Você está na página 1de 3

c 

 
 
 








  


 
!" 

1- Cada grupo para realizar o primeiro acesso ao roteador deverá configura r sua
máquina no range 192.168.0 .XY / 24, onde o X representa o seu grupo e Y o número
da sua máquina, Ex.: Supondo que eu seja do grupo 3 e a minha máquina será a
segunda máquina do grup o , assim, meu ip será 192.168.0 .32 . O gateway inicial será
192.168.0.254, o user é lab e a senha é lab. Para entrar em modo privilegiado digite: ‰
enable ENTER , senha: lab

2- Cada grupo deve configurar o user e a senha de acesso do grupo, essa senha não
pode ser repassada para os demais grupos: comando ‰ conf t ENTER, username
XXXX password 0 ZZZZZ ENTER, onde XXXXX será o user que o grupo deseja criar
e ZZZZZ a senha. Depois sair do modo CONF T com END ENTER ou CTRL + Z.
TODOS devem fechar a sessão telnet com o roteador e entrar novamente agora
usando o novo user e a nova senha que acabaram de cr iar.    #$%

  




  " 

3- Agora cada grupo deve criar a sua própria faixa IP, seguindo o esquema:
192.168.X.0/24, Onde o X representa o número do grupo, o gateway configurado no
roteador será o IP final 254: comando ‰ conf t ENTER , interface fastEthernet 0/0
ENTER , ip address 192.168.X .254 255.255.255.0 secondary ENTER. Depois sair do
modo CONF T com END ENTER ou CTRL + Z.

4- Nesse momento as máquinas do grupo devem ser configuradas novamente agora


com o IP do range do grupo. range 192.168.X.XY / 24, onde o X representa o seu
grupo e Y o número da sua máquina, Testar conectividade entre as máquinas do
próprio grupo.

5- Todas as máquinas devem conseguir pingar o IP da máquina do Prof. ( 10.10.0.1)

6- Agora vamos configurar roteamentos. Cada maquina dentro do grupo deve inserir
uma rota no roteador apontando para o PC do Prof, como segue: range´s
200.225.XY.0/24 , onde o X representa o seu grupo e Y o número da sua máquina,
dessa forma o comando será ‰ conf t ENTER , ip route 200.225.XY .0 255.255.255.0
10.10.0.1 ENTER. Depois sair do modo CONF T com END ENTER ou CTRL + Z. , em
seguida, da sua maquina coloque um ping ±t para o IP 200.225.XY.100 e pergunte ao
Prof se no Wireshark dele está chegando os pacotes de ping que vc está mandando.

7- Agora vamos testar o conceito que na mesma LAN não precisa de gateway. Abra o
software TFGEN e coloq ue um tráfego de 1 Mbps para outra &
 
"
No roteador faça o comando ‰ show ip accounting ( esse comando está lendo todo o
tráfego de saída da interface fast 0/0. Vc vê algum tráfego com seu IP ?)

8- Interrompa o TFGEN para a máquina do seu grupo e coloque para &



'
(. Repita o comando ‰ show ip accounting ( vc está vendo agora o t ráfego da sua
maquina para o ip 10.10.0.1 ? )

9- Existem erros ou descartes de pacotes na interface LAN do seu roteador ? Para


verificar faça o comando ‰ show interfaces fastEthernet 0/0 ENTER , em seguida
analise os parâmetros: input errors , CRC , Total output drops: , output errors,
collisions runts, observe também no mesmo comando quanto está o trafego de
entrada e saída de sua interface nesse momento ( input rate e output rate).

10- Verifique quantos MAC ´s seu roteador está aprendendo? comando ‰ show arp
ENTER . Porque o MAC 0021.55a3.6ed4 se repete?

11- Observe quanto está o consumo de CPU do seu roteador ? comando ‰ show
processes CPU ENTER

12- E memória quanto está sendo utilizado ?: comando ‰ show processes memory
ENTER

13- Qual é o firmware (IOS) que seu roteador está usando? Essa informação é
sempre importante o administrador de rede saber, pois em certos casos pode ser
necessário a troca do firmware para a solução de problemas: comando ‰ show
version ENTER. Observe a linha System image file is

14- Se for necessário trocar ou acrescentar outro IOS o administrador deve saber
quanto de ár ea livre tem na memória flash? comando ‰ dir ENTER

15- Da sua máquina coloquem um ping ±t para a maquina do Prof. ( 10.10.0.1 ),


observe, Está perdendo pacotes ? Quanto está o tempo de latência ?

16- Coloque um tráfego de 4 Mbps para o IP 10.10.0.1, observe . Como ficou o ping?
Observe. Como está o status da interface LAN ? Repetindo o item 9.

17- Agora inicie uma transferência de arquivos entre as máquinas de grupos


diferentes, utilizando um Server FTP ( Ex. Guild ) coloque para transferir um arquivo
grande e abra também o aplicativo WireShark para observarmos se existe marcação
nos pacotes e qual os protocolos que estão utilizando a rede LAN nesse momento.
Observe. Como ficou o ping ? , Como está o status da interface LAN? repetindo o item
9. Algum pacote de algum protocolo está com marcação DSCP?
Final do primeiro dia ....amanhã vamos implementar QoS nessa estrutura ... não se
esqueça de salvar as configurações que vc realizou hoje: comando ‰ Write ENTER