Você está na página 1de 1

Brasil Colonial- 1549 1947 2004

A Companhia Missionária de 1834 1934 A criação do Serviço de Educação de


1964 Criação da Secretaria de
Jesus, comandados pelo Ato Constitucional de 1834, A constituição brasileira de Adultos, programa nacional com
Criação do Programa Educação Continuada,
Padre Manuel de Nóbrega ficou sob a responsabilidade 1934 através da criação do finalidade de reorientar e coordenar, no
Nacional de Alfabetização e Diversidade,
tinha a função básica de das províncias a instrução Plano Nacional de geral, os trabalhos dos planos anuais do
Alfabetização de onde apresenta políticas
catequizar e alfabetizar na primaria e secundária de Educação passa a assegurar ensino supletivo para adolescentes e
Adultos e do voltadas para a EJA.
língua portuguesa os todas as pessoas, mas que um ensino primário adultos analfabetos
foi designada especialmente integral gratuito e Movimento Brasileiro
indígenas (crianças, jovens e
para jovens e adultos frequência obrigatória de Educação.
adultos) que viviam na
extensivo aos adultos. 1958
colônia brasileira. 1988
1945 O II Congresso Nacional de
A constituição brasileira de
Regulamentação do Educação de Jovens e
Início do século XX 1988, determina como um dos
Brasil Império- 1759 Fundo Nacional de Adultos, com a participação
Houve grande mobilização objetivos do Plano Nacional de
Com a saída dos jesuítas do Brasil Ensino Primário o que do educador Paulo Freire,
social para diminuir o Educação a integração do
em 1759, a educação de adultos estabeleceu 25% dos apontou para o importante
analfabetismo de adultos poder público que conduzam a
entra em colapso e fica sob a recursos fosse olhar da educação como
através de várias campanhas erradicação do analfabetismo.
responsabilidade do Império a empregado na uma garantia por direito e
e programas, promovidos para a preocupação com a
organização e emprego da educação de
em sua maioria por responsabilidade social e
educação, a qual passou a ter um adolescentes e adultos.
associações de intelectuais e política da educação.
caráter elitista, sendo acessível
outros pelos próprios
somente para filhos dos
estados e municípios.
colonizadores (brancos e homens).

Primeira República do Brasil-


Brasil Colonial- 1570 1985
1891 2007
Para alfabetização dos Fim do Mobral, e
Constituição brasileira de 1942 A substituição do
índios, a fim de convertê- surgimento novos
1891, delega as províncias e Criação do Fundo FUNDEF pelo
los à fé católica, os jesuítas programas de
aos municípios, a Nacional de Ensino FUNDEB garantiu a
criaram escolares 1952
responsabilidade pelo ensino Primário com o alfabetização modalidade EJA os
elementares e secundárias. Foi criada a
básico, sem abranger o adulto objetivo de realizar como Fundação mesmos direitos das
Na região sul foi fundada Campanha Nacional outras modalidades
analfabeto. programas que Educar, vinculado
cinco escolas de instrução de Educação Rural que integram a
ampliasse o ensino ao Ministério da
elementar, em diferentes (CNER), para atender Educação Básica.
supletivo para Educação.
cidades. as populações que
1824 adolescentes adultos.
Década de 1920 e 1930 viviam no meio
A primeira constituição A população, assim como rural.
1960
brasileira garantia, ao menos os educadores, passa a Educação Popular
no papel, assegurava exigir maior atenção das e a alfabetização
instrução primária e gratuita a políticas públicas para a Década de 1990
1946 de jovens e adultos
todos os cidadãos, incluindo educação de jovens e Surgiu o Movimento de
Lei Orgânica do caminham juntas e
homens e mulheres pobres adultos, num movimento Alfabetização (MOVA) com
Ensino Primário formam a um
livres, negros e negras que expressa à força da intuito de trabalhar a
que previa o grande movimento
escravos, livres e libertos. manifestação popular. alfabetização de jovens e
ensino supletivo de participação
popular no Brasil. adultos a partir do contexto
INFOGRÁFICO DA HISTÓRIA DA EJA socioeconômico das alunos.

Você também pode gostar