Você está na página 1de 107

Manual do Usuário

T48129D.
MANUAL DO USUÁRIO

Índice
Capítulo 1 INTRODUÇÃO_____________________________________ 1
1.1. Subdivisão.................................................................................................................................... 2

Capítulo 2 ASSISTÊNCIA TÉCNICA _____________________________ 3


2.1. Assistência Técnica Romi........................................................................................................... 4

Capítulo 3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ________________________ 5


3.1. Características Principais........................................................................................................... 6
3.1.1. Equipamentos Standard.................................................................................................................... 7
3.1.2. Equipamento Opcional Configurável................................................................................................. 8
3.1.3. Acessórios (Sob Encomenda)............................................................................ 11
3.2. Especificações Técnicas........................................................................................................... 13

Capítulo 4 SEGURANÇA_ ____________________________________ 15


4.1. Perigos Potenciais da Máquina................................................................................................ 17
4.2. Utilização Apropriada................................................................................................................ 17
4.3. Responsabilidades do Operador.............................................................................................. 18
4.4. Responsabilidades do Pessoal................................................................................................ 18
4.5. Comando da Máquina................................................................................................................ 18
4.6. Perigo Causado pelos Acessórios........................................................................................... 18
4.7. Detalhes sobre a Qualificação do Pessoal ............................................................................. 18
4.8. Precauções de Segurança no Local de Instalação ............................................................... 19
4.9. Procedimento em Caso de Emergência ................................................................................ 19
4.10. Emissões.................................................................................................................................... 20
4.10.1. Ruído............................................................................................................................................... 20
4.10.2. Vibração.......................................................................................................................................... 20
4.11. Advertências de Segurança GeraL .......................................................................................... 21
4.12. Advertências Antes de Ligar a Máquina ................................................................................ 22
4.13. Advertências sob Inspeções de Rotina................................................................................... 23
4.14. Aquecimento da Máquina ....................................................................................................... 23
4.15. Advertências para Ajustes da Máquina ............................................................................. 24
4.16. Procedimentos de segurança para Operadores Durante a Operação de Máquina ........... 24
4.17. Procedimentos para Parar a Máquina .................................................................................... 25
4.18. Advertências Após Terminar um Trabalho ........................................................................... 25
4.19. Advertência sobre Operação de Manutenção ....................................................................... 25
4.20. Procedimentos de Segurança Após Manutenção até a Operação de Máquina ................. 25
4.21. Cuidados e Advertências Sobre Limpeza .............................................................................. 26
4.22. Advertências Ambientais.......................................................................................................... 26
4.23. Significado das Tabelas de Segurança.................................................................................... 27
4.24. Localização das Tabelas de Segurança................................................................................... 30

Capítulo 5 TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA _ ___________ 33


5.1. Embalagem................................................................................................................................. 34
5.2. Levantamento e Transporte .................................................................................................... 35
5.2.1. Levantamento e Transporte por Meio de Dispositivo...................................................................... 35
5.2.2. Levantamento e Transporte por Meio de Empilhadeira.................................................................. 36
5.3. Exigências para o Local de Instalação.................................................................................... 37
5.3.1. Interface para Diagnóstico Remoto e Data Server Etherrnet.......................................................... 37
5.4. Condições de Instalação e Operações Recomendadas......................................................... 37
5.5. Unidade Pneumática.................................................................................................................. 38

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0


MANUAL DO USUÁRIO
5.6. Exigências para Instalação Elétrica......................................................................................... 39
5.6.1. Dimensionamento de Cabos ......................................................................................................... 39
5.6.2. Seqüência de Fases da Linha de Energia ................................................................................... 39
5.6.3. Dispositivo Protetor de Sobrecorrente QM-11................................................................................ 40
5.6.4. Considerações sobre o Dimensionamento dos Cabos da Linha de Entrada de Energia............... 40
5.6.5. Aterramento.................................................................................................................................... 41
5.6.5.1. Eletrodo de Aterramento............................................................................................... 42
5.6.5.2. Secção mínima dos condutores de proteção................................................................ 42
5.6.6. Verificação de todas as Interconexões Elétricas............................................................................. 43
5.6.7. Conexões do Alimentador de Barras............................................................................................. 43
5.7. Layout da máquina.................................................................................................................... 44
5.7.1. ROMI GL 240M............................................................................................................................... 44
5.7.2. ROMI GL 280M............................................................................................................................... 45
5.8. Limpeza e Preparação para Instalação.................................................................................... 47
5.9. Fundação.................................................................................................................................... 47
5.9.1. Planta de Fundação ROMI GL 240M.............................................................................................. 48
5.9.2. Planta de Fundação ROMI GL 280M.............................................................................................. 50
5.10. Unidade Hidráulica.................................................................................................................... 52
5.11. Lubrificação da Máquina........................................................................................................... 52
5.12. Sistema de Refrigeração........................................................................................................... 52

Capítulo 6 INSPEÇÃO DO OPERADOR______________________________ 53


6.1. Lubrificação da Placa................................................................................................................ 54
6.2. Limpeza do Tanque de Refrigeração........................................................................................ 54
6.4. Limpeza de Cavacos ................................................................................................................ 55
6.3. Nível de Óleo.............................................................................................................................. 55

Capítulo 7 MANUTENÇÃO PREVENTIVA_ ________________________________ 57


7.1. Sistema de Lubrificação centralizada...................................................................................... 58
7.1.1. Manutenção periódica..................................................................................................................... 59
7.2. Sistema de Refrigeração .......................................................................................................... 63
7.2.1. Conexões para Sistema de Refrigeração e Transportador de Cavacos......................................... 64
7.3. Recomendações e Cuidados com Óleos de Corte Solúveis em Água................................. 65
7.4. Placa Autoblok.......................................................................................................................... 68
7.4.1. Manutenção Periódica ................................................................................................................... 68
7.5. Aparelhos de Pinças Onça........................................................................................................ 70
7.5.1. Manutenção Periódica ................................................................................................................... 70
7.6. Cilindro Hidráulico Autoblok.................................................................................................... 70
7.6.1. Manutenção Periódica ................................................................................................................... 71
7.7. Ajuste Máximo de Pressão....................................................................................................... 72

Capítulo 8 CONSIDERAÇÕES GERAIS_________________________ 73


8.1. Cabeçote Móvel.......................................................................................................................... 74
8.1.1. Ajuste dos Sensores do Cabeçote Móvel....................................................................................... 75
8.1.2. Comando de Válvulas da Manga do Cabeçote Móvel.................................................................... 76
8.2. Tomadas do Alimentador de Barras......................................................................................... 77
8.3. visor da porta............................................................................................................................. 78
8.3.1. Procedimento de limpeza do visor (material policarbonato)........................................................... 78
8.4. Mensagens de Ladder............................................................................................................... 79

Capítulo 9 GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT DE TRABALHO E FER-


RAMENTAL_______________________________________ 85
9.1. Gráficos de Potência................................................................................................................. 86
9.1.1. ROMI GL 240M............................................................................................................................... 86
9.1.2. ROMI GL 280M............................................................................................................................... 87
9.2. Cursos e Zeramentos - ROMI GL 240M.................................................................................... 88

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0


MANUAL DO USUÁRIO
9.3. Layout de Trabalho - ROMI GL 240M........................................................................................ 89
9.4. Cursos e Zeramentos - ROMI GL 280M.................................................................................... 92
9.5. Layout de Trabalho - ROMI GL 280M........................................................................................ 93
9.6. Layout Da Torre.......................................................................................................................... 96
9.6.1. Romi Gl 240M (Com Disco Padrão VDI-30)................................................................................... 96
9.6.2. Romi Gl 280M (Com Disco Padrão VDI-40)................................................................................... 96
9.7. Suportes de ferramentas - ROMI GL 240M.............................................................................. 97
9.8. Suportes de ferramentas - ROMI GL 280M.............................................................................. 98
9.9. Eixo Árvore e Dispositivos de Fixação.................................................................................... 99
9.9.1. Eixo Árvore ASA A2-5” (Ref. S40452A) - para ROMI GL 240M..................................................................... 99
9.9.2. Eixo Árvore ASA A2-6” (Ref. S37475A) - para ROMI GL 240M / GL 280M................................................. 100
9.9.3. Eixo Árvore ASA A2-8” (Ref. S38516A) - para ROMI GL 280M................................................................... 101
9.10. Castanhas Moles Serrilhado métrico..................................................................................... 102
9.10.1. ROMI GL 240M............................................................................................................................. 102
9.10.2. ROMI GL 280M............................................................................................................................. 103

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0


Capítulo 1

INTRODUÇÃO

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 1


1 - INTRODUÇÃO
1.1. SUBDIVISÃO

Este manual é destinado a técnicos de instalação, transporte, de manutenção, e inclui descrições


técnicas, exigências e desenhos.
Nenhuma parte deste manual pode ser reproduzida, nem transmitida ou explorada sem
autorização.
Os infratores estarão sujeitos a penalidades.
Todos os direitos são reservados, particularmente se uma patente ou outro registro está
concedido.

Considerações Gerais

Instruções para:
Segurança

Instruções para:
Transporte e
Público Alvo: Instalação

Instruções para:
• Técnicos do Transporte
Inspeções do
Interno
Operador
• Técnicos de Instalação Público Alvo:
da Máquina Instruções
• Gerentes • Técnicos do Transporte para:
Interno Manutenção
• Homens de Set-up
• Técnicos de Instalação Público Alvo: Preventiva
• Operadores
da Máquina
• Técnicos de Manutenção • Operadores
• Técnicos de Abastecimento
• Técnicos de
Público Alvo:
Manutenção
• Técnicos de
Manutenção
• Técnicos de
Inspeção
• Técnicos de
Reparos

NOTA
As Indústrias ROMI S/A se reserva no direito de fazer alterações no projeto da máquina,
assim como em todas as especificações técnicas, sem prévio aviso.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 2


Capítulo 2

ASSISTÊNCIA TÉCNICA

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 3


2 - ASSITÊNCIA TÉCNICA
2.1. ASSISTÊNCIA TÉCNICA ROMI
Caro usuário
Nesta página, incluímos os mais importantes meios para que você possa entrar em contato imediato com a
Romi.

Assistência Técnica e Entrega Técnica:


Para as Máquinas-Ferramenta instaladas no estado de São Paulo*, basta ligar para o telefone da RAI, Romi
Assistência Integral: (019)3455 9333. Para solicitação de Entrega Técnica, utilize também nosso link no site
www.romi.com.br. Tenha em mãos o modelo da máquina e seu número de série.
* Para a região de Ribeirão Preto, ligue para (016) 3627 0999.

Assistência
Integral

Fone (19) 3455 9333


Para as Máquinas-Ferramenta instaladas em outros estados, entre em contato com uma das Filiais Romi
com atendimento técnico:
Belo Horizonte MG (031) 3361 2526 Recife PE (081) 3423 2244
Curitiba PR (041) 3333 6941 Ribeirão Preto SP (016) 3627 0999
Goiânia GO (062) 3295 2790 Rio de Janeiro RJ (021) 2270 1454
Joinville SC (047) 3433 1381 Salvador BA (071) 3341 6060
Manaus AM (092) 3611 3494 Vila Velha ES (027) 3340 1450
Porto Alegre RS (051) 3342 5066

A RAI também pode ser consultada por clientes de todo o Brasil, para esclarecer suas dúvidas técnicas e
ajudá-lo a manter seu equipamento em perfeito funcionamento.
Peças de reposição:
Para as suas necessidades de peças de reposição, entre em contato com a Filial Romi com atendimento
técnico de sua região segundo a tabela acima, ou em S B d’Oeste, fone (019) 3455 9595 (pecas-sbo@romi.
com.br) e São Paulo, fone (11) 3670 0200 (pecas-sp@romi.com.br). Se preferir utilize nosso link no site www.
romi.com.br para consulta de peças de reposição on-line.

Cursos:
Para suas necessidades de cursos de programação e operação de máquinas-ferramenta, entre em contato
com (019) 3455 9400 (treinamentoclientes-mf@romi.com.br), para cursos de manutenção use o fone (019)
3455 9281 (posvenda@romi.com.br).

Comercialização:
Para suas necessidades de máquinas e equipamentos, entre em contato com a Filial ou Residente Romi de
sua região, conforme a lista no rodapé da página.

Filiais e Vendedores Residentes Romi: Indústrias Romi SA


ABCD SP (011) 6915 7537 Maringá PR (044) 9141 3856 Av Pérola Byington 56
Araçatuba SP (016) 9761 0265 Mococa SP (016) 9761 0264 S Bárbara d’Oeste SP
Araraquara SP (016) 9761 0263 Passo Fundo RS (054) 9971 5111
Belo Horizonte MG (031) 3361 2526 Piracicaba SP (019) 8195 5714 13453 -900
Campinas SP (019) 8195 5715 Porto Alegre RS (051) 3342 5066 Fone (019) 3455 9000
Campo GrandeMS (067) 9983 2560 Recife PE (081) 3423 2244 Fax (019) 3455 2499
Caxias do Sul RS (054) 9979 9271 Ribeirão Preto SP (016) 3627 0999
Curitiba PR (041) 3333 6941 Rio de Janeiro RJ (021) 2270 1454 Comercialização
Fortaleza CE (085) 9991 3288 Salvador BA (071) 3341 6060
Goiânia GO (062) 3295 2790 S Bárbara d’OesteSP (019) 3455 9735 R Coriolano 710
Indaiatuba SP (019) 8195 5713 São Paulo SP (011) 3670 0144 São Paulo SP 05047 900
Itatiba SP (011) 8690 4452 Sorocaba SP (015) 8111 0524 Fone (011) 3873 3388
Joinville SC (047) 3433 1381 Taubaté SP (012) 8139 0480 Fax (011) 3865 9510
Manaus AM (092) 3611 3494 Vila Velha ES (027) 3340 1450

Visite-nos na Internet: www.romi.com.br Envie-nos sua mensagem via e-mail: maqfer@romi.com.br


RAI (assistência técnica): posvenda@romi.com.br

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 4


Capítulo 3
ESPECIFICAÇÕES
TÉCNICAS

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 5


3 - ESPCIFICAÇÕES TÉCNICAS
3.1. CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS

GL 240M GL 280M

GL 240M GL 280M

• Comando Numérico Computadorizado (CNC) GE-Fanuc 0i-TD, com monitor colorido de 10.4”,
software de tela disponiveis em vários idiomas conforme o mercado de destino.
• Cabeçote Principal com eixo árvore, apoiado sobre rolamentos com lubrificação permanente,
projetados de forma a minimizar os efeitos da dilatação térmica e dimensionado para suportar
grandes esforços de usinagem e altas velocidades com variação contínua, acionados por
motor Fanuc AC, através de polias e correia micro V.
• Servomotores AC sem escovas (brushless) com elementos de realimentação de posição e
velocidade integrados, de alta resolução, diretamente acoplados aos fusos de esferas dos
eixos “X” e “Z”, proporcionando excelentes performances de aceleração e velocidade.
• Torre Porta Ferramentas Duplomatic servoacionada, com disco padrão VDI-30 para o ROMI GL
240M e VDI-40 para o ROMI GL 280M ( de 12 posições / 12 ferramentas, travamento hidráulico
e acionamento para ferramentas rotativas.
• Carros longitudinal e transversal apoiados sobre guias lineares de alta precisão e capacidade
de carga que permitem deslocamentos rápidos e altas acelerações.
• Área de usinagem totalmente fechada, com visor de segurança multicamada na porta frontal.
• Proteções longitudinais corrediças contra cavacos produzidas em aço inox e com inclinação
de 35º proporcionando melhor escoamento de cavacos e líquidos.
• Estrutura monobloco robusta com guias temperadas e retificadas é sede dos principais conjuntos
da máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 6


3 - ESPCIFICAÇÕES TÉCNICAS
3.1.1. Equipamentos Standard

ROMI GL 240M (51): Cabeçote com eixo árvore ASA A2-5", com furo de Ø58mm (Ø2.28"), com faixa de
velocidade de 6 a 6.000 rpm; Capac. barras Ø51mm (Ø2"), e motor principal de 20 cv
(15 kW).
ROMI GL 240M (64): Cabeçote com eixo árvore ASA A2-6", com furo de Ø73mm (Ø2.87"), com faixa de
velocidade de 4 a 4.500 rpm; Capac. barras Ø64mm (Ø2.5") e motor principal de 20 cv
(15 kW).

ROMI GL 280M (64): Cabeçote com eixo árvore ASA A2-6", com furo de Ø73mm (Ø2.87"), com faixa de
velocidade de 4 a 4.500 rpm; Capac. barras Ø64mm (Ø2.5") e motor principal de 25 cv
(18,5 kW).

ROMI GL 280M (76): Cabeçote com eixo árvore ASA A2-8", com furo de Ø85mm (Ø3.34"), com faixa de
velocidade de 3 a 3.500 rpm; Capac. barras Ø76mm (Ø3.0") e motor principal de 25 cv
(18,5 kW).

• CNC Fanuc 0i-TD, com monitor LCD de 10,4” colorido.

• Cobertura completa contra cavacos e respingos, com visor de proteção multicamada na porta
principal e trava elétrica de segurança.

• Documentação completa do produto Romi em CD.

• Instalação elétrica para 220VAC, 25KVA, 50/60 Hz.

• Jogo de chaves para operação da máquina.

• Jogo de parafusos, porcas de nivelamento e placas de apoio para os niveladores.

• Luminária fluorescente selada.

• Pintura standard: Esmalte Epoxy Texturizado Azul Munsell 10B-3/4

Tinta Epoxy Texturizada Cinza Claro RAL 7035.

• Sistema de lubrificação centralizada com filtro de linha e sensor de nível de óleo.

• Sistema de refrigeração de corte com tanque de 190 litros (50.1 gal) para o ROMI GL 240M e
220 litros (58.1 gal) para o ROMI GL 280M, e três opções de bombas disponíveis para escolha (2
bar, 7 bar ou 15 bar), com derivação através de válvula mecânica para limpeza das proteções.

• Torre Duplomatic servoacionada com disco VDI-30 para o ROMI GL 240M e VDI-40 para o ROMI GL
280M de 12 posições / 12 ferramentas, travamento hidráulico e acionamento para ferramentas rotativas
através de servomotor, fornecida com 12 suportes porta-ferramentas e 7 buchas de redução (suportes
de ferramentas rotativos não inclusos).
• Unidade hidráulica (pressão máx. 50bar / vazão 15 litros/min) e circuito de controle das pressões
do Dispositivo de Fixação e do Cabeçote Móvel.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 7


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
3.1.2. Equipamento Opcional Configurável Denominação de
Mercado

RMTL

INTL
BR

CE
AL
Bombas (Escolha Obrigatória)

• Bomba de Refrigeração (2 bar); "Utilizando motobomba Texius UBD 170 CE (S60103)" • • • • •


• Bomba de Refrigeração (7 bar); "Utilizando motobomba Grundfos CRK2-70/7 CE (R96270)" • • • • •
• Bomba de Refrigeração (15 bar); "Utilizando motobomba Grundfos CRK2-130/13 CE (S17937)" • • • • •

Transportador de Cavacos (Escolha Obrigatória)

• Transportador de cavacos de esteira articulada metálica longitudinal (TCE); • • • • •


• Transportador de cavacos de esteira de arraste longitudinal (TCA); • • • • •
• Transportador de cavacos de esteira magnética longitudinal (TCM); • • • • •
• Transportador de cavacos de esteira articulada metálica transversal (TCE); • • • • •

DISPOSITIVOS DE FIXAÇÃO - ROMI GL 240M

Placa Hidráulica (3 cast.) e Cilindro Traseiro - Autoblok para Cabeçote ASA A2-5"

• Ø165mm, capac. de barras Ø42mm, disponível nas seguintes opções:

- Métrico (serrilhado 1,5mm x 60º); • • • • •


- Polegada (serrilhado 1/16 x 90º); • • • • •
- “K” type (serrilhado 1,5mm x 60º); •

• Ø175mm, capac. de barras Ø51mm, disponível nas seguintes opções:

- Métrico (serrilhado 1,5mm x 60º); • • • • •


- Polegada (serrilhado 1/16 x 90º); • • • • •
- “K” type (serrilhado 1,5mm x 60º); •

• Castanhas Avulsas; • • • • •

Aparelho de Pinças e Cilindro Traseiro - Autoblok, para Cabeçote ASA A2-5"

• Aparelho de pinças P42C (DIN 6343 serie 173E) cap. de barra Ø 42mm; • • • • •
• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. de barra Ø 51mm; • • • • •

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 8


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Denominação de
Mercado

RMTL

INTL
BR

CE
AL
Placa Hidráulica (3 cast.) e Cilindro Traseiro - Autoblok para Cabeçote ASA A2-6"

• Ø210mm , capac. de barras Ø51mm ou Ø64mm, disponível nas seguintes opções:

- Métrico (serrilhado 1,5mm x 60º); • • • • •


- Polegada (serrilhado 1/16 x 90º); • • • • •
- “K” type (serrilhado 1,5mm x 60º); •

• Castanhas Avulsas; • • • • •

Aparelho de Pinças e Cilindro Traseiro - Autoblok, para Cabeçote ASA A2-6"

• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. de barras Ø 60mm; • • • • •
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. de barras Ø 64mm; • • • • •

DISPOSITIVOS DE FIXAÇÃO - ROMI GL 280M

Placa Hidráulica (3 cast.) e Cilindro Traseiro - Autoblok para Cabeçote ASA A2-6"

• Ø210mm (8.26”), capac. de barras Ø51mm (2”) ou Ø64mm (2.5”), disponível nas seguintes opções:

- Métrico (serrilhado 1,5mm x 60º); • • • • •


- Polegada (serrilhado 1/16 x 90º); • • • • •
- “K” type (serrilhado 1,5mm x 60º); •

• Castanhas Avulsas; • • • • •

Aparelho de Pinças e Cilindro Traseiro - Autoblok, para Cabeçote ASA A2-6"

• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. de barra Ø 60mm; • • • • •
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. de barra Ø 64mm; • • • • •

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 9


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
Denominação de
Mercado

RMTL

INTL
BR

CE
AL
Placa Hidráulica (3 cast.) e Cilindro Traseiro - Autoblok para Cabeçote ASA A2-8"

• Ø254mm (10”), capac. de barras Ø64mm (2.5”) ou Ø76mm (3”), disponível nas seguintes opções:

- Métrico (serrilhado 1,5mm x 60º); • • • • •


- Polegada (serrilhado 1/16 x 90º); • • • • •
- “K” type (serrilhado 1,5mm x 60º); •

• Castanhas Avulsas; • • • • •

Aparelho de Pinças e Cilindro Traseiro - Autoblok, para Cabeçote ASA A2-8"

• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. de barras Ø 60mm; • • • • •
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. de barras Ø 76mm; • • • • •

7. ACESSÓRIOS (USO GERAL)

Para Automação

• Leitor de Posição de Ferramenta • • • • •

Outros Acessórios

• Pedal para acionamento do Cilindro da Placa ou do Aparelho de Pinças • • • • •


• Pedal para acionamento da Manga do Cabeçote Móvel • • • • •
• Pedal duplo para acion. do Cilindro da Placa /Aparelho de Pinças e Manga
• • • • •
do Cabeçote Móvel
• Embalagem de madeira, tipo caixa, para transporte •
• Extensão de garantia de 12 para 18 meses •
• Extensão de garantia de 12 para 24 meses • •

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 10


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
3.1.3. Acessórios (Sob Encomenda)
Denominação de
Mercado

RMTL

INTL
BR

CE
AL
Para Automação

• Porta automática com batente de segurança • • • • •


• Sistema pneumático de limpeza das castanhas da placa • • • • •
• Lâmpada indicadora de status (3 cores) • • • • •
• Interface genérica com 6 códigos Ms
• • • • •
(3 saídas independentes - 3Ms liga e 3Ms desliga)
• Interface para automação externa com 8 códigos Ms (8 saídas independentes) • • • • •
• Desligamento automático da maquina após fim de turno (auto power off) • • • • •

Para trabalho com Barras

• Interface alimentador de barras • • • • •


• Aparelho alimentador de barras IEMCA VIP 80E/16
(Ø máx. 80mm, comprimento máx. da barra 980mm)
• • •
• Aparelho alimentador de barras Romi BF66
(Ø máx. 66mm, comprimento máx. da barra 980mm)
• • •
• Tubo de guia modular • • • • •
• Kit de discos de nylon (cego) para guia de barras • • • • •

Para Controle Ambiental


• Preparação para exaustor de névoa • • • • •
• Sistema de exaustão de névoa • • • • •
• Separador de óleo / refrigerante (Oil skimmer) • • • • •

Para Carga e Descarga de Peças

• Aparador de peças (capac. máx. Ø64mm x 165mm x 2,5kg) - A2-6" • • • • •


• Aparador de peças (capac. máx. Ø76mm x 165mm x 2,5kg) - A2-8" • • • • •

Para Aparelho de Pinças (Em Adição A Placa Hidráulica) - ROMI GL 240M


• Aparelho de pinças P42C (DIN 6343 serie 173E) cap. Ø 42mm - A2-5” • • • • •
• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. Ø 51mm - A2-5” • • • • •
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. Ø 64mm - A2-8” • • • • •

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 11


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Denominação de
Mercado

RMTL

INTL
BR

CE
AL
Para Aparelho de Pinças (Em Adição A Placa Hidráulica) - ROMI GL 280M
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. Ø 64mm - A2-6” • • • • •
• Aparelho de pinças P60C (DIN 6343 serie 185E) cap. Ø 60mm - A2-8” • • • • •
• Aparelho de pinças P80C (DIN 6343 serie 190E) cap. Ø 76mm - A2-8” • • • • •

Ferramental Avulso para TORRE

• Suporte de ferramenta para torneamento externo (ferram. direita) • • • • •


• Suporte de ferramenta para torneamento externo (ferram. esquerda) • • • • •
• Suporte de ferramenta para torneamento frontal (ferramenta direita) • • • • •
• Suporte de ferramenta para torneamento frontal (ferramenta esquerda) • • • • •
• Suporte de ferramenta para torneamento interno • • • • •
• Suporte de ferramenta para torneamento interno com refrigeração interna • • • • •
• Buchas de redução • • • • •
• Suporte de ferramenta acionada radial • • • • •
• Suporte de ferramenta acionada axial • • • • •
• Pinças de Aperto • • • • •

Outros Acessórios

• Autotransformador para rede diferente de 360 a 480VAC, 30KVA, 50/60Hz • • • •


• Ar condicionado para painel elétrico (para ambientes com temp. superior a 38°) • • • • •
• Sistema de limpeza das proteções (com motobomba adicional) • • • • •
• Pistola de lavagem Wash Gun com motobomba adicional • • • • •
• Transdutor linear de posição (régua óptica) para o eixo X • • • • •
• Duas pressões programáveis para placa hidráulica • • • • •
• Interface para Diagnóstico Remoto • • • • •
• Interface para diagnóstico remoto + Ethernet data server • • • • •
• Pintura especial, conforme padrão Munsell ou Ral • •

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 12


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
3.2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
Sistema Internacional ROMI GL 240M ROMI GL 280M
Descrição unid. Especificações

Capacidade
Diâmetro máximo sobre proteções (Eixo Z) mm 470 440
Diâmetro máximo torneável mm 260 280
Comprimento máximo torn. entre pontas mm 400 540
Curso transversal do carro (Eixo X) mm 188 212
Curso longitudinal do carro (Eixo Z) mm 400 540

Cabeçote
Nariz do árvore ASA A2-5" A2-6" A2-6" A2-8"
Diâmetro do furo da árvore mm 73 73 73 85
Capacidade de barras (diâmetro) mm 4 a 4.500 4 a 4.500 64 76
Faixa de Velocidade rpm 64 64 4 a 4.500 3 a 3.500

Avanços
Avanço rápido transversal (Eixo X) m / min 30
Avanço rápido longitudinal (Eixo Z) m / min 30

Torre Porta-Ferramentas
Número de posições / ferramentas un 12 12
Sistema de fixação do suporte de ferramenta - VDI - 30 VDI - 40
Suporte de ferram. para torneamento externo mm 20 x 20 25 x 25
Suporte de ferram. para torneamento interno mm Ø32 Ø40
Suporte de ferram. acionada axial DIN 6499 ER-25 (Ø3 - Ø16mm) ER-32 (Ø3 - Ø20mm)
Suporte de ferram. acionada radial DIN 6499 ER-25 (Ø3 - Ø160mm) ER-32 (Ø3 - Ø20mm)
Faixa de velocidades para ferram. acionada rpm 6 a 6.000 4 a 4.000
Motor da ferramenta acionada cv / Kw 7,5 / 5,6 8/6
Tempo giro estação / estação s 0,52 0,67
Tempo giro de 180º da torre s 0,88 1,15

Cabeçote Móvel
Curso do cabeçote móvel mm 305 315
Curso máximo da manga mm 95 130
Diâmetro da manga mm 55 80
Posicionamento do corpo - manual manual
Acionamento da manga - hidráulico hidráulico
Sede interna da manga CM 4 4

Motor e Potência Instalada


Motor Principal CA (regime S1 contínuo) kW / cv 11 / 15 15 / 20
Motor Principal CA (regime S2) kW / cv 15 / 20 (15 min) 18,5 / 25 (30 min)
Potência total instalada Kva 25 30

Dimensões e Peso
Área ocupada (Compr. x Larg.) sem transportador de cavacos mm 2.805 x 1.560 3.085 x 1.720
Peso líquido (aproximado) kg 3.200 3.800

As especificações técnicas estão sujeitas a alterações sem aviso prévio

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 13


3 - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 14


Capítulo 4

SEGURANÇA

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 15


4 - SEGURANÇA
As seguintes medidas de segurança e precaução tem por objetivo evitar perigos à saúde e à vida
dos usuários e manutentores da máquina, assim como evitar também danos materiais.
Estes símbolos são usados em todos os capítulos deste manual.
Significado dos símbolos:

Este símbolo indica “PERIGO GERAL”.


Se a orientação não for observada poderá ocorrer
riscos de acidentes pessoais e / ou danos materiais,
inclusive morte.

Este símbolo indica “AÇÃO OBRIGATÓRIA GERAL”.


Se a ação não for realizada, podem ocorrer
acidentes pessoais e / ou danos materiais.

Este símbolo indica “PROIBIÇÃO GERAL”.


Se não for observado, a ação terá como
consequência acidentes e / ou morte, além
de danos materiais.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 16


4 - SEGURANÇA
4.1. PERIGOS POTENCIAIS DA MÁQUINA

A Linha ROMI GL foi desenvolvida, fabricada, testada e tem a documentação compilada de


acordo com as normas de segurança vigentes.

ADVERTÊNCIA

Conseqüências se a máquina for utilizada de forma inadequada:

• Perigo à vida ou membros do corpo do usuário ou outras pessoas.

• Danos materiais à máquina ou à outros bens materiais.

Ver notas de perigo no manual de operação

• Acidentes pessoais com usuários e manutenção da máquina.

• Perigo de morte.

• Danos materiais à máquina e outros bens.

4.2. UTILIZAÇÃO APROPRIADA

A máquina serve exclusivamente para torneamento à CNC. A máquina não deve ser utilizada para
outros tipos de serviços e seu uso deve respeitar suas características e capacidades.

ADVERTÊNCIA
O manuseio impróprio da máquina pode resultar em sérios danos físicos
ou consideráveis danos materiais.

A máquina somente deve ser utilizada para:


• Para seu uso adequado.
• Em perfeitas condições com relação as leis de segurança.

Se a máquina for usada para outras aplicações diferentes daquelas mencionadas ou se mudanças
feitas na máquina influenciarem na sua segurança, ou ainda se a máquina for operada por pessoal
não treinado, o fabricante ou o representante não será responsável por danos físicos pessoais, danos
materiais ou outros danos conseqüentes.
Para a operação e manutenção da máquina devem ser observadas as instruções contidas nos
manuais.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 17


4 - SEGURANÇA
4.3. RESPONSABILIDADES DO OPERADOR

O operador compromete-se a deixar trabalhar na máquina somente pessoal:


• familiarizado com as normas básicas sobre segurança industrial, prevenção de
acidentes e que esteja instruído para a operação da máquina.
• que tenha lido e entendido o capítulo sobre segurança e as notas de advertência
deste Manual e tenha confirmado isto com sua assinatura.
Periodicamente será verificado se o trabalho do pessoal está em conformidade com as
normas de segurança.

4.4. RESPONSABILIDADES DO PESSOAL


Todas as pessoas autorizadas a trabalhar com a máquina comprometem-se:
• a observar as normas básicas sobre segurança industrial e prevenção de
acidentes.
• a ler o capítulo sobre segurança e advertências neste Manual, antes de iniciar o
trabalho.

4.5. COMANDO DA MÁQUINA

• Nunca efetue alterações no software.


• Somente pessoal treinado tem permissão para operar o comando.

4.6. PERIGO CAUSADO PELOS ACESSÓRIOS


Somente podem ser usadas peças, ferramentas e acessórios que tenham sido aprovados
pelo fabricante da máquina. O fabricante ou revendedor não é responsável por produtos
não aprovados, de outros fabricantes, ou por alterações efetuadas nos acessórios.

CUIDADO
O manuseio impróprio dos acessórios poderá provocar acidentes corporais, bem
como danos materiais à máquina.
Os valores máximos da máquina, bem como as advertências sobre o manuseio,
nos manuais e tabelas, devem ser observados.

4.7. DETALHES SOBRE A QUALIFICAÇÃO DO PESSOAL

• O Centro de Usinagem somente deve ser operado por pessoal treinado.


• O limite mínimo de idade (maioridade) deve ser observado.
• Pessoal participante de um treinamento geral (curso de treinamento, instruções,
etc.) deve ficar sob supervisão permanente de um profissional qualificado.
• As responsabilidades do grupo de treinandos deve ser claramente expressas
(transporte, inspeção, operação/manuseio e manutenção).

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 18


4 - SEGURANÇA
4.8. P R E C A U Ç Õ E S D E S E G U R A N Ç A N O L O C A L D E
INSTALAÇÃO

• A área de trabalho em frente da máquina deve ser facilmente acessível.

• A área de trabalho deve possuir boas condições de iluminação.

• Todas as portas e proteções devem ser completamente acessíveis.

• A área de trabalho do operador na frente da máquina deve possuir um acabamento


anti-derrapante.

O chão deve ser mantido limpo e seco para evitar acidentes.

Um tapete ou algum tipo de material não deslizante pode ser usado na área de trabalho
do operador.

4.9. PROCEDIMENTO EM CASO DE EMERGÊNCIA

Em caso de emergência, o Botão de Emergência no painel de controle deve ser


acionado.
Esta ação interrompe todos os movimentos da máquina.
Em caso de ferimentos dos usuários, deverá ser observadas as medidas de primeiros
socorros, conforme procedimento de sua empresa.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 19


4 - SEGURANÇA
4.10. EMISSÕES
4.10.1. Ruído

Ajustes dos instrumentos de medição e condições de medição.


Medidas de acordo com ISO 3746.
Condições de medida:
• A máquina está pronta para operação. Proteções da máquina estão fechadas.
• O eixo árvore roda em sua total faixa de velocidade (rpm).
• A distância do instrumento de medição até a máquina é 1m.
• A medição é realizada nos pontos de 1 a 10.
Instrumento de medição: Controlador tipo 2237 - Medidor de Nível Sonoro Integrando - marca
Brüel & Kjaer.
• Layout : 510 1050

5
93 1140

Máxima rpm 693


1820
(420)

64 4500
1070

1020

Pontos de Medição 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

Máx. Rotação do Eixo Árvore (rpm) * * * * * * * * * *


Nível de Ruído
Rotação Crítica do Eixo Árvore (rpm) Médio Fixado - - - - - - - - - -
em dB (A)
Nível de Ruído do Ambiente *

* Nível de Ruído Permissível < 85 dB (A)

4.10.2. Vibração

Ajustes dos instrumentos de medição e condições


de medição.
Condições de medida:
• A máquina está pronta para operação.
• Cabeçote equipado com placa e castanhas.
• Máquina instalada sob chapas / base de
aço.
• Instrumento de Medição: Vibrotest typo 496
- Marca Schenck.
• Layout: Sensores

Rotação do Eixo Árvore 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 4500 4500 5000 5500 6000
Vibração (mm/s) * * * * * * * * * * * *
*Vibração permissível ≤ 1 mm/s

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 20


4 - SEGURANÇA
4.11. ADVERTÊNCIAS DE SEGURANÇA GERAL

1. Todas as atividades necessárias só podem ser realizadas por pessoas qualificadas.


Os procedimentos e as advertências de segurança contidas neste manual devem ser
observados.

2. A localização do botão de emergência deve ser bem conhecida de forma que possa
ser acionado em qualquer momento.

3. Nunca acione um comando se você não sabe seus resultados. Antes de acionar
qualquer comando manual, esteja seguro que é o comando correto.

4. Nunca opere a máquina sem as proteções / portas laterais.

5. O acesso ao painel elétrico, painel de controle e compartimento de transformador só


é permitido para técnicos de manutenção qualificados. Alguns pontos dentro destas
áreas possuem terminais com alta voltagem. Estes pontos, quando tocados, pode
causar choques elétricos perigosos e também a morte.

6. No caso de falta de energia elétrica, desconecte a CHAVE GERAL imediatamente.

7. Antes de executar qualquer trabalho de manutenção, desligue a máquina pela chave


geral e trave a chave por meio de um cadeado.

8. Utilize somente óleos recomendados no Manual de Manutenção.

9. Os parâmetros e ajustes de eletrônica não devem ser trocados sem autorização e


somente podem ser manipulados por técnicos qualificados. Se os parâmetros ou
os ajustes elétricos precisarem ser mudados, registre o valor original, assim eles
poderão ser recolocados se necessário.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 21


4 - SEGURANÇA
4.12. ADVERTÊNCIAS ANTES DE LIGAR A MÁQUINA

1. Use equipamentos proteção pessoal.


Use sapatos de segurança, óculos de segurança e luvas para manipular peças
torneadas.
Devem ser utilizados ganchos para a remoção de cavacos.

2. Esteja seguro que todas as portas de segurança estão fechadas.

3. Não deixe cabos elétricos no chão.

4. Quando a máquina permanecer durante um tempo inativa (alguns dias), é necessário


acionar o sistema de lubrificação manualmente.
Veja procedimento no Capítulo 7 neste manual.

5. Antes de começar a operar a máquina, confira o nível de óleo do tanque de


lubrificação.
Complete se necessário com óleo correto.

6. Antes de começar a operar a máquina, confira o nível e a qualidade do óleo


refrigerante.
Se necessário, trocar óleo ou completar o nível (ver capítulo 5)

IMPORTANTE
Para manusear peças pesadas ou peças com geometria especial, use dispositivos
de levantamento e transporte apropriados.
O não cumprimento desta observação pode resultar em danos físicos severos,
morte, ou sérios danos materiais.

IMPORTANTE

Para ligar a máquina, primeiramente ligue o interruptor da fábrica e então a chave


geral da máquina, nesta ordem.
Depois de ligar a chave geral, ligue o CNC e espere pela imagem em tela.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 22


4 - SEGURANÇA
4.13. ADVERTÊNCIAS SOB INSPEÇÕES DE ROTINA

1. Depois de ligada a máquina, devem ser conferidos os níveis de pressão indicados pelos
manômetros, para assegurar que a placa, cabeçote móvel e torre estão trabalhando
adequadamente.

2. Diariamente e sempre quando necessário limpe a formação de cavacos da área de


usinagem.

3. Limpe diariamente os filtros do tanque de refrigeração.

4. Para as máquinas com painel pneumático, é necessário verificar a pressão de


ar do sistema diariamente, e semanalmente verifique os filtros e o nível do óleo
lubrificante.

5. Semanalmente inspecione todos os raspadores de cavacos e proteções verificando


possíveis danos.
Substitua-os se necessário.

6. O operador deve prestar atenção a ruídos estranhos provenientes do eixo árvore,


motor Esquerdo, servo motores, fusos de esfera, etc...
Se algum ruído estranho aparecer em qualquer parte da máquina, informe ao
departamento de manutenção responsável pelo o equipamento ou à assitência técnica
Romi.

4.14. AQUECIMENTO DA MÁQUINA

Antes de começar a operação é recomendado que a máquina seja pré-aquecida durante


10 a 20 minutos. Faça um programa de peça teste em que o eixo árvore funcione na metade
de sua faixa de velocidade; movimente os eixos “ X “ e “ Z “ lentamente, e opere todos os
componentes da máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 23


4 - SEGURANÇA
4.15. ADVERTÊNCIAS PARA AJUSTES DA MÁQUINA

1. Todas as ferramentas da máquina e peças a serem usinadas devem ser compatíveis


com as especificações e capacidades da máquina.

2. Nunca use ferramentas gastas. Isto pode causar sérios danos para as peças e reduzirá
a eficiência da máquina.

3. Guarde todas as ferramentas, acessórios, dispositivos e qualquer outro equipamento


em lugar longe da máquina. Não coloque ferramentas ou outros dispositivos sob a
máquina.

4. Após instalar uma ferramenta, é necessário testá-la.

5. Após usinar as castanhas moles, é necessário verificar se elas estão prendendo


adequadamente as peças a serem usinadas.

4.16. PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA PARA OPERADORES


DURANTE A OPERAÇÃO DE MÁQUINA

1. O operador não pode usar cabelos longos ou soltos.


Cabelos longos podem enroscar em partes móveis causando sérios acidentes.

2. Não opere os controles manuais (botões, tecla, etc...) usando luvas.

3. Sempre que uma peça pesada necessitar ser instalada ou removida da máquina, é
necessário usar dispositivos de levantamento e transporte adequados.

4. Não toque cavacos ou a ponta de ferramentas com as mãos desprotegidas.

5. Antes de ajustar o bico de saída de fluído refrigerante de um suporte de ferramenta ou


durante a troca de ferramentas a máquina deve estar completamente parada.

6. Nunca toque uma peça ou o eixo árvore com as mãos ou outro dispositivo enquanto
estiverem girando.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 24


4 - SEGURANÇA
4.17. PROCEDIMENTOS PARA PARAR A MÁQUINA

1. Pressione a tecla CYCLE STOP (inibe o movimento dos eixos X e Z ).

2. Pressione a tecla RESET.

3. Pressione o botão de EMERGÊNCIA para parar a máquina durante a usinagem (somente


em caso de necessidade).

4.18. ADVERTÊNCIAS APÓS TERMINAR UM TRABALHO

1. Terminando um trabalho, os cavacos devem ser removidos da área de usinagem, e


todas as proteções deves ser limpas.

2. Se a máquina for permanecer inativa por um longo período, é necessário acionar o


botão de emergência, desligar a chave geral da máquina e desligar a chave de energia
da fábrica.

4.19. ADVERTÊNCIA SOBRE OPERAÇÃO DE MANUTENÇÃO

Qualquer procedimento de manutenção deve ser feito por profissionais qualificados.

4.20. PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇAAPÓS MANUTENÇÃO ATÉ


A OPERAÇÃO DE MÁQUINA

1. Nunca opere a máquina sem as proteções. Todas as proteções que foram removidas
devem ser instaladas novamente.

2. Todas as peças e outros componentes trocados durante o procedimento de manutenção
devem ser removidos da área de trabalho para a segurança de operador.

3. O equipamento deve ser testado para se ter certeza de uma operação segura.

4. É recomendável registrar todo procedimento de manutenção preventiva e corretiva,


mantendo-se registros de manutenção.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 25


4 - SEGURANÇA

4.21. CUIDADOS E ADVERTÊNCIAS SOBRE LIMPEZA

Quando a máquina está executando operações de usinagem com bronze, latão, alumínio,
ferro fundido ou ligas semelhantes, deve-se tomar maior cuidado com as proteções,
raspadores de cavacos, e reservatório de fluído refrigerante. Para isto siga as instruções
abaixo:

Proteções
Limpe as proteções a cada 4 horas usando para isto um aspirador de pó.

Raspadores de Cavacos
Devem ser inspecionados a cada 100 horas, e no caso de desgaste devem ser
substituídos.

Reservatório de Fluído Refrigerante


Os filtros devem ser limpos a cada 4 horas de trabalho e o reservatório deve ser limpo
após 200 horas ou quando necessário.

4.22. ADVERTÊNCIAS AMBIENTAIS

Não jogue cavacos, fluído refrigerante ou óleo hidráulico em lugares impróprios.


O descarte de cavacos, fluído refrigerante e óleo hidráulico deve ser executado por
pessoal treinado e de acordo com os procedimentos legais indicados pelas leis ambientais
vigentes.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 26


4 - SEGURANÇA
4.23. SIGNIFICADO DAS TABELAS DE SEGURANÇA

Perigo Geral Ação Obrigatória Consulte o Consulte o Trave a


Geral Manual de Manual de chave geral
Operação Manutenção com cadeado

Perigo de
Acesso proibido Perigo Perigo Choque Não opere sem
esmagamento
para pessoas Alta Voltagem Elétrico as proteções
Parte Móvel
não autorizadas

Perigo de Use Luvas de Perigo Queimadura Ponto de Ponto de


esmagamento Segurança Superfície Quente Empilhadeira Empilhadeira
Correias

Conexão Elétrica Não toque com as


mãos molhadas

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 27


4 - SEGURANÇA

ATENÇÃO
INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA
1 -A ESCOLHA E O CONTROLE DE ÓLEO
1 - LEIA COM ATENÇÃO O MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO E
SOLÚVEL SÃO IMPORTANTES PARA QUE
TODAS AS ADVERTÊNCIAS INDICADAS NA MÁQUINA ANTES DE OPERÁ- TINTAS, BORRACHAS E CABOS ELÉTRICOS
LA. O NÃO CUMPRIMENTO DESTAS INSTRUÇÕES E ADVERTÊNCIAS DA MÁQUINA NÃO SEJAM DANIFICADOS.
PODEM RESULTAR EM SÉRIOS DANOS.

2 - ESTA MÁQUINA SE CONECTA E SE MOVE AUTOMATICAMENTE. 2 -A LIMPEZA PERIÓDICA DE PARTES


JAMAIS COLOQUE QUALQUER PARTE DE SEU CORPO PERTO OU DA MÁQUINA TAIS COMO:
SOBRE AS PARTES MÓVEIS DESTA MÁQUINA. PROTEÇÕES, GUIAS, TANQUE DE
3 - PARE SEMPRE E COMPLETAMENTE O EIXO ÁRVORE , ANTES DE REFRIGERAÇÃO, ETC.,
TOCAR NA PEÇA, FERRAMENTA OU EIXO ÁRVORE. É FUNDAMENTAL PARA SEU BOM
4 - NÃO OPERE ESTA MÁQUINA, A NÃO SER QUE TODAS AS PROTEÇÕES,
FUNCIONAMENTO
TRAVAS E OUTROS DISPOSITIVOS DE SEGURANÇA ESTEJAM
INSTALADOS E FUNCIONANDO. VER MANUAL DE MANUTENÇÃO
5 - SEMPRE PRENDA A PEÇA E A FERRAMENTA COM SEGURANÇA. EVITE
R85160
AVANÇOS E ROTAÇÕES EXCESSIVAS.

6 - NÃO USE ANÉIS, JÓIAS, RELÓGIOS E ROUPAS FOLGADAS. MANTENHA


SEU CABELO LONGE DAS PARTES MÓVEIS DA MÁQUINA.
Instruções Sobre Fluído Refrigerante
7 - SEMPRE UTILIZE ÓCULOS E SAPATOS DE SEGURANÇA E PROTETOR
DE OUVIDOS AO OPERAR ESTA MÁQUINA.

8 - A ASSISTÊNCIA TÉCNICA OU INSTALAÇÃO DESTA MÁQUINA DEVE SER


EXECUTADA SOMENTE POR PESSOAL QUALIFICADO, SEGUINDO OS
PROCEDIMENTO DESCRITOS NO MANUAL DE MANUTENÇÃO.
DESLIGUE E TRAVE A CHAVE GERAL DA REDE, ANTES DE
EXECUTAR QUALQUER SERVIÇO DE MANUTENÇÃO.
É RESPONSABILIDADE DO USUÁRIO CERTIFICAR-SE DE QUE ESTA
MÁQUINA ESTEJA EM PERFEITAS CONDIÇÕES DE OPERAÇÃO, E
SEGUIR OS PROCEDIMENTOS DE OPERAÇÃO DESCRITOS NOS
MANUAIS DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BEM COMO TODOS OS
AVISOS FIXADOS NESTA MÁQUINA. ATENÇÃO!
EM CASO DE DÚVIDA REFERENTE A OPERAÇÃO DESTA MÁQUINA,
ENTRE EM CONTATO COM O SEU SUPERIOR OU O REPRESENTANTE
ROMI MAIS PRÓXIMO.
DURANTE A OPERAÇÃO DO LEITOR
DE POSIÇÃO DE FERRAMENTAS, SE
NÃO REMOVA NEM DESTRUA ESTE AVISO. AS CASTANHAS EXCEDEREM O
R97688 DIÂMETRO EXTERNO DA PLACA,
PODERÁ OCORRER
Instruções Gerais para Operadores INTERFERÊNCIA DO BRAÇO DO
LEITOR COM AS CASTANHAS
NÃO MOVIMENTE O
BRAÇO DO LEITOR DE
POSIÇÃO DE
FERRAMENTAS
MANUALMENTE DE
MODO BRUSCO OU
RÁPIDO.
PROCEDENDO ASSIM,
OCORRERÁ DANOS AO
MOTO REDUTOR
ATENÇÃO! R97592

Instruções sobre Leitor de Posição de


Ferramenta (opcional)
1 2
3

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA
CONHEÇA A FUNÇÃO DE CADA BOTÃO
ANTES DA OPERAÇÃO.
MANTENHA AS MÃOS, ROUPAS E O CORPO
LONGE DO EIXO ÁRVORE 1 TORRE 2 E
SEGUNDO CABEÇOTE 3 .
S04072 R63038
Instruções de Segurança Para
Conecção Elétrica Para Bomba de
Operadores
Refrigeração

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 28


4 - SEGURANÇA
Indústrias Romi SA
Av. Pérola Byington, 56
Santa Bárbara d'Oeste - SP - Brasil
CEP 13453-900
Fone: 55 19 455 9000
Fax: 55 19 455 2499

MODELO DA MÁQUINA
ROTAÇÃO MÁXIMA DO EIXO ÁRVORE rpm
NÚMERO DE SÉRIE
ANO DE FABRICAÇÃO
PESO DA MÁQUINA T
V 3 φ 50 / 60 Hz
CORRENTE TOTAL A
CORRENTE DO MOTOR PRINCIPAL A
DISPOSITIVO DE PROTEÇÃO DA MÁQUINA CONTRA CURTO
CIRCUITO E SOBRECARGA DE CORRENTE A
NÚMERO DO DIAGRAMA ELÉTRICO
Dados da Máquina PAINEL ELÉTRICO DE ACORDO COM A NORMA ANSI/NFPA
79-1997 SPECS
A MÁQUINA POSSUI PROTEÇÃO CONTRA SOBRECARGA DE CORRENTE NOS
TERMINAIS DE ALIMENTAÇÃO ELÉTRICA
R99682

Dados da Máquina

ALIMENTADOR
DE BARRAS
R88090 R63043

Conexão Elétrica para Alimentador de Barras Conexão Elétrica para Transportador de


Cavacos

LUBRIFICAÇÃO ÓLEO
ÓLEO HIDRÁULICO

TIPO: ISO VG68 TIPO: ISO VG 32


R90382 R90384

Óleo Tipo ISO VG 68 Óleo Tipo ISO VG 32

R97146
R97145

Pedal de Acionamento Pedal de Acionamento


da Placa do contra ponto

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 29


4 - SEGURANÇA
4.24. LOCALIZAÇÃO DAS TABELAS DE SEGURANÇA

ATENÇÃO!
USO OBRIGATÓRIO DE EPI
S92717
VISTA FRONTAL

S92718

Informação de
Pressão para
Operadores

1 2
3

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA
CONHEÇA A FUNÇÃO DE CADA BOTÃO
ATENÇÃO! ATENÇÃO! ANTES DA OPERAÇÃO.
PRESSÃO MÁXIMA MANTENHA AS MÃOS, ROUPAS E O CORPO
PLACA CABEÇOTE MÓVEL DURANTE A OPERAÇÃO DO LEITOR LONGE DO EIXO ÁRVORE 1 TORRE 2 E
23 BAR (kgf/cm²) 20 BAR (kgf/cm²) DE POSIÇÃO DE FERRAMENTAS, SE CABEÇOTE MÓVEL 3 .
S24092 AS CASTANHAS EXCEDEREM O
R97652
DIÂMETRO EXTERNO DA PLACA,
PODERÁ OCORRER
INTERFERÊNCIA DO BRAÇO DO
LEITOR COM AS CASTANHAS
NÃO MOVIMENTE O
BRAÇO DO LEITOR DE
POSIÇÃO DE
FERRAMENTAS
MANUALMENTE DE
MODO BRUSCO OU
RÁPIDO.
PROCEDENDO ASSIM,
OCORRERÁ DANOS AO
MOTO REDUTOR
R97592

VISTA FRONTAL

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 30


4 - SEGURANÇA

VISTA LATERAL ESQUERDA

ALIMENTADOR
DE BARRAS
R88090

T14064

VISTA TRASEIRA

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 31


4 - SEGURANÇA

VISTA TRASEIRA

R63043

ATENÇÃO!
PESO DA MÁQUINA: 3,2 T
S05065
R63038

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA
1 - LEIA COM ATENÇÃO O MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO E
TODAS AS ADVERTÊNCIAS INDICADAS NA MÁQUINA ANTES DE
OPERÁ-LA. O NÃO CUMPRIMENTO DESTAS INSTRUÇÕES E
ADVERTÊNCIAS PODEM RESULTAR EM SÉRIOS DANOS.

2 - ESTA MÁQUINA SE CONECTA E SE MOVE AUTOMATICAMENTE.


JAMAIS COLOQUE QUALQUER PARTE DE SEU CORPO PERTO OU
SOBRE AS PARTES MÓVEIS DESTA MÁQUINA.

3 - PARE SEMPRE E COMPLETAMENTE O EIXO ÁRVORE , ANTES DE


TOCAR NA PEÇA, FERRAMENTA OU EIXO ÁRVORE.

4 - NÃO OPERE ESTA MÁQUINA, A NÃO SER QUE TODAS AS PROTEÇÕES,


TRAVAS E OUTROS DISPOSITIVOS DE SEGURANÇA ESTEJAM
INSTALADOS E FUNCIONANDO.

5 - SEMPRE PRENDA A PEÇA E A FERRAMENTA COM SEGURANÇA. EVITE


AVANÇOS E ROTAÇÕES EXCESSIVAS.

6 - NÃO USE ANÉIS, JÓIAS, RELÓGIOS E ROUPAS FOLGADAS. MANTENHA


SEU CABELO LONGE DAS PARTES MÓVEIS DA MÁQUINA.

7 - SEMPRE UTILIZE ÓCULOS E SAPATOS DE SEGURANÇA E PROTETOR


DE OUVIDOS AO OPERAR ESTA MÁQUINA.

8 - A ASSISTÊNCIA TÉCNICA OU INSTALAÇÃO DESTA MÁQUINA DEVE SER


EXECUTADA SOMENTE POR PESSOAL QUALIFICADO, SEGUINDO OS
PROCEDIMENTO DESCRITOS NO MANUAL DE MANUTENÇÃO.
DESLIGUE E TRAVE A CHAVE GERAL DA REDE, ANTES DE
EXECUTAR QUALQUER SERVIÇO DE MANUTENÇÃO.

É RESPONSABILIDADE DO USUÁRIO CERTIFICAR-SE DE QUE ESTA


MÁQUINA ESTEJA EM PERFEITAS CONDIÇÕES DE OPERAÇÃO, E
SEGUIR OS PROCEDIMENTOS DE OPERAÇÃO DESCRITOS NOS
MANUAIS DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BEM COMO TODOS OS
AVISOS FIXADOS NESTA MÁQUINA.
EM CASO DE DÚVIDA REFERENTE A OPERAÇÃO DESTA MÁQUINA,
ENTRE EM CONTATO COM O SEU SUPERIOR OU O REPRESENTANTE
ROMI MAIS PRÓXIMO.
NÃO REMOVA NEM DESTRUA ESTE AVISO.
R97688

DURANTE O MANUSEIO, REMOÇÃO E


DESTINAÇÃO DOS RESÍDUOS PROVENIENTES
DA OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DO
EQUIPAMENTO, PRESERVE O MEIO
AMBIENTE, CONFORME OS REQUISTOS
LEGAIS E AS DETERMINAÇÕES LOCAIS.

S86589

ATENÇÃO
1 -A ESCOLHA E O CONTROLE DE ÓLEO
SOLÚVEL SÃO IMPORTANTES PARA QUE
TINTAS, BORRACHAS E CABOS ELÉTRICOS
DA MÁQUINA NÃO SEJAM DANIFICADOS.

2 -A LIMPEZA PERIÓDICA DE PARTES


DA MÁQUINA TAIS COMO:
PROTEÇÕES, GUIAS, TANQUE DE
REFRIGERAÇÃO, ETC.,
É FUNDAMENTAL PARA SEU BOM
FUNCIONAMENTO

VER MANUAL DE MANUTENÇÃO


R85160

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 32


Capítulo 5

TRANSPORTE E

INSTALAÇÃO

DA MÁQUINA

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 33


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.1. EMBALAGEM

A máquina é entregue apoiada sobre vigas de madeira e devidamente protegida, ou ainda, poderá
estar embalada em caixa de madeira (opcional para o mercado interno).
Para o caso em que a máquina estiver embalada em caixa de madeira, o procedimento correto para
desembalar é:

• Remover a tampa superior retirando os grampos de fixação;

• Após removida a tampa superior da embalagem, remover as tampas frontal e lateral direita;

• A seguir remover as tampas traseira e lateral esquerda;

• Retirar a proteção plástica que envolve a máquina, retirar o tanque de refrigeração e soltar os
parafusos que fixam a máquina no assoalho.

IMPORTANTE

Para determinar o guindaste que será utilizado para colocação da máquina no local onde será
instalada, veja abaixo o peso indicado:

ROMI ROMI
Modelo
GL 240M GL 280M

Máquina 3.200 kg 3.800 kg

Trans. Cavaco 170 kg 170 kg

Obs.: Não considerado o peso do dispositivo de elevação

Máquina em caixa de madeira Máquina sobre o pallet

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 34


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.2. LEVANTAMENTO E TRANSPORTE

Ao transportar a máquina para o lugar de instalação, não deverá ocorrer colisões entre seus
componentes ou entre a máquina e outros equipamentos.
Colisões podem causar além de dano na máquina, o desalinhamento de seus componentes de
precisão.
Para levantamento e transporte a máquina deverá estar totalmente equilibrada e travada.

PERIGO
A máquina só deve ser transportada por pessoas qualificadas.
A máquina pode cair. Isto resultará em morte ou sérias lesões físicas como também
consideráveis danos materiais.

5.2.1. Levantamento e Transporte por Meio de Dispositivo

Dispositivo de Elevação
ROMI GL 240M: N26042
ROMI GL 280M: N45188

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 35


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.2.2. Levantamento e Transporte por Meio de Empilhadeira

Entrada para empilhadeira

Vista Frontal da Máquina

NOTA
Veja a posição correta para a entrada da empilhadeira indicada
pelas tabelas na máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 36


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.3. EXIGÊNCIAS PARA O LOCAL DE INSTALAÇÃO

O local de Instalação (fundação) deve ser suficientemente preparado para suportar o peso da
máquina, sua superfície deve estar plana para evitar problemas de interferência durante a montagem
dos conjuntos avulsos como o Tanque de Refrigeração e Transportador de Cavacos e possuir boas
condições de iluminação.
O painel elétrico, e todas as partes da máquina devem ser facilmente acessíveis permitindo total liberdade
de movimento para os operadores e técnicos de manutenção (veja o layout da máquina).

5.3.1. Interface para Diagnóstico Remoto e Data Server Etherrnet

Para máquina equipada com Interface para


Diagnóstico Remoto + Ethernet data server,
deve ser disponibilizado pelo cliente um ponto
de rede Ethernet.

Entrada
para
Ethernet

5.4. CONDIÇÕES DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÕES RECOMENDADAS


* Temperatura Ambiente :
Mínimo: 10ºC (50ºF)
Máximo: 40ºC (104ºF)

* Humidade Relativa Máxima:


<90%, não condensado

IMPORTANTE

* Não instalar a máquina em lugares expostos a raios solares, perto de fontes de


calor ou sujeito a altas variações de temperatura.

* Não instalar a máquina em lugares sujeitos a excessiva vibração. Em caso em que


a máquina tenha que ser instalada perto de equipamentos geradores de vibração,
a fundação deve ser isolada por materiais isolantes de vibração ou qualquer outro
método deve ser usado para proteger a máquina.

* Não instale a máquina em lugares sujeitos a poeira, corrosão e gases ácidos


prejudiciais à máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 37


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.5. UNIDADE PNEUMÁTICA

Quando o Centro de Torneamento for equipado com alguns dos acessórios limpeza das castanhas
e/ou régua óptica é necessário disponibilizar uma linha de ar comprimido de acordo com as
especificações abaixo.

Pressão do Ar Temperatura Qualidade do ar


Conforme norma ISO 8573.1:2001
85 PSI (6kg/cm²) 22ºC (71.6ºF) (identificar na norma a “Classe de Qualidade”
requerida para máquinas ferramenta).
Acessórios Vazão (l /min)
Sistema de Limpeza de Castanhas 8,5
Régua Óptica Eixo“X” 20

A Norma Internacional ISO 8573.1:2001 estabelece padrões para avaliação da qualidade do ar


comprimido. Essa norma indica um sistema de classificação para os três principais contaminantes
presentes em qualquer sistema de ar comprimido: POEIRA, ÁGUA e ÓLEO.

NOTA
Observar o ponto de entrada do ar comprimido no layout dimensional da máquina.
(vide capítulo "Layout da Máquina”).


IMPORTANTE

Danos causados aos componentes da máquina devido ao ar comprimido contaminado, alto teor
de umidade ou temperatura elevada, poderão gerar perda de garantia.

Para evitar estes danos, recomenda-se a utilização de filtro(s) e secador(es)para garantir a qualidade
do ar fornecido pela rede pneumática.

O correto dimensionamento do(s) filtro(s) coalescente(s) e da unidade secadora dependerá de


condições como: potência do compressor, tipo de compressor, condições ambientais, umidade do
ar, etc. Por isso recomendamos consultar um fornecedor ou especialista.
Preparação do Ar (Cliente) Máquina Romi

Kit Pneumático (Romi)


Compressor de ar Filtro coalescente Unidade Secadora

1 Fornecimento de Ar Comprimido de acordo com especificações descritas neste capítulo (pressão/ qualidade/ volume/ temperatura)

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 38


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.6. EXIGÊNCIAS PARA INSTALAÇÃO ELÉTRICA

A fonte de energia elétrica do lugar de instalação deve possuir a capacidade suficiente para atender
as exigências de energia elétrica da máquina.
Tenha certeza que a fonte de energia da máquina esteja instalada corretamente e sempre de acordo
com as normas locais sob a penalidade da máquina operar de modo insatisfatório.

5.6.1. Dimensionamento de Cabos

Sempre tenha como referência o Diagrama Elétrico quando for fazer a primeira a instalação
elétrica da máquina. Lá estão disponíveis os “ Dados da Linha de Entrada da Rede do
Usuário”. A tabela fornece informações sobre Corrente x Voltagem da linha de entrada
de energia.
Certifique-se, antes de aplicar energia na máquina, que os condutores de entrada e o dispositivo
protetor de sobrecorrente externa estão corretamente ajustados; e se a voltagem do primário do
transformador e o dispositivo de sobrecorrente interna estão ajustados corretamente.
Falhas da não observação de tais exigências estão sujeitas a causar danos.
A linha de energia elétrica deve permanecer com fases balanceada. A voltagem de entrada nominal
não deve exceder + / - 10% de variação. A freqüência de 50 Hz ou 60 Hz deve estar dentro de 1 Hz
de variação.

NOTA
A potência nominal da máquina é alcançada e garantida somente sob a voltagem nominal.

5.6.2. Seqüência de Fases da Linha de Energia

Certifique-se que a correta sequência de fases da voltagem de entrada está em acordo


com a direção de rotação dos motores.
Quando a unidade hidráulica está presente na máquina observe a pressão de óleo fornecida pela
unidade. Uma sequência de fases incorreta conduzirá a máquina a condições de parada de emergência.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 39


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.6.3. Dispositivo Protetor de Sobrecorrente QM-11

O dispositivo protetor de sobrecorrente interno QM-11 é designado como desconnector de chave


geral e requer ser ajustado de acordo com a " Linha de Entrada deEnergia do Usuário ". Veja o
Diagrama Elétrico.
Sempre mantenha a chave geral desligada quando ajustando QM-11. Não use qualquer valor a
menos que aqueles listados na tabela de " Dados da Linha de Entrada da Rede do Usuário".

Ajuste QM-11

5.6.4. Considerações sobre o Dimensionamento dos Cabos da Linha de Entrada


de Energia

As áreas da secção transversal devem ser especificadas de acordo com a linha de voltagem e a
capacidade de potência da máquina. Também considere a queda de voltagem devido à distância
entre a máquina e o ponto de distribuição.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 40


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.6.5. Aterramento

ATENÇÃO
1. Consulte a regulamentação local vigente para preparação do aterramento.
2. Para o correto dimensionamento e instalação do aterramento é recomendada a contratação
de uma empresa especializada.

Providenciar aterramento exclusivo para a máquina com resistência menor ou igual a 5 (cinco) ohms,
dimensionado de acordo com a potência instalada. No caso de existir mais de uma máquina, elas
podem ser instaladas no mesmo aterramento, desde que sejam utilizados condutores de proteção
independentes para fazer as ligações (ver figura 02).
O aterramento, preferivelmente, deve ser construído o mais próximo possível da máquina, e caso
seja distante, evitar que o cabo terra passe próximo de linhas de alimentação elétrica.

PARA O BRASIL
Para se obter o correto aterramento deve-se utilizar o esquema TT de ligação (ver figuras abaixo),
conforme a norma NBR5410 - Capítulos 3 e 4.

L1 L1

L2 L2
L3 L3
N 1 N
1

PE MÁQUINA 1 MÁQUINA 2 PE PE MÁQUINA 1 MÁQUINA 2

2 2 2

1 - Neutro não é utilizado para conexão da máquina. 1 - Neutro não é utilizado para conexão da máquina.
2 - Eletrodos de aterramento exclusivos. 2 - Eletrodo de aterramento exclusivo.

Figura 1 Aterramento com eletrodo individual independente Figura 2 Aterramento com eletrodo individual compartilhado
(esquema TT) e conexão paralela (esquema TT)

PARA OUTROS PAÍSES


Para o correto aterramento da máquina, deve-se seguir as orientações das normas locais
vigentes.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 41


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.6.5.1. Eletrodo de Aterramento

PARA O BRASIL
O dimensionamento do(s) eletrodo(s) deve ser feito conforme NBR5410 - capítulo 6 e conforme a
potência instalada da(s) máquina(s).
Os materiais dos eletrodos de aterramento e as dimensões desses materiais devem ser selecionados
de modo a resistir à corrosão e apresentar resistência mecânica adequada.
Deve-se atentar para que as alterações nas condições de solo (por exemplo ressecamento) e eventuais
efeitos de corrosão não possam elevar a resistência de aterramento a valores incompatíveis com
a proteção contra choques elétricos (para esquema de aterramento TT na situação de dupla falta
do terra).

PARA OUTROS PAÍSES


Deve-se seguir as orientações das normas locais vigentes.

5.6.5.2. Secção mínima dos condutores de proteção

PARA O BRASIL

Segue abaixo o dimensionamento dos condutores de proteção conforme NBR5410 - Capítulo


6.4.3.1.3)

Condutores de Fase Condutores de Aterramento


(mm2) (mm2)
S < 16 S
16 < S < 35 16
S > 35 0,5S

Ponto de Aterramento
(Parte interna do Painel Elétrico)

PARA OUTROS PAÍSES


Deve-se seguir as orientações das normas locais vigentes.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 42


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.6.6. Verificação de todas as Interconexões Elétricas

Sempre desligue a chave geral antes de ter acesso ao gabinete elétrico.


Nunca tente acessar qualquer componente interno enquanto a máquina estiver energizada, sob a
penalidade de ocorrer acidentes pessoais.
Certifique-se que os passos abaixo são seguidos antes de energizar a máquina pela primeira vez.
É altamente recomendado que toda conecção elétrica seja inspecionada e apertada novamente,
utilizando ferramenta adequada durante o procedimento de instalação da máquina. Sempre
verifique cabos soltos ou conecções. Verifique todos os conectores usados. É recomendado conferir
componentes soltos dentro ou fora do painel elétrico.

5.6.7. Conexões do Alimentador de Barras

Quando o opcional Alimentador de Barras for instalado, é necessário assegurar que os jumpers da
linha de emergência sejam retirados do painel elétrico.
• Consulte o diagrama elétrico para maiores informações.

• A linha de emergência deste opcional quando trabalhando devem PARAR “toda a máquina”.

• A não observação deste procedimento de instalação, pode causar sérios acidentes pessoais
e materias.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 43


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.7. LAYOUT DA MÁQUINA
5.7.1. ROMI GL 240M
3495
2080 515
205 340 555 595 590
480
ABERTURA
DA PORTA
Distância necessária para
remoção do transportador
(pela lateral)
1300

Distância necessária para


remoção do motor
550
A
205

1170
Piso Piso

1775
2805
Vista Frontal

*Altura da Máquina para entrada do Tanque

380**
390*

**Altura total do Tanque

DETALHE A

510 1050
1560

330
660 200
1820

1
(420)

1070
1000

1380 (150)
27 1020
2950
Vista Lateral Esquerda
Vista Lateral Direita
1 Entrada de ar comprimido

Dimensões em mm

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 44


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA

5.7.2. ROMI GL 280M


3760
220 2240 625
615
140 795 675 630
540
ABERTURA Distância necessária para
DAPORTA remoção do transportador
(pela lateral)
1300

Distância necessária para


remoção do motor Transportador
3760 de Cavacos
550 A

1370
2240 625
615 1105

1170
140 795 675 630
Piso 540
ABERTURA

410
390
DAPORTA

1775
1795
1775
1800
1055
Vista Frontal

405
*Altura da Máquina para entrada do Tanque

1820
410**
380**
390*
420*

**Altura total do Tanque

1055
410

DETALHE A

1775
615 17201105 1055

660

1380 150

2950
405

1820

1
1055
1000

27 1430
1380 150
1055
3050
2950

Vista Lateral Esquerda Vista Lateral Direita


1 Entrada de ar comprimido
Dimensões em mm
T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 45
5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA

Entrada de Energia
Elétrica

5
93 1140 Entrada de Ar

693

Vista Superior

Lubrificação

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 46


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.8. LIMPEZA E PREPARAÇÃO PARA INSTALAÇÃO

Antes de ligar a máquina, remova toda a graxa protetora e sujeira de todo a superfície metálica
utilizando de removedor apropriado.
Depois de limpar, lubrifique as superfícies metálicas usando óleo de classe CGLP, viscosidade ISO
VG 68, específico para lubrificação de guias.

IMPORTANTE
* Remova todas os dispositivos de trava utilizados para transporte.

5.9. FUNDAÇÃO

Procedimentos para preparação da base da fundação e posicionamento da máquina:

• Para o assentamento da máquina, deve ser preparado uma base plana e nivelada.

• Evitar a instalação da máquina em área excessivamente suja, exposta diretamente aos raios solares,
sujeita à excessiva variação de temperatura, vibrações ou impactos causados por equipamentos
próximos.

• Observe se o local de instalação da máquina é suficientemente espaçoso para facilitar a manutenção.


Verifique o capítulo “ Layout da Máquina”.

• É de extrema importância a previsão de isolamento da base da fundação para evitar problemas de


precisão da máquina devido a vibração e/ou impacto gerados por equipamentos próximos (ondas de
choque no solo).

• Com os chumbadores devidamente instalados proceda com o preenchimento dos nichos com concreto
e GRAUTE (*1) para fixar os chumbadores;
(*1) - GRAUTE :Argamassa de grande fluidez, alta resistência mecânica, baixa retração e permeabilidade,
indicado para ancoragem de chumbadores.

• Após a secagem do graute e a instalação elétrica e pneumática concluídas deve-se solicitar a entrega
técnica da máquina através do envio do formulário que encontra-se no final deste manual ou disponível
para download no site da Romi. Ver no capítulo Entrega Técnica.

IMPORTANTE
Certifique-se que a superfície da base da fundação não tenha ondulações ou variação de nível.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 47


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.9.1. Planta de Fundação ROMI GL 240M

40
Base da fundação Isolante contra vibração
e/ou impacto

30 65

5
93

1000
1045 (*) 1269
445
2435

1000
478

200
45
1500

2750 (*)
750

15

TRANSPORTADOR

330
DE CAVACOS
305

170
1000 (*)

592 473,5 840,5 895 695

3495

3300 (*) Dimensões em milímetros

Frente da Máquina

Nível do solo

Concreto com
Armadura de aço
(*)
(*)

Nicho

Pedra britada
compactada

As informações contidas neste manual sobre a base da fundação (as dimensões marcadas com
(*)) deverão ser utilizadas apenas como referência pois o correto dimensionamento depende das
condições do solo onde será instalada a máquina.

Para o dimensionamento da base de fundação deve-se contratar uma empresa ou um profissional


especializado em fundações.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 48


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
NOTA:

No detalhe abaixo está exemplificada a forma de montagem dos chumbadores.

3
2
Ítem No Romi Descrição Qnt.

1 Chumbadores 5

2 Porca M16x2 10

3 R04520 Nivelador 5 4

4 R04521 Porca M36x2 5

5 Placa Suporte110x180x20mm 5 1
5
Os elementos 1, 2 e 5 devem ser providenciados pelo usuário.

Dimensões em mm

Parafuso de fixação Placas de Suporte ATENÇÃO:


O furo de Ø24mm é descentralizado.

90°
12,5

CORTE A-A

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 49


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.9.2. Planta de Fundação ROMI GL 280M
40

Base da fundação Isolante contra vibração


e/ou impacto
30 65

5
93

1029 711 1115


440
2505

1000
508
1575

29
860

2900
200
392
TRANSPORTADOR

330
40

DE CAVACOS
275

410 780 1075 680 815


3760

3855

Frente da Máquina Dimensões em milímetros

Nível do solo

Concreto com
Armadura de aço
(*)
(*)

Nicho

Pedra britada
compactada

As informações contidas neste manual sobre a base da fundação (as dimensões marcadas com
(*)) deverão ser utilizadas apenas como referência pois o correto dimensionamento depende das
condições do solo onde será instalada a máquina.

Para o dimensionamento da base de fundação deve-se contratar uma empresa ou um profissional


especializado em fundações.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 50


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
NOTA:

No detalhe abaixo está exemplificada a forma de montagem dos chumbadores.

3
2
Ítem No Romi Descrição Qnt.

1 Chumbadores 6

2 Porca M16x2 12

3 R04520 Nivelador 6 4

4 R04521 Porca M36x2 6

5 Placa Suporte110x180x20mm 6 1
5
Os elementos 1, 2 e 5 devem ser providenciados pelo usuário.

Dimensões em mm

Parafuso de fixação Placas de Suporte ATENÇÃO:


O furo de Ø24mm é descentralizado.

90°
12,5

CORTE A-A

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 51


5 - TRANSPORTE E INSTALAÇÃO DA MÁQUINA
5.10. UNIDADE HIDRÁULICA

A máquina incorpora uma unidade hidráulica que aciona a placa, torre de ferramentas e movimentos
de cabeçote móvel.
Tipo de óleo: hidráulico
Classe: HLP
Viscosidade: ISO VG32.
Volume do reservatório: 41 litros

IMPORTANTE
A máquina é provida com o reservatório da unidade hidráulica com aproximadamente
10 litros de óleo.
Antes de ligar a máquina o operador deve conferir o nível de óleo.
Se necessário complete o nível de óleo. É aconselhável que o abastecimento de
óleo seja feita pelos técnicos de manutenção.

5.11. LUBRIFICAÇÃO DA MÁQUINA

A máquina é provida com uma Unidade de Lubrificação Central que automaticamente lubrifica as
guias, fusos de esfera e manga do cabeçote móvel.
Tipo de óleo: Lubrificante
Classe: CGLP 68
Viscosidade: ISO VG 68
Volume do reservatório: 1,8 litros

IMPORTANTE
A máquina é provida com o reservatório da unidade de lubrificação automático
cheio, mas é recomendado verificar o nível de óleo antes de ligar a máquina, e
completar o reservatório se necessário.

5.12. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO

O usuário deve usar fluídos refrigerantes específicos para tornos CNC, na proporção de
diluição especificada por fornecedores qualificados do produto.
O uso de fluídos inadequados pode causar danos nas proteções de PVC, componentes
elétricos e oxidar os componentes metálicos da máquina.
Volume do reservatório: 190 litros.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 52


Capítulo 6

INSPEÇÃO DO OPERADOR

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 53


6 - INSPEÇÃO DO OPERADOR
6.1. LUBRIFICAÇÃO DA PLACA
IMPORTANTE
As placas devem ser lubrificadas a cada 500 a 1000 movimentos de abertura e fechamento
ou em qualquer caso de 8 a 16 horas de trabalho.
Use graxa SMW-AUTOBLOK para placas tipo GWT ou MOLIKOTE TP42.

Procedimento de Lubrificação:

• Use uma bomba manual nos bicos de lubrificação de cada castanha e naqueles
localizados radialmente ao corpo da placa.
• Faça movimentos das castanhas durante e depois a operação de lubrificação, para
distribuir a graxa dentro da castanha.
• Algumas vezes ao dia movimente as castanhas da placa para abrir e fechar totalmente
sem peça. Isto irá permitir uma melhor distribuição da graxa dentro da placa.

No caso da máquina estar equipada com aparelho de pinças, este deve ser
lubrificado a cada 8 horas de trabalho.
Use graxa MOLIKOTE TP 42, ou outra graxa recomendada pelo fabricante do
aparelho de pinças.

6.2. LIMPEZA DO TANQUE DE REFRIGERAÇÃO

• O tanque de refrigeração possui dois filtros. Limpe os filtros diariamente.


• Quando a máquina está usinando materiais como: latão, alumínio, ferro fundido
ou ligas semelhantes, o filtros devem ser limpos a cada 4 horas.
• A remoção de cavacos da caixa de tanque de refrigeração deve ser feita conforme
a necessidade.

Filtro 1 e 2

IMPORTANTE:
Recomenda-se limpar um filtro de cada vez, evitando que cavacos possam
adentrar o compartimento de sucção da bomba.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 54


6 - INSPEÇÃO DO OPERADOR
6.3. NÍVEL DE ÓLEO

• Verifique o nível de óleo lubrificante diariamente, e complete o nível de óleo no


reservatório se necessário, assegurando-se que o nível de óleo não esteja abaixo
do que indicado.

• Use óleo limpo de classe CGLP, viscosidade ISO VG 68, especial para guias de
barramento para completar o reservatório.

• Não remova o filtro tela para encher o reservatório.

6.4. LIMPEZA DE CAVACOS

Após cada 8 horas de trabalho ou em casos onde a produção de cavacos é excessiva, é recomendado
limpar os componentes mecânicos localizados dentro da área de trabalho.
Use somente fluído refrigerante (específicos para máquinas à CNC) para limpar a área de trabalho
dentro da máquina.
Periodicamente limpe todos os cavacos ou qualquer tipo de sujeira dos componentes de máquina,
como: placa, torre porta ferramentas, disco de ferramentas, cabeçote móvel, proteções de cavacos
etc...
Depois de remover e limpar toda a sujeira dos componentes, toda a superfície metálica deve ser
lubrificada, para evitar oxidação.

IMPORTANTE
Nunca use ar comprimido para limpar. O ar comprimido levará cavacos para dentro
de componentes da máquina onde eles causarão desgaste excessivo.

ADVERTÊNCIA
Não descarte cavacos ou fluído refrigerante em lugares impróprios.
O descarte de cavacos e fluído refrigerante deve ser executado por pessoas
treinadas, e deve estar de acordo com os procedimentos legais indicados pelas
leis ambientais vigentes.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 55


6 - INSPEÇÃO DO OPERADOR

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 56


Capítulo 7

MANUTENÇÃO PREVENTIVA

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 57


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.1. SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO CENTRALIZADA

Todas as guias lineares e fusos de esferas são lubrificados pelo Sistema de Lubrificação Automática.
O sistema de lubrificação utiliza um lubrificador central fabricado pela LUBE, modelo MMXL - III CE
5
93 1140

693

Vista Superior
Lubrificação

O sistema utiliza de uma bomba automática intermitente (acionada por um motor elétrico) com
ciclos de injeção ajustados. As unidades de fluxo (dosadores) distribuem óleo nos pontos a serem
lubrificados.

Volume de Descarga de Óleo e Tempo do Ciclo


O lubrificador MMXL-III é uma bomba de pistão automática intermitente que libera um determinado
volume de óleo a cada 6 minutos, conforme ajuste de fábrica.

ROMI GL 240M.............................. 1,5 cc


ROMI GL 280M.............................. 2,0 cc

Pressão de Descarga
3 Kgf/cm² (43 PSI). A pressão de pico do sistema irá diminuir quando:
1 - O volume de descarga diminuir.
2 - O número de dosadores aumenta.
3 - A viscosidade do óleo aumenta.

Faixa de Viscosidade do Óleo


150 a 8000 SSU na temperatura de operação.
Óleo a ser utilizado: viscosidade ISO VG 68 (classe CGLP) especial para guias.

Capacidade do Reservatório
1,8 litros.

Filtro de Lubrificação
Deve ser inspecionado periodicamente e limpo ou trocado, conforme requerido.

Motor
Motor síncrono de 220 V (50/60 Hz), 3 Watts.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 58


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.1.1. Manutenção periódica

• Nível de óleo
• Verifique o nível de óleo lubrificante diariamente, e complete o nível de óleo no
reservatório se necessário.

• Use óleo limpo de classe CGLP, viscosidade ISO VG68, especial para guias de
barramento para completar o reservatório.

• Não remova o filtro tela para encher o reservatório.


IMPORTANTE
Verifique diariamente o nível de óleo lubrificante e complete o reservatório, se
necessário.
Se a máquina permaneceu parada por alguns dias, é necessário acionar o sistema de
lubrificação manualmente, conferindo o seguinte procedimento:
• Verifique a posição da haste do êmbolo.
• Se a haste do êmbolo está completamente abaixada, levante-a manualmente até
que ela sugue o óleo, e deixe a haste voltar para a posição original, lubrificando
todos os pontos da máquina.
• Se a haste do êmbolo não está completamente abaixada, a máquina deve ser
ligada, e deve-se esperar até o retorno da haste, e então levante-a manualmente
para que ela sugue o óleo, e deixe a haste voltar para a posição original.

CUIDADO !

• Depois de puxar a alavanca, não a empurre para baixo porque ela


voltará à sua posição original pelo sistema de molas.
Retorno por sistema de mola

• Não abasteça o reservatório de óleo quando os eixos estiverem ligados. Desligue-os antes
de encher.

IMPORTANTE !

Se o lubrificador não estiver atuando as possíveis causas podem ser:


• Baixo nível de óleo
• Óleo contaminado
• Tubos obstruídos
• Tubos rompidos (linha aberta)
• Sujeira no filtro de sucção
• Danos na tubulação na bomba
• Viscosidade de óleo inadequada
• Ar no sistema de tubulação
• Pressostato

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 59


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
• Filtro de Sucção

É recomendável substituir o filtro de sucção a cada 12 meses de operação.
É necessário desmontar a bomba separando-a do reservatório, para se ter acesso
ao filtro.
Códigos do filtro: Romi R38059 / LUBE 489010

Filtro de
Sucção

Trava

• Unidades de Fluxo (dosadores)


É recomendável substituir as unidades de fluxo a cada 12 meses.
Veja os códigos das unidades de fluxo no catálogo de peças.

Unidade de
Fluxo

• Filtro de Linha
É recomendável substituir o filtro de linha a
cada 12 meses de operação.

Códigos do filtro: ROMI R92197 / código da


LUBE: 259304

Filtro de Linha

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 60


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA

Nunca use óleo de tipo ou marca diferente. Isto pode causar decomposição
química formando resíduo de viscosidade devido aos diferentes aditivos usados
pelos fornecedores. Esse resíduo de viscosidade pode obstruir as saídas
dosadas para os pontos de lubrificação. Use sempre óleo com viscosidade e
qualidade recomendadas.
Se houver uma troca de marca ou fornecedor do óleo, substitua completamente
o óleo do sistema, incluindo o óleo remanescente na tubulação.

• Regulagem do volume de descarga de óleo

Para regulagem do volume de descarga de óleo é necessário o seguinte procedimento:

• Regular bomba de lubrificação atuando sobre o regulador, girando-o no sentido horário ou anti-
horário.
• Aplicar adesivo vedante (para lacrar a regulagem) entre a porca e o regulador e entre a porca
e o parafuso.
• Apertar firmemente a porca contra o regulador.

Manual de Manutenção
NOTA: Somente proceda a regulagem com o pistão de acionamento completamente livre da
ação do motor.

Aplicar adesivo vedante

Porca

Regulador

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 61


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
• Troca de óleo

Se necessário trocar o óleo, proceda como segue:

• Para substituir o óleo no ínicio de um turno, drene o óleo remanescente no reservatório, limpe
o reservatório devidamente, verifique os filtros de sucção e abasteça o reservatório com óleo
limpo.

• Se a substituição do óleo ocorrer no final de um turno ou fora de horários normais de trabalho,


além do procedimento acima, drene completamente o óleo remanescente na tubulação, através
de lubrificação forçada, acionando a bomba de lubrificação manualmente.

• Para esta operação, o pistão injetor localizado


na unidade de lubrificação deve estar em LEMBRE-SE
sua posição de repouso, para evitar que uma Nunca pressione o
nova pressurização ocorra a cada 6 minutos pistão injetor para
e desligue a máquina. baixo

Manualmente, puxe o pistão injetor, libere-o e aguarde o final da pressurização.

Repita este procedimento no mínimo 20 vezes.

A parte superior da unidade de


lubrificação deve ser mantida
sempre limpa.

Não retire esta peneira


para abastecer óleo no
reservatório

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 62


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.2. SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO

O sistema de refrigeração consiste de um reservatório, transportador de cavacos, moto bombas e


tubulação completa.
O reservatório possui rodízios de maneira que pode ser removido facilmente
3495 da máquina.
2080 515
340 555 595 590
480 Transportador de Cavacos
ABERTURA
DA PORTA

Volume do Reservatório:
ROMI GL 240: 190 litros
ROMI GL 280: 230 litros
205

1170
Piso

390
1775
Resevatório Removível 2805

Conexões Elétricas para Transportador


de Cavacos, Sistema de Refrigeração,
Pistola de Lavagem (Wash Gun),
Separador de Óleo (Skimmer).

330 200

Reservatório Removível

1380 (150)
T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0
2950 63
7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.2.1. Conexões para Sistema de Refrigeração e Transportador de
Cavacos

• Não desconecte ou conecte as tomadas do Sistema de Refrigeração ou do


Transportador de Cavacos quando a chave geral estiver ligada. Seja cautelo-so
quando conectar ou desconectar as tomadas.

Tenha certeza de que elas não estejam molhadas quando manipuladas sob o
risco de ocorrer choque elétrico.

Quando qualquer dispositivo for removido ou não tenha sido instalado, certifique-
se de que a cobertura dos conectores está em seu devido lugar.

• As voltagens principais presentes nestes conectores são 220 VAC.

• Os sinais de controle usados na tomada do Transportador de Cavacos são todos


de 24 VDC.

• Nunca conecte qualquer dispositivo ao lado da Bomba de Refrigeração e


Transportador de Cavacos especialmente especificado para esta máquina, sob
risco de ocorrer severos danos para a máquina / dispositivo e operador.

• Mantenha a área destes dois conectores sempre limpa e livre de qualquer


obstrução.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 64


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.3. RECOMENDAÇÕES E CUIDADOS COM ÓLEOS DE CORTE
SOLÚVEIS EM ÁGUA

Motivo

• Evitar corrosão das peças usinadas e/ou de partes móveis e fixas da máquina.

• Evitar remoção da pintura da máquina.

• Evitar agressão às borrachas, ao turcite e aos plásticos da máquina.

Recomendações

• Adquirir produto com qualidade comprovada, que atenda as normas aqui referenciadas.

• Usar somente produto de base mineral com no mínimo 60% de óleo mineral na sua composição.
O percentual deve ser garantido pelo fornecedor.

Nota: Os produtos de base mineral não atacam tão intensamente tintas e elastômeros.

• Evitar contaminação por solventes e detritos orgânicos ou inorgânicos.

Cuidados

• Escolher um produto que tenha capacidade de emulsionar óleos estranhos sobrenadantes


para minimizar os efeitos da contaminação pelos óleos lubrificantes de guias e barramentos.

• Escolher um produto cuja formulação aceite tratamento com produtos auxiliares: ativadores
de emulsão, bactericidas, fungicidas, etc...

• Controlar o pH da emulsão do produto novo, diluído em água da rede pública. O pH deve se


situar entre 9,4 a 9,9 durante as primeiras 24/48 horas de uso, após, 9,0 a 9,4. A aferição poderá
ser feita com medidor de pH de bolso ou com uso de papel de fita para medir pH, encontrados
facilmente nos revendedores de produtos químicos e equipamentos para laboratórios.

Nota: Produtos com alcalinidade ajustada proporcionam boa lavagem das máquinas, peças e
ferramentas, sem, contudo, causar prejuízo a epiderme dos operadores.

• Controlar a concentração da emulsão do produto com o uso de refratômetro, quebra ácida ou


outro meio disponível.

• Controlar a proteção anticorrosiva conforme normas DIN 51360 parte 1 e/ou DIN 51360 parte
2.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 65


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
DIN 51360 - Parte 1

Este teste simula a corrosão provocada por cavacos de aço sobre as partes móveis e fixas
da máquina durante a operação de usinagem com o uso de óleos solúveis de baixa qualidade
ou deteriorados

teste de corrosão “cavacos de aço/placa de FOFO GG-25”,


para fluídos de corte novos ou em uso.

O teste consiste em colocar 2g de cavacos de aço (cavaco Herbert ou equivalente) sobre uma placa
de FOFO GG-25 (Ø100mm x 6mm), adicionando-se nos cavacos sobre a placa, 2 ml de emulsão
em uso ou emulsão de produto novo a ser testado. O conjunto deverá ser colocado em ambiente
úmido preparado de acordo com a norma, durante 24 horas. O resultado é expresso por duas letras,
S (manchamento preto) e R (ferrugem) seguidas do grau atingido, de ZERO a SEIS, em função do
percentual da área atacada.

O teste do produto a ser usado, diluído em água, deverá apresentar como resultado “S0R0” (S
ZERO/R ZERO) para emulsões a 3%, caso contrario, tratar a emulsão em uso ou substitui-la
, conforme recomendação do fornecedor.

GRAU DE DESCRIÇÃO DA ÁREA ATACADA


SIGNIFICADO
CORROSÃO (%)
0 Isento de Corrosão Zero
Máx. 3 Pontos de Corrosão
1 Vestígios de Corrosão
Máx.1 mm de diâmetro
2 Leve Corrosão Até 10%
3 Corrosão Moderada Acima de 10%, até 25%
4 Corrosão Acentuada Acima de 25%, até 50%
5 Corrosão Forte Acima de 50%, até 75%
6 Corrosão Muito Forte Acima de 75%

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 66


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
DIN 51360 - Parte 2

Este teste indica início de corrosão generalizada em máquinas, peças e ferramentas, provocada
pelo uso de óleos solúveis de baixa qualidade ou deteriorados proporcionando, nos graus
menores, a leitura da ocorrência antes de que sinais visíveis de corrosão possam aparecer.

Teste de corrosão “cavacos/papel filtro”


para fluídos de corte novos ou em uso.

O teste tem duração de duas horas no mínimo e duas horas e dez minutos no máximo. Consiste na
colocação de 2g de cavacos padronizados de FOFO GG-30 sobre um disco de papel filtro qualitativo
já inserido em um recipiente de vidro com tampa (PLACA DE PETRI) adequado para o teste. Por
sobre os cavacos deverão ser despejados 2ml da emulsão do produto novo diluído em água ou do
produto já em uso quando se deseja testá-lo quanto as suas características em operação. Após
o tempo previsto joga-se os cavacos fora e comparando a superfície do papel filtro com o padrão
estabelecido pela norma se faz a leitura do resultado.

Por exemplo, nenhum ponto de corrosão = GRAU ZERO. Conforme a quantidade de pontos de
ferrugem (% da área do papel filtro) será determinado o grau de corrosão que o produto pode provocar
na máquina, peças, agregados, etc...

O teste do produto a ser usado, diluído em água, deverá apresentar como resultado “GRAU
ZERO” para emulsões a 5%, caso contrario, tratar a emulsão em uso ou substitui-la , conforme
recomendação do fornecedor.

GRAU DE DESCRIÇÃO DA ÁREA ATACADA


SIGNIFICADO
CORROSÃO (%)
0 Sem Corrosão Inalterado
No máximo 3 sinais de corrosão dos
1 Vestígio de Corrosão quais nenhum tem mais que 1mm de
diâmetro
Não mais que 1% da superfície,
2 Ligeira Corrosão porém mais do que em grau 1 ou
manchas maiores
Acima de 1% da superfície, porém,
3 Corrosão Moderada
não mais do que 5% da superfície
4 Forte Corrosão Acima de 5%

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 67


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.4. PLACA AUTOBLOK
7.4.1. Manutenção Periódica

Lubrificação da Placa

Freqüência de Lubrificação:
As placas devem ser lubrificadas a cada 8 horas de trabalho ou a cada 500 a 1000 movimentos de
fechamento.

Tipo de Graxa.
Use graxa SMW-AUTOBLOK para placas tipo GWT ou MOLIKOTE TP 42.

Procedimento de Lubrificação:
Use uma bomba manual nos niples de cada castanha e naqueles localizados radialmente ao corpo
da placa.
Faça movimentos das castanhas durante e depois a operação de lubrificação, para distribuir a graxa
dentro da castanha.
Algumas vezes ao dia movimente as castanhas da placa para abrir e fechar totalmente sem peça.
Isto irá permitir uma melhor distribuição da graxa dentro da placa.

IMPORTANTE
Todas as operações de manutenção devem ser feitas com a MÁQUINA
DESLIGADA.
Antes de executar qualquer trabalho de manutenção, desligue a máquina pela
chave geral e trave a chave por meio de um cadeado, para evitar danos físicos
ou materiais.

A lubrificação periódica da placa é necessária para:


• Constantemente alcançar a força de fixação calculada.
• Garantir longa vida e precisão da placa.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 68


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
RECOMENDAÇÃO AUTOBLOK:

Para manter a placa em ordem, é necessário desmontá-la periodicamente, limpando-a cuidadosamente


e verificando as condições das superfícies de contato certificando-se que a graxa penetre
uniformemente.

Frequência de Desmontagem:

A. Uma placa nova deve ser desmontada a cada 5.000 a 8.000 ciclos de operação.

B. Após a primeira desmontagem, recomenda-se de 50.000 a 100.000 ciclos de operação.

C. Após esta manutenção, recomenda-se desmontá-la a cada 6 meses, sem considerar o número
de ciclos de trabalho.

D. Nota: Faixa de Tolerância de circularidade de placa (runout) de 0 a 0.020 mm.

E. Tolerância de Balanceamento: de 0 a 1 mm/s.

Quando a placa está totalmente desmontada proceda como segue:

A. Desengraxe e limpe cada componente com solvente a base de tricloroetileno.

B. Qualquer resíduo pode ser limpo com uma escova de aço.

C. Use uma pedra abrasiva fina para eliminar qualquer marca de rebarbas.

D. Os canais de lubrificação podem ser limpos usando-se uma arame de aço.

E. Inspecione a placa para verificar condições de excessivo desgaste que possam causar uma
perda de precisão ou quebra.

IMPORTANTE
Para se obter informações completas sobre a placa, é necessário ler o Manual de instruções
da Placa, fornecido pela SMW Autoblok, e que segue com a documentação da máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 69


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.5. APARELHOS DE PINÇAS ONÇA
7.5.1. Manutenção Periódica

Lubrificação do Aparelho de Pinça

Freqüência de Lubrificação:
Lubrificar o aparelho de pinça a cada 40 horas de trabalho.

Tipo de Graxa:
Use graxa SMW-AUTOBLOK tipo SMW - K05.

IMPORTANTE
Todas as operações de manutenção devem ser feitas com a MÁQUINA
DESLIGADA.
Antes de executar qualquer trabalho de manutenção, desligue a máquina pela
chave geral e trave a chave por meio de um cadeado, para evitar danos físicos
ou materiais.

A lubrificação periódica do aparelho de pinças é necessária para garantir


o seu bom funcionamento

7.6. CILINDRO HIDRÁULICO AUTOBLOK

O cilindro hidráulico consiste de duas partes: uma é fixa e outra gira a alta velocidade.
Os cilindros hidráulicos VNK são os mais avançados do mercado com relação a velocidade,
segurança e desempenho, eles possuem todas as condições de segurança requeridas por normas
internacionais.

Válvulas de Segurança
Os cilindros VNK possuem duas válvulas incorporadas que podem ser inspecionadas externamente.
Elas tem por função de manter a pressão em caso de redução ou interrupção da pressão de óleo.
(A mínima pressão requerida é 5 Bar).

Válvulas de Alívio
Em cada câmara do cilindro VNK há uma válvula de alívio que suporta até 50 Bar, a qual se abrirá
automaticamente em caso de sobre pressão.

Controle de Curso do Pistão


O sistema de controle do curso do pistão está situado na parte traseira do cilindro, e funciona por
meio de sensores.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 70


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
7.6.1. Manutenção Periódica

Os cilindros VNK possuem um furo de dreno no coletor de fluído refrigerante, que possui a função
de prevenir que o fluído refrigerante se misture com óleo hidráulico do sistema.
Nota: O operador deve inspecionar periodicamente o coletor, não permitindo que cavacos se
depositem neste local, evitando que o dreno seja obstruído e consequentemente o fluído
refrigerante vaze contaminando o óleo hidráulico.

IMPORTANTE

A máquina somente poderá funcionar após


ser verificado as seguintes condições:
O manômetro de placa / aparelho de pinças
deve estar indicando a pressão correta requerida para
funcionamento. A unidade hidráulica deve fornecer
óleo na pressão correta.

Coletor de fluido
Dreno refrigerante

IMPORTANTE:
1. Nunca permita o cilindro girar sem pressão de óleo.
Isto irá danificar os rolamentos, causar ruptura dos anéis de distribuição e do
corpo.

2. Nunca gire o cilindro a altas velocidades com óleo frio, isto poderá danificar os
rolamentos e os anéis dos tubos. É recomendável fazer alguns movimentos de
abertura e fechamento a baixa velocidade para pré-aquecimento.

3. Faixa de Tolerância de Batimento:


Batimento (axial) para flange de adaptação: de 0 a 0.005 mm

Batimento radial para cilindro hidráulico: de 0 a 0,010 mm

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 71


7 - MANUTENÇÃO PREVENTIVA
RECOMENDAÇÃO AUTOBLOK:

Inspeção das válvulas de segurança do cilindro

Após começar a usar o cilindro, é necessário verificar a eficiência das válvulas de segurança em
intervalos de 1 ano.
Para fazer as inspeções é necessário montar 2 manômetros (não fornecidos) nos furos de drenos A
e B (ver manual de manutenção do cilindro hidráulico) por meio das conexões adequadas.
Coloque a pressão de aproximadamente 30 Bar, alternando nas duas câmaras do cilindro, para
verificar que , quando cortado a alimentação, a pressão nas câmaras não cai abaixo de 10 Bar, por
pelo menos de 4 a 5 minutos.

IMPORTANTE
Para se obter informações completas sobre o cilindro hidráulico é necessário ler o Manual
de Instruções do Cilindro Hidráulico, fornecido pela SMW Autoblok, e que segue com a
documentação da máquina.

7.7. AJUSTE MÁXIMO DE PRESSÃO


PRESSÃO MÁX.
CÓD. DA PLACA / CÓD. DO
DISPOSITIVOS DE FIXAÇÃO DE REGULAGEM
AP. DE PINÇAS CILINDRO
(Bar)
PLACA/CILINDRO D.210/MM CAP 51 [A2-6"] BH-M 210 VNK 130-52 30
ROMI GL 240M / GL 280M

PLACA/CILINDRO D.210/MM CAP 64 [A2-6"] BB-M 210 VNK 150-67 26


PLACA/CILINDRO D.210/POL CAP 51 [A2-6"] BH-D 210 VNK 130-52 30
PLACA/CILINDRO D.210/POL CAP 64 [A2-6"] BB-D 210 VNK 150-67 26
PLACA/CILINDRO D.210/MM "K" TYPE CAP 51 [A2-6"] BH-M 210 VNK 130-52 30
PLACA/CILINDRO D.210/MM "K" TYPE CAP 64 [A2-6"] BB-M 210 VNK 150-67 26
AP. DE PINÇAS P60-C / CILINDRO CAP 60 [A2-6"] P60-C VNK 150-67 24
AP. DE PINÇAS P80-C / CILINDRO CAP 64 [A2-6"] P80-C VNK 150-67 24
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 51 [A2-6"] ----- VNK 130-52 33 bar / 40 kN
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 64 [A2-6"] ----- VNK 150-67 33 bar / 47 kN

PLACA/CILINDRO D.165/MM CAP 42 [A2-5"] BH-M 165 VNK 102-46 25


PLACA/CILINDRO D.175/MM CAP 51 [A2-5"] BB-M 175 VNK 130-52 20
PLACA/CILINDRO D.165/POL CAP 42 [A2-5"] BH-D 165 VNK 102-46 25
ROMI GL 240M

PLACA/CILINDRO D.175/POL CAP 51 [A2-5"] BB-D 175 VNK 130-52 20


PLACA/CILINDRO D.165/MM "K" TYPE CAP 42 [A2-5"] BH-M 165 VNK 102-46 25
PLACA/CILINDRO D.175/MM "K" TYPE CAP 51 [A2-5"] BB-M 175 VNK 130-52 20
AP. DE PINÇAS P42-C / CILINDRO CAP 42 [A2-5"] P42-C VNK 102-46 30
AP. DE PINÇAS P60-C / CILINDRO CAP 51 [A2-5"] P60-C VNK 130-52 28
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 42 [A2-5"] ----- VNK 102-46 33 bar / 32 kN
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 51 [A2-5"] ----- VNK 130-52 33 bar / 40 kN

PLACA/CILINDRO D.250/POL CAP 64 [A2-8"] BH-D 250 VNK 150-67 34


PLACA/CILINDRO D.250/POL CAP 76 [A2-8"] BH-D 250 VNK 170-77 31
PLACA/CILINDRO D.250/MM “K” TYPE CAP 64 [A2-8"] BH-M 250 VNK 150-67 34
ROMI GL 280M

PLACA/CILINDRO D.250/MM “K” TYPE CAP 76 [A2-8"] BH-M 250 VNK 170-77 31
AP. DE PINÇAS P60-C / CILINDRO CAP 60 [A2-8"] P60-C VNK 150-67 24
AP. DE PINÇAS P80-C / CILINDRO CAP 64 [A2-8"] P80-C VNK 170-77 21
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 64 [A2-8"] ----- VNK 130-52 33 bar / 47 kN
CILINDRO/TUBO DE TRAÇAO CAP 76 [A2-8"] ----- VNK 150-67 33 bar / 53 kN
PLACA/CILINDRO D.250/MM CAP 64 [A2-8"] BH-M 250 VNK 150-67 34
PLACA/CILINDRO D.250/MM CAP 76 [A2-8"] BH-M 250 VNK 170-77 31

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 72


Capítulo 8
CONSIDERAÇÕES GERAIS

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 73


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
8.1. CABEÇOTE MÓVEL

O torno possui um cabeçote móvel com acionamento da manga hidráulico, fornecido como equipamento
opcional.
O cabeçote é movimentado manualmente ao longo das guias de seu barramento.
A manga deve ser posicionada com um menor curso  possivel.
É importante que este componente da máquina seja explorado pelo usuário para se obter a melhor
qualidade de torneamento.
O travamento do cabeçote móvel no seu barramento é feito por meio de parafusos de trava.

ATENÇÃO
* Esteja certo de que o cabeçote móvel esteja bem travado em sua base antes de
atuar a manga.

* Quando a manga estiver avaçada, isto é, uma peça obra estiver presa entre
pontas, o cabeçote móvel nunca deverá ser destravado.

Parafusos de Trava
(Sistema mecânico)

Base de
Travamento

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 74


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
8.1.1. Ajuste dos Sensores do Cabeçote Móvel

No corpo do cabeçote móvel existem 2 sensores que informam ao CNC se a manga está avançada
ou recolhida.
Os sensores são acionados por meio dos cames instalados no eixo que se movimenta junto com a
manga.
Para cada dimensão de peça a ser usinada, os cames precisam ser ajustados.
Para ajustar o sensor de manga avançada, solte o came esquerdo, desloque-o até a posição correta
de trabalho, e aperte o came novamente.

Came Esquerdo
Came Direito

Sensor de manga
Sensor de Manga Avan- recuada
çada

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 75


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
8.1.2. Comando de Válvulas da Manga do Cabeçote Móvel

A Manga do Cabeçote Móvel é acionada por cilindro hidráulico comandado por um conjunto de válvulas
que regula a pressão, volume e direção do fluxo de óleo, montadas sobre um bloco localizado ao
lado esquerdo da máquina (proximo ao painel de comando), onde estão o indicador de pressão
(manômetro) e o manípulo para regulagem da pressão.

Indicador de pressão da
manga do cabeçote móvel

Regulagem de Pressão da
manga do cabeçote móvel

Figura ilustrativa

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 76


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS

8.2. TOMADAS DO ALIMENTADOR DE BARRAS

Não conecte ou desconecte as tomadas quando o alimentador de barras estiver


ligado.
Seja cauteloso quando conectar o desconectar as tomadas.
Tenha certeza que elas não estejam molhadas quando manipuladas sob o risco de
ocorrer choque elétrico.
Quando qualquer dispositivo for removido ou não tenha sido instalado, certifique-se
de que a cobertura dos conectores está em seu devido lugar.

As voltagens principais presentes nestes conectores são 220 VAC.

Nunca conecte qualquer dispositivo ao lado do Alimentador de Barras especialmente


especificado para esta máquina, sob risco ocorrer severos danos para a máquina /
dispositivo e operador.

Mantenha a área destes dois conectores sempre limpa e livre de qualquer


obstrução.

Tomada do Alimentador de Barras

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 77


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS

8.3. VISOR DA PORTA

O visor da porta possui uma estrutura composta por uma camada interna de vidro temperado, uma
camada intermediária de policarbonato e uma camada externa de vidro laminado. Este composto
garante uma alta resistência a impacto.

ATENÇÃO

O uso de produtos químicos pode danificar a superfície do policarbonato, causando pequenas


trincas e tornando-o opaco.

8.3.1. Procedimento de limpeza do visor (material policarbonato)

• Enxaguar com água morna.

• Utilizando-se de um sabão suave e um pano macio ou uma esponja umedecida em água


morna, lavar a superfície do visor.

• A seguir, com um pano macio ou uma esponja limpa, retirar o restante da sujeira e
fuligem.

• NÃO ESFREGAR ou utilizar escovas ou rodos.

• Repetir o enxaguamento e secar com pano macio para evitar manchas d'água.

Visor da porta
(Material policarbonato)

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 78


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS

8.4. MENSAGENS DE LADDER

Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações


Verificar a linha de emergência. Botão
A000.0 2000 FALHANOCIRCUITODEEMERGENCIA RESET cancela mensagem. Ligar a máquina
novamente.
PORTA DE MANUTENCAO ABERTA- Fechar a porta de manutenção. A tecla reset
A000.1 2001
ESQUERDA cancela a mensagem.

LIGARMAQUINA,PRESSIONEBOTAO Ao pressionar o botão MACHINE ON, cancela


A000.2 2002
MACHINE ON mensagem e energiza os acionamentos.

BOTAODEEMERGENCIAPRESSIONADO Destravarobotãodeemergênciadopainelde
A000.3 2003
PAINEL OPERACAO operação.

Verificarconfirguraçãodosidiomas.Amensagem
A000.4 2004 ERRONACONFIGURACAODEIDIOMAS
é cancelada após a correção do problema

Aguardarohidráulicoligar.Amensagemsome
SISTEMA HIDRAULICO NAO ATINGIU
A000.5 2005 automaticamente. Caso contrário verificar se a
PRESSAO DE TRABALHO
Unid. Hidráulica ligou e pressostato.

VerificarfuncionamentodaUnidadeHidráulica
FALHA DE PRESSAO NO SISTEMA
A000.6 2006 e Pressostato. A tecla RESET cancela a
HIDRAULICO
mensagem.
Verificar motor da unidade hidráulica e/ou
DISJUNTORDOMOTORHIDRAULICO
A000.7 2007 disjuntor do motor. A mensagem é cancelada
DESARMADO
após a correção do problema.

Verificar motor da bomba de refrigeração e/ou


DISJUNTOR DO MOTOR DE disjuntor do motor. Verficar se a bomba não está
A001.0 2008
REFRIGERACAO DESARMADO com sujeira. A mensagem é cancelada após a
correção do problema.

Verificarmotorddoventiladore/oudisjuntordo
DISJUNTORDOMOTORDOVENTILADOR
A001.1 2009 motor. A mensagem é cancelada após a correção
DO EIXO ARVORE DESARMADO
do problema.
Verificarprogramação.AteclaRESETcancela
A001.2 2010 CODIGO "M" INVALIDO
a mensagem.
Verificarprogramação.AteclaRESETcancela
A001.3 2011 CODIGO "T" INVALIDO
a mensagem.
Verificar programa de usinagem. Tecla RESET
A001.4 2012 CODIGO "S" INVALIDO
cancela a mensagem.
Verificarprogramadeusinagem.TeclaRESET
A001.5 2013 ERRO DE PROGRAMACAO
cancela a mensagem.
Abastecersistemadelubrificação.Apósisso
BAIXONIVELDEOLEODELUBRIFICACAO
A001.6 2014 mensagem é apagada com OK do operador
DAS GUIAS
ou RESET.

Verificarosistemadelubrificação.Amensagemé
A001.7 2015 LUBRIFICACAO DEFICIENTE
cancelada após um ciclo correto de lubrificação.

Verificarosistemadelubrificação.Amensagemé
A002.0 2016 FALHANALUBRIFICACAODASGUIAS
cancelada após desligar e religar a máquina.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 79


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações
Atençãoaoexecutarmovimentosnamáquina
CUIDADO!MODOSETUP,SEGURANCA enquanto o modo setup estiver ativo. A
A002.1 2017
DESATIVADA mensagem é cancelada após sair do modo
Setup.

Uma tentativa de selecionar o modo setup foi


feita enquanto a máquina esta em operação.
A002.2 2018 MODO SETUP NAO PERMITIDO
Retornar a chave de seleção para a posição
original para remover a mensagem.

Verificar se a porta está corretamente


FALHA NA TRAVA DA PORTA DO
A002.3 2019 fechada. Verificar a trava elétrica da porta. A
OPERADOR
tecla RESET cancela mensagem.

Apósabriraportadooperadorestamensagemé
A002.4 2020 ABRIR PORTA DO OPERADOR
desativada.
Após o fechamento da porta do operador esta
A002.5 2021 PORTA DO OPERADOR ABERTA
mensagem é desativada.

Deve-se referenciar os eixos. Após o


A002.6 2022 EIXOS NAO REFERENCIADOS
referenciamento esta mensagem é desativada.

RETIRAR EIXOS DAS MARCAS DE Ao se retirar os eixos de cima dos micros a


A002.7 2023
REFERENCIA mensagem é cancelada.
Éapenasumainformação.AteclaRESETcancela
A003.0 2024 MAQUINA JA REFERENCIADA
a mensagem.

Verificar sensores e solenóides da placa. A


A003.1 2025 FALHA NA PLACA-ESQUERDA
tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar se há peça na placa ou se a peça


está mal fixada. Gera emergência se o eixo
A003.2 2026 PLACA SEM PECA-ESQUERDA
árvore estiver girando, se estiver parado não
permite movimentos.

Estafalhabloqueiaofuncionamentoemmodo
A003.3 2027 PLACA ABERTA-ESQUERDA automático. Verificar a peça está mal fixada
na placa. Verificar sensores da placa.

FALHANAPLACAAOSOLTARAPECA- Verificar sensores e solenóides da placa. A


A003.4 2028
ESQUERDA tecla RESET cancela a mensagem

FALHANAPLACAAOPRENDERAPECA- Verificar sensores e solenóides da placa. A


A003.5 2029
ESQUERDA tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar se a peça está presa e se o sensor


correto está acionado. Verificar funcionamento
A003.6 2030 PECA SOLTA-ESQUERDA
dos sensores e solenóides. Tecla RESET
cancela a mensagem.

Verificar solenóides e sensores do cabeçote


A003.7 2031 FALHA NO CONTRA PONTO
móvel. A tecla RESET cancela a mensagem.

Verificarseocabeçotemóvelestáforadaposição
A004.0 2032 CONTRA PONTO FORA DE POSICAO ou se o sensor (avançado ou recuado) não está
acionado.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 80


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações

PERIGO! EIXO NA AREA DE COLISAO Verificar a posição do eixo para evitar colisão. A
A004.1 2033
COM CONTRA PONTO tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar se o cabeçote móvel está


movimentando. Verificar sensor de cab. Móvel
A004.2 2034 FALHANORECUODOCONTRAPONTO
recuado e solenóides. A tecla RESET cancela a
mensagem.
Verificar se o cabeçote móvel está
movimentando. Verificar sensor de cab. Móvel
A004.3 2035 FALHANOAVANCODOCONTRAPONTO
avançado e solenóides. A tecla RESET cancela a
mensagem.
Recolocar a torre na posição com os botões
de JOG. Verificar conexões de solenóides,
A004.4 2036 TORRE FORA DE POSICAO
sensores e motor da torre. A tecla RESET
cancela a mensagem.
Recolocar a torre na posição com os botões de
JOG. Verificar conexões de solenóides, sensores
A004.5 2037 FALHANODESTRAVAMENTODATORRE
e motor da torre. A tecla RESET cancela a
mensagem.
Verificar solenóide de trava / destrava torre. A
A004.6 2038 FALHA NO TRAVAMENTO DA TORRE
tecla RESET cancela a mensagem.
Este alarme é gerado pelo drive da torre
localizado dentro do painel elétrico. Verifque o
A004.7 2039 TORRECOMFALHA:VERIFICARDRIVE
status do display do drive e consulte o manual do
fabricante.

FERRAMENTA ATIVA SEM Referenciaraferramentaativa.Sepersistirafalha


A005.0 2040
REFERENCIAMENTO consulte a Assistência Técnica Romi.

VERIFICARGERENCIAMENTODAVIDA
A005.5 2045 Zerar o contador de vida útil das ferramentas.
UTIL DAS FERRAMENTAS
HABILITADO NOVO SIST. DE COORD. Verificarprogramasdeusinagemecoodenadas
A005.6 2046
CONVERTER COORD.EXT.E G54 A G59 de G54 a G59.
É um lembrete para verificar o filtro do painel
VERIFICARLIMPEZADOSFILTROSDO
A005.7 2047 elétrico. Desligando a chave geral a menagem
PAINEL ELETRICO
é cancelada.
Indicaqueonúmerodepeçasprogramadasfoi
A006.0 2048 ZERAR CONTADOR DE PECAS
atingido.
Verificar motor da bomba de limpeza e/ou
DISJUNTOR DA BOMBA DE LIMPEZA
A006.1 2049 disjuntor do motor. A mensagem é cancelada
DESARMADO
após a correção do problema.
Verificar motor do exaustor de névoa e/ou
DISJUNTORDOMOTORDOEXAUSTOR
A006.2 2050 disjuntor do motor. A mensagem é cancelada
DE NEVOA DESARMADO
após a correção do problema.
Verificar solenóides e sensores do aparador
FALHANOAVANCODOAPARADORDE de peças, ou se o aparador não está travado
A006.3 2051
PECAS mecanicamente. A tecla RESET cancela a
mensagem.
Verificar solenóides e sensores do aparador
FALHANORECUODOAPARADORDE de peças, ou se o aparador não está travado
A006.4 2052
PECAS mecanicamente. A tecla RESET cancela a
mensagem.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 81


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações
Verificar solenóides e sensores do aparador
de peças, ou se o aparador não está travado
A006.5 2053 APARADORDEPECASFORADEPOSICAO
mecanicamente. A tecla RESET cancela a
mensagem.

Verificarsensores,relesemotordaporta,ousea
FALHA NA ABERTURA DA PORTA DO
A006.6 2054 porta está travada mecanicamente. A tecla RESET
OPERADOR
cancela a mensagem.

Verificarsensores,relesemotordaporta,ousea
FALHANOFECHAMENTODAPORTADO
A006.7 2055 porta está travada mecanicamente. A tecla RESET
OPERADOR
cancela a mensagem.

MOVIMENTO DO EIXO C PROIBIDO. Desligarocontroledetorqueantesdeexecutar


A007.0 2056 CONTROLE DE TORQUE LIGADO- um movimento do eixo C. A tecla OK OPER
ESQUERDO cancela a mensagem.
Verificar solenóides e pressostatos relativos
FALHA AO LIGAR O CONTROLE DE
A007.1 2057 ao controle de torque. A tecla RESET cancela a
TORQUE
mensagem.
Verificar solenóides e pressostatos relativos
FALHAAODESLIGAROCONTROLEDE
A007.2 2058 ao controle de torque. A tecla RESET cancela a
TORQUE-ESQUERDO
mensagem.

Verificar válvula e sensores do leitor de


LEITOR DE FERRAMENTAS FORA DE
A007.3 2059 ferramentas. A tecla RESET cancela a mensagem.
POSICAO
A tecla RESET cancela a mensagem.

FALHA AO AVANCAR O LEITOR DE Verificarsensores,relesemotordeavanço/recuo


A007.4 2060
FERRAMENTAS do leitor. A tecla RESET cancela a mensagem.

FALHA AO RECUAR O LEITOR DE Verificarsensores,relesemotordeavanço/recuo


A007.5 2061
FERRAMENTAS do leitor. A tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar se há travamento mecânico da esteira


TRANSPORTADOR DE CAVACOS 1
A007.6 2062 do transportador de cavacos se ou regulagem do
SOBRECARREGADO
micro. Tecla RESET cancela mensagem.

Verificar motor do transportador de cavacos e


DISJUNTOR DO TRANSPORTADOR disjuntor deste. A mensagem é cancelada após
A007.7 2063
CAVACO 1 DESARMADO a correção do problema. Tecla RESET cancela
mensagem.

Verificarmotordabombadapistoladelavageme
DISJUNTORDABOMBADAPISTOLADE
A008.0 2064 disjuntor deste motor. A mensagem é cancelada
LAVAGEM DESARMADO
após a correção do problema.

PRESET MANUAL DE FERRAMENTAS Informaçãodequeopresetdeferramentasestá


A008.1 2065
LIBERADO pronto para operação.

PROGRAMADETESTEFOIEXECUTADO. Desligar e ligar a maquina novamente para


A008.2 2066
DESLIGAR E LIGAR MAQUINA cancelar a mensagem

Verificar configuração dos opcionais. A


A008.3 2067 ERROCONFIGURACAODOSOPCIONAIS mensagem é cancelada após o problema ser
corrigido.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 82


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações
VERIFICAR!DISPOSITIVODENTRODA Retirar o dispositivo que se encontra na área de
A008.4 2068
AREA DE COLISAO colisão.
FALHAGEROUAUTODESLIGAMENTO. Verificar histórico de mensagens para
A008.5 2069
VERIFICAR HISTORICO MENSAGENS diagnosticar a falha ocorrida.

Fica ativo em quanto o eixo estiver bloqueado,


A008.6 2070 EIXOARVOREBLOQUEADO-ESQUERDO
esta mensagem é somente para orientação

Verificarfalhanoalimentadordebarras.TeclaOk
A009.1 2073 FALHANOALIMENTADORDEBARRAS
Operador ou RESET cancela mensagem.

Apóstrocadofiltroamensagemédesativada.
FILTRO SUJO PAINEL ELETRICO, A tecla OK OPER ou RESET pressionado
A009.3 2075
SUBSTITUIR desativa o alarme sonoro. Se o filtro não for
substituído o alarme volta a tocar após 30min.

Verificar pressão da Unidade hidráulica;


FALHA PRESSOSTATO DO SISTEMA
A009.4 2076 Verificar pressostato. A tecla RESET cancela
HIDRAULICO
a mensagem.
Verificar a falha no condicionador de ar. A
A009.5 2077 FALHA NO CONDICIONADOR DE AR
tecla RESET cancela a mensagem.
O sinal enviado pelo resolver indicou uma
FALHATORREPOSICAOREALDIFERENTE
A009.6 2078 posição diferente da solicitada. Consultar o
DA PROGRAMADA
manual do fabricante.

Verificar os sinais que vem da automação


A009.7 2079 FALHA NA AUTOMACAO EXTERNA externa, se o problema for resolvido a tecla
reset cancela a mensagem.

Verificar solenóide e sensores do expulsor de


A011.5 2093 FALHANOAVANCOEXPULSORDEPECA
peças. A tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar solenóide e sensores do expulsor de


A011.6 2094 FALHANORECUOEXPULSORDEPECA
peças. A tecla RESET cancela a mensagem.

Verificar solenóide e sensores do expulsor de


A011.7 2095 FORADEPOSICAOEXPULSORDEPECA
peças. A tecla RESET cancela a mensagem.

BAIXA PRESSAO PNEUMATICA NO


A012.0 2096 Verificar pressão da unidade pneumática.
EXPULSOR DE PECAS
A012.1 2097 ERRO NA LEITURA DO APALPADOR Verificar posicionamento do apalpador.
A012.2 2098 FALHA BATERIA BAIXA APALPADOR Verificar bateria do apalpador.
TRANSPORTADORCAVACOSHELICOIDAL
A012.3 2099 Limpar transportador de cavacos.
ENROSCADO
DISJUNTORDESARMADODOMOTOR
Verificar se transportador de cavacos está
A012.4 2100 DO TRANSPORTADOR CAVACO
enroscado. Rearmar o disjuntor.
HELICOIDAL

Verificar se há travamento mecânico da esteira


TRANSPORTADOR DE CAVACOS 2
A014.7 2119 do transportador de cavacos se ou regulagem do
SOBRECARREGADO
micro. Tecla RESET cancela mensagem.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 83


8 - CONSIDERAÇÕES GERAIS
Endereço Nº Mensagem Possíveis causas / ações
Verificar motor do transportador de cavacos e
DISJUNTORTRANSPORTADORCAVACO2 disjuntor deste. A mensagem é cancelada após
A015.0 2120
DESARMADO a correção do problema. Tecla RESET cancela
mensagem.
Verificarfuncionamentodalinhapneumática
FALHA DE PRESSAO NO SISTEMA
A015.1 2121 e pressostato. A tecla RESET cancela a
PNEUMATICO
mensagem.

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 84


Capítulo 9

GRÁFICOS DE POTÊNCIA,

LAYOUT DE TRABALHO E

FERRAMENTAL

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 85


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.1. GRÁFICOS DE POTÊNCIA
9.1.1. ROMI GL 240M
1-MOTOR

Cabeçote - 6.000 rpm 25


Nariz ASA A2-5”
Regime S2 - 15 min.
20

POTÊNCIA (CV)
15

12
10
110 Nm

1275

2975

5950
2-TORRE
0
Potencia máxima 6 KW ( 8,16CV )
0 1000 2000 3000 4000 5000 6000 7000
Regime S3-40% -10min S3 40%
Torque máximo 28 Nm
ROTAÇÃO (RPM)

3-Regime declarado :
Cabeçote - 4.500 rpm 25
Tomando a curva S3 40% para o motor é encontado o valor de carga de 140% , assim a curva é feita multiplicando o no
Nariz ASA A2-6” O regime S3 40% declarado é de 10min , sendo 4 min com carga e 6 min sem carga .
Regime S2 - 15 min.
20
4-Curva S3 40 % do Alpha 22 com os pontos extraídos do gráfico e multiplicados por X1,4 , para se obter o regime 140%

RPM Nm KW CV
POTÊNCIA (CV)

0 15
25,2 0 0,0
1000 23,1 2,4 3,3
2000 21 4,4 6,0
12
3000 18,9 5,9 8,1
4000 10
15,4 6,5 8,8
5000 12,6 6,6 149 Nm
9,0
6000 10,5 6,6 9,0
5
5-Dados para divulgação
2205

4410
945

RPM Básica 2500 RPM


Potencia 0 7,5 CV
0 1000 2000 3000 4000 5000
Torque 21 Nm
ROTAÇÃO (RPM)

GL240 M
Ferramenta Acionada
10,0
6.600 rpm
Tabela auxiliar para gráfico
8,0 Regime S3 40% 15min.
RPM CV
(CV)

0 0
6,0 2500 7,5
POTÊNCIA
CV

4,0 RPM CV
2500 7,5
6000 7,5 21 Nm
2,0
2500

0,0
0 2000 4000 6000
RPM

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 86


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL

9.1.2. ROMI GL 280M

3030
Cabeçote - 4.500 rpm
30
Nariz ASA A2-6” 2525 Regime S2 - 30 min.
25
2020

POTÊNCIA (CV)
(CV)(CV)
20

POTÊNCIA
1515

POTÊNCIA
15
180
180 NmNm
1010
180 Nm
10

5 5
5

3900

4500
3900

4500
975
975975

3900

4500
0 0
0 0 0 1000
1000 2000
2000 3000
3000 4000 5000
4000 5000
0 1000 2000 3000 4000 5000
ROTAÇÃO
ROTAÇÃO (RPM)
(RPM)
ROTAÇÃO (RPM)

Cabeçote - 3.500 rpm 3030


30
Nariz ASA A2-8”
Regime S2 - 30 min.
2525
25

20
20
POTÊNCIA (CV)

20
(CV)
POTÊNCIA(CV)

15
POTÊNCIA

15
15

10 234 Nm
10
10 234 Nm
234 Nm

5
55
3500
3000
750

3500
3000

3500
750

3000
750

0
00 0 1000 2000 3000 4000
00 1000
1000 2000
2000 3000
3000 4000
4000
ROTAÇÃO (RPM)
ROTAÇÃO(RPM)
ROTAÇÃO (RPM)

Ferramenta Acionada 12,0


12,0
4.000 rpm
10,0
10,0
10 min. -S3
Regime regime S3
40% 10min.
8,0
POTÊNCIA (CV)

8,0
(CV)
POTÊNCIA (CV)

35
35Nm
Nm
35
35 Nm
Nm
6,0
POTÊNCIA

6,0

4,0
4,0
4,0

2,0
2,0
2,0
1600
1600
1600

0
00
0 1000 2000 3000 4000
00 1000
1000 2000
2000 3000
3000 4000
4000
ROTAÇÃO (RPM)
ROTAÇÃO
ROTAÇÃO(RPM)
(RPM)

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 87


ZERAMENTOS DOS EIXOS
2 3 4 5 6 7 8
96
9535- GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.2. CURSOS E ZERAMENTOS - ROMI GL 240M
Z- Z+
ZERAMENTOS DOS EIXOS
Proteções
-Z +Z -X +X

395 5 184 4
96 535

Face do disco
Z- Z+
Face do árvore

270
Proteções

X+
X-
MACHINE HOME

180
Face do disco
Face do árvore

270

CL do árvore

X+
X-
MACHINE HOME

180
CL do árvore

- Nota: Volteio máximo da peça sobre a proteção do eixo Z = Ø4

CABEÇOTE MÓVEL
CABEÇOTE MÓVEL
- Nota: Volteio máximo da peça sobre a proteção do eixo Z = Ø4
Curso da manga 95
CM4 - R86729
( ROHM 600 - 20VL)

CABEÇOTE MÓVEL
CL do árvore 132
Curso da manga 95
Face do árvore

CM4 - R86729
( ROHM 600 - 20VL)
Curso da base
445

CL do árvore 132
780
Face do árvore
Ref. T45864B

Curso da base
445

780
T48129D
PLACASManual
DISPONIVEIS (AUTOBLOK)
do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 88
10 11 12 13 14 15 16 17 18

10 11 12 13 14 15 16 17 18
9-G RÁFICOS DE P OTÊNCIA, L
AYOUT’s E FERRAMENTAL

9.3. LAYOUT DE TRABALHO - ROMIEXTERNO


SUPORTE GL 240M

SUPORTE EXTERNO
• SUPORTE DE FERRAMENTA PARA TORNEAMENTO EXTERNO

535

do árvore
535

árvore
47
Face
Face do

X- =184X- =184
47
130

25

180
20x20

25
130

25

180
20x20

25
93 Z- =395

93 Z- =395

• SUPORTE DE FERRAMENTA PARA TORNEAMENTO INTERNO


SUPORTE INTERNO

SUPORTE INTERNO

535
do árvore

535
árvore

75
Face

X- = 184X- = 184

32
Face do

75
180

32
180

180
180

65 Z- = 395

65 Z- = 395

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 89


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
• SUPORTE DE FERRAMENTA PARA TORNEAMENTO INTERNO COM OFFSET
SUPORTE INTERNO COM OFFSET - 30mm

535

Face do árvore

85
X- = 184

32
150

180
55 Z- = 395 30

19 20 21 22 23 24 25 26 27

SUPORTE
• SUPORTE DE FERRAMENTA FRONTAL FRONTAL
PARA TORNEAMENTO

É PROIBIDO COPIAR, ALTERAR, DISTRIBUIR OU EXPOR SEM AUTORIZAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
INDÚSTRIAS ROMI S.A. - UNAUTHORIZED COPYING, ADAPTATION, DISTRIBUTION OR DISPLAY IS PROHIBITED. ALL RIGTHS RESERVED.
SUPORTE ACIONADO RADIAL

535
do árvore

535

60
árvore
Face doFace

25
X- = 184

76
138
X- = 184

180

20x20
135

42

180
45

1~16

55 Z- = 395

64 Z- = 395

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 90


NOTA: APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA
SUPORTE
DESCRIÇÃOINTERNO
TOLERÂNC. PARA MEDIDAS ANGULARES SEM INDICAÇÃO
LAYOUT DE COM OFFSET
TRABALHO - 30mm
GL 240 COM DISCO VDI 30 T. TÉRM. ---
A ZERAMENTOS DOS EIXOS

9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL J

É PROIBIDO COPIAR, ALTERAR, DISTRIBUIR OU EXPOR SEM AUTORIZAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
535

INDÚSTRIAS ROMI S.A. - UNAUTHORIZED COPYING, ADAPTATION, DISTRIBUTION OR DISPLAY IS PROHIBITED. ALL RIGTHS RESERVED.
96 525
• SUPORTE DE FERRAMENTA
SUPORTEACIONADO RADIAL
ACIONADO - SOMENTE PARA TORRE "M"
RADIAL

Face do árvore
Proteções Z- Z+
B

75

Face do árvore
X- = 184
32
K

Face do disco
535

180

260
Face do árvore

X+
C

180
MACHINE HOME 76

X-

185
L
X- = 184

135
65 Z- = 395 C
L do árvore
D

180
45
1~16

M
64 Z- = 395

E DIAG

SUPORTE
• SUPORTE DE FERRAMENTA ACIONADO
ACIONADO AXIALAXIAL
- SOMENTE PARA TORRE "M"
N
CABEÇOTE MÓVEL 190 Máx. Torn

NOTA: APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA


F
Curso da manga 535
TOLERÂNC. PARA MEDIDAS ANGULARES SEM INDICAÇÃO 95
DESCRIÇÃO LAYOUT DE TRABALHO
CM4GL- R86729
240 COM DISCO VDI 30 T. TÉRM. ---
DA LADO > 10 > 50 > 120 Máx. 440
OR DO ANG
< 10
< 50 < 120 < 400
> 400 ( ROHM 600 - 20VL) Sem interferencia
MATERIAL --- ESCALA 1:10
1° 30' 20' 10' 5' com as proteções
Face do árvore

ADA

USINADA 1° 30' 50' 25' 15' 10' PROJETADO VINICIUS 04/09/2009 FOLHA PROJEÇÃO FORM.
L.(mm) P/ CHANFROS/RAIOS SEM INDIC. TOLERÂNCIA DESENHADO JANCARLO 04/09/2009
DA
<3
>3 > 6 > 30
PARA MEDIDAS
CL do árvore
100
132
CONTROLADO VINICIUS 04/09/2009
1/1 A1
Face do árvore

<6 < 30 ANGULARES DE


X- = 184

CIFIC.
CHANFROS
ADA 0.5 0.5 1.0 2.0 1~16
REFERÊNCIA N° REF. MODELO APLICAÇÃO
G SEM INDICAÇÃO
T45862 N° T45864B
180

USINADA 0.5 1.0 2.0 4.0 3°


Curso da base
--- P464
305
19 20 21 22 23 24 25 26 27
180

640
288

Cu
H 40 Z- = 395
rso

PLACAS DISPONIVEIS (AUTOBLOK)


• PLACAS DISPONÍVEIS

I
NOTA: APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA
A

TO
MEDIDA
MENOR
USINA
B B NOVO BARRAMENTO DO CP. ALT. O LAYOUT JANCARLO VINICIUS 09/10/2009
NÃO U
C ED. MODIFICAÇÃO MODIF. APROV. DATA
TOL.
J ED.
TOLERÂNCIAS (mm) PARA MEDIDAS LINEARES SEM INDICAÇÃO MODIFICAÇÃO
MEDID
MEDIDA > 6 > 30 > 120 > 400 > 1000 > 2000
TOLERÂNCIAS (mm) PARA ME
> 4000 ESPEC
T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL< 6280M
ESPECIFICADA < 30 v2.0
< 120 < 400 < 1000 91
< 2000 < 4000
MEDIDA >USINAD
6
0.1 0.2 0.3 0.5 0.8 1.5 2 < 6
USINADA ESPECIFICADA 3 < 30

0.2 0.5 0.8 1.5 2 USINADA


3 4 0.1 5 0.2 US
NÃO
NÃO USINADA
NÃO USINADA 0.2 0.5
11 12 13 14 15 16 17 18 1
1 2 3 4 5 6 7 8
2 3 4 5 6 7 8 9
9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
ZERAMENTOS DOS EIXOS
9.4.
2 CURSOS
3 E ZERAMENTOS
4 5 - ROMI GL
6 280M 7 8 9

132 ZERAMENTOS
665 DOS EIXOS
Proteções Z- Z+
-Z +Z -X +X
132 665
535 5 208 4
Proteções Z- Z+
Face do árvore

Face do disco
340
Face do árvore

Face do disco

X+
340

X-
MACHINE HOME

195
X+
CL do arvore

X-
MACHINE HOME

195
CL do arvore

CABEÇOTE MOVEL
CABEÇOTE MÓVEL

Curso da manga 130 CABEÇOTE MOVEL


CM4 - R86729
( ROHM 600 - 20VL)

Curso da manga 130


CM4 - R86729
CL do árvore
109( ROHM 600 - 20VL)
Face do árvore

Curso da base
CL do árvore 335
109
Face do árvore

773
Curso da base
335
Ref. T45862B

773

PLACAS DISPONIVEIS (AUTOBLOK)

PLACAS DISPONIVEIS (AUTOBLOK)


A

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 92


A

B
SUPORTE EXTERNO

11 12 13 149 - GRÁFICOS
15 DE POTÊNCIA,
16 LAYOUT’s
17 E FERRAMENTAL
18 19
665

9.5. LAYOUT DE TRABALHO - ROMI GL 280M


SUPORTE EXTERNO

Face do árvore
• SUPORTE DE FERRAMENTA PARA TORNEAMENTO EXTERNO

665 54

X- = 208

140

197
135
110
Face do árvore

30

195
25x25

25
54
50
X- = 208

135
140

197
135
110
192

30

195
25x25

25
76 Z- = 535

50

135

192

76 Z- = 535

SUPORTE INTERNO
• SUPORTE DE FERRAMENTA PARA TORNEAMENTO INTERNO

665

SUPORTE INTERNO
Face do árvore

40
665 90
X- = 208

170

110
195

197
Face do árvore

195

40
90
X- = 208

48
170

110
195

197

81

175
195

40 Z- = 535

48
Nota: Desconsiderado interferência com o ponto rotativo
81 NOTA:
-DESCONSIDERADO INTERFERÊNCIA COM O PONTO ROTATIVO
175
T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 93
40 Z- = 535
SUPORTE ACIONADO AXIAL
E

9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL


• SUPORTE DE SUPORTE INTERNO
FERRAMENTA COM OFFSET
PARA TORNEAMENTO - 25mm
INTERNO COM OFFSET F

665

G
Face do árvore

40 90
X- = 208

110
170

197
135 H

25

195
50

135

192
I
40 Z- = 535

Nota: Desconsiderado interferência com o ponto rotativo


20 21 22 23 NOTA: 24 25 26 27
O -DESCONSIDERADO INTERFERÊNCIA COM O PONTO ROTATIVO
J

É PROIBIDO COPIAR, ALTERAR, DISTRIBUIR OU EXPOR SEM AUTORIZAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
INDÚSTRIAS ROMI S.A. - UNAUTHORIZED COPYING, ADAPTATION, DISTRIBUTION OR DISPLAY IS PROHIBITED. ALL RIGTHS RESERVED.
SUPORTE
• SUPORTE DE FERRAMENTA FRONTALFRONTAL
PARA TORNEAMENTO
A
SUPORTE ACIONADO RADIAL

665

665 K

B
do árvore
do árvore

32 90
73
FaceFace

X- = 208

L
151 142

197 197
135

110 110
X- = 208

C
135

25x25
195
53

195

2~20

50
50 M
135
135 D
192
192
25 Z- = 535
40 Z- = 535

N
T48129D NOTA:
Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 94
-APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA E
RA MEDIDAS ANGULARES SEM INDICAÇÃO
> 10 > 50 > 120
DESCRIÇÃO LAYOUT DE TRABALHO GL 280 COM DISCO VDI 40 T. TÉRM. ---
10 > 400
< 50 < 120 < 400
MATERIAL --- ESCALA 1:10
IVO
665
SUPORTE EXTERNO
-DESCONSIDERADO INTERFERÊNCIA COM O PONTO ROTATIVO
J

É PROIBIDO COPIAR, ALTERAR, DISTRIBUIR OU EXPOR SEM AUTORIZAÇÃO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
INDÚSTRIAS ROMI S.A. - UNAUTHORIZED COPYING, ADAPTATION, DISTRIBUTION OR DISPLAY IS PROHIBITED. ALL RIGTHS RESERVED.
9 650
- GRÁFICOS
SUPORTE DE POTÊNCIA,
ACIONADO RADIALLAYOUT’s E FERRAMENTAL

do árvore
• SUPORTE DE FERRAMENTA ACIONADO RADIAL - SOMENTE PARA TORRE "M"
40

árvore

Face do árvore
90

X- = 208
K

Face doFace
665

170

110
195

197
X- = 208

195
Face do árvore

140

200

170

146
90
215

215
48 25x25 L

X- = 208
81

151

197
135
110
175
80
40 Z- = 535

195
2~20
200
250
50 95
M
68 Z- = 535
135 NOTA:
-DESCONSIDERADO INTERFERÊNCIA COM O PONTO ROTATIVO
192

40 Z- = 535
5mm SUPORTE ACIONADO AXIAL
CABEÇOTE
• SUPORTE DE FERRAMENTA ACIONADO AXIAL - MOVEL
SOMENTE PARA TORRE "M" N
NOTA:
VO -APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA
ENTA
. PARA MEDIDAS ANGULARES SEM INDICAÇÃO
DESCRIÇÃO
665
Curso da manga 130
LAYOUT DE TRABALHO GL 280 COMCM4
DISCO VDI 40 T. TÉRM. ---
< 10
> 10 > 50 > 120
> 400
- R86729
< 50 < 120 < 400
MATERIAL --- ( ROHM 600 - 20VL)ESCALA 1:10
1° 30' 20' 10' 5'
Face do árvore

1° 30' 50' 25' 15' 10' PROJETADO RAFAEL 25/08/2009 FOLHA PROJEÇÃO FORM.
O
HANFROS/RAIOS SEM INDIC. TOLERÂNCIA DESENHADO JANCARLO 25/08/2009
<3
>3 > 6 > 30
PARA MEDIDAS CL do árvore 109
RAFAEL 04/09/2009
1/1 A1
<6 < 30 ANGULARES DE
2~20CONTROLADO
127
X- = 208

CHANFROS
Face do árvore

0.5 0.5 1.0 2.0 REFERÊNCIA N° REF. MODELO APLICAÇÃO


SEM INDICAÇÃO
T39892 N° T45862B
110

--- P465
195

197
135

0.5 1.0 2.0 4.0 3°

Face do árvore
Curso da base
20 21 22 23 24 335 25 26 27
195

24 773
40 48
81
175
280 3 Z- = 535 Nota: Desconsiderado interferência com o ponto rotativo
Máx. Torn. PLACAS DISPONIVEIS (AUTOBLOK)
• PLACAS DISPONÍVEIS

NOTA:
Centro APENAS PARA TORRE COM FERRAMENTA ACIONADA
DESCONSIDERADO INTERFERÊNCIA COM O PONTO ROTATIVO
87
A

do arvore
TOLERÂNC. PAR
MEDIDA LADO
<1
MENOR DO ANG
USINADA 1
B NOVA PROTEÇAO DA TORRE ALT. O LAYOUT JANCARLO RAFAEL 24/09/09
B NÃO USINADA 1° 3
ED. MODIFICAÇÃO MODIF. APROV. DATA
TOL.(mm) P/ CHANF
C TOLERÂNCIAS (mm) PARA MEDIDAS LINEARES SEM INDICAÇÃO
MEDIDA
<3
MEDIDA > 6 > 30 > 120 > 400 > 1000 > 2000 ESPECIFIC.
<6 > 4000
ESPECIFICADA < 30
TOLERÂNC. PARA MEDIDAS < 120 < 400SEM<INDICAÇÃO
ANGULARES 1000 < 2000 < 4000
USINADA 0.1 0.2 0.3 0.5 0.8 1.5 DESCRIÇÃO
2 3 LAYOUT
USINADA 0.5

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M


MEDIDA LADO
MENOR DO ANG0.2
< 10 / GL 280M v2.0
> 10 > 50 > 120
0.5 < 50 0.8 < 1201.5 < 400 2
> 400
3 4 5
95NÃO USINADA 0.5
NÃO USINADA MATERIAL
USINADA 1° 30' 20' 10' 5'
11 12 13 14 15 NÃO USINADA
161° 30' 50'
17
25' 15' 10' 18 19
ED. MODIFICAÇÃO MODIF. APROV. DATA
TOL.(mm) P/ CHANFROS/RAIOS SEM INDIC. TOLERÂNCIA
CL do arvore

J D
B

C
9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
E 9.6. LAYOUT DA TORRE
K
9.6.1. ROMI GL 240M DE
DIAGRAMA (com disco padrão VDI-30)
INTERFERENCIA DE FERRAMENTA
276
CABEÇOTE MOVEL

16
1 a -25

0
F

t3
ER

fse
L * Curso da manga 130 153

Of
CM4 - R86729
( ROHM 600 - 20VL)

Máx. 470
Sem interferencia 5 X- =184
com as proteções Má 5 CL do árvore
G x. 109 34
45 32
Face do árvore
32
M 270
Curso da base
335 30
4 260 Máx. Torn.
Curso X- =184 25
773 Ba
lan
H ço
Centro do arvore
* ER-25
1 a 16 50
N
Cu
rso
X+ PLACAS DISPONIVEIS (AUTOBLOK)
18
4
=4 18
0
238
I Cu
rso
X-
=1
A

84

O 31
5
NOTA: ( ) APENAS PARA TORRE
*

J
COM FERRAMENTA ACIONADA
C
ESCALA 1 : 5

9.6.2.
1 ROMI
2 GL 280M (com disco
3DIAGRAMA4 DEpadrão
5 VDI-40)6
INTERFERÊNCIA 7 8
DE FERRAMENTA 9 10

284
K
2
2 a R-3

5
20

t2
E

fse
Of

183

Máx. 588
L Sem interferencia 8 X- = 208
Ma 0
com as proteções x.
38
44
40

340
40 25
13
280 Máx. Torn.
M Curso X- = 208
25
Ba
lan
ço Centro do arvore

ER-32
2 a 20

55
Cu
N rso
X+ 20
=4 8
19
Cu 300 5
rso
X-
=2
08

O 36
5
ESCALA 1: 5

Dimensões em mm
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11
T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 96
9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.7. SUPORTES DE FERRAMENTAS - ROMI GL 240M

Plug para Vedação


S71167

1 2 3 4 5 6 7

Romi GL 240M
Descrição
Milimetros (Standard) Polegada (Opcional)
1 Suporte Ferram. Torneamento Externo Curto (Ferram. Esquerda) B1 20x20 S72739 3/4"x3/4" T45279
2 Suporte Ferram. Invertido Torneamento Curto (Ferram. Direita) B3 20x20 T45316 3/4"x3/4" T45280
Suporte Ferram. Torneamento Frontal (Ferram. Direita) C1 20x20 R99489 3/4"x3/4" T45284
3
Suporte Ferram. Invertido Torneamento Frontal (Ferram. Esquerda) C3 20x20 T45314 3/4"x3/4" T45313
Ø20 T45403 Ø3/4" T45406
Suporte Ferram. para Torneamento Interno (Refrig. Interna) E1 Ø25 T45404 Ø1" T45408
4
Ø32 T45405 Ø1 1/4" T45409
Suporte Ferram. para Torneamento Interno (Refrig. Externa) E2 Ø32 R99497 Ø1 1/4" T45282
5 Suporte Ferram. para Torneamento Interno com offset 30 mm Ø32 T41433 Ø1 1/4" T41431
Ø10 T45253 Ø3/8" T45259
Ø12 T45254 Ø5/8" T45258
Buchas de Redução Ø16 T45255 Ø1/2" T45260
Ø20 T45256 Ø3/4" T45262
Ø25 T45257 Ø1" T45263
6 Suporte Ferram. acionada Axial ER-25 T59845
7 Suporte Ferramenta acionada Radial ER-25 T59847

Jogo de pinças série ER25 (Ø3 a Ø16mm) S01940


Ø3 - S05622 Ø5 - S05624 Ø7 - S05626 Ø9 - S05627 Ø11 - S05628 Ø13 - S05629 Ø15 - S05631
Ø4 - S05623 Ø6 - S05625 Ø8 - S01945 Ø10 - S01946 Ø12 - S01947 Ø14 - S05630 Ø16 - S01948

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 97


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.8. SUPORTES DE FERRAMENTAS - ROMI GL 280M

Plug para Vedação


S16798

1 2 3 4 5 6 7
ROMI GL 280M
Descrição
Milimetros (Standard) Polegada (Opcional)
1 Suporte Ferram. para Torneamento Externo (Ferram. Esquerda) B1 25X25 R99187 1" x 1" S51729
2 Suporte Ferram. Invertido p/ Torneamento Externo (Ferram. Direita) B3 25X25 S39389 1" x 1" S51730

Suporte Ferramenta para Torneamento Frontal (Ferram. Direita) C1 25X25 R99491 1" x 1" S51731
3
Suporte Ferram. Invertido Torneamento Frontal (Ferram. Esquerda) C3 25X25 T48196 1" x 1" T48197

Ø20 T45411 Ø3/4" T45419


Ø25 T43215 Ø1" T45420
4 Suporte Ferramenta para Torneamento Interno (Refrig. Interna) E1
Ø32 T43216 Ø1 1/4" T45421

Ø40 T45417 Ø1 1/2" T45422

Suporte Ferramenta para Torneamento Interno (Refrig. Externa) E2 Ø40 R99498 Ø1 1/2" S51723

5 Suporte Ferramenta para Torneamento Interno com offset 25 mm Ø40 T41391 Ø1 1/2" T41394

Ø10 S51738 Ø3/8" S51732

Ø12 S51739 Ø1/2" S51733

Ø16 S51740 Ø5/8" S51734


Buchas de Redução
Ø20 S51741 Ø3/4" S51735

Ø25 S51742 Ø1" S51736

Ø32 S51743 Ø1 1/4" S51737

ER20 T62813
6 Suporte Ferramenta acionada Axial
ER32 T59850

ER20 T64011
7 Suporte Ferramenta acionada Radial
ER32 T59852

Jogo de pinças série ER20 (Ø1 a Ø13mm) S00493


Ø1 - S05632 Ø4 - S05635 Ø7 - S05636 Ø10 - S01944 Ø13 - S05640
Ø2 - S05633 Ø5 - S01941 Ø8 - S01943 Ø11 - S05638 ---
Ø3 - S05634 Ø6 - S01942 Ø9 - S05637 Ø12 - S05639 ---

Jogo de pinças série ER32 (Ø3 a Ø20mm) R71153


Ø3 - R71013 Ø6 - R71010 Ø9 - R71007 Ø12 - R71004 Ø15 - R71001 Ø18 - R70998
Ø4 - R71012 Ø7 - R71009 Ø10 - R71006 Ø13 - R71003 Ø16 - R71000 Ø19 - R70997
Ø5 - R71011 Ø8 - R71008 Ø11 - R71005 Ø14 - R71002 Ø17 - R70999 Ø20 - R70996

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 98


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.9. EIXO ÁRVORE E DISPOSITIVOS DE FIXAÇÃO
9.9.1. Eixo Árvore ASA A2-5” (Ref. S40452A) - para ROMI GL 240M

Detalhe do posicionamento do Tubo de Tração


x Nariz do Eixo árvore

Montado com:

• Cilindro Hidráulico Autoblok - cap. Ø 42mm


Modelo VNK 102-46 S09904
• Tirante Tubular S79752

• Cilindro Hidráulico Autoblok - cap. Ø 51mm


Modelo VNK 130-52 S09905
• Tirante Tubular S61020

A B C D E F G H I
VNK 102-46 587 M50x1,5 29 43 M50x1,5 51 16 49 24
VNK 130-52 551 M60x1,5 29 52 M60x1,5 59,5 16 49 24
Dimensões em mm

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 99


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.9.2. Eixo Árvore ASA A2-6” (Ref. S37475A) - para ROMI GL 240M / GL 280M

Detalhe do posicionamento do Tubo de Tração


x Nariz do Eixo árvore

Montado com:

• Cilindro Hidráulico Autoblok - cap. Ø 51mm


Modelo VNK 130-52 S09905
• Tirante Tubular S44448

• Cilindro Hidráulico Autoblok - capa. Ø 64mm


Modelo VNK 150-67 S09906
• Tirante Tubular S50340

A B C D E F G H I
VNK 130-52 614 M60x1,5 30 52 M60x1,5 61 21 48 23
VNK 150-67 619 M72x1,5 30 65 M72x1,5 72,5 21 48 18
Dimensões em mm

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 100


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.9.3. Eixo Árvore ASA A2-8” (Ref. S38516A) - para ROMI GL 280M

Detalhe do posicionamento do Tubo de Tração


x Nariz do Eixo árvore

Montado com:

• Cilindro Hidráulico Autoblok


Modelo VNK 150-67 S09906
• Tirante Tubular S60510

• Cilindro Hidráulico Autoblok


Modelo VNK 170-77 S43773
• Tirante Tubular S60513

A B C D E F G H I
VNK 150-67 635 M75x2 21 66 72,5 M75x2 30 56 32
VNK 170-77 635 M85x2 21 77 82 M85x2 30 56 32

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 101


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.10. CASTANHAS MOLES SERRILHADO MÉTRICO
9.10.1. ROMI GL 240M
CASTANHAS MOLES - R74244
Para Placas AUTOBLOCK modelo:
• BH-M 165 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
• BB-M 175 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
16 25

Ø11
16

Ø17
12.5
12.5

70

0.895
-000 H7
14+018
1.500

30
60°
12.5

0.864 35

CASTANHAS MOLES - R74244


Para Placas AUTOBLOCK modelo:
• BH-M 165 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
• BB-M 175 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
30
20

Ø 14
23

Ø 20

12.5
12.5
90

0.895
-000 H7
17 +018

35
1.500

60°
12.5

40
0.864

Dimensões em mm

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 102


9 - GRÁFICOS DE POTÊNCIA, LAYOUT’s E FERRAMENTAL
9.10.2. ROMI GL 280M

CASTANHAS MOLES - R66792

Para Placas AUTOBLOCK modelo:


• BH-M 210 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
• BB-M 210 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°) 30
20

Ø 14
23

Ø 20
12.5
12.5

90

0.895
-000 H7
17 +018

35
1.500

60°
12.5

40
0.864

CASTANHAS MOLES - R66793


Para Placas AUTOBLOCK modelo:
• BH-M 250 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°)
• BB-M 250 (Serrilhado Métrico 1,5mm x 60°) 33
20

Ø17
30

Ø25

12.5
12.5
110

0.895
-000 H7
21 +018
1.500

30

60°
12.5

0.864 45

T48129D Manual do Usuário - ROMI GL 240M / GL 280M v2.0 103