Você está na página 1de 16

Universidade Estadual do Ceará – UECE

Centro de Estudos Sociais Aplicados – CESA


Curso de Administração de Empresas
Administração Mercadológica II
Prof: Roberto de Sousa Lima

Plano de Marketing
COMIDA & CIA Restaurante Self-service.

Equipe: Carla Cristina


Priscila R. Lopes
Roberto
Horário: CD – manhã

Fortaleza, Junho de 2004.


SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO .............................................................................................................. 0
2. RESUMO EXECUTIVO ................................................................................................. 0
3. A EMPRESA ................................................................................................................. 0
3.1. Identificação da Empresa ........................................................................... 0
3.2. Atividade Desenvolvida pela Empresa ......................................................
3.3. Produtos e Serviços ....................................................................................
3.4. Estrutura Organizacional ............................................................................
3.5. Aspectos Técnicos da Empresa ..................................................................

4. ESTUDO DE MERCADO E LOCALIZAÇÃO................................................................ 0


4.1.Mercado em que a empresa atua ................................................................. 0
4.2.Análise do perfil do segmento-meta do mercado que atua .........................
4.3.Mercado Consumidor ..................................................................................
4.4.Mercado Fornecedor ...................................................................................
4.5. Mercado
Concorrente ..................................................................................

5. ESTRATÉGIAS DE MARKETING......................................................................................... 0

6. OBESERVAÇÕES FINAIS ....................................................................................................... 0

7.1.Estratégias aplicadas ao Mix de Marketing................................................... 10


7.1.1. Mix do Produto...................................................................................10
7.1.2. Mix de Promoção................................................................................10
7.1.3. Mix de Preço.......................................................................................10
7.1.4. Mix de Distribuição ...........................................................................11
7.2. Orçamento.....................................................................................................11
7.3. Controles ............................................................................................... ......17
7.4. Definição de programas ...............................................................................19
7.5. Processo de Atualização ..............................................................................19

BIBLIOGRAFIA
INTRODUÇÃO

Nenhuma empresa pode sobreviver no mundo moderno sem que planeje o seu futuro.
O planejamento de Marketing é a técnica que permite a uma empresa decidir sobre qual é
o melhor uso de seus escassos recursos para atingir seus objetivos empresariais. O plano
de Marketing é o passaporte para esse futuro.
O trabalho a seguir objetiva apresentar as estratégias utilizadas pelo COMIDA & CIA
Restaurante Self-service, localizado nesta cidade, para sua estruturação e consolidação
dentro do mercado de prestação de serviços alimentícios na referida cidade.
Este documento contém a análise das estratégias da área de marketing e o plano de
ação voltado aos seus objetivos. Lembramos da importância deste Plano para o
alinhamento de ações do referido restaurante e a consolidação de sua imagem
institucional, com vistas à satisfação de seus clientes e à conquista de novos mercados.
SUMÁRIO EXECUTIVO

A empresa analisada é o COMIDA & CIA Restaurante Self-service, localizado no


centro desta cidade. Será inaugurado em 01 de julho de 2004, com uma grande festa de
comemoração com música ao vivo e promoções de abertura.
Os proprietários resolveram montar esse negócio nesta localização devido à
concentração de pontos comerciais, como lojas e bancos, voltado a clientes que prefiram
uma alimentação de melhor qualidade a um preço acessível.
O propósito deste negócio no momento da criação é que ele seja bem aceito pela
população e que assim pudesse fidelizar de imediato a clientela.
Com o objetivo de proporcionar uma vida mais saudável aos trabalhadores do
comércio, o COMIDA & CIA Restaurante Self-service produz refeições sob orientação de
profissionais formados em nutrição, destinando-se a servir refeições de excelente
qualidade e a um bom preço.
Tanto no serviço de self-service quanto em serviços com refeições transportadas, os
modernos equipamentos garantem o acondicionamento e a temperatura adequada para
que o alimento chegue ao cliente em condições ideais. A qualidade começa pelo controle
dos fornecedores de alimentos, pelos programas de análise e verificação na produção, e
no ato de servir. O plano de marketing surge como uma oportunidade para definição da
área de atuação e propõe a sistematização das ações de consolidação da imagem dos
produtos e serviço.
O sistema do COMIDA & CIA Restaurante Self-service segue uma linha de serviços
“fast food” que se caracteriza por aliar a rapidez à qualidade. A característica deste
restaurante é que o cliente, além de se servir com uma opção de escolha bem ampla,
pode definir seu próprio cardápio através da visualização do alimento e não por uma
descrição escrita do prato.
DADOS DA EMPRESA

1. IDENTIFICAÇÃO

Razão Social: Lima, Lopes & Roberto Restaurante Ltda


Nome de Fantasia: COMIDA & CIA Restaurante Self-service
Endereço: Rua Barão do Rio Branco, nº Centro - Fortaleza/ CE
E-mail: comida&cia@yahoo.com.br / Site: www.comidaecia.com.br
Data de constituição: 01/06/04
Porte da Empresa: EPP – Empresa de Pequeno Porte
Numero de funcionários: 07 (sete)
Sócios: Carla Cristina de Medeiros Lima e Priscila R. Lopes .
Responsabilidade dos sócios: Carla – Gerência geral; Priscila – Gerência Comercial
e Roberto – Gerência Financeira
Regime fiscal: SIMPLES
Finalidade do investimento: Implantação.

2. FICHA TÉCNICA

Setor da Economia: Terciário


Ramo de Atividade: Prestação de Serviços
Tipo de Negócio: Restaurante de comida por quilo
Produtos Ofertados/Produzidos: Comércio e serviço de alimentação.

3. LOCALIZAÇÃO E INSTALAÇÃO

2.1. Classificação da localização e das instalações:

1 Sem importância
Opção Fatores
2 Pouco importante
3 Importante Área comercial movimentada
4 Muito importante Bom acesso rodoviário
5 Super importante Estrada de serviço para entregas
Facilidade de estacionamento
Facilidade de entrada e saída de pessoas
Fluxo de tráfego
Histórico do local
Localização da rua
Passagem de pedestres
Transporte público
Serviços urbanos
Zoneamento adequado
Taxa de ocupação do local
Tempo de contrato do aluguel
Preço do aluguel
Melhorias exigidas na locação
Estado do imóvel
Área para vitrines
2.2. Local e aspectos físicos

O melhor local para instalação é o que apresenta grande concentração de pessoas,


principalmente de trabalhadores com pouco tempo para as refeições.
O COMIDA & CIA ficará localizado numa rua de grande movimento no centro da
cidade devido à concentração de pontos comerciais, como lojas e bancos, voltado a
clientes que prefiram uma alimentação de melhor qualidade a um preço acessível.

2.3. Layout para as instalações

O COMIDA & CIA Restaurante Self-service poderá ser considerado um restaurante


padrão, pois as dependências serão de bom tamanho e a montagem será feita com
capricho e bom gosto. Ele terá as áreas social e de serviço. Na área social ficarão a
recepção, mesas com cadeiras, balcão expositor de alimentos, balança e o caixa,
banheiros dos clientes. Na área de serviço ficarão a cozinha, copa, despensa, vestiário,
banheiro dos funcionários e as salas para a administração. Anexado ao fim do Plano de
Marketing estará o croqui do restaurante.

4. Produtos e Serviços

 Serviço de self-service com balança (comida a quilo)


 Serviço de refeições transportada (‘quentinhas’)

5. Missão

“Oferecer aos nossos clientes uma alimentação de boa qualidade a preços acessíveis
de forma rápida e eficiente, num ambiente limpo e agradável, onde o cliente seja acima de
tudo respeitado e bem atendido.”

3. Objetivos

Objetivo Geral
Ser referência no segmento de alimentação coletiva garantindo qualidade e segurança alimentar.

Objetivos Específicos
Para o período de 2003/2004:
• Ampliar capilaridade nas regiões que já possuem estrutura operacional consolidada, focando
nos três segmentos do mercado: pequena, média e grande empresa, garantindo a viabilidade do
negócio;
• Fidelizar os clientes já atendidos;
• Ampliar a oferta de serviços atendendo a demanda do mercado;
• Alcançar um padrão de alta qualidade que garanta a segurança alimentar em todas as unidades,
através da implementação das boas práticas de fabricação.
ANÁLISE DA SITUAÇÃO

1. Análise do Mercado

O propósito do COMIDA & CIA no momento da criação é que ele seja bem aceito pela
população e que assim pudesse fidelizar de imediato a clientela. Ele vai atuar no ramo de
restaurantes self-service, no Centro da Fortaleza, e deseja destacar-se no ramo.
Até meados dos anos 80 eram raras opções para quem precisava almoçar fora de
casa. As alternativas restringiam-se a restaurantes com serviço à la carte, lanchonetes ou
pequenos estabelecimentos comerciais que ofereciam o prato feito, conhecido
popularmente por “PF”. Todas alternativas deixavam a desejar, principalmente pelo preço,
cardápio inadequado, higiene ou demora no atendimento.
O cenário começou a mudar com a instalação de redes de fast-food e o surgimento
dos restaurantes self-service por quilo. Essas opções permitiram ao consumidor escolher
entre vários pratos de saladas, carnes e massas, pagando apenas pelo consumo. Logo,
espalharam-se por todo o país.
Num ramo bastante disputado, com 800 mil estabelecimentos no país - exatamente o
dobro de cinco anos atrás, os restaurantes não dependem mais só da boa comida para
alcançar o sucesso. Devem estar atentos aos desejos dos clientes. O mercado de self–
service é promissor, apesar de não ser tão simples como parece. De acordo com a
Associação de Bares e Restaurantes Diferenciados (Abredi), apenas 25% dos
estabelecimentos funcionam por mais de cinco anos.
O centro da cidade oferece uma ótima localização para esse tipo de negócio, já que é
no centro que está concentrada uma grande área comercial da cidade e isso, traz a
possibilidade de uma demanda maior no que se refere a clientes potenciais.
Apesar da grande concorrência de outros restaurantes do mesmo estilo e muitos
acharem que o mercado está saturado, o “Comida & Cia” irá destacar-se, pois terá como
diferencial além de um cardápio bastante variado, um ambiente acolhedor e que chame a
atenção pela organização e higiene. A grande vantagem e destaque desse tipo de
negócio é que envolve a satisfação de uma necessidade básica de todo ser humano que
é a de alimentar-se
. O mercado consumidor de um self-service no centro da cidade, geralmente é
constituído por homens e mulheres que trabalham (escritórios, bancos, lojas, etc.) ou
estudam próximo ao local e tendem a freqüentar o local diariamente, mas também há
aquelas pessoas que estão resolvendo algum assunto ou até mesmo apenas a passeio,
no centro da cidade.
No local escolhido para a instalação do restaurante já existem outros restaurantes,
mas como se verificou não são de boa qualidade, pois o ambiente deles não é agradável,
o atendimento é demorado, a comida não consegue suprir a todos que por ali trabalham
ou estudam. Verificamos que há uma enorme quantidade de estudantes, comerciários e
outros profissionais (bancários, camelôs, etc.), assim como uma grande circulação de
pessoas devido a pontos de concentração de ônibus existentes próximos ao local.

2. Análise do Macroambiente

Oportunidades:

• Elevada demanda por formas alternativas de serviços de alimentação


(prática, saudável e econômica);
• Ritmo de vida acelerado;
• Incentivos fiscais para MPE´s;
• Linhas de financiamento para MPE´s;
• Projeto de revitalização do centro da cidade.

2.1. Ameaças:

Crise econômica com redução do poder aquisitivo;


• Instabilidade econômica - alteração cambial, corte de gastos, elevação
do preço dos alimentos;
Existência de um grande número de concorrentes;
Fiscalização rígida da Vigilância Sanitária;
Aumento da taxa de mortalidade das MPE´s;
Desemprego;
Aparecimento de outros pólos comerciais.

3. Análise Interna

2.2. Pontos Fortes:

• Customização no atendimento aos clientes;


• Equipe altamente especializada;
• Cardápio diversificado com produtos de qualidade;
• Rigidez no controle de higiene e conservação do ambiente e dos
produtos;
• Conforto e praticidade do ambiente físico;
• Proximidade dos pólos comerciais e facilidade acesso ao comércio.

2.3. Pontos Fracos:

• Ambiente físico restrito;


• Desconhecimento da empresa no mercado;
• Dificuldade em encontrar fornecedores em maior quantidade com a
qualidade exigida pelo padrão de segurança e que favoreça a negociação;
• Ausência de planejamento de Marketing especifico;
• Dificuldade de encontrar profissionais no mercado, que possuam perfil
exigido para a função;
• Lentidão nas ações devido às exigências legais.

3. Concorrentes

Os Concorrentes do COMIDA & CIA são os outros restaurantes self-service ou não,


lanchonetes, fast foods, carrinhos de lanche ou outros que atendam às mesmas
necessidades, no centro da cidade. Com relação aos restaurantes de self-service
podemos listar os seguinte pontos:

3.1. Pontos Fortes:


• Conhecimento e vivência de mercado
• Fidelidade da clientela

3.2. Pontos Fracos:

• Baixa qualidade no atendimento


• Falta de conforto
• Higienização do local e alimentos a desejar

Competências a serem desenvolvidas:

• Promover e divulgar a marca;


• Fazer promoção de venda junto ao consumidor com descontos;
• Trabalhar com funcionários qualificados e que prestem um bom
atendimento;
• Oferecer um ambiente confortável, limpo e convidativo;
• Desenvolver um banco de fornecedores qualificados;
• Desenvolver uma identidade para o serviço de alimentação;
• Investir na capacitação do corpo funcional.

4. Definição do segmento-meta

- Segmentação geográfica: bairro (centro da cidade)


- Segmentação demográfica: ocupação (pessoas que trabalham ou estudam na
região).
- Segmentação psicográfica: classe social (média e média alta)
- Segmentação comportamental: por ocasião (por estarem no centro fazendo
alguma atividade e tendo que parar para almoçar); busca de benefícios
(qualidade da refeição, bom atendimento e comodidade).
OBJETIVOS DE MARKETING

• Obter uma participação de mercado de 10% no primeiro ano de funcionamento;


• Consolidar a lembrança do consumidor em relação à marca dentro de 01 ano;
• Conquistar cerca de 08 clientes por mês;
• Trabalhar com um preço médio de R$ 10,00 por kilo.
PLANO DE AÇÃO

1. Estratégias aplicadas ao mix de marketing


O mix de marketing consiste em todas as ações da empresa com a intenção de
influenciar a demanda do seu produto. Todos os objetivos devem estar relacionados com
a realidade da empresa e para isso devem existir estratégias que possibilitem a realização
dos objetivos.
A principal estratégia será alcançar o segmento de mercado formador de opinião na
cidade para ser referência no mesmo.

1.1. Estratégia de Produto / Serviço

O produto é a combinação de “bens e serviços” que a empresa oferece ao seu


segmento-alvo. A linha de produtos que a empresa propõe comercializar deverá incluir os
seguintes itens: pratos quentes, pratos frios, massas, saladas, sobremesas, e bebidas.
Entre os serviços estão: serviços de cozinha, serviços de atendimento, e serviços de
limpeza.
As estratégias de produto/ serviço apresentadas são:
• Oferecer serviços diferenciados para atrair o segmento alvo (música ao vivo, etc.);
• Alcançar padrão de excelência em todos os processos;
• Renovar o cardápio toda semana, oferecendo sempre novidades;
• Treinamento dos recursos humanos: cursos para os garçons,
cozinheiros, e funcionários do setor administrativo, visando melhorar a qualidade tanto
do produto quanto do atendimento;
• Consolidar a qualidade percebida dos produtos pelo cliente, através do controle de
qualidade.
• Para garantir a qualidade do produto (pratos/bebidas) oferecido deve-se ter um
cuidado especial na seleção dos fornecedores;
• Visando observar permanentemente o grau de satisfação quanto aos serviços
prestados, propõe-se a colocação de uma caixa de sugestões buscando conhecer os
níveis de satisfação e as sugestões oriundas do cliente.

1.2. Estratégia de Preço

Foi feita uma pesquisa de mercado sobre o preço da concorrência, somado a isso
temos os outros custos que incidem sobre a mercadoria. A estratégia seria fazer uma
negociação com o fornecedor pressionando para que conceda descontos maiores na
aquisição da matéria-prima, haja vista que o montante adquirido semanalmente é grande.
Outras estratégias:
• Preço competitivo que não comprometa a qualidade do serviço e permita apresentar
um serviço diferenciado
• Entrar no mercado com um preço de penetração abaixo dos concorrentes (R$ 10,00 o
kg)

1.3. Estratégia de Comunicação

O restaurante será inaugurado com uma grande festa de comemoração com música
ao vivo e promoções de abertura.Tendo em vista que o mercado possui concorrência real,
a propaganda será nosso principal recurso, incrementaríamos ainda com promoções nos
período de menor fluxo de público no restaurante, como sobremesa grátis para
acompanhar todos os pratos do cardápio, a fim de atrair os clientes nestes dias. Outras
estratégias:
• Desenvolver uma identidade visual para promover a marca COMIDA & CIA;
• Fidelização do cliente com a criação de um cartão para o restaurante;
• Promoções para épocas festivas do tipo: dia dos pais, das mães etc;
• Utilizar mídia de veículo visual e auditivo para promover o restaurante;
• Aumentar o serviço de relações públicas para o desenvolvimento de boas relações
com os vários públicos da empresa (clientes, concorrentes, fornecedores).

1.4. Estratégia de distribuição e logística


Envolve as atividades da empresa que tornam o produto disponível para os
consumidores – alvo. Como se trata de um restaurante, a empresa contará com apenas
um canal de distribuição que é o contato direto com o consumidor. Mas poderá
incrementar suas vendas com a diversificação dos canais de distribuição a serem
utilizados, podendo desenvolver parcerias com outras empresas para que as mesmas a
indiquem, mediante comissionamento. Outras estratégias:
• Firmar convênios com as maiores empresas locais a fim de fornecer alimentação para
seus funcionários
• Melhorar o tipo de armazenagem e estocagem dos produtos como da matéria prima,
fazendo um controle constante dos depósitos, a fim de eliminar os desperdícios, e os
problemas com a validade dos produtos.

2. CRONOGRAMA DE ATIVIDADES

ATIVIDADES Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez

Pesquisa de Mercado

Estruturação do Serviço de
Atendimento ao consumidor

Recrutamento e seleção dos


funcionários

Treinamento dos funcionários


Formação de parcerias com
fornecedores

Divulgação da marca

Prospecção dos clientes

Oferta de serviços aos


clientes

Prazo
Estratégias Detalhamento das Ações Responsável
Início Término

Produto

Fazer pesquisa de mercado para verificar que Gerente


Jan/04 Fev/04
tipo de cardápio deverá ser servido Comercial
*Diversificar o produto
oferecido Reavaliar mensalmente o cardápio oferecido,
Jan/04 Dez/04 Gerente Geral
sempre propondo novidades
*Oferecer serviços Buscar serviços que atraiam a atenção do Mar/04 Abr/04
Gerente
diferenciados para cliente, como música ao vivo, entre outros Comercial
atrair o segmento alvo Programas de treinamento dos recursos Mar/04 Mar/04 Gerente Geral
humanos:
*Alcançar padrão de Consolidar a qualidade percebida dos produtos Abr/04 Dez/04 Gerente Geral
excelência em todos os pelo cliente, através do controle de qualidade.
serviços. Para garantir a qualidade do produto
Gerente
(pratos/bebidas) oferecido deve-se ter um Fev/04 Mar/04
Comercial
cuidado especial na seleção dos fornecedores;
Ter uma metodologia da pesquisa
Abr/04 Dez/04 Gerente Geral
de satisfação dos clientes (caixa de sugestões)
Preço
Pesquisa de mercado junto aos concorrentes Gerente
Jan/04 Fev/04
para verificar o preço praticado Comercial
Oferecer preço Entrar no mercado com um preço de Gerente
Mar/04 Abr/04
competitivo penetração abaixo dos concorrentes Adm.Financ
Otimizar os custos fixos e variáveis da Gerente
Fev/04 Mar/04
empresa para reduzir o preço de venda Adm.Financ
Distribuição
Firmar convênios com as maiores empresas
*Diversificar a rede de
locais a fim de fornecer alimentação para Mar/04 Jun/04 Gerente
distribuição
seus funcionários Comercial
*Controlar de forma Melhorar o tipo de armazenagem e
rígida os serviços de estocagem dos produtos como da matéria
armazenagem e prima, fazendo um controle constante dos Abr/04 Dez/04 Gerente
estocagem dos depósitos, a fim de eliminar os desperdícios, Adm-
produtos e os problemas com a validade dos produtos. Financeiro
Promoção / Comunicação
*Desenvolver uma Definir comunicação visual para o
identidade visual para restaurante, cores, mobiliário, comunicação
Mar/04 Abr/04 Gerente Geral
promover a marca interna, kit de inauguração, banners e
decoração.
Utilizar mídia de veículo visual e auditivo
*Divulgar a marca Abr/04 Mai/04 Gerente Geral
para promover o restaurante
Conquistar e Fidelizar Criação de um cartão fidelidade para clientes
Gerente
os clientes com programa de bônus. Jul/04 Ago/04
Comercial
conquistados
*Melhorar o Aumentar o serviço de relações públicas para
relacionamento com o o desenvolvimento de boas relações com os Gerente
Jun/04 Jul/04
seu público vários públicos da empresa (clientes, Comercial
concorrentes, fornecedores).

3. ORÇAMENTO
Custos Fixos (CF) = R$ 20.000
Despesas de Comercialização (DC) = 10%
Lucro (L) = 30%

a) CÁLCULO DA TAXA DE MARCAÇÃO

TM = ___1____ = ______1_________ = ___1___ = 1,67


1 – (L + DC) 1 – ( 0,30 + 0,1 ) 0,6

b) CÁLCULO DO FATURAMENTO

Fat = CF X TM
Fat = 20.000 x 1,67
Fat = 33.400

c) CÁLCULO DO MARKUP

Markup sobre custo  M∆ A = TM – 1 = 0,67 = 67%


Markup sobre venda  M∆ V = DC + L = 0,40 = 40%

d) DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADO

Faturamento ................................... 33.400,00


Custo Fixo ..................................... 20.000,00
Lucro Bruto ................................... 13.400,00
Despesas Comerciais .......................... 2.000,00
Lucro Liquido ................................... 11.400,00

4. CONTROLES

É importante ter-se um sistema de monitoração e controle adequado para medir o


desempenho do plano. O sistema atuará sobre as pessoas que têm responsabilidade de
implementar o plano e deve ser de fácil operacionalização. Os controles que serão
utilizados serão voltados para mensurar o nível de vendas e a fidelização da clientela.
Utilizaremos os seguintes tipos de controle:

Comparação de Fatores –Chave da Empresa com Relação à Concorrência


Concorrentes
-4 -3 -2 -1 0 1 2 3 4
Fatores-chave de sucesso
1 BOM ATENDIMENTO X X X X
2 LIMPEZA E CONSERVAÇÃO X X X X
3 PREÇO X X X X
4 DIVERSIFICAÇÃO DOS PRATOS X X X X
4.1. Evolução das vendas
Meses Abril / Mai/ Jul/ Ago/ Out /Nov/ Dez
Jun Set
Segmento Vendas % Vendas % Vendas %
Comerciários
Bancários
Estudantes
Outros

4.3. Comparação do Desempenho de Vendas da Empresa Vs. Concorrentes por área


Desempenho Comparativo de Vendas da Empresa com os Concorrentes
Mercado do Centro da Cidade de Fortaleza – Vendas de Abril/ Mai/ Jun
Abril Maio Junho
Empresa Vendas (%) Vendas (%) Vendas (%)
Concorrente A (R$) (R$) (R$)
Concorrente B
Concorrente C
Total

4.4. Controle de clientes inativos


Situação do cliente Porque deixaram de comprar
Cliente Cliente Última Atendimento Qualidade do Preço Outros
desde compra produto

5. PROCESSO DE ATUALIZAÇÃO

A implementação do plano de marketing será monitorada e, se ocorrerem desvios,


talvez seja preciso modificar os objetivos, entre outras coisas. Este plano será revisto
anualmente, para avaliar os resultados obtidos e reciclar mudanças caso sejam
necessárias. Visando uma melhor adequação, com a finalidade de atingir os objetivos ou
redefinição dos mesmos.
BIBLIOGRAFIA

KOTLER, Philip. Administração de marketing: análise, planejamento, implementação e


controle. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1996.

NOLAN, Mark. Plano de Marketing Instantâneo; Tradução Paulo Moreira - Rio de Janeiro:
Axcel Books, 1995.

LIMA, Roberto Sousa. Plano de Ensino da Disciplina Administração Mercadológica II.


Fortaleza – 2003/2004.

SEBRAE – www.sebrae.com.br