Você está na página 1de 15

Celebração de Bodas de Prata

COM.: Queridos irmãos e irmãs, estamos aqui reunidos para celebrar com o casal José
Moreira e Ana Terezinha seus 25 anos de casamento. Vamos receber os filhos do casal,
damas e cavalheiros que depositarão diante do altar objetos de importância relevante
na história de em suas vidas.

Canto
Um lar aonde os pais ainda se amam
E os filhos ainda vivem como irmãos
E venha quem vier encontra abrigo
E todos tem direito ao mesmo pão;

Onde todos são por um e um por todos


Onde a paz criou raízes e floriu,
Um lar assim feliz,
Seja o sonho das famílias do Brasil!

Os filhos qual rebentos de oliveira


Alegrem os caminhos de seus pais
E façam a família brasileira
Achar seu amanhã na mesma paz!

Onde todos...

Que os jovens corações enamorados,


Humildes e aprendendo o verbo amar,
Não deixem de sonhar extasiados,
Que um dia também eles vão chegar!

Onde todos...

Que aqueles que se sentem bem casados


Deu certo o seu amor, o amor valeu,
Não vivam como dois alienados:
Partilhem esta paz que deus lhes deu!

Onde todos ...

COM: Em clima de festa, nossa comunidade se reúne para louvar e agradecer a Deus
os dons que nos concede continuamente.
Vamos louvá-lo com este casal, que hoje celebra suas bodas de prata juntos a
seus familiares e amigos.
Ao celebrarmos a Eucaristia, memória da morte e ressurreição do Senhor,
possamos aprender a amar-nos sempre mais e fazer do amor a lei de nossa vida.

De pé vamos receber nossos celebrantes, cantando:

1. Quem poderá definir o encanto


Que há no reflexo do Teu olhar?
Ó Mãe de Deus, eu te amo tanto
E cada vez mais te quero amar

Tu és a mais Santa das mulheres


És lá do céu a mais linda flor
Fazei de nós o que quiseres
Somos escravas do Teu Amor

Teu rosto é sol que brilhando aquece


As horas tristes da solidão
E ao teu sorriso de mão parece
Abrir-se em flor nosso coração

Entrada do casal

Canto: Ave Maria

ACOLHIDA
2 -PR.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

AS.: Amém!

PR.: Sejam bem vindos todos vocês que procuram o Senhor! Seja bem vindo
este casal que, em sua longa história de amor, experimentou a bondade de
Deus. O Deus da esperança, que nos cumula de toda alegria e paz em nossa fé,
pela ação do Espírito Santo, esteja convosco.

AS.: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!

ATO PENITENCIAL
3 – PR.: Sempre, em nossa vida, Deus nos manifestou seu amor de Pai, mesmo
quando nós fomos ingratos e infiéis (pausa). Arrependidos de nossas falhas
contra o amor, imploremos o perdão de Deus, cantando.

Senhor que vieste salvar


Os corações arrependidos
Piedade, Piedade,
Piedade de nós
Piedade, Piedade
Piedade de nós

Ó Cristo, que vieste chamar


Os pecadores humilhados
Piedade, Piedade,
Piedade de nós
Piedade, Piedade
Piedade de nós
Senhor que intercedei por nós
Junto a Deus pai, que nos perdoa
Piedade, Piedade,
Piedade de nós
Piedade, Piedade,
Piedade de nós

HINO DE LOUVOR

Glória a Deus nos altos céus, paz na terra aos seus amados.
A vós louvam Rei Celeste, os que foram libertados.

Glória a Deus, lá nos céus. E paz aos seus Amém

Deus e Pai, nós vos louvamos, adoramos bendizemos.


Damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos.

Senhor nosso, Jesus Cristo, Unigênito do Pai.


Vós, de Deus cordeiro santo, nossas culpas perdoai.

Vós que estais junto do Pai, como nosso intercessor.


Acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor.

Vós somente sois o Santo, o Altíssimo Senhor.


Com o Espírito Divino, de Deus Pai o resplendor.

ORAÇÃO DO DIA

4 - PR.:Oremos (pausa): Ó Deus, que unistes estes vossos filhos José Moreira e
Ana Terezinha pelo laço indissolúvel do matrimonio e conservastes seus
corações unidos nos sofrimentos nas alegrias, aumentai e purificai o seu amor,
para que possam alegrar-se com seus filhos por sua mútua santificação. Por
nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho, na unidade do Espírito Santo.

AS.: Amém!

RITO DA PALAVRA

I Leitura (Eclo 26,1-4. 16-21)


COM.: A leitura mostra a preciosidade e o valor da esposa dedicada. Sua
bondade seu amor são sinais da esperança de Deus no lar.

5 – Leitura do livro do Eclesiástico.

Feliz o marido que tem mulher virtuosa! Ele duplica o número de seus
dias.
A mulher virtuosa é a alegria do marido, ele passará em paz todos os
seus dias.
Uma mulher virtuosa é uma sorte excelente que é dada a quem teme a
Deus. Seja ele rico ou pobre, sempre tem o coração satisfeito e seu rosto
sempre alegre. A graça da esposa alegra o marido e seu saber lhe revigora os
ossos. Presente de Deus é a mulher silenciosa, e nada se pode comparar à
mulher bem educada
A mulher santa e honesta é uma graça inestimável. A alma casta não
tem preço! Como o sol se levanta no alto dos céus, assim é a beleza da mulher
virtuosa, ornamento de sua casa.
___ Palavras do Senhor.

AS.: Graças a Deus!

SALMO RESPONSORIAL 33(34)

6 – Provai e vede quão suave é o Senhor!

1. Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo,\


Seu louvor estará sempre em minha boca.\
Minha alma se gloria no Senhor;\
Que ouçam os humildes e se alegrem!

2. Comigo engrandecei ao Senhor Deus,\


Exaltemos todos juntos o seu nome!\
Todas as vezes que busquei, ele me ouviu,\
E de todos os temores me livrou.

3. Contemplai a sua face e alegra-vos,\


E vosso rosto não se cubra de vergonha!\
Este infeliz gritou a Deus e foi ouvido,\
E o Senhor o libertou de toda angústia.

4. O anjo do Senhor vem acampar\


ao redor dos que o temem e os salva.\
Provai e vede quão suave é o Senhor!\
Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!

II Leitura (Rm 12,1-2.9-13)


COM.: O melhor culto que os esposos podem prestar a Deus é viver o
casamento na harmonia e oferecer-se a Ele como hóstia Santa e agradável.

7 – Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos.


Irmão s, eu vos exorto, pela misericórdia de Deus, a que ofereçais os
vossos corpos como hóstia viva, santa e agradável a Deus: este é vosso culto
espiritual.
Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos, renovando a
vossa mente, a fim de poderdes discernir qual é a vontade de Deus o que é
bom, agradável e perfeito. Que vosso amor seja sem hipocrisia, detestando o
mal e apegados ao bem; com amor fraterno, tendo carrinho uns para com os
outros, cada um considerando o outro como mais digno de estima. Sede
dirigentes, sem preguiça, fervorosos de espírito, servindo ao Senhor,
alegrando-vos na esperança, perseverando na tribulação, assíduos na oração,
tomando parte nas necessidades dos santos, buscando proporcionar a
hospitalidade.
Palavra do Senhor.

AS.: Graças a Deus!

EVANVELHO (Mateus 7,21. 24-25)

COM.: Todos de pé para o canto de aclamação!

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

8 - Buscai primeiro o Reino de Deus


E a sua justiça
E tudo mais vos será acrescentado
Aleluia! Aleluia!

Não só de pão o homem viverá,


Mas de toda palavra
Que procede da boca de Deus
Aleluia! Aleluia!

Se vos perseguem por causa de mim


Não esqueçais o por quê
Não é o servo maior que o Senhor
Aleluia! Aleluia!

9 - PR.: O Senhor esteja convosco!

As.: Ele está no meio de nós!

PR.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.

AS.: Glória a vós, Senhor!


Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: Nem todo aquele que me
diz: Senhor, Senhor, entrará no reino dos céus, mas o que põe em prática a
vontade de meu Pai que está nos céus. Portanto, quem ouve estas minhas
palavras e as põe em prática é como um homem prudente, que construiu sua
casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra
a casa, mas a casa não caiu, porque estava construída sobre a rocha. Palavras
da salvação.

AS.: Glória a vós Senhor!


RENOVAÇÃO DO COMPROMISSO

10 – PR.: José Moreira e Ana Terezinha, há 25 anos contraístes o sagrado


vínculo do matrimônio. Relembrando hoje aquele momento, dai um ao outro a
mão direita e renovai o vosso compromisso diante de Deus e de toda a
comunidade aqui reunida em nome do Senhor.

CASAL.: Hoje,\ depois de 25 anos de casados,\ aqui diante desta assembléia


de irmãos em cristo,\ renovamos nossa mútua fidelidade,\ na alegria e na
tristeza,\ na saúde e na doença.\ Nós nos amaremos e nos respeitaremos\
todos os dias de nossa vida.

AS.: Que deus ouça este vosso compromisso\ e vos conserve ainda por longos
anos\ e derrame sobre vós e sobre vossos filhos\ suas bênçãos.

BENÇÃO DAS ALIANÇAS

11 – PR.: Senhor, abençoai e santificai o amor dos vossos filhos José e Ana, que
tem estas alianças como símbolo de fidelidade! E fazei que eles cultivem
sempre a afeição recíproca e a graça do sacramento. Por Cristo nosso Senhor!

AS.: Amém!

Em seguida, o esposo coloca a aliança no dedo da esposa, dizendo

ESPOSO: Ana, recebe novamente esta aliança em sinal do meu amor e da


minha fidelidade! Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo!

A esposa coloca a aliança no dedo do esposo, dizendo:

ESPOSA: José, recebe novamente esta aliança em sinal do meu amor e da


minha fidelidade! Em nome do pai, do Filho e do Espírito Santo!

ORAÇÃO DA ASSEMBLEIA

12 – PR.: Irmãos e Irmãs, invoquemos a misericórdia de Deus, que por amoroso


designo de sua vontade, quis instituir o sacramento do amor, o matrimônio.

AS.: Renovai, Senhor, a fidelidade de vossos filhos!

1. Pai Santo, que tendes o nome de fiel, que exigis e recompensais a


obediência da aliança – dignai - vos cumular de bênçãos este casal José
Moreira e Ana Terezinha que comemora 25 anos de casamento.

AS.: Renovai, Senhor, a fidelidade de vossos filhos!


2. Pai Santo que com o Filho e o Espírito Santo viveis desde toda a eternidade
em comunhão de amor - fazei que este casal cumpra por toda vida a aliança
de amor que prometeu!

As.: Renovai, Senhor, a fidelidade de vossos filhos!

3. Pai Santo, que orienteis para vós a caminhada dos que prometem fidelidade
no sacramento do matrimônio - fazei que este casal e todos os presentes,
se esforcem por seguir o Evangelho de Cristo!

As.: Renovai, Senhor, a fidelidade de vossos filhos!

4. Pai santo, que quisestes fazer da união conjugal um ensinamento de vida


cristã - concedei que todos os casados se transformem em testemunhas de
vosso amor!

As.: Renovai, Senhor, a fidelidade de vossos filhos!

5. Pai santo, que pela água do batismo recebestes cada filho que lhe fora
aprensentados – iluminai os jovens, para que vejam no matrimônio a
realização do vosso amor!

PR.: Ó Deus, em cuja providência a sociedade familiar tem seu fundamento,


atendei misericordioso as preces de vossos servos. E fazei que, seguindo o
exemplo da Sagrada família, celebrem vossos louvores em vossa casa. Por
Cristo, nosso Senhor.

AS.: Amém!

RITO SACRAMENTAL

PREPARAÇÃO DAS OFERTAS


COM.: Com o Pão e com o vinho, ofertamos a Deus Pai, a vida deste casal e
de todos os casais presentes. Ofertamos também todos os momentos de
alegrias, felicidade, conquistas, Louvores, agradecimentos, tropeços e
necessidades, encontrados nestes 25 anos de casamento deste casal,
representados no brasão da família e em flores trazida pelos membros da
família, ofertamos também cada amigo conquistado em toda nossa vida,
representados no buquê. Cantemos

13 – 1. A mesa santa que preparamos,


Mãos que se elevam a Ti, ó Senhor.
O pão e o vinho, frutos da terra,
Duro trabalho, carinho e amor:

Ô, ô, ô, recebe, Senhor!
Ô, ô, recebe, Senhor!
2. Flores, espinhos, dor e alegria,
Pais, mães e filhos diante do altar.
A nossa oferta em nova festa,
A nossa dor vem, Senhor, transformar!

Ô, ô, ô, recebe, Senhor!
Ô, ô, recebe, Senhor!

3. A vida nova, nova família,


Que celebramos, aqui tem lugar.
Tua bondade vem com fartura,
É só saber, reunir, partilhar.

Ô, ô, ô, recebe, Senhor!
Ô, ô, recebe, Senhor!

PR.: Orai, irmãos e irmãs, para que esta nossa família, reunida em nome de
Cristo, possa oferecer um sacrifício que seja aceito por Deus Pai todo
Poderoso.

14 –AS.: Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória de seu
nome, para nosso bem e de toda Santa Igreja!

SOBRE AS OFERENDAS

15 – PR.: Recebei, ó Pai, estas oferendas de ação de graças pelas bodas dos
vossos filhos José Moreira e Ana Terezinha; e fazei que sejam para ambos
uma fonte de paz e alegria. Por Cristo, nosso Senhor.

AS.: Amém!

ORAÇÃO EUCARÍSTICA II
( Missal, pág. 477 – prefácio próprio)

16 – PR.: O Senhor esteja convosco!

AS.: Ele está no meio de nós!

PR.: Corações ao alto!

AS.: O nossa coração está em Deus!

PR.: Demos graças ao Senhor, nosso Deus!

AS.: É nosso dever e nossa salvação!

PR.: Na verdade é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos


graças, sempre e em todo lugar, Senhor Pai santo, Deus eterno e todo
poderoso, por Cristo, senhor nosso. A união do homem e da mulher, que
celebramos no sacramento do matrimônio, é imagem do vosso amor de Pai.
De fato, por amor criastes o homem e a mulher e, na vossa bondade, os
elevastes à dignidade de filha e filhos vosso. Sempre de novo nos lembrais o
mandamento do amor, distintivo de todos os vossos filhos e filhas. Sinal
permanente do vosso amor é o sacramento do matrimônio, que santifica o
homem e a mulher para que possam participar da vossa eterna caridade.
Unidos aos anjos e a todos os santos, nós vos aclamamos cantando a uma
só voz:

AS.: santo (canto)

Santo, Santo, Santo, dizem todos os anjos


Santo, Santo, Santo é o Senhor Jesus
Santo, Santo, Santo é quem nos redime
Porque meu Deus é Santo
E a terra cheia de Sua glória está (2x)

Céus e terras passarão, mas Sua palavra não passará(x2)


Não, não, não passará
Não, não, não, não, não, não passará

Hosana a Jesus Cristo filho de Maria


Bendito o que vem em nome do Senhor

Santo, santo, santo é quem nos redime


Porque meu Deus é Santo
E a terra cheia de Sua glória está (2x)

Céus e terras...

PR.: Na verdade, ó Pai, vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois
estas oferendas, derramando sobre elas o vosso Espírito, a fim de que se
tornem para nós o Corpo + e o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor
nosso.

AS.: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

PR.: Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, ele tomou o
pão, deu graças e o partiu e deu a sues discípulos, dizendo:
TOMAI, TODOS, COMEI;
ISTO É O MEU CORPO,
QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.
Do mesmo modo, ao fim da ceia, Ele tomou o cálice em suas mãos, deu
graças novamente e o deu a seus discípulos, dizendo:
TOMAIS, TODOS, E BEBEI:
ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE,
O SANGUE DA NOVA E ETERNA
ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO
PORVÓS E POR TODOS
PARA REMISSÃO DOS PECADOS.
FAZEI ISTO EM MEMÓTIA DE MIM.
Eis o mistério da fé!

AS.: Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa


ressurreição.
Vinde, Senhor Jesus!

PR.: Celebramos, pois, a memória da morte e ressurreição de vosso Filho,


nós vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e vos
agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na vossa presença
e vos servir.

AS.: Recebei, ó Senhor a nossa oferta!

PR.: E nós vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo,


sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

AS.: Fazei de nós um só corpo e um mesmo espírito!

PR.: Lembrai – vos, ó Pai, da vossa Igreja que se faz presente pelo mundo
inteiro: que ela cresça na caridade, como papa Bento XVI, com nosso bispo
Cláudio Nori e todos os ministros do vosso povo. Lembrai - vos também,
Senhor, destes seus filhos José Moreira e Ana Terezinha. Assim como lhes
destes a alegria do casamento, possam, por vossa graça, viver unidos no
amor e na paz.

AS.: Lembrai - vos, ò Pai, da vossa Igreja!

PR.: Lembrai – vos também de nossos irmãos e irmãs que morreram na


esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei –
os junto a vós na luz de vossa face.

AS.: Lembrai – vos, ó Pai, dos vossos filhos!

PR.: Enfim, nós vos pedimos, tende piedade de todos nós e daí – nos
participar da vida eterna, com a virgem Maria mãe de Deus, com os santos
apóstolos e todos os que neste mundo vos serviram, a fim de vos louvarmos
e glorificarmos por Jesus Cristo, vosso Filho.

AS.: Concedei – nos o convívio dos eleitos!


PR.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a vos, Deus Pai todo poderoso, na
unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda glória, agora e para sempre.

AS.: Amém!

PAI NOSSO

17 – PR.: Rezemos com amor e confiança a oração que o Senhor Jesus nos
ensinou.

AS.: Pai nosso que estai no céus, santificado seja o vosso nome...
Após o Pai nosso, o presidente reza pelo casal:

PR.: Nós vos louvamos e bendizemos, Deus criador de todas as coisas, que
no princípio criastes o homem e a mulher para constituírem uma sociedade
de vida e amor; e também vos agradecemos, Senhor, porque vos dignastes
abençoar o casamento dos vossos filhos, José Moreira e Ana Terezinha ,
para ser uma imagem da união de Cristo com a Igreja. Olhai com bondade
para eles e, como preservastes sua união em meio a alegrias e tristezas,
assim renovai neles sempre a aliança nupcial, aumentando a caridade e
reforçando os laços da paz, a fim de merecerem receber sempre a vossa
bênção na companhia dos filhos e dos amigos. Por Cristo nosso Senhor.

AS.: Amém!

PR.: A paz do senhor esteja convosco!

AS.:O amor de Cristo nos uniu!

PR.: Como filhos e filhas do deus da paz, saudai – vos com gesto de
comunhão fraterna.

Canto

Quero te dar a paz do meu Senhor,


Com muito amor,
Quero te dar a paz do meu Senhor,
Com muito amor,
Na flor vejo manifestar o poder da criação,
Nos teus lábios eu vejo estar o sorriso de um irmão,
Toda vez que eu te abraço,
E aperto a sua mão,
Sinto forte o poder do amor, dentro do seu coração
Quero te dar a paz do meu Senhor,
Com muito amor,
Quero te dar a paz do meu Senhor,
Com muito amor,
Deus é Pai e nos protege,
Cristo é filho e salvação,
Santo Espírito consolador,
Na verdade somos irmãos,
Toda vez que te abraço,
E aperto a sua mão,
Sinto forte o poder do amor, dentro do seu coração,
Quero te dar a paz do meu Senhor,
Com muito amor,
Quero te dar a paz do meu Senhor,
Com muito amor....

18 – AS.: Cordeiro ( em ritmo sertanejo)

PR.: Felizes os convidados para o banquete nupcial do Cordeiro! Eis o Cordeiro


de Deus, que tira o pecado do mundo!

AS.: Senhor, eu não sou digno\a de que entreis em minha morada, mas dizei
uma palavra e serei salvo\a!

CANTO DE COMUNHÃO

19 – 1. Maria cheia de graça, não teme o que possa vir.


“Palavra de Deus não passa, sem tudo antes florir”.

Na casa de Nazaré, um SIM ecoou sereno. Na casa de Nazaré, Deus mesmo se fez
pequeno.

José temeu agrura, Maria foi sempre forte.


E Deus encontrou ternura e o povo uma nova sorte.

Maria foi resistente, falou pelo povo seu.


“O braço do prepotente Deus mesmo desmereceu”.

Maria, toda humildade, não foge nem mesmo à cruz. Confia: Deus é bondade, perdão,
fortaleza e luz.

2. Quando teu pai revelou o segredo a Maria que, pela força do Espírito, conceberia,
a ti Jesus, ela não hesitou logo em responder: Faça-se em mim, pobre serva o a que
Deus aprouver! /
Hoje imitando a Maria que é imagem da igreja, nossa família outra vez te recebe e
deseja, cheia de fé,
de esperança e de amor, dizer sim a Deus. Eis aqui os teus servos senhor!

Que a graça de Deus, cresça em nós sem cessar! E de ti nosso pai venha o Espírito
Santo de amor, pra gerar e formar Cristo em nós.

Por um decreto do pai ela foi escolhida para gerar-te, ó senhor que és origem da vida;
cheia do Espírito Santo no corpo e no coração foi quem melhor cooperou com a tua
missão. /
Na comunhão recebemos o Espírito Santo e vem contigo Jesus o teu pai sacrossanto;
vamos agora ajudar-te no plano da salvação: eis aqui os teus servos senhor!
No coração de Maria, no olhar doce e terno, sempre tiveste na vida um apoio materno.
Desde Belém,
Nazaré, só viveu para te servir; quando morrias na cruz tua mãe estava ali. / Mãe
amorosa da igreja quer ser nosso auxílio.
Reproduzir no cristão as feições de teu filho. Como ela fez em Caná, nos convida a te
obedecer: eis aqui os teus servos
senhor!

AÇÃO DE GRAÇAS

Deus está aqui neste momento.


Sua presença é real em meu viver.
Entregue sua vida e seus problemas.
Fale com Deus, Ele vai ajudar você.
Deus te trouxe aqui
Para aliviar o teu sofrimento.
É Ele o autor da Fé
Do princípio ao fim,
Em todos os seus tormentos.

E ainda se vier noites traiçoeiras,


Se a cruz pesada for, Cristo estará contigo.
O mundo pode até fazer você chorar,
Mas Deus te quer sorrindo. (bis)

Seja qual for o seu problema


Fale com Deus. Ele vai ajudar você.
Após a dor vem a alegria,
Pois Deus é amor e não te deixará sofrer.

Deus te trouxe aqui


Para aliviar o seu sofrimento.
É Ele o autor da Fé
Do princípio ao fim,
Em todos os seus tormentos.

(refrão)

Consagração a Nossa Senhora

Oh, Minha Senhora e também minha mãe


Eu me ofereço, inteiramente, todo a vós.
E em prova da minha devoção, eu hoje vos dou meu coração.

Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca


Tudo o que sou, desejo que a vós pertença
Incomparável mãe, guardai-me e defendei-me,
Como filho e propriedade vossa, Amém
Como filho e propriedade vossa, Amém.
DEPOIS DA COMUNHÃO

20 – PR.: Ó Deus, que acolhestes à mesa da vossa família o casal José Moreira e
Ana Terezinha, com seus filhos e amigos, concedei – lhes progredir com firmeza
e alegria na mútua comunhão, para se encontrarem um dia unidos no convívio
do céu.
Por Cristo, nosso Senhor!

AS.: Amém!

MENSAGEM

Oh, Minha Senhora e também minha mãe


Eu me ofereço, inteiramente, todo a vós.
E em prova da minha devoção, eu hoje vos dou meu coração.

Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca


Tudo o que sou, desejo que a vós pertença
Incomparável mãe, guardai-me e defendei-me,
Como filho e propriedade vossa, Amém
Como filho e propriedade vossa, Amém.

21 – PR.: O Senhor esteja convosco!

AS.: Ele está no meio de nós!

PR.: Que Deus Pai todo poderoso vos conceda a sua alegria.

As.: Amém!

PR.: O Filho unigênito de Deus, com sua misericórdia, esteja ao vosso lado na
alegria e na tristeza.

AS.: Amém!

PR.: O Espírito Santo derrame, sem cessar, a caridade em vossos corações.

AS.: Amém!

PR.: E a todos vós, aqui reunidos, abençoe – vos Deus todo poderoso, Pai e
Filho e Espírito Santo.

AS.: Amém!
PR.: Proclamai a todos o amor de Deus. Ide em paz e o Senhor vos
acompanhe!

AS.: Graças a Deus!

CANTO FINAL

22 - Oração Pela Família


Padre Zezinho

Que nenhuma família comece em qualquer de repente


Que nenhuma família termine por falta de amor
Que o casal seja um para o outro de corpo e de mente
E que nada no mundo separe um casal sonhador!

Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte


Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois
Que ninguém os obrigue a viver sem nenhum horizonte
Que eles vivam do ontem, do hoje em função de um depois!

Que a família comece e termine sabendo onde vai


E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor
E que os filhos conheçam a força que brota do amor!

Abençoa, Senhor, as famílias! Amém!


Abençoa, Senhor, a minha também (bis)

Que marido e mulher tenham força de amar sem medida


Que ninguém vá dormir sem pedir ou sem dar seu perdão
Que as crianças aprendam no colo, o sentido da vida
Que a família celebre a partilha do abraço e do pão!

Que marido e mulher não se traiam, nem traiam seus filhos!


Que o ciúme não mate a certeza do amor entre os dois!
Que no seu firmamento a estrela que tem maior brilho,
seja a firme esperança de um céu aqui mesmo e depois!
Que a família comece e termine sabendo onde vai
E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor
E que os filhos conheçam a força que brota do amor!

Abençoa, Senhor, as famílias! Amém!


Abençoa, Senhor, a minha também (bis)

Obrigado a todos pela presença!

Bodas de prata:

José Aparecido Moreira e Ana Terezinha da Silva Moreira

Você também pode gostar