Você está na página 1de 3

E.E.

JARDIM BUSCARDI 2019

GUIA DE APRENDIZAGEM – 3ª Série do Ensino Médio


Professor: João Paulo Staconi Disciplina: Física 1º Bimestre
Justificativa: Os fenômenos elétricos e magnéticos encontram-se presentes no cotidiano de todos, em uma infinidade de equipamentos e aparelhos cujo
funcionamento depende de correntes elétricas. Lâmpadas, eletrodomésticos, aparelhos de som, celulares, assim como os complexos sistemas de geração e
distribuição de energia elétrica, são possíveis em virtude dos campos eletromagnéticos no interior dos materiais condutores e isolantes. Assim, se faz necessário que
o aluno, em sua formação na educação básica, possa adquirir o conhecimento dos principais aspectos que envolve os referidos temas descritos.
Objetivos Instrucionais Gerais: Que os alunos encontrem oportunidades para construir modelos explicativos, linhas de argumentação e instrumentos de verificação
de contradições, sendo instigados a participar e a questionar, valorizando as atividades colaborativas que propiciem a discussão e elaboração conjunta de ideias e de
práticas, assim como atividades lúdicas, nas quais se sintam desafiados pelo jogo do conhecimento.
N° de Tempo Monitoramento
habilidades
Mês

Conteúdos Habilidades Previsto 3A 3B 3C


(em aulas)
Realizar cálculos que envolvem multiplicação e
divisão com os algarismos 10, 100 e 1000;
reconhecer a necessidade e realizar a conversão de
unidades de medida de comprimento, massa e tempo;
identificar a necessidade da compreensão dos
fenômenos físicos.
Atividades de retomada de conteúdos
Reconhecer o papel da Física como disciplina
básicos.
Fevereiro

integrante da área de Ciências da Natureza;


Compreender as divisões e subdivisões pelas quais a 02 07
Circuitos elétricos.
disciplina de fragmenta; realizar operações de soma
• Introdução aos conceitos básicos de
vetorial.
circuitos elétricos.
Relacionar as grandezas mensuráveis dos circuitos
elétricos com o modelo microscópico da eletricidade
no interior da matéria; compreender o choque elétrico
como resultado da passagem da corrente elétrica pelo
corpo humano, avaliando efeitos, perigos e cuidados
no manuseio da eletricidade;
Identificar a presença da eletricidade no dia a dia,
tanto em equipamentos elétricos como em outras
atividades; classificar equipamentos elétricos do
cotidiano segundo a sua função; caracterizar os
Circuitos elétricos aparelhos elétricos a partir das especificações dos
• Aparelhos e dispositivos domésticos e fabricantes sobre suas características (voltagem,
suas especificações elétricas, como potência, frequência etc.), reconhecendo os símbolos
Março

potência e tensão de operação; relacionados a cada grandeza; relacionar informações 06 06


• Modelo clássico de propagação de fornecidas pelos fabricantes de aparelhos elétricos a
corrente em sistemas resistivos; propriedades e modelos físicos para explicar seu
funcionamento; identificar e caracterizar os
principais elementos de um circuito elétrico simples;
diferenciar um condutor de um isolante elétrico em
função de sua estrutura, avaliando o uso de diferentes
materiais em situações diversas.
Compreender os significados das redes de 110 V e
220 V, calibre de fios, disjuntores e fios terra para
Circuitos elétricos
analisar o funcionamento de instalações elétricas
• Avaliação do consumo elétrico
domiciliares; dimensionar o gasto de energia elétrica
residencial e em outras instalações;
Abril

de uma residência, compreendendo as grandezas 04 04


medidas de economia;
envolvidas nesse consumo; dimensionar circuitos
• Perigos da eletricidade e medidas de
elétricos domésticos em função das características
prevenção e segurança.
das residências; propor estratégias e alternativas
seguras de economia de energia elétrica doméstica.
Atividades Prévias: Discussões coletivas Atividades didáticas
que contribuam para a elaboração pessoal e Pesquisas; Atividades Didático-Cooperativas
a recíproca comunicação, promovendo a Leituras e produções de textos;
compreensão do tema e também a Relatórios;
aprendizagem do respeito a si mesmo e aos Registro de observação de aula prática;  Atividades em grupo
colegas. Exercícios do caderno do aluno;  Simulações
Produção individual ou em grupo.

Pontos convergentes
Matemática: Análise e interpretação de gráficos/ Construção e análise de tabelas.
Atividades Complementares: Valores trabalhados: Avaliação:
 Pesquisas para complementar os - Desenvolvimento das atividades/exercícios/trabalhos;
conceitos estudados (R); - Solidariedade; - AAP de matemática;
 Debates; (C) - Autoconfiança; - Avaliação Bimestral;
 Aulas práticas de ciências com - Respeito; - Avaliação Multidisciplinar.
observação de aulas/resultados e - Humildade;
relatórios de aula; (C) - Racionalidade. Todas as atividades valerão de 0 a 10 e para compor a média
 Discussões e produções de textos; (R) do aluno será realizado a média aritmética entre as atividades
 Sala de Leitura – competência leitora; (C) discriminadas acima.
 Correção das avaliações (por habilidade
e avaliação multidisciplinar); (R) Temas Transversais Recuperação: Avaliação oral e escrita observando as mesmas
 Corresponsável pelo desenvolvimento do habilidades observadas na avaliação bimestral, permitindo
PAN – Atividades leitora e escritora e que o aluno contemple média 5.
- Meio ambiente;
lógico matemática; (R) - Ética;
C – CONSOLIDAÇÃO: Atividades dirigidas a - Trabalho e consumo.
acentuar a importância de temas ou
conceitos tratados em aula;
R – REFORÇO: Atividades que motivem,
estimulem e ajudem a melhor compreensão e
aceitação o do conteúdo ou itens dele;
A – AMPLIAÇÃO: Atividades que, por sua
amplitude ou características, não podem
fazer parte, diretamente, da docência em
sala de aula, mas que, por sua importância e
atualidade devem ser conhecidas pelos
jovens.
Fontes de Referência para o professor:
- BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais. Ciências da Natureza, Matemática e Suas Tecnologias. Brasília: MEC, 2000.
- BRASIL. Orientações Educacionais Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN+). Ciências da Natureza, Matemática e Suas Tecnologias.
Brasília: MEC, 2006.
- FERRARO, N. G.; SOARES, P. A. T.; FOGO, R. Física básica: volume único. São Paulo: Atual, 2009.
- HALLIDAY D.; RESNICK R.; WALKER J. Fundamentos de Física: mecânica. Volume 3. 8a edição. Editora LTC, 2009.
- HELLMAN, H. Grandes debates da Ciência. São Paulo: Editora da Unesp, 1999.
- BARRETO FILHO, B; XAVIER, C. Física aula por aula: mecânica, 3 ano. São Paulo. FTD, 2016.
- www.curriculomais.educacao.sp.gov.br.
Fontes de Referência para o aluno:
- BARRETO FILHO, B; XAVIER, C. Física aula por aula: mecânica, 3 ano. São Paulo. FTD, 2016.
- FERRARO, N. G.; SOARES, P. A. T.; FOGO, R. Física básica: volume único. São Paulo: Atual, 2009.
- SÃO PAULO. Secretaria de Estado da Educação. Currículo do Estado de São Paulo: ciências da natureza e suas tecnologias São Paulo: SEE, 2010. 152 P.
- www.curriculomais.educacao.sp.gov.br.

Você também pode gostar