Você está na página 1de 4

TEMA: Conhecendo o meu mundo através das histórias

PROFESSORA: Karina Roduit

TURMA: NÍVEL 3B

ANO: 2021

JUSTIFICATIVA:

Crianças são seres curiosos, alegres e com muita vontade de explorar o

mundo ao seu redor, conhecê-lo e vivenciá-lo. Aos 2 anos as crianças já

vivenciaram e ainda vivenciam várias etapas de seu desenvolvimento,

controlando seu corpo, aprendendo a andar, a comer com autonomia, ir ao

banheiro, comunicar-se.

O desenvolvimento da linguagem oral é um dos mais importantes, pois

possibilita a inserção da criança e sua participação no meio em que vive,

podendo expressar seus desejos, anseios e necessidades.

É na interação com os outros e pela linguagem que vamos nos

constituindo (PINTO – 2018). A intervenção e estímulo do adulto nesse

processo são determinantes para seu aprimoramento, pois é usando a fala e


estando em um ambiente acolhedor e cheio de estímulos orais que o

desenvolvimento de sua linguagem acontecerá.

A escola é um ambiente privilegiado para as crianças experienciarem

suas habilidades orais, o contato ocorre de diferentes maneiras, através de

rodas de música, horas do conto, rodas de conversa, brincadeiras, onde a

criança seja um agente ouvinte e participante desses momentos.

Através das observações dos primeiros dias na escola, e também dos

registros no grupo de Whatsapp da turma, percebe-se que apreciam os

momentos em que podem comunicar-se, conversando com os colegas,

professoras e consigo mesmo em uma brincadeira. Assim como gostam de falar,

também adoram ouvir o que é lhe dito. O tom de voz, a maneira que é dito:

grave, agudo, baixo, alto, tudo lhe causa reação e encantamento.

Apreciam também usar a voz para cantar as canções fazendo os gestos e

movimentando de seu corpo alegremente.

A partir disso foi decidido desenvolver o projeto “Conhecendo o meu

mundo!”, que busca proporcionar momentos onde possam conhecer diferentes

histórias, interagir com os personagens, participar de atividades de música que

estimulem seus movimentos corporais, sua fala e sua audição, conhecerem

ambientes em que estão inseridos, desenvolvendo-se integralmente e

explorando o meio que os rodeia.

OBJETIVO GERAL: Proporcionar uma interação entre escola e família,

promovendo momentos de exploração de histórias, músicas e brincadeiras,

conhecendo o mundo que os rodeia, desenvolvendo os aspectos sociais,

psicológicos, físicos, afetivos e intelectuais no contexto onde a criança está

inserida.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

● Deslocar-se no espaço com destreza;

● Aprimorar as habilidades de caminhar, correr, pular, dançar;

● Explorar e utilizar os movimentos de preensão, encaixe, lançamento,

pegar, largar;

● Reconhecer partes do corpo e suas funções;

● Imitar gestos e expressões faciais.

● Acompanhar ritmos musicais;

● Ouvir e perceber sons diversos;

● Expressar-se livremente por meio da dança;

● Reproduzir sons usando o corpo.

● Expressar desejos e necessidades;

● Desenvolver e aprimorar a oralidade e o seu vocabulário.

● Participar de situações de leitura visual na exploração de livros e

imagens;

● Identificar personagens de histórias;

● Manipular e explorar diferentes materiais artísticos;

● Utilizar diferentes materiais de diferentes texturas ampliando suas

possibilidades de expressão.

● Utilizar contagens orais;

● Encaixar, montar, desmontar e empilhar, diferentes brinquedos e

objetos, de tamanhos variados.

● Interagir com pequenos animais e plantas;

● Explorar o meio ambiente através da ação e observação;

● Estabelecer regras e limites;

● Manusear diversos portadores de texto;

● Desenvolver a motricidade fina;


● Desenvolver o gosto e interesse por histórias, estimulando o lúdico, a

imaginação e o faz de conta;

DESENVOLVIMENTO:

● Hora do conto utilizando livros, fantoches, dedoches,

objetos variados;

● Rodas de música;

● Dramatização;

● Atividades de pintura, desenho, rasgadura, construção,

modelagem e colagem;

● Brincadeiras recreativas de expressão e domínio corporal;

● Criação com materiais recicláveis;

● Elaboração de cartazes, painéis, álbuns;

● Participar de atividades de contato com a natureza;

● Manuseio de livros, revistas e encartes;

● Passeio pelas dependências da escola;

● Rasgadura de papéis de diferentes texturas;

AVALIAÇÃO:

A avaliação será feita de forma contínua e processual, observando-se a

participação e envolvimento de cada criança nas atividades realizadas.

Nesse sentido, levaremos em consideração os aspectos afetivos, cognitivos,

convívio social, linguagem e psicomotor.

REFERÊNCIAS:

PINTO, Aline. Cadê? Achou!.1º edição. Curitiba: Positivo, 2018.

Você também pode gostar