Você está na página 1de 30

Controle Remoto de Guindaste G3

Manual do Produto
Software Versão 6.1
Revisão do Manual 2.1
2

Sobre este manual

Olá usuário, parabéns por ter adquirido um produto Tecnnic. Este


aparelho irá garantir a você segurança e controle de alta qualidade,
baseados no padrão excepcional de tecnologia Tecnnic.
Este manual contém instruções de operação. É de uso liberado a
operadores, fabricantes, implementadores e terceiros responsáveis pela
operação do equipamento. Para dúvidas de instalação e configuração,
entre em contato com o fabricante/implementador/instalador do seu
equipamento.

Tecnologia Brasileira

O seu aparelho foi 100% desenvolvido e fabricado no Brasil! Os


laboratórios de alta tecnologia da Tecnnic trabalham constantemente
para proporcionar o mais alto padrão de qualidade a você. Dessa forma
garantimos muito mais comodidade, com manuais, esquemas de
instalação, sistema operacional e suporte técnico, tudo em português.

Atenção!

Antes de operar seu equipamento, leia todo o manual e todas as


instruções de segurança para garantir um uso seguro e adequado.
As imagens e telas capturadas, utilizadas na composição deste manual,
podem apresentar diferenças na aparência em relação ao produto real.
A Tecnnic não é responsável por danos causados por manutenções
realizadas na máquina, envolvendo soldas de qualquer tipo, bem como
alterações nas configurações que venham a provocar riscos a operação.
Os direitos sobre este manual estão reservados a Tecnnic Eletrônica
Industrial.
Por favor, guarde este manual para consultas futuras.
3

Sumário
1. Conhecendo o CR Guindaste G3 .............................................................................................. 4
1.1 Transmissor – Visão Geral ................................................................................................ 4
1.1.1 Chave Liga / Desliga ............................................................................................... 5
1.1.2 Botão de emergência ............................................................................................. 6
1.1.3 Tela LCD.................................................................................................................. 6
1.1.4 Botões Auxiliares / Saídas Digitais ......................................................................... 8
1.1.5 Chave Lebre/Tartaruga .......................................................................................... 9
1.1.6 Chave Auxiliar/JIB................................................................................................. 10
1.1.7 Joysticks................................................................................................................ 11
1.1.8 Número de Série e Código Alvo ........................................................................... 11
1.1.9 Compartimento da Bateria .................................................................................. 11
1.1.10 Botão Homem Morto ........................................................................................... 12
1.1.11 Ajuste de Velocidade............................................................................................ 13
1.1.12 Ajuste de Velocidade do Operador ...................................................................... 13
1.1.13 Linha CRANE, Nivelador de Cesto RF e NR12 ....................................................... 14
1.1.14 Manipulador de Postes ........................................................................................ 15
1.2 Receptor ......................................................................................................................... 16
1.2.1 Led de Status ........................................................................................................ 18
1.2.2 Chave Remoto/Desligado/Local ........................................................................... 19
1.2.3 Conector Principal ................................................................................................ 19
1.2.4 Conectores Linha CRANE...................................................................................... 19
1.2.5 Entrada para Momento de Carga (Pressostato) .................................................. 20
1.3 Cabo Principal ................................................................................................................. 20
1.3.1 Alimentação ......................................................................................................... 23
1.3.2 Sinais PWM .......................................................................................................... 23
1.3.3 Sinal para Válvula de Ventagem .......................................................................... 23
1.3.4 Saídas/Entradas Digitais ....................................................................................... 23
1.3.5 Botoeira Seletora + Emergência........................................................................... 24
1.3.6 Entradas Auxiliares Display CRANE ...................................................................... 24
1.3.7 Entradas Auxiliares do Receptor com Display CRANE Integrado para Sensor na
Alavanca Seletora e Sensor de Lança no Berço ................................................................ 25
1.4 Carregadores .................................................................................................................. 25
1.5 Configurações ................................................................................................................. 26
2. Garantia.................................................................................................................................. 29
3. Suporte Técnico ..................................................................................................................... 30
4

1. Conhecendo o CR Guindaste G3
Este manual contém informações sobre as características de
funcionamento para o Controle Remoto de Guindaste G3, o primeiro
controle a ser totalmente desenvolvido e fabricado no Brasil.

1.1 Transmissor – Visão Geral


O Transmissor é o responsável por reconhecer os movimentos realizados
pelo operador, processar e enviar informações via rádio frequência para o
Receptor, que fica instalado na base do guindaste. O transmissor é
oferecido em modelos que diferem na quantidade de Joysticks e na
inclusão ou não do botão de Homem Morto:

Modelo com 4 Joysticks Modelo com 5 Joysticks

Modelo com Homem Morto Modelo com 6 Joysticks

Modelo com 6 Joysticks e Botão de Homem Morto na lateral


5

Ficha Técnica
Quantidade de Joysticks De 4 à 6 Joysticks (até 8 Funções)
Quantidade de botões auxiliares 6
Botão de Homem Morto Sim (opcional)
Alimentação Bateria 12V 1.3Ah recarregável
Duração da bateria >12 horas em uso contínuo
Grau de Proteção IP65
Interface Display gráfico LCD 128x64

Vista superior - Transmissor

Vista inferior - Transmissor

1.1.1 Chave Liga / Desliga


Esta chave é utilizada para ligar ou desligar o Transmissor. Para ligar, mova
a chave para a posição Ligado e pressione o botão auxiliar B6.
Sempre que estiver utilizando o controle, esta chave deve permanecer na
posição Ligado. Para desligar, mova a chave para a posição Desligado.
6

Auto off: O transmissor se auto desliga após 5 (cinco) minutos de


inoperância, ou seja, mesmo que a chave Liga/Desliga esteja na posição
ligado, se nenhuma operação for realizada durante 5 (cinco) minutos, o
transmissor se auto desligará. Para religar pressione o botão auxiliar B6.
O tempo de Auto Off pode ser configurado de 1 a 5 minutos. Para
configurar consulte o manual de instalação.

1.1.2 Botão de emergência


O botão de emergência, quando acionado, não permite que seja realizado
qualquer tipo de movimentação no guindaste. Além de bloquear todas as
funções de movimento, bloqueia também a saída para controle de fluxo
hidráulico (Ventagem).
Atenção! O Transmissor não será desligado ao pressionar o botão de
emergência. Para desligar, mova a chave Liga/Desliga para a posição
Desligado.

1.1.3 Tela LCD


A tela LCD é o meio que o software utiliza para se comunicar com o
usuário. É nela que o usuário poderá visualizar o status atual do controle e
monitorar suas diversas funcionalidades:
 Link sem fio com o Receptor/Nível de sinal;
 Nível da bateria;
 Modo de operação selecionado (Lebre/Tartaruga);
 Emergência acionado/desacionado;
 Acionamento de saídas auxiliares, Homem Morto, Manipuladores
de poste, etc.;
 Acionamento dos joysticks;
 Dados da Linha CRANE como inclinação, momento de carga,
monitor de apoio das patolas, anemômetro e balança;
 Dados do Nivelador de Cesto.
A tela LCD se auto desliga a cada 4 minutos. Para religar, pressione o
botão auxiliar B6. O tempo de auto desligamento da tela LCD pode ser
configurado de 10 segundos a 4 minutos. Para configurar, consulte o
manual de instalação.
7

Controle Remoto OK Movimento de 1 Função

Movimento de 5 Funções Linha CRANE – Inclinação / M. Carga

Ajuste Velocidade Ajustando Ajustando

Ícones/Abreviaturas
Durante a operação, alguns ícones e abreviaturas serão visualizados na
Tela LCD, o qual fornecem informações sobre o status do Controle:
Ícone/Abrev. Significado
Nível da bateria (%)
Nível do sinal de rádio frequência
TR: Modo de operação TARTARUGA selecionado
LB: Modo de operação LEBRE selecionado
JE: Modo de operação da JIB, Extensão selecionado
JI: Modo de operação da JIB, Inclinação selecionado
ER1x: Movimento muito brusco! Mova todos os joysticks para
a posição central para liberar.
ER2x: Erro no funcionamento do Joystick. Contatar a
assistência técnica.
ER3x: Movimento não permitido. Mova todos os joysticks para
a posição central para liberar.
ER40: Bloqueio CRANE!
ER50: Erro no módulo de comunicação RF, contatar
assistência.
8

Mensagens da Linha CRANE


LT / LG: Inclinação Lateral / Longitudinal (G)
MC: Momento de Carga (%)
VT: Vento (Anemômetro) (Km/h)
PDD/PDE/
Patolas apoiadas
PTD/PTE:
P: Peso (Kg)
Mensagens do Nivelador de Cesto
BAT: Bateria
MAN: Cesto em modo manual
AUT: Cesto em modo automático
FUS: Fusível do Nivelador de Cesto rompido
LIM.: Cesto muito inclinado
>>>>: Nivelador de cesto em movimento
<<<<: Nivelador de cesto em movimento

1.1.4 Botões Auxiliares / Saídas Digitais


Os botões auxiliares realizam diversas funções como ligar o transmissor,
ligar a tela LCD, configurar parâmetros e principalmente acionar as saídas
digitais do receptor.
Observações:
 Cada botão auxiliar possui uma saída correspondente no receptor,
por exemplo, botão B1 controla saída Relé 1
 No menu de configuração é possível selecionar individualmente se
as saídas serão de Pulso ou Retenção.
o Quando o botão de emergência estiver acionado, as saídas no
receptor não serão acionadas, contudo se alguma saída
estiver configurada como Retenção, a mesma NÃO será
desacionada.
 Quando o transmissor estiver em modo de Ajuste de Velocidade
(configuração), as saídas digitais no receptor não serão acionadas.
 Ao pressionar o botão B6 para ligar o LCD a saída correspondente
(Relé 6) não será acionada. Pressione o botão B6 novamente caso
deseje realmente acionar a saída Relé 6.
 Com o botão de emergência pressionado, os botões B5 e B6 podem
ser utilizados para “navegar” entre as telas no Display LCD,
visualizando os dados da Linha CRANE e Nivelador de Cesto.
o Para navegar entre as telas utilizando os botões B5 e B6, sem
a necessidade de pressionar o botão de emergência, poderá
9

ser desabilitado no menu de configurações o opcional “RELE


5 E 6”.
 As saídas à relé no receptor podem ser utilizadas para diversas
funções no equipamento como, por exemplo, acelerar, desacelerar,
ligar motor, desligar motor, buzinar, controlar direcionadores de
fluxo hidráulico, manipuladores de postes, brocas auxiliares, etc.
Atenção! O funcionamento destas funções depende de que a instalação
elétrica seja realizada.

Atenção! Funções como acelerar, desacelerar, ligar motor, desligar motor,


podem necessitar de parametrização na central eletrônica do
veículo/equipamento. Consulte uma concessionária autorizada.

Obs.: Para ter acesso ao menu de configuração e alterar as saídas para


modo retentiva/pulso, ou ainda, desabilitar o “opcional RELE 5 e 6”,
consulte o manual de instalação.
Na tela principal é possível visualizar o status das saídas digitais:

Status das saídas digitais

1.1.5 Chave Lebre/Tartaruga


A chave Lebre/Tartaruga seleciona o modo de operação desejado. Utilize
o modo TARTARUGA para realizar operações que necessitem de precisão e
sensibilidade. Para operar com maior agilidade, utilize o modo LEBRE.
Observações:
 A velocidade de operação, tanto no modo Lebre quanto no modo
Tartaruga, pode ser configurada no menu de ajuste de velocidade.
 O ajuste de velocidade deve ser realizado durante a instalação do
equipamento, caso seja necessário realizar uma nova configuração,
consulte o fabricante/implementador/instalador ou consulte o
manual de instalação.
 Caso durante a operação o operador queira alterar os ajustes de
velocidade, ele poderá utilizar o ajuste de velocidade do operador.
10

1.1.6 Chave Auxiliar/JIB


A chave Auxiliar/JIB permite que um determinado joystick controle mais
de um canal no receptor. Em geral esta chave é utilizada nas situações:
 Uso da lança Fly Jib
 Uso da lança manipuladora de postes
 Uso de broca perfuratriz
 Demais atividades em que a quantidade de funções ultrapasse a
quantidade de joysticks disponíveis no Transmissor.
Nos modelos com 6 joysticks o sistema irá identificar como uso da lança
Fly Jib e a chave auxiliar irá alternar o funcionamento do joystick 6 entre
os canais 6 e 7 do receptor:
Posição da Chave Função do Joystick 6 Canal em operação
JIB INC FlyJib Inclinação Canal 6
JIB EXT FlyJib Extensão Canal 7

Também é possível que outros joysticks controlem mais de uma saída,


contudo, é necessário que esta função opcional seja habilitada no menu
de configuração. Quando esta função opcional estiver habilitada, o
comportamento do controle se dá de acordo com a quantidade de
joysticks presentes no modelo:
Posição da Chave Modelo 4 Joysticks
JIB INC Joystick Extensão controla canal 4
JIB EXT Joystick Extensão controla canal 5

Posição da Chave Modelo 5 Joysticks


JIB INC Joystick Guincho controla canal 5
JIB EXT Joystick Guincho controla canal 6

Posição da Chave Modelo 6 Joysticks


JIB INC Joystick Guincho controla canal 5
JIB EXT Joystick Guincho controla canal 8

A funcionalidade opcional AUXILIAR é habilitada no menu de


configurações e isto deve ser feito durante a instalação do equipamento
ou solicitado para que o controle já saia de fábrica configurado.
Importante! Exclusivamente nos modelos com 6 joysticks, somente
poderá ser utilizado o opcional AUXILIAR nos receptores modelo 8 canais.
11

Neste caso, esta funcionalidade deverá ser solicitada durante o pedido de


compra.

1.1.7 Joysticks
Os Joysticks devem ser utilizados para realizar os movimentos do
implemento/equipamento/guindaste. O Transmissor pode ser fornecido
em modelos com 4, 5 ou 6 Joysticks.
A velocidade de resposta dos movimentos do guindaste é proporcional à
movimentação realizada no Joystick.
Com a tela LCD ligada é possível visualizar a proporção dos movimentos
realizados nos joysticks:

Movimentando Joystick Movimentando Joysticks

1.1.8 Número de Série e Código Alvo


O Número de Série é a identificação do seu equipamento. Caso seja
necessário entrar em contato com a assistência técnica, o mesmo será
solicitado.
O Código Alvo identifica um conjunto Transmissor/Receptor. Quando o
transmissor é ligado o mesmo irá procurar pelo Receptor que possua o
código alvo indicado.
Observação: Os Transmissores podem ter seu código alvo reconfigurado
caso seja necessário. Isto pode ser útil em casos de estoques para
reposições e assistências técnicas. Caso seja necessário reconfigurar o
código alvo de um transmissor, consulte o manual de instalação.

1.1.9 Compartimento da Bateria


No compartimento de alojamento da bateria fica alojada uma bateria de
12V 1.3Ah. O Transmissor utiliza a bateria de forma inteligente,
poupando-a quando possível e se auto desligando caso a mesma chegue
ao nível crítico de descarga.
12

Para substituir a bateria, abra o compartimento girando os parafusos


móveis no sentido anti-horário, remova e substitua a bateria. Insira a nova
bateria e feche o compartimento girando os parafusos no sentido horário.

Abrindo o compartimento da bateria

Conector para o Carregador


A bateria pode ser carregada sem ter que retira-la de seu compartimento,
basta plugar o carregador no conector localizado em baixo da bateria.
Para melhores instruções quanto ao carregamento da bateria, verifique as
instruções no tópico 1.4 Carregadores.
Atenção! Utilize somente baterias e carregadores originais Tecnnic. A
Tecnnic não se responsabiliza por danos provocados por baterias e
carregadores de terceiros.

1.1.10 Botão Homem Morto


Afim de atender algumas normas de segurança, o Transmissor pode ser
fornecido em um modelo com botão de Homem Morto. Neste modelo o
operador deve pressionar este botão, antes de realizar um movimento na
máquina, indicando que esta é uma operação consciente.
Para clientes que desejam manter um único modelo em estoque, a
funcionalidade do botão de Homem Morto pode ser desabilitada via menu
de configuração, durante a instalação. Desta forma, caso algum cliente em
específico não utilize esta funcionalidade, a mesma poderá ser
desabilitada.
Obs: No modo de funcionamento integrado com o Nivelador de Cesto RF,
o botão de Homem Morto é habilitado automaticamente quando o
Nivelador de Cesto é ligado. O botão só é desabilitado caso o Nivelador de
Cesto seja desligado e o Receptor seja reiniciado.
13

1.1.11 Ajuste de Velocidade


O transmissor pode ser configurado para atender adequadamente os
diversos modelos de comandos e guindastes do mercado, ajustando a
velocidade dos movimentos. Existem dois parâmetros para ajustes de
velocidade, o ajuste mínimo e o ajuste máximo.
A velocidade mínima refere-se à velocidade de partida, quando o joystick
está levemente excursionado. Já a velocidade máxima refere-se à
velocidade final, quando o joystick está totalmente excursionado:

Velocidade Mínima Velocidade Máxima

Para cada movimento (avanço ou retorno), em cada modo de operação


(lebre ou tartaruga), existe um ajuste individual de velocidade máxima e
mínima. Desta forma o controle pode ser totalmente personalizado, de
acordo com cada modelo de máquina e tipo de aplicação.
Para configurar o ajuste de velocidade, consulte o manual de instalação e
configuração.

1.1.12 Ajuste de Velocidade do Operador


O ajuste de velocidade do operador, permite reconfigurar os ajustes
durante a operação, reduzindo a velocidade máxima configurada durante
a instalação.
Para ajustar, selecione o modo de operação (Lebre/Tartaruga) e acione
levemente o joystick desejado. Assim que a tela LCD indicar a operação,
pressione os botões B5 (+) ou B6(-) para alterar o valor de ajuste.

Ajuste de Velocidade do Operador


14

1.1.13 Linha CRANE, Nivelador de Cesto RF e NR12


Linha CRANE
A Linha CRANE é a linha de produtos Tecnnic voltados para segurança em
guindastes articulados, saiba mais em: www.tecnnic.com.br.
Caso você possua instalado em seu implemento a Linha CRANE, você
poderá visualizar os dados coletados pelos sensores na tela do
transmissor. Basta que o Display da Linha CRANE seja conectado ao
Receptor do Controle Remoto durante a instalação elétrica e o opcional
“CRANE” esteja habilitado no menu de configurações.
Também é possível bloquear o funcionamento do Controle Remoto,
sempre que o Display da Linha CRANE entre em modo de bloqueio, para
tal, o opcional “BLOQUEIO CRANE” deverá ser habilitado no menu de
configurações.
Para visualizar os dados da Linha CRANE na tela LCD, pressione o botão de
emergência e navegue nas telas utilizando o botão B5 e B6.

Bloqueio CRANE Inclinômetro e M. Carga

Nivelador de Cesto RF
O Nivelador de Cesto é a solução Tecnnic para cestos acoplados nivelados
eletronicamente, saiba mais em: www.tecnnic.com.br.
Caso você possua instalado em seu implemento o Nivelador de Cesto RF,
você poderá visualizar os dados do Nivelador na tela do Transmissor.
Basta que o código RF do Nivelador de Cesto seja inserido no menu de
configurações do Transmissor e o opcional “NIVELADOR DE CESTO” esteja
habilitado no menu de configurações.
15

Nivelador de Cesto OK Niv. Cesto Movimento Niv. Ângulo Limite

NR12
Para atender as especificações do Anexo XII da NR12, a Tecnnic indica o
uso da Linha CRANE e Nivelador de Cesto RF, juntamente com o Controle
Remoto, habilitando no menu de configuração do Transmissor, os
opcionais: “CRANE”, “BLOQUEIO CRANE”, “NIVELADOR DE CESTO” e
“HOEM MORTO”.
Com estes opcionais habilitados o Controle Remoto passa a funcionar de
forma integrada com a Linha CRANE e o Nivelador de Cesto:
 Ao pressionar o botão de emergência em qualquer um dos
equipamentos, todos os componentes do kit entrarão em “modo
emergência”.
 Ao entrar em modo bloqueio no Display da Linha CRANE, o
movimento será bloqueado também no Controle Remoto e
Nivelador de Cesto.
 Ao ligar o Nivelador de Cesto, o Controle Remoto entrará
automaticamente em “Modo Cesto”, operando sempre em modo
de velocidade tartaruga, sendo também obrigatório o acionamento
do botão de Homem Morto para a movimentação do guindaste.
o Obs: O botão homem morto só será desabilitado caso o
Nivelador de Cesto seja desligado e o Receptor seja
reiniciado.

1.1.14 Manipulador de Postes


O Transmissor está preparado para controlar um comando hidráulico
auxiliar Manipulador de Postes, basta habilitar esta opção no menu de
configurações.
Com esta funcionalidade habilitada, o Controle Remoto irá acionar de
forma sequencial os Relés de 1 a 3, ao pressionar o botão B1. Desta forma
é possível controlar um comando hidráulico auxiliar de até 3 canais com
um único Joystick.
16

Manipulador 1 Manipulador 2 Manipulador 3

1.2 Receptor
O Receptor é o responsável por receber e processar as informações
enviadas pelo Transmissor e realizar os movimentos da máquina por meio
de sinais PWM enviados para o comando hidráulico, além de controlar a
válvula de segurança (Ventagem).
O Receptor é disponibilizado em dois modelos, o modelo padrão e o
modelo integrado com o Display da Linha CRANE.
O modelo padrão possui algumas características que podem ser
personalizadas no ato da compra:

Característica Personalização
Quantidade de Canais/Funções 7 ou 8 canais
Chave Remoto/Desligado/Local Com ou sem a chave
Entrada para MC (Pressostato) Com ou sem entrada para MC
Com ou sem entrada para Linha
Entrada para Linha CRANE
CRANE

Modelo Básico + Chave Remoto/Desligado/Local

+ Entrada para Linha CRANE


17

+ Entrada para Momento de Carga (Pressostato)

Modelo Integrado com o Display CRANE

Ficha Técnica Modelo Padrão


Quantidade de Saídas PWM Até 16 (8 Funções)
Quantidade de saídas auxiliares 6
Quantidade de entradas auxiliares 4
Alimentação 12 – 30V
Consumo 0 – 5 A
Grau de Proteção IP66
Interface Led
Ficha Técnica Modelo Integrado com Display CRANE
Quantidade de Saídas PWM Até 10 (5 Funções)
Quantidade de saídas auxiliares 4
Quantidade de entradas auxiliares 2
Entradas Display CRANE 2
Alimentação 12 – 30V
Consumo 0 – 5 A
Grau de Proteção IP66
Interface Led e LCD (Display CRANE)
Inclinômetro interno Sim
18

Comunicação em Rede Sim, 2 conectores.

Receptor do Controle Remoto (Modelo Padrão)

Receptor do Controle Remoto (Modelo com Display CRANE Integrado)

1.2.1 Led de Status


O Led de Status indica o funcionamento do Receptor:
Status Funcionamento
Led Apagado Receptor Desligado
Receptor Ligado/Procurando
Led Aceso/Pisca Rapidamente
Transmissor
Receptor ligado e conectado ao
Led Piscando
Transmissor.
19

1.2.2 Chave Remoto/Desligado/Local


A chave Local/Desligado/Remoto é um item opcional que permite
selecionar se a operação será via Controle Remoto (Remoto) ou
diretamente no comando hidráulico (Local).
Esta chave é útil em situações que o operador trabalha com um ajudante,
longe do equipamento ou utilizando um cesto acoplado.
Posição da Chave Modelo 4 Joysticks
Operação manual via comando
Local
hidráulico.
Controle Remoto desligado e
Desligado
válvula de ventagem desacionada.
Remoto Operação via Controle Remoto.

Em uma situação de risco em que o operador não tenha condições de


operar o Controle Remoto, o ajudante poderá movimentar a chave para a
posição Local e realizar a operação local diretamente no comando
hidráulico.
Atenção! Quando utilizar a chave do tipo Remoto/Desligado/Local, deverá
ser instalado um botão de emergência próximo as alavancas de operação
do guindaste.

1.2.3 Conector Principal


É no conector principal que é acoplado o cabo responsável por alimentar o
Receptor bi volt (12/24V) e levar os sinais analógicos para o comando
hidráulico.
Atenção! Em manutenções envolvendo solda, sempre desconectar este
cabo.

1.2.4 Conectores Linha CRANE


O Conector Linha CRANE é opcional e estará presente se for solicitado
durante a compra, quando em seu implemento for instalado também a
Linha CRANE. É por meio deste conector que poderá ser conectado o
Display CRANE, permitindo que todos os dados coletados pelos sensores
da Linha CRANE possam ser visualizados na tela LCD do Transmissor.
A Linha CRANE é a linha de produtos Tecnnic voltados para segurança em
guindastes articulados, saiba mais em: www.tecnnic.com.br.
20

1.2.5 Entrada para Momento de Carga (Pressostato)


Esta entrada é opcional, ela é utilizada em casos onde o usuário possua
em seu equipamento um sensor de Momento de Carga On/Off
(pressostato). Nestes casos o Receptor poderá ser personalizado,
possuindo uma entrada para ler este sensor.
Quando esta funcionalidade estiver habilitada, ao acionar o
sensor/pressostato (MC acima do limite) todos os movimentos de Avanço
serão bloqueados.
Para reestabelecer condições seguras de operação, o operador poderá
utilizar os movimentos de Retorno ou pressionar o botão B4 no
Transmissor, para liberar 5 segundos de operação total. Caso não sejam
restabelecidas condições seguras, ocorrerá um novo bloqueio dos
movimentos de Avanço por 30s.

1.3 Cabo Principal


O Cabo Principal é fabricado de forma que atende todas as marcas de
comandos hidráulicos mais comuns no mercado. Para um modelo de cabo
personalizado para sua aplicação, consulte nosso setor comercial.
A diferença básica entre os dois modelos de cabo disponível é a inclusão
ou não de uma botoeira seletora para operação Local (alavancas do
comando).
O Receptor com Display CRANE usa um modelo de cabo principal
específico, com entradas auxiliares para sensores e para o Display.

Cabo Principal (comum)


21

Cabo Principal + Botoeira Seletora

Ficha Técnica do Cabo Principal (Modelos Padrão)


Quantidade de saídas Deutsch Até 16 (8 funções)
Quantidade de saídas auxiliares 6
Botoeira seletora
Sim (opcional)
Remoto/Desligado/Local
Saída para Válvula de Ventagem Sim
Conexão principal SICMA 24 vias

Cabo Principal (Receptor Integrado com Display)

Ficha Técnica Cabo Receptor Integrado com Display CRANE


22

Quantidade de saídas Deutsch Até 10 (5 funções)


Quantidade de saídas auxiliares 4
Quantidade de entradas auxiliares 2
Entradas para o Display CRANE 2
Botoeira seletora Não, a chave seletora está
Remoto/Desligado/Local integrada na caixa do receptor.
Saída para Válvula de Ventagem Sim
Conexão principal SICMA 24 vias

Cabo Principal

Cabo Principal Receptor Integrado com Display CRANE


23

1.3.1 Alimentação
Os cabos identificados com etiquetas Vermelha e Branca recebem a
alimentação elétrica, que poderá ser 12V (5A) ou 24V (2,5A).

Cabos de alimentação

1.3.2 Sinais PWM


O Controle Remoto de Guindaste é compatível com a maioria dos
comandos hidráulicos do mercado, de forma que já sai de fábrica com
todas as conexões necessárias.

1.3.3 Sinal para Válvula de Ventagem


Fornece sinal para controle da válvula de segurança (Ventagem), de
acordo com as especificações dos fabricantes de comandos.
Sempre que qualquer canal PWM for acionado a válvula de segurança será
acionada. Quando o controle remoto estiver em repouso, ou seja, nenhum
canal acionado, a saída de Ventagem será desligada. Esta função também
é conhecida como “ponto zero”.

Conector ventagem (Deutsch DT06-S2)

1.3.4 Saídas/Entradas Digitais


Fornece saídas digitais (relé) para acionamentos auxiliares, como
RPM+/RPM-, liga/desliga motor, buzina, etc. Até 6 saídas digitais;
As saídas digitais são controladas pelos botões auxiliares no transmissor.
Opcional: Cada saída do Receptor pode também ser configurada, na
fábrica, como uma entrada. Desta forma é possível utilizar uma entrada
digital para executar ações opcionais no controle remoto.
24

Conectores saídas digitais (Fast On)

1.3.5 Botoeira Seletora + Emergência


O Cabo Principal pode ser montado com a Botoeira Seletora + Emergência.
Esta botoeira normalmente é utilizada em equipamentos que fazem uso
do cesto acoplado. Afim de atender normas regulamentadoras, a botoeira
permite selecionar entre Remoto (Operação via Controle Remoto), Local
(Operação manual no comando hidráulico) ou Desligado.

Botoeira Seletora + Emergência


Obs.: A Botoeira Seletora + Emergência tem a mesma função da chave
Remoto/Desligado/Local (Item 1.2.2 deste manual). A diferença entre as
duas opções é que, a Botoeira já vem com o botão de emergência e pode
ser instalado em um local de mais fácil acesso ao operador.

1.3.6 Entradas Auxiliares Display CRANE


Estas entradas são referentes as duas entradas digitais do Display CRANE
que podem ser configuradas como: Desbloqueio, Emergência, Monitor de
Lança ou Giro. Para mais informações, consulte o manual do Display
CRANE.
25

1.3.7 Entradas Auxiliares do Receptor com Display CRANE


Integrado para Sensor na Alavanca Seletora e Sensor de
Lança no Berço
Estas entradas são exclusivas do Receptor com Display CRANE integrado e
devem ser conectadas a sensores indutivos. Estes sensores indicam para o
Display CRANE quando o operador deseja patolar e se a lança está ou não
no berço. Estes sensores devem ser ligados no chicote principal:
Obs.: Para que estes sensores funcionem corretamente o opcional
“Monitor Lança” deve estar habilitado no menu de configurações do
Transmissor. No Display CRANE, a opção “Monitor de Lança” deve estar
marcada como REDE no menu de configurações, tela 36 “Habilita Bloqueio
dos Módulos".

1.4 Carregadores
O carregador do Controle Remoto é fornecido juntamente com dois
adaptadores. Um veicular, do tipo isqueiro, que pode ser usado em
tomadas de 12Vcc e 24Vcc e um de tomada, que opera entre 100 e 240
Volts:

Carregador do tipo isqueiro Carregador de tomada


O adaptador deverá ser conectado ao Carregador que por sua vez será
conectado a Bateria. Os Leds no carregador indicam o funcionamento do
mesmo:

Detalhe dos LEDs do Carregador


26

Led Verde Led Vermelho Carregador


Apagado Apagado Desligado
Aceso Aceso Carregando
Aceso Apagado Bateria carregada
Aceso Apagado Bateria desconectada

O LED verde “Ligado” indica que o carregador está ligado. O LED vermelho
“Carregando” indica que o plugue está conectado e a bateria está
carregando. Se o plugue estiver conectado e o LED vermelho estiver
apagado, indica que a bateria já está carregada.
O tempo de carga da bateria é de em média 12 Horas.
Se a bateria ficar por um longo período conectada no carregador, mesmo
após ter completado a carga, o carregador pode voltar a carregar a bateria
automaticamente, para manter a carga da bateria sempre em 100%.
O plugue de carga fica na própria bateria, permitindo que a mesma seja
carregada instalada ou não no transmissor:

Carregador conectado ao Transmissor


Atenção! Utilize somente baterias e carregadores originais Tecnnic, sob o
risco de provocar sérios danos a bateria e ao equipamento.

1.5 Configurações
O Controle Remoto possui uma série de configurações e parâmetros para
melhor atender as diversas necessidades presentes no mercado. Para ter
acesso ao menu de configurações, consulte o manual de instalação. A
seguir são apresentados os principais parâmetros:
Homem Morto
Este parâmetro indica se o usuário quer ou não utilizar as funcionalidades
do botão de homem morto. Para que este parâmetro seja habilitado,
27

obrigatoriamente Transmissor deve possuir botão de Homem Morto. Este


parâmetro é muito útil para representantes que desejam manter um
único modelo em estoque (com botão HM), mas possuem clientes que
não utilizam esta funcionalidade.
Momento de Carga na Entrada 4
Este parâmetro vem configurado de fábrica e necessita de uma
personalização no Receptor. Ele indica para o software que o Receptor
possui entrada para Momento de Carga (Pressostato).
Ao receber um sinal nesta entrada o Controle Remoto bloqueia o Avanço
de todas as funções além de bloquear completamente a função Giro. Para
desbloquear o controle, o operador pode reduzir o momento de carga
fazendo movimentos de Retorno, ou pressionar o botão B4 para liberar o
funcionamento completo do Controle Remoto por 5 segundos.
Manipulador de Postes
Este parâmetro vem configurado de fábrica. Ao ativá-lo o software do
Transmissor entenderá que um manipulador de postes está sendo
utilizado. Nesta situação o Controle Remoto vai acionar sequencialmente
3 relés no Receptor para que seja possível controlar até 3 funções com um
único Joystick.
CRANE
Este parâmetro indica para o software que a máquina possui instalado o
sistema de segurança Tecnnic, a Linha CRANE. Com este parâmetro
ativado será possível visualizar na tela do Transmissor todas as leituras dos
sensores de Inclinação, Momento de Carga, Monitor de Apoio das Patolas,
Anemômetro e Balança.
Bloqueio CRANE
Este parâmetro indica para o software se, quando houver um bloqueio na
Linha CRANE, o funcionamento do Controle Remoto também deverá ser
bloqueado.
Retenção das Digitais
É possível indicar o modo de funcionamento para cada uma das saídas
auxiliares (digitais), podendo ser PULSO ou RETENÇÃO.
 Funcionamento modo PULSO: A saída permanece acionada
enquanto o botão correspondente permanecer acionado.
 Funcionamento modo RETENÇÃO: Pressione e solte o botão uma
vez para acionar, pressione e solte novamente para desacionar.
28

Desbloqueio Remoto
Quando a máquina possuir a Linha CRANE instalada, este parâmetro
permite selecionar um dos botões auxiliares para realizar o desbloqueio
remoto. Ou seja, sempre que o Display CRANE estiver bloqueado, poderá
ser pressionado o botão de desbloqueio remoto no transmissor para
desbloquear o Display e liberar a operação.
Nivelador de Cesto
Quando habilitado, este parâmetro indica ao Controle Remoto para se
comunicar com o Nivelador de Cesto via RF (sinal sem fio). Desta forma o
funcionamento do software é otimizado, buscando mais conforto e
segurança para o operador:
 Funcionamento do botão de Homem Morto otimizado, obrigando o
operador a acioná-lo somente quando o Nivelador de Cesto estiver
ligado.
 Funcionamento do botão de emergência e bloqueios integrado: ao
ocorrer um bloqueio no Controle Remoto, Linha CRANE ou algum
botão de emergência for pressionado, o Nivelador de Cesto cessa o
movimento.
29

2. Garantia
Os produtos Tecnnic são garantidos contra defeitos de fabricação pelo
prazo de 12 meses a partir da data da venda, sendo os primeiros 3 meses,
visando atender a legislação deste país e 9 meses de acordo com política
Tecnnic de atendimento ao cliente.
Caso o equipamento venha a apresentar defeito durante o uso, a Tecnnic
orienta que seja contatado primeiramente o representante responsável
pela implementação do equipamento, verificando possíveis falhas de uso
ou instalação. Se constatado defeito, o fabricante / implementador /
instalador deverá entrar em contato com a Tecnnic.
O rompimento do LACRE de garantia do produto, seja ele interno ou
externo, implica na perda total e irrestrita da garantia. A TECNNIC
ELETRONICA INDUSTRIAL não se responsabiliza pelo mau funcionamento
em produtos com o lacre de garantia rompido.
A TECNNIC ELETRONICA INDUSTRIAL não se responsabiliza, em hipótese
alguma, sob qualquer dano causado a equipamentos e pessoas que
utilizam esse sistema, bem como prejuízos causados pela parada do
equipamento. O uso do equipamento subentende a aceitação dos termos
de uso contidos neste manual.
30

3. Suporte Técnico
Para informações sobre instalação e configuração do equipamento, o
manual de instalação pode ser consultado. Em caso de dúvidas ou
problemas durante a operação do equipamento, entre em contato com a
Tecnnic.

www.tecnnic.com.br

tecnnic@tecnnic.com.br

(48) 3478 – 6090

(48) 9 9984 – 0473

Você também pode gostar