Você está na página 1de 242

Rotinas

Administrativas
https://www.youtube.com/watch?v=IAnzAWt5tCI
1
Informática Básica
Conhecimentos:

• Editor de texto: Edição Formatação; Tabelas; Índices Verificação de


ortografia Impressão.

• Planilha eletrônica: Manipulação de arquivos; Edição; Formatação de célula;


Fórmulas; Tabelas. Gráficos; Ferramenta de análise de dados; Impressão.

• Programa de apresentações: Manipulação de arquivos; Edição Animação;


Técnicas de apresentação; Impressão.
Conceitos básicos da Informática

• Contextualização
• Vivemos na área da Informação;
• A algumas décadas tudo gira em torno do uso de computadores e smartphones.
• Mudança na forma de aquisição e transmissão de conhecimento;
• E como fazer o gerenciamento de tudo isso?
Mas afinal o que é um computador?
• É uma maquina constituída por componentes
e circuitos eletrônicos.

• Capaz de receber, armazenar, processar e


transmitir informações.

• É uma máquina programável, sendo capaz de


realizar diversas atividades, seguindo uma
sequencia de comandos de acordo a
programação realizada.
Componentes do Sistema Computacional

Peopleware Hardware

Software
PEOPLEWARE é a parte humana que se utiliza das diversas funcionalidades dos
sistemas computacionais, seja este usuário um Analista de sistema ou, até
mesmo, um simples cliente que faz uma consulta em um caixa eletrônico da
Rede Bancária

HARDWARE componente físico do sistema computacional, todos equipamentos


usados pelo usuários nas ações de entradas, processamentos, armazenamento e
saída de dados.
A parte física do computador: todas as peças, acessórios, dispositivos de entrada
e saída.

SOFTWARE componente lógico do sistema de computação, os programas que


seguindo uma programação realizam atividades.
Tipos de Hardware

• Dispositivos de Entradas.

• Dispositivos de Saídas.

• Dispositivo de Processamento.

• Dispositivo de armazenamento.
Periféricos
Classe dos Software

• Classe dos Sistemas Operacionais

• Classe dos Utilitários


Introdução aos Sistemas de Informação
• O que é INFORMAÇÃO ?

- É o resultado do processamento, manipulação e organização de dados, de tal


forma que represente uma modificação (quantitativa ou qualitativa) no
conhecimento do sistema (pessoa, animal ou máquina) que a recebe.
- Manipulação de dados de forma à extrair algo útil ( de valor ).

O que são DADOS ?

- Qualquer característica de um objeto, ser ou sistema que possa ser registrado.


Introdução aos Sistemas de Informação
• Início do processamento da informação eletrônica

- 1944, John Von Newmann propôs a idéia de um "programa interno", e


estabeleceu o fundamento teórico para a construção de um computador
eletrônico.

- 1945, Na Universidade de Pennsylvania, Estado Unidos, entrou em


funcionamento o ENIAC (Eletronic Numeric Integrator and Calculator).
Possuindo 18 mil válvulas, pesando 30 toneladas e ocupando uma sala com
uma área de 142 metros quadrados e altura de 4 metros, esse computador
deu inicio à Primeira Geração de Computadores Eletrônicos.
Introdução aos Sistemas de Informação

ENIAC - (Eletronic Numeric Integrator and calculator)


Introdução aos Sistemas de Informação

• A que pontos chegamos


Curiosidade

X
Iphone
Apollo 11
• https://canaltech.com.br/espaco/seu-smartphone-seria-poderoso-o-suficiente-para-
te-levar-ate-a-lua-144515/
Ferramentas usadas no dia a dia

Editor de textos – Word

Programa de Apresentações – Power Point

Planilha Eletrônica – Excel


Introdução a
Word
Guia Página Inicial
Guia Página Inicial

Grupos

• Área de Transferência • Estilos


• Fonte • Edição
• Paragrafo
Fonte
Parágrafo
Estilos
Área de Transferência
Edição
Guia Inserir
Guia Inserir

Grupos

• Páginas • Links
• Tabelas • Comentários
• Ilustrações • Cabeçalho e Rodapé
• Suplementos • Texto
• Mídia • Símbolos
Páginas
Tabelas
Ilustrações
Mídia
Links
Comentários
Cabeçalho e Rodapé
Texto
Símbolos
Guia Design
Guia Design

Grupos

• Formatação do Documento

• Plano de Fundo da Página


Formatação do Documento
Plano de Fundo da Página
Guia Layout
Guia Layout

Grupos

• Configurar Página • Organizar

• Parágrafo
Configurar Página
Parágrafo
Organizar
Guia Referências
Guia Referências

Grupos

• Sumário • Citações e Bi

• Notas de Rodapé • Legenda

• Pesquisar • Índice
Sumário
Notas de Rodapé
Citações e Bibliografia
Legendas
Guia Correspondência
Guia Correspondência

Grupos

• Criar • Visualizar Resultados


• Iniciar Mala Direta • Concluir
• Gravar e Inserir Campos
Criar
Iniciar Mala Direta
Gravar e Inserir Campos
Visualizar Resultados
Concluir
Guia Revisão
Guia Revisão

Grupos

• Revisão de Texto • Comentários


• Fala • Controle
• Acessibilidade • Alterações
• Idioma • Comparar e Proteger
Revisão de Texto
Fala
Idioma
Comentários
Controle
Alterações
Comparar
Proteger
Guia – Exibir
Guia Exibir

Grupos

• Modos de
• Movimentação de Páginas
Exibição
• Mostrar • Zoom

• Janela • Macros
Modos de Exibição
Movimentação da Página
Mostrar
Zoom
Janela
Macros
Power Point
3

Power Point

• O Power Point é um software desolvovido principalmente para a


criação de apresentações.
• É possível criar, modificar e visualizar apresentações que estejam nos
formatos PPT e PPTX.
• É possível inserir vários recursos visuais na apresentação, como
imagens, vídeos, tabelas, gráficos eanimações.
• O Power Point também disponibiliza alguns templates prontos
para serem utilzados, que alteram totalmente o visual da
apresentação.
4

Utilização

• Apresentações de slides são uteis para diversas situações, como:

• Apresentação de palestras
• Ministrar cursos
• Guiar vídeo aulas

• Dominar recursos visuais do PowerPoint pode contribuir para aumentar a


atenção do seu publico alvo
5

Versão

• O quer iremos ver servirá para as versões de 2010 em diante

• A partir da versão 2010, houve uma mudança substancial delayout

• Os slides mostram telas da versão contida no pacote Office 365 (2019)


6

TelaInicial

Apresentação em Branco Apresentação com tema predefinido

Abrir a partir
de arquivo
8 0
80

80
7

TelaPrincipal

Ferramentas

Miniaturaspara
Slide atual
navegação
rápida
8 1
81

81
8

Slide Widescreen?

• Por padrão, o PowerPoint cria um slide em branco no formato Widescreen

• Porém, nem sempre uma apresentação irá dispor de datashows


widescreen.
• O mais comum são os antigos 4:3
9

Slide Widescreen?
• Para mudar o tamanho do slide, vá em:
• Design -> Personalizar -> Tamanho do Slide
• Selecione “Padrão 4:3”
10

Slide Widescreen?
• Slides no formato 4:3 (padrão)
11

Slide Inicial
• Insira texto no seu slide principal clicando nas áreas de digitação.

• Utilize as ferramentas de edição abaixo, na aba “Página Inicial”, para alterar o


tipo e tamanho da fonte, cor, estilo, orientação do paragrafo, etc...
12

Slide Inicial
13

Criar novoSlide

• Para criar um novo slide basta


clicar em “Página Inicial” ->
Slides -> Novo Slide

• Depois, selecionar um layout


para o novo slide
14

Layouts
• Slide de Título: em geral toda
apresentação possui apenas um, que é o
primeiro slide

• Título e Conteúdo: layout mais comum em


qualquer apresentação

• Cabeçalho de Seção: usado para informar


uma mudança de assunto, ou inicio de outra
seção
15

Layouts

• Duas partes de conteúdo: layout já com


duas divisões para inserir conteúdo

• Comparação: layout também com duas


divisões de conteúdo juntamente com duas
seções pequenas de título para diferenciação
do que está sendo comparado
16

Slide de Título de Conteúdo


• Modelo em branco
17

Slide de Título de Conteúdo


• Inserindo conteúdo
• Clique na parte superior e digite
para adicionar um título
• Clique na parte inferior e digite para
adicionar conteúdo.

• Pressione ENTER sempre que quiser


adicionar um próximo item de
conteúdo.

• Se este item for um subitem do


anterior, pressione ENTER e depois
TAB.
18

Slide de Título de Conteúdo


19

Inserindo Formas
• Para inserir uma forma predefinidas como as ao
lado, vá em:
• “Página Inicial”-> Desenho
• e no painel que é mostrado abaixo, clique na
última seta para baixo, e escolha a forma
20

Inserindo Formas

• Após escolher a forma, posicione o mouse sobre a região onde a forma


deve ser inserida, clique e arraste!

• Em algumas formas, como círculo, quadrado, balões de diálogo, etc, é


possível escrever dentro dando dois cliques rápidos na forma
21

Inserindo Formas
• Algumas formas
22

Mudando o estilo de formas


• Ao clicar em uma forma qualquer, aparecerá uma nova aba chamada
“Formato da Forma”, clique nela.

• Na primeira parte, você poderá adicionar estilos predefinidos para a sua


forma

Teste3 Teste4
Logística Logística
23

Mudando o estilo de formas

• Lista de estilos predefinidos


24

Alterando o estilo do texto


• Para alterar o estilo de um texto, selecione o texto alvo e novamente vá até
“Formato da Forma” e procure a seção “Estilos de WordArt”
25

Inserindo Imagens
• Inserindo imagens através do Google Imagens
26

Inserindo Imagens
• Navegue até google.com
• Busque pelo objeto de interesse
27

Inserindo Imagens
• Clique em “Imagens”
28

Inserindo Imagens
• Abrirá um mosaico de imagens
29

Inserindo Imagens
• Selecione a imagem de interesse
Clique com o botãodireito
do mouse sobre a imagem
que se abriu no canto
superior direito

Selecione “Copiar
Imagem”
30

Inserindo Imagens
• No PowerPoint, pressione CTRL+V ou clique em qualquer lugar do slide
com o botão direito do mouse, e selecione a opção de colar imagem
31

Inserindo Imagens
• Quando selecionada, você pode ajustar o tamanho da imagem clicando e
arrastando qualquer um dos pontos que aparecem nos cantos da imagem
• Também é possível rotacionar clicando e arrastando a seta em círculo na
parte superior da seleção
3

Cortando Imagens
• Algumas vezes é necessário realizar ajustes na imagem para que ela
fique dentro do contexto de sua apresentação.
• Supondo uma apresentação sobre cachorros, onde você precise
remover a parte da imagem correspondente ao gato.
4

Cortando Imagens
• Para isso, basta selecionar a
imagem, e depois:
• Navegar até “Formato da
Imagem” -> Tamanho -> Cortar

• Ou clicar na imagem com o botão


direito do mouse, e selecionar o
ícone:
5

Cortando Imagens
• Após, a imagem ficará da seguinte forma:

• Basta clicar e arrastar a barras pretas nos cantos da imagem, e depois clicar
em qualquer lugar fora da imagem para confirmar
6

Remoção de Fundo
• O recorte da imagem anterior funciona bem se o fundo for branco. Porém, se
for de outra cor ...
7

Remoção de Fundo
• Para remover o fundo, clique na imagem, e vá em “Formato da Imagem”
(ou apenas dê dois cliques na imagem)
• Em “Ajustar”, clique em “RemoverPlano de Fundo”
8

Remoção de Fundo
• Depois, utilize os dois botões de marcação para adicionar e remover áreas
9

Alterando Corde Fundo


• Para alterar a cor de fundo de um slide navegue até:
• Design -> “Formatar Tela de Fundo”

• Deixe em “Preenchimento sólido e


altere o item “Cor”
10

Alterando Corde Fundo


• Selecionando a opção
“Preenchimento de Gradiente” podemos
definir um gradiente como plano de fundo

• Utilize as opções de Marcas de Gradiente


para adicionar ou remover pontos de
mudança de cor

• Também é possível alterar a direção, ângulo,


tipo, entre outras opções
11

Alterando Corde Fundo


12

Slide Mestre

• Possibilita criação de elementos fixos no seu layout.


• Alterando um slide, altera-se todos de uma vez.
• Útil na criação de modelos a serem seguidos (templates).
• Por exemplo, padronizar apresentações de slides de uma
empresa ou setor da empresa.
• Estes modelos podem conter, por exemplo, o logo da empresa e
departamento, e-mail do palestrante, ou qualquer informação que seja
interessante de se mostrar em todo slide.
13

Slide Mestre
• O Slide Mestre tem um modo de visualização próprio
• Para acessá-lo e realizar alterações, clique em
“Exibir” -> “Slide Mestre”
14

Slide Mestre
• Na lateral que contém as miniaturas, tem-se um slide
principal (numero 1), e sub- slides que correspondem a
cada um dos tipos de layout

Principal

Título
• Tudo que for alterado no slide principal, também é replicado
aos demais layouts
Conteúdo

Abertura
de Seção
• Porém, cada layout pode ser individualmente modificado
Coluna
dupla
15

Slide Mestre

• Praticamente todas possibilidades de modificação de estilo, fonte, cor, plano de


fundo, inserção e edição de imagem, estão disponíveis no Slide Mestre

• Tudo que for modificado no Slide Mestre, é automaticamente replicado


para toda a sua apresentação
3

Animações

• Um dos recursos mais interessantes do PowerPoint é a possibilidade de criar


animações ou sequenciar sua apresentação em um mesmo slide.

• Este recurso é fácil de utilizar, e pode melhorar a dinâmica da sua


apresentação.
4

Animações
• Existem 4 tipos de animações:
• Entrada
• Quando um elemento se torna visível na cena.
• Saída
• Quando um elemento desaparece da cena.
• Ênfase
• Dar ênfase a um elemento qualquer.
• Caminho
• Estipula uma trajetória na cena para que o elemento caminhe de um
ponto a outro.
5

Animações

• Painel de animação (linha do tempo)


• Toda animação deve obedecer uma certa
ordem
• Cada elemento deve aparecer e
desaparecer no seu tempo
• A ordem em que isso acontece é
definida e mostrada no painel de
animação
6

Animações
• Animações de entrada

• Aparecer • Dividir
• Esmaecer • Apagar
• Surgir • Forma
• Flutuar • Volante
8

Animações
• Animações de saída

• Desaparecer • Apagar
• Esmaecer • Forma
• Sair • Volante
• Flutuar • Barras
• Dividir • Diminuir
9

Animações
• Animações de Ênfase

• Pulso • Aumentar
• Vibração • Rotação
• Vaivém • Escurecer
• Remover saturação • Clarear
10

Animações
• Caminho

• Linhas
• Arcos
• Voltas
• Formas
• Loops
11

Animações
• Caminho
• Nas animações de caminho, é preciso demarcar os locais por onde o
elemento alvo deve caminhar
• A imagem abaixo mostra a demarcação de uma curva
que faz o objeto caminhar sobre a linha tracejada
12

Animações
• Opções gerais

• Painel de animação: mostrar / ocultar


• Iniciar: ao clicar / com o anterior / após o anterior
• Duração: tempo de duração da animação
• Atraso: tempo de espera antes de iniciar animação
• Reordenar: altera ordem de apresentação de um
elemento
13

Transições

• Adiciona efeitos de transição entre slides


• Adiciona efeitos de transição entre slides
• Quando aplicado sobre um slide, o efeito representa a transição do
anterior para este.
• Adiciona efeitos de transição entre slides
• Quando aplicado sobre um slide, o efeito representa a transição do
anterior para este.
16

Transições
Excel
• O Microsoft Excel, ou simplesmente Excel é um programa incluído no
conjunto do Microsoft Office.
• Ele é usado para criar planilhas, que são documentos nos quais os dados são
dispostos em linhas e colunas, como uma tabela grande.
• Devido à sua extrema versatilidade e poder, o Excel tornou-se um dos
programas mais usados ​no mundo dos negócios desde o seu lançamento em
1985.
• Uma planilha é uma maneira especial de organizar dados
em linhas e colunas para simplificar a leitura e manipulação.
Introdução
• O Excel pode ser utilizado em diversas áreas, citaremos algumas:
• Área Administrativa:
• Folha de Pagamento, Salários, Contabilidade, Controle de Compras, Tabelas de
Preços, Saldos etc.
• Área Financeira:
• Análise de Investimentos, Custos, Projeção de Lucros, Fluxo de Caixa, Controle de
Captação de Recursos, Controle de Contas a Pagar e a Receber, Simulação de
Custos etc.
• Produção/Logística:
• Controle de Produção, Controle de Produtividade, Controle de Estoque etc.
• Área Comercial:
• Plano de Vendas, Controle de Visitas, Análise de Mercado, Controle de Notas
Fiscais, Emissão de Listagem de Preços.
133
Por que aprender Excel?
• Melhora na capacidade de raciocínio lógico;
• Diferencial para atuar em diversas áreas (ex.: Finanças, Administração, Contabilidade,
RH, entre outras);
• Habilidade para desenvolver soluções diferenciadas por meio de planilhas;
• Simplificação de atividades que envolva captura, armazenamento e manipulação de
dados;
• Maiores oportunidades no mercado de trabalho;
• Aumento de salário e promoções.
3

Tela principal
Opções e
ferramentas

Fórmula

Células

Células
Linhas, colunas ecélulas
4

COLUNA

CÉLULA
LINHA
5

Linhas, colunas e células

•Colunas
• Inicia-se na coluna A;
• Tem um máximo de 16.384 colunas;
• As colunas são dadas por letras de A-Z;
• Na coluna Z, a próxima é AA, AB, AD e assim por diante;
• Na coluna AZ, a próxima é BA, BB, BD e assim por diante;
• Na coluna ZZ, a próxima é AAA, AAB, AAC e assim por diante.
6

Linhas, colunas ecélulas


• Linhas
• Linhas são dadas por números de 1 até um máximo de 1.048.576
• São simplesmente números

• Células
• São os campos das tabelas
• Uma célula é endereçada pela junção da sua coluna + linha
• Por exemplo, a primeira célula de todas, é a célula A1

• A célula na coluna 3 e linha 4 é a célula C4


7

Linhas, colunas e células

• Células
• São campos das tabelas.
• Uma célula é endereçada pela junção da sua coluna + linha.
• Por exemplo, a primeira célula de todas, é a célula A1.
• A célula na coluna 3 e linha 4 é a célula C4.
• A célula na coluna 27 e linha 30, é a célula A30.
8

Inserindo valores
• Para inserir qualquer valor em uma célula, é necessário dar dois cliques
• Um clique apenas posiciona o cursor na célula
• As células podem receber valores numéricos e também texto.

• Note que o Excel alinha automaticamente



• Números a direita da célula,
• E texto na esquerda da célula
Como os Dados Digitados são Interpretados
• Podemos digitar dois tipos de dados nas planilhas:

• Valor constante: é digitado diretamente na célula e pode ser um texto ou um


número com vários formatos (data, hora, moeda, porcentagem, fração ou notação
científica).

• Fórmula: é uma sequência de valores, referências de células, nomes, funções ou


operadores que produzam um novo valor a partir dos valores existentes.

• As fórmulas sempre começam com um sinal de igual.


• Os valores resultantes das fórmulas são atualizados quando os valores
originais são alterados.

141
Operadores Matemáticos

142
Entrando com Dados
• Para entrar com as informações na planilha, basta posicionar o cursor na célula
desejada, digitar o conteúdo e, em seguida, pressionar a tecla Enter.

Selecionando uma Célula

• Use as teclas de movimentação para mover o cursor da planilha até a


célula desejada.
Entrando com Textos

• Digitar o texto na célula selecionada, confirmando com a tecla Enter.

• Se o texto for maior que a largura da célula, se expandirá para as células


laterais até encontrar uma célula preenchida.

• Essa expansão ocorre em nível de tela, apresentado em cima da célula vazia.


Podemos colocar até 32.000 caracteres em uma célula.

144
Dicas - Movimentação na Planilha

• Quando a movimentação entre células é realizada pela tecla Tab move, o cursor
desloca-se uma célula à direita e pelo Shift+Tab uma célula à esquerda.

• Pressionando-se a tecla Enter, movemos o cursor para a próxima linha para baixo e
Shift+Enter para mover o cursor acima.

• As teclas de seta posicionam o cursor de acordo com a direção.


Entrando com Números
• Digitar o número na célula selecionada e pressionar a tecla Enter.

• Nas células que tiverem o formato de número padrão, Geral, o Excel exibirá os
números como inteiros (789), frações decimais (7,89) ou em notação científica
(7.89E+08) caso o número for maior que a largura da célula.

• Se o número estiver formatado, a célula será preenchida com cerquilhas (###)


indicando que a largura é insuficiente.

146
Corrigindo Erros de Entrada de Dados

• Durante a digitação dos dados podemos usar as teclas de edição como:


Backspace, Delete, Insert, entre outras, que permitem corrigir ou digitar
novos dados.
• Há também a tecla Esc que possibilita cancelar uma entrada de dados antes
que ela seja confirmada com a tecla Enter.
• Para corrigir uma entrada já digitada devemos proceder da seguinte forma:
• Posicionar o cursor na célula a ser corrigida;
• Pressionar a tecla de função F2 que habilitará a alteração dos dados contidos na
célula (o cursor estará posicionado após o último caractere).
• Após realizar as devidas correções, tecle Enter para confirmar.

147
Correção Ortográfica
• Para corrigir a planilha, clique no botão Ortografia e Gramática ou pressione a
tecla F7.

Desfazer Operação
• Para desfazer automaticamente a última operação realizada:
– Clique no botão Desfazer .
– Escolher a opção Desfazer de acordo com o número de ações que deseja
desfazer.
– Atalho: Ctrl + Z.
148
Editando a Planilha
• SELECIONANDO UM GRUPO DE CÉLULAS
• Para a realização da maioria das tarefas é necessário selecionar as células.

• Esta seleção pode ser realizada da seguinte maneira:

• Posicionar na primeira célula desejada;

• Pressionar a tecla SHIFT e através das setas de direção, marcar até a


última célula do grupo desejado.

149
9

Formatando célula
• O conteúdo de uma célula pode ser formatado com relação a estilo de fonte,
tamanho, cor, cor de fundo, alinhamento, etc.
• A formatação é semelhante em todos os programas que compõem o Office,
comoPowerPoint e Word.
• Para formatar uma célula, clique apenas uma vez sobre ela.

• Lembre-se que dois cliques é apenas para edição do conteúdo... e então


utilize as opções de formatação
10

Formatando tipos denúmero

• Números podem ser dos mais


diversos tipos, podendo necessitar
formatações específicas.

• Por exemplo, se digitarmos o número 20,


e clicarmos em:

• “Página Inicial”  “Número”  “Geral”

• Surgirão diversas opções de


formatação para este número
Porcentagem, Moeda eDatas
11

• Porcentagem:
• Podem ser inseridas diretamente comoXXXX%.
• Digitar 70%, 32%, 4000% e assim por diante.
• Nestes casos, o número é automaticamente formatado
• No entanto, qualquer número sem o símbolo de % pode representar uma
porcentagem:

• Se digitarmos o número 8, e depois formatar sua célula para


porcentagem, irá aparecer 800% (e não 8%);

• Já se digitarmos 8%, mas removermos a formatação de porcentagem,


teremos o número 0,08 (8/100);
• Se o seu campo já estiver formatado para porcentagem, então basta digitar
80 (sem o símbolo de %) para que vire 80%.
12
Porcentagem, Moeda eDatas

• Moeda:
• Por padrão é o Real. Qualquer número digitado em um campo na
formatação Moeda, se transforma em um valor em Reais

• Isto significa que será acrescentado a formatação da célula as iniciais R$,


e o número será apresentado com 2 casas após a vírgula

• Por exemplo:
• Digitando 1400,2345, será formatado para R$ 1.400,23
• Digitando 120000000 será formatado para R$ 120.000.000,00
13
Porcentagem, Moeda eDatas

• Datas
• Podem ser inseridas diretamente no padrão DD/MM/AAAA
• DD – DIA (2 casas decimais)
• MM – MÊS (2 casas decimais)
• AAAA – ANO (4 casas decimais)
Criar padrões:

• CEP: especial: CEP+3


• RG: 00"."000"."000"-"00
• CPF - 000"."000"."000-00
• CNPJ: " "00"."000"."000"/"0000-00
• Cartão de Crédito: ####"-"####"-"####"-"####
• Telefone: com DDD e 8 dígitos use (##) ####-#### ou
• use (##) # ####-#### para celulares com 9 dígitos.
Atividade Prática
Exemplo Prático Mateiral (SKU) Preço Unitário Consumo
MAT1 R$ 1,21 123
MAT2 R$ 11,90 15
MAT3 R$ 3,64 89
Uma determinada industria, após fazer
o levantamento de alguns dados MAT4 R$ 5,98 12
apresentou as seguintes informções, MAT5 R$ 11,20 75
sendo solicitado a realização da Curva MAT6 R$ 11,98 6
ABC, para avaliar os itens que possuem
maior custos. MAT7 R$ 1,60 22
MAT8 R$ 0,38 84
MAT9 R$ 5,12 19
MAT10 R$ 21,60 3
157

157
Metodologia 80 x 20
( % ​)
( % )​
Quantidade Margem de Corte
Classificação ABC​ Valores em
em Estoque​ (%)
Estoque R$​

A​ 20%​ 80%​ 80%

B​ 30%​ 15%​ 80% + 15% = 95%

C​ 50%​ 5%​ 95% + 5% = 100%


158
Inserindo uma Célula em Branco

• Para inserirmos uma célula em branco entre um conjunto de células devemos


proceder da seguinte forma:

• Posicionar na célula que será deslocada;


• Clique no Menu Inserir/Células, ou através do atalho Shift+F10 na opção Inserir;
• Escolha o tipo de deslocamento desejado (células para direita, células para baixo,
linha inteira ou coluna inteira);
• Finalize com o botão OK.

159
Alterando a Largura das Colunas
• Em uma planilha, todas as colunas são definidas com uma largura padrão que
poderá ser alterada.
• As linhas ajustam-se automaticamente para acomodar um texto com retorno
automático ou a maior fonte inserida na linha.

• Procedimentos:
• Posicionar na coluna a ser alterada;
• Acessar o Menu Formatar/Coluna/Largura;
• Digite a largura desejada para a coluna e confirme com OK.

• Observações: Caso queira ajustar a largura mínima necessária, para exibir o


conteúdo das células selecionadas, acione o Menu Formatar, Coluna opção, Auto-
Ajuste da Seleção; para retornar a coluna ao tamanho original, acessar a opção
Largura Padrão.
Alterando a Altura das Linhas
• De acordo com a fonte utilizada, o Excel ajusta automaticamente a altura da linha.
• Entretanto, podemos aumentá-la para destacar itens importantes da planilha como
por exemplo totais, subtotais etc.
• Procedimentos:
• Posicionar na linha desejada.
• Acessar o Menu Formatar e escolher a opção Linha, na seqüência pressione a seta
para a direita para abrir um sub-menu.
• Localize a opção Altura e especifique a altura da linha, confirmando com a tecla
Enter.
• Observações: Caso queira ajustar automaticamente clique no Menu
Formatar/Linha/ Auto-Ajuste ou clique duas vezes entre as colunas desejadas:
Inserindo ou Excluindo Linhas
• Inserindo linhas
• Posicionar o cursor na célula onde será inserida a linha ou linhas.
• Acionar o Menu Inserir/Linhas, ou através do atalho Shift F10 na opção Inserir.
• Observações: A linha será inserida acima do local selecionado. Se desejar
inserir mais de uma linha, repita o procedimento.

Excluindo Linhas
• Posicionar o cursor na célula da linha a ser excluída;
• Acionar o Menu Editar/Excluir, ou através do atalho Shift F10 na opção
Excluir; Escolha a opção linha inteira. Finalize com OK.
Inserindo ou Excluindo Colunas

• Inserindo colunas
• Posicionar o cursor no local onde será inserida a coluna ou colunas.
• Acionar o Menu Inserir/Colunas, ou através do atalho Shift F10 na opção Inserir.
• Observação: A coluna será inserida à esquerda do local marcado.
• Excluindo colunas
• Posicionar o cursor na coluna a ser excluída;
• Acionar o Menu Editar/Excluir, ou através do atalho Shift F10 na opção Excluir.
Escolha a opção coluna inteira. Finalize com OK.
Copiando Células
• Podemos copiar o conteúdo de uma célula ou faixa de células de um local para o
outro.
• No caso de fórmulas, a célula que está sendo copiada será automaticamente refeita,
de forma que os endereços fiquem de acordo com a célula posicionada.
• A cópia poderá ser:
• Relativa: quando houver fórmula na célula copiada, esta varia relativamente ao
sentido para o qual está sendo efetuada a cópia.
• BORDAS
• O Excel oferece uma ampla variedade de bordas (inferior, esquerda, direita, superior
e inferior dupla, externas, todas as bordas, etc) que são utilizadas para deixar as
planilhas com uma estética apresentável.
• Selecione a área desejada, clique sobre a seta ao lado do botão Bordas e
escolha a borda.
Utilizando o Recurso de Autopreenchimento

• Em uma planilha normalmente precisamos preencher uma determinada faixa de


células com textos ou valores iguais ou seqüenciais.

• Podemos realizar essas operações utilizando o recurso de autopreenchimento.

165
Utilizando o Recurso de Autopreenchimento

• Na parte inferior, à direita da célula ativa há um ponto negro que se chama


Alça de preenchimento.
• Quando você posiciona o mouse sobre a Alça de preenchimento aparece uma
cruz .
• Clique sobre esta alça e arraste abaixo para preencher com os dados abaixo ou
à direita para preencher com os dados à direita da célula ativa.

166
Utilizando o Recurso de Autopreenchimento

167
14

Mesclando células

• No Excel é possível unir células


adjacentes, tanto lateral quanto
verticalmente.

• Basta selecionar as células, clicando


uma vez na primeira, e arrastando
até a última.

• Depois, clique em “Pagina Inicial” ->


“Alinhamento” -> “Mesclar e
Centralizar”.
15

Mesclando células
• Qual é o endereço de uma célula mesclada?

• No exemplo acima, o endereço desta mescla é B2, C2, D2, B3, D3 ou C3?

• A resposta certa é B2! O endereço de qualquer mescla é sempre o


endereço da célula mais superior e mais a esquerda
16

Mesclando células

• Mesclas são úteis em cabeçalhos de divisões:

• Qual é o endereço da mescla vertical e da mescla horizontal?


2

Continuando nossa aula

• Inserção de linhas e colunas extras


• Congelamento linhas e colunas (cabeçalhos)
• Filtragem de dados
3

Inserindo linhas e colunas extras


• No Excel é possível inserir linhas ou colunas extras antes de qualquer célula
• Por exemplo, dada a célula selecionada abaixo:
4

Inserindo colunas
• Para inserir uma nova coluna a esquerda desta célula, utilizamos a opção:
• “Página Inicial”  “Células”  “Inserir”
• Depois “Inserir Colunas na Planilha”
5

Inserindo linhas
• Para inserir uma nova linha acima da célula, utilizamos a opção:
• “Página Inicial”  “Células”  “Inserir”
• Depois “Inserir Linhas na Planilha”
Aula 08

Veremos...
Calculando com Excel

175
Calculando com Excel
• O Excel é possibilita a criação de cálculos simples, com apenas um clique do
mouse.
• Para executar qualquer operação matemática você deve seguir alguns passos:
• Qualquer célula do Excel poderá executar um cálculo, portanto, posicione a
célula ativa no local onde deseja o resultado. Você pode fazer isso clicando com o
mouse ou utilizando as setas de direção do teclado;
• Ao começar uma fórmula (conta, no Excel) sempre a termine primeiro para
depois executar outra tarefa;
• Sempre comece uma fórmula com o sinal de = (igual);
• Ao terminar a fórmula, pressione unicamente Enter ou Tab.

176
Calculando com Excel

• Existem duas maneiras de você criar uma fórmula:


• Você pode digitar a fórmula inteira, utilizando os endereços das células.
• Exemplo: =a2+b2
• Esta fórmula somaria o conteúdo da célula A2 com o conteúdo da célula B2.
• Outros exemplos: =c4-c5 (Subtração)
=f8*g15 (Multiplicação)
=a7/b32 (Divisão)

177
Calculando com Excel
• Outra maneira é utilizar o mouse.
• Veja o exemplo abaixo:

– Digite o sinal de = (igual);


– Clique sobre a célula A1;

– Digite o sinal de + (soma);


– Clique sobre a célula B1;
– Finalize com Enter.

178
Calculando com Excel
• Podemos utilizar os operadores matemáticos para criação de fórmulas que
executem cálculos simples ou complexos.
• A prioridade para cada operador segue as regras matemáticas:
• Exponenciação (^), Multiplicação (*), Divisão (/), Adição (+) e Subtração (-).
• Para alterar esta ordem, devemos utilizar parênteses. Por exemplo: se desejarmos
efetuar primeiro a adição e subtração basta colocá-los entre parênteses:
• Caso não sejam colocados os parênteses, o resultado será outro:
• Não devemos usar parênteses para indicar números negativos em uma
fórmula e sim um sinal de subtração antes dele.
• Ex.: =5*-10

179
180
Contas
• Além da soma, dada pelo símbolo +, temos:
• - (subtração)
• * (multiplicação)
• / (divisão)

• Se quisermos somar 10 números, basta digitar na célula:


• = 2 + 43 + 122 + 4 + 50 + 293 + 39 + 32 + 70 + 1
• ...que o Excel resolve para você
181
Contas
• Lembre-se que na matemática, as operações de multiplicação (*) e divisão (/) tem
precedência sobre as adição (+) e a subtração (-)
• Por exemplo:
• 8+1*5 = ??
• 12/4 + 2 = ??
• É necessário utilizar parênteses nas expressões para evitar problemas:
• (8+1)*5 = ??
• 12/(4+2) = ??
• O parênteses informa que tudo que está dentro dele deve ser resolvido antes de
continuar a operação seguinte
Somando Células
• Procedimentos:
• Posicionar o cursor na célula que armazenará o resultado da soma;
• Digitar o sinal de igual =, para indicar que será inserida uma fórmula na célula;
• Digitar o endereço da célula que contém o primeiro dado a ser somado;
• Digitar o sinal de +, para indicar que será realizada uma adição;
• Digitar o endereço da célula que contém o próximo resultado a ser somado e
assim sucessivamente;
• Pressionar a tecla Enter.
• Observação: O Excel apresenta uma mensagem quando a fórmula estiver
incorreta.

182
Somando células horizontais
• Façamos, por exemplo, uma planilha de gastos mensais, a fim de descobrir o valor
gasto por uma determinada pessoa no final de um mês.

• Mês de janeiro
• Aluguel R$ 350,00
• Alimentação R$ 150,00
• Transporte R$ 110,00
• Outras Despesas R$ 200,00

• Montem a tabela

• Após transpor os valores para a planilha no Excel, proceda da seguinte maneira:


Exemplos

1. Clique na última célula da primeira linha da planilha, e escreva a


função =SOMA(B2:E2), onde irá ser somado os valores das células B2 até E2.

2. Pressione a tecla ENTER e observe que a célula F2 apresentará a soma dos valores
Somando células verticais
• Após lançadas as despesas de todos os meses, iremos encontrar o valor total anual,
ou seja, somando-se os totais de cada mês e criando uma nova célula para o valor
total.
• Perceba que, automaticamente, os resultados serão preenchidos.
• Após, crie uma célula onde será apresentado o valor total anual gasto e aplique a
seguinte função =SOMA(F2:F13), onde serão somados todos os valores anteriores.
Soma de colunas específicas
• Para saber o valor total gasto em cada despesa, durante um ano, faremos o uso da
soma de colunas. Basta, em um espaço, junto ou separado da tabela principal,
nomear as contas que queira descobrir o valor total. Calcularemos, por exemplos, as
despesas em alimentação e transporte.

• Façamos primeiro com a rubrica alimentação: na célula referente a esta, aplique a


função =SOMA(C2:C13), ou seja, a soma de todos os valor contidos entre as
células C2 e C13.
Somando um valor fixo ao resultado

• Somar um valor pré-fixado ao resultado que será obtido na soma das células
também é possível.
• Suponha que você possua um plano fixo de telefonia no valor de R$ 50,00 e
queira acrescentá-lo à soma de suas despesas do mês, basta alterar a
função SOMA. Vejamos como:

• Dê um duplo clique na célula F2 modifique a função para =SOMA(B2:E2;50),


isto significa que, além de serem somados os valores das células B2 até E2, será
acrescido 50.
Pressione ENTER e perceba que o valor anterior somente foi acrescido de 50.
• Para atribuir a mesma mudança às outras células, basta proceder como
anteriormente, arrastando o canto inferior esquerdo da célula para baixo.
• Observe que os valores irão ser recalculados automaticamente:
Somando os meses pares
• Em uma célula escreva a inicial da função =SOMA e prossiga clicando nos resultados
dos meses pares intercalando cada clique com o símbolo do ponto e vírgula ( ; ).
FÓRMULAS
INSS R$: multiplicar Salário Bruto por INSS.
Gratificação R$: multiplicar Salário Bruto por Gratificação.
Salário Líquido: Salário Bruto mais Gratificação R$ menos INSS R$.
Formatar os números para que eles apareçam de acordo com a planilha dada.
Calculando saldo em estoque
Trabalhando com informações de outras tabelas e uma única tabela.

Exemplo planilhas de:

• Entrada:
• Saída:
• Estoque:
• Entrada: Planilha onde será registrada a entrada de produtos no estoque, ou seja,
tudo o que a loja comprar para revender.
• Saída: Planilha onde será registrada as saídas de produtos no estoque, ou seja, tudo
o que a loja vender.
• Estoque: Planilha onde será registrada o saldo de produtos no estoque (produtos
adquiridos – produtos vendidos). Observe que a coluna “Quantidade em Estoque”
está em branco.
Aula 09

Veremos...
Congelar linhas e colunas

198
6

Congelando linhas ecolunas

• As primeiras linhas e colunas de toda tabela podem ser congeladas


• Isto facilita a visualização em tabelas grandes
• Veja a animação abaixo:
7

Congelando linhas ecolunas


• Primeiramente, selecione uma célula na qual todas as linhas e colunas
anteriores a ela deverão ser congeladas
• Por exemplo, para congelar a primeira linha, e também as duas
primeiras colunas (A e B), selecione a célula C2
8

Congelando linhas ecolunas


• Na sequência, navegue até:
• “Exibir”  “Janela”  “Congelar Painéis”

• E clique na opção
“Congelar Painéis”
9

Filtrando dados

• Outra ferramenta útil no Excel é a possibilidade de filtrar as linhas da


tabela com base em uma coluna.

• Exemplos de uso:
• Ordenar tabela por ordem alfabética do nomes na coluna A.
• Ordenar tabela do maior para o menor valor na coluna D.
• Ordenar por data da coluna C, do mais recente ao mais antigo.
• Filtrar apenas as linhas onde a coluna A seja igual a “Paraná”.
10

Filtrando dados
• Selecione o cabeçalho da tabela onde os filtros devem ser aplicados

• Clique em “Dados” “Classificar e Filtrar”  “Filtro”


11

Filtrando dados
• Perceba que houve uma modificação nas células selecionadas:

• Agora elas possuem opções extras que podem ser aplicadas clicando na seta
para baixo localizada a direita da célula
12

Filtrando dados
• No exemplo, para ordenar a tabela de acordo com
os itens da coluna A em ordem alfabética inversa,
clique na seta, e depois em “Classificar de Z a A”
13

Filtrando dados

• Filtrando por tipo


• No exemplo, na coluna C, temos 6 tipos
de produtos diferentes que podem ser
visualizados ao clicar na seta

• Se desmarcarmos todos, depois


selecionarmos apenas “Montana”, e clicar
em Ok, somente as linhas cujo valor da
coluna C for “Montana” serão mostradas
14

Filtrando dados
15

Atividade em Sala:
• Acesse a Atividade Avaliativa postada no Google Classroom
• Baixe: a planilha_testes01_08/03/2021
• Gere a seguinte planilha no seu Excel, como mostra a imagem:
Atividade
• Agora, utilizando filtragens, encontre:

• Dado o segmento “Governo”,

• Qual é o produto mais vendido nos países da América?

• De todos os segmentos, qual é o produto menos vendido na


Alemanha?

• Qual é o produto mais vendido para pequenas empresas com


aplicação de desconto alto?
Aula 10

Veremos...
Maior e Menor
Máximo e Mínimo
Práticas
210
Função =Maior e =Menor no Excel

• Uma das funções mais cobradas em concursos públicos e, também, muito


útil no dia a dia dos estoquistas, lojistas e usuários em geral do Excel.
• Trataremos de 2 funções: =Maior e =Menor.
• Vamos ver cada uma delas, começando pela função maior:
=Maior
• Com esta função o Excel irá
informar para você qual o maior
valor em um intervalo, o segundo
maior, o centésimo maior, etc.
Você escolhe.
• Veja um exemplo ao lado:
2 1 2
212

212
213
Máximo e Mínimo
E para começar vamos falar das
funções Máximo e Mínimo que
servem, respectivamente, para
retornar o maior e o menor valor
de uma tabela (faixa de células ou
intervalo de dados).

Função Máximo: retorna o maior


valor de uma faixa de células.

Função Mínimo: retorna o menor


valor de uma faixa de células.

214
17

Exercício
• Aplique os conhecimentos adquiridos nesta aula para transformar a planilha
abaixo:
Aula 11

Veremos...
• Condição:
• Se
• SomaSe
• MáximoSES e MínimoSES
216
O que são condições?

• Condições são “regras” que devem ser observadas para determinar se algo
deve ou não acontecer.
• Exemplo:
• Regra para saber se devemos sair de casa com guarda-chuva.
• Caso estiver chovendo ou nublado;
• Se Verdadeiro: Sair com guarda-chuva;
• Se Falso: Não sair com guarda-chuva;
Base para entendimento da lógica

• A lógica aplicada na função SE é bem simples, após a análise das condições


pode-se determinar se uma condição atendeu ao critério, e é verdadeira, ou
se não atendeu, e é falsa.

• A lógica possui operadores, são estes:


• Igual (=)
• Diferente (<>)
• Maior (>)
• Menor (<)
• Maior ou Igual (>=)
• Menor ou Igual (<=)
Base para entendimento da lógica
• Baseado nos operadores é possível determinar se uma condição é satisfeita
(e é verdadeira) ou não (e é falsa). Por exemplo, imaginemos as seguintes
condições em análise:
• 1<2?
• 1=2?
• Verdadeiro, pois 1 é menor que 2.
• Falso, pois 1 não é igual a 2,
obviamente. • 1<>2?
• Verdadeiro, pois 1 é diferente de dois.
• 1>2? • 1>=2?
• Falso, pois 1 não é maior que 2. • Falso, pois 1 não é nem maior e nem
igual adois.
• 1<=2?
• Verdadeiro, pois 1 é menor que dois,
mesmo não sendoigual
O que é a função SE?

• A função SE é a função usada no MS Excel que permite a comparação lógica e


uma tomada de decisão baseada no resultado do teste lógico aplicado.

• Então a função SE permite que sejam criados “desvios condicionais” nas


fórmulas usadas no Excel.
Sintaxe da função SE

• A função se deve ser escrita da seguinte maneira:


• =SE(Teste Lógico; Ação para Verdadeiro; [Ação para Falso])

• Exemplos:
• =SE(1>2; “Maior”; “Falso”)

• =SE(SOMA(A1:A100)<1000; “Menor que mil”; “Maior que mil”)


Exemplos
e
Prática
Exemplo 01
Função: SOMASE
• A função SOMASE, como o próprio nome sugere, realiza uma soma com base
em um critério pré-determinado.

• Imagine que você tem, por exemplo, uma lista de vendas realizadas por diversos
vendedores.

• Nesta lista, você deseja saber somente as vendas relacionadas a um vendedor.

• Note que neste caso, você deseja fazer uma soma e tem como critério, somente
saber as vendas realizadas por um dos vendedores.
• Exemplos:
• Somar somente as vendas realizadas pelo vendedor João;
• Somar somente os carros na cor azul de uma lista;
• Somar somente os produtos abaixo ou acima de um determinado valor.

• Sintaxe  =SOMASE(intervalo, critérios, [intervalo_soma])


• Sintaxe  SOMASE(intervalo; “ critérios”; [intervalo_soma])
• Onde:
• Intervalo A2: A8  Campo obrigatório.
• Representa o intervalo de células que se deseja calcular por critérios.
• Critérios: ;“Nome do Vendedor”; Campo obrigatório.
• Podem ser representados por número, expressão, referência de célula, texto
ou função. São basicamente o critério escolhido para a soma.
• Note: Critérios em formato de texto ou que incluam símbolos lógicos ou
matemáticos devem estar entre aspas duplas (“).
• Caso os critérios forem numéricos, as aspas duplas não serão necessárias.
• Intervalo_soma: B2:B8 Campo opcional.
• Representa o intervalo de células que contém os valores a serem somados.
Exemplos Práticos da função SOMASE
• Exemplo 1: Somar vendas de um determinado vendedor

• No exemplo abaixo temos uma tabela com as vendas de três vendedores


(Pedro, Paulo e João) e suas respectivas vendas.

Note que cada vendedor realizou mais de uma


venda.

Mas por alguma necessidade, precisamos saber o


total de vendas somente do vendedor João.

Portanto, este é o nosso critério para a soma.


• Para isso, utilizaremos a função SOMASE conforme mostrado abaixo:
• Note que estamos instruindo o Excel
para somar todos os valores de B2:B8 Ao término da função, basta teclar
que corresponda ao vendedor João Enter e conferir o resultado.
conforme especificado em A2:A8.
Somar vendas maiores do que…
• Utilizando o mesmo exemplo citado anteriormente, agora suponha-se que
desejamos somar somente as vendas que foram maiores do que R$ 400,00. Ou
seja, desejamos identificar todas as vendas acima de R$ 400,00 e soma-las.
• Note que estamos dizendo para o Excel somar todos os valores dentro do intervalo
de B2:B8, mas somente os valores que forem maiores que 400.
EXEMPLO PARA OS ALUNOS
Função SOMASE com intervalo nomeado

• Um intervalo nomeado é basicamente um


nome para descrever um intervalo de
células.
• No exemplo abaixo temos uma lista de
funcionários e suas respectivas idades.
Note que nomeamos o intervalo da coluna
Idade para o nome “idade”.
• Deste modo, se quisermos, por exemplo, somar as idades
maiores do que 30, então podemos utilizar o intervalo
nomeado da seguinte maneira:
Excluindo um critério na soma

• Se você precisa excluir um determinado


critério de uma soma, então a função
SOMASE também pode ser muito útil.
Para isso, basta usar o comando de
exceção <> (“diferente de…”) para somar
todos os valores, exceto aqueles que
estiverem contidos nesse critério.
• No exemplo ao lado temos uma tabela
com faturamentos mensais do primeiro
semestre.
• Neste caso, queremos somar todos
meses, exceto o mês de Abril.
=MáximoSe e =MínimoSe

• Microsoft implementou 2 novas funções no Excel que vão nos facilitar a vida. Com a
=Máximoses() e a =MínimoSes() vamos poder utilizar as conhecidas =Máximo() e
=Mínimo() mescladas com uma =Se tudo na mesma função e de forma nativa. Sem
erros, sem confusões e sem gambiarras.
• Veja com o processo está ainda mais fácil:
• =MÁXIMOSES(Intervalo_máximo; Critérios_intervalo1;Critério1; Critérios_intervalo2; Critério2; …;
Critérios_intervaloN;CritérioN)
• Onde:
• Intervalo_máximo: será o intervalo onde o Excel fará a busca pelo valor máximo ou
mínimo;
Critérios_intervalo: contém os valores condicionantes para obtenção do mínimo.
Critérios: condição a ser testada na condição anterior
• Veja a nossa planilha de exemplo abaixo:

• Repare que temos o


controle de vendas.
• A planilha está separada
por tipo de produto,
marca/modelo, preço e
quantidade vendida.
• A partir daí podemos
criar diversas buscas.
• Por exemplo: digamos
que desejamos saber
qual o smartphone que
mais vendeu.
• Nesse caso a fórmula
seria:
• Explicando: No primeiro critério colocamos o intervalo que contém os
• Números de unidades vendidas; no segundo no segundo intervalos colocamos o
local onde será feita a busca pelos critérios; e por fim, o critério a ser buscado). Veja
na prática:

• =MÁXIMOSES(E3:E14;B3:B14;"Smartphone")
• Agora vamos colocar mais 1 critério. Vamos buscar o smartphone que mais vendeu
dentre aqueles que custam acima de R$2.500.
• A fórmula ficou

=MÁXIMOSES(E3:E14; B3:B14; "Smartphone";D3:D14;">2500")


• Por fim vamos demonstrar um exemplo com o =MínimoSes. Queremos saber o
televisor que menos vendeu.

• Nesse caso a fórmula é

=MÍNIMOSES(E3:E14;B3:B14;"Televisor").
242

Você também pode gostar