Você está na página 1de 8

PROJETO DIDÁTICO

1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

Escola Estadual Marechal Rondon


Endereço: Avenida Aníbal de Toledo nº 1.240
Fone: 65 – 3345-2021 Localidade: Poconé Estado: Mato Grosso
Turma: 5º ano Turno matutino ( x ) vespertino ( )
Número de alunos matriculados na turma: 23
Diretora: Rosângela Aparecida de Oliveira
Coordenadora: Rosania Maura Martins e Silva
Professora: Edilene Monge dos Santos
Estagiária: Maria de Fátima Correa Lobo RGM: 053.9379
Título do projeto: Hábitos e Cultura Pantaneira
Período de execução:

2 JUSTIFICATIVA
“A organização do currículo deve ser feita por projetos de trabalho,
com atuação conjunta de alunos e professores. As diferentes fases e
atividades que compõem um projeto ajudam os estudantes a desenvolver
a consciência sobre o próprio processo de aprendizagem.” (Hernández)

O Pantanal é um dos biomas mais ricos do Brasil, sendo considerado Patrimônio Natural
Mundial e Reserva da Biosfera. Assim, foi escolhido o tema deste projeto “hábitos e a cultura
pantaneira” para que juntos, alunos, professores, direção e coordenação e pais, possamos
conhecer melhor este rico Bioma ao qual estamos inseridos.

O município de Poconé possui o bioma do Pantanal, considerando que é muito diversificado e


abrigando uma grande quantidade de animais, que vivem em perfeito equilíbrio ecológico.
O Pantanal é uma região é formada por uma planície e está situado na Bacia Hidrográfica do
alto Paraguai. Recebe uma grande influência do Rio Paraguai e seus afluentes, que alagam a
região formando extensas áreas alagadiças e favorecendo a existência de uma rica
biodiversidade. (SILVA, 1999)

Considerando uma das atividades principais econômicas do Pantanal é a pecuária e


considerando que muitos de nossos moradores da cidade dependem do Pantanal para a
sobrevivência financeira, acredito que através deste trabalho iremos conhecer melhor esse
bioma, como também, preservar também melhor o bioma estudado. (CARNIELLO, 2000)

Sendo assim, sabe-se que o bioma Pantanal está ameaçado por atividades de pesca furtiva,
desmatamentos, queimadas, entre outros. Assim, considera-se importante a nossa
conscientização em relação à preservação deste rico Bioma.

3 OBJETIVOS

3.1 Gerais
Proporcionar atividades significativas facilitando o entendimento dos hábitos e das culturas do
Pantanal;
Oportunizar a leitura de diferentes portadores textuais para conhecermos a fauna e a flora do
Pantanal.

3.2 Específicos

Conhecer o clima da região Centro Oeste


Listar as principais cidades que abrigam o Pantanal
Identificar a fauna e flora do Pantanal
Destacar os principais rios do Pantanal
Citar as culturas do Pantanal
Conhecer o modo de vida do Pantaneiro
Praticar leituras e interpretações de textos diferenciados em relação ao tema proposto.
Pesquisar o significado de palavras novas relacionadas ao tema do projeto.
Destacar os fatos que determinaram as datas históricas do estado de Mato Grosso.
Identificar datas festivas e comemorativas do município
Identificar as origens das culturas e suas origens
Promover momentos de diálogos sobre o tema
Trabalhar as músicas relacionadas ao Pantanal, como de Almir Sater e Guilherme Arantes
(Planeta Água)
Exercitar a expressão escrita relatando fatos que degradam o Pantanal.
Utilizar diferentes linguagens para produzir, expressar e comunicar suas ideias.
Utilizar a linguagem como instrumento de comunicação, organizando e produzindo textos
Promover pinturas relacionadas com o Pantanal.

Horário semanal da turma


Horário Segunda Terça Quarta Quinta Sexta
1º tempo Língua Ciências História Geografia Matemática
Portuguesa
2º tempo Língua Ciências História Geografia Matemática
Portuguesa
3º tempo Matemática Língua Ciências Língua Geografia
Portuguesa Portuguesa
4º tempo Matemática Língua Ciências Artes Artes
Portuguesa
4 DESENVOLVIMENTO

1º Dia – Segunda - feira

Disciplinas

Língua Portuguesa (2 aulas)


Matemática (2 aulas)

Conteúdo

Leitura e Interpretação do Texto: O Pantanal é minha casa.


Conhecer o significado das palavras do texto.
Saber em quantas cidades encontramos o Pantanal
Identificar o número de espécies que estão ameaçadas de extinção.

Metodologia: ação docente (estratégias do professor)

A metodologia utilizada será expositiva e dialogada, através de leituras e conversais formais


sobre o tema proposto. Como também, os mesmos utilizarão o dicionário para procurarem as
palavras que não conhecem.
Leitura comentada
Identificação de números.

Atividades avaliativas (alunos)

Os alunos serão avaliados quanto o desenvolvimento das atividades propostas, através do texto,
como também, do uso do dicionário.
Serão avaliados também quanto a forma de identificar os números de espécies ameaçadas de
extinção.

2º Dia – Terça - Feira

Disciplina

Ciências – 2 aulas
Língua Portuguesa – 2 aulas

Conteúdo

Identificar a fauna e a flora do Pantanal


O clima do Pantanal
Conhecendo as linguagens do povo pantaneiro
Metodologia: ação docente (estratégias do professor)

Aula expositiva dialogada;


Estudo do texto “O Pantanal e suas características” individual ou em grupo;
Leitura comentada;
Produção textual.

Atividades avaliativas (alunos)

Os educandos serão avaliados quanto o desenvolvimento da leitura silenciosa e questões para


interpretação.

3º Dia – Quarta – Feira

Disciplina

História – 2 aulas
Ciências – 2 aulas

Conteúdo

Conhecendo a história do povo da região Pantaneira


A origem das cultura do Pantanal
Trabalhando o modo de vida dos animais do Pantanal
Conhecendo as estações de seca e cheia do Pantanal

Metodologia: ação docente (estratégias do professor)

Aula expositiva
Aula dialogada;
Leitura comentada dos textos trabalhados: O Bioma Pantanal. As plantas do Pantanal. Os
animais do Pantanal.
Produção textual individual

Atividades avaliativas (alunos)

A avaliação dar-se-á conforme a interpretação dos textos trabalhados, bem como através da
produção de texto sobre: a Importância da Seca e da Cheia para o Pantanal.

4º Dia – Quinta – Feira

Disciplina

Geografia – 2 aulas
Língua Portuguesa – 1 aula

Conteúdo

Trabalhando e Cantando a Música – Planeta Água – Guilherme Arantes


Identificando as nascentes das águas
Trabalhando a interpretação da música Planeta Água

Metodologia: ação docente (estratégias do professor)

Aula expositiva dialogada – comentando sobre a música trabalhada


Pintura do desenho – O Pantanal é minha casa, utilizando recursos como slides, fotografias,
papel, lápis de cor, canetinha.

Atividades avaliativas (alunos)

Interpretação do texto trabalhado


Criatividade na pintura
Participação para o canto da música trabalhada.

5º Dia – Sexta – Feira

Disciplina

Matemática – 2 aulas
Geografia – 2 aulas

Conteúdo

Desenvolvimento da culminância, através do teatro, danças, pinturas.

Metodologia: ação docente (estratégias do professor)

Trabalho em equipe para a apresentação dos trabalhos propostos.


Aula prática – teatro e danças.

Atividades avaliativas (alunos)

Os alunos serão avaliados quanto a participação das atividades propostas, como: teatro e das
danças.
Serão avaliados quanto o trabalho em equipe, como também, quanto ao tempo utilizado para as
apresentações.
5 CULMINÂNCIA

”Todo projeto precisa estar relacionado aos objetivos e conteúdos


para não perder o sentido do que se quer alcançar. É necessário
estabelecer limites e metas para a culminância do trabalho.”
Fernando Hernández

Para a culminância do trabalho proposto, será desenvolvida uma apresentação na


própria escola, em que os alunos irão apresentar em forma de teatro a música Planeta
Água de Guilherme Arantes. Na apresentação ocorrerá a participação de toda a turma,
inclusive da professora regente.
Será montado um painel, onde estará exposto os desenhos dos alunos, relacionado com
o tema proposto, como também, serão apresentados para as demais turmas da escola as
principais culturas do Pantanal Motogrossense, através de danças típicas da região, onde
os próprios alunos irão demonstrar essas danças típicas vestidos a caráter.
Entraremos em contato com a secretaria de cultura, para que possa nos disponibilizar
fotos e roupas, para que a comunidade escolar possa conhecer melhor nossas culturas,
como também, as danças da nossa região, como também as festas que são praticadas
aqui no decorrer do ano.
Contamos com a participação e apoio de todos os envolvidos no projeto para que
tenhamos sucessos em nossa culminância.

6 AVALIAÇÃO

“O ato de avaliar é um ato de investigar e, na investigação, há necessidade


de coleta de dados e, para tanto, necessitamos de instrumentos de coleta
de dados elaborados segundo as regras da metodologia científica”
Cipriano Luckesi

A avaliação deste trabalho será baseada nos objetivos propostos que serão alcançados
no decorrer do desenvolvimento do trabalho.
Os alunos serão observados diariamente a cada atividade proposta, levando com que
cada um reconheça a importância da participação do projeto.
Espera-se que os alunos sintam-se estimulados para a participação, visto que, será
através dessa participação que teremos um resultado positivo e também será através dela
que usaremos para que todos sejam avaliados, onde cada um possa falar sobre o tema,
descrever aquilo que será proposto, pintar da melhor maneira, reconhecer que
dependemos desse Bioma para a nossa sobrevivência.
Assim, espera-se essa participação ativa para que todos possamos nos aventurar nesse
imenso Bioma, e assim então, possamos avaliar em todas as etapas deste trabalho.
Ao final da avaliação espera-se com este trabalho que todo e qualquer aluno deva
reconhecer a importância do Projeto Hábitos e Cultura Pantaneira, e isso só será
alcançado se houver estímulo dos indivíduos atuantes no processo de ensino-
aprendizagem.
REFERÊNCIAS

BRASIL, Parâmetros Curriculares Nacionais: Artes / Secretaria de Educação


Fundamental. Brasília, 1997.

BRASIL, Departamento Nacional de Trânsito. Diretrizes nacionais da educação


para o trânsito no ensino fundamental. Brasília: Ministério das Cidades, 2009.

GONZÁLEZ, José Antonio Torres. Educação e diversidade: bases didáticas e


organizativas. Porto Alegre: Artmed, 2002.

Lei Federal 9394 de 20/12/1996 – Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Você também pode gostar