

3) As primeiras manifestações literárias que se registram na Literatura


Brasileira referem-se a: (/26761894-3-as-primeiras-manifestacoes-literarias-
que-se-registram-na-literatura-brasileira-referem-se-a.html)
ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA - LITERATURA PROFESSOR: Renan Andrade
TURMA: 1ª Série EM REVISÃO 1) Comente a respeito das vertentes lírica e épica da
poesia de Camões. 2) Não se relaciona à medida

Leia mais
(/26761894-3-as-primeiras-manifestacoes-literarias-que-se-registram-na-literatura-
brasileira-referem-se-a.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 18/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Trovadorismo e Humanismo Literatura Portuguesa (/25068134-


Trovadorismo-e-humanismo-literatura-portuguesa.html)
Trovadorismo e Humanismo Literatura Portuguesa Prof. Thiago Robson Aletro As
Trovas Medievais Contexto histórico-cultural Idade Média (Séc XII)
Feudalismo/vassalage m Nobreza Teocentrismo Cruzadas Galego-Português

Leia mais
(/25068134-Trovadorismo-e-humanismo-literatura-portuguesa.html)

Luís Vaz de Camões Retrato pintado em Goa, 1581. (/59254554-Luis-vaz-


de-camoes-retrato-pintado-em-goa-1581.html)
Luís Vaz de Camões +- 1524-1580 Retrato pintado em Goa, 1581. Vida Provavelmente
nasceu e faleceu em Lisboa Um dos maiores poetas da literatura de língua
portuguesa Frequentou a corte de D. João III 1755:

Leia mais
(/59254554-Luis-vaz-de-camoes-retrato-pintado-em-goa-1581.html)

P L A N I F I C A Ç Ã O A N U A L 1 º A N O (/143797991-P-l-a-n-i-f-i-c-a-c-a-o-
a-n-u-a-l-1-o-a-n-o.html)
P A N I F I C A Ç Ã O A N U A 1 º A N O DPARTAMNTO: ÍNUAS ÁRA DISCIPINAR: 300 -
PORTUUÊS DISCIPINA: Português CURSO PROFISSIONA: Técnico de Apoio à Infância
ANO: 1.º - ANO TIVO: 2018/19 MANUA: Português

Leia mais
(/143797991-P-l-a-n-i-f-i-c-a-c-a-o-a-n-u-a-l-1-o-a-n-o.html)

Camões épico Os Lusíadas (/25566393-Camoes-epico-os-lusiadas.html)


AULA 03 LITERATURA PROFª Edna Prado Camões épico Os Lusíadas Já vimos que Camões teve
uma vida muito atribulada e que viajou bastante, inclusive refazendo a rota de Vasco da Gama
na viagem do descobrimento

Leia mais
(/25566393-Camoes-epico-os-lusiadas.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 19/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

1º ano. Emprego da fala, adequando-a ao contexto comunicativo e ao que


se supõe ser o perfil do interlocutor, em função do lugar social que ele
ocupa. (/41191259-1o-ano-emprego-da-fala-adequando-a-ao-contexto-
Emprego da fala, adequando-a ao contexto comunicativo e ao que se supõe ser o
perfil do interlocutor, em função do lugar social 1º ano Respeito à fala do outro e aos
seus modos de falar. texto, com foco

Leia mais
(/41191259-1o-ano-emprego-da-fala-adequando-a-ao-contexto-comunicativo-e-ao-que-
se-supoe-ser-o-perfil-do-interlocutor-em-funcao-do-lugar-social-que-ele-ocupa.html)

PLANO INDIVIDUAL DE TRABALHO (/25567540-Plano-individual-de-


trabalho.html)
PLANO INDIVIDUAL DE TRABALHO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Letras
Disciplina: Literatura Portuguesa I Professor: Paula Cristina Ribeiro da Rocha de
Morais Cunha Código: Carga Horária: 60 Créditos: 3

Leia mais
(/25567540-Plano-individual-de-trabalho.html)

Orientação de estudos (/57558672-Orientacao-de-estudos.html)


Roteiro de estudos 2º trimestre. Português O roteiro foi montado especialmente para
reforçar os conceitos dados em aula. Com os exercícios você deve fixar os seus
conhecimentos e encontrar dificuldades

Leia mais
(/57558672-Orientacao-de-estudos.html)

Resoluções das atividades (/137489801-Resolucoes-das-atividades.html)


Resoluções das atividades 01 B Aula 4 Romantismo no Brasil Primeira geração: poesia
indianista Atividades para sala Com a Independência do Brasil, ocorrida em 1822,
instalou-se um sentimento de nacionalismo

Leia mais
(/137489801-Resolucoes-das-atividades.html)

LISTA DE RECUPERAÇÃO DE ARTE 4º BIMESTRE 1ª SÉRIE. Renascimento,


Barroco, Neoclassicismo, Romantismo, Impressionismo. Questão 01:
(/129400539-Lista-de-recuperacao-de-arte-4o-bimestre-1a-serie-

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 20/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

LISTA DE RECUPERAÇÃO DE ARTE 4º BIMESTRE 1ª SÉRIE Professora Dani de Brito


Renascimento, Barroco, Neoclassicismo, Romantismo, Impressionismo. Questão 01:
Escreva o período ao qual pertence cada uma das

Leia mais
(/129400539-Lista-de-recuperacao-de-arte-4o-bimestre-1a-serie-renascimento-barroco-
neoclassicismo-romantismo-impressionismo-questao-01.html)

Documentos relacionados

Literatura 1º ano João J. Classicismo (/26188739-Literatura-1o-ano-joao-j-
classicismo.html)
Literatura 1º ano João J. Classicismo LITERATURA 1º ANO Tema: CLASSICISMO O
Classicismo, terceiro grande movimento literário da língua portuguesa, marca o início
a chamada Era Clássica da Literatura. A

Leia mais
(/26188739-Literatura-1o-ano-joao-j-classicismo.html)

(/44722622-.html)
RENASCIMENTO David de Michelangelo (1504) CLASSICISMO INFLUÊNCIA
TRADICIONAL VS INFLUÊNCIA CLÁSSICA OU RENASCENTISTA. A influência / corrente
tradicional A influência / corrente clássica CORRENTE TRADICIONAL

Leia mais
(/44722622-.html)

Prof. Eloy Gustavo. Aula 4 Renascimento (/48791367-Prof-eloy-gustavo-


aula-4-renascimento.html)
Aula 4 Renascimento Renascimento ou Renascença O florescimento intelectual e
artístico que começou na Itália no século XIV, culminou nesse país no século XVI e
influenciou enormemente outras partes da

Leia mais
(/48791367-Prof-eloy-gustavo-aula-4-renascimento.html)

Aula 6 A lírica camoniana (/24782499-Aula-6-a-lirica-camoniana.html)


Aula 6 A lírica camoniana Lírica Camoniana Poemas em medida velha: Poemas em
medida nova: - Tradição popular medieval - Doce estilo novo -- Influência de Petrarca:
soneto - Redondilha Menor: pentassílabo

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 21/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/24782499-Aula-6-a-lirica-camoniana.html)

Classicismo. Literatura brasileira 1ª EM Prof.: Flávia Guerra (/66258325-


Classicismo-literatura-brasileira-1a-em-prof-flavia-guerra.html)
Classicismo Literatura brasileira 1ª EM Prof.: Flávia Guerra Contexto O século XV traz
o ser humano para o centro dos acontecimentos, relegando para segundo plano o
deus todopoderoso do período medieval.

Leia mais
(/66258325-Classicismo-literatura-brasileira-1a-em-prof-flavia-guerra.html)

A arte de escrever um soneto (/58201626-A-arte-de-escrever-um-


soneto.html)
A arte de escrever um soneto Em primeiro lugar, não se ensina um poeta a escrever.
Ele tira da alma o que sua mão escreve. Porém, a tarefa de escrever um soneto, uma
obra considerada pelos intelectuais

Leia mais
(/58201626-A-arte-de-escrever-um-soneto.html)

Quando eu, senhora... (/45264229-Quando-eu-senhora.html)


Quando eu, senhora... Sá de Miranda Quando eu, senhora, em vós os olhos ponho, e
vejo o que não vi nunca, nem cri que houvesse cá, recolhe-se a alma em si e vou
tresvariando, como em sonho. Isto passado,

Leia mais
(/45264229-Quando-eu-senhora.html)

Os Lusíadas Luís Vaz de Camões /1580 (/50980995-Os-lusiadas-luis-vaz-de-


camoes-1580.html)
Os Lusíadas 1572 Luís Vaz de Camões +- 1524/1580 Influências Grandes navegações:
período dos descobrimentos (séc. XV ao XVII): financiadas pela Igreja Católica, que
buscava domínio em terras distantes

Leia mais
(/50980995-Os-lusiadas-luis-vaz-de-camoes-1580.html)

QUANDO EU, SENHORA... (/41069237-Quando-eu-senhora.html)


QUANDO EU, SENHORA... Sá de Miranda Quando eu, senhora, em vós os olhos
ponho, e vejo o que não vi nunca, nem cri que houvesse cá, recolhe-se a alma em si e
vou tresvariando, como em sonho. Isto passado,

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 22/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/41069237-Quando-eu-senhora.html)

Aprendizagens Essenciais Disciplina de Português 10.º Ano 2018/19


DESCRITORES DO PERFIL Domínios / AE: Conhecimentos, capacidades e
atitudes (/120424031-Aprendizagens-essenciais-disciplina-de-portugues-
1.º Período (Número de aulas previstas: +/- 50) Unidades / Textos Unidade 1 O
português: génese, variação e mudança Principais etapas da formação e evolução do
português: a) Do latim ao galegoportuguês:

Leia mais
(/120424031-Aprendizagens-essenciais-disciplina-de-portugues-10-o-ano-2018-19-
descritores-do-perfil-dominios-ae-conhecimentos-capacidades-e-atitudes.html)

C4 Compreender a arte como saber cultural e estético gerador de


significação e integrador da organização do mundo e da própria identidade.
(/135994027-C4-compreender-a-arte-como-saber-cultural-e-estetico-
Literatura Bom dia! ENEM C5 Analisar, interpretar e aplicar recursos expressivos das
linguagens, relacionando textos com seus contextos, mediante a natureza, função,
organização, estrutura das manifestações,

Leia mais
(/135994027-C4-compreender-a-arte-como-saber-cultural-e-estetico-gerador-de-
significacao-e-integrador-da-organizacao-do-mundo-e-da-propria-identidade.html)

Humanismo ( ) séc. XV e XVI (/64415632-Humanismo-sec-xv-e-xvi.html)


Apostila II unidade Colégio Estadual Profa Simone Simões Neri Série/turma: 1AM,
1BM, 1CM e 1DM Componente Curricular: Língua Portuguesa Discente: Docente:
Isabel Lima Humanismo (1434-1527) séc. XV e XVI

Leia mais
(/64415632-Humanismo-sec-xv-e-xvi.html)

Literatura Portuguesa Classicismo séc. XV - XVI. Aula 08 de Literatura


Portuguesa e Brasileira Professora Carolina Ferreira Leite (/27758589-
Literatura-portuguesa-classicismo-sec-xv-xvi-aula-08-de-literatura-
Literatura Portuguesa Classicismo séc. XV - XVI Aula 08 de Literatura Portuguesa e
Brasileira Professora Carolina Ferreira Leite A visão antropocêntrica de mundo,
surgida no Humanismo, consolidou-se durante

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 23/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/27758589-Literatura-portuguesa-classicismo-sec-xv-xvi-aula-08-de-literatura-
portuguesa-e-brasileira-professora-carolina-ferreira-leite.html)

FIGURAS DE LINGUAGEM (/50458605-Figuras-de-linguagem.html)


FIGURAS DE LINGUAGEM Figuras de linguagem figura do latim aspecto, forma,
aparência. Exercem papel preponderante na construção do sentido do texto literário.
QUAIS AS FIGURAS DE LINGUAGEM MAIS COMUNS?

Leia mais
(/50458605-Figuras-de-linguagem.html)

Professor: Luiz Romero Disciplina: Literatura Conteúdo: Arcadismo Aula: 01


(/133267810-Professor-luiz-romero-disciplina-literatura-conteudo-
arcadismo-aula-01.html)
Professor: Luiz Romero Disciplina: Literatura Conteúdo: Arcadismo Aula: 01 O
Arcadismo no Brasil A Conjuração Mineira (1789); Literatura com forte ligação sócio-
política; AUTOR OBRA - PÚBLICO O nascimento

Leia mais
(/133267810-Professor-luiz-romero-disciplina-literatura-conteudo-arcadismo-aula-
01.html)

LITERATURA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO (/60204528-Literatura-roteiro-de-


recuperacao.html)
LITERATURA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO ENSINO MÉDIO SÉRIE: 1ª TURMAS: ABCD
ETAPA: 2ª ANO: 2017 PROFESSOR(A): LISBELA A. CARDOSO OLIVEIRA ALUNO(A): Nº: I
INTRODUÇÃO Este roteiro tem como objetivo orientá-lo

Leia mais
(/60204528-Literatura-roteiro-de-recuperacao.html)

QUESTÃO 2 INDIQUE os elementos da tela que retratam uma


caracterização da Idade Média. (Não descreva a tela) (/82793286-Questao-
2-indique-os-elementos-da-tela-que-retratam-uma-caracterizacao-da-
Literatura Linguagens, códigos e suas Tecnologias Edilaine Araújo Atividade de
Recuperação Rec. Final 35 pontos 1 º A/B Leia os textos a seguir e responda à questão
Notícia de jornal Tentou contra a existência

Leia mais
(/82793286-Questao-2-indique-os-elementos-da-tela-que-retratam-uma-caracterizacao-
da-idade-media-nao-descreva-a-tela.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 24/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA (/125559370-


Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)
FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA ROTEIRO DE ATIVIDADES 1ª
SÉRIE 3º BIMESTRE AUTORIA LILIANE LEMOS DE OLIVEIRA DIAS Rio de Janeiro 2012
TEXTO GERADOR I ARCADISMO O Arcadismo é uma escola literária

Leia mais
(/125559370-Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)

1. Fernando Pessoa. Oralidade. Leitura (/78220653-1-fernando-pessoa-


oralidade-leitura.html)
1. Fernando Pessoa Oralidade Exposição sobre um tema. Tema musical. Rubrica
radiofónica. Texto de opinião. Anúncio publicitário. Documentário. Debate 1.
Interpretar textos orais de diferentes géneros.

Leia mais
(/78220653-1-fernando-pessoa-oralidade-leitura.html)

ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL ESTREMOZ PLANIFICAÇÃO


ANUAL (/134777546-Escola-secundaria-3-rainha-santa-isabel-estremoz-
planificacao-anual.html)
ESCOLA SECUNDÁRIA/3 RAINHA SANTA ISABEL 402643 - ESTREMOZ Competências
Gerais PLANIFICAÇÃO ANUAL DISCIPLINA: LITERATURA PORTUGUESA 2018-2019 - 10º
Ano COMPETÊNCIAS TRANSVERSAIS Leitura / Oralidade Seguir

Leia mais
(/134777546-Escola-secundaria-3-rainha-santa-isabel-estremoz-planificacao-anual.html)

Domínios / Conteúdos. Elogio do subúrbio (pág. 28) crónica (/107737562-


Dominios-conteudos-elogio-do-suburbio-pag-28-cronica.html)
Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio Escola E.B. 2, 3 professor Gonçalo
Sampaio Departamento de Línguas Português - 9ºano Planificação anual simplificada
2016/2017 1º Período Unidade 0 Cais de embarque

Leia mais
(/107737562-Dominios-conteudos-elogio-do-suburbio-pag-28-cronica.html)

AS FACES DA LÍRICA CAMONIANA (/30313139-As-faces-da-lirica-


camoniana.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 25/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRO DE HUMANIDADES CAMPUS III DEPARTAMENTO


DE LETRAS E EDUCAÇÃO CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM LETRAS MARIA JUCINEIDE DE
FARIAS FIGUEIREDO AS FACES DA LÍRICA CAMONIANA

Leia mais
(/30313139-As-faces-da-lirica-camoniana.html)

1) Soneto: Enquanto quis Fortuna que tivesse (/25520220-1-soneto-


enquanto-quis-fortuna-que-tivesse.html)
1) Soneto: Enquanto quis Fortuna que tivesse Enquanto quis Fortuna que tivesse
Esperança de algum contentamento, O gosto de um suave pensamento Me fez que
seus versos escrevesse. Porém, temendo Amor que

Leia mais
(/25520220-1-soneto-enquanto-quis-fortuna-que-tivesse.html)

Os Lusíadas Mensagem (/32383353-Os-lusiadas-mensagem.html)


EDIÇÕES ASA A 369723 J. OLIVEIRA MACEDO Sob o signo do Império Os Lusíadas
Mensagem LUÍS VAZ DE CAMÕES FERNANDO PESSOA Análise comparativa «O-, índice
1! Parte Os Poetas e os Poemas [11] Sumário [li] I

Leia mais
(/32383353-Os-lusiadas-mensagem.html)

maneira é graciosa que, querendo-a aproveitar, dar-se-á nela tudo, por


bem das águas (/42808653-Maneira-e-graciosa-que-querendo-a-
aproveitar-dar-se-a-nela-tudo-por-bem-das-aguas.html)
Exercícios preparatórios para P7 Literatura Prof. Ítalo Puccini 1) I. A terra Esta terra,
Senhor, me parece que, da ponta que mais contra o sul vimos até outra ponta que
contra o norte vem, de que nós

Leia mais
(/42808653-Maneira-e-graciosa-que-querendo-a-aproveitar-dar-se-a-nela-tudo-por-
bem-das-aguas.html)

AULA DADA, AULA ESTUDADA!!! (/57287908-Aula-dada-aula-estudada.html)


AULA DADA, AULA ESTUDADA!!! Expansão Marítima Embarcaremos em uma longa e
perigosa viagem a bordo dos navios lusitanos e espanhóis rumo à terra das
especiarias. Você vai saber quais foram os fatores das

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 26/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

Leia mais
(/57287908-Aula-dada-aula-estudada.html)

1º PERÍODO (Aulas Previstas: 64) (/115009433-1o-periodo-aulas-previstas-


64.html)
ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE BARROSELAS ANO LETIVO 2017/2018 PORTUGUÊS
12º ANO 1º PERÍODO (Aulas Previstas: 64) Oralidade O11 Compreensão do oral
Unidade S/N (Conclusão da planificação do 11º Ano) Cânticos

Leia mais
(/115009433-1o-periodo-aulas-previstas-64.html)

FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA (/128468291-


Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)
FORMAÇÃO CONTINUADA EM LÍNGUA PORTUGUESA ROTEIRO DE ATIVIDADES 2º ANO
3º BIMESTRE AUTORIA VANESSA BAUER ANDRADE GOMES Rio de Janeiro 2012 TEXTO
GERADOR I O primeiro texto gerador deste ciclo, o poema Hirta

Leia mais
(/128468291-Formacao-continuada-em-lingua-portuguesa.html)

LITERATURA: GÊNEROS E MODOS DE LEITURA - EM PROSA E VERSOS; -


GÊNEROS LITERÁRIOS; -ELEMENTOS DA NARRATIVA. 1º ano OPVEST
Mauricio Neves (/58776800-Literatura-generos-e-modos-de-leitura-em-
LITERATURA: GÊNEROS E MODOS DE LEITURA - EM PROSA E VERSOS; - GÊNEROS
LITERÁRIOS; -ELEMENTOS DA NARRATIVA. 1º ano OPVEST Mauricio Neves EM VERSO E
EM PROSA Prosa e Poesia: qual a diferença? A diferença

Leia mais
(/58776800-Literatura-generos-e-modos-de-leitura-em-prosa-e-versos-generos-
literarios-elementos-da-narrativa-1o-ano-opvest-mauricio-neves.html)

4. Re nasc a i sc me i nto Cult l ural ra Páginas 40 à 55. (/66667544-4-re-


nasc-a-i-sc-me-i-nto-cult-l-ural-ra-paginas-40-a-55.html)
4. Renascimento Cultural Páginas 40 à 55. A burguesia: ideias e modo de vida ALTA
BURGUESIA (mais ricos): Comerciantes de longa distância; Mestres artesãos donos de
oficinas de manufatura; e Cambistas.

Leia mais
(/66667544-4-re-nasc-a-i-sc-me-i-nto-cult-l-ural-ra-paginas-40-a-55.html)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 27/28
05/07/2021 AULA 03 LITERATURA. Classicismo - PDF Free Download

PLANIFICAÇÃO-2016/2017 ENSINO PROFISSIONAL- DISCIPLINA DE


PORTUGUÊS 10º ANO DE ESCOLARIDADE (/48954181-Planificacao-2016-
2017-ensino-profissional-disciplina-de-portugues-10o-ano-de-
CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS i METAS* OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES)
Módulo 1 Unidade 1 Educação Literária Unidade 1 POESIA TROVADORESCA
Contextualização histórico-literária Cantigas de amigo variedade do

Leia mais
(/48954181-Planificacao-2016-2017-ensino-profissional-disciplina-de-portugues-10o-
ano-de-escolaridade.html)

2. 1 A poesia trovadoresca - Leitura de cantigas de amor e de amigo


semântico, sintático, lexical e sonoro; (/11800968-2-1-a-poesia-
trovadoresca-leitura-de-cantigas-de-amor-e-de-amigo-semantico-sintatico-
EIXO TEMÁTICO: 1 TEXTO LITERÁRIO E NÃO LITERÁRIO 1) Analisar o texto em todas as
suas dimensões: semântica, sintática, lexical e sonora. 1. Diferenciar o texto literário
do não-literário. 2. Diferenciar

Leia mais
(/11800968-2-1-a-poesia-trovadoresca-leitura-de-cantigas-de-amor-e-de-amigo-
semantico-sintatico-lexical-e-sonoro.html)

2021 © DocPlayer.com.br Política de Privacidade (/support/privacy-policy/) | Termos de serviço (/support/terms-of-service/) |


Feedback (/support/feedback/)

https://docplayer.com.br/42806358-Aula-03-literatura-classicismo.html 28/28