Você está na página 1de 9

INVOCAÇÃO A VIRGEM NEGRA

Por último passaremos ao subsolo, à cripta que em grego quer dizer escondido.
“Nesse lugar baixo, úmido e frio, o observador tem uma sensação rara e que
impõe o silêncio: A do poder unido às trevas. Estamos aqui no asilo dos
mortos, como na Basílica de Saint-Denis, necrópole dos ilustres, como nas
catacumbas romanas, cemitério dos cristãos” (PAUVERT, 1964).
Outrora esses subterrâneos serviam de morada às estatuetas de Isis egípcias,
que se transformaram nas Virgens Negras depois da introdução do
Cristianismo na Gália. Na França há mais ocorrência destas imagens, porém
estão por toda a Europa. Atualmente restam poucas, um exemplo é Notre-
Dame Sous-Terre, da Catedral de Chartres sentada em um trono, sobre um
pedestal com a inscrição: Virgini pariturae, a virgem deve parir. Outra é Notre-
Dame de Rocamadour, esculpida por um lendário eremita Santo Amador ou
Amadour, que teria sido o mesmo Zaqueu, convertido por Jesus Cristo.
Simbolicamente as virgens negras correspondem à terra primitiva - a matéria
em estado latente, ainda não trabalhada. Seja nos subterrâneos, nos lugares
ocultos e obscuros, seja no mais alto e luminoso céu, Ela está presente, a cada
momento da vida e principalmente no trabalho de Autorrealização Íntima do
SER. Lembremo-nos sempre que: “Devemos procurar a Mãe Divina no
Templo-Coração. A cruz da iniciação recebe-se no Templo-Coração. Só a
adorável Senhora do Amor tem o poder de despertar os seus filhos no seio
profundo do Espírito Universal da Vida” (SAMAEL AUN WEOR,1993)
Invocação a Madona Negra.
Misteriosa Senhora, quem és?
É Teu o Poder da Luz do Negro, e só por um ato de
fé no incomensurável, podemos entrar no Teu
Universo, Mãe Misteriosa.
Vejo-te, sinto-te envolta em Luz, Energia e
Movimento.
Ora tens a face de Liberdade, que fortalece o nosso
livre arbítrio, o livre arbítrio de toda humanidade,
Ora tens a face da Justiça que dura e firma, clama por
igualdade para todos os Teus filhos.
A Compaixão é Tua auréola e todos os que em Ti
creem e que a Ti invocam, recebem esse bálsamo.
Sua carne, a Terra.
Seu sangue, todas as águas. Olho d´água, Rios,
cascatas, chuva, neve, mar, enchente, vazante...
Os ventos, todo ar, tua respiração.
De Teu ventre de chamas vivo, emana o calor que
nos permite vir a ser.
O Sol - Teu olho direito, faz com que tudo vejas e de
tudo cuides quando é dia.
A Lua - Teu olho esquerdo, faz com que tudo vejas e
de tudo cuides quando é noite.
Entre teus olhos, trazes alvoradas e entardecer.
Sobre Todo Teu Corpo, vários véus azuis te
emoldam. Claros, límpidos, escuros, salpicados de
estrelas e planetas, cinzentos, vermelhos. Te enfeitas
de raios, de nuvens, de arco-íris.... Tua exuberância
não conhece limites.
És a Natureza e te vestes em um manto verde vivo e
vibrante, bordado de raízes, árvores, folhas,
sementes, flores, frutos.
Te enfeitas de pássaros, todo tipo de animal envolve
Tua Delicadeza e traduz Teu Poder e Tua Força.
Por ti, de ti, todos os sabores naturais em doces e
amargos frutos escorrem e se perpetuam, de bico em
bico, de asas em asa, por beija-flores, abelhas,
formigas, borboletas...
Tudo em Ti está em constante mutação, em constante
evolução. Sois a mesma desde o Princípio dos
tempos e sois outra. Uma e tantas. Ela! A Magna
Mater. A Madona Negra.
E essa visão de ti nos cega de tanto esplendor.
Mãe de Todo Amor, é Teu o Poder da Misericórdia e
do Perdão, sem o qual não podemos usufruir de
todos os atributos que nos doa diariamente – Saúde,
Cura, Beleza, Vida, Alegria, Criatividade, Trabalho,
Abundancia, Misericórdia, Concórdia, Liberdade,
Inspiração, Intuição, Sabedoria, Tolerância, Justiça,
Compaixão e Perdão.
Ó Força Viva – Senhora e Conforto Perpétuo da
Humanidade, tu que materializas em Tua Carne a
Inspiração do Espirito Santo, permita-me ser, teu
porta voz e andar por essa Vida, tanto abençoando,
como abençoado.
Faça me um instrumento de teu amor auxilia-me em
minha jornada e permita que eu cumpra minha
missão sendo digno de Todas as Tuas Graças e de
Tua Divina Presença, sempre em meu viver.
Que seja eu, por onde andar, um espelho a refletir
tuas dadivas.
Sede meu auxilio, minha instrutora amorosa, minha
Guia. E conduza-me onde sabes Tu, ser necessária a
minha presença.
Totus tuus ego sum!
Momentum. Amem.

CÂNTICO A MARIA
Maria, Força Viva e Vitoriosa junção Cósmica da Luz
e da Escuridão
Magna Mater! Luna Mater! Terrae Mater!
Gaia Maria! Salve
Maria sobre a Terra, Manto Estrelado, Poder Gerador
cósmico espelhado pela Lua!
Maria na Terra, Mãe diversa, Vasta, Fértil, Doadora
de Vida e Bênçãos infindas!
Maria sob a Terra, Ventre de toda vida, Semente do
Amor, Nascente de Fogo e Água,
Eclipse de todas as forças, conjugação de todos os
poderes manifestos,
Criadora, Geradora, Mantenedora, Devoradora,
Absoluta e Grande Mãe.
Eu te louvo e te recebo em mim!
Me rendo a ti, Maria, Senhora de Todos os Mistérios,
Manifestadora de Todos os Milagres.
Recebes em Ti o Poder do Creador, o abriga e acolhe,
gera a Luz e transfere, sem perder, mas tendo mais,
todo Teu Poder ao Teu filho terreno e celestial.
Grande e Incomparável Senhora, ouça minha prece,
cubra a de bênçãos.
Cubra-me com teu manto sagrado,
Vigie-me sempre com teus olhos,
Proteja-me com a Escuridão, de Tuas Sagradas
Entranhas,
Com Tua Chama Inesgotável,
Com o fluir de tuas Ancestres Águas,
Dai me a estrutura de Tua Carne - a Terra.
Despeja sobre meu ser todo o Teu Ar com Seu Hálito
Doce e Amoroso.
De manhã e até anoitecer,
Por onde eu andar ou estiver,
De dia ou de noite, que eu seja sempre protegido,
Honrado, acolhido e favorecido,
Mãe Sagrada, Senhora Poderosa e Protetora,
Nossa Senhora Da Terra, Fique ao meu lado e seja a
minha companheira,
Nossa Senhora da Terra, Minha conselheira, guardiã
e defensora!
Momentum!

“Antiga Oração Druida de Amergrin


(A canção de Amergrin)
Eu sou o vento que sopra pelos mares,
eu sou o animal selvagem,
eu sou a águia no penhasco,
eu sou rápido como o gavião,
eu sou guerreiro de muitas batalhas,
eu sou forte como uma lança,
eu sou a ponta de uma espada,
eu sou a pele do tambor que conclama à guerra,
eu sou a corda da harpa,
eu sou o campeão dos fracos,
eu sou a vista da montanha mais alta,
eu sou a sabedoria do poço mais fundo,
eu sou vencedor do dia e da noite.
Sou imortal em essência,
Sempre vivi.
Já fui tudo! Sou Tudo!
Sou Uno com Tudo o que há em nome da Grande
Mãe, do Grande Espírito e do Amor Infinito.
Amem.

Uma poderosa oração de proteção contra inimigos


dos mundos físico e espiritual
Levanto-me, neste dia que amanhece,
Por uma grande força, pela invocação da Trindade,
Pela fé na Tríade,
Pela afirmação da unidade
Do Criador da Criação.
Levanto-me neste dia que amanhece,
Pela força do nascimento de Cristo em Seu batismo,
Pela força da crucificação e do sepultamento,
Pela força da ressurreição e ascensão,
Pela força da descida para o Julgamento Final.
Levanto-me, neste dia que amanhece,
Pela força do amor dos Querubins,
Em obediência aos Anjos,
A serviço dos Arcanjos,
Pela esperança da ressurreição e da recompensa,
Pelas orações dos Patriarcas,
Pelas previsões dos Profetas,
Pela pregação dos Apóstolos
Pela fé dos Confessores,
Pela inocência das Virgens santas,
Pelos atos dos Bem-aventurados.
Levanto-me neste dia que amanhece,
Pela força do céu:
Luz do sol,
Clarão da lua,
Esplendor do fogo,
Pressa do relâmpago,
Presteza do vento,
Profundeza dos mares,
Firmeza da terra,
Solidez da rocha.
Levanto-me neste dia que amanhece,
Pela força de Deus a me empurrar,
Pela força de Deus a me amparar,
Pela sabedoria de Deus a me guiar,
Pelo olhar de Deus a vigiar meu caminho,
Pelo ouvido de Deus a me escutar,
Pela palavra de Deus em mim falar,
Pela mão de Deus a me guardar,
Pelo caminho de Deus à minha frente,
Pelo escudo de Deus que me protege,
Pela hóstia de Deus que me salva,
Das armadilhas do demônio,
Das tentações do vício,
De todos que me desejam mal,
Longe e perto de mim,
Agindo só ou em grupo.
Conclamo, hoje, tais forças a me protegerem contra o
mal,
Contra qualquer força cruel que ameace meu corpo e
minha alma,
Contra a encantação de falsos profetas,
Contra as leis negras do paganismo,
Contra as leis falsas dos hereges,
Contra a arte da idolatria,
Contra feitiços de bruxas e magos,
Contra saberes que corrompem o corpo e a alma.
Cristo guarde-me hoje,
Contra veneno, contra fogo,
Contra afogamento, contra ferimento,
Para que eu possa receber e desfrutar a recompensa.
Cristo comigo, Cristo à minha frente, Cristo atrás de
mim,
Cristo em mim, Cristo em baixo de mim, Cristo
acima de mim,
Cristo à minha direita, Cristo à minha esquerda,
Cristo ao me deitar,
Cristo ao me sentar,
Cristo ao me levantar,
Cristo no coração de todos os que pensarem em mim,
Cristo na boca de todos que falarem em mim,
Cristo em todos os olhos que me virem,
Cristo em todos os ouvidos que me ouvirem.
Levanto-me, neste dia que amanhece,
Por uma grande força, pela invocação da Trindade,
Pela fé na Tríade,
Pela afirmação da Unidade,
Pelo Criador da Criação.

Você também pode gostar