Você está na página 1de 4

Ciências Contábeis

Aluno (a):
Disciplina: CONTABILIDADE INTERMEDIARIA Turma: S6-B0276
Professor (a): JOÃO ARLEY BARBOSA DE MELO Data:

MÉTODO DE AVALIAÇÃO - TRABALHO ACADÊMICO INDIVIDUAL

Prezados(as) Acadêmicos(as), O Trabalho Acadêmico de 2020.2. Como requisito a obtenção de nota final da
disciplina de Contabilidade Intermediaria.

ORIENTAÇÕES:
 O trabalho conforme normas da ABNT. Deverá constar nome completo do aluno, curso, turma, turno
e data de entrega;
 Deverá ser entregue impreterivelmente nas duas datas estabelecidas;
 Turma de A- J data de entrega: 02/12/2020.
 Turma de K-J data de entrega: 09/12/2020
 A entrega se dará somente por e-mail ja_arley@hotmail.com do professor, deve ser colocado no
assunto do e-mail de envio do trabalho, seguir modelo (disciplina, turno, nome aluno e matricula do
discentes).
 Deverá ser digitado, com formato em PDF ou Word.
 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO ACADÊMICA: respeito à estrutura solicitada, objetividade, clareza,
coesão, assiduidade, pontualidade, organização, correção ortográfica e gramatical. (0,0 a 10,0).
 Na estrutura do desenvolvimento do trabalho devera consta os seguintes assuntos
 a) Efetuar lançamentos; b) Transferir para Razonetes; c) Fazer Balancete de Verificação Antes do
Encerramento de Contas de Resultado; d) Elaborar lançamentos de Transferências para Apuração do
Resultado do Exercício; e) Fazer Balancete de Verificação Final; f) Elaborar DRE - Demonstração de
Resultado do Exercício - Período e g) Elaborar Balanço Patrimonial em 31/12/2019.

Atenciosamente,
Docente: João Arley Barbosa de Melo
Elaborado por: Docente João Arley Barbosa de Melo.
Especialista em Auditoria, Controladoria e Perícia Contábil e
Tecnológicas educacionais para a Docência em Educação Profissional e Tecnológica
TRABALHO AVALIATIVO

Balanço Patrimonial
Empresa Comercial Delicias da Celia
Exercício findo em 31/12/2018.

1 ATIVO 2 PASSIVO
1.1. ATIVO CIRCULANTE 2.1 PASSIVO CIRCULANTE
1.1.1 DISPONIBILIDADES 2.1.1 OBRIGAÇÕES A FORNECEDOR
1.1.1.01 Caixa R$ 50.000,00 2.1.1.01 Duplicata a pagar R$ 100.000,00

1.1.2 CLIENTES 2.1.3 OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS


1.1.2.01 Duplicatas a receber R$ 100.000,00 2.1.3.05 Contribuiçao para contribuição social R$ 10.000,00
2.1.3.06 Contribuiçao para imposto de renda R$ 15.000,00
1.1.4 IMPOSTOS A RECUPERAR
1.1.3.01 ICMS a recuperar R$ 18.000,00 2.1.4 OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDÊNC
2.1.4.05 Salarios e encargos a pagar R$ 30.000,00
1.1.6 ESTOQUES
1.1.6.01 Estoque de Mercadorias R$ 82.000,00 2.1.5 OUTRAS OBRIGAÇÕES
2.1.5.02 Contas a Pagar R$ 20.000,00
TOTAL DO ATIVO CIRCULANTE R$ 250.000,00
2.1.6 PARTICIPAÇÕES E DESTINAÇÃO DU LUCRO
1.2 ATIVO NÃO CIRCULANTE 2.1.6.01 Dividendos a Pagar R$ 25.000,00
1.2.3 IMOBILIZADO
1.2.3.07 Moveis e utensilios R$ 40.000,00 TOTAL DO PASSIVO CIRCULANTE R$ 200.000,00
1.2.3.08 (-) Depreciação acumulada de moveis e utensilios -R$ 8.000,00
2.3 PATRIMÔNIO LIQUIDO
1.2.4 INTANGÍVEL 2.3.1 Capital social R$ 70.000,00
1.2.4.01 Fundo de comercio R$ 20.000,00
1.2.4.04 (-) Amortização Acumulada fundo de comercio -R$ 10.000,00 2.3.2 RESERVAS DE LUCROS
1.2.4.05 Marcas e Pantentes R$ 10.000,00 2.3.2.01 Reserva Legal R$ 7.000,00
1.2.4.06 (-) Amortização Acumulada de Marcas e Patentes -R$ 2.000,00 Reserva para investimento R$ 23.000,00

TOTAL DO ATIVO NÃO CIRCULANTE R$ 50.000,00 TOTAL DO PATRIMÔNIO LIQUIDO R$ 100.000,00

TOTAL GERAL DO ATIVO R$ 300.000,00 TOTAL GERAL DO PASSIVO R$ 300.000,00

A cima você visualizara o balanço patrimonial da empresa findo 2018, considerar saldos remanescentes
das contas após o lançamento contábeis e razonetes do ano anterior. No ciclo operacional da empresa
Delicias da Celia no ano de 2019, ocorreram os seguintes fatos administrativos a serem desenvolvido
pelo estudante de contabilidade:

1. Compra de mercadorias, a prazo, no valor de R$ 250.000,00, com ICMS incluso com a alíquota de
18%;
2. Pagamento a fornecedor, em dinheiro no valor R$ 150.000,00;
3. Vendas de mercadorias, a prazo no valor de R$ 600.000,00, com ICMS incluso com a alíquota de 18%;
4. Valores recebidos de clientes em dinheiro no valor de R$ 400.000,00;

Elaborado por: Docente João Arley Barbosa de Melo.


Especialista em Auditoria, Controladoria e Perícia Contábil e
Tecnológicas educacionais para a Docência em Educação Profissional e Tecnológica
5. Pagamentos efetuados em dinheiro; Provisão para contribuição social no valor R$ 10.000,00; Provisão
para o imposto de renda R$ 15.000,00; Salários e Encargos a pagar R$ 30.000,00; Contas a Pagar R$
20.000,00; Dividendos a Pagar R$ 25.000,00 Totalizando os pagamentos no valor de R$ 100.000,00;
6. Aplicação em títulos de liquidez imediata efetuado junto ao Banco do Bradesco S/A, no valor de R$
100.000,00
7. Resgate de aplicação financeiras, no valor de R$ 55.000,00, sendo R$ 15.000,00 referentes a
rendimentos financeiros.
8. Pagamento de Alugueis, e, dinheiro de R$ 22.000,00;
9. Pagamento de Salários e Encargos incorridos no exercício, em dinheiro de R$ 80.000,00;
10. Pagamento de Impostos e Taxas incorridos no exercício de R$ 5.000,00 (Não inclui tributos incidentes
sobre vendas ou compras);
11. Os acionistas decidiram aumentar o capital com a integralização em dinheiro de 50.000 Ações
ordinárias, no valor de R$ 1,00 cada;
12. Compra de um automóvel para uso da empresa, a vista no valor de R$ 30.000,00
13. Energia elétrica incorrida e paga no exercício no valor de R$ 8.000,00.

Considerando os fatos supracitados pede-se:


1. Escriture os fatos administrativos de 1 a 13;
2. a) Efetuar lançamentos; b) Transferir para Razonetes; c) Fazer Balancete de Verificação Antes do
Encerramento de Contas de Resultado; d) Elaborar lançamentos de Transferências para Apuração do
Resultado do Exercício; e) Fazer Balancete de Verificação Final; f) Elaborar DRE - Demonstração de
Resultado do Exercício - Período e g) Elaborar Balanço Patrimonial em 31/12/2019.
3. Apropriar em 31 de dezembro;
3.1 Salários e Encargos de dezembro no valor R$ 40.000,00;
3.2 Alugueis de dezembro R$ 2.000,00;
3.3 Rendimentos de aplicações financeiras, no valor de R$ 5.000,00;
3.4 Energia elétrica incorrida em dezembro a ser paga no exercício seguinte no valor R$ 3.000,00;
4. Ajustar os saldos das contas ICMS a Recolher e ICMS a Recuperar;
5. Apropriar a COFINS, pela alíquota de 7% sobre o faturamento. Considerar que do montante devido,
R$ 12.000,00 serão pagos no exercício seguinte:
6. Apropriar o PIS pela alíquota de 1% sobre o faturamento. Considerar que do montante devido, R$
1.000,00 serão pagos no exercício seguinte:
7. Depreciar e amortizar;
a) Moveis e Utensílios pela taxa de 10% a.a.;

Elaborado por: Docente João Arley Barbosa de Melo.


Especialista em Auditoria, Controladoria e Perícia Contábil e
Tecnológicas educacionais para a Docência em Educação Profissional e Tecnológica
b) Veículos, pela taxa de 20% a.a. Considerar que entraram em uso no dia 29 de julho 2019;
c) Fundo de Comercio, pela taxa de 10% a.a.;
d) Marcas e Patentes, pela taxa de 10% a.a.
8. Apurar os resultados bruto e liquido do exercício; Para apurar o resultado bruto, considerar que o
estoque final de mercadoria importou em R$ 123.000,00;
9. Deduções do resultado;
a) 10% para a Contribuição Social;
b) 15% para o Imposto de Renda;
10. Participação no resultado;
a) 10% para empregados
b) 10% para administradores
11. Destinação do Lucro Líquido, se houver:
a) 5% para Reserva de Legal;
b) 20% para Reserva Investimentos;
c) O restante para o Acionistas.

Obs: Para fins da DRE, considerar como despesas com vendas 2/3 dos montantes das seguintes despesas;
Alugueis, Salários e Energias Elétrica.

Elaborado por: Docente João Arley Barbosa de Melo.


Especialista em Auditoria, Controladoria e Perícia Contábil e
Tecnológicas educacionais para a Docência em Educação Profissional e Tecnológica

Você também pode gostar