Você está na página 1de 17

De maio a novembro = PERÍODO SECO

De dezembro a abril = PERÍODO ÚMIDO


VALORES DE ENERGIA REGISTRADOS

PREENCHA AS CÉLULAS COM OS VALORES ENCONTRADOS NA SUA CONTA DE ENERGIA

Energia Potência
Datas
Consumo Reativa Demanda
Ultrapassage
Medição Fora da Ponta Fora da Ponta Faturada Fora
Esta Medição Na Ponta Na Ponta Fora da Ponta m Fora da
Anterior Indutivo Capacitivo da Ponta
Ponta

30/12/99
30/12/99
30/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
Médias 0 0 0 0 0 0 0
Potência Fator de
Despesas Dias Considerados
manda Fator de Potência (Reativa) Carga
Máxima
Fora da Ponta Fora da Ponta (Postagem, Úteis no
Registrada Na Ponta Corridos Fora da Ponta
Indutivo Capacitivo etc.. - R$) período
Fora da Ponta

0 #DIV/0!
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0 0 0 0 0 0 0 #DIV/0!
Análise da conta de energia elétrica
Período de: (datas dd/mm/aa) 12/31/1899 a 12/31/1899
Concessionária: Ampla Energia e Serviços AS
Cliente: Industria de Radiadores Nobre Ltda
Tensão: 13,8 KV
Características do Contrato: Classe de Consumo: Industria
Tarifação tipo: VERDE A 4 2,3 - 25 KV
Demanda contratada:
Consumo Especifico de Combustível (g/kWh)
Fora de Ponta: (kW) Consumo de Lubrificante (% Diesel)
Alíquota do ICMS (%) Custo Específico de Manutenção (US$/Mwh)

PERÍODO DE FATURAMENTO
1.1) - Migrar 1) - PERMAN
todo o consum
Período: horário Fora de Pont
Faturado Tarifa Valor Faturado
Consumo Ponta - - -
Consumo FPonta Ind - - -
Consumo FPonta Cap - - -
Reativa Ponta - - -
Reativa FPonta Ind - - -
ECE - Enc. Capacid. Emerg. - 0.008200 - -
Reativa FPonta Cap - - - -
Demanda Ponta - -
Ultrapassagem Ponta - -
Demanda Fponta - - -
Ultrapassagem FPonta - - - -
Fator Potência Ponta - - - -
Fator Potência Fora Ponta Ind - - - -
Fator Potência Fora Ponta Cap - - - -
ICMS -
Postagem (despesas acessórias) -
Total -
Tatal da fatura -
Dias corridos -
Contas consideradas (nº de meses) -
Valores Máximos de Demanda no Período (ECONOMIA )
Na conta
Fora de Ponta (kW) 0 No ICMS
(No total da fatura )
Custo diário (R$) #DIV/0!
Consumo médio diário (kWh) #DIV/0!
Custo/consumo (R$/MWh) #DIV/0! 1) - O custo operacional do grupo gerador está ba
Díario fora de ponta (kWh) #DIV/0! Diesel acima e custo de manutenção de US 12,00
7.00
2) - Havendo faturamento de potência reativa, dev
Diário ponta (kWh) #DIV/0! 7.00
3) - Para a geração de energia nos horários de po
condições de 3.00
carga do período considerado. Para
Cálculo do Fator de Carga: verificar a existência e intensidade de cargas não
4) - Na alterantiva 2.1, a contratação de demanda
necessidades da instalação.
5) - A alternativa 2.2, migrar para a tarifa AZUL e g
concessionária, pagando a tarifa ajustada, porém
O valor calculado para a demanda de ponta leva e
2) - Havendo faturamento de potência reativa, dev
3) - Para a geração de energia nos horários de po
condições de carga do período considerado. Para
verificar a existência e intensidade de cargas não
4) - Na alterantiva 2.1, a contratação de demanda
necessidades da instalação.
Fora da Ponta #DIV/0! 5) - A alternativa 2.2, migrar para a tarifa AZUL e g
concessionária, pagando a tarifa ajustada, porém
O valor calculado para a demanda de ponta leva e
Luiz Antonio Soussa Rezende
Encarregado de Manutenção
rviços AS
s Nobre Ltda

V
PREMISSAS
234 Preço do Óleo Diesel (R$/litro) 1.40 Taxa Cambial
0.3 Peso Especïfico do Óleo Diesel (kg/litro) 0.85
12.00 Preço do Óleo Lubrificante (R$/litro) 4.50 Custo Operacional (R$/kWh gerado)
ALTERNATIVAS ECONÔMICAS
- Migrar 1) - PERMANECER
todo o consumo para oNA1.2)
TARIFA
- GerarVERDE E: consumo no
energia para 2) - MIGRAR PARA A TARIFA AZUL
horário Fora de Ponta horário de ponta 2.1) - Manter o consumo atual
Tarifa Valor Faturado Tarifa Valor Faturado Tarifa Valor
- - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
0.008200 - 0.008200 - - 0.008200 -
- - - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - - - - - - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -

(ECONOMIA ) (ECONOMIA ) (ECONOMIA )


nta - Na conta - Na conta -
MS - No ICMS - No ICMS -
tal da fatura ) - (No total da fatura ) - (No total da fatura ) -
(Custo operacional ) -
(Redução ) -
do grupo gerador está baseado em consumo específico de combustível de 222 g/kWh, alternador com rendimento igual ou superior a 95%
manutenção de US 12,00/MWh (inclui reforma a cada 10 mil horas de operação).
o de potência reativa, deve ser avaliada a instalação de capacitores para correção do fator de potência, a fim de eliminar este custo.
nergia nos horários de ponta, pode ser utilizado um grupo gerador com potência suficiente para atender a máxima demanda de ponta, desd
eríodo considerado. Para o dimensionamento correto do grupo gerador é necessário considerar motores elétricos e suas correntes de parti
tensidade de cargas não lineares.
contratação de demanda de ponta leva em conta apenas a maior demanda verificada no período, devendo a sugestão ser reconsiderada f
ão.
rar para a tarifa AZUL e gerar energia no horário de ponta, oferece a vantagem de, numa eventual falha do grupo gerador, poder-se consu
a tarifa ajustada, porém evitando-se a ultrapassagem, o que resultaria antieconômico.
demanda de ponta leva em conta somente a obrigação de contratação de demanda de ponta não inferior a 10% da demanda fora de ponta
o de potência reativa, deve ser avaliada a instalação de capacitores para correção do fator de potência, a fim de eliminar este custo.
nergia nos horários de ponta, pode ser utilizado um grupo gerador com potência suficiente para atender a máxima demanda de ponta, desd
eríodo considerado. Para o dimensionamento correto do grupo gerador é necessário considerar motores elétricos e suas correntes de parti
tensidade de cargas não lineares.
contratação de demanda de ponta leva em conta apenas a maior demanda verificada no período, devendo a sugestão ser reconsiderada f
ão.
rar para a tarifa AZUL e gerar energia no horário de ponta, oferece a vantagem de, numa eventual falha do grupo gerador, poder-se consu
a tarifa ajustada, porém evitando-se a ultrapassagem, o que resultaria antieconômico.
demanda de ponta leva em conta somente a obrigação de contratação de demanda de ponta não inferior a 10% da demanda fora de ponta
2.90

0.42334

PARA A TARIFA AZUL E:


2.2) - Gerar energia para consumo no
horário de ponta
Faturado Tarifa Valor
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- 0.008200 -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
-
-
-
-
-

(ECONOMIA )
Na conta -
No ICMS -
(No total da fatura ) -
(Custo operacional ) -
(Redução ) -
ento igual ou superior a 95%, preço do óleo

e eliminar este custo.


ma demanda de ponta, desde que mantidas as
cos e suas correntes de partida, assim como

ugestão ser reconsiderada face às reais

upo gerador, poder-se consumir energia da

% da demanda fora de ponta na tarifa AZUL.


e eliminar este custo.
ma demanda de ponta, desde que mantidas as
cos e suas correntes de partida, assim como

ugestão ser reconsiderada face às reais

upo gerador, poder-se consumir energia da

% da demanda fora de ponta na tarifa AZUL.


De maio a novembro = PERÍODO SECO
De dezembro a abril = PERÍODO ÚMIDO
VALORES DE ENERGIA REGISTRADOS

PREENCHA AS CÉLULAS COM OS VALORES ENCONTRADOS NA SUA CONTA DE ENERGIA

Energia
Datas
Consumo Reativa Demanda
Medição Fora da Ponta Fora da Ponta Faturada na Ultrapassage
Esta Medição Na Ponta Na Ponta Fora da Ponta
Anterior Indutivo Capacitivo Ponta m na Ponta

30/12/99
30/12/99
30/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
31/12/99
Médias 0 0 0 0 0 0 0
Potência
Despesas Dias Considerados
Demanda Fator de Potência (Reativa)
Ultrapassage Máxima Máxima
Faturada Fora Fora da Ponta Fora da Ponta (Postagem, Úteis no
m Fora da Registrada Registrada na Na Ponta
da Ponta Indutivo Capacitivo etc.. - R$) período
Ponta Fora da Ponta Ponta

0 0 0 0 0 0 0 0 0
ias Considerados Fatores de Carga

Corridos Fora da Ponta Na Ponta

0 #DIV/0! #DIV/0!
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0 #DIV/0! #DIV/0!
Análise da conta de energia elétrica
12/31/1899
Período de: (datas dd/mm/aa) a 12/31/1899
Concessionária:
Consumidor:
Tensão: 13.8 kV
Características
Classe
do Contrato:
de Consumo:
Tarifação Tipo: AZUL MT S/G A4
Demanda contratada atual: PREMISSAS PARA GERAÇÃO
Ponta: (kW) Consumo Especifico de Combustível (g/kWh) 234
Fora de Ponta: (kW) Consumo de Lubrificante (% Diesel) 0.3
Alíquota do ICMS (%) Custo Específico de Manutenção (US$/Mwh) 12.00

FATURAMENTO
1) - PERMANECER NA TAR
1.1) - Migrar todo o consumo para o horário Fora
Período: de Ponta
Faturado Tarifa Valor Faturado Tarifa
Consumo Ponta - - - -
Consumo FPonta Ind - - - -
Consumo FPonta Cap - - - -
Reativa Ponta - - - -
Reativa FPonta Ind - - - -
ECE - Encar. Capacidade -Emerg. - - -
Demanda Ponta - - - -
Ultrapassagem Ponta - - - -
Demanda Fponta - - - -
Ultrapassagem FPonta - - - -
Fator Potência Ponta - - - -
Fator Potência Fora Ponta- Ind - - -
Fator Potência Fora Ponta- Cap - - -
ICMS -
Postagem (ou despesas acessórias) -
Total -
Tatal da fatura -
Dias corridos -
Contas consideradas (nº de meses) -
Valores Máximos de Demanda no
(ECONOMIA )
Período (DCMR)
Ponta (kW) 0 Na conta
Fora de Ponta (kW) 0 No ICMS
(No total da fatura )
Custo diário (R$) #DIV/0!
Consumo médio diário (kWh)
#DIV/0!
Custo/consumo (R$/MWh)#DIV/0!
Diário fora de ponta (kWh)#DIV/0! 7.00 1) - O custo operacional do grupo gerador está
Diário ponta Err:509
(kWh) 7.00 e custo de manutenção de US 12,00/MWh (incl
3.00 2) - Havendo faturamento de potência reativa, d
Cálculo dos Fatores de Carga: 3) - Para a geração de energia nos horários de p
Ponta (#DIV/0! ) de carga do período considerado. Para o dimen
Fora da Ponta #DIV/0! e intensidade de cargas não lineares.
Luiz Antonio Soussa Rezende 4) - Na alterantiva 2.1, a contratação de deman
Encarregado de Manutenção necessidades da instalação.
5) - A alternativa 2.2, migrar para a tarifa AZUL
, pagando a tarifa ajustada, porém evitando-se
O valor calculado para a demanda de ponta lev
PREMISSAS PARA GERAÇÃO DE ENERGIA A PARTIR DO ÓLEO DIESEL
Preço do Óleo Diesel (R$/litro) 1.40 Taxa Cambial
Peso Especïfico do Óleo Diesel (kg/litro) 0.85
Preço do Óleo Lubrificante (R$/litro) 4.50 Custo Operacional (R$/kWh gerado)
ALTERNATIVAS ECONÔMICAS
1) - PERMANECER NA TARIFA AZUL E: 2) - MIGRAR PARA A TAR
umo para o horário Fora 1.2) - Gerar energia para consumo no horário
2.1) - Manter o consumo atual
onta de ponta
Valor Faturado Tarifa Valor Faturado Tarifa Valor
- - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - - - - - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -

OMIA ) (ECONOMIA ) (ECONOMIA )


- Na conta - Na conta -
- No ICMS - No ICMS -
- (No total da fatura ) - (No total da fatura ) -
(Custo operacional ) -
(Redução ) -

nal do grupo gerador está baseado em consumo específico de combustível de 222 g/kWh, alternador com rendi
ção de US 12,00/MWh (inclui reforma a cada 10 mil horas de operação).
ento de potência reativa, deve ser avaliada a instalação de capacitores para correção do fator de potência, a fim
e energia nos horários de ponta, pode ser utilizado um grupo gerador com potência suficiente para atender a m
considerado. Para o dimensionamento correto do grupo gerador é necessário considerar motores elétricos e su
gas não lineares.
1, a contratação de demanda de ponta leva em conta apenas a maior demanda verificada no período, devendo
alação.
migrar para a tarifa AZUL e gerar energia no horário de ponta, oferece a vantagem de, numa eventual falha do
stada, porém evitando-se a ultrapassagem, o que resultaria antieconômico.
a a demanda de ponta leva em conta somente a obrigação de contratação de demanda de ponta não inferior a
2.90

0.42334

AR PARA A TARIFA VERDE E:

2.2) - Gerar energia para consumo no horário de ponta


Faturado Tarifa Valor
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
- - -
-
-
-
-
-

(ECONOMIA )
Na conta -
No ICMS -
(No total da fatura ) -
(Custo operacional ) -
(Redução ) -

nador com rendimento igual ou superior a 95%, preço do óleo Diesel acima

de potência, a fim de eliminar este custo.


para atender a máxima demanda de ponta, desde que mantidas as condições
es elétricos e suas correntes de partida, assim como verificar a existência
eríodo, devendo a sugestão ser reconsiderada face às reais

eventual falha do grupo gerador, poder-se consumir energia da concessionária

ta não inferior a 10% da demanda fora de ponta na tarifa AZUL.

Você também pode gostar