Você está na página 1de 3

FUNDAÇÃO ESCOLA TÉCNICA LIBERATO SALZANO VIEIRA DA CUNHA

CURSO TÉCNICO DE ELETROTÉCNICA (DIURNO) ANO: 2021


COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA SÉRIE: 3ºANO
PROFESSOR: JOSÉ CELMAR ROIR DA SILVA
ALUNO(A): ___________________________________________________

EXERCÍCIOS SOBRE GEOMETRIA ANALÍTICA


1) Classificar o triângulo de vértices A(2 , 4) , B(3 , 1) e C (4 , 2) quanto aos ângulos e determinar o
seu perímetro.

2) Se A(3 ,  3) e B(6 ,  2) são vértices consecutivos de um quadrado, determinar o seu perímetro.

3) Determinar os pontos do eixo x que distam 130 uc do ponto (4 , 3) .

4) Determinar as coordenadas do ponto médio do segmento de extremos (2 , 1) e (8 , 7) .

5) Uma das extremidades de um segmento AB é o ponto A(3 , 2) . Sendo M (1 , 3) o ponto médio
desse segmento, determinar as coordenadas da outra extremidade do segmento.

6) Determinar as coordenadas do baricentro e determinar a área dos triângulos de vértices:


a) (0 , 0) , (10 , 12) e (6 ,  9) b) (1 , 2) , (0 , 6) e (8 , 4)

7) Um ponto P pertence ao eixo das abscissas e é equidistante dos pontos M (1 , 4) e N (1 , 2) .


Determinar as coordenadas do ponto P .

8) Determinar os vértices do triângulo retângulo que têm os dois catetos sobre os eixos cartesianos e o
ponto médio da hipotenusa em M (3 , 2) .

9) A área de triângulo de vértices A(3 , 1) , B(1 ,  3) e C (0 , y) é 3 ua . Determinar as coordenadas do


vértice C .
10) Os vértices de um triângulo são os pontos A(0 , 4) , B(2 ,  6) e C (4 , 2) . Determinar a medida da
mediana relativa ao lado BC .

11) Determinar as coordenadas do ponto A que pertence a bissetriz dos quadrantes ímpares, sabendo
que o ponto está a igual distância dos pontos B(7 , 2) e C (2 , 1) .

12) A área de triângulo de vértices A(2 , 1) , B(3 ,  2) e C é 4 ua . Determinar as coordenadas do


vértice C , sabendo que está localizado sobre o eixo das abscissas.

13) Determinar o coeficiente angular, dados dois pontos de uma reta:

a) (1 , 1) e (3 ,  3) b) (1 , 1) e (4 , 6)

14) Determinar os coeficientes angular e linear das retas:


a) 3x  2 y  12  0 b) 2x  3 y  0

15) Verificar se os pontos A(0 , 6) , B(0 , 2) , C (2 ,  4) e D(3 , 11) pertencem à reta r  y  3x  2 .

16) Determinar o coeficiente angular da reta que passa pelo ponto (4 , 1) e possui coeficiente linear 2 .
Construir o gráfico da reta obtida.
2
17) Determinar a equação da reta que passa pelo ponto:

a) (5 , 7) e possui coeficiente angular  11 2 ;

b) localizado na origem dos eixos coordenados formando um ângulo de 30 com o eixo x ;

c) (3 , 3) e forma o ângulo de 135 com o eixo das abscissas;

d) P(1 ,  3) e é perpendicular à reta s  de equação 2 x  3 y  4  0 ;

e) P(11 , 3) e é paralela à reta s  de equação 3x  2 y  4  0 .

18) Construir o gráfico das retas r e s , a seguir, determinar o ponto de intersecção se existir, e,
verificar se estas retas são paralelas, ou perpendiculares por meio de cálculo algébrico:
a) ( r ) 2x  y  1  0 e ( s ) x  2 y  6  0 ;

b) ( r ) 3x  4 y  20  0 e ( s ) 3x  4 y  8  0 .

19) Determinar a equação da reta que passa pela origem e pelo ponto

a) (7 ,  5) ; b) de intersecção das retas x  4 y  7  0 e 8x  7 y  22  0 .

20) Determinar:
a) o ponto de intersecção das retas 2 x  3 y  1 e 3x  y  7 ;

b) a equação da reta que passa pelo ponto de intersecção e tem declividade  2 .

21) Escrever as equações das retas suportes dos lados do triângulo cujos vértices são A(3 , 0) , B(0 , 4)
e C (6 , 8) .

22) Determinar se possível r  s das retas ( r ) 2 x  3 y  12  0 e ( s ) 4 x  3 y  6  0 .

23) Determinar a distância do ponto:


a) (1 , 4) à reta 3x  2 y  8 ;

b) (1 , 2) à reta 3x  4 y  1  0 .

24) Determinar a distância do ponto de intersecção das retas 5x  3 y  1  0 e 3x  4 y  5  0 à reta


x  4 y  2 .

25) Determinar os valores de c para as retas ( r ) e ( s ) de equações (1  c) x  10 y  3  0 e


(c  2) x  4 y  11c  18  0 sejam concorrentes.

26) Determinar as coordenadas do ponto A( x , y) , sabendo que A é o ponto de intersecção da reta ( r )


de equação 2 x  3 y  1  0 , com a bissetriz dos quadrantes ímpares.

27) As equações das retas suportes dos lados de um triângulo são as retas ( r ), ( s ) e ( t ) de equações
x  6 y  11  0 , 3x  2 y  7  0 e x  6 y  5  0 , respectivamente. Determinar as coordenadas
dos vértices do triângulo.
3
28) Determinar a equação da reta r  simétrica à reta s  , de equação x  y  1  0 , em relação à reta
t  , de equação 2x  y  8  0 .
29) No paralelogramo cujos vértices consecutivos são os pontos A(1 , 1) , B(6 , 2) , C (2 , 3) e D(7 , 4) .
Determinar a equação da altura relativa à reta suporte do lado AB e sua medida.

30) Determinar o valor de y para que a distância do ponto P(1 , y) à reta r  de equação
3x  4 y  5  0 , seja igual a 2 uc .

31) Escrever a equação da circunferência de centro (3 , 6) e raio 4 uc .

32) Determinar as equações das circunferências de centro C , representadas, a seguir:


a) b) c)

33) Determinar as coordenadas do centro e a medida do raio das circunferências de equações:


a) x2  y 2  2x  5 y  2  0 b) x2  y 2  5x  y  1  0

34) Determinar a equação da circunferência de raio 2 uc e concêntrica à circunferência


x 2  y 2  8x  10 y  7  0 .

35) O ponto P(3 , y) pertence à circunferência de centro C (0 , 3) e de raio 5 uc . Determinar o valor


da ordenada do ponto P

36) Determinar a equação da circunferência:


a) de centro (3 , 3) cujo diâmetro é a distância entre os pontos A(1 , 3) e B(5 , 3) ;

b) cujo diâmetro é o segmento AB , sendo A(0 ,  4) e B(8 , 6) .

37) Determinar a equação da circunferência cujo centro é o ponto de intersecção:


a) das retas 2 x  3 y  8  0 e 5x  4 y  3  0 e possui raio medindo 3 uc ;

b) da reta 4x  y  2  0 com o eixo das ordenadas e possui raio medindo 6 uc ;

38) Achar a equação da circunferência que passa pelos pontos:


a) A(0 , 1) , B(1 , 4) e tem centro sobre a reta x  2 ; b) A(4 , 2) , B(1 , 1) e D(1 ,  1) .

39) Determinar a equação da circunferência com centro no ponto C (1 , 3) e é tangente à reta s  de


equação x  y  2  0 .

40) Qual a posição da reta ( s ) de equação x  y  1  0 em relação à circunferência de equação (  )


x2  y 2  2x  4 y  3  0 ?

Você também pode gostar