Você está na página 1de 2

Master Project Management

Introdução Gerenciamento de Projetos


Projeto
Constitui em um esforço temporário para realização de atividades pré-estabelicidas, com escopo definido. O
projeto deve possuir um começo, meio e fim e uma sequência de atividades.

Um projeto, não deve ser confundido com processo. Pois em sua normalidade, os processos são atividades
realizadas corriqueiramente, e não tem data de termino.

Gerente de projetos
Pessoa responsável pelo planejamento das atividades do projeto, assim como controlar os entregáveis e
tempo de realização das atividades.

Gerenciamento do projeto
O gerenciamento do projeto é a ação realizada polo gestor do projeto, que consiste em garantir as entregas
e ações nas datas estipuladas, tempo dos recursos, custos e objetivos. Assim como montar o plano de
comunicação das entregas junto aos stakeholders.

Programa
Conjunto de projetos que tenham as mesmas características, ou atividades que sejam coordenadas de uma
mesma maneira, ou que sejam partes de uma mesma entrega.

Portfólio
Objetivos e metas do projeto. Analise estratégica do projeto

Recursos
Consiste em identificar o que ou quem é responsável por executar ou facilitar a atividade dentro do projeto.

O recurso pode ser uma pessoal, aplicação, financeiro, ou ferramenta que são necessárias para atender ou
executar uma atividade dentro do projeto.

Histórico Gerenciamento de Projetos


Há relatos de gerenciamento de projetos na construção das pirâmides do Egito, onde havia uma pessoa
responsável pela construção de cada face.

Também foram sinalizados gestores de projeto na construção da muralha da china.


Instituições e suas datas de nascimento:

1956 – AACE

1967 – IPMA – Certificação europeia, Para possuir uma certificação a pessoal deve, além de entregar o
curriculum, o mesmo será examinado por uma banca

1969 – PMI – Certificação Americana, mais popular no mercado nacional.

 Estrutura Básica do PMBOK:

Dividido em 5 grupos de processos em gerenciamento de projetos:

1. Inicio
2. Planejamento
3. Execução
4. Monitoramento e controle
5. Encerramento

 Áreas de Conhecimento

1. Integração 6. RH
2. Escopo 7. Risco
3. Custos 8. Tempo
4. Qualidade 9. Partes Interessadas (Stakeholders)
5. Aquisição 10. Comunicação

 IIBA – Associação dos analistas de Negócios


 PDCA – A aplicação do PDCA é mais explícito e evidenciado no PMBOK, no BABOK o PDCA é
explicado de uma forma mais subjetiva, com conceitos

Escopo x Custo x Prazo


Este era um conceito utilizado anteriormente, onde sinalizavam que se um projeto atendesse todos os 3
tópicos, ele seria um sucesso, porém, este conceito não é mais utilizado atualmente, pois o escopo do
projeto foi bastante estendido, onde o mesmo visa não somente estes 3 tópicos, quanto a qualidade da
entrega, e riscos a serem pontuados. Também é pensando no sucesso no resultado esperado do projeto.

Como exemplo, foi utilizado a construção do Ford Tauros, onde o projeto não atendeu o tempo de execução,
porém o carro foi um sucesso de vendas. O não atendimento do prazo ocasionou na demissão do gerente de
projetos.

Na construção do Ford Tauros 2, o projeto atendeu os 3 pilares, porém o carro foi um fracasso de vendas e
consequentemente, inviabilizando o resultado do projeto.