Você está na página 1de 9

Visto:

CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 1

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney

3ª QUESTÃO – (03 escores)

MÚLTIPLA ESCOLHA

ESCOLHA A ÚNICA RESPOSTA CERTA, ASSINALANDO-A COM UM “X” NOS PARÊNTESES À ESQUERDA.

2. (UEL) - “Pela exploração do mercado mundial a burguesia imprime um caráter cosmopolita à produção e ao
consumo em todos os países. Para desespero dos reacionários, ela retirou à indústria sua base nacional. As velhas
indústrias nacionais foram destruídas e continuam a sê-lo diariamente. (...) Em lugar das antigas necessidades
satisfeitas pelos produtos nacionais, nascem novas necessidades, que reclamam para sua satisfação os produtos
das regiões mais longínquas e dos climas mais diversos. Em lugar do antigo isolamento de regiões e nações que se
bastavam a si próprias, desenvolve-se um intercâmbio universal, uma universal interdependência das nações. E
isso se refere tanto à produção material como à produção intelectual. (...) Devido ao rápido aperfeiçoamento dos
instrumentos de produção e ao constante progresso dos meios de comunicação, a burguesia arrasta para a torrente
da civilização mesmo as nações mais bárbaras.”

(MARX, K.; ENGELS, F.Manifesto do Partido Comunista. São Paulo: Global, 1981. p. 24-25.)

Com base no texto de Karl Marx e Friedrich Engels, publicado pela primeira vez em 1848, podemos afirmar que

(A) desde o início, a expansão do modo burguês de produção fica restrita às fronteiras de cada país, pois o
capitalista é conservador quanto às inovações tecnológicas.
(B) o processo de universalização é uma tendência do capitalismo, já que a burguesia precisa de novos
mercados, de novas mercadorias e de condições mais vantajosas de produção.
(C) a expansão do modo capitalista de produção em escala mundial encontrou empecilhos na mentalidade
burguesa apegada aos métodos tradicionais de organização do trabalho.
(D) na maioria dos países não europeus, a universalização do capital encontrou barreiras alfandegárias que
impediram sua expansão.
(E) a dificuldade de comunicação entre os países, devido ao baixo índice de progresso tecnológico, adiou
para o século XX a universalização do modo capitalista de produção.

2. (UEM- Adaptado) - “Para o antropólogo (Luiz Eduardo Soares) a violência e o crime não são fáceis de explicar,
devendo-se evitar, sobretudo, a armadilha da generalização. Refere-se, neste caso, ao costume que se tem de
definir pobreza, desigualdade e vontade política como causas de criminalidade. Explicações como esta, segundo o
antropólogo, ajudam a exorcizar o medo, mas não contribuem para esclarecer a complexidade da violência. (...) É
reconhecida a defesa que este autor tem feito de políticas públicas preventivas voltadas, sobretudo, para os jovens
mais vulneráveis, abrindo-lhes perspectivas de reforço da auto-estima”

(ROCHA, Lucia. Uma luz sobre a violência. Revista de Sociologia, Ano II, número 15, p.25.)

Considerando o que se diz na citação acima, pode-se afirmar que a alternativa CORRETA é

(A) a violência não é um fato social, pois corresponde a atos isolados que não afetam diretamente a vida
coletiva e nem proporcionam um risco direto à ordem social.
(B) determinadas pesquisas apontam que um dos fatores da violência é a falta de limites resultantes do
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 2

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
fortalecimento das referências educativas das convivências individuais.
(C) o autor do texto considera correta a associação direta entre criminalidade e pobreza, pois a pobreza é
fruto da desigualdade social e a violência não possui relação direta com tal desigualdade.
(D) o texto defende que considerar a pobreza como causa direta da violência é uma atitude equivocada e
que deve-se tomar cuidado com todo o tipo de generalização.
(E) segundo o autor citado, para viver em sociedade, o homem precisa abandonar o seu estado de natureza,
caracterizado pela agressividade e busca violenta pelo prazer.

03. (UFU-Adaptado) - A indústria de bens culturais tem sido objeto de intensos debates na sociedade e nas ciências
sociais, marcados por duas posições básicas e divergentes. Há os que a consideram uma das bases do totalitarismo
moderno, promovendo a alienação do homem, que se torna incapaz de analisar racionalmente seus produtos
seriados, repetitivos e deteriorados, tais como os filmes de enredos violentos, a música popular massiva, as notícias
curtas e superficiais. De outro lado, há os que a defendem como sistema que democratiza a cultura, por permitir a
todos o acesso à informação e ao consumo de produtos simbólicos em geral, combatendo, portanto, a mesma
alienação.

(Cf. TEIXEIRA, Coelho. O que é indústria cultural. 13ª. Ed, São Paulo, Brasiliense, 1989.)

Tendo em vista essas divergências, considere as alternativas que as expressam, tendo como referência o atual
gênero musical popular funk no Brasil.

(I) O funk é, dentre outras coisas próprias da indústria de bens culturais, resultado de uma estratégia de
marketing da indústria fonográfica, que impõe o seu consumo sem nenhum senso crítico.
( II ) O funk tornou-se um aliado de grupos políticos marginalizados por facultar-lhes a presença na mídia.
( III ) O funk expressa a identidade cultural da juventude em geral, em especial os jovens das periferias
metropolitanas onde o movimento floresceu.
( IV ) O funk, nascido espontaneamente nas periferias das grandes cidades, não necessitou do apoio da
indústria de bens culturais para tornar-se um gênero de crise social.

Está(ão) CORRETA(S) apenas a(s) afirmação(ões):

(A) I e II.
(B) I e III.
(C) IV.
(D) I e IV.
(E) II e IV.

2ª QUESTÃO – (06 escores)

VERDADEIRO OU FALSO

COLOQUE UM “X” NO RETÂNGULO COM V, QUANDO A SENTENÇA FOR DE SENTIDO VERDADEIRO, OU


NO RETÂNGULO COM F, QUANDO A SENTENÇA FOR DE SENTIDO FALSO.

04. (UEM - Adaptado) “Desde a inauguração da TV digital brasileira, a transmissão analógica tem sido mantida e os
dois tipos de sinal funcionam simultaneamente. De acordo com o cronograma estabelecido pelo governo federal,
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 3

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
todas as emissoras do país deverão passar a transmitir suas programações também em sinal digital até 2013 e o
desligamento do sinal analógico está previsto para 2016. A TV analógica cobre, atualmente, 99,84% dos
municípios brasileiros, segundo dados do Fórum SBTV. Os televisores estão presentes em 95,22% dos lares,
ultrapassando, inclusive, o número de casas com geladeira, de acordo com a Eletros.”

(VASCONCELOS, Fernanda; ROSSI, Renata. TV digital: debates em torno do novo sistema. Com Ciência: revista eletrônica de divulgação científica da SBPC. Dossiê
especial TICs, no.110, 10 de agosto de 2009).

Considerando o texto acima e os seus conhecimentos sobre o tema consumo de bens culturais e relações sociais,
pode-se afirmar que:

Um dos programas de maior popularidade e lucratividade da televisão brasileira é a telenovela,


V F produção massiva e seriada típica da indústria de bens culturais.

As inovações tecnológicas nos modos de transmissão de sinais causam a transformação imediata


das concepções de entretenimento estabelecidas pela televisão no século XX, impossibilitando o
V F
acesso das populações mais pobres.

Um dos recursos diferenciais que a TV digital oferece é a maior possibilidade de interatividade,


ampliando a exploração de seu potencial comercial, isto é, de venda de produtos e serviços para a
V F
audiência.

A mudança da tecnologia analógica para a digital influencia diretamente o parque industrial de


eletrônicos e eletrodomésticos, ao aumentar a demanda por novos aparelhos, propiciando melhores
V F
equipamentos de informática e audiovisual.

Os aparelhos televisivos têm pouca influência nos lares rurais brasileiros, consequentemente, o
V F hábito de ver televisão constitui-se num estilo de vida eminentemente urbano.

A indústria de bens de consumo cultural faz uso dos meios televisivos para aumentar a venda de
seus produtos, a propaganda destituída de qualquer tipo de ideologia propicia liberdade de escolha
V F
e consumo, evitando assim um faturamento superior ao esperado.

3ª QUESTÃO – (06 escores)

CERTO OU ERRADO

COLOQUE UM “C” OU “E” NOS PARÊNTESES À ESQUERDA, CONFORME OS CONCEITOS SEJAM


CONSIDERADOS CERTOS OU ERRADOS. NO CASO DE ERRADOS, UTILIZE A LINHA ABAIXO PARA SUBSTITUIR A(S)
PALAVRA(S) SUBLINHADA(S) PELA(S) QUE OS TORNEM CERTOS.

Os itens 05 e 06 referem-se ao que consomem os brasileiros.


Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 4

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
05. ( ) Os bens de consumo essenciais são aqueles necessários à sobrevivência e à garantia da dignidade
humana. Estes podem ser duráveis ou não duráveis.
__________________________________________________________________

06. ( ) Segundo Walter Benjamin, o consumo relaciona-se diretamente com as posições sociais: consumir
certos produtos revela algo importante sobre o status de quem consome, sobre o lugar que ocupa ou
gostaria de ocupar na hierarquia social.
__________________________________________________________________

Os itens de 07 a 10 referem-se à teoria sociológica de Karl Marx.

07. ( ) Para Karl Marx, no Comunismo, os trabalhadores encontram-se alienados pelo fato de não se
apropriarem dos resultados do seu trabalho nem controlarem o processo produtivo.
__________________________________________________________________

08. ( ) Na produção capitalista contemporânea, a ciência e a tecnologia tornaram-se forças produtivas e


agentes de acumulação do capital.
__________________________________________________________________________

09. ( ) No modo de produção capitalista, os escravos e os camponeses entregavam a sua produção ao Estado,
porém o excedente da produção era dividido igualmente por toda a população.
__________________________________________________________________

10. ( ) As atividades relacionadas às artes e à atividade intelectual não podem ser consideradas trabalho, pois
não produzem riqueza material.
__________________________________________________________________

4ª QUESTÃO (06 escores)

PERGUNTAS SIMPLES

RESPONDA ÀS PERGUNTAS ABAIXO

11. Segundo o pensamento sociológico desenvolvido a partir do século XVIII, o sistema penal humanizado deveria
“resgatar o homem (cidadão) por detrás do criminoso”. De acordo com Michel Foucault, como ocorre o processo
de humanização dos processos penais? (02 escores)
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 5

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
_________________________________________________________________________________

12. De acordo com a abordagem sociológica de Michel Maffesoli, como podem ser caracterizadas as tribos sociais e
qual a sua motivação principal? (02 escores)
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

13. Com a expansão da industrialização temos, de acordo com o a teoria de Karl Marx, o surgimento de duas novas
classes sociais. Como a divisão da sociedade, em classes sociais, origina diferentes percepções políticas?
(02 escores)
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

5ª QUESTÃO (23 escores)

DÊ O QUE SE PEDE

14. Observe a charge a seguir.

(Charge adaptada)

Considerando a charge acima e os seus conhecimentos sobre o assunto, responda os subitens a) e b).

a) Explique qual é o tipo de processo social dissociativo evidenciado pela charge. (04 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

b) Estabeleça diferenças entre os processos sociais associativos e dissociativos. (04 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 6

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
_________________________________________________________________________________

15. A respeito das tribos urbanas, analise a imagem a seguir.

(www.google.com/4bp.blogspot)

As tribos urbanas apresentam características singulares e de acordo com a antropóloga Janice Caiafa, “é preciso
que tais tribos sejam compreendidas com as suas manifestações próprias”. Desta forma, as tribos urbanas
desenvolvem uma identidade e , através desta, uma identificação.

Tendo presente o excerto e a charge acima, responda os subitens a) e b).

a) Explique a diferença entre as noções de identidade e identificação. (04 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

b) De acordo com a identificação do indivíduo com uma tribo urbana, a sociedade lhe atribui um rótulo. Descreva
como ocorre esse processo de rotulação. (04 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

16. O artigo 144 da nossa Constituição, quando fala na segurança pública, diz que ela “é dever do Estado e
responsabilidade de todos”. Em todo o país, nas universidades e em inúmeros centros de pesquisas, encontramos
cientistas sociais dedicados a pensar questões como essa que, em última instância, se referem à transgressão da
legalidade e ao desrespeito pela ordem Constitucional(...) .

(BOMENY, Helena, FREIRE-MEDEIROS, Bianca. Coord. Tempos Modernos, Tempos de Sociologia. São Paulo: Ed do Brasil, 2010 – Col Aprender Sociologia.p.226.)
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 7

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
- Considerando o excerto acima e os seus conhecimentos sobre a problemática da violência no Brasil, responda os
subitens a) e b).

a) Explique, apresentando 03 (três) aspectos, como a questão abordada deve ser encarada pela sociedade
brasileira. (03 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

b) Explique o que significa dizer que “não se deve reconhecer os ‘comandos’ dos que praticam a violência como
um Estado dentro do Estado ou até mesmo ausência do Estado”. (04 escores)

_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

6ª QUESTÃO (06 escores)

DISCURSIVA

LEIA ATENTAMENTE O TEMA A SEGUIR E REDIJA O TEXTO NA CAIXA DE RASCUNHO COM UM MÍNIMO DE 5
(CINCO) E UM MÁXIMO DE 15 (QUINZE) LINHAS, APÓS REDIGI-LO TRANSCREVA-O PARA A CAIXA DO TEXTO
DEFINITIVO.

17. TEMA: PADRÕES DE CONSUMO


As necessidades e as prioridades das famílias e das pessoas alteram-se ao longo do tempo, com a fase de vida
da família e com a oferta de produtos. Estas características variam também nas diversas regiões do País.
Como referência, vamos identificar o percentual de despesa em determinadas categorias nos meados da década
de 1990 para a região metropolitana de São Paulo e as mesmas categorias de dados para o Estado de São Paulo no
início da década de 2000.
Estes dados estão indicados em percentual das despesas totais na forma: % década 1990 / % década 2000:
- Alimentação: 15,44% / 14,42%
- Manutenção do lar: 2,63% / 3,06%
- Vestuário: 4,32% / 4,03%
- Transporte: 10,11% / 15,70%
- Recreação e Cultura: 2,45% / 2,10%
- Higiene e cuidados pessoais: 1,25% / 1,56%
- Fumo: 1,10% / 0,65%.
Portanto, quando falamos em ‘padrões de consumo’ estamos nos referindo a uma porção de coisas muito
diferentes, que implicam variados tipos de gastos.
www.dataone.com.br/website/artigo.asp

Considerando o texto acima e tendo presente os seus conhecimentos, discorra sobre os padrões de consumo. O
texto deverá conter:
Introdução, onde deverá conter a relação entre o consumo e a posição social do sujeito e as condições de
acesso ao consumo (01 escore).
Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 8

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
Desenvolvimento, deve apresentar os diferentes tipos de gastos,de bens de consumo, tais como:
- bens duráveis (01 escore);
- bens não duráveis (01 escore);
- bens supérfluos (01 escore);e
- bens essenciais (01 escore).

- Conclusão, deve justificar a relação direta existente entre o consumo de bens e a cidadania.
(01 escore)

RASCUNHO:
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
5 ________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
10 ________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
15 ________________________________________________________________________________
TEXTO DEFINITIVO:
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
5 ________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
10 ________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
15 ________________________________________________________________________________

Correção gramatical e/ou apresentação da prova: 0,2 ponto.


Visto:
CMCG AE2/2011 – SOCIOLOGIA 2º ANO DO ENS. MÉDIO 1ª CHAMADA 9

ALUNO N°: NOME: TURMA: ___________


2º Ten Roney
BOA PROVA!

Você também pode gostar