Você está na página 1de 295

Chapa metálica

SOLIDWORKS 2016 TRAINING

PTB
SOLIDWORKS 2016

Chapa metálica

Dassault Systèmes SolidWorks Corporation


175 Wyman Street
Waltham, Massachusetts 02451 EUA
© 1995-2015, Dassault Systemes SolidWorks Corporation, uma Avisos sobre direitos autorais dos produtos SOLIDWORKS
empresa Dassault Systèmes SE, 175 Wyman Street, Waltham, Mass. Standard, Premium, Professional e Education
02451 USA. Todos os direitos reservados. Partes deste software © 1986-2015 Siemens Product Lifecycle
As informações e o software discutidos neste documento estão Management Software Inc. Todos os direitos reservados.
sujeitos a modificações sem aviso e não constituem compromissos Este trabalho contém o seguinte software de propriedade da
da Dassault Systèmes SolidWorks Corporation (DS SolidWorks). Siemens Industry Software Limited:
Nenhum material pode ser reproduzido ou transmitido sob qualquer D-Cubed™ 2D DCM © 2015. Siemens Industry Software Limited.
forma ou por qualquer meio, eletrônico ou mecânico, para qualquer Todos os direitos reservados.
finalidade, sem a expressa permissão por escrito da DS SolidWorks.
D-Cubed™ 3D DCM © 2015. Siemens Industry Software Limited.
O software discutido neste documento é fornecido sob licença e Todos os direitos reservados.
poderá ser utilizado ou copiado apenas de acordo com os termos da
licença. Todas as garantias fornecidas pela DS SolidWorks D-Cubed™ PGM © 2015. Siemens Industry Software Limited.
referentes a software e documentação estão estabelecidas no Todos os direitos reservados.
Contrato de Licença, e nada que estiver declarado ou implícito neste D-Cubed™ CDM © 2015. Siemens Industry Software Limited.
documento ou seu conteúdo deve ser considerado ou julgado como Todos os direitos reservados.
modificações ou alterações de quaisquer termos, incluindo as D-Cubed™ AEM © 2015. Siemens Industry Software Limited.
garantias, do contrato de licença. Todos os direitos reservados.
Avisos de patentes Partes deste software © 1998-2015 Geometric Ltd.
O software SOLIDWORKS® 3D mechanical CAD e/ou Partes deste software incorporam o PhysX™ da NVIDIA,
Simulation é protegido pelas patentes americanas 5,815,154; 2006-2010.
6,219,049; 6,219,055; 6,611,725; 6,844,877; 6,898,560; 6,906,712;
7,079,990; 7,477,262; 7,558,705; 7,571,079; 7,590,497; 7,643,027; Partes deste software © 2001-2015 Luxology, LLC. Todos os
7,672,822; 7,688,318; 7,694,238; 7,853,940; 8,305,376; 8,581,902; direitos reservados, patentes pendentes.
8,817,028; 8,910,078; 9,129,083; 9,153,072 e patentes estrangeiras, Partes deste software © 2007-2015 DriveWorks Ltd.
(p.ex., EP 1,116,190 B1 e JP 3,517,643). Copyright 1984-2010 Adobe Systems Inc. e seus licenciadores.
O software eDrawings® é protegido pelas patentes americanas Todos os direitos reservados. Protegido pelas patentes nos EUA
7.184.044 e 7.502.027, e pela patente canadense 2.318.706. 5,929,866; 5,943,063; 6,289,364; 6,563,502; 6,639,593; 6,754,382;
Patentes pendentes nos EUA e no exterior. patentes pendentes.
Adobe, o logotipo Adobe, Acrobat, o logotipo Adobe PDF, Distiller
Marcas comerciais e nomes de produtos dos produtos e servidos e Reader são marcas registradas ou marcas comerciais da Adobe
SOLIDWORKS Systems Inc. nos EUA e em outros países.
SOLIDWORKS, 3D ContentCentral, 3D PartStream.NET, Para obter mais informações sobre direitos autorais, consulte Ajuda
eDrawings e o logotipo eDrawings são marcas comerciais > Sobre o SOLIDWORKS.
registradas da DS SolidWorks, e FeatureManager é uma marca
registrada de copropriedade da DS SolidWorks. Avisos sobre direitos autorais dos produtos SOLIDWORKS
CircuitWorks, FloXpress, PhotoView 360 e TolAnalyst são marcas Simulation
comerciais da DS SolidWorks. Partes deste software © 2008 Solversoft Corporation.
FeatureWorks é marca registrada da Geometric Ltd. PCGLSS © 1992-2014 Computational Applications and System
SOLIDWORKS 2016, SOLIDWORKS Standard, SOLIDWORKS Integration, Inc. Todos os direitos reservados.
Professional, SOLIDWORKS Premium, SOLIDWORKS PDM Avisos sobre direitos autorais do produto SOLIDWORKS
Professional, SOLIDWORKS PDM Standard, SOLIDWORKS Standard
Workgroup PDM, SOLIDWORKS Simulation, SOLIDWORKS
Flow Simulation, eDrawings, eDrawings Professional, © 2011, Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.
SOLIDWORKS Sustainability, SOLIDWORKS Plastics, Avisos sobre direitos autorais do produto SOLIDWORKS PDM
SOLIDWORKS Electrical, SOLIDWORKS Composer e Professional
SOLIDWORKS MBD são nomes de produtos da DS SolidWorks. Outside In® Viewer Technology, © Copyright 1992 – 2012, Oracle
Outras marcas ou nomes de produtos são marcas comerciais ou © 2011, Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.
marcas registradas de seus respectivos proprietários.
SOFTWARE PARA COMPUTADOR COMERCIAL - Avisos sobre direitos autorais dos produtos eDrawings
PROPRIETÁRIO Partes deste software © 2000-2014 Tech Soft 3D.
O Software é um “item comercial” segundo a definição do termo em Partes deste software © 1995-1998 Jean-loup Gailly e Mark Adler.
48 C.F.R.2.101 (OUT 1995), consistindo em “software comercial Partes deste software © 1998-2001 3Dconnexion.
para computador” e “documentação de software comercial”
conforme a utilização dos termos em 48 C.F.R.12.212 (SET 1995), Partes deste software © 1998-2014 Open Design Alliance. Todos os
sendo fornecido ao Governo dos EUA (a) para aquisição por órgãos direitos reservados.
civis ou em seus respectivos nomes, em conformidade com as Partes deste software © 1995-2012 Spatial Corporation.
políticas estabelecidas em 48 C.F.R.12.212; ou (b) para aquisição O software eDrawings® para Windows® é baseado em parte no
por unidades do departamento de Defesa dos EUA ou em seus trabalho do Independent JPEG Group.
respectivos nomes, em conformidade com as políticas estabelecidas
em 48 C.F.R.227.7202-1 (JUN 1995) e 227.7202-4 (JUN 1995). Partes do eDrawings® para iPad® têm copyright © 1996-1999
Silicon Graphics Systems, Inc.
Caso tenha recebido uma solicitação de qualquer agência do
Governo dos EUA para fornecer o software com os direitos além Partes do eDrawings® para iPad® copyright © 2003 - 2005 Apple
dos que foram estabelecidos acima, notifique a DS SolidWorks a Computer Inc.
respeito do escopo da solicitação e a DS SolidWorks terá 5 dias úteis
para aceitar ou rejeitar tal solicitação conforme seus critérios.
Contratante/fabricante: Dassault Systèmes SolidWorks Corporation,
175 Wyman Street, Waltham, Massachusetts 02451 USA. Número do documento: PMT1606-PTB
Conteúdo

Introdução
Sobre este curso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2
Pré-requisitos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2
Filosofia de desenvolvimento do curso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2
Utilização deste livro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2
Convenções usadas neste livro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
Sobre os arquivos de treinamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
Templates de treinamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
Windows® 7 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
Uso de cores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
Gráficos e placas gráficas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
Esquemas de cores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
Mais recursos de treinamento do SOLIDWORKS . . . . . . . . . . . . . . . . 6
Grupos de usuários locais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
Lição 1:
Recursos de flange-base
O que são peças de chapa metálica? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
Métodos de chapa metálica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
Itens de chapa metálica exclusivos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
Método de flange . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
Flange-base/Aba . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
Parâmetros de chapa metálica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
O que é Tolerância da dobra? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
Uso de tabelas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15

i
Conteúdo SOLIDWORKS 2016

Edição de parâmetros de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21


Recursos de dobra de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 22
Recurso Flat-Pattern . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
Planificar e Sair da planificação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
Alternar exibição plana . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
Recursos de flange adicionais. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 26
Flanges de aresta . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 26
Configurações de flange de aresta . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 28
Edição do perfil do flange. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31
Relações de perfil do flange . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31
Flanges de aresta em arestas curvas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33
Flanges contínuos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 34
Configurações de flange contínuo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35
Recurso de bainha . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 36
Configurações de bainha. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 37
Recursos de aba . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 38
Cortes em chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 40
Resumo de recursos de flange . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 43
Exercício 1: Suporte de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 45
Exercício 2: Recursos de flange . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 46
Exercício 3: Editar perfil de flange. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 52
Exercício 4: Caixa de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 56
Exercício 5: Suportes de molduras variados. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 59
Lição 2:
Como trabalhar com o padrão plano
Como trabalhar com o padrão plano. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 62
Configurações do padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 62
Recursos para fabricação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 65
Recurso Corner-Trim . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 65
Configurações de Aparar canto. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 66
Cantos no estado formado. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 68
Canto fechado . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 68
Configurações de canto fechado . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 69
Relevo de canto. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 73
Quebrar canto/aparar canto . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 74
Produção do padrão plano. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 75
Propriedades de lista de corte de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . 75
Acesso às propriedades da lista de corte. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 76
Vistas de desenho de padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 78
Propriedades de vista de padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 80
Propriedades de documento de desenho . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 81
Tabelas de chapa metálica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 82
Propriedades da lista de corte como uma nota . . . . . . . . . . . . . . . . . . 84
Exportação do padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 86
Exercício 6: Configurações do padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 88
Exercício 7: Como trabalhar com cantos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 93

ii
SOLIDWORKS 2016 Conteúdo

Lição 3:
Técnicas adicionais de chapa metálica
Métodos adicionais de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 102
Projeto a partir do plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 102
Recurso Sketched Bend . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 102
Recurso Jog (Desvio) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 106
Adição de recursos em um estado desdobrado . . . . . . . . . . . . . . . . . 109
Desdobrar e dobrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 110
Criação de cortes no padrão plano . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 112
Swept Flange. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 112
Opções de padrão plano do flange varrido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 114
Dobras com loft . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 116
Dobras com loft curvas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 116
Opções de região de dobra curva . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 117
Dobras com loft formadas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 120
Opções de região de dobra formada . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 122
Dobras com loft na Biblioteca de projetos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 125
Exercício 8: Chapa metálica a partir do plano . . . . . . . . . . . . . . . . . 126
Exercício 9: Desvios e bainhas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 129
Exercício 10: Dobrar e desdobrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 134
Exercício 11: Flange varrido cônico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 137
Exercício 12: Dobras com loft . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 139
Exercício 13: Uso de simetria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 141
Corte de alívio manual . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 141
Recursos de biblioteca de chapa metálica. . . . . . . . . . . . . . . . . . 146
Lição 4:
Conversão em chapa metálica
Conversão de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 150
Método Inserir dobras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 150
Geometria importada para chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 150
Adição de rasgos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 153
Inserir dobras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 154
Recursos associados . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 156
Alternar estados . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 157
Efetuar mudanças . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 157
Canto soldado . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 159
Conversão de cones e cilindros. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 161
Converter em chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 165
Configurações de Converter em chapa metálica. . . . . . . . . . . . . 167
Uso de esboços de rasgo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 171
Exercício 14: Importação e conversão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 173
Exercício 15: Como desenrolar um cilindro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 175
Exercício 16: Prática de Converter em chapa metálica . . . . . . . . . . 179
Exercício 17: Converter com rasgos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 180
Exercício 18: Funil de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 182

iii
Conteúdo SOLIDWORKS 2016

Lição 5:
Peças de chapa metálica multicorpos
Peças de chapa metálica multicorpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 186
Ferramentas para criar peças de chapa metálica multicorpos. . . 187
Multicorpos com Flange-base. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 187
Parâmetros de chapa metálica para multicorpos. . . . . . . . . . . . . . . . 189
Histórico do recurso de corpo sólido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 190
Propriedades do item da lista de corte para multicorpos . . . . . . . . . 190
Vistas de desenho de padrão plano para multicorpos . . . . . . . . . . . . 191
Anotações de balões da lista de corte . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 193
Exportação para DXF/DWGs com multicorpos . . . . . . . . . . . . . . . . 195
Conversão com multicorpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 197
Ocultar e exibir corpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 198
Ocultar e Exibir. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 198
Ocultar/Exibir corpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 198
Isolar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 198
O Painel de exibição . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 199
Uso de divisão com peças de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . 200
Aplicação de padrão para multicorpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 202
Utilização de flanges de aresta para mesclar corpos. . . . . . . . . . . . . 205
Corpos com interferência . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 206
Combinação de chapa metálica com outros corpos . . . . . . . . . . . . . 209
Atribuição de materiais a corpos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 210
Exercício 19: Toolbox . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 212
Exercício 20: Espelhamento e mesclagem de corpos . . . . . . . . . . . . 221
Exercício 21: Trailer de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 224
Lição 6:
Ferramentas de conformação e cantoneiras
Ferramentas de conformação de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . 238
Como elas trabalham . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 238
Tipos de ferramentas de conformação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 239
Ferramentas de conformação padrão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 239
A pasta de ferramentas de conformação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 240
Configurações do recurso de ferramenta de conformação . . . . . 243
Recursos de ferramenta de conformação na superfície plana. . . . . . 246
Propriedades do documento de peça. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 246
Ferramentas de conformação personalizadas . . . . . . . . . . . . . . . . . . 247
Linha de divisão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 249
Ferramenta de conformação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 250
Ferramentas de conformação em desenhos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 254
Tabelas de perfuração e ID de perfuração . . . . . . . . . . . . . . . . . 254
Cantoneira de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 256
Exercício 22: Ferramenta de conformação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 259
Exercício 23: Cantoneira de chapa metálica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . 265

iv
SOLIDWORKS 2016 Conteúdo

Lição 7:
Funções adicionais de chapa metálica
Funções adicionais de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 268
Quebras em cruz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 268
Configurações de quebra em cruz. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 269
Recursos de Respiradouro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 271
Espelhar peça . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 273
Planos de processo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 275
Costing de chapa metálica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 278
Apêndice A:
Tabelas de chapa metálica
Tabelas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 282
As tabelas de amostra . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 282
Modelos e outras tabelas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 282
Personalizando tabelas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 283
Tabelas de razão de fator K . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 284

v
Conteúdo SOLIDWORKS 2016

vi
Introdução

1
Introdução SOLIDWORKS 2016

Sobre este O objetivo deste curso é ensinar como montar peças de chapa metálica
curso utilizando o software de automação de projeto mecânico
SOLIDWORKS.
A aplicação de chapa metálica no software SOLIDWORKS é tão
robusta e rica em recursos que torna impraticável cobrir todos os
detalhes e ainda ter um curso com duração razoável. Portanto, o foco
deste curso está nas habilidades e conceitos fundamentais essenciais
para o sucesso na construção de peças de chapa metálica. Você deve ver
o manual do curso de treinamento como um suplemento, e não um
substituto para a documentação do sistema e a ajuda on-line. Uma vez
desenvolvida uma boa base nas habilidades básicas, você pode
consultar a ajuda on-line para obter informações sobre as opções de
comando utilizadas com menos frequência.

Pré-requisitos Espera-se que os alunos deste curso tenham o seguinte:


 Experiência em projetos mecânicos.
 Concluído o curso Conceitos básicos do SOLIDWORKS.
 Experiência com o sistema operacional Windows™.

Filosofia de Este curso foi elaborado para treinamento com abordagem baseada em
desenvolvimento processo ou tarefa. Em vez de se concentrar em recursos e funções
do curso individuais, este tipo de curso dá ênfase aos processos e procedimentos
que você segue para concluir uma determinada tarefa. Utilizando
estudos de caso para ilustrar esses processos, você aprende os
comandos, opções e menus necessários no contexto de conclusão de
uma tarefa do projeto.

Duração do curso A duração mínima recomendada para este curso é de dois dias.

Utilização deste Este manual de treinamento foi projetado para ser utilizado em um
livro ambiente de sala de aula, sob a orientação de um instrutor experiente
em SOLIDWORKS. Não foi criado para ser um tutorial para
autoestudo. Os exemplos e estudos de caso são elaborados para serem
demonstrados “ao vivo” pelo instrutor.

Exercícios de Os exercícios de laboratório dão a você a oportunidade de aplicar e


laboratório praticar o material abrangido durante a parte teórica/demonstração do
curso. Foram desenvolvidos para representar situações típicas de
projeto e modelagem embora sejam suficientemente simples para
serem completados durante o período da aula.

2
SOLIDWORKS 2016 Introdução

Uma nota sobre Os desenhos e dimensões apresentados nos exercícios de laboratório não
dimensões foram criados para refletir um determinado padrão de traçado. Na
verdade, as dimensões às vezes são fornecidas de uma forma que nunca
seria considerada aceitável na indústria. O motivo disso é que os
laboratórios são desenvolvidos para incentivá-lo a aplicar as informações
abordadas em aula e a empregar e reforçar certas técnicas de modelagem.
Como resultado, os desenhos e dimensões nos exercícios são feitos de
maneira a complementar este objetivo.
Convenções Este manual utiliza as seguintes convenções tipográficas:
usadas neste livro
Convenção Significado
Negrito Sans Serif Comandos do SOLIDWORKS e opções são
apresentados nesse estilo. Por exemplo,
Recursos > Corte extrudado significa
clicar no ícone Corte extrudado na guia
Recursos do CommandManager.
Typewriter Nomes de recursos e nomes de arquivos
aparecem nesse estilo. Por exemplo, Sketch1.
Linhas duplas precedem e seguem as seções
17 Realize esta dos procedimentos. Elas fazem a separação
etapa entre as etapas do procedimento e os grandes
blocos de texto de explicação. As etapas são
numeradas em negrito sans serif.

Sobre os arquivos É possível fazer download de um conjunto completo de arquivos


de treinamento utilizados ao longo deste curso no site do SOLIDWORKS,
www.solidworks.com. Clique no link Support e depois em Training,
Training Files, SolidWorks Training Files. Selecione o link para o
conjunto de arquivos desejado. Pode haver mais de uma versão de cada
conjunto de arquivos disponível.
URL direto:
www.solidworks.com/trainingfilessolidworks
Os arquivos são fornecidos como pacotes executáveis de extração
automática assinados. O local de extração predeterminado dos arquivos
de treinamento será C:\SOLIDWORKS Training Files.
Os arquivos estão organizados por número de lição. A pasta Case
Study de cada lição contém os arquivos que seu instrutor utiliza
durante a apresentação das lições. A pasta Exercises contém todos os
arquivos necessários para a execução dos exercícios de laboratório. Os
arquivos de lição concluídos são também incluídos e os nomes de
arquivos são seguidos de “_&” para diferenciá-los.

3
Introdução SOLIDWORKS 2016

Templates de Um conjunto de templates de treinamento é usado em todo o curso para


treinamento padronizar as configurações dos novos arquivos criados. Esses
templates são também fornecidos como pacotes executáveis de
extração automática assinados. Eles podem ser baixados do mesmo site
como arquivos de treinamento e usar o mesmo local de extração.
Esses templates são usados para todos os cursos principais do
SOLIDWORKS.
Para acessar os templates de treinamento no SOLIDWORKS:
1. Clique em Ferramentas, Opções, Opções do sistema, Locais
de arquivos.
2. Escolha Templates de documento no menu suspenso.
3. Clique em Adicionar e navegue até a pasta Training Templates.
4. Clique em OK e Sim em cada uma das mensagens.

Acesso a templates Assim que o local do arquivo tiver sido adicionado, clique no botão
de treinamento Avançado, e a guia Templates de treinamento na caixa de diálogo
Novo documento do SOLIDWORKS poderá ser usada.

Windows® 7 As telas deste manual foram obtidas utilizando o SOLIDWORKS em


ambiente Windows® 7. Se você não estiver usando o Windows 7, ou se
tiver uma configuração de tema diferente, poderá observar pequenas
diferenças na aparência dos menus e das janelas. Essas diferenças não
afetam o desempenho do software.
Os caminhos de instalação do SOLIDWORKS estão em conformidade
com os padrões do Windows® 7. Se você não estiver usando o
Windows 7, os caminhos de instalação serão diferentes.

4
SOLIDWORKS 2016 Introdução

Uso de cores A interface de usuário do SOLIDWORKS utiliza muitas cores para


destacar a geometria selecionada e proporcionar uma melhor
visualização. Isso aumenta muito a capacidade de intuição e a
facilidade de uso do software SOLIDWORKS. Para tirar o máximo de
proveito, os manuais de treinamento são impressos em cores.
Além disso, em alguns casos, podemos ter
usado cores adicionais nas ilustrações para
comunicar conceitos, identificar recursos e
divulgar informações importantes. Por exemplo,
podemos mostrar o resultado de uma operação
em uma cor diferente, mesmo que, por padrão, o
software SOLIDWORKS não exiba os
resultados dessa maneira.

Gráficos e placas O software SOLIDWORKS estabelece um novo padrão com os


gráficas melhores gráficos da categoria. A combinação de um material
altamente refletivo com o realismo dos Gráficos do RealView é uma
ferramenta eficaz para avaliação da qualidade de modelos e superfícies
de peças avançadas.
Os Gráficos RealView constituem o suporte por hardware (placa gráfica)
de sombreamento avançado em tempo real. Por exemplo, se você girar
uma peça, ela manterá a aparência renderizada durante toda a rotação.

Esquemas de O software SOLIDWORKS oferece prontamente diversos esquemas


cores predeterminados de cores que controlam, entre outras coisas, as cores
usadas para destacar itens, itens selecionados, símbolos de relações de
esboço e visualizações sombreadas de recursos.
Não usamos o mesmo esquema de cores em todos os estudos de caso e
exercícios porque algumas cores são mais visíveis e claras do que
outras quando utilizadas em diferentes peças coloridas.
Além disso, alteramos a cor do plano de fundo da viewport para
branco, para que as ilustrações tenham melhor reprodução em papel
branco.
Como resultado, pelo fato de as configurações de cores do seu
computador talvez serem diferentes das utilizadas pelos autores deste
livro, as imagens visualizadas na tela podem não ser idênticas às
apresentadas aqui.

Aparência da Para melhorar a visibilidade, ao longo do desenvolvimento do software


interface de usuário foram feitas várias alterações visuais na Interface do usuário que não
afetam a função do software. Como norma geral, imagens de diálogos
presentes nos manuais que não exibem alteração funcional em relação à
versão anterior não são substituídas. Sendo assim, você pode ver uma
mistura de diálogos e esquemas de cores da IU atual e da IU “antiga”.

5
Introdução SOLIDWORKS 2016

Exibição das O software SOLIDWORKS exibe


relações do esboço automaticamente representações gráficas de
relações de esboço, conforme mostrado na
ilustração à direita. Elas podem ser ativadas e
desativadas por meio do comando Exibir,
Relações de esboço.

Na maior parte dos exemplos deste manual, a


exibição gráfica de relações de esboço foi
desativada.

Mais recursos MySolidWorks.com permite que você seja mais produtivo ao conectá-
de treinamento lo com seus conteúdos e serviços relevantes do SOLIDWORKS, a
do qualquer hora, em qualquer lugar, em qualquer dispositivo.
SOLIDWORKS Além disso, com o treinamento MySolidWorks, você pode melhorar
suas habilidades no SOLIDWORKS em seu próprio ritmo, de acordo
com sua agenda.
Acesse My.SolidWorks.com/training.
Grupos de Descubra as vantagens da Rede de Grupos de Usuários do
usuários locais SOLIDWORKS (SWUGN). Participe de reuniões locais para ouvir
apresentações técnicas sobre o SOLIDWORKS e tópicos relacionados
à engenharia, aprenda sobre outros produtos SOLIDWORKS e interaja
com outros usuários. Os grupos são conduzidos por usuários do
SOLIDWORKS assim como você. Confira SWUGN.org para mais
informações, inclusive sobre como localizar um grupo em sua área.

6
Lição 1
Recursos de flange-base

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Entender os itens exclusivos da árvore de projetos do
FeatureManager de chapa metálica.
 Criar uma chapa metálica usando um flange-base.
 Planificar uma peça de chapa metálica para observar o padrão
plano.
 Adicionar flanges de aresta e flanges contínuos a peças de chapa
metálica.
 Usar o recurso de bainha.
 Criar recursos de aba.
 Entender as opções especializadas de corte de chapa metálica.

7
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

O que são Em geral, as peças de chapa metálica são


peças de chapa fabricadas a partir de uma chapa plana
metálica? de material. Usando uma variedade de
processos, o material plano é dobrado e
formado para gerar uma peça fabricada.
No SOLIDWORKS, uma peça de chapa
metálica se refere a um tipo de modelo
de peça criado com recursos
especializados e tem características
específicas. Um modelo de peça de
chapa metálica...
 ...tem paredes finas.
 ...tem “dobras” nos cantos.
 ...pode ser planificado.
Embora os modelos de chapa metálica sejam usados mais
frequentemente para representar projetos reais de chapa metálica, os
recursos especializados podem ser usados para qualquer peça que
compartilhe essas características. Alguns exemplos incluem
embalagem de papelão ou malha.

Métodos de Há vários métodos para criar uma peça de chapa metálica:


chapa metálica

Uma peça é criada no estado formado com o uso de


recursos de flange especializados.

Método de
flange
(página 11)

8
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Uma peça é projetada com a adição de dobras a uma peça


plana de material.

Projetado a
partir do plano
(página 102)

Um perfil e um caminho são usados para gerar um flange


de chapa metálica.
Flange varrido
(página 112)

Perfis variáveis são usados para peças, como transições


de chapa metálica.

Dobra com loft


(página 116)

Adicione dobras e arestas rasgadas a uma peça com


paredes finas para permitir que ela seja planificada.

Inserir dobras
(página 150)

Converta um corpo sólido em chapa metálica escolhendo


faces e arestas de dobra a serem incluídas.
Converter em
chapa metálica
(página 165)

9
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Itens de chapa Não importa qual técnica seja usada, assim que um modelo é
metálica identificado como chapa metálica, dois itens exclusivos são
exclusivos adicionados à árvore do FeatureManager:
 Sheet-Metal
A pasta Sheet-Metal armazena os parâmetros de chapa metálica
predeterminados, como espessura do material e raio de dobra padrão
para toda a peça. Recursos individuais dentro desta pasta estão
relacionados aos parâmetros de corpos sólidos individuais dentro da
peça. Se uma tabela de calibres for usada, ela também aparecerá nessa
pasta.
 Flat-Pattern
A pasta Flat-Pattern armazena o padrão plano de cada corpo de chapa
metálica na peça. Os recursos de padrão plano são suprimidos quando o
modelo está no estado formado e não suprimido para mostrar o padrão
plano.
CORPO SÓLIDO ÚNICO PEÇA MULTICORPOS

10
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Importante! Os modelos de chapa metálica criados antes do SOLIDWORKS 2013


usavam uma arquitetura um pouco diferente que não incluía as pastas
Sheet-Metal e Flat-Pattern. Essas peças legadas podem apresentar
problemas com funções de chapa metálica mais recentes. Se os
templates de documento incluírem esse código de arquitetura antigo,
certifique-se de criá-los novamente no SOLIDWORKS 2013 ou em
uma versão mais recente.
ARQUITETURA ANTIGA ARQUITETURA NOVA

Método de Esta lição apresenta a técnica mais comum para criação de peça de
flange chapa metálica: o método de flange. Essa técnica enfoca o estado
formado acabado do modelo e utiliza vários recursos de flange
disponíveis para gerar as dobras e as faces da peça. O método de flange
usa os recursos de chapa metálica desde o começo utilizando Base
Flange (Flange-base) como o recurso-base do modelo.
Flange-base/ O recurso Base Flange/Tab (Flange-base/Aba) pode ser imaginado
Aba como o "Boss-Extrude" do projeto de chapa metálica. Esse recurso se
comporta igual ao Ressalto extrudado convencional, mas incorpora
algumas funções específicas das peças de chapa metálica.
Por exemplo, assim como um Recurso extrudado, se um perfil aberto
for usado para um flange-base, um recurso fino será criado. Contudo,
como um recurso de chapa metálica, os parâmetros de chapa metálica
são usados para determinar a espessura da parede, e qualquer canto
agudo no esboço será substituído automaticamente por um raio de
dobra padrão.
Se arcos forem usados em um esboço de perfil aberto, eles serão
automaticamente criados como regiões de dobra no recurso.

11
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Os perfis abertos são comuns para uso com o recurso Base Flange,
visto que as peças de chapa metálica têm paredes finas.

CONTORNO ABERTO = RECURSO FINO COM DOBRAS

CONTORNO ABERTO COM ARCO = RECURSO FINO COM DOBRAS

Se um perfil fechado for usado para um Flange-base/Aba, o contorno


será extrudado de forma similar a um ressalto extrudado. Mas, como
um recurso de chapa metálica, o parâmetro de espessura de chapa
metálica é usado como a distância extrudada. Isso produz uma placa
plana simples como o primeiro recurso da peça ou pode adicionar uma
Aba a uma face de chapa metálica existente.

CONTORNO FECHADO = PLACA, QUANDO FOR RECURSO BASE

CONTORNO FECHADO = ABA, QUANDO MESCLADO COM CORPO EXISTENTE

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Flange-base/Guia


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Flange-base

12
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

1 Nova peça.
Crie uma nova peça usando o template Part_MM. Dê à peça o nome
Tampa.
2 Esboce.
Inicie um novo Esboço no Plano frontal.

Esboce um Retângulo conforme mostrado.

Altere a linha inferior para Geometria de construção e adicione


uma relação de Ponto médio à Origem.

3 Flange-base.
Clique em Flange-base/
Aba .
Como esse perfil é aberto, o
recurso é extrudado de forma
similar a um Thin-Extrude.
Direção 1 e Direção 2
controlam a distância
extrudada a partir do plano
de esboço.
Para Direção 1, digite 240 mm.

Parâmetros de O primeiro recurso de chapa metálica de uma peça é usado para definir
chapa metálica os parâmetros de chapa metálica predeterminados do modelo. Esses
parâmetros incluem:
 Espessura da chapa metálica
A espessura do material.
 Raio de dobra predeterminado
O raio padrão adicionado em dobras agudas na peça.
O raio de dobra é sempre o valor do raio interno.

13
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

 Tolerância da dobra
Determina como o padrão plano é calculado.
Consulte O que é Tolerância da dobra? na página 14.
 Alívio automático
O tamanho e a forma dos cortes de alívio adicionados automaticamente
quando necessário.
Para os alívios de Retângulo e Oblongo, o tamanho pode ser
determinado por uma razão para a espessura do material, ou valores
podem ser especificados para Largura e Profundidade. Os diferentes
tipos de alívio são mostrados abaixo.

RETÂNGULO OBLONGO

RUPTURA - RASGO RUPTURA - ESTENDER

Nota Os valores iniciais desses parâmetros de chapa metálica determinam as


configurações padrão da peça. Contudo, recursos e dobras individuais
podem ser personalizados.
O que é Tolerância Tolerância da dobra é o termo geral no SOLIDWORKS para valores
da dobra? usados para calcular o padrão plano. Na realidade, os valores de
tolerância da dobra podem representar uma tolerância da dobra, uma
dedução de dobra ou um valor de fator k. Não importa que tipo de
valores são usados, a meta é sempre encontrar o comprimento do eixo
neutro: o eixo ao longo da espessura do material, em que o material não
está comprimido e nem expandido.

14
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

A tabela abaixo resume as diferenças entre Fator K, Tolerância da


dobra e Dedução de dobra:

TOLERÂNCIA DA DOBRA
FATOR K DEDUÇÃO DE DOBRA (BD)
(BA)

PADRÃO PLANO = X + Y - BD
FATOR K = DIST PARA EIXO PADRÃO PLANO = X + Y +
NEUTRO / THK MAT’L BA BD= 2*(RAIO DA DOBRA +
THK MAT’L) - BA

O campo Tolerância da dobra de uma peça de


chapa metálica pode ser especificado de várias
formas. Com a escolha de Fator K, Tolerância da
dobra ou Dedução de dobra no menu suspenso, é
possível inserir um valor específico. Com a escolha
de Tabela de dobras ou Cálculo de dobra, um documento em Excel
pode ser usado para determinar o valor com base nos parâmetros de
chapa metálica (Consulte Tabelas de dobras na página 18).
Uso de tabelas Campos de parâmetros de chapa metálica podem ser modificados por
digitação, mas, para limitar os valores disponíveis e padronizar a
entrada, tabelas em Excel podem ser usadas. Tabelas de dobras podem
usar arquivos de texto além dos arquivos Excel.
Nota Os parâmetros para Espessura de chapa metálica, Raio de dobra e
Tolerância da dobra podem ser controlados com o uso de tabelas.
Alívio automático é definido para modelos individualmente.
Há dois tipos de tabelas que podem ser usados, Tabelas de calibres e
Tabelas de dobras, cada uma com vários formatos disponíveis. As
informações nas tabelas e o formato usado dependem das informações
coletadas por meio dos processos de fabricação da empresa.

15
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Tabelas de calibres Tabelas de calibres são usadas para definir quais calibres de material
estão disponíveis e, para cada calibre, quais raios de dobra podem ser
usados. Quando uma tabela de calibres é usada, os parâmetros de chapa
metálica para Espessura e Raio de dobra são substituídos por menus
suspensos preenchidos a partir da tabela.
Há duas maneiras de formatar tabelas de calibres:
 Simples

 Tabela de calibres/tabela de dobras híbridas

16
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

A tabela abaixo resume as funções disponíveis em cada tipo de tabela


de calibres. Para informações detalhadas sobre a personalização das
tabelas de calibres, consulte o Apêndice Tabelas de chapa metálica na
página 281.

SIMPLES HÍBRIDO
Define calibres e Colunas são usadas para Cada calibre tem sua própria "tabela
as espessuras especificar os números de de espessuras" no documento Excel.
dos materiais: calibres e as espessuras. As células na parte superior esquerda
de cada tabela de espessuras indicam
os números e as espessuras de calibre.
Define os raios de Os raios de dobra disponíveis Cada raio de dobra disponível tem
dobra disponíveis são listados na linha de cada uma coluna na tabela de espessuras
para cada calibre. Os valores são relacionada.
espessura: separados por pontos e
vírgulas (;).
Especifica a Somente um valor único para Valores de tolerância da dobra ou
tolerância da o fator K pode ser dedução de dobra podem ser usados e
dobra a ser especificado na parte superior podem variar para cada raio e ângulo
usada: do documento. nas tabelas de espessuras. O tipo de
Para incorporar valores valor é especificado na parte superior
variáveis ou um tipo de valor da tabela Excel.
diferente, uma Tabela de
dobras separada pode ser
usada.
Permite valores Não. Valores diferentes podem ser
de tolerância da Uma tabela de dobras especificados para cada raio diferente
dobra diferentes separada pode ser usada para e para vários ângulos de dobra
para ângulos de incorporar essas informações. conforme desejado.
dobra diferentes:

17
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Tabelas de dobras As tabelas de dobras são usadas mais frequentemente em conjunto com
tabelas de calibres simples. As tabelas de dobras farão a
correspondência das informações de espessura de chapa metálica e raio
da dobra com os valores na tabela de dobras. Alguns formatos de tabela
permitem valores variáveis para ângulos de dobra diferentes também.
Os formatos das tabelas de dobra são conforme segue:
 Simples

 Tolerância da dobra/Dedução de dobra/Fator K variáveis por raio


e ângulo

18
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

 Fator K variável por razão de raio: espessura

 Cálculo da dobra
Este formato de tabela usa equações para determinar o comprimento do
padrão plano.

Tabelas de amostra O SOLIDWORKS está instalado com tabelas de exemplos em cada


formato resumido acima. As tabelas de amostra podem ser usadas
como templates para a criação de tabelas personalizadas com valores
específicos para o bruto, o ferramental e os padrões de um fabricante.
Os locais da tabelas de amostra são:
 Tabelas de calibres
install_dir\lang\<language>\Sheet Metal Gauge Tables
(Tabelas de calibres da chapa metálica)
 Tabelas de dobras
install_dir\lang\<language>\Sheetmetal Bend Tables (Tabelas
de dobras da chapa metálica)
Para informações detalhadas sobre a personalização das tabelas de
calibres e tabelas de dobras, consulte o Apêndice Tabelas de chapa
metálica na página 281.

19
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Para este curso, as amostras de tabelas de calibres simples instaladas


com o SOLIDWORKS serão usadas. A tolerância da dobra para todos
os exemplos usará o Fator K padrão de 0,5 definido na tabela.

4 Usar tabela de calibres.


Marque a opção Usar tabela de calibres.
No menu suspenso, selecione SAMPLE TABLE - ALUMINUM.
5 Parâmetros de chapa metálica.
Para parâmetros de chapa metálica, use as
seguintes configurações:
 Espessura = Calibre 20
 Raio de dobra = 3 mm
 Tolerância da dobra = Fator K (leitura a partir
da tabela)
 Alívio automático = Oblongo, Usar razão de
alívio: 0,5
Certifique-se de que a espessura do material esteja
sendo adicionada à parte externa do esboço. Se
necessário, use a caixa de seleção Inverter
direção na configuração Espessura.

Nota As caixas de seleção estão disponíveis para


substituir os valores padrão na tabela, se
necessário.

Clique em OK .

20
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

6 Resultados.
Base-Flange1 (Flange-Base 1) é adicionado à árvore de projeto do
FeatureManager juntamente com os itens da chapa metálica exclusiva:
a pasta Sheet-Metal e a pasta Flat-Pattern (Consulte Itens de chapa
metálica exclusivos na página 10).

Edição de Quando o recurso de chapa metálica inicial for criado, todos os


parâmetros de parâmetros de chapa metálica predeterminados serão armazenados na
chapa metálica pasta Sheet-Metal conforme mencionado em página 10. Isso significa
que, para alterar a Espessura, o Raio de dobra, a Tolerância da
dobra ou o Alívio automático predeterminado, a pasta Sheet-Metal
deve ser editada.
Os recursos Sheet-Metal# individuais na pasta Sheet-Metal
controlam as configurações de corpos individuais na peça.
Configurações gerais de peça
Configurações de corpo sólido
Tabela de calibres embutida

Nota Na edição do recurso inicial, como o recurso Base-Flange1 recém-


criado, apenas as configurações específicas desse recurso estarão agora
disponíveis.

21
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

7 Edite Base-Flange1.
Clique em Base-Flange1 e Editar recurso .
As únicas propriedades disponíveis para edição
são agora a direção da extrusão e as opções de
substituição dos parâmetros predeterminados.

Clique em Cancelar .

8 Edite Sheet-Metal.
Clique na pasta Sheet-Metal e em
Editar recurso .
Altere a Espessura para Calibre 18 e o
Raio da dobra para 2 mm.

Clique em OK .
Nota Se a tabela de calibres selecionada para uma
peça precisar ser alterada, recomenda-se
primeiro desmarcar a opção "Usar tabela de
calibres" e clicar em OK. Isso removerá
completamente a tabela embutida da peça. Em
seguida, edite novamente a pasta Sheet-Metal,
marque novamente a opção e escolha a seleção apropriada.

9 Resultados.
Base-Flange1 é atualizado para usar os novos valores. Todos os
recursos subsequentes também usarão esses valores como
predeterminados.

Recursos de Cada recurso de chapa metálica contém sub-recursos para as dobras


dobra de chapa criadas. Esses recursos de dobra podem ser editados para modificar os
metálica parâmetros de chapa metálica predeterminados para as áreas de dobra
individuais conforme necessário.
Um exemplo de onde os parâmetros de dobra individuais podem
necessitar de modificação é quando um recurso cria várias dobras que
serão fabricadas de maneira diferente, conforme mostrado abaixo.

22
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

O recurso de dobra individual pode ser identificado e editado para


definir uma tolerância da dobra personalizada ou usar parâmetros de
dobra personalizados se necessário.

Recurso Flat- Cada corpo de chapa metálica em uma


Pattern peça automaticamente tem um recurso
Flat-Pattern associado a ele. O recurso
Flat-Pattern tem sub-recursos para cada
dobra processada e também esboços
usados para exibir as Linhas de dobra e a
Caixa delimitadora do padrão plano.

Curva-Linhas Bend-Lines (Curva-Linhas) representam o centro de uma região de


dobra. Elas podem ser exibidas em desenhos com Notas de Dobras
associadas indicando o raio e o ângulo da dobra. Dimensões podem ser
adicionadas às linhas de dobra nas vistas de desenho para auxiliar na
fabricação.
Caixa delimitadora O esboço Caixa delimitadora contém o menor retângulo em que o
padrão plano pode se encaixar. Essas informações são úteis para
determinar o tamanho do bruto necessário para a peça. Propriedades
são associadas automaticamente à caixa delimitadora e podem ser
exibidas em desenhos.
Para obter mais informações sobre como trabalhar com o padrão plano,
consulte Produção do padrão plano na página 75.

23
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Planificar e Sair da O recurso Flat-Pattern é suprimido quando um corpo de chapa


planificação metálica está no estado formado e pode ser não suprimido para mostrar
o estado planificado a qualquer momento. Há vários métodos para
ativar e desativar o padrão plano:

Ativar padrão plano Sair de padrão plano

Selecione o recurso Flat-Pattern#


na pasta Flat-Pattern e Cancelar Selecione o recurso Flat-Pattern# na
supressão pasta Flat-Pattern e Suprimir

Pressione o botão Planificar na Desative o botão Planificar na


barra de ferramentas Chapa metálica. barra de ferramentas Chapa metálica.
Clique com o botão direito do mouse Clique com o botão direito do mouse em
em um corpo de chapa metálica e um corpo de chapa metálica e clique em
clique em Planificar no menu de Sair da planificação no menu de
atalho. atalho.

Clique em Sair de plano no canto de


confirmação.

Alternar exibição O padrão plano pode também ser


plana visualizado na área de gráficos
sem a ativação do recurso de
padrão plano. A opção Alternar
exibição plana pode ser iniciada
usando o menu de atalho. Clicar
fora da peça na área de gráficos faz
a visualização desaparecer.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em um corpo
de chapa metálica, clique em Alternar exibição plana

24
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

10 Ative o padrão plano.


Use uma das técnicas descritas na tabela em página 24 para ativar o
padrão plano.
Observe que os esboços Bend-Lines e Bounding-Box também se
tornam visíveis.

11 Saia do padrão plano.


Use uma das técnicas descritas na tabela em página 24 para sair do
padrão plano.
12 Alternar exibição plana.
Clique com o botão direito do mouse na peça e depois em Alternar
exibição plana.

Clique fora da peça na área de gráficos para remover a exibição plana.

25
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Recursos de Para a adição de flanges dobrados às arestas de uma peça de chapa


flange metálica, há dois recursos de flange principais: o Flange de aresta e o
adicionais Flange contínuo.
Este é um resumo de comparação rápida:

Flange de aresta Flange contínuo

Seleção de uma aresta e uma Criação de esboço de um perfil a


Criado por: direção para o flange. ser varrido com as arestas de chapa
metálica existentes.
Um perfil de Face é Um perfil de Seção cruzada do
Perfil do flange: automatizado e poderá ser flange deve ser criado.
modificado se desejado
Vários flanges de aresta criados Os cantos contínuos são criados
Cantos em um recurso único aplicarão conforme a necessidade quando o
contínuos: continuidade entre si, se flange segue várias arestas.
necessário.
Flanges de dobra única ou Flanges complexos com várias
Funciona melhor flanges mais curtos que o dobras ou flanges idênticos ao
para: comprimento total da aresta. longo de várias arestas conectadas
em uma peça.

Flanges de Flanges de aresta não requerem um


aresta esboço e são criados dinamicamente
com a escolha de uma aresta existente
para dobrar e a definição de uma direção
e uma distância para o flange. Um
esboço de perfil da face do flange é
automatizado e pode ser editado para
ajustar o tamanho ou a forma do flange
criado, se necessário.

Há muitas possibilidades para o uso do Flange de aresta:

26
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Uma ou várias arestas podem ser selecionadas no


mesmo recurso Edge Flange (Flange de aresta). Se
houver várias arestas selecionadas, todas receberão as
mesmas configurações, mas poderão ser criadas em
direções opostas. Os perfis de flange de aresta dentro
do mesmo recurso apararão um ao outro para produzir
cantos contínuos.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Flange de aresta


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Flange de aresta

13 Flange de aresta.
Clique em Flange de
aresta .
Selecione a aresta conforme
ilustrado.
Dica Não importa se uma aresta
interna ou externa é
selecionada.
Mova o cursor para baixo e
clique novamente para
definir a direção do flange.
14 Arestas adicionais.
Escolha as duas arestas
curtas adicionais na frente
da peça conforme mostrado.

27
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Configurações de O PropertyManager Flange de aresta contém várias configurações para


flange de aresta controlar como o flange é criado.
Parâmetros do Os Parâmetros do flange são usados para
flange manter ou substituir as configurações feitas
inicialmente. Neste exemplo, o raio padrão é
usado.
O campo Distância do espaçamento é usado
para controlar o tamanho do espaçamento em
cantos contínuos criados no recurso.

O botão Editar perfil de flange pode ser usado


para modificar o esboço do perfil da face do
flange, se necessário. Ele pode ser usado para:
 Alterar o tamanho ou a geometria do
esboço do perfil.
 Alterar o comprimento do flange de aresta.
 Alterar as posições iniciais ou finais do
flange de aresta.
Consulte Edição do perfil do flange na
página 31 para obter um exemplo usando o
botão Editar perfil de flange.

Ângulo As configurações de Ângulo são predeterminadas


para adicionar um flange em um ângulo direito,
mas podem ser alteradas para um ângulo
especificado ou relacionado a uma face
selecionada.

Comprimento do O Comprimento do flange define o


flange comprimento do flange como um valor ou
posição na peça. As opções disponíveis são:
 Cego medido a partir do Ponto virtual
externo, Ponto virtual interno ou Dobra
tangente.
 Até o vértice com Normal ao plano do flange ou Paralelo ao
flange-base.
 Até a aresta e mesclar (peças multicorpos).

Nota Se Editar perfil de flange for usado para modificar o esboço, um


comprimento especificado aqui será substituído.

28
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Posição do flange As configurações de Posição do flange são


usadas para posicionar o flange e a dobra em
relação à aresta selecionada:

Tangente à
Dobra a partir dobra
Material Material de ponto (somente >
interno externo Dobrar fora virtual 90°)

O Offset permite que o flange seja


deslocado a partir da posição selecionada.

Aparar dobras A opção Aparar dobras laterais pode ser usada quando um novo
laterais flange de aresta realiza cortes inferiores em uma dobra existente:

Aparar dobras laterais Aparar dobras laterais


DESATIVADO ATIVADO

Dica Os recursos de cantos fechados podem também ser usados para


ajustar as condições dos cantos, como estas após a criação do flange.
Consulte Canto fechado na página 68 para obter mais informações.

29
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Tolerância da dobra As opções Tolerância de dobra personalizada e Tipo de alívio


e Tipo de alívio personalizado permitem que os parâmetros de chapa metálica
personalizados predeterminados da tolerância da dobra e dos alívios sejam
substituídos.

15 Ajuste as configurações do flange de aresta.


Use as seguintes configurações para o recurso de flange de aresta:
 Distância do espaçamento = 1 mm
 Comprimento do flange: Cego, 16 mm
 Medido a partir de: Ponto virtual externo
 Posição do flange: Material interno
 Aparar dobras laterais: Verificado

Clique em OK .

16 Flange de aresta modificado.


Outro Flange de aresta será adicionado à
Tampa. O perfil será editado para modificar a
forma e a largura do flange.

30
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Clique em Flange de aresta .


Selecione a aresta conforme
ilustrado.
Clique novamente para definir a
direção do flange.
17 Edite o perfil do flange.
Clique em Editar perfil de flange.

Edição do perfil Um esboço de perfil para cada


do flange flange de aresta é criado
automaticamente e pode ser
editado se necessário. A edição
do perfil do flange é usada mais
frequentemente para encurtar um
flange de aresta ou modificar a
forma do flange.
Quando um perfil de flange de
aresta está sendo editado, uma
caixa de diálogo aparece na tela, a qual permite Voltar ao
PropertyManager de Flange de aresta, Concluir o recurso ou Cancelar.
As mensagens nesta caixa de diálogo também indicam se o esboço é
válido.
Relações de perfil O perfil de flange de aresta é criado com uma relação Na aresta para a
do flange aresta selecionada. Essa é a mesma relação criada quando Converter
entidades é usado para converter uma aresta em um esboço. Essa
relação é exclusiva porque, por padrão, as extremidades de uma aresta
convertida são totalmente definidas para os pontos finais da aresta, mas
essa conexão pode ser quebrada por meio de arrasto.
Para diminuir o comprimento do flange ao longo da aresta, primeiro
arraste a geometria para fora dos pontos finais e adicione dimensões. Se
dimensões forem adicionadas primeiro, o esboço aparecerá como
sobredefinido.

31
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

18 Modifique o perfil.
Arraste as extremidades curtas do
retângulo afastando-as dos pontos
finais da aresta.
Adicione um arco tangente e
dimensões para modificar o perfil
conforme mostrado.
19 Volte ao PropertyManager.
Clique em Voltar na caixa de
diálogo Esboço de perfil.
Nota Observe que o campo de número de Comprimento do flange não é
mais exibido. Isso ocorre porque o comprimento está agora sendo
controlado pelo esboço.
Verifique se Ângulo é 90 graus e Posição
do flange é Material interno .

Clique em OK .

Nota Alívios são adicionados automaticamente para esta dobra. A razão de


alívio de 0,5 significa que o alívio será metade da largura da espessura
do material.

20 Padrão Edge-Flange2.
Clique em Padrão linear .
Padrão Edge-Flange2 ao longo da aresta direita:
Distância: 120 mm
Instância: 2

32
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

21 Espelhe flanges com


padrão.
Espelhe sobre o
Plano direito para
adicionar flanges ao
lado oposto.

Flanges de Os flanges de aresta não estão limitados a arestas lineares. Arestas


aresta em circulares podem ser usadas para flanges de aresta, mas o perfil da face
arestas curvas não será editável. Além disso, um flange de aresta único pode ser
criado em arestas tangentes, mas assim como ocorre com as arestas
circulares, o perfil de face não será editável. Somente um conjunto de
arestas tangentes pode ser selecionado em um recurso único.

Nota Arestas cilíndricas, como as arestas de uma região de dobra, não são
seleções válidas para um flange de aresta.

33
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Flanges Os flanges contínuos requerem um esboço do perfil de seção


contínuos transversal do flange. O esboço deve ser criado em um plano normal a
uma aresta de chapa metálica existente em um ponto final. Em seguida,
o perfil é varrido ao longo das arestas selecionadas. O flange contínuo
poderá ser varrido somente em uma direção. Alguns exemplos de
flanges contínuos são mostrados abaixo:

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Flange contínuo


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Flange contínuo

22 Crie um plano de esboço.


Vire o modelo de Tampa para
cima.
Dica Mantenha Shift pressionada no
teclado e pressione a tecla de
Seta para cima duas vezes para
virar a peça 180 graus.

Crie um Plano
perpendicular à aresta
externa e Coincidente ao seu
ponto final.

34
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

23 Novo esboço.
Inicie um novo Esboço no plano.
Adicione linhas para criar o perfil conforme mostrado.

24 Flange contínuo.
Clique em Flange contínuo .

Configurações de As configurações de flange contínuo são muito similares às de um


flange contínuo Flange de aresta (Consulte Configurações de flange de aresta na
página 28).
Algumas opções exclusivas existem para Offset inicial/final. Isso
permite que o flange contínuo seja deslocado a partir do começo ou do
fim da cadeia de arestas selecionada.
Para a seleção de arestas para o flange contínuo, é possível selecioná-
las individualmente a partir da peça, ou, se houver arestas tangentes,
um botão Propagar aparecerá na área de gráficos.

35
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

25 Configurações do flange.
Clique em Propagar na área de gráficos para selecionar as arestas
tangentes na parte de trás da tampa.

 Local do flange = Material interno


 Distância do espaçamento = 1 mm

Clique em OK .

Recurso de A ferramenta Bainha oferece outra opção para adicio-


bainha nar material às arestas de chapa metálica. A ferramenta
Bainha é usada para dobrar uma aresta do modelo
usando um de vários formatos. Similar ao recurso
Edge Flange (Flange de aresta), um esboço de perfil
é automatizado para recursos de Bainha. O perfil pode
ser modificado para alterar a largura da Bainha se
desejado. A seguir, alguns itens adicionais da ferra-
menta Bainha:
 A aresta selecionada precisa ser linear ou circular.
 Bainhas podem ser aplicadas a múltiplas arestas.
 Os cantos com flange contínuo são automaticamente adicionados às
bainhas de interseção.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Bainha


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Bainha

36
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

26 Adicione bainhas.
Clique em Bainha .
Selecione as arestas internas do Flange contínuo conforme mostrado.

Configurações de Na seleção de arestas para Bainhas, a direção padrão será para a aresta
bainha selecionada, ou seja, para dentro ou para fora. Para alterar a direção da
bainha, o botão Inverter direção pode ser usado.
Perfil O comprimento da bainha ao longo da aresta selecionada pode ser
modificado usando Editar largura da bainha, semelhante a alterar o
perfil de um flange de aresta.
Para um exemplo de edição da largura da bainha, consulte Editar
largura da bainha. na página 95.
Posição Há duas opções para o modo como a bainha é posicionada a partir da
aresta existente:

 Material interno
 Dobrar fora
Tipo e tamanho Existem quatro opções de formato de bainha:

Acabamento
Fechada Aberta em arco Rolada

37
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

27 Configurações de
bainha.
Modifique as
configurações de Bainha
conforme segue:
 Posição: Material
interno
 Tipo: Fechada
 Comprimento: 8 mm

Clique em OK .
Recursos de Para adicionar material que não requer uma dobra a uma peça de chapa
aba metálica, um recurso Tab (Aba) pode ser adicionado. Os recursos de
aba são uma função do comando Flange-base/Aba conforme
mencionado em página 11.
28 Esboce.
Crie um novo esboço na face frontal conforme mostrado.

38
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

29 Flange-base/Aba.
Clique em Flange-base/Aba .
Nota Com Mesclar resultado marcada, um
PropertyManager simplificado é usado e resulta em
um recurso Aba. Se Mesclar resultado estivesse
desmarcada, o resultado seria um novo Flange
base para um corpo sólido separado na peça.
Consulte Multicorpos com Flange-base na
página 187 para obter mais informações.

Clique em OK .

30 Examine o padrão plano.

31 Salve a peça.

39
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Cortes em Cortes podem ser feitos em peças de chapa metálica da mesma forma
chapa metálica que os modelos convencionais. Contudo, na adição de cortes a peças de
chapa metálica, algumas opções adicionais relacionadas a este tipo de
modelo estão disponíveis: Vincular à espessura e Corte normal.
 Vincular à espessura
Essa opção pode ser usada em conjunto com a condição final Cego
para definir a profundidade do corte como igual à espessura do
material.
 Corte normal
Essa opção assegura que o corte seja criado normal em relação à
espessura da chapa metálica, não o normal predeterminado em
relação ao esboço. Isso é importante para cortes que serão feitos no
blanque plano durante a produção.

Corte normal = desmarcado

Corte normal = selecionado

Nota Para obter informações sobre a adição de cortes ao modelo planificado,


consulte Desdobrar e dobrar na página 110.

32 Esboço para corte.


Crie um esboço na face do flange conforme mostrado.

40
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

33 Corte extrudado.
Clique em Corte extrudado .
Clique em Vincular à espessura.
Nota Clique em Corte normal.

Clique em OK .
34 Resultados.
Usar Vincular à espessura para controlar a
profundidade do corte garante que ele sempre
passará apenas por uma única espessura de
material.

35 Novo esboço.
Crie um novo esboço na face do flange contínuo
conforme mostrado.
36 Corte extrudado.
Clique em Corte extrudado .
Desmarque Vincular à espessura e insira uma
profundidade de 10 mm.
Verifique se Corte normal está marcada.

Clique em OK .
37 Resultados.
O corte é projetado na face em
ângulo e, em seguida, realizado
normal à espessura do material. Isso
permite que o corte seja facilmente
produzido no padrão plano.

41
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

38 Adicione furos.
Clique em Assistente de furação na barra de ferramentas
Recursos.
Use as seguintes configurações:
 Tipo de furo: Furo escareado
 Padrão: Métrico ANSI
 Tipo: Parafuso de cabeça chata - ANSI B18.6.7M
 Tamanho: M2
 Condição final: Até o próximo

Dica Como o Assistente de furação não inclui a opção Vincular à


espessura, Até o próximo pode ser usado para garantir que o furo
corte somente através de uma espessura de material.
39 Posições de furos.
Clique na guia Posições.
Adicione pontos de esboço ao centro do arco de cada flange de aresta
com padrão.

Clique em OK .
40 Examine o padrão plano.

41 Salve e feche a peça.

42
SOLIDWORKS 2016 Lição 1
Recursos de flange-base

Resumo de A tabela abaixo resume os recursos de flange apresentados nesta lição:


recursos de
flange
Flange-base/ O Flange-base é o recurso
Aba base de uma peça de chapa
metálica. Ele opera de forma
similar ao recurso Extrusão,
mas adiciona dobras
automaticamente, usando um
Raio de dobra específico.
Este exemplo usa um esboço
de contorno aberto.

O Flange-base também
pode ser usado para criar uma
peça de chapa metálica plana
com base em um esboço de
contorno fechado.

Uma Aba é adicionada


quando um contorno fechado
é mesclado com um corpo de
chapa metálica existente.

Flange de Um Flange de aresta


aresta adiciona material a uma
aresta existente em um ângulo
especificado.
Várias arestas podem ser
selecionadas no mesmo
recurso e cortarão
automaticamente uma à outra.
O perfil de face do flange de
aresta pode ser acessado e
modificado como um esboço.

43
Lição 1 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange-base

Flange O Flange contínuo requer


contínuo um perfil de seção cruzada de
um flange e o varre ao longo
das arestas existentes.
Os cantos contínuos são
automaticamente criados
conforme necessário.

Bainha Bainhas são aplicadas às


arestas existentes e se
comportam da mesma forma
que os recursos de Flange
de aresta. Um esboço pode
ser modificado para ajusta a
largura da Bainha ao longo
da aresta. Existem várias
formas de bainha disponíveis.

44
SOLIDWORKS 2016 Exercício 1
Suporte de chapa metálica

Exercício 1: Crie esta peça usando as informações fornecidas abaixo.


Suporte de
chapa metálica

Intenção do A intenção de projeto para esta peça é a seguinte:


projeto
1. O material é aço calibre 14.
2. Todas as dobras = R 2,54 mm.
3. As dimensões fornecidas definem a parte interna do suporte.
4. A peça é simétrica em relação aos planos de referência padrão.
Este laboratório usa as seguintes habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Cortes em chapa metálica na página 40
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento usando o template Part_MM.
2 Flange-base.
Crie o esboço para o Flange-base no Plano frontal para fazer a
correspondência apropriada das vistas no desenho fornecido.
Certifique-se de que o material seja adicionado na direção correta para
atender à intenção do projeto mencionada.
3 Adicione cortes e chanfros.
Adicione os recursos Extruded Cut (Corte extrudado) e Chamfer
(Chanfro) para concluir a peça.

45
Exercício 2 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange

Exercício 2: Use recursos de flange para criar a


Recursos de peça conforme mostrado.
flange Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Parâmetros de chapa metálica
na página 13
 Uso de tabelas na página 15
 Flanges de aresta na
página 26
 Recursos de aba na página 38
 Recurso Flat-Pattern na página 23
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento de peça usando o template Part_MM.
2 Esboce.
Esboce o perfil conforme mostrado no Plano frontal.

3 Flange-base.
Clique em Flange-base/Aba .
Direção1: Cego, 75 mm.
Clique em Usar tabela de calibres. Selecione SAMPLE TABLE -
ALUMINUM.

46
SOLIDWORKS 2016 Exercício 2
Recursos de flange

4 Parâmetros de chapa metálica.


Use as seguintes configurações para os parâmetros
de chapa metálica:
 Espessura = Calibre 18
 Raio de dobra = 3 mm
 Tolerância da dobra = Fator K (leitura a
partir da tabela)
 Alívio automático = Oblongo, Usar razão
de alívio: 0,5

Clique em OK .
5 Opcional: Modifique a aparência.
Desmarque quaisquer seleções clicando em um
espaço vazio na área de gráficos.
Clique na guia Aparências, Cenas e Decalques
no Painel de tarefas.
Expanda Aparências, Pintado e selecione
Revestimento pulverizado.
Pressione ALT enquanto arrasta a aparência
revestimento pulverizado de alumínio para a
peça.
Use o PropertyManager para alterar a cor da
aparência e aplicá-la a toda a peça .

Clique em OK .

47
Exercício 2 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange

6 Flange de aresta.
Clique em Flange de aresta .
Selecione a aresta conforme
ilustrado.
Dica Não importa se uma aresta interna
ou externa é selecionada.
Mova o cursor para a direita e
clique novamente para definir a
direção do flange.
Dica As setas na área de gráficos
podem ser usadas para alterar a direção e o comprimento do flange, ou
use as opções em Comprimento do flange no PropertyManager.
7 Arestas adicionais.
Escolha as duas arestas
adicionais na parte de trás da
peça conforme mostrado.

8 Ajuste as configurações do
flange de aresta.
Use as seguintes configurações
para o recurso de flange de
aresta:
 Distância do espaçamento
= 0,25 mm

 Ângulo: 90 graus

 Comprimento do flange:
Cego, 22 mm
 Medido a partir de: Ponto
virtual externo
 Posição do flange: Material interno
 Aparar dobras laterais: Verificado

Clique em OK .

48
SOLIDWORKS 2016 Exercício 2
Recursos de flange

9 Novo esboço.
Crie um esboço na face direita
conforme mostrado.

10 Corte extrudado.
Clique em Corte extrudado .
Use Passante para remover o canto do Flange-base.

Clique em OK .
11 Flange de aresta.
Crie um novo recurso Edge Flange (Flange de aresta) nas arestas
em ângulo conforme mostrado.
Use as seguintes configurações:
 Ângulo: 90 graus

 Comprimento do flange: Cego, 22 mm

 Medido a partir de: Ponto virtual externo


 Posição do flange: Material interno
 Aparar dobras laterais: Desmarcado

Clique em OK .

49
Exercício 2 SOLIDWORKS 2016
Recursos de flange

12 Avalie os alívios.
Cortes de alívio foram
automaticamente criados para o
flange de aresta. Os parâmetros de
chapa metálica são definidos para
Oblongo.
Para esse recurso, substituiremos os
parâmetros de chapa metálica
predeterminados para um usar um
tipo de alívio Ruptura.

13 Edite Edge-Flange2.
Clique no último recurso Edge-Flange e
Editar recurso .
Clique em Tipo de alívio personalizado.
Selecione Ruptura e o tipo Estender.

Clique em OK .

50
SOLIDWORKS 2016 Exercício 2
Recursos de flange

14 Adicione uma aba.


Esboce o perfil retangular na face interna inferior conforme mostrado.

Clique em Flange-base/Aba .

Certifique-se de que Mesclar resultado esteja marcada. Clique em OK .


A espessura e a direção são determinadas automaticamente pela
geometria existente.
15 Avalie o padrão plano.
Alterne a exibição plana ou planifique a peça para avaliar o Padrão
plano.

16 Salve e feche a peça.

51
Exercício 3 SOLIDWORKS 2016
Editar perfil de flange

Exercício 3: Use recursos de flange para criar a


Editar perfil de peça conforme mostrado.
flange Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Recursos de aba na página 38
 Flanges de aresta na página 26
 Edição do perfil do flange na
página 31
 Recurso Flat-Pattern na página 23
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento de peça usando o template Part_MM.
2 Esboce.
Esboce o perfil conforme mostrado
no Plano frontal.
3 Flange-base.
Clique em Flange-base/Aba .
Direção1: Plano médio, 35 mm.
Clique em Usar tabela de calibres.
Selecione SAMPLE TABLE -
STEEL.
4 Parâmetros de chapa metálica.
Use as seguintes configurações para os parâmetros de chapa metálica:
 Espessura = Calibre 18
 Raio de dobra = 2,54 mm
 Tolerância da dobra = Fator K
(leitura a partir da tabela)
 Alívio automático = Oblongo, Usar
razão de alívio: 0,5
Clique em Inverter direção para
aplicar o material acima das linhas de
esboço.

Clique em OK .

52
SOLIDWORKS 2016 Exercício 3
Editar perfil de flange

5 Adicione uma aba.


Esboce o perfil conforme mostrado e
use-o para um recurso Tab (Aba).
6 Espelhe a aba.
Espelhe Tab1 sobre o Plano
direito.

7 Flange de aresta.
Clique em Flange de aresta .
Selecione a aresta conforme ilustrado.
Clique novamente para definir a direção
do flange.

8 Edite o perfil do flange.


No PropertyManager, clique em Editar perfil de flange.
Arraste as extremidades do perfil de flange para quebrar a conexão do
ponto final.
Modifique e dimensione o perfil conforme mostrado.

53
Exercício 3 SOLIDWORKS 2016
Editar perfil de flange

9 Configurações de flange de aresta.


Clique em Voltar na caixa de diálogo Esboço de perfil para retornar
ao PropertyManager.
Defina o Ângulo como 90 graus e a Posição do flange como
Material interno .

Clique em OK .
10 Espelhe o flange de aresta.
Espelhe Edge-Flange1 sobre o Plano frontal.

11 Adicione furos.
Clique em Assistente de furação na barra de ferramentas
Recursos.
Use as seguintes configurações:

Tipo de furo: Furo


Padrão: Métrico ANSI
Tipo: Tamanhos de broca
Tamanho: Ø 5,0
Condição final: Até o próximo
Dica Como o Assistente de furação não inclui a opção Vincular à
espessura, Até o próximo pode ser usado para garantir que o furo
corte somente através de uma espessura de material.

54
SOLIDWORKS 2016 Exercício 3
Editar perfil de flange

12 Posições de furos.
Clique na guia Posições.
Clique em Esboço 3D.

Adicione pontos de esboço Coincidentes aos


centros de arco de cada aba e flange de aresta.

Clique em OK .
13 Avalie o padrão plano.

14 Salve e feche a peça.

55
Exercício 4 SOLIDWORKS 2016
Caixa de chapa metálica

Exercício 4: Use recursos de flange para criar a peça


Caixa de chapa conforme mostrado.
metálica Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Flanges contínuos na página 34
 Edição de parâmetros de chapa
metálica na página 21
 Recurso Flat-Pattern na página 23
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento de peça usando o template Part_MM.
2 Esboce.
Esboce o perfil conforme mostrado no
Plano frontal.
3 Placa de chapa metálica.
Clique em Flange-base/Aba .
Clique em Usar tabela de calibres.
Selecione SAMPLE TABLE - STEEL.

4 Parâmetros de chapa metálica.


Use as seguintes configurações para os parâmetros de chapa metálica:
 Espessura = Calibre 14
 Raio de dobra = 2,54 mm
 Tolerância da dobra = Fator K (leitura a partir da tabela)
 Alívio automático = Oblongo, Usar razão de alívio: 0,5
Clique em Inverter direção para fazer a extrusão da placa para frente a
partir do Plano frontal.

Clique em OK .
5 Opcional: modifique a aparência da peça.
Altere a cor da aparência da peça conforme desejado.

56
SOLIDWORKS 2016 Exercício 4
Caixa de chapa metálica

6 Novo plano de referência.


As laterais da caixa serão criadas com
um recurso de flange contínuo. O perfil
de um flange contínuo deve ser criado
normal a uma aresta existente em um
ponto final.

Crie um Plano usando a aresta e o


ponto final como referências.

Dica O comando Plano pode ser


encontrado na barra de ferramentas
Recursos no flyout Geometria de
referência .
7 Esboço em Plane1.
Crie o perfil conforme mostrado em Plane1.

8 Flange contínuo.
Clique em Flange contínuo .
Selecione as arestas conforme
mostrado e use as seguintes
configurações:
 Local do flange = Material
interno
 Distância do espaçamento =
0,25 mm

Clique em OK .

57
Exercício 4 SOLIDWORKS 2016
Caixa de chapa metálica

9 Edite os parâmetros de chapa metálica.


Clique na pasta Sheet-Metal e em
Editar recurso .
Altere a Espessura para Calibre 12 e o Raio da
dobra para 5,080 mm.

Clique em OK .
10 Padrão plano.
Examine o padrão plano.

11 Salve e feche a peça.

58
SOLIDWORKS 2016 Exercício 5
Suportes de molduras variados

Exercício 5: Use os gráficos que acompanham e a


Suportes de intenção de projeto mencionada para
molduras criar as peças.
variados Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Flanges de aresta na página 26
 Cortes em chapa metálica na
página 40

Intenção do A intenção de projeto de todas as peças é a seguinte:


projeto 1. O material é aço calibre 18.
2. Todas as dobras = R 1,905 mm.
3. Todos os furos = Ø 5 mm.
4. As posições dos furos podem ser estimadas.
5. A peça é simétrica.

Tampa da haste

59
Exercício 5 SOLIDWORKS 2016
Suportes de molduras variados

Suporte de trave 1

Suporte de trave 2

60
Lição 2
Como trabalhar com o padrão
plano

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Entender e modificar as configurações de padrão plano.
 Adicionar recursos Corner-Trim (Aparar canto) para capacidade de
fabricação.
 Modificar os cantos de uma peça de chapa metálica usando os
recursos Closed Corner (Canto fechado), Corner Relief (Relevo de
canto) e Break Corner (Quebrar canto)/Corner-Trim (Aparar canto).
 Acessar e modificar propriedades do item da lista de cortes.
 Criar desenhos de peças de chapa metálica.
 Exportar um padrão plano de chapa metálica para formatos de
arquivo DXF ou DWG.

61
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Como trabalhar Embora os projetos de chapa metálica, na maioria das vezes, se


com o padrão concentrem no estado formado acabado do modelo, é o padrão plano o
plano responsável pelo modo como a peça é produzida.
Esta lição enfoca os aspectos de trabalhar com o padrão plano,
incluindo:
 Configurações do padrão plano na página 62.
 Recursos para fabricação na página 65.
 Produção do padrão plano na página 75.
Configurações O recurso Flat-Pattern (Padrão plano) pode
do padrão plano ser editado como qualquer outro recurso. Ele tem
várias opções para a aparência e o tratamento do
padrão plano.
 Face fixa
Essa seleção de face determina qual face
permanece fixa quando a peça é desdobrada.
 Mesclar faces
Quando a opção Mesclar faces é selecionada,
as faces planas e coincidentes no padrão plano
são mescladas. Nenhuma aresta é mostrada
nas regiões de dobras.

Se você desmarcar essa caixa de seleção, as arestas tangenciais das


dobras planificadas serão exibidas.

 Simplificar dobras
Quando Simplificar dobras é ativado, as curvas complexas nas
regiões de dobra são retificadas no padrão plano para auxiliar na
produção da peça. Quando essa opção não é selecionada, curvas
compostas permanecem no padrão plano.
 Mostrar fenda
Quando um Relevo de canto (consulte
Relevo de canto na página 73) é menor que
uma região de dobra, fendas são usadas
como alívios de dobra adicionais. Esta
opção é usada para determinar se essas
fendas estão incluídas no padrão plano.

62
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

 Tratamento de canto
Quando selecionados, os tratamentos
de canto são aplicados
automaticamente aos cantos abertos
na peça. Isso permite que os recursos Corner-Trim personalizados
(consulte Recurso Corner-Trim na página 65) sejam adicionados ou
que o material seja deformado durante a fabricação.
Se essa caixa de seleção for
desmarcada, o modelo plano será
mostrado sem os tratamentos de
canto. Isso significa que as áreas do canto aberto vistas no estado
formado estão representadas no padrão plano.
 Direção da fibra
Selecione uma aresta ou linha para
definir a direção granular. A direção
granular é usada para orientar os lados
do retângulo da caixa delimitadora.
 Faces a excluir
As faces que não seriam incluídas no blanque plano da peça podem
ser excluídas e ignoradas pelo padrão plano. Isso é normalmente
usado para recursos como porcas pem, furos escareados e
cantoneiras.
Faces de recursos que impedem a planificação da peça podem
também ser selecionadas para exclusão para impedir a ocorrência
de erros.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em um


recurso Flat-Pattern na árvore de projetos do FeatureManager e
clique em Editar recurso
 Menu: Selecione um recurso Flat-Pattern e clique em Editar,
Definição

Dica Algumas configurações de padrão plano podem ser controladas com


propriedades de documento. Para a definição das configurações
predeterminadas, as propriedades do documento podem ser
modificadas e salvas em um template de documento. Para obter mais
informações sobre propriedades de documento de chapa metálica,
consulte Propriedades do documento de peça na página 246.

63
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

1 Abra a Tampa.
Continue trabalhando com o modelo criado na Lição 1 ou abra o
modelo fornecido na pasta Lesson02\Case Study, Cover_L2.
2 Planifique a peça.
Ative o Padrão plano.
Algumas alterações serão feitas no padrão plano para deixá-lo correto
para fabricação. Primeiro, as faces de furo escareado serão removidas.
Elas serão adicionadas à peça após o corte do blanque.
3 Edite o recurso Flat-Pattern.
Edite o recurso Flat-Pattern.
4 Remova as faces de furo escareado.
Clique na caixa de seleção Faces a excluir.
Selecione cada uma das faces de furo escareado
na peça.

Clique em OK .
5 Examine o padrão plano.
Examine as áreas do canto contínuo. Observe que o material está sendo
adicionado às áreas do canto aberto vistas no estado formado.

Esse é o resultado da adição de um tratamento de canto.


6 Edite o recurso de Padrão Plano.
Edite o recurso de Padrão Plano.
7 Remova o tratamento de canto.
Desmarque a opção Tratamento de canto.

Clique em OK .
Os cantos abertos vistos no estado formado
estão agora representados no padrão plano.

64
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

Recursos para As áreas de dobra aberta geralmente resultam da adição de recursos de


fabricação flange ao modelo. O SOLIDWORKS oferece várias opções para lidar
com essas áreas de dobra e também recursos para quebrar os cantos
agudos no modelo para aprimorar a capacidade de fabricação da peça.
 Canto fechado (página 68)
Fecha os cantos e as regiões de dobra de uma peça de chapa
metálica formada.
 Relevo de canto (página 73)
Adiciona relevos de canto a áreas de dobra em uma peça de chapa
metálica formada.
 Quebrar canto (página 74)
Adiciona um chanfro ou raio a cantos agudos de uma peça de chapa
metálica formada. Isso pode ser particularmente importante em
peças cortadas por laser ou jato de água, visto que os cantos agudos
requerem uma parada positiva no caminho do corte e podem
aumentar o tempo de corte.
 Aparar canto (página 65)
Adiciona relevos de canto personalizados e quebra cantos em um
padrão plano de chapa metálica.
Recurso Corner-Trim adiciona recursos ao padrão
Corner-Trim plano para capacidade de fabricação, como
relevos de canto personalizados e cantos
quebrados. Como os recursos de Aparar
corte são aplicados ao padrão plano, eles
são um recurso filho do Padrão plano.
Por esse motivo, os recursos de Aparar
canto são suprimidos com o Padrão plano e não são representados no
estado formado do modelo.
Importante! Aparar canto deve ser usado somente para as condições de canto
necessárias para fabricação da peça e não necessárias para visualização
no modelo formado. Os recursos Corner Relief (página 73) e Break
Corner (página 74) são usados para adicionar recursos similares ao
estado formado do modelo.
Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cantos > Aparar canto
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Aparar canto

Nota A peça deve estar no estado de padrão plano para acessar o comando
Aparar canto.

8 Adicione tratamentos de canto.


Edite o recurso de Padrão Plano.
Marque a opção Tratamento de canto.

Clique em OK .

65
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

9 Apare o canto.
Clique em Aparar canto .

Configurações de O comando Aparar canto contém configurações para relevos de canto


Aparar canto e quebra de cantos.
Opções de alívio Para a adição de relevos de canto personalizados, arestas individuais
podem ser selecionadas, ou use Coletar todos os cantos para
selecionar automaticamente todas as áreas em que os tratamentos de
canto são aplicados.
Para Tipo de alívio, há três opções:

Circular Quadrado Cintura de


dobra

Os tipos de alívio Circular e Quadrado podem ser centralizados na


aresta de canto ou nas linhas de dobra no canto.

Centralizados em Centralizados em
linhas de dobra = linhas de dobra =
ATIVADO DESATIVADO

O campo de dimensão define o tamanho do raio de alívio ou o


comprimento do lado.
Como segunda opção, o tamanho do alívio pode ser controlado por uma
Razão de espessura.
Tangente à dobra fornece outro método para dimensionar o alívio
quando Centralizado nas linhas de dobra é selecionado.
Adicionar cantos filetados adiciona um raio a quaisquer
cantos agudos resultantes do corte de alívio.

66
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

Opções de quebra As opções de quebra de canto permitem que cantos agudos sejam
de canto substituídos por um chanfro ou raio especificado.
Arestas de canto podem ser selecionadas individualmente, coletadas
automaticamente ou, se uma face de chapa metálica for selecionada,
todas as arestas externas normais à face serão quebradas. A opção
Somente cantos internos pode ser selecionada também.
Para Tipo de quebra, há duas opções:

 Chanfro
 Filete
Use o campo de dimensão para definir o tamanho ou o raio.

10 Alívios de Aparar canto.


Em Opções de alívio, clique em Coletar
todos os cantos.
Use as seguintes configurações para definir o
alívio:
Tipo de alívio: Circular
Centralizados em linhas de dobra =
ATIVADO
Raio: 3 mm
Adicionar cantos filetados = ATIVADO
Raio do filete: 1 mm
11 Quebre os cantos.
Clique na caixa de seleção Opções de quebra
de canto.
Selecione a face do padrão plano.
Tipo de quebra: Filete
Raio: 1 mm

Clique em OK .

67
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

12 Saia da planificação.
Retorne ao estado formado do modelo.
Observe que os alívios e os cantos quebrados não estão representados
aqui.
Na árvore de projetos do FeatureManager, o recurso Corner-Trim está
suprimido.
13 Salve e feche a peça.

Cantos no Quando se trabalha com o estado formado do modelo, há várias opções


estado formado de trabalho com cantos para alcançar o resultado desejado. Quando um
modelo está no estado formado, os seguintes comandos ficam
disponíveis no menu flyout Cantos :
 Canto fechado (página 68).
 Canto soldado (página 159).
 Quebrar canto/aparar canto (página 74).
 Relevo de canto (página 73).
Alguns desses recursos de canto
serão usados para modificar as
condições do canto da peça
mostrada à direita.
Para obter mais informações sobre
Canto soldado, consulte Canto
soldado na página 159.

Canto fechado Esse recurso é usado para modificar o espaçamento entre flanges. As
faces laterais de flanges são selecionadas e estendidas ou aparadas para
produzir a condição de canto necessária. As regiões de dobra podem
também ser estendidas, se desejado.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cantos >


Canto fechado
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Canto fechado

68
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

1 Abra a peça Corners existente.


Corners.sldprt pode ser encontrada
na pasta Lesson02\Case Study.
2 Opcional: Revisor de peças.
Este modelo foi salvo com
comentários que descrevem como a
peça foi construída. Passe o cursor
sobre os recursos na árvore ou use
Revisor de peças na barra de
ferramentas Avaliar para examinar
os recursos e os comentários.
3 Canto fechado.
Clique em Canto fechado .
Selecione as duas faces laterais de Edge-
Flange1.

Configurações de As faces selecionadas no modelo são adicionadas à caixa de seleção


canto fechado Faces a estender. As faces correspondentes no canto do flange são
selecionadas pelo sistema automaticamente, desde que a opção
Propagação automática esteja ativada. As outras caixas de seleção
fornecem as seguintes opções:
 Abrir região de dobra
Selecione esta opção para impedir que a região de dobra seja estendida.
 Faces coplanares
Aplica o canto fechado a todas as faces coplanares da face selecionada.
Útil quando cortes separam a face do flange.
 Canto estreito
Permite que as regiões de dobra com raios de dobra grandes se
estendam além para estreitar o espaçamento.

69
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Há três tipos de cantos que podem ser criados:

Abrir As faces se encontram


aresta por aresta.

Sobrepor Faces a estender


sobrepõem a face
correspondente

Posicionar por Faces a estender


baixo posicionam para baixo
as faces
correspondentes.

Distância de espaçamento controla o espaço entre as faces do canto.


Taxa de sobreposição/subposição controla como as
faces distantes são estendidas sobre a espessura do
material correspondente. A taxa de 1 seria igual a uma
volta completa, ao passo que uma taxa de 0,5 resultaria em
uma meia volta.

4 Configurações de canto fechado.


Use as seguintes configurações para o canto
fechado:

 Tipo de canto: Abrir


 Distância de espaçamento: 0,100 mm
 Abrir região de dobra = desmarcado

Clique em OK .
5 Resultados.
As faces e as regiões de dobra são estendidas para
fechar o canto.

70
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

6 Espelhe o corpo.
A geometria atual representa somente metade da peça acabada. Para
criar a outra metade, o corpo será espelhado.
Para o espelhamento de um corpo de chapa metálica mesclado, uma face
da peça de chapa metálica deve ser usada como Espelhar face/plano.

Clique em Espelhar .
Selecione uma face na parte de trás da peça como Espelhar face/
plano.

Clique em Corpos a espelhar. Selecione o corpo de chapa metálica.

Clique em OK .
7 Planifique.
Planifique a peça para examinar o padrão plano.

71
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

8 Edite o recurso Flat-Pattern.


Expanda a pasta Flat-Pattern. Selecione o recurso Flat-Pattern e
Editar recurso .
9 Modifique a face fixa.
Clique na face superior da peça para selecioná-la como a Face fixa do
padrão plano.
10 Direção da fibra.
Clique na caixa de seleção
Direção da fibra.
Selecione uma aresta
horizontal conforme
mostrado para definir a
direção da fibra.

Clique em OK .

11 Resultados.
A face superior agora permanece fixa quando a peça é planificada e a
caixa delimitadora é orientada com a aresta selecionada.

12 Saia da planificação.

72
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

Relevo de canto Os recursos de relevo de canto adicionam cortes de alívio a regiões de


dobra de um modelo de chapa metálica. As configurações desse recurso
são muito similares às disponíveis em Aparar corte (Consulte Opções
de alívio na página 66), porém, os Relevos de canto são adicionados à
peça de chapa metálica formada, ao passo que os recursos de Aparar
corte são aplicados apenas ao padrão plano.
Nota Os recursos de relevo de corte podem criar geometria complexa, o
que pode contribuir significativamente para o tempo de reconstrução.
As opções de tipo de alívio para Relevo de canto incluem:

Retangular Circular Ruptura Oblongo Largura


constante

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cantos >


Relevo de canto
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Relevo de canto

13 Relevo de canto.
Clique em Relevo de canto .
Clique em Coletar todos os cantos.
Use as seguintes configurações para Opções de alívio:

 Tipo de alívio: Circular


 Centralizado em linhas de
dobra = marcado
 Tamanho = 5 mm

Clique em OK .

73
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Quebrar canto/ O recurso Break Corner/Corner-Trim (Quebrar canto/aparar canto)


aparar canto adiciona um chanfro ou raio a cantos agudos de uma peça de chapa
metálica. Essa é praticamente a mesma função vista no recurso Corner-
Trim (Consulte Opções de quebra de canto na página 67), exceto que
Break Corner é adicionado ao estado formado de um modelo de chapa
metálica.
O comando Quebrar canto é mais recomendado para as peças de
chapa metálica do que os comandos Filete e Chanfro. Com Quebrar
canto, uma face de chapa metálica pode ser selecionada, e todas as
arestas externas agudas normais à face serão quebradas. Cantos
internos são ignorados, mas podem ser selecionados separadamente.
Se estiver usando os recursos Fillet (Filete) ou Chamfer (Chanfro),
uma seleção de face resultará nas arestas da face selecionada sendo
quebrada.
Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cantos >
Quebrar canto
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Quebrar canto

14 Quebre os cantos.
Clique em Quebrar canto .
Selecione as seis faces de flange,
como mostrado.

Use um tipo de quebra Filete ,


com tamanho de 2 mm.

Clique em OK .

15 Examine o padrão plano.


Os recursos Corner Relief (Relevo de canto) e Break Corner
(Quebrar canto) existem nos estados formado e planificado da peça.
Quando um Relevo de canto não é grande o
suficiente para cortar toda a região da dobra,
fendas ficam visíveis no canto. Elas podem ser
ocultadas no padrão plano com o uso de
configurações de padrão plano.

74
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

16 Edite o padrão plano.


Edite o recurso de padrão plano. Desmarque a
opção Mostrar fenda.

Clique em OK .

Produção do Em geral, as informações para produzir uma peça de chapa metálica


padrão plano são fornecidas através de propriedades de lista de corte, informações de
vista de desenho e arquivos exportados, como DXF ou DWG. Eis um
resumo breve:
 Propriedades da Lista de corte
As propriedades associadas a cada corpo de chapa metálica são
automaticamente criados na lista de corte. Essas propriedades
incluem informações sobre o tamanho do blanque e os parâmetros
de chapa metálica.
 Vistas de desenho
As vistas de desenho de padrão plano automaticamente incluem
notas de dobra para cada linha de dobra.
 DXF/DWG
É comum os programas de aninhamento de corte a laser ou jato de
água solicitarem as informações de padrão plano em um desses
formatos.
Propriedades Uma lista de corte é como uma lista de materiais de uma peça
de lista de corte multicorpos. Contudo, mesmo uma peça contendo um corpo sólido
de chapa único pode aproveitar as vantagens das propriedades automatizadas do
item da lista de corte. As propriedades automatizadas de um corpo de
metálica
chapa metálica incluem:

Comprimento da Comprimento do retângulo no esboço de


caixa delimitadora Caixa delimitadora (o maior das duas
dimensões).
Largura da caixa Largura do retângulo no esboço de Caixa
delimitadora delimitadora (o menor das duas dimensões).
Espessura da Espessura do material especificado nos
chapa metálica parâmetros de chapa metálica.
Área da caixa Área do retângulo no esboço de Caixa
delimitadora delimitadora.

75
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Área em branco Área do blanque plano.


da caixa
delimitadora
Comprimento de O perímetro do limite externo do padrão
corte externo plano.
Comprimento do O perímetro de todos os limites internos.
corte interno
Cortes Número de cortes internos.
Dobras Número de dobras.
Tolerância da Valor da tolerância da dobra predeterminado.
dobra
Material Material especificado para o corpo.
Massa Massa do corpo.
Descrição “Chapa” é a descrição padrão de um corpo de
chapa metálica, mas isso pode ser modificado.
Raio de dobra Raio de dobra predeterminado.
Tratamento de Vinculado à Propriedade personalizada
superfície Concluir da peça, se especificado.
Cost-TotalCost Custo avaliado com o uso da ferramenta
Costing (página 278).
Quantidade Número de corpos idênticos na peça.

Acesso às Os corpos na pasta Cut List são organizados em subpastas de item da


propriedades da lista de corte. Os corpos geometricamente idênticos em uma peça são
lista de corte agrupados na mesma pasta do item da lista de corte, e cada um
representa um item de linha na tabela de lista de corte (para obter mais
informações sobre como trabalhar com chapa metálica multicorpos,
consulte Lição 5: Peças de chapa metálica multicorpos).

Pasta Cut List

Pasta Cut List Item

Corpo sólido

76
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

As propriedades do item de lista de corte estão associadas a essas


pastas de item de lista de corte. As propriedades podem ser acessadas
clicando com o botão direito do mouse em uma pasta de item de lista de
corte e escolhendo Propriedades... no menu de atalho.
Nota É importante observar que as Propriedades do item de lista de corte
são específicas de corpos na peça, ao passo que as Propriedades de
arquivo estão relacionadas a todo o arquivo de peça. As
Propriedades de arquivo geralmente contêm informações exibidas em
um bloco de título de desenho ou uma tabela de lista de materiais
quando o modelo é usado em uma montagem. As Propriedades da
lista de corte são comunicadas por meio de tabelas de lista de corte em
desenhos (consulte Tabelas de chapa metálica na página 82).

17 Acesse as propriedades do
item de lista de corte.
Expanda a pasta Cut list na
árvore do FeatureManager.
Clique com o botão direito do
mouse na pasta do item de
lista de corte e clique em
Propriedades...

18 Modifique a descrição.
As propriedades de lista de corte podem ser adicionadas e modificadas
da mesma forma que as propriedades de arquivo.
Na linha da propriedade de Descrição, modifique a célula Valor/
expressão em texto para Chapa calibre 14.
Clique em OK.
19 Edite o material.
Clique com o botão direito do mouse em Material <não
especificado> na árvore do FeatureManager. Selecione Liga 1060 no
menu Favoritos.

77
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

20 Revise as propriedades da lista de corte.


Acesse a caixa de diálogo Propriedades da lista de corte
novamente para verificar se as propriedades de Material e Massa
foram atualizadas.
Clique em OK.

21 Saia da planificação.

22 Salve a peça.

Vistas de Quando uma peça de chapa metálica é usada em


desenho de um desenho, o sistema automaticamente cria
padrão plano uma configuração derivada da peça planificada.
Essa configuração é usada para gerenciar o
estado de supressão do recurso de padrão plano.
Uma vista de desenho de padrão plano também
aparecerá automaticamente na Paleta de vistas e
será listada como uma vista disponível no
PropertyManager de Vista de modelo.

78
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

Quando uma vista de desenho de padrão plano é adicionada a uma


folha de desenho, o esboço de Linhas de dobra fica visível com as
notas de dobra automatizadas.

Nota O esboço de Caixa delimitadora não é exibido por padrão, mas pode
ser tornado visível na árvore de projetos do FeatureManager.

23 ConfigurationManager.
Atualmente, o modelo de Cantos tem apenas
uma configuração Predeterminada.

24 Crie o desenho a partir da peça.


Clique em Criar desenho a partir da peça no menu Arquivo ou
no menu flyout Novo documento .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.
Uma vista de Padrão plano é mostrada na Paleta de vistas
com as vistas padrão.

Uma configuração SM-FLAT PATTERN


agora existe para permitir que o modelo
seja representado nos estados formado e
planificado.

79
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Importante! Quando essa configuração derivada é criada, é importante estar ciente


de qual configuração está ativa quando alterações forem realizadas no
modelo. O modelo de chapa metálica deverá sempre ter o recurso de
padrão plano não suprimido na configuração SM-FLAT PATTERN e
suprimido na configuração Valor predeterminado na conclusão.

25 Crie uma vista de padrão plano.


Desmarque as caixas de seleção desejadas nas opções de Paleta de
vistas se necessário.
Arraste e solte a vista de Padrão plano na folha.

26 Propriedades da vista de desenho.


O PropertyManager de Vista de desenho lista DefaultSM-FLAT-
PATTERN como a configuração referenciada.
Propriedades adicionais específicas de uma vista de padrão plano estão
também disponíveis.

Propriedades As vistas de desenho de padrão plano contêm


de vista de propriedades exclusivas para controlar como as
padrão plano notas de dobra são exibidas, bem como opções
para orientar a vista plana na folha. Essas
propriedades são acessadas no
PropertyManager de Vista de desenho quando
uma vista de padrão plano é selecionada.
 Notas de dobra
Use a caixa de seleção para controlar a
visibilidade das notas de dobra. Os botões abaixo adicionam mais
informações às notas. O formato inicial das notas de dobra é
controlado por um documento de texto externo. O
bendnoteformat.txt é encontrado em
<install dir>\SolidWorks Corp\SOLIDWORKS\lang\<lang>
 Exibição do padrão plano
Use opções aqui para girar ou virar a vista de padrão plano.

80
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

Propriedades Os documentos de desenho também incluem algumas propriedades


de documento específicas das peças de chapa metálica e a exibição do padrão plano.
de desenho Elas podem ser acessadas selecionando Opções , Propriedades do
documento e selecionando a categoria Chapa metálica à esquerda.

Existem opções aqui para controlar as cores das informações no padrão


plano e também como as notas de dobra são exibidas.
As opções Exibir face fixa e Exibir direção da fibra são aplicadas
quando uma Tabela de dobra é usada. Consulte Adicionar uma tabela
de dobras. na página 85 para obter mais informações.
Nota As Propriedades do documento são associadas ao documento atual.
Para padronizar as Propriedades do documento, modifique estas opções
e salve-as em um template de desenho.

27 Modifique as propriedades do documento de desenho.


Clique em Opções , Propriedades do documento e selecione a
categoria Chapa metálica à esquerda.

81
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Modifique as Cores de padrão plano clicando duas vezes em um item


na lista ou selecionando-o e clicando no botão Editar. Altere as opções
conforme segue:
Linhas de dobra -
para cima =
VERDE
Linhas de dobra -
para baixo =
VERMELHO
Arestas do
modelo = AZUL
Clique em OK.

28 Vistas adicionais.
Adicione uma vista Frontal e uma vista
Superior projetada do modelo.
Essas vistas normalmente fazem referência à
configuração Valor predeterminado do
modelo.

Tabelas de Há várias tabelas associadas às peças de chapa metálica que podem ser
chapa metálica usadas em desenhos:

 Lista de corte de soldagem


Essa tabela é usada para exibir as propriedades do item de lista de
corte.

 Tabela de dobras
Essa tabela pode listar as dobras de um modelo em um formato de
tabela. As notas de dobra de padrão plano são substituídas por
rótulos alinhados aos itens de linha da tabela.

 Tabela de perfuração
Da mesma forma que uma tabela de furos, esta tabela lista os locais
dos recursos da Ferramenta de conformação. Para obter mais
informações sobre Ferramentas de conformação Ferramentas de
conformação de chapa metálica na página 238.

Onde encontrar  CommandManager: Anotações > Tabelas


 Menus: Inserir, Tabelas

82
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

29 Adicione uma tabela da lista de corte.


Clique em Lista de corte de soldagem e selecione a vista na
folha.
Use o template e as configurações de lista de corte predeterminados.
Clique em OK .
Coloque a tabela de lista de corte acima do bloco do título na folha.

Dica Se necessário, use o botão de procurar template para selecionar o


template de tabela cut list.sldwldtbt predeterminado. Ele está
localizado em <install dir>\SolidWorks Corp\SOLIDWORKS\
lang\<lang>.

30 Modifique a tabela de lista de corte.


Arraste o cabeçalho da coluna DESCRIÇÃO C para a coluna A.
Clique no cabeçalho da coluna B. Use o PropertyManager para alterar
essa coluna para exibir Material da propriedade do item de lista de
corte.
Clique no cabeçalho da coluna C. Altere essa coluna para exibir a
Espessura de chapa metálica da propriedade do item de lista de
corte.
Clique no cabeçalho da coluna D. Selecione Tolerância da dobra da
propriedade do item de lista de corte. Altere o Título da coluna para
Fator K.

31 Salve como um template de tabela.


Clique com o botão direito do mouse na tabela da lista de corte e clique
em Salvar como...
Salve o template de tabela na Área de trabalho como SM Cut List.

83
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

Propriedades Como uma alternativa ao uso de uma tabela de lista de corte, as


da lista de corte propriedades de chapa metálica podem também ser facilmente exibidas
como uma nota como uma anotação de nota em desenhos. A nota Propriedades da
lista de corte listará automaticamente todas as propriedades
associadas a uma vista de Padrão plano selecionada. Em seguida, a nota
pode ser editada conforme desejado.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em uma vista
de padrão plano, selecione Anotações, Propriedades da lista de
corte

84
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

32 Adicionar uma tabela de dobras.


Clique em Tabela de dobras e selecione a vista de padrão plano.
Use o template e as configurações de bendtable-standard
predeterminados. Clique em OK .
Coloque a tabela de dobras no canto inferior esquerdo da folha.

Nota A exibição de Face fixa e Direção da fibra é controlada pelas


propriedades do documento de desenho. Essas notas podem ser
modificadas como qualquer outra anotação de nota a ser reposicionada
ou girada, conforme desejado.

85
Lição 2 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com o padrão plano

33 Opcional: Adicione dimensões.


Adicione dimensões às linhas de dobra e para o tamanho geral da peça
no estado plano e formado.

34 Salve e feche o desenho.

Exportação do As informações do padrão plano são geralmente comunicadas para


padrão plano produção por meio dos formatos DXF e DWG. As informações de 2D
fornecidas em um DXF ou DWG podem ser lidas diretamente por meio
de aninhamento de aplicativos e corte por laser ou jato de água. O
SOLIDWORKS oferece opções para exportar as informações do
padrão plano diretamente para esses formatos a partir do modelo 3D.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em um corpo
de chapa metálica e clique em Exportar para DXF/DWG

35 Exporte para DXF.


Clique com o botão direito do mouse em uma face da peça Corners
(Cantos).
Clique em Exportar para DXF/DWG.
Aceite DXF como o formato de arquivo e Corners.DXF como o nome
de arquivo. Salve na Área de trabalho.

86
SOLIDWORKS 2016 Lição 2
Como trabalhar com o padrão plano

36 Opções de saída.
Use o PropertyManager para definir as seguintes configurações:
Exportar: Chapa metálica
Entidades a exportar: Geometria

Clique em OK .
37 Limpeza de DXF/DWG.
Uma visualização do DXF é mostrada na janela de limpeza do DXF/
DWG. As opções na parte superior permitem a navegação pela vista. A
geometria na vista pode ser selecionada e removida do DXF se
desejado com o uso do botão Remover entidades.

Clique em Salvar para criar o DXF.

38 Salve e feche todos os arquivos.

87
Exercício 6 SOLIDWORKS 2016
Configurações do padrão plano

Exercício 6: Adicione um novo flange de aresta para terminar a peça. Em seguida,


Configurações prepare o padrão plano para fabricação ajustando os parâmetros de
do padrão plano chapa metálica e as configurações do padrão plano. Por fim, exporte o
padrão plano para DXF.

Este laboratório reforça as seguintes habilidades:


 Flanges de aresta na página 26
 Canto fechado na página 68
 Configurações do padrão plano na página 62
 Recurso Corner-Trim na página 65
 Exportação do padrão plano na página 86
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra a peça existente
Flat Pattern Settings.
Flat Pattern Settings.sldprt
pode ser encontrada na pasta
Lesson02\Exercises.

2 Opcional: Revisor de peças.


Este modelo foi salvo com comentários que descrevem como a peça foi
construída. Passe o cursor sobre os recursos na árvore ou use Revisor
de peças na barra de ferramentas Avaliar para examinar os
recursos e os comentários.

88
SOLIDWORKS 2016 Exercício 6
Configurações do padrão plano

3 Adicione um flange de aresta.


Clique em Flange de aresta .
Selecione a aresta inferior direita e clique à direita para definir a
direção.
O ângulo de dobra e o comprimento deste flange serão determinados
pelas seleções na peça.
Em Ângulo, clique na caixa de seleção para escolher uma face. Clique
na face do flange horizontal no lado esquerdo da peça. Clique em
Paralelo à face no PropertyManager.
Ângulo, paralelo à face

Até o vértice

Para Comprimento do flange, selecione Até o vértice e clique no


vértice conforme mostrado. Clique em Paralelo ao flange-base para
estender até esse vértice a partir da orientação correta.

Para Posição do flange, clique em Dobrar fora

Clique em OK .
4 Canto fechado, meia volta.
Clique em Canto fechado .
Selecione as duas faces laterais do novo flange
de aresta.

 Tipo de canto: Sobrepor


 Distância de espaçamento: 0,100 mm
 Taxa de sobreposição 0,5
 Abrir região de dobra = desmarcado

Clique em OK .

89
Exercício 6 SOLIDWORKS 2016
Configurações do padrão plano

5 Prepare para fabricação.


Clique na pasta Sheet-Metal e clique em
Editar recurso .
Altere os Parâmetros de chapa metálica para
espessura de Calibre 7 e Raio de dobra de
5,080 mm.
Em Tolerância da dobra, clique em Substituir
valor. Altere o fator K predeterminado da peça
para 0,42.
Clique em OK .
6 Tolerância da dobra personalizada.
O raio da dobra grande criado em Base-
Flange1 requer uma tolerância da dobra
personalizada. Como nem todas as dobras
criadas nesse recurso precisam da alteração,
apenas a dobra individual será modificada.
Expanda Base-Flange1 na árvore do
FeatureManager.
Selecione BaseBend2 e Editar recurso .
Clique em Tolerância da dobra personalizada. Altere o Fator K
dessa dobra para que seja 0,5.
Clique em OK .
7 Examine o padrão plano.
Clique em Planificar .
A orientação do padrão plano pode ser melhorada. Além disso, os
tratamentos de canto e as faces de furo escareado serão removidos.
8 Edite as configurações de padrão plano.
Expanda a pasta Flat-Pattern. Selecione o recurso Flat-Pattern e
Editar recurso .
Selecione a face do flange Face fixa
horizontal à esquerda como a
Face fixa.
Ative a caixa de seleção Faces a
excluir. Selecione as seis faces de
furo escareado na peça.

Clique em OK .

90
SOLIDWORKS 2016 Exercício 6
Configurações do padrão plano

9 Apare o canto.
Clique em Aparar canto .
10 Opções de alívio.
Para Opções de alívio, selecione os dois cantos
onde o novo flange de aresta encontra os flanges
laterais.
Tipo de alívio = Cintura de dobra
Marque Razão de espessura para definir o
tamanho da cintura de dobra e definir a razão
como 3.

11 Opções de quebra de canto.


Ative a caixa de seleção Opções de quebra de canto e selecione a
face do padrão plano.

Use um tipo de quebra Filete , com tamanho de 2 mm.

Clique em OK .
12 Exporte para DXF.
Clique com o botão direito do mouse em uma face da peça.
Clique em Exportar para DXF/DWG.
Aceite DXF como o formato de arquivo e Flat Pattern
Settings.DXF como o nome de arquivo. Salve na Área de trabalho.
13 Opções de saída.
Use o PropertyManager para definir as seguintes configurações:
Exportar: Chapa metálica
Entidades a exportar: Geometria

Clique em OK .

91
Exercício 6 SOLIDWORKS 2016
Configurações do padrão plano

14 Limpeza de DXF/DWG.
Uma visualização do DXF é mostrada na janela de limpeza do DF/
DWG. As opções na parte superior permitem a navegação pela vista. A
geometria na vista pode ser selecionada e removida do DXF se
desejado com o uso do botão Remover entidades.

Clique em Salvar para criar o DXF.


Dica Para visualizar o DXF, abra-o no eDrawings ou no DraftSight.

15 Saia da planificação.

16 Salve e feche a peça.

92
SOLIDWORKS 2016 Exercício 7
Como trabalhar com cantos

Exercício 7: Use recursos de chapa metálica para concluir a peça e o desenho


Como trabalhar conforme mostrado.
com cantos

Este laboratório reforça as seguintes habilidades:


 Flange-base/Aba na página 11
 Flanges de aresta na página 26
 Canto fechado na página 68
 Recurso de bainha na página 36
 Quebrar canto/aparar canto na página 74
 Recurso Corner-Trim na página 65
 Propriedades de lista de corte de chapa metálica na página 75
 Vistas de desenho de padrão plano na página 78

Unidades: MMGS
Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento usando o template Part_MM.
2 Flange-base.
Crie um esboço e um
flange-base conforme
mostrado.
A Profundidade é de
100 mm.
O material é alumínio
calibre 18, e a espessura é
aplicada dentro do
esboço.
O raio de dobra é de
2,00 mm.
Use o alívio automático Oblongo com uma razão de alívio de 0,5.

93
Exercício 7 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com cantos

3 Flange de aresta.
Clique em Flange de aresta .
Selecione a aresta inferior esquerda e aplique as seguintes
configurações:
 Ângulo: 60 graus
Até o vértice
 Comprimento do flange:
Até o vértice (conforme
mostrado), Paralelo ao
flange-base
 Posição do flange:
Material interno
 Aparar dobras laterais =
desmarcado

4 Canto fechado.
Clique em Canto fechado .
Selecione as duas faces laterais de Edge-Flange1.

 Tipo de canto: Abrir


 Distância de
espaçamento: 0,100 mm
 Abrir região de dobra =
desmarcado

Clique em OK .

5 Relevo de canto.
Clique em Relevo de canto .
Clique em Coletar todos os cantos.
Use as seguintes configurações para Opções de alívio:

 Tipo de alívio: Oblongo


 Centralizado em linhas de dobra =
desmarcado
 Comprimento da ranhura = 8 mm
 Largura da ranhura = 2 mm

Clique em OK .

94
SOLIDWORKS 2016 Exercício 7
Como trabalhar com cantos

6 Bainha.
Clique em Bainha .
Selecione as três arestas
externas dos flanges conforme
mostrado.
Use as seguintes configurações
para definir as bainhas:
 Posição: Material
interno
 Tipo: Rolada
 Ângulo: 225 graus
 Raio: 1 mm
7 Editar largura da bainha.
As bainhas na frente e atrás são deslocadas a partir do lado direito do
modelo. As larguras das bainhas podem ser modificadas de forma
similar à edição de um perfil de flange de aresta.
Na caixa de seleção Arestas no PropertyManager, selecione a aresta
na frente da peça para que ela fique realçada.
Nota A ordem das arestas depende da ordem em que elas foram inicialmente
selecionadas na área de gráficos.
Clique em Editar largura da bainha.
O esboço da bainha consiste somente na aresta convertida. Conforme
mencionado em página 31, as extremidades de uma aresta convertida
são consideradas totalmente definidas, mas podem ser arrastadas para
quebrar a associação com os pontos finais da aresta.
Arraste o ponto final da
aresta convertida conforme
mostrado.
Adicione uma dimensão de
25 mm conforme mostrado.

Clique em Voltar na caixa de diálogo Esboço de perfil para retornar


ao PropertyManager de Bainha.

95
Exercício 7 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com cantos

8 Edite a largura da bainha


para a aresta traseira.
Repita etapa 7 na página 95
para editar a largura da bainha
da aresta traseira.

Clique em OK .

9 Corte extrudado.
Crie uma aresta conforme mostrado e faça um
corte Passante.
10 Padrão linear.
Crie um Padrão linear do corte.
 Instâncias = 3
 Espaçamento = 35 mm
 Padrão de geometria = marcado

11 Quebre os cantos.
Clique em Quebrar canto .
Selecione as duas faces de
flange, como mostrado.
Use um tipo de quebra Filete
, com tamanho de 1,5 mm.

Clique em OK .
Nota Os cantos externos da face são
quebrados, mas os cantos
internos são ignorados.

96
SOLIDWORKS 2016 Exercício 7
Como trabalhar com cantos

12 Examine o padrão plano.


Planifique a peça.
Para arredondar os cantos remanescentes da peça para fins de
fabricação, um recurso Corner-Trim (Aparar-Canto) será adicionado
ao padrão plano.
13 Apare o canto.
Clique em Aparar canto .
Ative a caixa de seleção Opções de quebra de canto e clique em
Coletar todos os cantos. Essa ação resulta na coleta dos cantos
internos dos cortes com padrão.
Selecione a face do padrão plano. Essa ação resulta na coleta de todos
os cantos externos normais à face.

Use um tipo de quebra Filete , com tamanho de 0,6 mm.

Clique em OK .

14 Saia da planificação.

15 Edite o material.
Especifique o material da peça como Liga 1060.
16 Propriedades da Lista de corte.
Expanda a pasta Cut list na árvore do FeatureManager.
Clique com o botão direito do mouse na pasta do item de lista de corte
e clique em Propriedades...
Na linha da propriedade de Descrição, modifique a célula Valor/
expressão em texto para Chapa calibre 18.
Clique em OK.

97
Exercício 7 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com cantos

17 Crie o desenho a partir da peça.


Clique em Criar desenho a partir da peça no menu Arquivo ou
no menu flyout Novo documento .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.
18 Crie uma vista de padrão plano.
Desmarque as caixas de seleção desejadas nas opções de Paleta de
vistas se necessário.
Arraste e solte a vista de Padrão plano na folha.
19 Configurações da vista de padrão plano.
Altere as opções de Exibição de padrão plano no
PropertyManager para Inverter vista e gire 270
graus.
20 Opcional: Mova notas de dobra.
As notas de dobra podem ser tratadas como qualquer outra anotação de
nota. Elas podem ser arrastadas para ser movidas, e suas propriedades
ficam disponíveis no PropertyManager quando selecionadas.
Arraste as notas de dobra
para fora das arestas do
padrão plano para que
fiquem mais visíveis.

21 Adicione uma vista Isométrica.


Adicione uma vista Isométrica à folha. Altere as propriedades de
exibição para alterar o estilo de exibição para Sombreado .

98
SOLIDWORKS 2016 Exercício 7
Como trabalhar com cantos

22 Adicione uma tabela da lista de corte.


Na barra de ferramentas Anotações, clique em Tabelas, Lista de
corte de soldagem .
Clique em uma vista na folha.
Use o template e as configurações de lista de corte predeterminados.
Clique em OK .

Dica Se necessário, use o botão de procurar template para selecionar o


template de tabela cut list.sldwldtbt predeterminado. Ele está
localizado em <install dir>\SolidWorks Corp\SOLIDWORKS\
lang\<lang>.

Coloque a tabela de lista de corte acima do bloco do título na folha.


23 Modifique a tabela de lista de corte.
Arraste o cabeçalho da coluna DESCRIÇÃO C para a coluna A.
Clique no cabeçalho da coluna B. Use o PropertyManager para alterar
essa coluna para exibir Material da propriedade do item de lista de
corte.
Clique no cabeçalho da coluna C. Altere essa coluna para exibir o
Blanque da área da caixa delimitadora da propriedade do item de
lista de corte. Altere o Título da coluna para Blanque da área
(mm^2).
Clique no cabeçalho da coluna D. Selecione Tolerância da dobra da
propriedade do item de lista de corte. Altere o Título da coluna para
Fator K.

99
Exercício 7 SOLIDWORKS 2016
Como trabalhar com cantos

24 Salve como um template de tabela.


Clique com o botão direito do mouse na tabela da lista de corte e clique
em Salvar como...
Salve o template de tabela na Área de trabalho como SM CL com
Tamanho do blanque.
25 Opcional: Adicione dimensões.
Use as propriedades de dimensão para remover parênteses e adicionar
notas conforme mostrado.

26 Salve e feche todos os arquivos.

100
Lição 3
Técnicas adicionais de chapa
metálica

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Projetar peças de chapa metálica a partir do padrão plano.
 Adicionar recursos em um estado desdobrado.
 Usar o comando Flange varrido.
 Criar transições de chapa metálica usando Dobras com loft.

101
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Métodos Da mesma forma que o Método de flange apresentado nas lições


adicionais de anteriores, várias outras técnicas de projeto para peças de chapa
chapa metálica metálica também começam com recursos de flange desde o início.
Nesta lição, os seguintes métodos de chapa metálica serão explorados:
 Projeto a partir do plano na página 102.
 Swept Flange na página 112.
 Dobras com loft na página 116.

Projeto a partir Às vezes, é desejável projetar peças de


do plano chapas metálicas no plano do que no estado
dobrado. Por exemplo, considere este
suporte afilado e dobrado, mostrado à
direita. Se tivéssemos que modelá-lo em seu
estado curvo, o padrão plano seria mais ou
menos assim:

Projetando-o a partir do plano, a


forma do blanque pode ser
simplificada, reduzindo os custos
de fabricação. Há dois recursos
principais usados para adicionar
dobras a uma face de chapa
metálica do plano: Sketched
Bend (Dobra esboçada) e Jog (Desvio).
Recurso O recurso Sketched Bend usa uma linha esboçada para definir o local
Sketched Bend de uma dobra em uma face de chapa metálica. A posição da dobra pode
ser relacionada à linha do esboço usando as seguintes opções:

 Dobrar na linha de centro


 Material interno
 Material externo
 Dobrar fora

102
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

Uma área da face sendo dobrada deve ser selecionada como a Face
fixa. Essa é a área que permanece estacionária quando a dobra é
aplicada.

Esta? Ou esta?

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Dobra esboçada


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Dobra esboçada

1 Abra a peça
Sketched_Bend.
Sketched_Bend pode ser
encontrada na pasta
Lesson03\Case Study.
Ela contém um esboço de
contorno fechado.

2 Flange-base.
Selecione o esboço e clique em Flange-base/
Guia. Use a tabela de calibres SAMPLE TABLE -
STEEL - ENGLISH UNITS, calibre 9.
Clique em Direção inversa para fazer a extrusão
a partir do plano do esboço.
Defina o Raio de dobra predeterminado como
5,080 mm.

Clique em OK para criar o flange-base.

103
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

3 Primeira linha de dobra.


Crie um novo esboço sobre a face superior e adicione uma linha de
dobra ao modelo plano. Use uma linha vertical dimensionada a partir
da aresta do modelo.

Nota A linha esboçada desse recurso não precisa ser totalmente definida. A
dobra criada se estenderá automaticamente até as arestas da face.
Se várias linhas de dobras forem usadas no mesmo esboço, todas as
dobras serão na mesma direção.
4 Dobra esboçada.
Clique em Dobra esboçada .
Use os seguintes Parâmetros de dobra:

Posição da dobra: Dobrar na linha de centro


Ângulo de dobra: 75 graus
Usar raio predeterminado = marcado
5 Face fixa.
Selecione a menor área como
a Face fixa.
Aparece um marcador
indicando a seleção.
Use a seta na visualização ou
o botão para inverter a
direção da dobra, se
necessário.

Clique em OK .

104
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

6 Dobra.
A parte selecionada da face permanece
estacionária à medida que a outra se dobra para
cima em um ângulo de 75°.

7 Segunda dobra.
Adicione uma segunda linha de dobra.
Selecione a seção central como a Face fixa e use os mesmos ângulo,
raio e posição da dobra aplicados anteriormente. Dobre na direção
oposta.

8 Resultados.
Os ângulos da dobra complementares forçam a seção central a ficar em
ângulo e as extremidades a serem horizontais.

9 Opcional: Defina os ângulos de dobra iguais.


Adicione uma Variável global com o nome Ângulo de dobra para
deixar os ângulos da dobra iguais.

105
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

10 Examine o padrão plano.


O padrão plano corresponde ao
esboço Flange-base original.
11 Salve e feche a peça.

Recurso Jog O recurso Desvio adiciona um desvio ou um offset a um flange


(Desvio) existente. Um desvio também é chamado, às vezes, de offset ou jogo.
Um Desvio inclui um par de dobras com uma face plana no meio em
um ângulo e uma distância de offset especificados. Uma linha esboçada
é usada para posicionar a primeira dobra do desvio usando
configurações similares ao comando Dobra esboçada (consulte
Recurso Sketched Bend na página 102).

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Desvio


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Desvio

1 Abra a peça existente com o nome Jog Feature (Recurso de


desvio).
Jog Feature pode ser encontrada na pasta Lesson03\Case Study.
Essa peça inclui o blanque disponível para o nosso projeto.

106
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

2 Novo esboço.
Crie a linha do esboço, como mostrado, na face superior.

Nota Apenas um desvio pode ser criado por vez. Não é necessário definir a
linha totalmente.
3 Recurso Jog.
Clique em Desvio . Selecione a face com os furos como a Face
fixa.
Use as seguintes configurações para definir o Jog:
Condição final: Cego
Distância de offset: 8 mm
Posição da dimensão: Offset para
fora
Fixar comprimento projetado =
desmarcado

Posição do desvio: Dobrar na linha de centro


Ângulo do desvio: 60 graus

Clique em OK .

Fixar comprimento A opção Fixar comprimento projetado é útil durante a criação de


projetado peças em seu estado dobrado 3D. Ela permite que a dimensão geral de
uma face permaneça igual após a aplicação do desvio.

107
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Contudo, quando se trabalha com um padrão plano, essa opção pode


ser desmarcada para absorver o material necessário referente ao offset
do comprimento do padrão plano. Com Comprimento projetado fixo
desativado, o comprimento do padrão plano permanece igual.
Considere o desvio mostrado abaixo. A visualização mostra a diferença
entre ter a opção Fixar comprimento projetado ativada ou desativada.

Ativado Desativado

4 Novo esboço.
Adicione outro esboço à face superior
conforme mostrado.
5 Recurso Jog.
Adicione outro recurso Jog usando as
mesmas configurações. Selecione a face
com os furos como a Face fixa.

Clique em OK .

108
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

6 Opcional: Crie um desenho do padrão plano.


Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template A_Size_ANSI_MM.
Use a Paleta de vistas para adicionar uma vista de Padrão plano.
Modifique as propriedades da vista para Girar a vista 90 graus.
Adicione dimensões gerais à vista.
O comprimento de 250 mm é o mesmo da dimensão usada para criar o
Base-Flange1 para o tamanho do blanque.

7 Salve e feche todos os arquivos.

Adição de O projeto de uma peça a partir do padrão plano é uma técnica valiosa
recursos em um para algumas instâncias (consulte Projeto a partir do plano na
estado página 102). Contudo, na maioria das vezes, os projetos de chapa
metálica se concentram no estado formado do modelo, visto que isso
desdobrado representa a peça acabada e as dimensões.
Ao projetar uma peça de chapa metálica
formada, você pode encontrar alguns
recursos individuais mais apropriados
para serem adicionados em um estado
dobrado, como um corte circular em uma
dobra. Para se adicionar recursos
específicos como esses, os comandos
Desdobrar e Dobrar podem ser usados
para planificar temporariamente as
dobras selecionadas, aplicar o recurso e depois dobrar novamente.

109
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Desdobrar e Usando Desdobrar, é possível planificar as


dobrar dobras existentes. Os cortes podem ser feitos
nas faces planificadas, e, em seguida, Dobrar é
usado para dobrar novamente as dobras.
Os recursos Desdobrar e Dobrar geralmente
têm suporte para um ou mais recursos de corte
na árvore de projetos do FeatureManager.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica >


Desdobrar ou Dobrar
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Desdobrar ou Dobrar

1 Abra a peça com o nome


Unfold and Fold (Desdobrar
e dobrar).
Unfold and Fold pode ser
encontrada na pasta
Lesson03\Case Study.

2 Desdobre.
Clique em Desdobrar e selecione a face planar como a Face fixa.
Para Dobras a desdobrar, selecione a face de dobra como mostrado.
Clique em OK .

Nota Coletar todas as dobras planificaria a peça completamente.

110
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

3 Esboce.
Esboce um círculo
dimensionado como mostrado.
Crie um corte usando Vincular
à espessura.

4 Dobre.
Clique em Dobra e selecione a mesma face plana
usada como a Face fixa. Clique em Coletar todas as
dobras para selecionar todas as dobras planificadas
automaticamente.

Clique em OK .

5 Examine o padrão plano.

6 Salve e feche a peça.

111
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Criação de cortes É possível adicionar cortes diretamente ao padrão plano, contudo, esses
no padrão plano recursos não serão representados no estado formado do modelo. Com a
seleção de Planificar e a criação do esboço na face de padrão
plano, será criada uma dependência para o recurso de padrão plano. Por
esse motivo, qualquer recurso adicionado quando o padrão plano está
ativo será suprimido com o padrão plano.

Importante! Apenas os recursos necessários para fins de fabricação, como Corner-


Trim (consulte Recurso Corner-Trim na página 65), deverão ser
adicionados ao padrão plano. Para que um recurso seja representado no
estado formado do modelo, ele precisa aparecer antes do recurso de
padrão plano na árvore de projetos do FeatureManager.

Swept Flange O recurso Swept Flange (Flange varrido) oferece um recurso


adicional que pode ser usado como o recurso base para uma peça de
chapa metálica. O Flange varrido é um flange criado semelhantemente
ao método usado para uma varredura, tendo perfil e caminho. Os cantos
agudos no esboço do perfil serão convertidos em dobras no recurso
automaticamente. Arcos podem também ser usados no esboço do perfil
para representar dobras.
Flange varrido x O Flange varrido é similar ao Flange contínuo (página 34), exceto
flange contínuo que não depende das arestas de chapa metálica existentes para usar
como o caminho; um caminho de esboço pode ser usado também. Um
Flange varrido também produzirá geometria em arestas de caminho
curvo, enquanto um Flange contínuo, não.

Onde encontrar  Menu: Inserir, Chapa metálica, Flange varrido

Nota O botão da barra de ferramentas Flange varrido não está na barra de


ferramentas do CommandManager ou da Chapa metálica por padrão.

112
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

1 Abra a peça com o nome


Swept Flange.
Swept Flange pode ser encontrada na
pasta Lesson03\Case Study.
A peça contém um esboço de perfil.

2 Adicione um caminho.
Abra um esboço no Plano superior, e
esboce um caminho conforme mostrado.
Saia do esboço .

3 Flange varrido.
Clique em Flange varrido .
Selecione os esboços de perfil e caminho.
Em Parâmetros de chapa metálica, clique em
Usar tabela de calibres, e selecione SAMPLE
TABLE - ALUMINUM - METRIC UNITS,
e Calibre 12.
Defina o Raio de dobra como 4 mm.

Clique em OK .

113
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

4 Examine o padrão plano.

5 Edite as configurações do padrão plano.


Edite o recurso Flat-Pattern1. Altere a Face fixa para a face
mostrada. Alterne o padrão plano para ver o resultado.

Opções de O recurso Swept Flange (Flange varrido) tem algumas opções


padrão plano do exclusivas para controlar como o padrão plano é criado:
flange varrido
 Planificar o caminho ao longo
Quando marcado, somente as dobras resultantes do
perfil são planificadas. A forma do caminho
permanece constante, e o material é planificado
para a parte interna ou externa do esboço do
caminho.

Planificar o caminho ao longo = selecionado

Planificar o caminho ao longo = desmarcado

114
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

 Corpos cilíndricos/cônicos
Selecione esta opção para modificar como as faces
cilíndricas e cônicas são planificadas. Uma linha do
esboço do perfil é selecionada para funcionar como uma aresta fixa de
onde a peça se desenrola.

Corpos cilíndricos/cônicos= selecionado

Corpos cilíndricos/cônicos= desmarcado

Nota As linhas de dobra de um flange varrido não incluem automaticamente


as notas de dobra em uma vista de desenho de padrão plano.

6 Edite o flange varrido.


Edite Swept Flange1.
Selecione Planificar o caminho ao longo.
7 Examine o padrão plano.

8 Saia da planificação.

9 Salve e feche o arquivo.

115
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Dobras com loft A ferramenta Dobras com loft é usada para criar uma peça de chapa
metálica através do processo de loft. Esse recurso funciona de maneira
similar ao recurso Loft padrão com alguns requisitos exclusivos específicos:
 Somente contornos abertos podem ser usados como perfis esboçados.
 Os espaçamentos nos perfis devem ser alinhados para exatidão do
padrão plano.
 Não são permitidos mais do que dois perfis de esboços.
 O uso de curvas-guia não é suportado.
 O uso de curvas de linha de centro não é suportado.

Para obter mais informações sobre recursos de loft, consulte a lição


Lofts do curso Modelagem avançada de peças do SOLIDWORKS.
Os recursos de Dobra com loft incluem opções para selecionar o
Método de fabricação das regiões de dobra. Dependendo do método
de fabricação selecionado, Curv. ou Formado, alguns requisitos de
perfil adicionais poderão ser necessários, e as opções disponíveis serão
diferentes. Consulte Dobras com loft curvas na página 116 e Dobras
com loft formadas na página 120 para obter mais informações.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Lofted-Bend


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Dobras com loft
Dobras com loft Quando o Método de fabricação de um recurso
curvas Lofted Bend (Dobra com loft) é definido como
Curv., as regiões de dobra da peça serão
facetadas com várias dobras e faces planas entre
elas. O modo como as facetas da região de dobra
são divididas pode ser controlado com o uso das
configurações Opções de facetas e Valor de
faceta (Consulte Opções de região de dobra
curva na página 117).

1 Abra a peça chamada Lofted


Bends_Bent.
A peça Lofted Bends_Bent
consiste em dois esboços e recursos
de referência.
Circ Profile está em um ângulo
leve a partir de Rect Profile.
Cada perfil tem um espaçamento de
2 mm.

116
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

2 Dobra com loft.


Clique em Lofted-Bend .
Selecione os perfis próximos aos
pontos comuns para orientar o loft.
Defina o Método de manufatura
como Curva.

Opções de região As regiões de dobra de uma Dobra com loft


de dobra curva curva são definidas primeiro com a seleção das
Opções de facetas desejadas e depois com a
especificação do valor para a opção escolhida no
campo Valor de faceta. O número de facetas será
ajustado com base nos valores especificados.

Opções de facetas As Opções de facetas são conforme segue:

Tolerância da Especifique um valor máximo de tolerância


corda permitida entre as faces de faceta plana e o
raio com loft.
Número de Especifique o número de dobras a serem
dobras incluídas em cada região de dobra.

Comprimento de Especifique o comprimento máximo de um


segmento segmento facetado plano.

Ângulo do Especifique o ângulo máximo permitido entre


segmento segmentos planos.

117
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Regiões de dobras Regiões de dobras individuais podem ser


individuais definidas para usar opções de facetas
selecionando as esferas rosa que aparecem na
visualização. Quando selecionado, uma caixa de
diálogo fica disponível para modificar as configurações da área de
dobra associada.

Consulte o ponto A opção Consultar ponto final pode ser selecionada para manter um
final canto de perfil o mais afiado possível. Isso pode resultar em remoção
de material em um canto para permitir as opções de faceta
selecionadas. Com Consultar ponto final desmarcada, as facetas da
região de dobra resultarão no arredondamento dos cantos agudos de um
perfil.

Consultar ponto final = Marcado Consultar ponto final = Desmarcado

3 Configurações de faceta.
Defina as Opções de faceta como Número de dobras e defina o
Valor da faceta como 8.
Desmarque a opção Consultar ponto final.
4 Parâmetros de chapa metálica.
Clique em Usar tabela de
calibres e selecione SAMPLE
TABLE - STEEL.
Selecione a espessura Calibre 12 e
o raio de dobra de 5,080 mm. O
material deve ser aplicado à parte
externa dos perfis.

Clique em OK .

118
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

5 Examine o padrão plano.


Clique em Planificar .
Cada região de dobra inclui 8
linhas de dobra.
Saia da planificação.

6 Crie um desenho.
Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template C_Size_ANSI_MM.
7 Ajuste as propriedades do documento de desenho.
Clique em Opções , Propriedades do documento e selecione a
categoria Chapa metálica à esquerda.
Modifique o Estilo de nota de dobra para
que seja Com linha de chamada e clique
em OK.
8 Vista de desenho de padrão plano.
Adicione uma vista de desenho de padrão plano à folha.
Modifique a escala para que seja 1:3.
9 Opcional: Modifique o ângulo da nota de dobra.
Por padrão, as notas de dobra são alinhadas com a linha de dobra
associada, mas seu ângulo pode ser modificado como qualquer
anotação de nota.
Selecione a caixa de todas as notas na vista.
Use o PropertyManager para alterar o ângulo das
notas para 0 grau e clique em OK .
10 Adicionar uma tabela de dobras.
Na barra de ferramentas Anotações, clique em Tabelas, Tabela de
dobras. Use as opções e o template predeterminados e clique em
OK .
Coloque a tabela na folha.

119
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

Opcional: Ajuste as chamadas da linha de dobra.

11 Salve e feche todos os arquivos.

Dobras com loft As dobras com loft formadas têm uma


formadas aparência rolada ou desenhada para as regiões
de dobra em vez estarem separadas por dobras e
planos.
Parar criar uma Dobra com loft formada, os
perfis devem atender a um requisito adicional:
 Os perfis não podem incluir cantos agudos.
As regiões de dobra de uma Dobra com loft
formada podem também ser geradas com
regiões de dobra separadas e várias linhas de
dobra, se desejado. Contudo, para se alcançar
isso, é preciso atender a alguns requisitos
adicionais:
 Os perfis devem estar paralelos entre si.
 Os perfis devem ter o mesmo número de
linhas e curvas correspondentes.

120
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

As linhas de dobra dessa técnica são controladas pelo Número de linhas


de dobra ou por um Valor do desvio máximo. Consulte Opções de
região de dobra formada na página 122 para obter mais informações.

1 Abra a peça chamada Lofted


Bends_Formed.
A peça Lofted Bends_Formed consiste
em dois esboços sem nenhum canto agudo.

2 Dobra com loft.


Clique em Lofted-Bend .
Selecione os perfis próximos aos pontos
comuns para orientar o loft.
Defina o Método de manufatura como
Formado.

3 Espessura.
Defina a Espessura como 4,5 mm para a parte externa dos perfis.

Clique em OK .

Nota Para o ajuste dos parâmetros de chapa


metálica da peça, a pasta Sheet-Metal
pode ser editada após a criação do recurso.

4 Edite os parâmetros de chapa metálica.


Selecione a pasta Sheet-Metal e clique em Editar recurso .
Clique em Usar tabela de calibres. Selecione SAMPLE TABLE -
STEEL, Calibre 7 para Espessura e 5,080 mm para o Raio da dobra
predeterminado.

Clique em OK .

121
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

5 Examine o padrão plano.


Clique em Planificar .
Nota Nenhuma linha de dobra ou nota é gerada com essa técnica.

Saia da planificação.

6 Salve e feche todos os arquivos.

Opções de região Para a criação de linhas de dobra e notas para dobras com loft
de dobra formada formadas, regiões de dobra separadas podem ser criadas. Isso requer
que os perfis compartilhem o mesmo número de linhas e curvas,
conforme mencionado anteriormente (página 120). Na criação de
regiões de dobras formadas separadas, o Controle de linha de dobra
pode ser especificado usando uma de duas opções:

Número de linhas Especifique o número de dobras a serem


de dobra incluídas em cada região de dobra.
Desvio máximo Especifique o desvio máximo permitido entre
a região de dobra nos estados plano e
formado.

1 Abra a peça chamada Lofted


Bends_Formed w BLs.
A peça Lofted Bends_Formed w BLs
consiste em dois esboços paralelos com o
mesmo número de linhas e curvas
correspondentes.

122
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

2 Dobra com loft.


Clique em Lofted-Bend .
Selecione os perfis próximos aos pontos
comuns para orientar o loft.
Defina o Método de manufatura como
Formado.

3 Configurações de dobras com loft.


Defina a espessura como 4,5 mm e aplique o material à parte externa
dos perfis.
Para Controle de linha de dobra, especifique 8 para o Número de
linhas de dobra.

Clique em OK .

4 Opcional: Edite os parâmetros de chapa metálica.


Selecione a pasta Sheet-Metal e clique em Editar recurso .
Clique em Usar tabela de calibres. Selecione SAMPLE TABLE -
STEEL, Calibre 7 para Espessura e 5,080 mm para o Raio da dobra
predeterminado.

Clique em OK .

123
Lição 3 SOLIDWORKS 2016
Técnicas adicionais de chapa metálica

5 Examine o padrão plano.


Clique em Planificar .
Cada região de dobra inclui 8 linhas de dobra.

6 Opcional: Crie uma vista de


desenho de padrão plano.
Quando se utiliza essa técnica,
as notas de dobra têm aparência
similar ao que é criado para o
recurso Bent Lofted Bend
(Dobra com loft curva). Uma
caixa de diálogo aparece na criação de vista do padrão plano avisando
que as notas são aproximadas.

Nota Os raios de dobra não são especificados nas notas de


dobra formadas e são listados como SHARP. Isso
pode ser modificado usando as propriedades da vista
de desenho de padrão plano.

7 Salve e feche todos os arquivos.

124
SOLIDWORKS 2016 Lição 3
Técnicas adicionais de chapa metálica

Dobras com loft A Biblioteca de projetos contém várias peças


na Biblioteca de chapa metálica pré-fabricadas criadas com
projetos dobras com loft formadas. Essas peças estão
localizadas na pasta parts\sheetmetal\
lofted bends.
Esses modelos são criados com tabelas de
design que podem ser facilmente modificadas
para criar uma transição de chapa metálica de
um tamanho desejado.

125
Exercício 8 SOLIDWORKS 2016
Chapa metálica a partir do plano

Exercício 8: Crie esta peça usando as dimensões


Chapa metálica fornecidas. Esta é uma peça de chapa metálica
a partir do que é projetada sobre uma superfície plana.
plano Este laboratório usa as seguintes habilidades:
 Projeto a partir do plano na página 102
 Recurso Sketched Bend na página 102
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Nova peça.
Inicie uma nova peça usando o template Part_MM.
2 Esboço do perfil.
Usando o plano Frontal,
esboce o perfil completo do
padrão plano. Use uma linha
de centro e espelhamento
para criar a geometria.

3 Placa de chapa metálica.


Crie um Flange-base com aço Calibre 15.
Defina o Raio de dobra como 1,905 mm.

126
SOLIDWORKS 2016 Exercício 8
Chapa metálica a partir do plano

4 Adicione um corte.
Adicione um corte circular,
dimensionado conforme mostrado.
5 Adicione um recurso de
assistente de furação.
Adicione furos de Ø5 mm
dimensionados conforme mostrado.
Os furos são simétricos na linha de
centro vertical.

6 Adicione linhas de
dobra.
Selecione a face
frontal do modelo e
esboce linhas de
dobras.

127
Exercício 8 SOLIDWORKS 2016
Chapa metálica a partir do plano

7 Crie dobras esboçadas.


Clique em dobras
esboçadas e escolha a
parte central da face como a
Face fixa.
Adicione todas as dobras
como Dobrar linha de
centro com dobras de 90°,
para cima.

8 Salve e feche o arquivo.

128
SOLIDWORKS 2016 Exercício 9
Desvios e bainhas

Exercício 9: Use recursos de chapa metálica para


Desvios e concluir a peça conforme mostrado.
bainhas Este laboratório reforça as seguintes
habilidades:
 Flange-base/Aba na página 11
 Cortes em chapa metálica na
página 40
 Flanges de aresta na página 26
 Recurso Jog (Desvio) na página 106
 Recurso de bainha na página 36
 Relevo de canto na página 73
 Configurações do padrão plano na
página 62
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Nova peça.
Crie um novo documento usando o template Part_MM.
2 Flange-base.
Crie um esboço e um flange-base.
A Profundidade é de 90 mm.
O material é aço calibre 14, e a
espessura é aplicada fora do esboço.
O raio de dobra é de 2,54 mm
Use o alívio automático Retangular
com uma razão de alívio de 0,5.
3 Opcional: Modifique a aparência.
Edite a aparência da peça conforme
desejado.

4 Corte.
Crie um corte,
conforme mostrado.

129
Exercício 9 SOLIDWORKS 2016
Desvios e bainhas

5 Flange de aresta mais à direita.


Adicione um flange de aresta,
conforme mostrado, usando as
seguintes configurações:
 Usar raio predeterminado
 Ângulo = 90°
 Comprimento do flange =
50 mm do Ponto virtual
externo
 Posição do flange = Material
externo
 Aparar dobras laterais = desmarcado
6 Desvio.
Esboce uma linha de desvio na face traseira
do flange conforme mostrado.
Face fixa
Crie o Desvio usando:
 Usar raio predeterminado
 Distância de offset = 4,75 mm
 Posição da dimensão = Offset para
fora
 Fixar comprimento projetado =
Ativado
 Posição do desvio = Dobrar linha de
centro
 Ângulo do desvio = 70°

Clique em OK .

7 Flange de aresta mais à esquerda.


Adicione um flange de aresta, conforme
mostrado, usando as mesmas configurações
como etapa 5 na página 130, exceto com
um Comprimento do flange de 52 mm.

Clique em OK .

130
SOLIDWORKS 2016 Exercício 9
Desvios e bainhas

8 Bainha.
Adicione uma bainha à aresta exterior
do flange usando:

 Material interno
 Tipo = Aberto
 Comprimento = 9,5 mm
 Distância do espaçamento =
0,75 mm

Clique em OK .

9 Relevo de canto.
Clique em Relevo de canto .
Clique em Coletar todos os cantos.

Para Tipo de alívio, selecione Largura constante


Esse tipo de alívio continua a largura do
espaçamento nas áreas de dobra do
alívio.

Clique em OK .

10 Furos.
Use o assistente de furação para
criar Furos de folga do parafuso M3,
Passante, dimensionados conforme
mostrado.

131
Exercício 9 SOLIDWORKS 2016
Desvios e bainhas

11 Examine o padrão plano.


A orientação do padrão plano pode ser
melhorada. Além disso, os furos serão
adicionados após a peça ser formada,
portanto, deverão ser removidos do
padrão plano.
12 Edite o recurso de padrão plano.
Expanda a pasta Flat-Pattern.
Selecione o recurso Flat-Pattern1 e
Editar recurso .
Substitua a Face fixa com a face interna
inferior da peça.
Clique para ativar a caixa de seleção de
Faces a excluir. Selecione as 6 faces
de furo.

Clique em OK .
13 Resultados.
O padrão plano agora é
desdobrado a partir da
face inferior, e os furos
foram removidos.

14 Saia da planificação.

132
SOLIDWORKS 2016 Exercício 9
Desvios e bainhas

15 Edite o material.
Edite o material da peça para ser AISI 316 Chapa de aço inoxidável.
Opcional: Use a guia Aparências na caixa de diálogo Material para
desmarcar a opção para Aplicar aparência de material.

16 Modifique as propriedades do item da lista de cortes.


Expanda a pasta Cut List . Clique com o botão direito do mouse na
pasta Cut List Item para acessar Propriedades.
Modifique a Descrição para ser Chapa calibre 14.
17 Crie o desenho a partir da peça.
Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template A_Size_ANSI_MM.
Crie as vistas de desenho e a tabela de lista de corte.
Dica Use Itens de modelo para adicionar a chamada de furo e as
dimensões. Use o template de lista de corte SM CL com Tamanho do
blanque criado em página 100.

18 Salve e feche todos os arquivos.

133
Exercício 10 SOLIDWORKS 2016
Dobrar e desdobrar

Exercício 10: Use ferramentas para planificar as dobras


Dobrar e selecionadas e adicionar recursos visíveis
desdobrar nos estados formado e planificado do
modelo.
Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Desdobrar e dobrar na página 110
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra a peça.
Abra a peça existente Fold and Unfold
(Dobrar e desdobrar) na pasta
Lesson03\Exercises.
2 Opcional: Revisor de peças.
Este modelo foi salvo com comentários
que descrevem como a peça foi
construída. Passe o cursor sobre os
recursos na árvore ou use Revisor de
peças na barra de ferramentas
Avaliar para examinar os recursos e os
comentários.
3 Desdobre.
As arestas da região de dobra precisam ser quebradas com um raio. A
dobra precisará ser desdobrada para a adição desse recurso.
Além disso, as dimensões do corte da ranhura devem ser definidas na
superfície plana.

Clique em Desdobrar e selecione a


face planar traseira como a Face fixa.
Para Dobras a desdobrar, selecione as
três regiões de dobra ao redor da face
fixa conforme mostrado.

134
SOLIDWORKS 2016 Exercício 10
Dobrar e desdobrar

Clique em OK .

4 Crie o corte da ranhura.


Esboce o perfil conforme mostrado e crie um Corte extrudado .
Dica A Origem está localizada no Ponto médio da aresta superior da
ranhura.

5 Adicione filetes.
Adicione um recurso Fillet (Filete) às arestas
das regiões de dobra conforme mostrado. Defina o
raio igual à variável global existente digitando um
sinal de igual (=) no campo de dimensão e
escolhendo Variável global, Corner_R no menu.

135
Exercício 10 SOLIDWORKS 2016
Dobrar e desdobrar

6 Dobre.
Clique em Dobra . Clique em
Coletar todas as dobras.

Clique em OK .

7 Examine o padrão plano.

8 Salve e feche a peça.

136
SOLIDWORKS 2016 Exercício 11
Flange varrido cônico

Exercício 11: Crie a peça de chapa metálica cônica mostrada


Flange varrido usando um recurso de flange varrido.
cônico Este laboratório usa as seguintes habilidades:
 Swept Flange na página 112
 Opções de padrão plano do flange varrido
na página 114
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra a peça Conical (Cônico) existente.
Conical.sldprt pode ser encontrada na pasta
Lesson03\Exercises.
Ela contém dois esboços que são definidos
para criar um flange varrido cônico.

2 Insira o recurso Flange varrido.


Clique em Inserir, Chapa metálica, Flange varrido .
Selecione os esboços de perfil e caminho.
Selecione Corpos cilíndricos/cônicos.
Selecione um dos elementos de esboço de perfil cônico como a Aresta
cilíndrica/cônica.

Dica A orientação do padrão plano variará de acordo com a seleção de aresta


(se estiverem em ângulos diferentes).

137
Exercício 11 SOLIDWORKS 2016
Flange varrido cônico

3 Parâmetros de chapa metálica.


Clique em Usar tabela de calibres e selecione SAMPLE TABLE -
ALUMINUM.
Selecione Calibre 20, com um raio de dobra de 1,00 mm.

Clique em OK .
4 Planifique.
Planifique a peça para ver a forma
plana com base na opção de cilindro/
cone. Para contraste, edite o recurso e
desmarque essa opção.
Tente também diferentes seleções de
aresta.

5 Salve e feche todos os


arquivos.

138
SOLIDWORKS 2016 Exercício 12
Dobras com loft

Exercício 12: Use opções de dobra com loft diferentes para produzir transições de
Dobras com loft chapa metálica.

Este laboratório usa as seguintes habilidades:


 Dobras com loft na página 116
 Dobras com loft curvas na página 116
 Dobras com loft formadas na página 120
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra a peça.
Abra a peça existente Lofted_Bends na pasta Lesson03\Exercises.
Esta peça contém os perfis que serão usados para criar a transição de
chapa metálica.
2 Dobra com loft curva.
Clique em Lofted-Bend .
Selecione os perfis próximos aos
pontos comuns para orientar o
loft.
Defina o Método de manufatura
como Curva.
3 Opções de facetas.
Para controlar as facetas nas
regiões de dobra, selecione
Ângulo do segmento e
defina o Valor faceta como 15 graus.
4 Parâmetros de chapa metálica.
Clique em Usar tabela de calibres e selecione SAMPLE TABLE -
STEEL.
Selecione a espessura Calibre 12 e o raio de dobra de 5,080 mm. O
material deve ser aplicado à parte externa dos perfis.

Clique em OK .

139
Exercício 12 SOLIDWORKS 2016
Dobras com loft

5 Examine o padrão plano.


Clique em Planificar .
Cada região de dobra inclui
várias linhas de dobra.
Saia da planificação.

6 Salve a peça.

7 Salve como Lofted_Bends_Formed.


Para criar uma versão da transição como uma dobra com loft formada,
primeiro salve a peça com um novo nome.
Clique em Arquivo, Salvar como... e crie um novo arquivo com o
nome Lofted_Bends_Formed.
8 Exclua o recurso Lofted Bends1.
Uma vez criado, um recurso de dobra com loft não poderá ser alterado
de Curvo para Formado. O recurso precisa ser excluído e criado
novamente.
Selecione o recurso Lofted Bends1 e pressione Delete. Clique em
Sim para confirmar a exclusão de todos os recursos filhos.
9 Dobra com loft formada.
Clique em Lofted-Bend .
Selecione os perfis próximos aos pontos
comuns para orientar o loft.
Defina o Método de manufatura como
Formado.
O material deve ser aplicado à parte
externa dos perfis.

Clique em OK .
10 Examine o padrão plano.
Clique em Planificar .
Os perfis não atendem às
condições exigidas para
gerar linhas de dobra e
regiões de dobra.
Saia da planificação.

11 Salve e feche todos os arquivos.

140
SOLIDWORKS 2016 Exercício 13
Uso de simetria

Exercício 13: Aproveite as vantagens da simetria do


Uso de simetria modelo mostrado utilizando os
recursos Espelhar. Os alívios
personalizados serão adicionados à
peça.
Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Cortes em chapa metálica na
página 40
 Recursos de aba na página 38
 Quebrar canto/aparar canto na
página 74
 Recurso Jog (Desvio) na página 106
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra a peça.
Abra a peça Using_Symmetry na pasta
Lesson03\Exercises. Ela é uma peça de chapa
metálica que contém os recursos de flange-base e
flange de aresta.

Corte de alívio O flange de aresta superior precisa de um corte de


manual alívio na dobra lateral. Em vez do uso da opção
Aparar dobras laterais, que teria uma abertura
grande, um alívio personalizado será criado
manualmente com o uso de um Corte extrudado.
Isso permitirá que apenas uma porção da área de
dobra seja removida.

2 Esboce.
Esboce um retângulo usando vértices e
arestas para defini-lo totalmente.

141
Exercício 13 SOLIDWORKS 2016
Uso de simetria

3 Extrude um corte normal.


Crie um recurso de corte usando as opções
Corte normal e Vincular à espessura.
O corte é projetado para a profundidade
especificada. Em seguida, corte normal para a
espessura do material.

4 Espelhamento.
Neste ponto no projeto, todos os recursos simétricos da esquerda para a
direita foram concluídos.

Clique em Espelhar . Use a face indicada na imagem abaixo como


o plano espelhado.
Clique em Corpos para espelhar e selecione o corpo de chapa
metálica. Clique em OK .

5 Aba.
Adicione uma Aba , esboçando sobre o flange vertical esquerdo.

142
SOLIDWORKS 2016 Exercício 13
Uso de simetria

6 Quebre os cantos.
Clique em Quebra canto .
Selecione a opção Chanfro e
defina a Distância como
7 mm.
Selecione a face como
mostrado.

Clique em OK .

7 Corte de alívio lápide.


Crie outro corte de alívio manual
usando o perfil mostrado e um
Corte extrudado .
Defina a condição final como Cego
e use Vincular à espessura.

8 Esboço de desvio.
Crie um esboço na face plana criada
pela aba.
Faça o esboço de uma linha vertical
e dimensione conforme mostrado.

143
Exercício 13 SOLIDWORKS 2016
Uso de simetria

9 Seleção de face.
Clique em Desvio e selecione a
face à esquerda da linha esboçada.
A seta deve indicar a direção
mostrada.

10 Configurações de desvio.
No PropertyManager, defina o seguinte:
 Usar raio predeterminado = Ativado
 Condição final = Cego
 Profundidade = 0,5 mm
 Posição da dimensão = Offset para dentro

 Fixar comprimento projetado = Ativado


 Posição do desvio = Dobrar linha de
centro
 Ângulo do desvio = 30°

Clique em OK .

11 Resultado.
O recurso Desvio resultante cria dobras e planos no flange.

144
SOLIDWORKS 2016 Exercício 13
Uso de simetria

12 Aba.
Adicione outra Aba usando o
flange vertical direito no plano do
esboço. Dimensione a sobreposição.

13 Quebre os cantos.
Adicione chanfros de 7 mm à face da
aba usando Quebrar canto .

14 Recurso Espelhar.
Espelhe o corte de alívio da lápide
existente (etapa 7 na página 143) em
relação ao Plano direito.

15 Assistente de furação.
Use o assistente de furação para criar furos com diâmetro de
3 mm usando a condição final Passante. Dimensione conforme
mostrado.

145
Exercício 13 SOLIDWORKS 2016
Uso de simetria

16 Espelhamento.
Espelhe o corpo novamente usando uma face de chapa metálica na
parte de trás da peça.

Recursos de A Biblioteca de projetos do


biblioteca de SOLIDWORKS contém vários recursos de
chapa metálica biblioteca que representam cortes de chapa
metálica comuns. Eles podem ser
adicionados a um modelo usando arrastar e
soltar a partir do Painel de tarefas.
Os recursos de biblioteca de chapa metálica
estão localizados na Biblioteca de
projetos em recursos, chapa metálica.

17 Acesse os recursos de biblioteca de chapa metálica.


Clique na guia Biblioteca de projetos no Painel de tarefas.
Expanda a Biblioteca de projetos e depois os recursos e selecione a
pasta Sheetmetal.

146
SOLIDWORKS 2016 Exercício 13
Uso de simetria

18 Arraste e solte.
Arraste e solte o recurso de biblioteca de
key-hole slot da pasta Sheetmetal
para a face mostrada.

19 Edite um esboço.
Clique em Editar esboço para localizar o recurso.

Adicione uma relação Colinear entre o Plano


direito e a linha de centro.
Acrescente a dimensão 15 mm, conforme
mostrado.
Clique em Concluir.

Dica Os recursos de biblioteca aparecem no


ícone de livros de biblioteca na árvore
de projetos do FeatureManager. Se
desejado, os recursos de biblioteca
podem ser dissolvidos no menu de
atalho na ordem para aparecer como
recursos convencionais na árvore.

147
Exercício 13 SOLIDWORKS 2016
Uso de simetria

20 Segunda instância.
Adicione uma segunda instância de key-hole slot. Arraste e solte
novamente a partir da biblioteca ou use um padrão linear.

21 Planifique.
Clique em Planificar
para verificar o padrão
plano final.

22 Saia da planificação.

23 Salve e feche o
arquivo.

148
Lição 4
Conversão em chapa metálica

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Usar Inserir dobras para adicionar regiões de dobra a uma peça com
parede fina.
 Fazer rasgos nos cantos de uma peça de paredes finas, de forma que
ela possa ser desdobrada.
 Adicionar um canto soldado a uma peça de chapa metálica.
 Usar Inserir dobras para desdobrar uma peça cônica ou cilíndrica.
 Usar o comando Converter em chapa metálica.

149
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

Conversão de Os métodos finais de criação de peças de chapa metálica são técnicas


chapa metálica que permitem que modelos sólidos padrão sejam convertidos em chapa
metálica. Há duas técnicas de conversão disponíveis:
 Inserir dobras
Mais adequado para: geometria de chapa metálica importada ou
peças SOLIDWORKS com casca.

 Converter em chapa metálica


Mais adequado para: padrão, peças sem paredes finas.

Nota Peças de chapa metálica legadas do SOLIDWORKS (anterior ao


SOLIDWORKS 2001) podem ser convertidas no formato atual
automaticamente através da inserção do recurso de chapa metálica
(flange de aresta, flange contínuo etc.).

Método Inserir O método Inserir dobras usa a geometria de uma peça com parede fina
dobras para definir um modelo de chapa metálica. As faces arredondadas são
reconhecidas com dobras, e as arestas agudas são substituídas por um
raio de dobra padrão. Cantos rasgados poderão ser especificados se
necessário para permitir que a peça seja planificada.

Geometria Neste próximo exemplo, um arquivo de formato neutro (IGES) será


importada para importado e modificado de forma que ele possa ser processado como
chapa metálica uma peça de chapa metálica. A peça é aberta como um corpo
importado, um recurso exclusivo que representa toda a geometria.

1 Acesso a opções de importação.


Clique em Arquivo, Abrir ou em Abrir .
Na lista de tipos de arquivo, selecione Arquivos IGES (*.igs, *.iges).
Clique no botão Opções... na caixa de diálogo para acessar as opções
de importação de IGES.

150
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

2 Opções.
Selecione as seguintes configurações:
 Entidades de superfície/sólido = Ativado
 Tentar formar um sólido = Ativado
 Realizar verificação total de entidade e reparar erros = Ativado
 Executar o Diagnóstico de importação automaticamente
(Restauração) = Ativado
Clique em OK.
3 Abra IGESimport.IGS.
Navegue até a pasta Lesson04\Case Study e abra o arquivo
IGESimport.IGS.
Selecione o template Part_MM se solicitado.
4 Diagnóstico de importação.
Na mensagem:
Deseja executar o Diagnóstico de importação nesta peça?
Clique em Sim.
Uma face está com defeito. Clique em Tentar restaurar todos no
PropertyManager Diagnóstico de importação e clique em OK .
O problema é reparado.

Nota Caso a seguinte mensagem for exibida:


Deseja continuar com o reconhecimento de recurso?
Clique em Não.
Essa é uma opção para aplicar FeatureWorks ao recurso Imported1.

Arquivos de Sempre que um arquivo é importado para o SOLIDWORKS, um


relatório e erro arquivo é gerado: o Arquivo do relatório (filename.RPT). Se houver
erros durante o processo de importação, um segundo arquivo é criado:
o Arquivo de erro (filename.ERR).
Os dois arquivos são arquivos de texto e podem ser lidos com qualquer
editor de texto.
Os exemplos abaixo são de um arquivo IGES aberto no
SOLIDWORKS, mas que falhou ao construir um sólido.

Conteúdo do O Arquivo de erro listará quaisquer erros que tenham ocorrido durante
Arquivo de erro o processo de abertura. As sugestões e configurações também são
listadas.
Um erro normalmente teria uma linha como esta abaixo:
AVISO: Não é possível criar sólido a partir de superfícies
recortadas.

151
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

Conteúdo do O Arquivo de relatório contém:


Arquivo de relatório
 Informações gerais sobre o arquivo IGES.
 Informações sobre o processamento da entidade.
 Uma análise do arquivo IGES.
 Um resumo das entidades exibindo a quantidade de cada tipo de
entidade e quantas foram convertidas.
 Um resumo dos resultados.

5 Sólido importado.
As superfícies foram
unidas em um único
sólido. O recurso único é
listado como Imported1.

Dica O sólido é considerado "sem inteligência" porque não contém


informações paramétricas nem recursos individuais. Entretanto, você
ainda pode fazer acréscimos a ele usando os esboços e recursos padrão
do SOLIDWORKS.

Nota Essa peça é feita de um material fino uniforme típico de chapa


metálica, contudo, não há nenhum canto aberto, o que permitiria a
planificação da peça.

152
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

Adição de Rasgos são usados para adicionar espaçamentos a arestas de canto para
rasgos que a peça possa ser planificada. Rasgos podem criar três tipos de
cantos: diminuindo uma das paredes ou ambas na aresta em que são
aplicados. Uma ou mais setas são usadas com o botão Alterar direção
para identificar as arestas a serem aparadas.

O recurso Rip (Rasgo) é usado para rasgar arestas do modelo antes da


inserção de dobras. Como alternativa, rasgos também podem ser
criados a partir do comando Inserir dobras.
Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Rasgo
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Rasgo

6 Seleção de aresta.
Clique em Rasgo e selecione as arestas
conforme mostrado.
Defina o Espaçamento como 0,10 mm e clique
em OK .

Dica O botão de mudança de direção é usado para alternar entre os três tipos
de junções da aresta selecionada. O padrão “ambas” (duas setas) será
usado para todas as arestas aqui.

153
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

7 Rasgos resultantes.
As arestas selecionadas são rasgadas, com ambos os flanges sendo
encurtados em um canto comum com um espaçamento.

Inserir dobras A próxima etapa será acrescentar dobras à peça. Durante esse processo,
os valores são definidos para especificar a tolerância de dobra e o raio
de dobra padrão enquanto a geometria existente determina a espessura
da chapa metálica. Todos os cantos agudos no modelo serão
substituídos pelo raio de dobra padrão.
Uma nota sobre os Se o modelo tiver faces cilíndricas, elas serão convertidas em dobras de
arredondamentos chapas metálicas e serão planificadas como outras dobras. O valor do
existentes raio do arco é usado no lugar do valor de Raio da dobra padrão.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Inserir dobras


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Dobras

154
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

8 Insira dobras.
Clique em Inserir dobras e selecione a face
indicada (abaixo) como a Face fixa. Defina o Raio
de dobra como 1,5 mm, o Tipo de alívio
automático como Retangular e a Razão de alívio
como 1.

Clique em OK .

Nota A caixa de diálogo Inserir dobras inclui uma seção Parâmetros de


rasgo que pode ser usada no lugar do comando Rasgar separado
(consulte Adição de rasgos na página 153).

9 Cortes de alívio.
Uma mensagem aparece:
Cortes de alívio automático foram feitos para uma ou mais
dobras.
Os cantos criados pelo rasgo precisam de alívio para que sejam
dobrados. O sistema adiciona o alívio automaticamente onde ele é
necessário. Clique em OK.
10 Resultados.
Quatro recursos (Sheet-Metal, Flatten-Bends1,
Process-Bends1 e Flat-Pattern) foram inseridos
na peça. Eles serão explicados na seção seguinte.

155
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

Recursos Como resultado da operação Inserir dobras, vários


associados recursos novos aparecem na árvore de projetos do
FeatureManager. Eles representam o que pode ser
pensado como um plano de processo para a peça de
chapa metálica. O sistema aplicou duas operações distintas à peça de
chapa metálica. Primeiro, ele calculou como o modelo precisa ser
planificado para identificar onde as dobras são necessárias. Em
seguida, dobrou novamente o padrão plano para produzir a
representação moldada da peça.

Planificar-Dobras O recurso Flatten-Bends (Planificar-dobras)


representa a peça planificada. É onde o sistema
armazena informações relacionadas à "conversão"
dos cantos Agudo e Arredondado em Dobras. Se
expandir a listagem desse recurso, você verá recursos
para cada uma das dobras que substituíram os cantos
agudos e arredondados.
Cantos agudos são convertidos em sub-recursos Dobras agudas com o
valor predeterminado do Raio de dobra. Dobras existentes são
convertidas em sub-recursos Dobras arredondadas usando seus raios
atuais.
Alívio automático
Dobra arredondada

Dobras agudas

Dica A edição do recurso Bend (Dobra) proporciona o acesso para


substituir os parâmetros de dobra predeterminados.
Processar-Dobras O recurso Process-Bends (Processar dobras) representa a
transformação do padrão plano em peça acabada, moldada.

156
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

Alternar estados Há dois modos de acessar a cronologia do processo de chapa metálica e


alternar entre os estados de canto agudo, planificado e processado da
peça.
 Utilize a Reversão:
Arrastar a barra de reversão antes do recurso Flatten-Bends1
(Planificar-Dobras 1) representa a peça em seu estado de
canto agudo. Reverter para antes do recurso Process-Bends1
(Processar-Dobras 1) representa a peça em seu estado de
canto agudo.
 Use as ferramentas de Chapa metálica:
A ferramenta Sem dobras reverte a peça para seu estado de
canto agudo. A ferramenta Planificar cancela a supressão do
recurso flat-pattern. O bom de usar essas ferramentas é que elas
atuam como chaves alternadoras. Clicar nelas uma vez retorna a
peça. Clicar nelas uma segunda vez, faz a peça avançar novamente.
Efetuar Frequentemente, peças de chapa metálica
mudanças importadas ou do tipo legadas exigem
algumas modificações uma vez carregada
no SOLIDWORKS. Quando este for o
caso, é melhor converter a peça em chapa
metálica no começo do processo para tirar
total proveito da funcionalidade de chapa
metálica.
Agora que o modelo importado é uma peça de chapa metálica, pode-
mos modificá-lo usando os recursos de chapa metálica disponíveis,
como Edge Flange (Flange de aresta) e Sketched Bend (Dobra
esboçada). Adicionaremos também um recurso Canto soldado a essa
peça para representar cordões de solda nos cantos rasgados.

11 Flange de aresta.
Insira um Flange de aresta .
Clique em Editar perfil do flange
e edite o esboço, como mostrado,
arrastando a geometria e
adicionando dimensões. Clique
em < Voltar para voltar para o
diálogo.
Ângulo = 90°

Posição do flange = Material interno

Clique em OK .

157
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

12 Recurso de corte.
Abra um novo esboço na superfície superior da “etapa” superior e crie
o retângulo e dimensões conforme mostrado. Crie um corte com a
condição final Passante.
Esboço
nesta face

13 Alternar exibição plana.


Clique com o botão direito do mouse em uma face e selecione Alternar
exibição plana para visualizar o padrão plano exibido com a peça.

14 Medir.
Amplie sobre a aba da dobra e meça a distância entre ela e a aresta superior
da peça. A distância normal é de 10 mm. Essas informações serão usadas
para formar uma dobra utilizando a ferramenta Dobra esboçada.

158
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

15 Desenhe uma linha de dobra.


Aumente o zoom na outra guia, a única com o furo
nela.
Abra um esboço sobre a face interior da peça e
desenhe uma linha conforme mostrado.
Não feche o esboço.

16 Dobra esboçada.
Clique em Dobra esboçada . Use o raio padrão.
Selecione a face interna da peça como a Face fixa.
Para a Posição da dobra, clique em Material
interno .

17 Resultados.
Use Medida para verificar se
a aba está realmente 10 mm
acima da aresta superior da
peça.

Canto soldado O recurso de canto soldado é usado para soldar os cantos de uma peça
de chapa metálica dobrada. O recurso de canto soldado fica suprimido
quando a peça é planificada.
Nota Outras opções de representação de soldas podem também ser usadas
em projetos de chapa metálica, como os recursos Weld Bead (Cordão
de solda) e Fillet Bead (Cordão de filete). Para obter mais
informações sobre esses comandos, consulte o curso Soldagens do
SOLIDWORKS.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cantos > Canto


soldado
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Canto soldado

159
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

18 Seleção de face.
Clique em Canto soldado . Defina as opções e
selecione a face da costura do rasgo conforme
mostrado.

Clique em OK .

Nota O PropertyManager Canto soldado fica preso aberto para que várias
soldas possam ser adicionadas.
19 Segunda solda.
Repita o procedimento para a aresta rasgada restante usando a mesma
configuração.

160
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

20 Ponto de interrupção.
Clique no campo de ponto de interrupção e selecione
o vértice mostrado. Clique em OK e depois em
Cancelar no PropertyManager Canto soldado.

21 Planifique a peça.
Quando o padrão plano estiver ativo, os recursos Welded Corner
(Canto soldado) serão suprimidos automaticamente.

22 Salve e feche a peça.

Conversão de Inserir dobras é uma opção disponível para criar cones e cilindros de
cones e chapa metálica. Embora os cones e os cilindros possam também ser
cilindros criados com o uso de recursos de flange, a conversão dessas formas
pode às vezes ser mais simples e também produz recursos que podem
ser facilmente usados para "desenrolar" a peça para adicionar cortes no
estado plano.
Como os cones e os cilindros não têm faces planas para escolher como
a Face fixa, uma aresta linear pode ser usada.

1 Abra ConeUnroll.
Abra a peça existente ConeUnroll.
Essa peça foi extrudada com inclinação para produzir a forma de cone.
Recursos de casca e corte foram usados para produzir a parede fina e o
espaçamento necessários para uma peça de chapa metálica.

161
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

2 Insira dobras.
Clique em Inserir dobras .
Selecione a aresta indicada como a Face ou
aresta fixa.
As opções Raio de dobra e Alívio automático
não são relevantes neste exemplo.

Clique em OK .

3 Planifique.
Planifique o modelo para visualizar o padrão plano.
A aresta selecionada permanece fixa conforme a peça é “desenrolada”.

4 Saia da planificação.

5 Reverta.
Os recursos Flatten-Bends1 (Planificar-Dobras 1) e Process-
Bends1 (Processar-Dobras 1) funcionam como os recursos
Desdobrar e Dobrar (consulte Desdobrar e dobrar na página 110).
Esses recursos são uma opção fácil de aplicar cortes ao plano.
Reverta para a posição entre os recursos Flatten-Bends1 e Process-
Bends1.

162
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

6 Esboce.
Crie um esboço e o offset mostrado. Saia do esboço.

7 Esboce e corte.
Crie um novo esboço e adicione um círculo usando a geometria de
offset para colocação. Use o círculo para criar um corte usando
Vincular à espessura.

163
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

8 Padrão.
Use o corte para criar um Padrão acionado por curva ao longo do
arco.
Há 8 instâncias, espaçadas igualmente.

9 Reverter para o final.


Role para frente para visualizar a peça concluída.

Oculte o esboço usado para aplicação de


padrão.
10 Examine o padrão plano.
Clique em Planificar para visualizar o padrão
plano.
Saia da planificação.

11 Salve e feche todos os arquivos.

164
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

Converter em Converter em chapa metálica usa seleções de uma peça sólida para
chapa metálica identificar arestas e faces de dobra que serão incluídas no modelo de
chapa metálica resultante. Essa técnica pode simplificar os projetos de
chapa metálica, que podem ter ângulos e geometria de dobra
complicados, bastando permitir que a forma geral seja a primeira criada
como um corpo sólido padrão.
Aqui estão alguns exemplos de conversão de corpos sólidos.

165
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

Nota Converter em chapa metálica combina várias operações individuais,


incluindo Casca, Rasgo (página 153) e Inserir dobras (página 154).
Nos casos em que a Conversão em chapa metálica não permite uma
flexibilidade adequada de opções, esses comandos podem ser usados.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica >


Converter em chapa metálica
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Converter em chapa metálica

1 Abra a peça existente Convert


(Converter).
A peça contém um recurso de loft.
As faces da peça têm ângulos
complexos entre elas que podem
ser difíceis de replicar com
recursos de flange.
O esboço na face frontal será
usado para definir um local de
rasgo.
2 Converta em chapa metálica.
Clique em Converter em chapa metálica .
Em Calibres de chapa metálica, selecione Usar
tabela de calibres e SAMPLE TABLE - STEEL
- ENGLISH UNITS. Selecione Calibre 14 com
um Raio de dobra de 2,54 mm.

166
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

Configurações de O uso de Converter em chapa metálica requer configurações para


Converter em parâmetros de chapa metálica, bem como várias seleções de faces e
chapa metálica arestas. Algumas das seleções principais são destacadas abaixo.

 Calibres de chapa metálica


A seção Calibres de chapa metálica inclui opções semelhantes
àquelas vistas anteriormente (consulte Flange-base/Aba na
página 11).
 Parâmetros de chapa metálica
A seleção principal é a Entidade fixa; a face que permanecerá
estacionária, pois a peça está desdobrada. Isso também é importante
porque a seleção de face determina as arestas rasgadas e limita a
seleção de arestas de dobra.

Entidade
fixa

A combinação de entidade fixa e arestas dobradas pode criar vários


resultados.

167
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

Inverter espessura determina em qual lado das faces originais a


espessura é colocada.

A espessura é aplicada de modo que a face de espessura do material


seja normal em relação à face lateral (à esquerda). Isso é diferente
dos resultados de um recurso Shell (Casca) (direita).
Converter em chapa metálica Casca

 Dobrar arestas
Arestas de dobra define as dobras na peça de chapa metálica
usando a seleção de arestas de modelo. Neste exemplo, três arestas
da face de entidade fixa são selecionadas para formar dobras. Essas
seleções, por sua vez, determinam quais faces são usadas para
formar a geometria.
Dobrar
arestas

168
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

 Rasgar arestas
Rasgos são usados para criar cortes no corpo da chapa metálica.
As Arestas rasgadas são selecionadas automaticamente para
permitir a planificação, enquanto Esboços de rasgos podem ser
definidos com o uso da geometria de esboço.
Rasgar
arestas

O Espaçamento criado pelo rasgo e o tipo de canto (Botão Abrir


Sobrepor e Posicionar por baixo ) podem ser
definidos para todos os cantos ou individualmente.

Botão Abrir Sobrepor Posicionar por baixo

A Taxa de sobreposição define o percentual de sobreposição


entre flanges de 0 (0%) a 1 (100%).

Taxa de sobreposição = 1,0 Taxa de sobreposição = 0,5 Taxa de sobreposição = 0

169
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

3 Entidade fixa e arestas dobradas.


Selecione a face inferior como a Entidade fixa.
Para Arestas de dobra, selecione as três arestas
mostradas em rosa e que aparecem com a
chamada Raio na ilustração abaixo.
A seleção dessas arestas requer que o corpo seja
rasgado para se desdobrar corretamente. As
Arestas de rasgo encontradas são
selecionadas automaticamente (mostradas em
púrpura com a chamada Espaçamento) e
listadas como Seleção inteligente <1> e
Seleção inteligente <2>.

Dica Os sinalizadores na área de gráficos podem ser usados para modificar o


raio da dobra ou a distância de espaçamento da seleção associada. É
possível ocultar as chamadas desmarcando as caixas de seleção Exibir
chamadas no PropertyManager.

170
SOLIDWORKS 2016 Lição 4
Conversão em chapa metálica

4 Padrões de canto.
Em Padrões de canto,
defina o tipo como Botão
Abrir, Espaçamento padrão
como 1 mm.

Clique em OK .

Uso de esboços Um Esboço de rasgo pode ser


de rasgo usado para adicionar um recurso de
rasgo com base na geometria do
esboço. Diversos esboços ou um
esboço de contorno único podem
ser usados para criar rasgos
múltiplos.

Importante! Quando Rasgos forem adicionados, o esboço deverá conter um


contorno único. Se múltiplos contornos forem necessários para obter a
geometria apropriada, é necessário usar mais de um esboço.

Dois esboços de rasgo

171
Lição 4 SOLIDWORKS 2016
Conversão em chapa metálica

5 Edite o recurso.
Edite o recurso Convert-Solid1 e clique na seção
Esboços de rasgo. Selecione Esboço de rasgo.
6 Selecione arestas de dobra.
Ative a caixa de seleção de Arestas de dobra.
Selecione as duas arestas laterais da face frontal.

Clique em OK .
7 Examine o padrão plano.

8 Salve e feche a peça.

172
SOLIDWORKS 2016 Exercício 14
Importação e conversão

Exercício 14: Use um arquivo IGES existente


Importação e para criar uma peça de chapa
conversão metálica.
Este laboratório reforça as
seguintes habilidades:
 Geometria importada para
chapa metálica na
página 150
 Adição de rasgos na
página 153
 Inserir dobras na página 154
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra um arquivo IGES
existente.
Abra o arquivo IGES existente
com o nome igesLab na pasta
Lesson04\Exercises.
Use as configurações de
importação predeterminadas.
Restaure a peça, se necessário.
Um sólido de paredes finas é
criado.
2 Unidades.
Defina o sistema de unidades do modelo como MMGS se necessário.
3 Rasgos.
Faça rasgos nos dois cantos traseiros do sólido. Os rasgos devem
criar um canto abrir a topo com um Espaçamento de 0,1 mm.

173
Exercício 14 SOLIDWORKS 2016
Importação e conversão

4 Insira dobras.
Clique em Inserir dobras .
Selecione a face interna inferior
como a Face fixa.
Use um Raio de dobra de
1,5 mm e um Alívio
automático de Ruptura.

5 Padrão plano.
Clique em Planificar
para examinar o padrão
plano.
Edite o padrão plano para
remover Tratamentos de
canto.
Saia da planificação.

6 Flange de aresta.
Adicione Flanges de
aresta com 12,5 mm de
comprimento com Dobras
para fora.

7 Quebrar cantos .
Quebre os cantos das faces de
flange com um chanfro de
6 mm.

8 Salve e feche.

174
SOLIDWORKS 2016 Exercício 15
Como desenrolar um cilindro

Exercício 15: Use Inserir dobras para converter o


Como cilindro em chapa metálica. Use os recursos
desenrolar um resultantes para adicionar um padrão
acionado por esboço à peça desenrolada.
cilindro
Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Inserir dobras na página 154
 Conversão de cones e cilindros na
página 161
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra a peça Unroll existente.
Unroll.sldprt pode ser encontrada
na pasta Lesson04\Exercises.
A peça Unroll contém um arco
que foi extrudado como um
recurso fino. O arco tem o
espaçamento de 1º, criando um
rasgo na parede do cilindro.
2 Insira dobras.
Clique em Inserir dobras e
selecione o modelo de aresta
indicado. Esta é a Face ou aresta
fixa. As opções Raio de dobra e
Alívio automático não são
relevantes neste exemplo.

Clique em OK .
3 Examine o padrão plano.
Clique em Planificar
para mostrar a peça em seu
estado planificado.
Saia da planificação para
retornar à peça formada.

175
Exercício 15 SOLIDWORKS 2016
Como desenrolar um cilindro

4 Reverta.
Arraste a barra de reversão para uma posição entre os recursos
Planificar-Dobras1 e Processo-Dobras1.
Um padrão de furo será adicionado aqui no histórico de recurso para
que ele seja representado nos estados formado e planificado.
5 Copie um esboço.
Abra a peça Esboço padrão. Ela contém um esboço que será usado
para um padrão dirigido por esboço.
Selecione Sketch1 na árvore de projetos do FeatureManager e copie-o
na área de transferência. Você pode usar Editar, Copiar ou pressionar
Ctrl+C.

6 Cole o esboço.
Volte para a janela da peça cilíndrica desenrolada.
Mude para uma vista Front.
Clique na face planificada e cole o esboço (Editar, Colar ou Ctrl+V).

7 Edite o esboço .
Adicione uma relação de Ponto médio entre a extremidade
esquerda da linha de centro horizontal e a aresta vertical na
extremidade esquerda da peça.

176
SOLIDWORKS 2016 Exercício 15
Como desenrolar um cilindro

8 Exclua as dimensões.
Exclua as duas dimensões. Arraste um dos pontos do esboço para
compreender quais relações geométricas estão presentes e como o
esboço se comporta.

9 Relação de ponto médio e dimensão.


Adicione uma relação de Ponto médio entre a extremidade direita da
linha de centro horizontal e a aresta vertical na extremidade direita da peça.
Adicione uma dimensão linear, conforme mostrado. O esboço está
totalmente definido.

10 Saia do esboço.

11 Esboce.
Selecione a face plana da peça e insira um novo esboço. Desenhe um
círculo e dimensione-o, conforme mostrado.

12 Corte.
Extrude o círculo como um corte. Use Vincular à espessura.

177
Exercício 15 SOLIDWORKS 2016
Como desenrolar um cilindro

13 Padrão.
Clique em Inserir, Padrão/Espelhar, Padrão dirigido por esboço ou
clique em Padrão dirigido por esboço no CommandManager de
Recursos.
Em Recursos para padrão, selecione o corte que você fez na etapa
anterior. Clique na lista Seleções e escolha o esboço do padrão.
Clique em Ponto selecionado e selecione o ponto no ponto central do
furo como mostrado.

Desmarque a opção Padrão de geometria e clique em OK .


14 Resultados.
Oculte o esboço de padrão. Clique com
o botão direito do mouse na barra de
reversão e selecione Reverter para o final.

15 Alternar exibição plana.


Clique com o botão direito do mouse
na geometria e selecione Alternar
exibição plana para examinar o
padrão plano.

16 Salve e feche.

178
SOLIDWORKS 2016 Exercício 16
Prática de Converter em chapa metálica

Exercício 16: Use as peças sólidas fornecidas e a intenção de projeto mencionada para
Prática de criar os modelos de chapa metálica conforme mostrado. Use a face fixa
Converter em apropriada para fazer a correspondência da exibição plana mostrada.
chapa metálica Este laboratório usa as seguintes habilidades:
 Converter em chapa metálica na página 165
 Configurações de Converter em chapa metálica na página 167

Unidades: MMGS

Intenção do A intenção de projeto de todas as peças é a seguinte:


projeto 1. O material é aço calibre 18 aplicado à parte interna do sólido existente.
2. Todas as dobras = R 1,905 mm.
3. Todos os espaçamentos = 2,00 mm.
As peças existentes podem ser encontradas na pasta Lesson04\
Exercises.

Alternar exibição
Peça Dobrado
plana
Convert_EX_1

Convert_EX_2

Convert_EX_3

Convert_EX_4

179
Exercício 17 SOLIDWORKS 2016
Converter com rasgos

Exercício 17: Converta a geometria existente em


Converter com geometria de chapa metálica.
rasgos Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Converter em chapa metálica na
página 165
 Configurações de Converter em chapa
metálica na página 167
 Uso de esboços de rasgo na página 171
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra Convert with Rips.
Convert with Rips.sldprt pode
ser encontrada na pasta
Lesson04\Exercises.

2 Converta.
Use Converter em chapa metálica
com Esboços de rasgos para criar
a peça de chapa metálica conforme
mostrado. Aplique o material à
parte interna das faces existentes.
Em Calibres de chapa metálica,
selecione Usar tabela de calibres
e SAMPLE TABLE - STEEL.
Selecione Calibre 18 com um Raio
de dobra de 1,905 mm.
Defina o Espaçamento como
2 mm.

180
SOLIDWORKS 2016 Exercício 17
Converter com rasgos

3 Dobre a linha.
Crie uma nova linha de
esboço e dimensão na face
mostrada.

4 Dobra esboçada.
Use a linha para criar um novo
recurso de dobra esboçada.

5 Salve e feche o arquivo.

181
Exercício 18 SOLIDWORKS 2016
Funil de chapa metálica

Exercício 18: Use Converter em chapa metálica


Funil de chapa para criar o funil conforme mostrado.
metálica Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Converter em chapa metálica na
página 165
 Configurações de Converter em
chapa metálica na página 167
 Uso de esboços de rasgo na
página 171
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra a peça SM_Hopper existente.
SM_Hopper pode ser encontrada na
pasta Lesson04\Exercises.
Essa peça foi criada com o uso dos
recursos de loft e extrusão que
representam o tamanho e a forma do
funil.

2 Converta em chapa metálica.


Clique em Converter em chapa metálica .
Em Calibres de chapa metálica, selecione Usar tabela de calibres e
SAMPLE TABLE - STEEL - ENGLISH UNITS. Selecione Calibre 7
com um Raio de dobra de 5,080 mm.

182
SOLIDWORKS 2016 Exercício 18
Funil de chapa metálica

Selecione a face mostrada em azul


como a Face fixa. Selecione as
arestas mostradas em rosa como as
arestas de dobra. As arestas rasgadas
em púrpura serão encontradas
automaticamente.
Use um canto de Abrir a topo com
um espaçamento de 1,00 mm.
Defina o Alívio automático como
Retangular.
O material deve ser aplicado fora das
faces existentes.

Clique em OK .
3 Examine o padrão plano.
Planifique a peça para examinar o padrão plano.

4 Saia da planificação.

5 Salve e feche todos os arquivos.

183
Exercício 18 SOLIDWORKS 2016
Funil de chapa metálica

184
Lição 5
Peças de chapa metálica
multicorpos

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Compreender os diferentes métodos para criação e uso de peças de
chapa metálica multicorpos.
 Controlar os parâmetros de chapa metálica de corpos separados
dentro da mesma peça.
 Criar desenhos de peças de chapa metálica multicorpos e corpos
individuais.
 Usar divisão para dividir um único corpo em peças de chapa
metálica multicorpos.
 Usar Espelhar para criar um corpo de chapa metálica separado.
 Usar técnicas diferentes para detectar interferência em uma peça
multicorpos.

185
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

Peças de chapa Assim como qualquer outra peça padrão, os modelos de chapa metálica
metálica podem usar técnicas de projeto multicorpos. Uma peça multicorpo
multicorpos simplesmente se refere a uma peça que contém mais de um corpo
sólido no arquivo. Todas as técnicas de chapa metálica permitem a
criação de projetos multicorpos.
Muitas vezes, um modelo multicorpos pode ser um passo no processo
para uma peça de corpo único:

Outras vezes, pode ser apropriado desenvolver um produto como vários


corpos na mesma peça:

Quando um projeto de chapa metálica utiliza


multicorpos, vários conjuntos de recursos
específicos de chapa metálica estão disponíveis na
árvore de projetos do FeatureManager. Além disso, a
lista de corte pode potencialmente conter vários itens
da lista de corte.
Em geral, os projetos multicorpos de chapa metálica
são criados da mesma forma que as peças
multicorpos padrão. Esta lição se concentrará nas
ferramentas e nas opções exclusivas das peças
multicorpos de chapa metálica. Para informações
mais detalhadas sobre as técnicas de projeto
multicorpos, consulte o curso Modelagem avançada
de peças do SOLIDWORKS.

186
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Ferramentas para As peças de chapa metálica com múltiplos corpos podem ser criadas
criar peças de utilizando diversas técnicas. As ferramentas descritas a seguir podem
chapa metálica ser usadas para criar uma peça de chapa metálica multicorpos:
multicorpos
Use Flange-base, Converter em chapa
Ferramentas de
metálica ou Dobras com loft para criar um
chapa metálica
corpo separado na peça.
Use Padrão linear ou Padrão circular,
Espelhar ou Mover/Copiar corpo para
Duplicação
duplicar um corpo de chapa metálica em uma
peça.
Use Inserir peça para adicionar um corpo a
Inserir peça
uma peça de chapa metálica existente.
Use Dividir para dividir um único corpo de
Dividir
chapa metálica em múltiplos corpos.

Multicorpos No próximo estudo de caso, o recurso


com Flange- Base Flange/Tab (Flange-base/Aba)
base será usado para gerar um recurso Tab
(Aba) e um corpo sólido separado na
peça. O modelo será usado em um
desenho com várias vistas de padrão
plano representadas.

1 Abra a peça Shelf_Bracket existente.


Shelf_Bracket.sldprt pode ser encontrada
na pasta Lesson05\Case Study.

187
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

2 Esboce um perfil de aba.


Esboce um círculo sobre a face superior conforme
mostrado.

3 Recurso Tab (Aba).


Clique em Flange-base/Aba .
Quando a opção Mesclar resultado está selecionada, este
recurso gera um recurso Tab (Aba), como visto nos
exemplos anteriores (consulte Recursos de aba na
página 38). Certifique-se de que esta opção esteja
selecionada e clique em OK .

4 Copie o recurso de furo.


Mantenha Ctrl pressionada enquanto arrasta e solta M5 Clearance
Hole1 da árvore de projetos do FeatureManager para a face superior.
Clique em Excluir na caixa de diálogo para remover as relações
externas existentes do esboço.
5 Edite o recurso de furo.
Edite o M5 Clearance Hole2 (Furo de
folga M5 2). Modifique o esboço de
posição para adicionar uma relação ao
centro da aba.
Dica Quando o esboço de posição é acessado
no PropertyManager do Assistente de
furação, o comando Ponto fica ativo
automaticamente. Cancele esta
ferramenta para fazer seleções e
adicionar relações.

Clique em OK .
6 Adicione um novo Flange-base.
Clique em Flange-base/Aba .
Selecione o Sketch for Body2 existente como o perfil do recurso.
Os perfis abertos não atendem aos requisitos de um recurso Tab; a
opção Mesclar resultado é omitida. Esse recurso resultará em um
Flange-base para um corpo sólido separado na peça.

188
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Altere Direção1 para Plano médio,


15 mm.
Inverta a direção da espessura do material
se necessário para impedir a ocorrência de
interferência. Aceite os parâmetros de
chapa metálica predeterminados.
Clique em OK .

7 Resultados.
A Lista de corte indica que há (2) corpos existentes
na peça. Como são geometricamente diferentes, eles
foram agrupados em dois itens separados de lista de
corte.
A pasta Sheet-Metal e as pastas Flat-Pattern têm
conjuntos de recursos Sheet-Metal# e Flat-
Pattern# associados aos corpos separados.
Cada corpo pode ser planificado individualmente
selecionando uma face do corpo e clicando em
Planificar .

Parâmetros de Quando vários corpos de chapa metálica são gerados em uma peça, os
chapa metálica parâmetros de chapa metálica predeterminados são herdados das
para configurações gerais de peça. Essas configurações gerais são
armazenadas na pasta Sheet-Metal na árvore de projetos do
multicorpos FeatureManager conforme mencionado na Lição 1 (consulte Edição
de parâmetros de chapa metálica na página 21).
Configurações gerais de peça
Configurações de corpo sólido
Tabela de calibres embutida

Se necessário, corpos individuais da peça de chapa metálica podem ser


criados com parâmetros de chapa metálica exclusivos na criação ou por
meio da edição do recurso Sheet-Metal# associado na pasta.
Nota Em determinadas instâncias, um único Sheet-Metal# pode controlar
vários corpos em uma peça. Por exemplo, um corpo único dividido ou
corpos resultantes de um padrão (consulte Uso de divisão com peças de
chapa metálica na página 200 e Aplicação de padrão para multicorpos
na página 202).

189
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

Histórico do Quando vários corpos existem em uma peça,


recurso de corpo pode ser difícil determinar quais recursos estão
sólido associados a cada peça. Uma técnica para
localizar facilmente os recursos Sheet-Metal# e
Flat-Pattern# de um corpo é usar o histórico de
recursos listado em Lista de corte. Com a
expansão de um item de lista de corte e de um
corpo sólido nessa pasta, os recursos de apenas
um corpo específico podem ser visualizados.

8 Edite os parâmetros de chapa metálica


do corpo sólido.
Edite o recurso Sheet-Metal# associado
a Cut-List-Item2.
Clique em Substituir parâmetros
padrão.
Altere a espessura do material para
Calibre 16.

Clique em OK .

Propriedades Cada corpo exclusivo dentro de um modelo de chapa metálica será


do item da lista agrupado em um item da lista de corte na peça e representado por um
de corte para item de linha na tabela de lista de corte. As propriedades do item da
lista de corte de uma peça multicorpos são acessadas e modificadas da
multicorpos
mesma forma que uma peça de corpo único (consulte Acesso às
propriedades da lista de corte na página 76). Quando vários itens da
lista de corte estão disponíveis, a caixa de diálogo Propriedades de
lista de corte lista todos os itens no painel esquerdo em que eles
podem ser selecionados.

9 Edite as propriedades da lista de corte.


Clique com o botão direito do mouse em uma pasta do item da lista de
corte e clique em Propriedades...
Edite a propriedade DESCRIÇÃO de Cut-List-Item1 para que seja
Chapa calibre 11.
Edite a propriedade DESCRIÇÃO de Cut-List-Item2 para que seja
Chapa calibre 16.
Clique em OK.

10 Salve a peça.

190
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

11 Crie o desenho a partir da peça.


Clique em Criar desenho a partir da peça no menu Arquivo ou
no menu flyout Novo documento .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.

Vistas de Ao contrário de uma peça de corpo único, um modelo de chapa metálica


desenho de multicorpos não gera inicialmente uma configuração SM-FLAT-PATTERN
padrão plano para representar a vista de desenho de padrão plano. Observe que não existe
nenhuma vista de padrão plano disponível na Paleta de vistas.
para
multicorpos As vistas de padrão plano de corpos individuais devem ser criadas com
o uso do comando Vista de modelo em conjunto com a opção
Selecionar corpos. Uma nova configuração derivada será
automatizada para cada corpo separado conforme as vistas de padrão
plano são criadas.

12 Adicione uma vista Direita.


Use a Paleta de vistas para adicionar uma vista Direita do
Shelf_Bracket.
13 Modifique a escala da folha.
Clique com o botão direito do mouse na folha e clique em
Propriedades...
Modifique a escala da folha para ser 1:2. Clique em OK.

14 Adicione uma vista de padrão plano.


Clique em Vista do modelo na barra de ferramentas Layout de vista.
Clique duas vezes no documento aberto Shelf_Bracket ou clique em
Avançar no PropertyManager.

191
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

Clique em Selecionar corpos...


Selecione as opções mostradas e clique
em OK .
No PropertyManager de vista de modelos,
uma opção Padrão plano agora aparece na
caixa de grupo Orientação.
Marque (A) Padrão plano.

Dica O (A) que precede um nome de vista de desenho indica que existem
anotações associadas à vista.
Observe que uma nova configuração é agora adicionada e será
referenciada pela vista de desenho.
15 Opções de padrão plano.
Gire a vista de padrão plano 90 graus.
Desmarque a opção Iniciar automaticamente a vista projetada, se
necessário.
Clique em Usar escala da folha.
Coloque a vista na folha.
16 Adicione a vista do segundo padrão plano.
Repita as etapas 14 e 15 para adicionar uma vista de padrão plano do
segundo corpo na peça.
Uma segunda configuração derivada, SM-FLAT-PATTERN1, é criada
e referenciada por essa vista.

192
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

17 Adicione uma tabela da lista de corte.


Clique em Lista de corte de soldagem e selecione a vista Direita
na folha.
Use o template de Lista de corte SM criado na Lição 2 (página 83).
Clique em OK .
Coloque a tabela de lista de corte acima do bloco do título na folha.
18 Modifique a tabela da lista de corte.
Modifique a tabela de lista de corte para incluir as informações
mostradas.

19 Salve como template de tabela.


Salve a tabela modificada como um novo template na Área de trabalho
com o nome SM Cut List-MB.

Anotações de As anotações de balões podem ser usadas para itens de lista de corte da
balões da lista mesma forma que para itens de linha de lista de materiais. Quando são
de corte utilizados balões nas vistas de desenho não associadas diretamente à
tabela de lista de corte, as propriedades da vista de desenho podem ser
usadas para vincular os números dos balões à tabela.

20 Adicione balões.
Clique em Balão na barra de ferramentas Anotações.
Adicione balões aos corpos na vista Direita.
Vincule um balão a cada vista de padrão plano.

Clique em OK .
21 Vincule balões à tabela.
Selecione uma das vistas de padrão plano.
Acesse a caixa de diálogo Propriedades da vista de desenho
selecionando o botão Mais propriedades... na parte inferior do
PropertyManager ou clicando com o botão direito na vista e clicando
em Propriedades... no menu de atalho.
Marque a opção Vincular texto do balão à tabela especificada.

193
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

Dica Existe somente uma tabela nesse desenho, mas várias tabelas
existissem, a tabela apropriada poderia ser selecionada no menu
suspenso.

Clique em OK.
22 Vincule outro balão à tabela.
Repita a etapa 21 para vincular o balão da outra vista de padrão plano à
tabela de lista de corte.

194
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

23 Opcional: Modifique as propriedades do documento e adicione


dimensões.
Modifique as propriedades do documento do desenho para
corresponder às cores do padrão plano, conforme mostrado, e exiba
notas de dobra com linhas de chamada.
Adicione dimensões às vistas de padrão plano e às linhas de dobra.

24 Salve e feche o desenho.

Exportação Opções na função Exportar para DXF / DWG permitem que um ou


para DXF/DWGs vários corpos sejam exportados. Seleções podem também ser feitas
com para especificar se um arquivo único ou arquivos separados são
criados.
multicorpos
Na janela Limpeza de DXF/DWG, os arquivos separados sendo criados
podem ser acessados clicando nos botões Próximo layout e
Layout anterior .

25 Exporte para DXF/DWG.


Clique com o botão direito do mouse em uma face de Shelf_Bracket.
Clique em Exportar para DXF/DWG.
Aceite o nome padrão e salve o DXF na Área de trabalho.

195
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

26 Opções de saída.
Use o PropertyManager de Saída de DXF/DWG
para selecionar Chapa metálica. Para Corpos a
exportar, selecione uma face no segundo corpo na
peça.
Para Opções de exportação, selecione Arquivos
separados.

Clique em OK .
27 Visualize a saída.
Use a janela Limpeza de DXF/DWG para
visualizar os arquivos usando os botões Próximo
layout e Layout anterior .

Clique em Salvar. Os nomes de arquivo de DXF incluem o nome do


recurso de padrão plano e o nome da peça: Flat-Pattern4 -
Shelf_Bracket.DXF.

28 Salve e feche todos os arquivos.

196
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Conversão com Assim como os recursos de flange, Converter em chapa metálica


multicorpos pode também ser usado para produzir um projeto multicorpos. Se um
corpo sólido for usado para várias peças convertidas, a opção Manter
corpo poderá ser usada para impedir que um corpo sólido seja
removido após a primeira operação de Converter em chapa metálica.

1 Abra a peça SM_Hopper_MB


existente.
SM_Hopper_MB.sldprt pode ser
encontrada na pasta Lesson05\
Case Study.
Este é o mesmo modelo criado em
Exercício 18: Funil de chapa metálica
na página 182.

2 Examine o padrão plano.


Planifique a peça.
Selecione a aresta superior ou inferior da Caixa delimitadora. A barra de
status mostra que o comprimento do material necessário para essa peça é
de mais de 3.700 mm. Isso é muito grande para uma folha de material
padrão, portanto, ela precisará ser produzida em várias partes.

Dica As propriedades do item da lista de corte podem também ser usadas


para identificar rapidamente o Comprimento da caixa
delimitadora.

3 Saia da planificação.

197
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

4 Edite Convert-Solid1.
Edite o recurso Convert-Solid1 e
marque Manter corpo.
Desmarque as seleções na caixa de
seleção Arestas de dobra. Selecione
as arestas exibidas em rosa como as
arestas de dobra do primeiro corpo de
chapa metálica.

Clique em OK .
5 Resultados.
Um novo corpo de chapa metálica é
criado, e o corpo sólido original ainda
está disponível na peça.

Ocultar e exibir Há várias maneiras de controlar a visibilidade dos corpos na peça,


corpos incluindo Ocultar e Exibir, Ocultar/Exibir corpos, Isolar e usando o
Painel de exibição.

Ocultar e Exibir Ocultar e Exibir podem ser usadas para controlar a visibilidade dos
corpos selecionados. Quando uma face ou um recurso é selecionado
para Ocultar/exibir, todo o corpo associado é oculto.
Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em uma face,
um recurso ou um corpo e clique em Ocultar/Exibir

Ocultar/Exibir Ocultar/Exibir corpos usa um PropertyManager para controlar a


corpos visibilidade de corpos existentes.
Onde encontrar  Menu: Exibir, Ocultar/ Exibir corpos

Isolar Isolar pode ser usada para ocultar todos os corpos,


exceto o selecionado. Quando corpos tiverem sido
isolados, uma caixa de diálogo ficará visível com
opções para alterar a visibilidade dos corpos removidos para oculto ou
transparente, salvar a vista isolada como um estado de exibição e Sair
de isolar para retornar à exibição anterior dos corpos.
Nota Isolar pode também ser usado com componentes de uma montagem.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito em um corpo na área de
gráficos e clique em Isolar
 Menu de atalho: Na árvore de projetos do FeatureManager, clique com o
botão direito do mouse na Lista de corte e clique em Isolar

198
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

O Painel de Expanda o Painel de exibição para


exibição controlar a visibilidade, o modo de
exibição, a cor e a transparência dos
corpos através da árvore de projetos do
FeatureManager.

6 Isole o corpo de chapa metálica.


Para visualizar apenas o corpo de chapa
metálica, clique com o botão direito do mouse
em uma face do corpo e clique em Isolar.
Clique em Sair de isolar.
7 Converta o corpo secundário.
Clique em Converter em chapa metálica .
As faces de chapa metálica existentes são
mostradas em vermelho.
Desmarque a opção Substituir parâmetros
padrão.
Desmarque a opção Manter corpo.
Selecione a face vertical traseira como a Face
fixa e as arestas rosa mostradas como as Arestas de dobra.
Altere a distância do Espaçamento para 1 mm.

Clique em OK .

199
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

8 Resultados.
Dois corpos de chapa metálica são deixados na peça. Cada corpo tem
um recurso Sheet-Metal# e Flat-Pattern# associado na árvore.
9 Planifique.
Use Planificar para visualizar o padrão plano de cada corpo.

10 Saia da planificação.

11 Salve e feche a peça.

Uso de divisão Outra técnica para lidar com a questão de


com peças de precisar produzir uma peça em mais de
chapa metálica uma peça é dividir o modelo existente em
vários corpos. O recurso Split (Dividir)
pode usar planos, esboços, faces ou corpos
de superfície para separar uma peça em
várias partes.
Quando um único corpo de chapa metálica
é dividido em várias partes, novos recursos
de padrão plano são criados, mas os
parâmetros de chapa metálica são ainda
controlados pelo recurso Sheet-Metal#
único vinculado à geometria original.

Onde encontrar  Menu: Inserir, Recursos, Dividir

200
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

1 Abra a peça Using_Split existente.


Using_Split.sldprt pode ser encontrada na pasta Lesson05\
Case Study.
2 Planos de referência.
Adicione dois planos de referência usando o
Plano superior como uma referência e
espaçando-os 250 mm.

3 Dividir.
Clique em Inserir, Recursos, Dividir .
Em Ferramentas de aparar, selecione Plane1 e
Plane2.
Clique em Cortar peça, selecione todos os corpos
resultantes e clique em OK .

4 Oculte os planos.
Oculte os planos de referência.

201
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

5 Recursos de chapa metálica resultantes.


Existem agora três corpos de chapa metálica na peça
com três recursos de padrão plano separados.
Como os três corpos originaram do mesmo Flange-
base, há somente um recurso Sheet-Metal#
controlando os parâmetros de chapa metálica para
todos os corpos.
Isso é similar ao comportamento visto quando os
corpos recebem um padrão.

6 Salve e feche a peça.

Aplicação de Conforme demonstrado anteriormente, as peças de chapa metálica


padrão para podem aproveitar as vantagens dos projetos simétricos criando metade
multicorpos de uma peça e espelhando o corpo (consulte Espelhe o corpo. na
página 71). Quando essa técnica é usada, uma face de chapa metálica
deve ser utilizada como o plano de espelho, e os resultados são
mesclados em um único corpo. O espelhamento e a aplicação de padrão
podem também ser usados para gerar corpos separados em uma peça
desmarcando a opção Mesclar sólidos. Qualquer face ou plano pode
ser usado como o plano de espelho quando essa técnica é utilizada.
Quando novos corpos são criados por meio de aplicação de padrão,
seus parâmetros de chapa metálica são controlados pelo recurso Sheet-
Metal# único associado ao corpo de origem.
Neste estudo de caso, um recurso
Mirror (Espelhar) será usado para
criar a versão do lado oposto de um
corpo existente. Um terceiro corpo
será criado na peça, que mostrará
como mesclar corpos separados com
um Flange de aresta.

202
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Dica Os corpos na ilustração acima são mostrados em uma vista explodida.


Vistas explodidas podem ser criadas em peças multicorpos de forma
muito semelhante às montagens. O comando Vista explodida pode
ser acessado no menu Inserir.

1 Abra a peça Mirroring_MB existente.


Mirroring_MB.sldprt pode ser
encontrada na pasta Lesson05\
Case Study.

2 Espelhe o corpo.
Clique em Espelhar .
Ative a caixa de grupo Corpos a espelhar e selecione o corpo Left Hand.
Importante! Desmarque a opção Mesclar sólidos.
Use o Plano direito como o Plano de espelho.

Clique em OK .
3 Resultados.
Uma versão de lado direito do corpo é criada na peça. O novo corpo
tem seu próprio recurso de padrão plano, mas está vinculado ao recurso
Sheet-Metal# do corpo de origem.

Dica Para criar uma versão do lado oposto de um modelo como o arquivo de
peça separado, o comando Inserir, Espelhar peça pode ser usado. Para
obter mais informações, consulte Espelhar peça na página 273.

203
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

4 Esboce.
Crie um novo esboço no
flange na frente.
Esboce um retângulo,
incluindo relações aos
cantos agudos, como
mostrado.

5 Flange-base.
Clique em Flange-base/Aba .

Desmarque Mesclar resultado, defina a direção e clique em OK .


6 Segundo flange-base.
Repita o procedimento para criar o segundo flange-base com as
mesmas configurações.

204
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Utilização de A opção Flange de aresta Até a aresta e mesclar conecta corpos de


flanges de chapa metálica separados e mescla-os e um só.
aresta para
mesclar corpos

Quando corpos de recursos de flange


separados são mesclados, o recurso
Sheet-Metal# do primeiro corpo
selecionado se torna o recurso que
controla os parâmetros de chapa metálica
da nova parte. O recurso Sheet-Metal#
do segundo corpo selecionado ainda
existe, mas é listado como um recurso filho no FeatureManager.

7 Flange de aresta.
Clique em Flange de aresta .
Selecione a aresta do corpo existente (1) e
selecione a aresta do corpo oposto (2) conforme
mostrado.
Para o Comprimento do flange, Até a aresta e
mesclar é selecionada automaticamente.
Clique em Material externo e em OK .
Quatro corpos são combinados em três.

(2)

(1)

205
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

8 Exibição plana.
Use Alternar exibição plana para
visualizar o padrão plano de cada corpo.
9 Salve a peça.

Corpos com Os corpos de chapa metálica podem interferir ou colidir com um ou


interferência mais componentes semelhantes em um montagem. Há duas soluções
para localizar as interferências entre corpos de chapa metálica.
Combinar Usando a ferramenta Combinar na peça, selecione um
par de corpos para verificar e usar a opção Comum. Os
volumes de sobreposição aparecem como corpos.
Cancele a operação, repare a interferência e repita o
procedimento até o volume comum ser removido.

Detecção de Adicione a peça a uma nova montagem para verificação de


interferência interferência. Use a ferramenta Detecção de interferência com a
opção Incluir interferências de peça multicorpos. Repare a
interferência e repita o procedimento até a interferência ser removida.
Nota A ferramenta Detecção de interferência somente estará disponível
para montagens.

10 Combine.
Clique em Inserir, Recursos, Combinar .
Clique em Comum e selecione os dois corpos
conforme mostrado. Clique em OK .

206
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

11 Corpos a serem mantidos.


Clique em Todos os corpos e em OK. Aumente o
zoom em um dos corpos, um volume muito comum.

Nota Na verdade, há quatro volumes comuns semelhantes a esse na peça,


dois de cada lado.
12 Desfazer.
Clique em Desfazer para remover o recurso Combine1.
13 Nova montagem.
Clique em Criar montagem a partir da peça/montagem e selecione o
template Assembly_MM.
Clique em OK para adicionar Mirroring_MB como um
componente na montagem.
14 Interferência.
Clique em Detecção de interferência .
Clique em Incluir interferências de peça
multicorpos e Tornar transparentes as peças
com interferência.
Clique em Calcular.
Os resultados mostram quatro interferências,
cada uma onde os cantos agudos dos corpos
laterais encontram o corpo externo.

Clique em OK .

207
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

15 Quebrar canto.
Retorne à peça, selecione ambos os corpos laterais
e clique em Isolar.

Clique em Quebrar canto .


Defina o Tipo de quebra como Filete, o valor
como 10 mm e selecione as arestas de um corpo
conforme mostrado.

Clique em OK .

16 Repita.
Repita o procedimento para o corpo do lado oposto.
Dica Deve haver dois recursos separados Break-Corner, um para cada
corpo. Se você tentar aplicar recursos a múltiplos corpos, esta
mensagem pode ser exibida:
A entidade selecionada não pertence ao corpo de chapa
metálica.
Clique em Sair de isolar.
17 Verifique as interferências.
Retorne à montagem e teste as interferências novamente usando as
mesmas configurações. O resultado deve ser Sem interferências.
Feche a montagem sem salvar.

18 Salve e feche a peça.

208
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

Combinação de As técnicas de projeto multicorpos permitem a combinação de


chapa metálica diferentes tipos de corpos na mesma peça. Por exemplo, um corpo de
com outros chapa metálica, um membro de soldagem estrutural e um corpo
modelado convencionalmente podem fazer parte de um projeto único.
corpos
Sempre que um modelo tiver um corpo de chapa metálica ou estiver
definido como uma soldagem, a pasta Cut list estará disponível na
árvore de projetos do FeatureManager. Para informações detalhadas
sobre modelos de soldagem, consulte o curso Soldagens do
SOLIDWORKS.
Os ícones de pasta de item de lista de corte indicam como os corpos
desse item foram criados:

Corpos de chapa metálica

Corpos de componente
estrutural

Corpos de recurso padrão

Nota Em modelos padrão que não contêm recursos de chapa metálica ou de


soldagem, uma pasta Solid Bodies é usada para organizar os corpos de
uma peça. A pasta Solid Bodies não gera itens de lista de corte ou tem
propriedades associadas aos corpos da peça.
Para obter mais informações sobre as técnicas de projeto multicorpos
padrão, consulte o curso Modelagem avançada de peças do
SOLIDWORKS.

1 Abra a peça Bucket existente.


Bucket.sldprt pode ser
encontrada na pasta
Lesson05\Case Study.
Essa peça foi criada com uma
combinação de recursos de flange
de chapa metálica, uma peça
inserida, recursos padrão e um
membro de soldagem estrutural.
Há nove corpos sólidos separados
neste modelo.

209
Lição 5 SOLIDWORKS 2016
Peças de chapa metálica multicorpos

2 Planifique o corpo.
Selecione uma face de um dos corpos de chapa metálica e Planifique
.
Todos os outros corpos são ocultados automaticamente.
3 Saia da planificação.

4 Explore a lista de corte.


Expanda a pasta Cut List.
Diferentes tipos de corpos são
representados por ícones de pasta de
item de lista de corte diferentes.
5 Propriedades da lista de corte.
Acesse a caixa de diálogo Propriedades da lista de corte.
Diferentes propriedades de item de lista de corte estão associadas a
tipos de corpo diferentes.
Clique em Cut-List-Item6 no painel esquerdo. Adicione uma
propriedade DESCRIÇÃO de Rebite.
Clique em OK.
Dica Observe que a propriedade de descrição é usada como o nome da pasta
do item de lista de corte. Para ajustar as configurações para nomear as
pastas do item de lista de corte e gerar itens de lista de cote, acesse
Opções , Propriedades do documento, Soldagens. O uso de
itens de lista de corte para chapa metálica foi expandido a partir das
funções usadas para modelos de soldagem. Para obter mais
informações detalhadas sobre essas opções, consulte o curso Soldagens
do SOLIDWORKS.

Atribuição de Se necessário, corpos individuais em uma peça podem ter um material


materiais a corpos diferente atribuído. Os corpos com material não atribuído seguem o
padrão do material da peça. Vários corpos podem ser selecionados de
uma vez para atribuir material ao mesmo tempo.

Onde encontrar  Menu de atalho: Clique com o botão direito do mouse em um corpo
na pasta Cut list na árvore de projetos do FeatureManager e clique
em Material, Editar material.

Dica Os corpos são representados com o ícone de corpos sólidos que


precedem o nome do corpo.

210
SOLIDWORKS 2016 Lição 5
Peças de chapa metálica multicorpos

6 Acesse corpos sólidos.


Expanda a pasta de item de lista de corte Rivet (Rebite) para acessar
os corpos sólidos.
7 Edite o material do corpo.
Use Ctrl ou Shift para selecionar os quatro
corpos de rebite.
Clique no botão direito do mouse e clique em
Material, Editar material. Selecione Aço
carbono simples.
Clique em Aplicar e em Fechar.
8 Opcional: Visualize as propriedades da lista
de corte.
Acesse as propriedades do item da lista de corte para verificar se a
propriedade Material dos Rebites foi atualizada.

9 Salve e feche todos os arquivos.

Uma nota sobre Todas as técnicas de modelagem de chapa metálica podem ser
montagens combinadas com modelagem de montagens no contexto para se obter
algumas das funções iguais apresentadas nesta lição. Em geral, é
simplesmente uma decisão de acordo com os padrões de engenharia do
projetista ou de uma empresa que determina se um projeto deve ser
criado como uma peça multicorpos ou no contexto de uma montagem.
Para obter mais informações sobre o projeto de montagem no contexto,
consulte o curso Modelagem de montagens do SOLIDWORKS.

211
Exercício 19 SOLIDWORKS 2016
Toolbox

Exercício 19: Crie o toolbox mostrado como uma peça multicorpos e use uma
Toolbox montagem para verificar se há interferências. Crie vistas de desenho de
padrão plano de cada corpo e exporte os padrões planos para o DXF.

Este laboratório reforça as seguintes habilidades:


 Conversão com multicorpos na página 197
 Corpos com interferência na página 206
 Vistas de desenho de padrão plano para multicorpos na página 191
 Anotações de balões da lista de corte na página 193
 Exportação para DXF/DWGs com multicorpos na página 195
Unidades: MMGS
Procedimento
1 Abra a peça Toolbox existente.
Toolbox.sldprt pode ser
encontrada na pasta
Lesson05\Exercises.
Esta peça contém um ressalto
extrudado que será convertido em
chapa metálica.

2 Converta em chapa metálica.


Clique em Converter em chapa metálica .
Clique em Usar tabela de calibres. Selecione SAMPLE TABLE -
STEEL, Calibre 18 e Raio de dobra de 1,270 mm.

212
SOLIDWORKS 2016 Exercício 19
Toolbox

Selecione a face inferior como a


Face fixa. Selecione as arestas
mostradas em rosa como as
Arestas de dobra.
Os padrões de campo são Abrir a
topo com uma Distância de
espaçamento de 1 mm.
Aplique o material à parte interna
do sólido.
Clique em Manter corpo. O corpo
extrudado será usado para um corpo secundário na peça.

Clique em OK .
3 Converta a alça do toolbox.
Clique em Converter em chapa metálica .
Desmarque Substituir parâmetros padrão. Este corpo usará os
mesmos parâmetros de chapa metálica do primeiro corpo.
Desmarque Manter corpo. O corpo
extrudado não será mais necessário
após este comando.
Selecione a face superior como a
Face fixa.
Inverta a espessura para aplicar o
material à parte externa.

Clique em OK .

4 Flange de aresta de alça do toolbox.


Adicione flanges de aresta de 90 graus às
arestas curtas do corpo da alça.
O Comprimento do flange é de 35 mm, e a
Posição do flange é Material externo .

Clique em OK .

213
Exercício 19 SOLIDWORKS 2016
Toolbox

5 Flange de aresta em ângulo. Paralelo à face


Adicione um segundo recurso de flange de
aresta a uma aresta longa do corpo da alça.
Para o Ângulo, ative a caixa de seleção de
face e selecione a face em ângulo do
toolbox conforme mostrado. O flange será
paralelo a essa face.
Edite o perfil do flange. Arraste as arestas
do perfil para modificar a largura do
flange. Adicione dimensões para deslocar
20 mm a partir de cada extremidade e
definir o comprimento do flange como
15 mm.
Volte ao PropertyManager de Flange de aresta. Altere a Posição do
flange para que seja Dobrar para fora .

Clique em OK .
6 Espelhe o flange de aresta.
Espelhe Edge-Flange2 sobre o Plano direito.
7 Quebre os cantos.
Quebre os cantos das quatro faces de flange de aresta com um chanfro
de 12 mm.
8 Bainhas.
Adicione bainhas à parte interna dos flanges em ângulo com Material
interno .

Use um tipo Fechado , 10 mm de comprimento.

214
SOLIDWORKS 2016 Exercício 19
Toolbox

9 Desloque o flange de aresta.


Os flanges de aresta do outro corpo serão
deslocados levemente para impedir a
ocorrência de interferência.
Clique em Flange de aresta e selecione a
aresta e a direção mostradas.
O Comprimento do flange é de 15 mm, Offset da
superfície
medido a partir do Ponto virtual
interno . A Posição do flange é Material externo .
Clique em Offset e escolha Offset da superfície. Escolha a face, como
mostrado, e defina a distância para 0,25 mm. Use a pré-visualização
para determinar a direção correta do offset e da Inverter direção ,
caso necessário.
Clique nas três arestas correspondentes adicionais do corpo.

Clique em OK .
10 Quebre os cantos.
Quebre os cantos das quatro faces de flange de aresta com um chanfro
de 12 mm.
11 Bainhas.
Adicione bainhas à parte interna dos seis flanges expostos do toolbox.

Posicione a bainha como Dobrar para fora .

Use um tipo Fechado , 10 mm de comprimento.

12 Salve a peça.

215
Exercício 19 SOLIDWORKS 2016
Toolbox

Verificar
Interferências
13 Verifique as interferências.
Clique em Criar montagem a partir da peça/montagem e selecione o
template Assembly_MM.
Clique em OK para adicionar Toolbox como um componente na
montagem.

Clique em Detecção de interferência na barra de ferramentas


Avaliar.
Clique em Incluir interferências de peça multicorpos e Tornar
transparentes as peças com interferência. Clique em Calcular.
Os resultados mostram duas interferências, cada uma onde as dobras do
corpo da alça sobrepõem o corpo principal.

Clique em OK .
14 Mova o corpo.
Retorne à janela da peça.
Clique em Inserir, Recursos, Mover/
Copiar .
Para Corpos a mover/copiar, selecione a alça
do toolbox.
Traslade o corpo 2 mm na direção Delta Y .

Clique em OK .
Dica O botão na parte inferior do PropertyManager de
Mover/Copiar corpo é usado para alternar entre
a adição de Restrições para definir uma
movimentação ou a especificação das
configurações de Transladar/girar.
15 Verifique as interferências.
Retorne à janela da montagem. Clique em Detecção de interferência
e Calcular para verificar se não há mais interferências na peça.
Feche a montagem sem salvar.

Criação do
desenho
16 Propriedades da lista de corte.
Expanda a pasta de lista de corte e acesse as propriedades da lista de
corte.
Altere as propriedades de Descrição para Corpo do toolbox e Alça
do toolbox conforme apropriado.

216
SOLIDWORKS 2016 Exercício 19
Toolbox

17 Crie o desenho a partir da peça.


Clique em Criar desenho a partir da peça no menu Arquivo ou
no menu flyout Novo documento .
Escolha o template C_Size_ANSI_MM.
18 Adicione uma vista de desenho isométrica.
Use a Paleta de vistas para colocar uma vista Isométrica na parte
superior direita da folha.
Altere o Estilo de exibição da vista para Sombreado com
arestas .
19 Adicione uma vista de padrão plano.
Clique em Vista do modelo na barra de ferramentas Layout de
vista.
Clique duas vezes no documento aberto Toolbox ou clique em
Avançar no PropertyManager.
Clique em Selecionar corpos...

Selecione a alça do toolbox e clique em OK .


No PropertyManager de vista de modelos, uma opção Padrão plano
agora aparece na caixa de grupo Orientação.
Marque Padrão plano.
Observe que uma nova configuração é agora adicionada e será
referenciada pela vista de desenho.
Coloque a vista no canto superior esquerdo da folha.
20 Repita.
Repita a etapa 19 para adicionar uma vista de padrão plano do outro
corpo. Coloque-a no canto inferior esquerdo da folha.
21 Altere a escala da
folha.
Clique com o botão
direito do mouse na
folha e clique em
Propriedades...
Altere a escala da
folha para 1:3.

217
Exercício 19 SOLIDWORKS 2016
Toolbox

22 Adicione uma tabela da lista de corte.


Adicione uma Lista de corte de soldagem e modifique-a para
incluir as informações mostradas.

Salve a tabela como um template. Nomeie-a SM Cut List-MB e salve


na Área de trabalho.
23 Adicione balões.
Clique em Balão na barra de ferramentas Anotações.
Adicione balões aos corpos na vista Isométrica.
Vincule um balão a cada vista de padrão plano.
24 Vincule balões à tabela.
Selecione uma das vistas de padrão plano.
Acesse a caixa de diálogo Propriedades da vista de desenho
selecionando o botão Mais propriedades... na parte inferior do
PropertyManager ou clicando com o botão direito na vista e clicando
em Propriedades... no menu de atalho.
Marque a opção Vincular texto do balão à tabela especificada.

Clique em OK.

218
SOLIDWORKS 2016 Exercício 19
Toolbox

25 Repita.
Repita a etapa 24 para vincular o balão da outra vista de padrão plano à
tabela de lista de corte.

26 Salve o desenho.

27 Faça alterações.
Selecione a vista Isométrica e clique em Abrir peça .
Nota A abertura a partir desta vista garante que a configuração Valor
predeterminado esteja ativa na janela de peças.
As dimensões de ambos os corpos estão vinculadas ao Ressalto
extrudado original na peça. Altere o tamanho do toolbox para 650 mm
de comprimento e a alça para 40 mm de largura e Reconstrua .

219
Exercício 19 SOLIDWORKS 2016
Toolbox

28 Revise o desenho.
Todas as vistas de desenho são atualizadas para refletir as novas
dimensões. Mova as vistas de desenho, se necessário, arrastando a
borda da vista.

29 Salve e feche o desenho.

Exportar padrões
planos
30 Exporte para DXF.
Na janela de peças, clique com o botão direito em uma face na peça e
clique em Exportar para DXF/DWG.
Aceite o nome padrão e salve o DXF na Área de trabalho.
31 Opções de saída.
Use o PropertyManager de Saída de DXF/DWG para selecionar
Chapa metálica.
Para Corpos a exportar, selecione uma face no segundo corpo na
peça.
Para Entidades a exportar, selecione Geometria e Linhas de dobra.
Para Opções de exportação, selecione Arquivos separados.

Clique em OK .
32 Visualize a saída.
Use a janela Limpeza de DXF/DWG para visualizar os arquivos
usando os botões Próximo layout e Layout anterior .

Clique em Salvar.

33 Salve e feche todos os arquivos.

220
SOLIDWORKS 2016 Exercício 20
Espelhamento e mesclagem de corpos

Exercício 20: Use Espelhar para criar o corpo do lado


Espelhamento e oposto na peça. Projete o corpo externo
mesclagem de criando recursos de Flange-base
separados e mesclando-os com um
corpos
Flange de aresta.
Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Aplicação de padrão para
multicorpos na página 202
 Utilização de flanges de aresta para mesclar corpos na página 205
 Corpos com interferência na página 206
 Ocultar/Exibir corpos na página 198
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra Espelhamento e mesclagem.
Abra a peça Mirroring and Merging
(Espelhamento e mesclagem) na
pasta Lesson05\Exercises.

2 Espelhe o corpo.
Clique em Espelhar . Ative a caixa de grupo Corpos a espelhar e
selecione o corpo existente.

Importante! Desmarque a opção Mesclar sólidos.

Use Plano1 como o Plano de espelho. Clique em OK .

Oculte Plano1.

221
Exercício 20 SOLIDWORKS 2016
Espelhamento e mesclagem de corpos

3 Corpos adicionais.
Crie esboços nos flanges frontal e
traseiro, como mostrado. Use esses
esboços para criar mais dois corpos de
chapa metálica com as configurações
predeterminadas.
Haverá quatro corpos.

4 Flange de aresta.
Adicione um flange de aresta que conecte
e mescle os corpos criados na etapa
anterior.
Use Material externo para a Posição do
flange.
Haverá três corpos.

5 Verifique as interferências.
Clique em Inserir, Recursos, Combinar .
Clique em Comum, selecione os dois
corpos conforme mostrado e clique em
OK .
Para Corpos a manter, selecione Todos
os corpos, OK.
O volume comum entre os corpos
representa interferência.

6 Desfazer.
Clique em Desfazer para remover o recurso Combine
(Combinar).

222
SOLIDWORKS 2016 Exercício 20
Espelhamento e mesclagem de corpos

7 Oculte corpo.
Selecione uma face do corpo de chapa metálica mesclado e clique em
Ocultar .
8 Quebre os cantos.
Use um recurso Fillet (Filete) ou Break Corner (Quebrar canto) para
quebrar as duas arestas de cada corpo que causam interferência com um
raio de 5 mm.
Isso exigirá dois recursos separados.
9 Ocultar/Exibir corpos.
Clique em Exibir, Ocultar/exibir corpos.
Remova o corpo da caixa de seleção Corpos ocultos. Clique em
OK .

10 Salve e feche todos os arquivos.

223
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

Exercício 21: Use o flange-base, o flange de aresta, a quebra


Trailer de chapa de canto e outros recursos para criar múltiplos
metálica corpos de chapa metálica.
Este laboratório usa as seguintes habilidades:
 Peças de chapa metálica multicorpos na
página 186
 Ocultar e exibir corpos na página 198
 Aplicação de padrão para multicorpos na página 202
 Corpos com interferência na página 206

Unidades: MMGS
Intenção do A intenção de projeto do modelo é a seguinte:
projeto 1. O material é aço calibre 10, a menos que observado de outra
forma.
2. Todas as dobras = R 3,81 mm, a menos que observado de outra
forma.
3. Todos os chanfros têm 10 mm.

Procedimento
1 Flange-base.
Abra uma nova peça usando o template Part_MM. Crie o esboço do
flange-base com as dimensões indicadas a seguir.

2 Flange-base.
Crie um flange-base extrudado de 1.100 mm, conforme mostrado.
Aplique a espessura, conforme mostrado.

224
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

Corpos de chapa O modelo de reboque consiste em múltiplos corpos de chapa metálica.


metálica Iniciando com o corpo inicial, Bed, crie os corpos restantes usando as
informações das páginas a seguir.
Canto Cama
esquerdo Gaveta

Suporte
para
gaveta
vertical
(E e D)

Rodas
Parede (fornecido)

Língua Canto
direito

Eixo
Suporte
para
língua

Suporte Suporte
para eixo para
gaveta
horizontal

Clevis Pin
(fornecido)

Reboque

225
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

3 Corpos.
Use as informações a seguir para criar os corpos restantes no modelo.

Wall (Parede) Crie o esboço de corpo Wall usando a


geometria existente, conforme mostrado.
Extrude o flange-base entre as faces
internas do corpo de Bed para criar o
flange-base.

Nota As arestas superiores têm o mesmo tamanho do corpo da Cama.


Para criar os flanges de aresta, use as configurações Comprimento do
flange = 25 mm e Material interno. Use Editar perfil de flange para
criar flanges menores que o tamanho total das arestas. Quebre os cantos
com um chanfro de 10 mm.

226
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

Suporte para eixo Crie o corpo do Suporte para eixo centralizado no corpo da Cama,
conforme mostrado.

227
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

Língua Crie o corpo da Língua por meio do corpo de Suporte para eixo,
conforme mostrado.

Crie um corte no corpo de Suporte


para eixo usando um offset de 1 mm,
conforme mostrado.

228
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

Suporte para Crie o corpo de Suporte para língua entre a Língua e a Cama,
língua conforme mostrado.

Crie os recursos de flange-base adicionais em contato com a Cama,


conforme mostrado. Espelhar pode ser usado para criar o segundo
corpo.

Crie flanges de aresta com Material interno para mesclar os flanges


base, conforme mostrado.

229
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

Suporte para Crie o corpo do Suporte para gaveta vertical na Cama, conforme
gaveta vertical mostrado.

Espelhe o corpo do Suporte para gaveta vertical para o lado oposto


da Cama, conforme mostrado.

230
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

Suporte para Crie o corpo do Suporte para


gaveta horizontal gaveta horizontal nos corpos
do Suporte para gaveta
vertical, conforme mostrado. O
perfil é um ângulo de perna igual
à largura do corpo do Suporte
para gaveta vertical adjacente
a ele.

Canto direito e Crie o corpo do Canto direito


Canto esquerdo usando Material externo e as
dimensões mostradas.
Espelhe o corpo do Canto
direito para criar o corpo do
Canto esquerdo.

231
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

Reboque Crie o corpo do Reboque novamente no corpo da Língua, conforme


mostrado.
O material deste corpo é aço calibre 8 com um Raio de dobra de
5,08 mm.

Adicione furos com 10 mm de diâmetro ao Reboque e à Língua,


conforme mostrado.

232
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

Gaveta Crie o corpo da Gaveta começando com um


corte por meio dos corpos da Cama e do
Suporte para gaveta vertical, conforme
mostrado.

Adicione o corpo da Gaveta usando um flange-base, guias e uma


quebra de canto. Quebre os cantos com um chanfro de 10 mm.

233
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

Eixo Crie o corpo do Eixo começando com um corte por meio do corpo da
Língua, conforme mostrado.

4 Itens fornecidos.
Adicione duas peças Wheel e uma peça Clevis Pin, conforme
mostrado, usando Inserir, Peça.

234
SOLIDWORKS 2016 Exercício 21
Trailer de chapa metálica

5 Interferências.
Verifique as interferências entre os corpos usando a opção Incluir
interferências de peça multicorpos no diálogo Detecção de
interferência.
Repare a geometria para remover as interferências encontradas.
6 Opcional: Vista explodida.
Crie uma vista explodida, conforme exibido. Será necessário explodir
várias etapas.
O comando Vista explodida pode ser acessado no menu Inserir.

7 Salve e feche todos os arquivos.

235
Exercício 21 SOLIDWORKS 2016
Trailer de chapa metálica

236
Lição 6
Ferramentas de conformação
e cantoneiras

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Usar as ferramentas de conformação para criar recursos, como
nervuras, louvers e lances.
 Criar ferramentas de conformação personalizadas ou modificar as
existentes.
 Criar uma tabela de perfuração.
 Criar cantoneiras de chapa metálica.
 Entender as opções associadas à exibição de ferramentas de
conformação e cantoneiras na superfície plana.

237
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Ferramentas de As ferramentas de conformação


conformação de criam recursos de chapa
chapa metálica metálica que seriam produzidos
com o uso de uma perfuração ou
estampa. O SOLIDWORKS
fornece inúmeras ferramentas
de amostra na Biblioteca de
projetos para uso com projetos
de chapa metálica. Esses
arquivos podem ser
modificados ou novos arquivos
da ferramenta de conformação
podem ser criados para atender
às suas necessidades.
Como elas A geometria de uma ferramenta Face de parada da
ferramenta de
trabalham de conformação representa o conformação
espaço negativo deixado por uma Face a ser removida
perfuração ou estampa. Uma face da ferramenta de
de parada é definida na conformação

ferramenta de conformação, que


corresponde à face de chapa
metálica onde a ferramenta é
aplicada. As faces da ferramenta
de formulário podem também ser
especificadas como faces a
remover. Essas áreas seriam deixadas abertas assim que a ferramenta
fosse aplicada.

238
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Tipos de Os arquivos fornecidos pelo


ferramentas de SOLIDWORKS na Biblioteca de
conformação projetos (*.sldprt) correspondem a
peças utilizadas para representar
ferramentas de conformação. Eles
precisam ficar localizados em uma
pasta marcada como pasta de
Ferramentas de conformação
para funcionar como essas
ferramentas. O diretório das
ferramentas de conformação padrão
é marcado por padrão.
Outro tipo de ferramenta de
conformação é identificado como
um arquivo Form Tool. Esse tipo de
arquivo é específico da ferramenta de conformação, sendo criado
adicionando um recurso de Ferramenta de conformação e salvando o
arquivo como sendo do tipo ferramenta de conformação (*.sldftp).
Esse tipo de arquivo de ferramenta de conformação não precisa ser
armazenado em um diretório marcado, como descrito acima para
arquivos de peças. O trabalho com ambos os tipos de ferramentas de
conformação será discutido nesta lição.
Ferramentas de As ferramentas de conformação padrão se referem ao conjunto de
conformação ferramentas de conformação incluídas no software SOLIDWORKS. As
padrão ferramentas de conformação padrão são arquivos de peças (*.sldprt)
especialmente projetadas para uso na criação de recursos de
conformação. Elas são destinadas para uso como outros recursos de
biblioteca: ser arrastadas e soltas em uma face de um modelo.
Entretanto, as ferramentas de conformação podem ser soltas apenas
sobre peças de chapa metálica.

239
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Além de estar localizadas em uma pasta da Biblioteca de projetos


marcada como uma pasta de ferramentas de conformação, as
ferramentas de conformação padrão utilizam recursos e aparências
específicos para identificar a face de parada e as faces a remover. Com
esse tipo de ferramenta de conformação, toda geometria que não
precisar estar incluída na ferramenta será removida, e um Esboço de
orientação será criado na face de parada. Faces a remover devem ser
especificadas com uma aparência vermelha (RGB 255, 0, 0).

Os avanços nas funções da ferramenta de conformação não dependem


mais da criação manual de tais recursos e aparências. Consulte
Ferramenta de conformação na página 250 para obter mais
informações.
A pasta de A pasta de ferramentas de conformação da biblioteca de projetos
ferramentas de contém cinco subpastas de ferramentas de conformação de amostra:
conformação relevos, flanges extrudados, lances, louvers e nervuras.

flanges
relevos lances louvers nervuras
extrudados

flange arre- louver


relevo dondado lance de 90
circular graus nervura
única

emboço flange
escareado retangular
lance
angulado

240
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

flanges
relevos lances louvers nervuras
extrudados

emboço
escareado2 lance em
arco

lance de
ponte
encrespado

emboço lance e
retangular form shovel
de
rascunho

furo lance e
extrudado form with
bend

lance e
form

241
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

1 Abra a peça existente.


Abra a peça existente Standard
Form Tools na pasta
Lesson06\Case Study.
Ferramentas de conformação padrão
serão usadas para adicionar louvers às
laterais dessa peça.
2 Acesse as ferramentas de
conformação padrão.
Clique na guia Biblioteca de
projetos no Painel de tarefas.
Expanda a pasta de ferramentas de conformação e selecione o
diretório louvers.
3 Arraste e solte.
Selecione o louver na área inferior do
Painel de tarefas.
Arraste e solte o louver na face do
modelo conforme mostrado.

242
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Configurações do Os recursos de ferramenta de conformação são


recurso de definidos de forma muito semelhante aos
ferramenta de recursos do Assistente de furação. Há guias
conformação separadas no PropertyManager para definir o
Tipo e a Posição da ferramenta.
A guia Tipo inclui as seguintes configurações:
 Ângulo de rotação
Use configurações para orientar a ferramenta
de conformação girando e virando.
 Configuração da ferramenta de
conformação
Selecione as configurações existentes da
ferramenta de conformação.
 Configuração desta peça
Selecione as configurações da peça de
destino que serão afetadas pelo recurso de
ferramenta de conformação.
 Vínculo para ferramenta de conformação
Permite que este recurso seja vinculado ao
arquivo da ferramenta de conformação
original para que, se ele mudar, esse recurso
de peça seja atualizado.
 Ferramenta Substituir
Oferece a capacidade de substituir esta
ferramenta de conformação por outra.
 ID de perfuração
Quando uma propriedade de ID de perfuração existir para a peça de
ferramenta de conformação, ele aparecerá aqui e será usado nas
tabelas de perfuração associadas. Para obter mais informações,
consulte Tabelas de perfuração e ID de perfuração na página 254.
 Visibilidade de padrão plano
Permite que as propriedades do documento sejam substituídas para
este recurso de ferramenta de conformação. Para obter mais
informações, consulte Recursos de ferramenta de conformação na
superfície plana na página 246.
A guia Posições ativa um esboço e usa pontos de esboço para definir
as posições do recurso.

243
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

4 Configurações do tipo de recurso de ferramenta de


conformação.
Use o PropertyManager de Recurso de ferramenta
de conformação para definir as seguintes
configurações de Tipo:
Clique em Ferramenta Inverter.
Ângulo de rotação = 270 graus
5 Configurações da posição do recurso de
ferramenta de conformação.
Selecione a guia Posição.

Observe o comando Ponto do esboço ficar ativo .


Use a geometria de construção e os pontos de esboço para criar o
esboço conforme mostrado. Um Padrão de esboço linear poderá
também ser usado.

Clique em OK .

244
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

6 Resultados.
Um recurso de ferramenta de
conformação de louver é
adicionado. Há 2 esboços
associado ao recurso: um esboço
de orientação e um esboço de
posição.

7 Espelhamento.
Espelhe o recurso de ferramenta de conformação de louver sobre
o Plano direito. Use a opção Padrão de geometria.
8 Planifique.
Clique em Planificar .

245
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Recursos de Os recursos de ferramenta de conformação não são processados da


ferramenta de mesma forma que os recursos de dobra. Eles não podem ser
conformação na "planificados", mas sua exibição no padrão plano pode ser controlada
pelas Propriedades do documento de peça.
superfície plana

Propriedades As propriedades do documento de peça contêm configurações que


do documento determinam algumas das configurações de padrão plano
de peça predeterminadas e controlam como os recursos de ferramenta de
conformação e cantoneiras aparecem no padrão plano. Elas podem ser
acessadas selecionando Opções , Propriedades do documento e
selecionando a categoria Chapa metálica à esquerda. Para mais
informações sobre recursos de cantoneira, consulte Cantoneira de
chapa metálica na página 256.
As Propriedades do documento são associadas ao documento atual.
Para padronizar as Propriedades do documento, modifique estas opções
e salve-as em um template de peça.

9 Saia da planificação.

10 Modifique as propriedades do documento de peça.


Clique em Opções , Propriedades do documento e selecione
Chapa metálica à esquerda.
Marque as opções Exibir perfis da ferramenta de conformação
quando planificado e Exibir centros da ferramenta de
conformação quando planificado e clique em OK.
11 Planifique.
Planifique a peça.
Os esboços agora aparecem, os quais podem ser usados para ajudar no
dimensionamento para os recursos da ferramenta de conformação na
vista de desenho de padrão plano.

246
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Nota Observe que os esboços aparecem somente para o recurso de louver


original. As ferramentas de conformação com padrão não têm esboços
associados a elas e, por esse motivo, não mostram essas informações no
padrão plano.
12 Saia da planificação.

13 Exporte para DXF.


As opções de saída na exportação para DXF permitem que as
ferramentas de conformação sejam excluídas da exportação.
Clique com o botão direito do mouse em uma face da peça e clique em
Exportar para DXF/DWG.
Aceite o local da pasta e o nome predeterminados e clique em Salvar.
Use o PropertyManager para selecionar Chapa metálica para
Exportação. Para Entidades a exportar, selecione Geometria. Deixe
a caixa de seleção Ferramentas de conformação desmarcada.

Clique em OK . Os
louvers não estão presentes
no DXF exportado.

14 Salve e feche.
Clique em Salvar para criar
o DXF. Salve e feche a
peça.

Ferramentas de As funções apresentadas anteriormente são as mesmas para todos os


conformação tipos de ferramenta de conformação; peças de ferramenta de
personalizadas conformação padrão, peças de ferramenta de conformação modificadas
ou tipos de arquivo de ferramenta de conformação. O tamanho e a
geometria resultantes de um recurso de ferramenta de conformação
coincidem com o arquivo de ferramenta de conformação usado para
criá-lo. Se as ferramentas de conformação padrão não incluírem um
tamanho ou forma necessário, as ferramentas de conformação
personalizadas poderão ser criadas com a modificação das ferramentas
existentes ou a criação de novas.

247
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Existem três tipos de ferramentas de conformação:


1. Arquivo de peça sem recurso de ferramenta de conformação
(*.sldprt)
2. Arquivo de peça com recurso de ferramenta de conformação
(*.sldprt)
3. Arquivo de ferramenta de conformação (*.sldftp)
Na criação de ferramentas de
Face de
conformação personalizadas, parada
recomenda-se aproveitar as
vantagens dos avanços nas funções
da ferramenta de conformação
usando um recurso de Ferramenta
de conformação para definir a Face(s) para
remover
face de parada, as faces e remover
e o ponto de inserção.
Salvar uma ferramenta personalizada como um tipo de arquivo de
ferramenta de conformação (*.sldftp) é também recomendado para
fornecer mais flexibilidade onde o arquivo está armazenado. Usar esse
tipo de arquivo elimina a necessidade de o arquivo ser armazenado em
uma pasta da Biblioteca de projetos marcada como uma pasta de
ferramentas de conformação (consulte página 239).

Importante! Os arquivos personalizados devem ser armazenados sempre fora dos


diretórios predeterminados do SOLIDWORKS para serem gerenciados
separadamente.

Neste próximo estudo de caso, um novo


arquivo de ferramenta de conformação será
criado e adicionará um buraco de fechadura
com recesso aos projetos de chapa metálica.
Esta seção também apresenta Linhas de
divisão, que são muito úteis na criação de
ferramentas de conformação.
Para um exemplo de modificação de uma
ferramenta de conformação padrão, consulte
Exercício 22: Ferramenta de conformação na
página 259.

248
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

1 Abra a peça FormFeat


existente.
FormFeat.sldprt pode ser
encontrada na pasta
Lesson06\Case Study.
A peça contém um ressalto,
recursos de filete e um esboço. A
área dentro do esboço será
deixada aberta no recurso de ferramenta de conformação resultante.
Para especificá-la como uma face a ser removida, ela deverá ser
selecionável como uma face separada.

Linha de Linhas de divisão usam uma ou mais curvas para dividir a face do
divisão modelo em duas. As linhas de divisão podem ser geradas em uma
aresta de silhueta de uma face, por meio do projeto de um esboço ou
curva em uma face ou na interseção de um plano ou superfície com
faces do modelo.

Onde encontrar  CommandManager: Recursos > Curvas > Linha de divisão


 Menu: Inserir, Curva, Linha de divisão

2 Linha de divisão.
Clique em Linha de divisão .
Clique em Projeção e Direção única. Use o
esboço para dividir a face superior.

Clique em OK .
Uma nova face é criada e pode agora ser
selecionada separadamente.

249
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Ferramenta O comando Ferramenta de conformação e é usado para criar um


de conformação recurso de ferramenta de conformação na biblioteca de peças,
identificando-o como uma ferramenta de conformação. É possível
identificar uma face de parada e, opcionalmente, faces a serem
removidas.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica >


Ferramenta de conformação
 Menu: Inserir, Chapa metálica, Ferramenta de conformação

3 Recurso Ferramenta de conformação.


Clique em Ferramenta de conformação .
Selecione a face plana como a Face de parada.
Selecione a face "buraco de fechadura" como
Faces a serem removidas.

4 Ponto de inserção.
Mude para a guia Ponto de inserção.
Atualmente, o ponto de inserção (ponto
azul) está no centro geométrico da face de
parada.

Adicione uma relação Coincidente à


origem para posicionar o ponto de
inserção no centro do diâmetro do buraco
de fechadura.

Clique em OK .

250
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

5 Resultados.
Um recurso de Ferramenta de conformação é adicionado, o qual
contém o Esboço de orientação necessário visto nas ferramentas de
conformação padrão.
Cores são aplicadas ao modelo para classificar a geometria:
 Ciano = geometria não incluída na ferramenta.
 Vermelho = faces a remover.
Sem um recurso de ferramenta de conformação, a geometria ciano
precisaria ser removida, e a aparência vermelha precisaria ter sido
aplicada às faces manualmente.

Nota O recurso Ferramenta de conformação define a cor da face a ser


removida como vermelho puro (RGB 255,0,0). Isso é imprescindível
para que a face seja removida. Não faça esta alteração manualmente.
6 Salve como tipo.
Clique em Arquivo, Salvar como e selecione o tipo de arquivo Form
Tool (*.sldftp) na lista. Denomine o arquivo como Keyhole e
coloque-o na Área de trabalho.
Feche a peça e não salve. Todas as informações necessárias já foram
salvas no arquivo de ferramenta de conformação Keyhole.
Nota Como alternativa, a ferramenta poderia ser salva como um arquivo de
peça do SOLIDWORKS. Mas, para usá-lo como uma ferramenta de
conformação, ele deve ser salvo/copiado/movido para uma pasta
marcada como uma Pasta de ferramentas de conformação. Consulte
Tipos de ferramentas de conformação na página 239 para obter mais
informações.

251
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

7 Abra a peça Cover_L6


existente.
Cover_L6.sldprt pode ser
encontrada na pasta
Lesson06\Case Study.

8 Adicione a ferramenta de conformação a partir do File Explorer.


Como o Keyhole é salvo como um tipo de ferramenta de conformação,
ele pode ser adicionado a um modelo de qualquer pasta, dentro ou fora
da Biblioteca de projetos.

Clique na guia File Explorer no Painel de tarefas.


Expanda a Área de trabalho para
acessar os arquivos localizados nela.
Arraste e solte o arquivo
Keyhole.SLDFTP na face direita do
modelo Tampa.

Nota Se desejado, diretórios personalizados podem ser criados e acessados


na Biblioteca de projetos. Clique em Adicionar local do arquivo
na parte superior do painel da Biblioteca de projetos e navegue até a
pasta desejada.

252
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

9 Configurações do recurso de ferramenta de conformação.


Gire 90 graus e verifique se Vincular à ferramenta de conformação
está selecionada.
Posicione o ponto de inserção conforme mostrado. Clique em OK .

10 Segundo Keyhole.
Aplique um segundo recurso de ferramenta de conformação Keyhole
ao lado esquerdo da Tampa. Gire 270 graus, Vínculo para
ferramenta de conformação e posicione conforme mostrado.

Nota Adicionar um segundo recurso em vez de adicionar padrão garantirá


que ambos os lados da peça contenham geometria de esboço de
posicionamento.

253
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

11 Planifique.
Planifique a peça para visualizar o padrão plano.

12 Saia da planificação.

Ferramentas de Para representar recursos de ferramenta de conformação em uma vista


conformação de desenho de padrão plano, os esboços central e de perfis podem ser
em desenhos mostrados e dimensionados, ou uma Tabela de perfuração pode ser
criada.
Tabelas de As tabelas de perfuração são como tabelas de furos para recursos de
perfuração e ID de ferramenta de conformação. As posições X e Y dos recursos da
perfuração ferramenta de conformação são dimensionados a partir de um local de
dados especificado, e chamadas são criadas automaticamente na vista
de desenho para identificar os itens de linha da tabela.
As ferramentas de conformação são identificadas na tabela por um ID
de perfuração. O ID de perfuração precisa ser criado na biblioteca de
peças de Ferramenta de conformação como uma propriedade de
arquivo específica de configuração.

13 Abra Keyhole.SLDFTP.
Abra a peça de ferramenta de conformação Keyhole na Área de
trabalho usando a caixa de diálogo Abrir .

254
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

14 Propriedades de arquivo.
Clique em Propriedades do arquivo .
Clique na guia Específico da configuração na caixa de diálogo.
Use o menu suspenso na célula Nome da propriedade para
selecionar ID de perfuração. A célula Valor/expressão em texto é
preenchida automaticamente com o nome do arquivo e o nome da
configuração. Isso poderá ser modificado se desejado.

Clique em OK para aceitar o ID de perfuração padrão.

15 Salve e feche.
Salve e feche a peça da ferramenta de conformação Keyhole.
Como os recursos de ferramenta de conformação estão vinculados à
peça, a propriedade de ID de perfuração será reconhecida.
16 Crie o desenho a partir da peça.
Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.

17 Vista de padrão plano.


Adicione uma vista de Padrão plano da Paleta de vistas.
Altere a Escala para ser 1:2.
18 Adicione uma tabela de perfuração.
Clique em Tabelas, Tabela de perfuração na barra de ferramentas
Anotações.
Para Origem, selecione a aresta de furo na parte central superior da
vista.
Para Arestas/Faces/Recursos, selecione toda a face do padrão plano.

Clique em OK e posicione a tabela no canto superior esquerdo.


Dica Se a propriedade de ID de perfuração não estiver visível na tabela,
edite um dos recursos Keyhole na peça para atualizar.
Mova as chamadas criadas na vista para fora dos recursos keyhole para
que fiquem mais visíveis.

255
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

Nota A fonte de chamadas na ilustração abaixo foi modificada para fins de


clareza.

19 Salve e feche todos os arquivos.

Cantoneira de A Cantoneira de chapa metálica é um recurso estampado usado para


chapa metálica reforçar as dobras de todos os tipos. Cantoneiras de chapa metálica
são aplicadas entre as faces de chapa metálica selecionadas que
compartilham uma dobra. A posição da Cantoneira de chapa
metálica é definida por um local ao longo de uma aresta selecionada.
Da mesma forma que as ferramentas de conformação, as cantoneiras
não são planificadas, mas sua aparência no padrão plano pode ser
controlada com o uso de opções.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica >


Cantoneira de chapa metálica
 Menu: Recursos, Chapa metálica,
Cantoneira de chapa metálica

1 Abra a peça Gusset existente.


Gusset.sldprt pode ser encontrada na pasta Lesson06\Case Study.

256
SOLIDWORKS 2016 Lição 6
Ferramentas de conformação e cantoneiras

2 Adicione a cantoneira.
Clique em Cantoneira de chapa metálica .
3 Posição.
Selecione as faces conforme mostrado em
verde.
Uma aresta linear e um ponto entre as duas
faces são selecionados automaticamente.
Se necessário, ative a caixa de seleção
Linha de referência (púrpura) e selecione
a aresta conforme mostrado.
Ative a caixa de seleção Ponto de
referência (rosa). Clique com o botão direito do mouse na aresta e
clique em Selecionar ponto médio.
Desmarque a opção Offset, se necessário.
4 Perfil e dimensões.
A caixa de grupo Perfil permite a modificação da
profundidade e da forma da cantoneira. Use as
seguintes configurações para Perfil:
Profundidade de recuo = 10 mm

Cantoneira arredondada .
Para Dimensões, defina conforme a seguir:
 Largura de recuo = 10 mm
 Espessura de recuo = 2,5 mm
 Inclinação da face lateral = 2 graus
 Filete de canto interno e externo = 1 mm

Clique em OK .
5 Repita.
Adicione uma cantoneira semelhante na outra
dobra.

257
Lição 6 SOLIDWORKS 2016
Ferramentas de conformação e cantoneiras

6 Planifique.
Clique em Planificar .

As Propriedades do documento de peça atualmente não estão


definidas para mostrar informações da cantoneira no padrão plano.
Consulte Propriedades do documento de peça na página 246 para obter
mais informações.
7 Saia da planificação.

8 Edite as propriedades do documento.


Clique em Opções , Propriedades do documento, Chapa
metálica.
Marque as opções Mostrar perfis de cantoneira de chapa metálica
quando planificado e Mostrar centros de cantoneira de chapa
metálica quando planificado e clique em OK.
9 Planifique.
Clique em Planificar .

Os perfis e os centros de cantoneira de chapa metálica podem ser


usados para dimensionar a posição das cantoneiras na vista de desenho
de padrão plano.
10 Saia da planificação.

11 Salve e feche todas as peças.

258
SOLIDWORKS 2016 Exercício 22
Ferramenta de conformação

Exercício 22: Modifique uma ferramenta de conformação padrão para criar um


Ferramenta de louver de tamanho personalizado. Use o louver personalizado para criar
conformação recursos de ferramenta de conformação na Tampa e crie uma tabela de
desenho e de perfuração.

Este laboratório usa as seguintes habilidades:


 Ferramentas de conformação personalizadas na página 247
 Ferramenta de conformação na página 250
 Tabelas de perfuração e ID de perfuração na página 254
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra o louver na Biblioteca de projetos.
Clique na guia Biblioteca de projetos no Painel de tarefas.
Expanda a pasta de ferramentas de conformação e selecione o
diretório louvers.
Clique duas vezes no louver no painel inferior para Abrir a peça.
2 Salvar como...
Salve o louver na Área de trabalho para impedir alterações na peça
de louver padrão.
3 Revise os recursos.
Use o Revisor de peças ou a Barra de reversão para revisar como a
peça foi construída.

259
Exercício 22 SOLIDWORKS 2016
Ferramenta de conformação

Um Esboço de layout é usado


para controlar o comprimento e a
largura do louver.
Boss-Extrude1 controla a
profundidade do louver.
Após a aplicação do filete, o
recurso base será removido.

O Esboço de orientação foi criado por


meio da conversão das arestas da face de
parada.
A face tem uma aparência vermelha
aplicada para identificar uma face a ser
removida.
4 Modificações necessárias.
O novo louver terá 100 mm de comprimento. A largura e a
profundidade permanecerão iguais.
O novo louver usará os avanços nas funções da ferramenta de
conformação. Um recurso de Ferramenta de conformação será usado
para automatizar o Esboço de orientação e as faces a serem
removidas. Ele também será salvo como um tipo de arquivo da
ferramenta de conformação.
5 Reverta.
Arraste a barra de reversão para posicioná-la
entre o Esboço de layout e Boss-Extrude1.
6 Edite os recursos.
Modifique a Extrusão-base para ter 120 mm
de comprimento. Modifique o Esboço de
layout para ter 100 mm de comprimento.

Reconstrua a peça, se necessário.


7 Reverter para o final.
Mova a barra de reversão para o final da
árvore do FeatureManager.

260
SOLIDWORKS 2016 Exercício 22
Ferramenta de conformação

8 Exclua o esboço.
Selecione o Esboço de orientação e exclua-o. Clique em Sim para
confirmar a exclusão.
9 Adicione o recurso de Ferramenta de conformação.
Clique em Ferramenta de conformação .
Clique nas faces apropriadas para Face de parada e Faces a remover.
Clique na guia Ponto de inserção. O ponto de inserção está localizado
no centro da face de parada por padrão. Isso é aceitável para esta peça.

Clique em OK .
10 Renomeie a configuração.
Como existe a possibilidade de queremos configurar essa peça no
futuro para criar tamanhos adicionais, renomearemos a configuração
para torná-la mais descritiva.
Clique na guia ConfigurationManager acima da árvore do
FeatureManager.
Altere o nome da configuração Predeterminada para 100 x 6 mm.
11 Adicione o ID de perfuração.
Como existe a possibilidade de queremos localizar essa ferramenta de
conformação com uma tabela de perfuração, adicionaremos uma
propriedade de ID de perfuração.

Clique em Propriedades do arquivo .


Clique na guia Específico da configuração na caixa de diálogo.
Use o menu suspenso na célula Nome da propriedade para
selecionar ID de perfuração. A célula Valor/expressão em texto é
preenchida automaticamente com o nome do arquivo e o nome da
configuração. Isso poderá ser modificado se desejado. Clique em OK.

12 Salve como tipo de arquivo de Ferramenta de conformação.


Clique em Arquivo, Salvar como e selecione o tipo de arquivo Form
Tool (*.sldftp) na lista. Denomine o arquivo como Custom Louver e
coloque-o na Área de trabalho.

261
Exercício 22 SOLIDWORKS 2016
Ferramenta de conformação

13 Feche a peça louver.


Feche a peça louver. Não é preciso salvar. Todas as informações
necessárias foram salvas na ferramenta de conformação de Louver
personalizado.
14 Abra Cover_Form Tools.
Abra a peça existente Cover_Form Tools na pasta Lesson06\
Exercises.
O recurso da ferramenta de conformação de Louver personalizado
será adicionado a esta peça.

15 Adicione o local da Biblioteca de projetos.


Para acessar a ferramenta de conformação pela Biblioteca de projetos,
adicione a Área de trabalho como um novo local de arquivo.

Clique na guia Biblioteca de projetos no Painel de tarefas.

Clique em Adicionar local do arquivo na parte superior do painel


da Biblioteca de projetos.
Para a pasta selecionada, escolha a Área
de trabalho. Clique em OK.
A Área de trabalho está agora listada
como uma pasta da biblioteca de
projetos.
16 Adicione o recurso de ferramenta de
conformação de Louver.
Arraste e solte o Louver
personalizado para a face superior do
modelo Tampa.

262
SOLIDWORKS 2016 Exercício 22
Ferramenta de conformação

Use as seguintes configurações para Tipo:


Clique em Ferramenta Inverter.
Ângulo de rotação = 270 graus
Vínculo para ferramenta de conformação = selecionado
17 Posição.
Mude para a guia Posição. Acrescente mais três instâncias e
dimensione como mostrado.

18 Acabamento.
Clique em OK para completar o recurso.

Salve a peça.
19 Crie o desenho a partir da peça.
Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.

263
Exercício 22 SOLIDWORKS 2016
Ferramenta de conformação

20 Vista de padrão plano.


Adicione uma vista de Padrão plano da Paleta de vistas.
Desmarque a opção Notas de dobra. Este desenho será usado para
locais de perfuração.
Altere a Escala para ser 1:3.
21 Adicione uma tabela de perfuração.
Clique em Tabelas, Tabela de perfuração na barra de ferramentas
Anotações.
Para Origem, selecione a aresta de furo na parte central superior da
vista.
Para Arestas/Faces/Recursos, selecione toda a face do padrão plano.

Clique em OK e posicione a tabela no canto superior esquerdo.


Mova as chamadas criadas na vista para fora dos recursos de
ferramenta de conformação para que fiquem mais visíveis.
22 Combine IDs de perfuração.
Acesse as Propriedades da tabela de punção selecionando a tabela no
canto superior esquerdo .
Marque a opção Combinar tipos iguais.

23 Salve e feche todos os arquivos.

264
SOLIDWORKS 2016 Exercício 23
Cantoneira de chapa metálica

Exercício 23: Adicione um recurso de Cantoneira de


Cantoneira de chapa metálica para concluir a peça
chapa metálica conforme mostrado.
Este laboratório usa as seguintes
habilidades:
 Cantoneira de chapa metálica na
página 256
Unidades: MMGS

Procedimento
1 Abra a peça SM_Gusset existente.
SM_Gusset.sldprt pode ser encontrada na pasta
Lesson06\Exercises.
2 Adicione a cantoneira.
Clique em Cantoneira de chapa metálica .
3 Posição.
Selecione as faces inferiores do suporte.
Uma aresta de dobra da primeira face
selecionada é usada como a Linha de
referência, e um ponto final é selecionado
automaticamente como o Ponto de
referência para posicionamento.
Ative a caixa de seleção Ponto de
referência (rosa). Clique com o botão
direito do mouse na aresta e clique em
Selecionar ponto médio.
Desmarque a opção Offset, se necessário.

4 Perfil.
A caixa de grupo Perfil permite a modificação da profundidade e da
forma da cantoneira.
Use as seguintes configurações de Perfil:
 Profundidade de recuo = 20 mm
 Cantoneira plana
 Filete de aresta = 2 mm

265
Exercício 23 SOLIDWORKS 2016
Cantoneira de chapa metálica

5 Dimensões.
Use as seguintes configurações para as
dimensões de cantoneira:
 Largura de recuo = 20 mm
 Espessura de recuo = 2 mm
 Inclinação da face lateral = 10 graus
 Filete de canto interno = 2 mm
 Filete de canto externo = 4 mm
6 Configurações adicionais.
Clique em Visualização completa.
Para Visibilidade de padrão plano, selecione
Substituir a configuração do documento,
Exibir perfil e Exibir centro.

Clique em OK .
7 Examine o padrão plano.
Planifique a peça para visualizar o padrão plano.

8 Saia da planificação.

9 Salve e feche todos os arquivos.

266
Lição 7
Funções adicionais de chapa
metálica

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Usar o recurso Cross Break (Quebra em cruz).
 Espelhar para criar uma nova peça de chapa metálica que possa ser
planificada.
 Usar configurações para mostrar etapas no processo de formação.
 Usar a ferramenta Costing para avaliar os projetos de chapa
metálica.

267
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

Funções Esta lição apresenta alguns recursos e funções específicos de chapa


adicionais de metálica adicionais. Incluindo:
chapa metálica  Quebras em cruz na página 268
 Espelhar peça na página 273
 Planos de processo na página 275
 Costing de chapa metálica na página 278

Quebras em Quebras em cruz podem ser usadas


cruz para adicionar uma representação
gráfica de uma quebra em cruz a uma
face plana retangular de uma peça de
chapa metálica. Isso cria um recurso
Cross Break1 com um esboço
absorvido.
A quebra transversal aparecerá em
todas as vistas do desenho.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Cross-Break


 Menu: Inserir, Chapa metálica, Cross Break

1 Abra Cross-Break.
Abra a peça Cross-Break
na pasta Lesson07\
Case Study.

2 Selecione a face.
Clique em Cross-Break
e selecione a face conforme
mostrado.

268
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

Configurações de As quebras em cruz são apenas representadas


quebra em cruz graficamente na peça e não alteram a geometria
da peça. As configurações de direção, raio e
ângulo são usadas para a nota de dobra que será
gerada em uma vista de padrão plano.
Por padrão, o perfil de quebra em cruz cruzará
diagonalmente de um canto ao outro da face
selecionada. O botão Editar quebra em cruz
pode ser usado para editar o esboço associado
para modificar a posição, se necessário.

3 Configurações de quebra em cruz.


Inverta a direção da quebra em cruz.
Altere o Raio para 1 mm e o Ângulo para 2 graus.

Clique em OK .
4 Examine o padrão plano.
Planifique a peça.

5 Saia da planificação.

6 Crie o desenho a partir da peça.


Clique em Criar desenho a partir da peça .
Escolha o template B_Size_ANSI_MM.

269
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

7 Vista de padrão plano.


Adicione uma vista de padrão plano de Paleta de vistas.

8 Modifique a nota de dobra.


Normalmente, as quebras em cruz são indicadas nos desenhos com uma
chamada simplificada.
Clique duas vezes na dobra não associada à quebra em cruz. Exclua os
vínculos de nota de dobra e digite CROSSBREAK. Clique fora do
campo de texto para concluir a edição e confirme a alteração.

9 Salve e feche o desenho.

270
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

Recursos de O comando Respiradouro é usado para criar recursos de respiradouro


Respiradouro comuns em peças de chapa metálica e plásticas. Os respiradouros
requerem um esboço que defina o limite externo, as nervuras e, de
modo alternativo, longarinas do respiradouro. Os contornos podem
também ser selecionados para serem preenchidos com material.

Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica > Respiradouro


 Menu: Inserir, Recurso de fixação, Respiradouro

10 Modifique a orientação da vista.


Na peça Cross Break (Quebra em cruz), modifique a orientação do
modelo para visualizar a face posterior.
Um Esboço de respiradouro foi criado na face posterior.

11 Mostre o esboço.
Selecione o Esboço de respiradouro na árvore de projetos do
FeatureManager e clique em Mostrar .
12 Adicione o respiradouro.
Clique em Respiradouro .
Para Limite, selecione o contorno externo do esboço de respiradouro.
A face do esboço é automaticamente selecionada como a face de
posicionamento do respiradouro.

271
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

13 Configurações de respiradouro.
Ative a caixa de seleção de Nervuras.
Selecione as linhas verticais e horizontais do
esboço.
Modifique a largura das nervuras para que
seja 2,5 mm.

Ative a caixa de seleção de Longarinas.


Selecione as linhas diagonais e os círculos
conforme mostrado.
Modifique a largura das longarinas para que
seja 1,5 mm.

Ative a caixa de seleção de Limites de


preenchimento. Selecione o círculo
interno.
Em Propriedades de geometria, adicione
um Raio do filete de 1 mm.
Nota Os recursos de respiradouro aplicado às
peças de chapa metálica têm algumas
configurações de respiradouro limitadas,
como inclinação e ajuste da espessura do
material e do offset das nervuras,
longarinas e geometria preenchida. Essas opções estão disponíveis
quando respiradouros são adicionados às peças padrão.

Clique em OK .

Oculte o Esboço de respiradouro.

14 Salve a peça.

272
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

Espelhar peça Nos exemplos anteriores, vimos como espelhar um corpo pode gerar
uma versão do lado oposto de um modelo em uma peça com vários
corpos. Como alternativa, Espelhar peça pode ser usado para criar um
novo documento de peça que é a imagem espelhada da peça de origem.
O comando Espelhar peça não se limita aos projetos de chapa
metálica, mas existem algumas opções exclusivas ao espelhar uma peça
de chapa metálica que permitem que ela seja planificada.
Para usar Espelhar peça, uma face espelhada ou um plano deve ser
pré-selecionado.

Onde encontrar  Menu: Pré-selecione um plano espelhado e clique em Inserir,


Espelhar peça...

15 Espelhe a peça.
Selecione o Plano frontal. Clique em Inserir,
Espelhar peça.
Em Transferir, clique em Corpos sólidos e
Informações de chapa metálica.
A transferência de informações de chapa metálica
na peça espelhada incluirá a chapa metálica e os
recursos de padrão plano necessários para a
planificação do modelo.
Propriedades desbloqueadas permitirão que os
parâmetros de chapa metálica sejam alterados
independentemente da peça de origem. Deixe esta
opção desmarcada.

Clique em OK .

273
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

16 Resultados.
Uma nova peça é criada, que é a versão do lado oposto do original e
pode ser planificada.
Os recursos específicos de chapa metálica deste corpo estão
bloqueados na árvore de projetos do FeatureManager e não podem ser
alterados. A referência externa (->) à peça original garante que as
alterações em Quebra em cruz serão atualizadas na nova peça.

17 Salvar .
Salve a peça como Cross-Break_Mirror.
18 Adicione o recurso Cross
Break (Quebra em cruz).
Os recursos gráficos, como a
quebra em cruz, não são
transferidos para a peça
espelhada.
Adicione um recurso Cross
Break (Quebra em cruz) à
face superior da peça espelhada.

19 Salve e feche todos os arquivos.

274
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

Planos de Os recursos de padrão plano incluem sub-recursos para cada dobra


processo sendo planificada na peça. Esses recursos "planificados" podem ser
suprimidos individualmente para mostrar o modelo em diferentes
estágios do processo de formação. Para o armazenamento desses
diferentes estágios para representação nas vistas de desenho, é possível
criar configurações.

1 Abra a peça existente ProcessPlan.


ProcessPlan.sldprt pode ser encontrado na pasta Lesson07\
Case Study.
2 Onde estão as dobras?
Expanda os recursos de chapa metálica para
encontrar as dobras. As dobras BaseBend1 e
BaseBend2 criadas no recurso Base-Flange
foram criadas a partir de cantos agudos do
perfil de recurso.
A dobra em Edge-Flange1, denominada
EdgeBend1, é uma dobra adicional inserida
pela ferramenta Flange de aresta.
SketchBend1 foi criada durante o
procedimento Dobra esboçada.
As dobras são vinculadas àquelas listadas no
recurso Flat-Pattern1: BaseBend1 está
vinculado a Flatten-<BaseBend1>1.

275
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

3 Faça uma nova configuração.


Adicione uma configuração,
nomeie-a FLAT e ative-a.

4 Planifique a peça.
Clique em Planificar
para planificar a peça. Esse
procedimento cancela a
supressão do recurso Flat-
Pattern1.
Esse estado será armazenado
na configuração FLAT.
Há agora duas configurações - FLAT e FOLDED - que podem ser
usadas para alternar entre os 2 estados do modelo.
5 Copie a configuração FLAT.
Faça três cópias da configuração FLAT. Nomeie-as:
 STEP1
 STEP2
 STEP3
6 Crie STEP1.
Faça de STEP1 a
configuração ativa. A peça
ainda deve estar em seu
estado planificado.

Suprima o recurso
Flatten-<BaseBend1>1.

Dica Considere dividir o painel do FeatureManager para visualizar o


FeatureManager e o ConfigurationManager ao mesmo tempo.
7 Crie STEP2.
Torne STEP2 a
configuração ativa.
Suprimir:
Flatten-<BaseBend1>1
Flatten-<BaseBend2>1

276
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

8 Crie STEP3.
Torne STEP3 a configuração ativa.
Suprimir:
Flatten-<BaseBend1>1
Flatten-<BaseBend2>1
Flatten-<EdgeBend1>1

9 Plano do processo.
Ative as configurações na ordem, de FLAT para FOLDED, para
visualizar o plano do processo.
10 Opcional: Criar vistas de desenho.
Crie um desenho a partir da peça usando o template
B_Size_ANSI_MM.
Adicione uma vista Isométrica à folha.
Copie e cole a vista quatro vezes na folha.
Modifique as propriedades de cada vista para fazer referência a uma
configuração diferente e mostrar as etapas do plano do processo.
A ilustração abaixo inclui notas para cada vista vinculada aos nomes de
configuração.

11 Salve e feche o desenho.

277
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

Costing de O Costing é uma ferramenta abrangente usada para determinar o custo de


chapa metálica uma peça usinada ou de chapa metálica. Templates são usados para avaliar
os custos de materiais e de fabricação. Os templates fornecidos podem ser
modificados para refletir os padrões da empresa e os dados de materiais.
As opções de custos de materiais são modificadas com o uso de uma
guia disponível no Painel de Tarefas. As configurações dos custos de
fabricação são modificadas no painel do FeatureManager.
O Costing é discutido em detalhes no manual das Ferramentas de
produtividade do SolidWorks. Aqui, ele será apresentado
resumidamente para avaliação da peça ProcessPlan.
Onde encontrar  CommandManager: Chapa metálica ou Avaliar > Costing
 Menu: Ferramentas, Costing
Nota O Costing só está disponível com as licenças SOLIDWORKS
Professional e Premium.

12 Costing.
Clique em Costing .
13 Configurações de material.
Para Material, selecione:
Classe: Aço
Nome: AISI 304
A espessura do material de
correspondência mais próxima do
template é selecionada automaticamente.
Um ícone de aviso indica que a espessura
do modelo não é uma correspondência
exata.
Role para baixo para acessar informações
relacionadas a Tamanho do blanque,
Quantidade e Acréscimo/Desconto.
Para Porcentagem de desperdício,
digite 2%.
14 Altere o material.
Modifique o material para que seja Aço
carbono simples.
O Custo estimado por peça será
atualizado conforme as alterações nas
configurações são aplicadas. Um preço de
Linha de base pode ser bloqueado para
comparação com o uso do ícone de
cadeado .

278
SOLIDWORKS 2016 Lição 7
Funções adicionais de chapa metálica

15 Configurações de fabricação.
Os custos de fabricação da peça são exibidos no painel esquerdo.
Clicar com o botão direito do mouse nas pastas desse painel permitirá
que operações adicionais sejam acrescentadas onde apropriado. Clicar
com o botão direito do mouse nos recursos de custo individual nas
pastas permitirá opções adicionais, incluindo substituição de custo.
Clique com o botão direito do mouse na pasta Configuração. Clique
em Selecionar custo de configuração, Pintura.

As operações personalizadas podem ser definidas usando o botão na


parte superior .
Faça qualquer modificação conforme desejado e feche a ferramenta
Costing no Painel de Tarefas.
16 Propriedade de item da lista de cortes de custo.
Quando uma peça de chapa metálica tiver sido avaliada com a
ferramenta Costing, o custo resultante será automaticamente vinculado
à propriedade de lista de cortes Cost-TotalCost.
Expanda a pasta Cut list para acessar o item da lista de cortes. Clique com
o botão direito do mouse nas propriedades de item da lista de cortes.
A propriedade Cost-TotalCost exibe o custo avaliado da peça.

17 Salve e feche todos os arquivos.

279
Lição 7 SOLIDWORKS 2016
Funções adicionais de chapa metálica

280
Apêndice A
Tabelas de chapa metálica

Após a conclusão bem-sucedida desta lição, você estará preparado


para:
 Entender as tabelas que são fornecidas com o software.
 Personalizar e criar suas próprias tabelas de dobra.

281
Apêndice A SOLIDWORKS 2016
Tabelas de chapa metálica

Tabelas Diversas amostras de tabelas são fornecidas com o aplicativo


SOLIDWORKS. Elas se encontram na pasta
install_dir\lang\<idioma>. É importante observar que essas tabelas são
somente amostras.
As tabelas fornecidas incluem tabelas de calibres e tabelas de dobra
para fator k, dedução de dobra e tolerância de dobra.
Para o projetista de chapa metálica ocasional usando materiais comuns
e calibres, as tabelas de amostra fornecidas irão gerar um resultado
aceitável. Entretanto, com refinamento e maior escopo de chapa
metálica, o projeto se torna uma necessidade para tabelas maiores, mais
completas e mais precisas. Existem diversas coisas que os usuários
precisam saber sobre a expansão e personalização de tabelas.
As tabelas de As tabelas fornecidas são listadas abaixo.
amostra
Na pasta Sheet Metal Gauge Tables:
Tabelas de calibres simples
 sample table - steel - english units.xls
 sample table - aluminum - metric units.xls
Tabela de calibres/Tabelas de dobras híbridas
 k-factor mm sample.xls
 k-factor inches sample.xls
 bend deduction mm sample.xls
 bend deduction inches sample.xls
 bend allowance mm sample.xls
 bend allowance inches sample.xls

Modelos e outras Na pasta Sheetmetal Bend Tables :


tabelas Modelos de tabelas de dobra (para usuários personalizarem suas
necessidades)
 base bend table.xls
 metric base bend table.xls
 kfactor base bend table.xls
 bend_calculation.xls
Tabelas de dobra preenchidas por alguns materiais de cobre e
latão (Com base em dados do Machinery Handbook - 26ª Edição, com
permissão da Industrial Press, Inc.)
 table1 - bend allowance.xls
 table2 - bend allowance.xls
 table3 - bend allowance.xls
 table4 - metric bend allowance.xls
 table1 - bend deduction.xls
 table2 - bend deduction.xls
 table3 - bend deduction.xls

282
SOLIDWORKS 2016 Apêndice A
Tabelas de chapa metálica

Personalizando As tabelas existentes, especialmente os modelos, podem ser


tabelas personalizados para indivíduos, empresas ou especificações do setor.
Existem algumas diretrizes básicas que devem ser seguidas em tabelas
personalizadas. Se você não seguir essas diretrizes, sua tabela pode ou
não funcionar. Se você seguir essas diretrizes, sua tabela irá funcionar.
 Os valores de calibre devem progredir em ordem ascendente de
espessura. Ou seja, cada seção de calibre sucessiva na tabela deve
conter dados de uma espessura que seja pelo menos tão espessa
quanto a seção anterior.
 Os valores de raio nas colunas devem ser alinhados, mesmo se o
valor do raio não for viável / possível para o calibre. Se a primeira
coluna do primeiro calibre for para um raio de dobra de 1,0 mm,
então CADA seção de calibre abaixo dele também deve ter 1,0 mm
na parte superior da primeira coluna.
 TODAS as colunas de dados devem ser totalmente preenchidas,
nada deixado em branco.
Dica: Use um valor fictício de 100 como um indicador a ser
ignorado.
 Como uma alternativa a este preenchimento total da tabela de
múltiplos calibres, você pode criar arquivos totalmente separados
para cada calibre, com apenas uma tabela cada.
Espessura
ascendente

Colunas
alinhadas
ao raio

283
Apêndice A SOLIDWORKS 2016
Tabelas de chapa metálica

Tabelas de razão Um erro comum é tentar usar uma tabela de Dedução de dobra ou
de fator K tolerância de dobra como uma tabela de fator K.
Uma tabela de fator K é criticamente diferente da tabela de combinação
de Tolerância de dobra/Dedução de dobra em que ela usa somente um
raio/razão de espessura, como visto nas tabelas de TD/DD. Use a tabela
de fator K exclusivo em vez disso. Elas não são administradas da
mesma forma e, portanto, não são intercambiáveis.

Importante! Algumas das tabelas de Tolerância de dobra/Dedução de dobra incluem


uma opção de fator K (em “Tipo de dobra”). Não use isso, você não
obterá o resultado correto.
Tabela de Tolerância de dobra/Dedução de dobra:

Tabela de Fator K:

284
Índice

A capacidade de fabricação 65 corte normal 40


aba 38 chapa metálica cortes
adição de linhas de dobra 102 cantoneira 256 através de dobras 110
alívio automático 14 características 8 corte normal 40
alívio de dobra cortes 40 em padrão plano 112
métodos manuais 141 Costing 278 vincular à espessura 40
oblongo 14 desvio 106 Costing 278
razão de offset 14 itens de árvore 10
retangular 14 métodos 8–9 D
ruptura 14 múltiplos corpos 186 desdobrar 110
alívio de ruptura 14 padrão plano 275–277 desenhos
alternar exibição plana parâmetros 20 múltiplos corpos 191
recurso de padrão plano planos de processo 275–277 padrão plano 78–80
alternar exibição plana 24 propriedades do documento de propriedades do documento 81
aparências 47 peça 246 tabelas 82
arquivos de treinamento 3 quebra em cruz 268–270 desvio 106
arquivos neutros 150 recurso de planificar dobras 156 face fixa 107
recurso de processar dobras 156 fixar comprimento projetado 107–
B recurso de rasgo 153–154 108
bainha 36–38 respiro 271 direção da fibra 63, 72
configurações de bainha 37 cilindros dividir 200
balões converter 161 dobrar 110
vincule à tabela 193 cones dobras
biblioteca de projetos converter 161 com loft 116–125
dobras com loft 125 configurações 275–277 esboçados 102
ferramentas de conformação 240 consulte o ponto final 118 suprimir e cancelar supressão 275–
recursos de chapa metálica 146 conversão de cones e cilindros 161 277
conversão de peças legadas em chapa dobras com loft 116–125
C metálica consulte o ponto final 118
cancelar supressão de dobras 275–277 práticas recomendadas 157 curvada 116
canto fechado 68–70 converter em chapa metálica formado 120
configurações de canto fechado 69 chapa metálica na biblioteca de projetos 125
canto soldado 159 converter 150, 165–172 opções de facetas 117
canto-aparar 65–67 configurações de converter em chapa dobras esboçadas 102
configurações de canto-aparar 66 metálica 167–169
cantoneira esboços de rasgos 171 E
cantoneira de chapa metálica 256 manter corpo 197 esboços de rasgos 171
cantos multicorpos 197 espelhar corpo 71, 142
canto fechado 68–70 cor 5 múltiplos corpos 202
canto soldado 159 corpo espelhar peça 273
canto-aparar 65 até a aresta e mesclar 205 espessura da chapa metálica 13
estado formado 68 atribuir material 210 múltiplos corpos 189
para manufatura 65 combinar 206 exportação do padrão plano 86
quebrar canto/aparar canto 74 detecção de interferência 206 exportando para DXF/DWG 86
rasgo 153–154 isolar 198 multicorpos 195
relevo de canto 73 ocultar e exibir 198
ocultar/exibir corpos 198

285
Índice SOLIDWORKS 2016

F mostrar fenda 62, 75 R


face fixa múltiplos corpos 186 razão de offset 14
desvio 107 até a aresta e mesclar 205 recurso de chapa metálica 10
dobra esboçada 103 atribuir material 210 múltiplos corpos 189
padrão plano 62 combinar 206 recurso de ferramenta de
faces a excluir 63 detecção de interferência 206 conformação 243
ferramenta de conformação dividir 200 recurso de padrão plano 10, 23
definição 250 ferramentas 187 configurações 62
ferramentas de conformação 238–256 flange de aresta 205 direção da fibra 63, 72
adicionar 243 histórico de recursos 190 face fixa 62, 72
biblioteca de projetos 240 ocultar e exibir 198 faces a excluir 63
em desenhos 254 padrões 202 faces mescladas 62
em padrão plano 246 mostrar fenda 62, 75
padrão 239 O planificar 24
personalizadas 247 ocultar e exibir 198 sair da planificação 24
tipos 239 ocultar/exibir 198 simplificar dobras 62
ferramentas de conformação ocultar/exibir corpos 198 tratamento de canto 63
personalizadas 247 original 26 recurso de rasgo 153–154
flange contínuo 34–36, 44 flange contínuo 34–36, 44 recursos
flange de aresta 26–33, 43 flange de aresta 26–33, 43 modelados, chapa metálica 238–256
aparar dobras laterais 29 flange-base 11–12, 43 planificar dobras 156
arestas curvas 33 varredura 112–115 processar-dobras 156
até a aresta e mesclar 205 rasgo 153–154
configurações do flange de P recursos de dobra 22
aresta 28–30 padrão plano relevo de canto 73
editar perfil de flange 31 alternar exibição plana 24 respiro 271
flange varrido 112–115 canto-aparar 65–67
opções de flange varrido 114 configurações 62 S
flange-base 11–12, 43 cortes 112 sair da planificação 24
aba 38 exportação 86 simplificar dobras 62
múltiplos corpos 187 ferramentas de conformação 246 suprimir dobras 275–277
flanges 43–44 planificar 24
produção 75 T
I projeto 102 tabelas 15
IGES 150 sair da planificação 24 amostra 19
arquivos de relatório 151 vistas de desenho 78–80 balões 193
importação de um arquivo 150 padrões calibre 16–17, 282
inserir dobras 154 corpos 202 curva 18–19, 282
método 150 dirigido por esboço 178 em desenhos 82
recursos associados 156 padrões dirigidos por esboço 178 lista de corte de soldagem 82
interferências painel de exibição 199 personalizadas 283
combinar 206 Parâmetros de chapa metálica. 13, 20 tabela de dobras de desenho 82
detecção de interferência 206 editar 21 tabela de perfuração 82
múltiplos corpos 189 tabelas de perfuração 254
L peça tabelas de amostra 19
linha de divisão 249 espelho 273 tabelas de calibres 16–17
lista de corte 75–77 planificar 24 tabelas de dobras 18–19
balões 193 planos de processo 275–277 tabelas de perfuração 254
ícones 209 propriedades do documento punchID 254
múltiplos corpos 190 desenhos 81 tolerância da dobra 14
propriedades 75–77, 190 peça 246 desvio da dobra 15
propriedades do documento de peça Fator K 15
M chapa metálica 246 trabalho com dados legados
manter corpo 197 punchID 254 IGES 150
mesclar faces 62 práticas recomendadas 157
método de flange 11 Q tratamento de canto
métodos quebra em cruz 268–270 configurações do padrão plano 63
chapa metálica 8–9 configurações de quebra em
cruz 269 V
quebrar canto/aparar canto 74 vincular à espessura 40

286