Você está na página 1de 4

ESCOLA POLITÉCNICA TREINASSE

TÉCNICO EM ELETROTECNICA TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL


ELETRICIDADE BASICA ATIVIDADE DE LABORATÓRIO
UNIDADE VI - CIRCUITO SÉRIE-PARALELO

VERIFICAR EXPERIMENTALMENTE O COMPORTAMENTO DE UM CIRCUITO SÉRIE-PARALELO

1) EQUIPAMENTOS E COMPONENTES
 Fonte de tensão contínua ajustável de 0 a 30 Volts
 Multímetro Digital 3 ½ dígitos
 Multímetro Analógico
 Protoboard
 Resistores: 100 Ω, 220 Ω, 330 Ω, 470 Ω, 680 Ω e 1KΩ (potência de no mínimo ¼ de Watt)

2) PROCEDIMENTO

a) Medição da resistência dos resistores

 Faça a leitura de cada resistor e anote no Quadro 01 o valor nomina e o valor medido.
Verifique se o erro está dentro da tolerância fornecida pelo fabricante.

QUADRO 01 – MEDIÇÃO DE RESISTÊNCIA DOS RESISTORES


Dentro da
Valor Nominal Valor medido Tolerância nominal
tolerância?
100 Ω
220 Ω
330 Ω
470 Ω
680 Ω
1KΩ

b) Montagem e medições

 Associar os resistores como mostrado na figura 01

Figura 01 – Circuito Série- Paralelo

Página 1 de 4
ESCOLA POLITÉCNICA TREINASSE
TÉCNICO EM ELETROTECNICA TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL
ELETRICIDADE BASICA ATIVIDADE DE LABORATÓRIO
UNIDADE VI - CIRCUITO SÉRIE-PARALELO

 Para o circuito da figura 01 realize as atividades descritas a seguir:

 Calcule o valor da resistência equivalente entre os pontos A e B, anote o resultado


no Quadro 02.
 Meça o valor da resistência equivalente entre os pontos A e B, anote o resultado
no Quadro 02
 Caso tenha diferença entre o valor medido e o calculado anote no quadro 02.

QUADRO 02 – VALORES DO RESISTOR EQUIVALENTE DO CIRCUITO


Valor calculado Valor medido Diferença

 Conecte a fonte de alimentação DESENERGIZADA (desligada) ao circuito, conforme


indicado no circuito da figura 02

D C
NÃO ENERGIZE O CIRCUITO
SEM A AUTORIZAÇÃO DO
PROFESSOR.

ENERGIZE O CIRCUITO COM A


AUTORIZAÇÃO DO
PROFESSOR.
Figura 02 – Circuito Série-Paralelo

 Para o circuito da figura 02 realize as atividades descritas a seguir:

 Calcule a Corrente nos resistores R1, R2, R3, R4, R5 e R6 anotando os valores obtidos
no quadro 03.
 Utilizando os conceitos da LEI DAS CORRENTES DA KIRCHHOFF calcule a Corrente
Total (IT) e anote o valor no Quadro 03.

Página 2 de 4
ESCOLA POLITÉCNICA TREINASSE
TÉCNICO EM ELETROTECNICA TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL
ELETRICIDADE BASICA ATIVIDADE DE LABORATÓRIO
UNIDADE VI - CIRCUITO SÉRIE-PARALELO

QUADRO 03 – VALORES DAS CORRENTES NO CIRCUITO


IR1 IR2 IR3 IR4 IR5 IR6 IT
CALCULADO
MEDIDO

 Utilizando os conceitos da PRIMEIRA LEI DE OHM, LEI DAS CORRENTES DA


KIRCHHOFF e a LEI DAS TENSÕES DE KIRCHOFF e calcule as Tensões nos resistores
que compõem o circuito anotando os valores obtidos no Quadro 03.

QUADRO 04 – VALORES DAS TENSÕES NO CIRCUITO


VR1 VR2 VR3 VR4 VR5 VR6 VFONTE
CALCULADO
MEDIDO

 Ajuste a Tensão de saída em 10 Volts.


 Meça as Correntes nos resistores R1, R2, R3, R4 e a IT, anote os valores obtidos no
quadro 03.
 Meça e as Tensões em cada resistor e anote os valores obtidos no quadro 04.

c) Analise de funcionamento do circuito

 A soma das Correntes que chegam ao ponto “C” do circuito da figura 10 obedece a Lei
das Correntes de Kirchhoff? Descreva o enunciado desta Lei.

 Se retirarmos o resistor R4 do circuito da figura 10 a Tensão desenvolvida nos resistores


restantes sofrerá alguma alteração? Justifique.

Página 3 de 4
ESCOLA POLITÉCNICA TREINASSE
TÉCNICO EM ELETROTECNICA TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL
ELETRICIDADE BASICA ATIVIDADE DE LABORATÓRIO
UNIDADE VI - CIRCUITO SÉRIE-PARALELO

 Ocorreu alguma diferença entre os valores medidos e calculados nesta atividade? Caso
tenha ocorrido justifique.

Página 4 de 4

Você também pode gostar