Você está na página 1de 3

Dicas importantes: HORA DA HISTÓRIA

 “Crie o clima” para a “Hora da história”:


 Organize um ambiente calmo e tranquilo sem distrações como televisão, som ligados ou mesmo pessoas conversando
próximo;
 Aprenda a história antes, isso lhe dará mais segurança na hora de contá-la.

1º DIA 2º DIA 3º DIA 4º DIA


Leia a fábula para a criança, procure Leia o primeiro parágrafo e pergunte: Hora da pesquisa: Que tal confeccionar sapinhos como
fazer vozes diferentes para os O que será que o sapo queria com os Faça uma pesquisa sobre os sapos esses usando rolinhos de papel
personagens. Ao terminar, leia a moral amigos dele? Escute a resposta. junto com a criança para descobrir higiênico?
da história, converse com ela sobre a Leia o 2º parágrafo e pergunte: O que com ela:
atitude do sapo em querer ser igual ao o sapo fez quando falou para os  Onde eles vivem?
boi. Pergunte: Por que você acha que amigos que, se quisesse, poderia ficar  Do que se alimentam?
o sapo queria imitar o boi? Você acha igual ao boi? Ouça o que a criança  Como respiram?
que ele deveria agir de outra forma? tem a falar e continue a leitura. Faça,  Qual o tempo de vida?
Como? Por quê? pelo menos mais uma parada durante  Curiosidades
a leitura para questionar à criança o Observação: não precisa anotar,
Observação: Ouça a resposta da que ela acha que vai acontecer apenas descobrir junto com a criança
criança a cada pergunta realizada. adiante. através da pesquisa.
Ao terminar a leitura, pergunte: se
você pudesse mudar o final dessa
história, como ela acabaria?
Hora do desenho: Peça que a criança
represente com desenho a parte que
ela mais gostou da história, oriente-a a
escrever o título e a data da atividade.
O sapo e o boi

Há muito, muito tempo existiu um boi


imponente. Um dia o boi estava dando seu
passeio da tarde quando um pobre sapo todo
mal vestido olhou para ele e ficou
maravilhado. Cheio de inveja daquele boi que
parecia o dono do mundo, o sapo chamou os
amigos.

– Olhem só o tamanho do sujeito! Até


que ele é elegante, mas grande coisa; se
eu quisesse também era.

Dizendo isso o sapo começou a estufar a


barriga e em pouco tempo já estava com
o dobro do seu tamanho normal.

– Já estou grande que nem ele? –


perguntou aos outros sapos.
– Não, ainda está longe!
Responderam os amigos.
O sapo se estufou mais um pouco e repetiu a pergunta.
– Não. Disseram de novo os outros sapos, e é melhor você parar com isso
porque senão vai acabar se machucando.

Mas era tanta vontade do sapo de imitar o boi que ele continuou se
estufando, estufando, estufando – até estourar.

Moral da história: Não tente imitar os outros, seja sempre você mesmo.

Fábula de Esopo

Disponível em: <https://metaforas.com.br/infantis/2004-03-14/o-sapo-e-o-boi.htm>.


Acesso em: 21/05/2020.