Você está na página 1de 17

RELATÓRIOS

MATHEUS HENRIQUE GOMES MAIA

BELÉM-PA
JUNHO - 2019
MATHEUS HENRIQUE GOMES MAIA

RELATÓRIOS

Trabalho apresentado à Professora Isabel do


Curso Assistente Administrativo 2019
Turno da Tarde

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI


Belém/Pa - 23 de junho de 2019
SUMÁRIO

1- Jobs (Filme) p.4

2- A influência Oculta do “Relacionamento com o Cliente” sobre as suas


vendas. p.6

3-Marketing de Experiência (sensorial) p.8

4- Palestra Máster – Marketing Digital p.10

5- Anúncios no Facebook p.12

6- Inbound marketing p.14

7- Aplicativos de anúncio e mensagens instantâneas p.16


17/05/2019
1.Jobs – Filme

Vagava sem foco por sua universidade até que recebeu uma inspiração através de
uma experiência com LSD e decidiu aproveitar a diversa gama de conhecimentos
que oferecidos pela sua instituição, passou a frequentar assiduamente à aula de
várias matérias diferentes entre si. Apegou-se à arte e à filosofia, viajou pela India e
formou-se na área da informática e programação.
Ao trabalhar na área da produção de jogos demonstrou não ser nada promissor no
trabalho em equipe. Após ver-se sozinho diante de um grande desafio decidiu pedir
ajuda a um velho amigo, Steve Wozniak, assim conseguiu cumprir o serviço dentro
do prazo graças ao seu colega que fez a grande parte do trabalho. Era presente em
Jobs a falta de ética em querer ganhar em cima dos outros.
Wozniak desenvolveu um conceito de monitor em tempo real e Jobs, como possuía
visão futurista viu uma grande oportunidade de investimento, desenvolveu o conceito
junto de seu amigo e decidiram expor na Universidade de Stanford. Um investidor
interessou-se pelo produto, e pela primeira vez Jobs, graças ao seu gênio forte e
instintos afiados vendeu uma grande quantidade de suas placas inovadoras.
Ao perceber que havia futuro para seu empreendimento, passou a mesclar seu
espírito inovador ao seu produto. Além de estar envolvido na criação, trabalhou
arduamente para vender e popularizar sua empresa aplicando um Marketing
agressivo.
Jobs sempre negociava com muita confiança determinado em conseguir o que
queria e sonhando alto, porém sensato. Chamou a atenção de um grande investidor
e sua parceria permitiu-lhe desenvolver exponencialmente sua recém fundada
empresa, a “Apple”. Seus discursos eram sempre confiantes e inspiradores.
Mas lhe faltava ética, mentia para convencer seus investidores, recusava-se a
assumir o filho de sua namorada, explorava seus funcionários e não dava créditos a
ninguém mais além de si mesmo.
Sua ousadia extrema e ideias arriscadas chamaram a atenção de seus investidores,
seu perfeccionismo não foi visto com bons olhos pois atrasava o lançamento dos
produtos, Jobs também era demais exigente e considerado extravagante, os
acionistas então se esforçaram para tirá-lo do projeto que estava trabalhando a fim
viabilizá-lo de forma mais simples. Jobs não teve escolha, após um tempo de
reflexão torna-se um tanto mais humilde e decide assumir um novo projeto, o
“Macintosh”.
Por ser forçado a sair da chefia da equipe de Marketing decidiu colocar alguém em
seu lugar, chamou o ex-marketing da Pepsi-cola para tomar seu posto, um dos
melhores empreendedores da época. Alguns imprevistos prejudicaram o lançamento
do seu produto, como o aumento sem aviso do valor do Macintosh pelos acionistas e
o plágio do seu projeto por Bill Gates. Paralelamente a isto um grande amigo seu
abandona a empresa devido ao temperamento explosivo de Steve.
Jobs foi culpado pelo fracasso do Macintosh, e aliado à sua instabilidade seus
acionistas e o Marketer novo encontraram motivos suficientes para retira-lo da
liderança da empresa desejando transformá-lo apenas em uma imagem, sem poder
ou equipe.
Steve sai da Apple e abre uma nova empresa, a “Next”. Após isto a Apple entra em
crise, sofre enormes quedas e muda de liderança varias vezes, após isto seus
acionistas decidem pedir para Jobs retornar à empresa. Lentamente Steve retorna à
Apple e decide torná-la novamente uma empresa com boa imagem, retorna ao seu
cargo de CEO, trazendo suas inovações e devolvendo personalidade à Apple. Uma
de suas inovações é demitir todo o conselho vigente de quando chegou pois o
quadro era impeditivo para o desenvolvimento da Apple.
Steve Jobs representa uma ideia, não é somente um CEO, possuía visão inovadora
refletida por frases como: “todo equipamento deve ser uma extensão natural das
pessoas”. Possuía uma extravagancia e um espirito rebelde e genial sempre em
busca de inovação, mudança do vigente, pois como ele dizia “tudo o que existe foi
criado por alguém não mais inteligente que você”. Sob sua direção a Apple retornou
ao seu patamar e em 2012 foi a empresa mais valiosa do mundo.
Muitas posturas são demonstradas na pessoa de Steve Jobs, empreendedor,
negociador, lider, todas as qualidades necessárias para um grande empresário,
porém possuía enormes deficiências em suas relações familiares e pessoais com
amigos e funcionários, dificilmente valorizava o esforço alheio ou considerava as
limitações e sentimentos do próximo. Felizmente sua inteligência não tardou em lhe
mostrar que sua verdadeira eficácia como Homem estaria na excelência em ambos
os aspectos de sua vida.
23/05/2015 – 14h:30min ás 15h:30min
2.A influência Oculta do “Relacionamento com o Cliente” sobre as suas
vendas.
Palestrante: Péricles Carvalho, Analista de Relacionamento SEBRAE

O relacionamento com o Cliente é a atividade mais importante de toda instituição,


pois é em torno dele que gira o seu resultado. De todos clientes o mais fácil de se
trabalhar é aquele que já foi mais de uma vez na
loja/empresa/escritório/estabelecimento, etc. Isto porque ele já está ao seu alcance
devendo apenas ser estimulado a consumir ao longo do processo de venda. Isto não
quer dizer que não deve-se investir recursos para atrair mais clientes, e sim ressaltar
que valorizar os clientes atuais pode aumentar os lucros do empresário em um
primeiro momento e garantir que os antigos clientes não deixem de sê-lo
neutralizando a busca por novos, pois não adianta atrair um cliente novo e perder
dois.
Em um segundo momento: “O cliente satisfeito é o seu MELHOR MARKETING”.
Pois um cliente insatisfeito, nos dias atuais, rapidamente propaga sua insatisfação
com 50, 100 pessoas através das redes sociais, o mesmo ocorre com um cliente
extremamente satisfeito.
Portanto o investimento maior dos esforços e recursos de um empreendedor deve
ser em trabalhar com os clientes atuais, mudando o paradigma de “quantidade de
clientes” para “clientes satisfeitos”. Até porque os recursos investidos em
propagandas e marketing é consideravelmente maior que os recursos necessários
investir para fidelizar um cliente que já conhece sua marca, muitas vezes um simples
“Parabéns” no dia do seu aniversário é suficiente para cativá-lo.
O Empreendedor deve adotar uma lógica focada na satisfação do freguês, para isto
ele deve ter em mente que o relacionamento com o cliente envolve um tipo de
amizade, uma proximidade, conhecê-lo, chamá-lo pelo nome, saber quantos filhos
ele tem, sua disponibilidade de horário, deve possuir informações a seu respeito e
finalmente, saber quanto e quando ele pode comprar.
Para tanto o vendedor deve possuir uma agenda de clientes detalhada, incluindo
rede social, assim pode acompanhar e saber do que ele gosta e do que ele não
gosta, a fim de atender suas carências e evitar qualquer atitude que o afaste, por
exemplo: “quando telefona à um cliente que não gosta de receber ligações ou
oferece serviços em momentos de sensibilidade emocional”.
O atendente deve então, concentrar-se em manter um bom relacionamento e
atender às necessidades do seu cliente. Uma pesquisa feita pelo Sebrae em 2018
demonstra que 86% dos consumidores pagariam e pagam mais por uma melhor
experiência como cliente. O empreendedor, portanto, não vende somente o produto,
mas toda a experiência que o cliente passa, pequenos confortos, diversões,
cortesias, surpresas, diferenciais oferecidos pela instituição ou serviços únicos.
Uma empresa que pretende investir em “experiência do consumidor” deverá ter
como prioridade:

● 58% - Pessoas
● 30% - Processos
● 12% - Tecnologia
O investimento maior deve ser em Pessoas, pois é aqui que ocorre a pessoalidade,
a cativação do consumidor ao criar vínculos ao seu redor, laços com os prestadores
de serviço e a marca. Quando a experiência do cliente é positiva, ele esquece o
primeiro “P”, o preço, e só olha a qualidade.
O sucesso do consumidor, é quando ele alcança o resultado desejado através das
interações com a sua empresa, para isto deve-se centralizar a estratégia corporativa
no cliente e suas necessidades e não apenas oferecer um bom produtos mas uma
boa experiência de compra, desde a sua fase de sensibilização até o pós-venda,
neste ponto deve ser oferecido um diferencial.
O foco deve ser na qualidade de atendimento, na construção de relacionamentos de
longo prazo, em tratar o cliente como se fosse único. Para isto é importante evitar
sistemas automatizados, apessoais.
Sabendo disso p empreendedor comprometido com o crescimento de sua empresa
deve ter consciência que o feedback do cliente é o seu melhor indicador de
qualidade, deve sempre estar atento às demandas do cliente e resolvê-las em tempo
hábil. Como medidor de qualidade o empreendedor possui algumas ferramentas de
baixíssimo custo que podem ser implementadas, por exemplo: “caixinha de
sugestões, número whatsapp para receber feedback, políticas de valorização dos
“melhores atendentes”, etc”.
Invistir na reputação dos seus serviços, tratar o cliente como um amigo, fazer ele
sair do seu estabelecimento com a sensação de ter sido realmente atendido são
passos essenciais.
Para garantir o padrão de qualidade é importante ser um exímio praticamente da
arte de dizer “não”, ou seja, saber dizer não se não for capaz ou houver dúvidas da
capacidade de oferecer serviço, não corra o risco de se comprometer com algo que
pode gerar insatisfação por parte do consumidor, não aceite prazos que não podem
ser cumpridos.
Coloque o cliente no centro da estratégia, faça ele sentir o DNA da empresa, sua
identidade, pois este é o diferencial que um empreendedor pode oferecer. As
grandes marcas se destacam por sua identidade marcante expressa por alguns
slogans que se tornam famosos:
Maganize Luiza – “Gente que gosta de gente”
Apple - “ Farei tudo que estiver ao meu alcance. Quero ajudar a resolver o seu
problema”
Reserva - “Nosso processo seletivo tem como objetivo encontrar pessoas legais e
de bom coração”

Portanto:
As pessoas importam →Os momentos importam→As experiências importam→A
evolução importa
23/05/2019 – 16h às17h
3. Marketing de Experiência (sensorial)
Palestrante: Cyani Quintella

O Marketing de experiência é focado no comportamento humano. Estudos foram


realizados para compreender a influência de diversos estímulos aos sentidos
humanos e sua relação com o comportamento de compra. Para adentrar neste
assunto antes é preciso estar familiarizado com a “teoria do cérebro trino” de Paul
McLean, esta teoria nos diz que o cérebro humano é dividido em três partes ou
unidades funcionais distintas funcionando em harmonia, cada uma dessas unidades
representa um extrato evolutivo do Sistema Nervoso dos Vertebrados. São estas:
Neocortex – responsável pela elaboração do pensamento planejado, racional.
Límbico - responsável por controlar o comportamento emocional dos indivíduos.
Reptiliano - Conhecido como “cérebro instintivo”, tem como característica a garantia
da sobrevivência.

O Marketing de experiência portanto visa influenciar diferentes áreas do nosso


cérebro. Visa criar uma sensação através dos cinco sentidos desenvolvendo um
vínculo emocional com o consumidor, ou seja estimulando o cérebro límbico, pois o
consumidor do século 21 busca em divertimento, fantasia, sensações, qualquer nova
experiência que você possa oferecer e o cliente não esteja esperando durante o
processo de compra.
Os sentidos estão diretamente relacionados com a memória, as emoções e
sensações estabelecem uma forte relação física e psicológica entre os bens, os
serviços e os consumidores.

Estudos comprovam que 83% das informações que as pessoas retém se recebe
visualmente, a maioria das percepções começa com os olhos, portanto deve-se dar
atenção a todos os estímulos visuais que o empreendimento oferece, desde o seu
design, logotipo, as cores certas utilizadas para despertar sentimentos
determinados.
O olfato estimula o sistema límbico, onde se alojam as emoções, as memórias e o
aprendizado. A partir do momento em que a fragrância cruza as narinas, a memória
é ativada. Está diretamente ligado às lembranças, por isto que certos cheiros nos
fazem recordar momentos marcantes. O empreendedor deve escolher a fragrância
que melhor se adéque à emoção que se quer despertar no cliente. Por exemplo: o
cheiro de mato e floresta é agradável, dá conforto. O cheiro de lavada e baunila
acalmam.
O olfato é o sentido mais poderoso para criar associações e criar memórias. Aromas
agradáveis podem aumentar o tempo de permanência de um cliente em uma loja e
também o volume de compras. O aroma também pode ser usado para expressar a
identidade de uma marca e intensificar sua imagem.
O paladar e o olfato estão quimicamente ligados, integrados, mas é difícil utilizar
este sentido no marketing fora do ramo alimentício. O paladar também nos relembra
memórias antigas e inconscientes, também é o mais distinto dos sentidos pois
facilita a interação social. Uma experiência gustativa pode persuadir o consumidor a
permanecer mais tempo em uma loja o que conduz o aumento de consumo.
Por instinto o ser humano gosta de tocar nas coisas, é uma maneira de apreciar as
formas físicas. O tato é a maneira de se ter conexão com o mundo, seu órgão é a
pele, um dos principais incentivos para o consumidor comprar é pegar e tatear o
produto, conferir sua firmeza e senti-lo em suas mãos como se já fosse seu. Por isto
há algumas sensações tácteis que podem ajudar a seduzir um comprador, como a
maciez de um tecido, ou a temperatura de um eletrônico, a forma ou o design de um
utensílio doméstico, etc…
A música pode alegrar, apressar, entristecer as pessoas. Por isso o som ambiente
de uma loja ou seu jingle devem realçar uma identidade corporativa ou de sua
marca, pois o som é um poderoso incitador emocional e comportamental, deve ser
escolhido de maneira que gere associações reconhecíveis ao cliente. A música tem
um imediato impacto positivo no comportamento de compra e na atmosfera da loja
ao criar associações e evocar memórias, este elemento permite influenciar o estado
de espírito do consumidor ou seu comportamento de compra. Jingles, músicas ou
assinaturas sonoras são ferramentas para alcançar a diferenciação face a
concorrência. Por exemplo: sons ambiente com barulho de chuva, som de pássaros
ou vento trazem calma e tranquilidade.
Atingindo o sistema límbico do consumidor, facilitamos a compra por impulso,
também gerando notoriedade e diferenciação. Portanto:
Qual o som da minha marca ?
Qual a forma da minha marca ?
Qual a cor da minha marca ?
Qual o cheiro da minha marca ?
E qual é o seu gosto ?
23/05/2019 – 19h às 20h.
4.Palestra Master – Marketing Digital
Palestrante: Erik Penna

Algumas Idéias para impulssionar seu Negócio.

Tecnologia aplicada em novas soluções e melhorias na forma de oferecer o produto


ou na experiência do consumidor. A exemplo a empresa Zaitt de supermercados que
inovou ao criar estabelecimentos sem funcionários, onde a compra e a venda dos
produtos são realizador pelo próprio cliente utilizando o celular para escanear
códigos QR nos produtos para comprar através do seu cartão online.

Qual empresa deseja o mesmo cliente que você?

Busque saber qual empresa possui serviços diferentes do seu mas que possuem
clientes de mesmo perfil, não é um concorrente, mas digamos que você vende
suplementos alimentares, faça parcerias com academias e lojas de roupa de
ginástica, enquanto você recomenda a empresa deles e eles recomendam a sua.

Ferramentas online para negócio

É um serviço da Google que cadastra a sua empresa no “Google Maps” e na


ferramenta de busca do google para pessoas da sua região. Para colocar seu
negócio no mapa de outras cidades e estados além da sua, a ferramenta é o
“Google Adwords”.

Whatsapp para negócios é um aplicativo-variação do Whatsapp para o empresário e


empreendedor, possui ferramentas de diferencial como mensagens instantâneas e
etiquetas para melhor organizar sua lista de clientes.

No facebook existe a ferramenta “Impulsionar Publicações” que pode ser utilizada


para aumentar o alcance de visualização de uma determinada publicação de produto
ou serviço da sua loja.

Básico do Atendimento

Antes de vender é preciso atender com excelência, por isso o vendedor deve
conhecer o tripé do atendimento.
1. Olho no Olho – A primeira coisa que se faz quando um cliente entrar na loja é
olhar pessoa.
2. Sorriso no rosto – Transmite boas energias e cria no ambiente uma atmosfera
positiva
3. Saudação animada – Uma boa saudação é capaz de chamar a melhor parte de
uma pessoa para lhe saudar também.
4. Chame o cliente pelo nome – Isto estreita suas relações com ele, faz o cliente se
sentir valorizado. Mas é importante nunca errar o nome, portanto quando ele disser
o seu nome, confirme-o repetindo o nome para ele e aguarde confirmação, em
seguida faça uma associação com alguém que você conheça com este mesmo
nome, real ou fictício, para não esquecer e precisar perguntar novamente.
Tenha em mente também que o atendimento é saber como tratar o cliente e que
mesmo que ele não compre nada, o vendedor deve fazê-lo ir embora melhor do que
quando ele chegou à loja, a venda é somente consequência.

Taxa de conversão

Use a tecnologia para avaliar o atendimento dos funcionários ou o seu, monitore os


atendimentos desenvolvendo técnicas para isto e para estimular a melhora do
atendimento. Como por exemplo uma area de feedback de atendimento, uma
braçadeira de melhor vendedor aos funcionários e etc.

A força das experiências

Não venda somente o produto, venda toda a experiência de compra, oferecendo


confortos e boas sensações ao longo do percurso.

Diferenciação

Vise o Lucro, não o faturamento. Ofereça confortos ao seu cliente, não precisa
abaixar o valor do seu produto, você pode oferecer comodidades de compra ou
serviços de entrega na sua empresa, ou seja, conveniências.

Pós venda como diferencial

Não menospreze aquele cliente que já foi conquistado, pois conquistar é fácil, difícil
é manter a relação e fazer ele comprar sempre com você. Valorize o cliente que já é
seu, faça sempre ele se sentir valorizado, mais que os que ainda não compraram
nada.
24/05/2019 – 11h:30min às 13h:30min
5.Anúncios no Facebook

Um anúncio não é o mesmo que “impulsionar” uma publicação, é uma ferramenta


diferente disponível apenas para perfis empresariais no facebook, tudo isto para
evitar que sejam feitas transações comerciais através de perfis comuns, por sinal,
deve-se evitar utilizar perfis pessoais para negociações, o melhor é criar uma página
comercial própria do empreendimento.

Como criar um anúncio ?

Após construir no papel todas as características do seu anúncio utilizando as opções


que a ferramenta dispõe, vá no facebook e clique em “criar anúncios” e comece
selecionando o objetivo da campanha, este é o ponto chave que definirá seu funil de
vendas e o alcance da sua publicação.

A primeira opção de objetivo oferecida pela ferramenta é “reconhecimento”. Um


anúncio com objetivo de “reconhecimento” visa atrair mais pessoas para curtir a sua
página, construir uma base de potenciais clientes, gerar visibilidade para a sua
empresa, despertar a curiosidade do cliente em conhecer os seus serviços.
A segunda opção se chama “consideração”, quando o objetivo do anúncio é
oferecer maiores informações do seu produto ou serviço demonstrando já uma
diferenciação do seu produto em relação ao seu concorrente, constrói uma
reputação da empresa em função de seus melhores preços ou qualidades técnicas
oferecidas, como uma maior economia de energia de um equipamento elétrico ou
melhor design. Há algumas subdivisões de objetivos a se considerar nesta opção,
como:
-tráfego: aumentar o número de visitantes, levar a pessoas ao seu site com
informações do produto como consumo de energia ou confiabilidade da marca.
-envolvimento: oferece informações muito mais detalhadas do produto
-acessibilidade de aplicativo: quando o link oferecido pelo anúncio direciona a
pessoa que clica para o download de um aplicativo próprio do empreendimento.
-visualização de vídeos: quando possui gifs ou vídeos de demonstração do produto
vinculado ao anúncio.
-geração de cadastro: um dos mais utilizados, um anúncio que oferece maiores
informações sobre o produto após a realização de um rápido cadastro com e-mail ou
número de telefone. Esta opção é muito importante pois quando uma pessoa realiza
um cadastro é porque ela possui enorme interesse no produto ofertado, importante
também para formar um banco de dados de potenciais clientes e também pode ser
usado para realizar pesquisa de mercado, o nível de aprovação de uma ideia em
determinada região, etc…
-mensagens: direciona o cliente direto ao messenger ou whatsapp para conversar
com um vendedor para maiores informações.

A terceira opção de objetivo é a “conversão”, que leva a pessoa direto ao momento


de fechamento do negócio.

Em seguida, para publicar um anúncio no catálogo do facebook deve-se escolher o


publico alvo segundo as opções oferecidas: demograficamente; por faixa etária;
gênero; língua; interesses ou comportamento. Enquanto seleciona o público-alvo
deve observar o medidor de público que fornece em tempo real a abrangência do
público que está sendo escolhida, amarelo demonstra uma abrangência muito ampla
dificultando assertividade do nicho escolhido e vermelho uma abrangência muito
pequena.
Em seguida deve-se escolher o posicionamento do anúncio, em quais plataformas
aparecerá ? Twitter, youtube, messenger ?
Depois o orçamento do anúncio, quanto será investido nele com um mínimo de 1
dólar por dia com duração de 3 dias. O investimento define o alcance de usuários
que a publicação irá alcançar.
No orçamento há dois modos oferecidos:
-orçamento vitalício – onde se define previamente o quanto quer gastar no período
de campanha inteiro, sendo que o facebook ajuda a determinar a melhor hora e
momento do anúncio, manhã, tarde ou noite.
-orçamento diário – onde se define um investimento para cada dia da campanha,
mais utilizado para campanhas de curta duração.
Após isto basta salvar.

A ferramenta de anúncios do facebook foi recentemente implementada e ainda está


sendo aprimorada a fim de facilitar a vida dos empreendedores e dos clientes
usuários da plataforma.
24/05/2019 – 13h às 14h
6.Inbound Marketing

Inbound é a aplicação do relacionamento com o cliente na era digital e o marketing


envolvido.
Qualquer tipo de produto pode ser ofertado por meios digitais: produtos físicos,
serviços, consultoria, construção e etc… E há diversas vantagens nisto para o
empreendedor que decide expandir seu negócio aos domínios virtuais.
-baixo ou nem um valor de investimento necessário.
-possibilidade de trabalhar de qualquer lugar.
-maior alcance de cidades ou até países.
-maior possibilidade de crescimento com pouco dinheiro.

Para realizar o inbound é necessário o contato com as redes sociais que o seu
cliente utiliza: twitter, viber, instagran. Entenda quem são as pessoas que
acompanham ou tem potencial interesse na sua marca acompanhando as hashtags
do cliente. Crie ou siga uma hashtag popular entre aqueles que possuem o perfil de
consumidor do produto que você oferece.
Mas há alguns passos para melhor aplicar a técnica de inbound.
Primeiramente deve definir o seu nicho, a persona da sua empresa. Um nicho é um
grupo de pessoas com interesses e anseios em comum, e no caso o seu produto
deve encaixar-se como o anseio em comum destas pessoas, é importante definir o
seu nicho pois não adianta investir para alcançar um nicho qualquer que não lhe
traga retorno.
Antes de definir o seu nicho você deve perguntar-se:
-Tem público para esse nicho ?
-É lucrativo ? Tem potencial de ganhos ?
-Tem conhecimento e pode agregar diferencial para este nicho ?

Para montar uma persona ou nicho de sua empresa com maior definição, responda
às seguintes perguntas:
-Quais as caracteristicas do nicho ?
-Gênero ?
-Estado Civil ?
-Idade ?
-Renda ?
-Escolaridade ?
-Hobbies ?
-Valores ?
- O que seu produto procura solucionar ?
-Qual o benefício ?

Após a definição do seu nicho o empreendedor pode animá-lo se quiser, dando vida
a ele como Magalu do Magazines Luiza.

Em resumo a estratégia do inbound resume-se em definir bem o seu produtos,


definir o seu nicho, e definir o seu canal de venda online levando em consideração a
rede que seu publico mais frequenta.
Para suas publicações e sua “cara” virtual escolha sempre imagens adequadas e
responsivas utilizando um bom texto, simples e comunicativo, identificando sempre a
carência do consumidor.
24/05/2019 – 14h:30min às 16h:30min
7.Aplicativos de anúncio e mensagens instantâneas

Há três tipos de anúncio:


Público básico – Seleciona-se o público manualmente, segmentando-se em:
-localização – país, estado, área próxima.
-demográfico – faixa etária, gênero, idioma.
-interesses – música, cinema, esportes, jogos entre outros.
-comportamento – frequência de viagens, curtidas em determinadas páginas,
compras na internet.

Público Personalizado – Pessoas que já são conhecidas no facebook. Nesta


modalidade o facebook usa o seu banco de dados pessoal para encontrar pessoas
utilizando o e-mail e telefone e enviando um anúncio diretamente para a pessoa em
questão, normalmente estes dados são adquiridos através de cadastros obtidos em
sua página da web ou endereço físico.
Para esta modalidade o e-mail e/ou telefone devem ser os mesmos aos cadastrados
na conta do facebook do cliente.

Públicos semelhantes – Busca dentro do facebook por pessoas semelhantes aos


seus melhores clientes. Você introduz os dados de um ou mais determinados
clientes na plataforma e o facebook procura pessoas com mesmo comportamento e
perfil próximo a você.

No Brasil 85% dos usuários enviaram mensagens para negócios com frequência nos
últimos 3 meses. 76% dizem que trocar mensagens os faz sentir mais confiantes em
relação a marca. 66% esperam que a resposta seja mais rápida do que e-mail ou
telefone. (SEBRAE, 2018)
O cliente precisa de contato para ganhar confiança em fechar negócio com a loja ou
empresa, a primeira atitude do cliente após interessar-se pelo produto é buscar
informações sobre ele e se o seu ofertante é confiável, buscará contato para obter
mais informações. Por isso a empresa deve sempre responder seu cliente, seja na
página ou inbox. As pessoas buscam se conectar com a empresa através das
mensagens, um bom atendimento e a velocidade no atendimento dará a confiança
que elas precisam para a conversão.
-Para isto basta configurar a página da empresa no facebook e deixar disponível um
botão que se chama “Mandar mensagem”, isto dará ao cliente a oportunidade de se
conectar com você.
Você também tem a opção de configurar uma mensagem de boas vindas assim que
o cliente acessar a sua página. Como por exemplo: “seja bem vindo, alguma
dúvida ? Manda uma mensagem e a gente responde”. Uma mensagem deste tipo
oferece atenção e realiza um primeiro contato.

Caso não esteja no horário de expediente também é possível programar uma


mensagem de ausência, como por exemplo: “Seja bem vindo, infelizmente nosso
horário de atendimento é das 8h às 18h, deixe sua dúvida e responderemos assim
que possível”. Um mensagem deste gênero deixa claro ao cliente que ele não está
sendo ignorado e que há um horário de funcionamento mesmo no atendimento
virtual.
Também é possível programar uma mensagem de resposta automática para quando
o atendente estiver afk(away from keyboard – longe do teclado) mesmo durante o
horário de atendimento, como por exemplo:
“Olá, sou ______________ e logo lhe atenderei”
Estas mensagens garantem uma avaliação positiva na “velocidade de resposta” que
fica disponível para visualização aos visitantes da página.

É possível programar uma mensagem instantânea em resposta a palavras-chave na


mensagem recebida como por exemplo: “hora de funcionamento”, “quais sabores”,
“quais modelos”, etc.
Usas como banco de dados as perguntas mais frequentes.

Outra ferramenta de mensagens instantaneas disponível é o “Whatsapp Business”, é


um programa similar ao whatsapp porém voltado para o dono de negócios e
atendimento. Possui algumas ferramentas indisponíveis na plataforma comum
disponível ao público, como a possibilidade de colocar etiquetas personalizadas na
lista de clientes indicando por exemplo data de aniversário ou se ele é um bom ou
mal pagador.
Estes são alguns aplicativos e ferramentas de fácil acesso e disponibilizados ao
empreendedor para o uso cotidiano da oferta e organização dos seus serviços.