Você está na página 1de 33

CONFORTO

TÉRMICO

ME. BIANCA PONTES


CONFORTO TÉRMICO
CONFORTO TÉRMICO

HISTÓRICO

Adaptação biológica caracterizada pelas diferentes raças ao redor do planeta (pigmentação, pêlos)

Adaptação através de vestimenta como um processo racional visando à proteção da superfície da pele
por uma camada isolante.
Ampliação da capacidade de sobrevivência do Homem.
Espessura, vazios, permeabilidade de vestimentas.

A terceira pele: adaptação através da habitação. Não necessariamente um processo puramente racional
(colônias de insetos, ninhos de pássaros).
Arquitetura vernacular.
CONFORTO TÉRMICO

A não satisfação com o ambiente térmico pode ser causada pela sensação de
desconforto pelo calor ou pelo frio, quando o balanço térmico não é estável, ou
seja, quando há diferenças entre o calor produzido pelo corpo e o calor perdido
para o ambiente
CONFORTO TÉRMICO
CONFORTO TÉRMICO

Fatores pelos quais os estudos de conforto térmico são importantes:

1. A satisfação do homem permitindo-lhe se sentir termicamente confortável


2. A performance humana: As atividades intelectuais, manuais e perceptivas,
geralmente apresentam um melhor rendimento quando realizadas em conforto
térmico
3. A conservação de energia: Ao conhecer as condições e os parâmetros
relativos ao conforto térmico dos ocupantes do ambiente, evitam-se desperdícios
com calefação e refrigeração, muitas vezes desnecessários.
CONFORTO TÉRMICO
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas

• Metabolismo
• Vestimenta

*A temperatura interna do corpo humano é praticamente constante, variando aproximadamente de 35° a 37°
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas

A condução é o modo pelo qual o calor é


transferido através de um meio material,
acontece pelo contato da matéria,
principalmente em materiais sólidos, onde as
partículas estão bem próximas uma das outras.
Existem materiais que são melhores condutores
que outros. Os metais, por exemplo, conduzem
300 vezes mais calor que a madeira.
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas

A convecção é também um importante meio


de transferência de calor de massa em fluidos
– líquidos e gases. A convecção acontece das
seguintes formas:
•Difusão (movimento aleatório de partículas
individuais em fluidos);
•Pelo movimento que ocorre nas correntes
ascendentes de um fluido;
•Pelo movimento de moléculas mais quentes
(com mais energia) dentro de um sistema. https://youtu.be/Ak9CBB1bTcc
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Humanas
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
Obs.: O corpo humano
não sente a
temperatura de um
quarto, mas sente a
perda ou ganho de
energia do corpo no
espaço
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Variáveis Ambientais
CONFORTO TÉRMICO

Outras Variáveis

• Idade
• Raça
• Hábitos Alimentares
• Altura
• Sexo
CONFORTO TÉRMICO

CÁLCULO
• Balanço de Calor (PMV)
• Adaptativo
CONFORTO TÉRMICO

Balanço de Calor (PMV)


CONFORTO TÉRMICO

Balanço de Calor (PMV)


O PMV também pode ser
calculado pelas tabelas do
anexo E da norma ISO 7730.
CONFORTO TÉRMICO

Adaptativo
CONFORTO TÉRMICO

Adaptativo

ISO 7730: Ergonomics of


the thermal environment --
Analytical determination
and interpretation of
thermal comfort using
calculation of the PMV and
PPD indices and local
thermal comfort criteria.

ISO 7726: Ambientes


Térmicos - Instrumentos e
Métodos para medições
das quantidades físicas.
CONFORTO TÉRMICO

Desconforto Localizado

Você também pode gostar