Você está na página 1de 41

AMPLIFICADOR DE PEQUENO SINAL

ELECTRÓNICA ANALÓGICA
ISUTC 2021
Transistor como Amplificador

ICQ
vBE

VCQ

vBE
Amplificadores de Pequenos Sinais

O que é pequeno sinal?


Dizemos queResistência
o sinal de Incremental
entrada é pequeno se ao variar ao redor do ponto
da Junção Base Emissor
Q isso acontecer em um trecho da curva que é aproximamente uma reta.


V v
=
r =be
BE

be
IEi
e
O valor de rbe representa a derivada (inclinação no ponto Q).

25
mV
r=
be
I
E

IE a corrente quiescente de emissor.

V
BE

=
II
e
E
O−
V
.(1
)
T
Modelo Simplificado do Transistor em CA

Em CA significa que os valores de correntes e tensões considerados serão as


variações ao redor do ponto Q.
Amplificador Emissor Comum

Capacitores de
acoplamento Circuito completo Capacitor de
desacoplamento

Estagio anterior Amplificador Estagio posterior ou carga


A Analise

= Circuito equivalente
em CC

+ Circuito equivalente
em CA
Teorema de superposição
• Fonte de corrente contínua
Circuito equivalente em CC

O circuito equivalente em CC é obtido abrindo os capacitores do circuito,


os valores de correntes e tensões resultantes serão os valores quiescentes
Teorema de superposição
• Fonte CA
Circuito equivalente em CA
Para obter o circuito equivalente em CA (equivalente para variações) os
capacitores são considerados curto circuito (∆V=0), isto é não existe
variação
de tensão neles).
Da mesma forma as fontes de tensão CC são substituídas por um curto
circuito , pois não existe variação de tensão nos seus terminais (∆V=0).
Circuito equivalente da CA
MODELO “π”(ou Hibrido)
“T” (Segundo o modelo de Eber-Moll)
Parámetros a definir
• Ganho de corrente Ai

• Ganho de tensão Av (relação entre a tensão de saída Vo e a tensão de


entrada Vi)

• Impedancia de entrada Zi

• Impedancia de saída Zo
Resistência da união BE

r = hie
Π
Os Capacitores de Acoplamento
Capacitores de acoplamento acoplam dois pontos não aterrados
1
Para um bom acoplamento X C  R T C
2. . f .RT
RT é a soma das resistências em serie com C e f a menor frequencia de operação
do circuito
1
2Vpp

2
1Vpp
Se Xc=0 a amplitude do sinal
Em 2 depende da relação entre
Rs e RL
Exemplo: Dimensionar C

1
X C  20 K ou X C  2 K ou  2000
2. .1000 .C

1 10 6
C = = 0.08F
2. .10 .2.10
3 3
4. 10 6

A determinação da amplitude do sinal pode ser obtida considerando o circuito


equivalente em CA

10K
vl = .2V = 1VPP
10K + 10K
Exercício Proposto:
1. Dimensionar C se a frequencia do gerador pode variar entre 20Hz e 20KHz

2. Dimensionar C e desenhar as formas de onda nos pontos 1 e 2 para que o


Acoplamento entre os pontos 1 e 2 seja adequado.

9K

2Vpico/500Hz
1K
4V
Capacitor de Desacoplamento
Capacitor de desacoplamento ou bypass, pode ser considerado um capacitor
de acoplamento também, a diferença é que no primeiro caso o capacitor
acopla dois pontos não aterrados
Se XC<< Rs//RL a tensão CA no ponto B é zero e a tensão CC é dada pela
Relação entre Rs e RL
Amplificador Emissor Comum sem Realimentação

vs
i entr

Zentr=impedância de entrada do amplificador =


vs
ientr
v entr ( B )
Zentr(B)= impedância de entrada na base=
ib
v saida
Ganho de tensão entre a saída e a base= AV =
v entr ( B )
Circuito Equivalente em CA

Ganho de Tensão

v saida
AV =
v entr ( b )

vsaida = −R C .i c

v entr(B) = rbe .i c

vsaida − R C .i c RC
AV = = =−
vs rbe .i c rbe
Impedância de Entrada

v entr ( B) rbe .i e rbe ..i b


Z entr Zentr (B ) Zentr ( B) = = = = rbe .
ib ib ib

Zentr= R1//R2//rbe.β
Impedância de saída

Z saida = Rc
Amplificador Emissor Comum sem Realimentação

ientr
1. Para o circuito determinar: a)impedância de entrada (Zentr)

b) impedância de saída (Zsaida)


c) ganho de tensão (AV)
d) Vsaida se o gerador de entrada VS=10mVp

Dados: β=200 considerar todos os capacitores com XC=0


2. Idem exercício 1
Amplificador Emissor Comum com Realimentação

Se capacitor CE for retirado, alem da realimentação em CC o circuito terá


realimentação negativa CA através de RE A realimentação negativa em CA
diminuirá o ganho, tornando-o estável, e aumenta a impedância de entrada
Circuito Equivalente em CA
Ganho de Tensão

v saida
AV =
v entr(b)
ventr ( B ) = (rbe + RE ).ie = (rbe + RE ).ic

vsaida = −R C .i c
Portanto o ganho é calculado por:

v saida Vsaida − R C .i c RC
AV = = = =−
vs v entr(B) (rbe + R E ).i c rbe + R E se RE>>rbe

vsaida RC
AV = =− Portanto o ganho fica estável !!!
vs RE
A impedância de entrada olhando na base é calculada por
ventr ( B ) (rbe + RE ).ie (rbe + RE ). .ib
Z entr ( B ) = = = = (rbe + RE ).
ib ib ib
A impedância de entrada do circuito:

Z entr = R1 // R2 // Z entr ( B )
A impedância de saída é determinada como no circuito sem realimentação:

Onde Rc é a impedância de saída

E Av
O Circuito pode então ser representado pelo circuito equivalente:

v saida RC
Onde Av é dado por: AV = =−
vs RE
Exercício: Determinar a amplitude do sinal de Vsaída

Dados: R1=12K R2=2K2 RC=820 RE=220 β=200 VCC=12V

Vs=2Vpp/1KHz/senoidal
Exercício: Determinar a amplitude do sinal de Vsaída
Exercício: Determinar a amplitude do sinal de Vsaída
Exercício: Determinar a amplitude do sinal de Vsaída
Amplificador Coletor Comum – Seguidor de Emissor
Ganho de Tensão

v saida RE
AV = = 1
v entr(B) R E + rbe

Impedância de Entrada Impedância de Saída

RS
Z entr(B) = (rbe + R E ).β Zsaida = RE //( rbe + )
1+ 

O circuito é usado nos estágios de saída de um amplificador devido a


Sua baixa impedância de saída e alta impedância de entrada. É usado
tambem na construção do regulador serie.
Resumo de Formulas
Parámetro Emissor E. Comúm Colector Base Comúm
Comúm com RE Comúm
Ganho de
Corrente (Ai) βo = hfe βo -(1+βo)
Resistência de r = hie r +(β+1)RE r +(βo+1)RE
Entrada (Ri)
Ganho de
tensão
(Av)
Resistência de
Saída do TBJ ∞ ∞ ∞
(Ro)
Resistência de
Saída do cto Rc Rc RE//Ro Rc
(R'o)

Você também pode gostar