Você está na página 1de 7

CENTRO UNIVERSITÁRIO CAMPOS DE ANDRADE

GILSON DA CRUZ

PRÉ-PROJETO DE PESQUISA
POLÍTICA HABITACIONAL E A SEGREGAÇÃO URBANA
NO MUNICÍPIO DE ARAUCÁRIA

CURITIBA
2010
GILSON DA CRUZ

PRÉ-PROJETO DE PESQUISA
POLITÍCA HABITACIONAL E SEGREGAÇÃO URBANA
NO MUNICÍPIO DE ARAUCÁRIA

Projeto de pesquisa realizado a disciplina de


Métodos e Técnicas de Pesquisas, sob a
orientação do Professor Inácio Francisco
Mallmann como requisito parcial para obtenção
de grau.

CURITIBA
2010
SUMÁRIO

TEMA----------------------------------------------------------------------------------------1
DELIMITAÇÂO DO TEMA-------------------------------------------------------------1.1
PROBLEMA--------------------------------------------------------------------------------2
JUSTIFICATIVA---------------------------------------------------------------------------3
OBJETIVOS--------------------------------------------------------------------------------4
OBJETIVO GERAL-----------------------------------------------------------------------4.1
OBJETIVOS EPECÍFICOS-------------------------------------------------------------4.2
HIPÓTESES---------------------------------------------------------------------------------5
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA---------------------------------------------------------6
METODOLOGIA----------------------------------------------------------------------------7
1 TEMA

GEOGRAFIA URBANA

1.1 DELIMITAÇÕES DO TEMA

POLÍTICA HABITACIONAL E SEGREGAÇÃO URBANA NO MUNICÍPIO DE


ARAUCÁRIA

2 PROBLEMA

A especulação imobiliária decorrente da expansão industrial provoca


impacto sócio-espacial na área urbana do município de Araucária,
supervalorizando os imóveis, bem como os alugueis. Negando o direito à
moradia provocando contradições no desenvolvimento econômico da
população local em um amplo processo de exclusão. Revelando divergências
no desenvolvimento econômico e social.

3 JUSTIFICATIVA
Este tema visa refletir a realidade do espaço urbano no município de
Araucária, considerando as características do desenvolvimento econômico,
impulsionado pela globalização capitalista. As contradições geradas pelo
acelerado crescimento urbano que por um lado beneficiam alguns, por outro
provoca a exclusão espacial da população.
Refletir sobre a fragmentação do espaço gerada pelas estratégias de
empreendedores imobiliários. Neste contexto propõe-se uma analise profunda
no que diz respeito ao planejamento urbano da cidade.
4 OBJETIVOS

4.1 OBJETIVO GERAL


Analisar criticamente a ocupação do espaço urbano no município de
Araucária, abordando as contradições socioeconômicas, decorrentes do
desenvolvimento acelerado da industrialização.
4.2 OBJETIVOS ESPECIFICOS
 Fomentar os conceitos de urbanização sobre a instrumentalização
geoeconômica.
 A expansão urbana atrelada à qualidade das habitações e o direito à
moradia.
 Refletir sobre a problemática que leva à especulação imobiliária na
área urbana do município de Araucária, agravando a segregação
espacial.

5 HIPOTESES
Uma reestruturação no planejamento urbano, buscando trazer a luz da
realidade elementos para a discução de uma distribuição mais justa do espaço
urbano, privilegiando o direito à moradia da população local.

6 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
Para auxiliar o trabalho serão analisadas algumas referências, entre elas as
obras: O Espaço Urbano: novos escritos sobre a cidade – Ana Fani Alessandri
Carlos e Pobreza Urbana – Milton Santos.

7 METODOLOGIA
Coleta de dados através de pesquisa de campo, elaboração de gráficos,
demonstrando a evolução socioeconômica, embasamento teórico através de
livros e pesquisas cientificas
CRONOGRAMA

Ano MêS Mês Mês Mês Mês Mês

2010 ?

Levantamento de
leitura

Montagem do projeto

Coleta de dados

Tratamento de dados

Elaboração do
relatório final

Revisão do texto

Entrega do trabalho
REFERÊNCIAS

CARLOS, Ana Fani Alessandri. O Espaço Urbano: novos escritos sobre a


cidade. São Paulo: Contexto, 2004.

SANTOS, Milton. Por uma Economia Política da Cidade: o caso de São


Paulo. -2ª. Ed.- São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2009.

Você também pode gostar