Você está na página 1de 34

Alfabetização

e Letramento
Projeto SuperAutor
Olá, esperamos que você aproveite esse material!

Sumário Introdução 3

Alfebetização e letramento: Conceitos iniciais 4

Conheça os métodos sintéticos e métodos analíticos 7

Como inserir a criança na alfetização de forma lúdica 10

Literacia familiar: o papel da família no processo de alfabetização 18

Qual é o papel da escola na qualificação dos professores da alfabetização? 22

Quais são as características de um processo de letramento eficaz? 29

Por que é importante avaliar a alfabetização? 31

Conclusão 33
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 3

Introdução

O processo de alfabetização e letramento é muito


importante para todo o desenvolvimento da criança
ao longo dos anos. Ajudar neste desenvolvimento e
promover formas de torná-lo ainda mais potente é a
razão da SuperAutor. Por isso, preparamos um
Almanacão de Alfabetização e letramento para
ajudar pais e educadores a melhorar o processo de
ensino-aprendizagem nesta etapa educacional.

Boa leitura!
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 4

Alfabetização e Letramento:
Conceitos iniciais

A alfabetização é o processo onde a criança aprende


a decodificar os elementos que compõem a escrita.
Esta decodificação passa pela memorização do
alfabeto, reconhecimento das letras e ligação entre
sílabas. Mas o que muitas pessoas não sabem é que
esta alfabetização por si só, não prepara o indivíduo
para o mundo letrado.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 5

O letramento é um pouco mais profundo do que a


alfabetização. Ele corresponde à interpretação e o
domínio da língua e, não apenas à decodificação
dela. Quando o aluno é capaz de entender um texto,
interpretar uma história, falar com clareza e se
expressar de forma eficaz por meio das palavras
empregadas por ele, torna-se então indivíduo
letrado.

Saiba as principais diferenças entre letramento e


alfabetização:

Qualidade de domínio sobre a leitura e escrita;

Frequência do uso da leitura e escrita no cotidiano;

Capacitação para lidar com as demandas sociais;

Capacidade de interpretação.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 6

Uma pessoa que sabe ler e escrever, é alfabetizada.


Já uma pessoa letrada sabe usar a leitura e a escrita
de acordo com as demandas sociais. O letramento
torna o indivíduo apto a organizar discursos,
interpretar e compreender textos e a refletir sobre
eles. Já a alfabetização deixa o indivíduo apto a
desenvolver os mais diversos métodos de
aprendizado da língua.

Existem 2 conjuntos de métodos de alfabetização


e letramento:

1 Os métodos sintéticos;

2 Métodos analíticos.
7

Conheça os
Métodos Sintéticos
e os Métodos
Analíticos
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 8

Os métodos sintéticos são aqueles que tem um foco


maior em analisar o sistema de linguístico a partir
da escrita. Eles partem da letra, passam pela sílaba
e, por último, exploram a sonoridade das palavras.
Já os métodos analíticos acreditam que a criança
percebe primeiro o contexto, para depois buscar
entender palavras, sílabas e sons. Ou seja, nestes
métodos, a criança deve compreender os
significados no contexto em que está inserida.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 9

No método sintético, podemos encontrar:

Método Alfabético: este é o método mais comum, onde a


criança aprende primeiro os nomes das letras do alfabeto
para, em um segundo momento, fazer as combinações
silábicas e montar as palavras;

Silábico: neste método a criança aprende as famílias de


sílabas antes de compreender as palavras;

Fônico: no método fônico, a criança aprende associando sons


e palavras. São ensinadas as vogais, depois as consoantes e,
então, sílabas e palavras.

Já nos métodos analíticos, pode-se explorar:

Palavração: este método é muito simples, pois ele explora


palavras comuns e busca fazer com que a criança reconheça o
som dessas palavras;

Sentenciação: a sentenciação, como o nome já diz, parte de


um aprendizado que se inicia por frases inteiras, explorando
a memorização;

Global: este método apresenta primeiro estruturas de textos


com começo, meio e fim. Ele também é conhecido como
método de historietas ou contos.
10

Como inserir
a criança na
alfabetização
de forma lúdica
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 11

A ludicidade é não só uma forma prazerosa de


ensinar e aprender, como é também uma forma de
ensinar alunos com dificuldades de aprendizado.
Nesses e em outros casos, diversificar os métodos
de ensino é uma ação muito eficaz. Não deixe de se
atualizar e estar sempre trazendo novidades e
atividades lúdicas para sua aula, isso é muito
importante para manter seus alunos engajados.

Por isso, separamos 3 formas práticas de inserir a


ludicidade na sua aula e engajar seus alunos no
processo de alfabetização e letramento!
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 12

1
Use trabalhos manuais
Os trabalhos manuais são muito usados na educação
infantil. Eles são uma forma lúdica de ajudar a
criança a se manter engajada e atenta na aula, sem
entrar na monotonia do dia a dia. Mas quando os
professores usam essas atividades não só para sair da
rotina, mas também para ensinar algo relevante aos
alunos, os trabalhos manuais são muito mais
otimizados e bem aproveitados.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 13

Além disso, os trabalhos manuais ajudam a criança


a desenvolver:
Concentração;
Disciplina;
Capacidade cognitiva;
Coordenação motora;
Imaginação;
Criatividade.

Você pode usar estas atividades lúdicas no processo


de alfabetização e letramento dos seus alunos de
diversas formas. Além disso, uma dica legal é fazer
recorte de palavras e letras de revistas e jornais e
montar diferentes palavras a partir destes recortes.
Dessa forma, nesta atividade, o aluno não só
trabalha seu raciocínio lógico, como tem diversas
experiências sensoriais a partir das texturas
diferentes de cada papel.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 14

2
Musicalidade
A música faz muito sucesso no meio infantil e as
crianças adoram ouvi-las e dançar com elas. Dessa
forma, é muito comum ver desenhos, filmes e jogos
infantis que contam com uma grande trilha sonora.
Isso não é atoa, pois a música desperta inúmeros
sentidos no cérebro humano, como por exemplo:
Marcação temporal;
Ritmo corporal;
Entonação de fala;
Noção espacial.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 15

Além disso, a música faz o tempo passar mais rápido,


ela envolve a criança e proporciona uma sensação de
prazer à quem escuta e torna tudo mais leve. Por isso,
envolva a musicalidade no processo de alfabetização
e letramento e transforme o aprendizado em algo
lúdico e prazeroso para a criança.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 16

3
Aposte em gamificação
A brincadeira é uma prática muito importante para
a educação como um todo. Ou seja, não se trata
apenas de deixar a criança livre sem nenhum
objetivo por trás disso e sim, de conduzir o
conhecimento e o aprendizado de uma forma
natural para ela. Por isso, quando os educadores
aproveitam as brincadeiras do dia a dia para ensinar
algum conteúdo, a criança fixa muito mais o que
acabou de aprender por meio deste instrumento.
Isso acontece porque ela acaba aprendendo de
forma lúdica, sem pressão e fora da monotonia.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 17

Você pode iniciar o processo de alfabetização e


letramento com brincadeiras com:
Jogo dos 7 erros;
Caça palavras;
Jogo da memória com letras;
Adivinhando a palavra.

Todas essas brincadeiras têm o objetivo de fazer a


criança treinar a leitura, reconhecer as letras e fazer
a junção delas para a formação de palavras.
18

Literacia familiar:
O papel da família
no processo de
alfabetização
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 19

Existem três pontos principais que devem estar


alinhados para que o incentivo ao letramento
seja um sucesso: a família, a escola e o aluno.
Quando estes estão em sintonia e trabalhando
conjuntamente, os resultados obtidos são muito
mais satisfatórios.

Para promover o incentivo ao letramento,


os pais devem:
Criar um ambiente estimulador;
Encorajar a autonomia;
Ser o maior exemplo;
Ler para a criança sempre.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 20

A literacia familiar envolve um conjunto de


práticas e experiências relacionadas com a
linguagem oral, a leitura e a escrita, vivenciadas
por intermédio dos pais ou responsáveis. Interagir,
conversar, ler em voz alta com os filhos e
estimulá-los a desenvolver a escuta, a fala, a leitura
e a escrita parece simples, mas para muitos pais
isso pode ser bastante complicado.

Isso porque é natural que a maioria deles veja a


escola como o único pilar responsável pelo
desenvolvimento dessas habilidades nas crianças.
Esta visão equivocada é muito enraizada na
sociedade e, por isso, educar os pais para que eles
se sintam capazes de promover a literacia familiar
é tão importante.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 21

Quais são as práticas de literacia familiar?


Interação verbal;
Leitura dialogada;
Narração de histórias;
Contatos com a escrita;
Atividades diversas;
Motivação.

O que os pais precisam ter em mente é que não


precisa ter muito estudo, materiais caros e nem
morar em uma casa toda equipada e espaçosa
para praticar a Literacia Familiar. É em momentos
especiais de afeto, carinho e diversão em família
que ela acontece.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 22

Qual é o papel da
escola na qualificação
dos professores da
alfabetização?
Para melhorar o processo de alfabetização da escola,
os professores precisam cumprir seu papel,
pesquisando novas técnicas e buscando formas de
inovar em sala de aula. Mas a escola, enquanto
instituição, tem um papel fundamental nisso, afinal,
o interesse na melhora da qualidade do ensino é e
deve ser de todos. Por isso, oferecer uma formação
continuada a professores e educadores é essencial.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 23

Além disso, a escola precisa planejar de forma


cuidadosa como será esta capacitação de equipe em
busca de melhorias na alfabetização dos alunos. Por
isso, tenha em mente que esta qualificação deve ser
periódica, não apenas uma temporada de cursos
oferecidos que nunca mais voltarão a acontecer.
Pense em formas de incluir essas ações de
qualificação dos profissionais da educação no seu
plano escolar, incluindo atividades em prol de
melhorias que possam acontecer semanalmente.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 24

Você pode realizar o treinamento de qualificação da


sua equipe em busca de uma alfabetização mais
efetiva na sua escola através de:
Oficinas;
Workshops;
Seminários;
Simpósios;
Congressos;
Cursos de formação continuada.

Pensando nisso, separamos 5 dicas para a escola


qualificar sua equipe em busca de um processo de
alfabetização eficiente!
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 25

1
Faça feedbacks periódicos sobre
o processo de alfabetização
O feedback é uma forma de avaliar e opinar sobre a
realização de uma tarefa ou atitude de outra pessoa.
Esta é uma prática bastante comum nas empresas,
pois ajuda a encorajar, criando confiança e visando a
solução de problemas. Assim, gestores e
colaboradores podem identificar pontos a melhorar
e, dessa forma, aprimorar suas habilidades. Mas o
feedback precisa ser realizado de forma correta, para
não se tornar um simples “puxão de orelha”.

O feedback deve:
Ser dado na hora, fresquinho;
Criticar ideias, não pessoas;
Buscar o desenvolvimento do outro.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 26

2
Estabeleça metas
e desafios para os
professores
Ter metas e desafios é muito importante para
qualquer equipe de trabalho. Isso motiva o
profissional a buscar melhorias e não ficar parado
no tempo. É essencial que essas metas sejam claras
e alcançáveis, de acordo com a realidade da escola,
principalmente no que diz respeito à alfabetização
dos alunos. Assim, será muito mais fácil nortear as
ações e a evolução dos professores neste processo
de qualificação.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 27

3
Promova atividades em
equipe que estimulem
a criatividade
É muito comum falar sobre o desenvolvimento da
criatividade na infância, mas esquecemos de falar
sobre a importância de exercitar esta habilidade na
vida adulta. Professores lidam constantemente com
desafios e situações diferentes, por isso, é
importante que eles saibam lidar de forma criativa
com cada uma dessas situações, promovendo uma
melhor experiência aos alunos no processo de
alfabetização.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 28

4
Crie um ambiente acolhedor
para a troca de experiências
Quando falamos em qualificação de equipe, devemos
considerar a qualidade do ambiente de trabalho, afinal,
um ambiente acolhedor possibilita uma maior interação
e troca de conhecimentos. Quando um profissional não se
sente a vontade para tirar dúvidas, trocar ideias e expressar
seus anseios e dificuldades, não tem treinamento que
solucione a questão. É preciso promover um ambiente
acolhedor antes de mais nada, para que todo o processo
de qualificação dos professores funcione efetivamente.

Um ambiente de trabalho acolhedor conta com:


Comunicação aberta e transparente;
Equilíbrio entre vida profissional e pessoal;
Reconhecimento de equipe.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 29

Quais são as
características de
um processo de
letramento eficaz?
Os alunos são letrados quando conseguem
desprender do sentido do que se lê nos textos,
sabendo relacionar causa e efeito e entendendo
sentidos figurados, de forma natural. Ou seja, vai
muito além da memorização de palavras, é
necessário entender realmente o que está
sendo proposto.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 30

Um letramento eficaz promove no aluno a:


Capacidade de interpretação de texto;
Facilidade para sintetizar ideias e textos;
Habilidade de se expressar e se comunicar;
Confiança para lidar com as demandas sociais;
Identificação dos diferentes gêneros textuais.

Se os seus alunos apresentam estas habilidades,


significa que o processo de letramento da sua
escola está trazendo bons resultados. Agora,
o papel da escola é promover e avaliar este
letramento ao longo dos anos, para que ele
tenha ainda mais sucesso.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 31

Por que é importante


avaliar a alfabetização?
Como já falamos, acompanhar o aprendizado dos
alunos é fundamental. Muitas vezes os professores
não conseguem identificar alunos com dificuldade e,
por isso, alguns alunos acabam se perdendo no
caminho e ficando para trás. Isso não é incomum,
pois, de acordo com o levantamento realizado pelo
MEC, em 2016, 54,73% das crianças acima de 8 anos
não sabiam ler e interpretar texto de forma
satisfatória. Por isso é tão necessário avaliar o
desenvolvimento dos alunos neste sentido.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 32

Para avaliar o letramento dos alunos ao longo dos


anos é necessário saber como se dá um processo de
letramento eficaz. É muito comum que a escola
foque no ensino de outras competências após a
conclusão do letramento, mas até mesmo a forma
como os alunos absorvem estes novos conteúdos é
afetada pelo processo de letramento.

Dessa forma, avaliar é a alfabetização e letramento


envolve:
Dialogar;
Questionar;
Ouvir;
Refletir em conjunto;
Compartilhar conhecimento.
Almacão SuperAutor Alfabetização e letramento 33

Conclusão

Podemos perceber que alfabetizar vai muito além de


ensinar o beabá, não é? Alfabetização e letramento
envolve preparar a criança para uma vida social.
Gostou deste e-book? Continue acompanhando
nossos conteúdos no Blog!

Quero ver mais!


SuperAutor é um projeto pedagógico que ajuda a despertar o autor que existe em
cada aluno. Nosso sonho é ajudar as escolas a estimular a capacidade criativa das
crianças, o interesse pela leitura e escrita e o protagonismo.

Sabia mais sobre o projeto pedagógico que vai transformar a sua escola!

superautor.com.br
Acompanhe superautor
nosso projeto @superautor
SuperAutor