Você está na página 1de 4

REVISÃO HISTÓRIA

1-Antes de se tornar um importante produto para a economia mundial, o café enfrentou problemas de ordem
cultural. Portanto, em relação a este aspecto, é correto dizer que:

a) Inicialmente, o café era visto como um estimulante pecaminoso pela população europeia. O fato de essa
bebida ter sido originada no continente africano contribuiu para a permanência desse paradigma até meados
do século XVI.

b) O café não era bem aceito pela sociedade europeia pelo alto custo de seu consumo e pela falta de mão de
obra na plantação dos cafezais no continente africano.

c) Uma das hipóteses levantadas foi de que o café era visto como uma bebida ingerida somente pelos deuses
gregos e que um ser humano comum não poderia consumi-lo.

d) O preconceito contra a região em que o café foi originado contribuiu para que os europeus não ingerissem
essa bebida. Porém, o principal bloqueio em relação a essa bebida no mercado europeu foi a resistência da
mão de obra escrava para trabalhar nos cafezais na Europa.

2-Em relação à chegada do café no Brasil é correto dizer que:

a) O café chegou somente no século XIX no Brasil e teve bastante dificuldade de ganhar o gosto popular. No
século posterior, o café tornou-se um produto importante para a economia, mas não representou grandes
lucros para o Estado brasileiro.

b) O café chegou ao Brasil no século XVIII, quando a esposa do governador da Guiana Francesa presentou o
Sargento paraense Francisco de Mello Palheta com uma muda de café, que posteriormente foi ganhando o
gosto da população brasileira.

c) A plantação cafeeira no Brasil somente cresceu após a criação do Convênio de Taubaté no século XVIII,
que priorizou investimentos públicos nos cafezais para alavancar a venda do produto no mercado nacional.

d) A chegada do café no Brasil trouxe poucas mudanças para a economia nacional, uma vez que a produção
cafeeira foi produzida visando ao mercado interno que era mais rentável do que o comércio no mercado
internacional.

3-Cite e explique dois fatores que contribuíram para a expansão da economia cafeeira no Brasil.

_________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
4-Explique a participação do empresário Irineu Evangelista de Souza no período de ascensão da economia cafeeira e
do comércio brasileiro.
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

Lei de Terras – 1850 Em 1850, o parlamento brasileiro promulgou a Lei de Terras, lei que determinava que o acesso
a propriedade da terra no país seria feita pela compra, e não mais por doação ou pela posse, como era feita pela
Coroa no período colonial. Para ser dono da terra o único meio seria comprála, e do registro da propriedade. Essa
medida limitou o acesso à terra para os antigos escravizados, imigrantes e trabalhadores pobres que não tinham
recursos para sua aquisição. Não por acaso, a Lei de Terras foi aprovada no mesmo ano da Lei Eusébio de Queirós,
que proibiu a importação de escravos para o Brasil. A proibição do tráfico de escravos e a entrada de imigrantes no
Brasil foram vistos como uma ameaça aos grandes proprietários rurais, principalmente os cafeicultores, que estavam
interessados em ampliar a oferta de mão de obra e expandir suas plantações – com os preços elevados, as camadas
mais pobres não tinham acesso à terra, logo eram forçadas a trabalhar para os grandes proprietários ou
comerciantes.

5-Sobre a Lei de Terras (1850), assinale a alternativa correta:

(A) A lei determinou que a compra seria o único meio de ter a propriedade da terra no Brasil.

(B) As terras seriam doadas somente aos trabalhadores livres.

(C) Recebeu o benefício da Lei Eusébio de Queirós, que facilitou o tráfico internacional de escravos para o Brasil.

(D) Foi mal vista pela elite do Brasil, pois favoreceu o acesso a propriedade da terra a todos no Brasil.

Lei Rio Branco Lei do Ventre Livre 1871 Declarava livres os filhos de mulheres escravizadas nascidos a partir daquela
data. As crianças livres poderiam ficar com suas mães até os 8 anos de idade. Depois disso, o senhor podia optar em
receber uma indenização do Estado por conta da libertação ou utilizar os serviços desse liberto até completar 21
anos de idade.
Lei Saraiva-Cotegipe Lei dos Sexagenários 1885 Lei que libertava os escravizados com mais de 60 anos. Entretanto,
exigia que antes de serem libertos, esses escravizados teriam que trabalhar por mais três anos para seus senhores, a
título de indenização, ou até completarem 65 anos.
Lei Áurea 1888 Em 13 de maio de 1888, a Princesa Isabel, que substituía provisoriamente seu pai Dom Pedro II,
assina a lei que declarava extinta a escravidão no Brasil.

A abolição, porém, não significou uma melhor situação ao que foram libertos. Essa parcela da população não foi
integrada à sociedade, muito por conta do racismo que impunha aos negros a marginalização dos direitos sociais. A
liberdade não lhes garantiu as condições de sobrevivência e alguns desses libertos, voltaram a trabalhar aos seus
senhores para garantir seu sustento, principalmente na área rural. Nas cidades, a situação não foi diferente,
obrigando a população negra a se estabelecer em bairros pobres e recebiam baixos salários por serviços pesados.

6-Escreva sobre as leis abolicionistas, apontando as determinações e características de cada uma delas.

_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________

7-A incorporação de novas áreas, entre 1820 e 1850, que deu aos Estados Unidos sua atual conformação
territorial, estendendo-se do Atlântico ao Pacífico, deveu-se fundamentalmente:

a) a um avanço natural para o oeste, tendo em vista a chegada de um imenso contingente de imigrantes
europeus.

b) aos acordos com as lideranças indígenas, Sioux e Apache, tradicionalmente aliadas aos brancos.

c) à vitória na guerra contra o México, que, derrotado, foi obrigado a ceder quase a metade de seu território.

d) à compra de territórios da Inglaterra e Rússia, que assumiram uma posição pragmática diante do avanço
norte-americano para o oeste.
e) à compra de territórios da França e da Espanha, que estavam, naquele período, atravessando graves crises
econômicas na Europa.

8-“Uma casa dividida contra si mesma não subsistirá. Acredito que esse governo, meio escravista e meio
livre, não poderá durar para sempre. Não espero que a União se dissolva; não espero que a casa caia. Mas
espero que deixe de ser dividida. Ela se transformará só numa coisa ou só na outra.” [Abraham Lincoln, em
1858].

Esse texto expressa a:

a) posição política autoritária do presidente Lincoln.

b) perspectiva dos representantes do sul dos EUA.

c) proposta de Lincoln para abolir a escravidão.

d) proposição nortista para impedir a expansão para o Oeste.

e) preocupação de Lincoln com uma possível guerra civil.

9-O processo de expansão territorial dos Estados Unidos, sobretudo nos sucessivos ataques contra as nações
indígenas e a Guerra contra o México entre 1848 e 1850, foi ideologicamente justificado pelos Estados
Unidos a partir:

a) da Doutrina Monroe

b) da Política do Big Stick

c) do Macartismo

d) do Destino Manifesto

e) do Plano Marshall

10-A Guerra Mexicano-Americana foi travada por México e Estados Unidos entre 1848 e 1850 e garantiu
aos Estados Unidos um vasto território com acesso ao Oceano Pacífico e que possuía grandes jazidas de
ouro. O evento que serviu como precursor para a guerra foi:

a) a compra da Louisiana

b) a Revolução do Texas

c) a aprovação do Homestead Act

d) a assinatura da Lei de Remoção dos Índios

e) a compra da Flórida

11- Em 1783, após a Guerra de Independência dos Estados Unidos contra a Inglaterra, foi
assinado o Tratado de Paris. Esse acordo estipulava que:
a) As terras a oeste do trecho a partir dos Montes Apalaches até a borda do Rio Mississipi
seriam consideradas território americano e, portanto, cedidas pela Inglaterra.
b) Garantia um acordo em que os americanos comprometiam-se a não atacar as nações
indígenas que viviam na região entre os Montes Apalaches até a borda do Rio Mississipi.
c) Garantia um acordo entre os dois países em que a Inglaterra manteria um tratado
econômico com os EUA com impostos alfandegários estipulados em 15%.
d) Os EUA seriam obrigados a pagar uma indenização aos ingleses de 19 milhões de
dólares em compensação pelo reconhecimento de sua independência.
e) Garantia o apoio da Inglaterra aos EUA contra futuros conflitos que fossem travados
contra as nações indígenas.

12-A expansão territorial dos EUA ao longo do século XIX também foi realizada a partir de
negociação e compra. Ao longo desse século, três territórios distintos foram comprados
pelos americanos. Associe o território abaixo com a nação que vendeu o território aos
americanos:
(a) Luisiana ( ) Russos

(b) Flórida ( ) Franceses

(c) Alasca ( ) Espanhóis

13-Durante a expansão territorial, a forma encontrada pelo governo americano para


incentivar a ocupação de todo esse “vazio territorial” foi a partir da Homestead Act, que
determinava:
a) A distribuição gratuita de territórios para todo cidadão americano, desde que ele não
fosse pertencente à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.
b) A venda da terra a um preço muito baixo desde que a pessoa tivesse ao menos 21
anos e que habitasse e cultivasse a terra por, pelo menos, cinco anos.
c) A distribuição de terra gratuita para todos aqueles que tivessem informações que
levassem à prisão de criminosos.
d) A distribuição de terras para os veteranos da Guerra Mexicano-Americana.
e) A venda da terra por preços normais com condições de pagamento facilitadas para
todos que lutassem contra as nações indígenas hostis.
14-A Guerra de Secessão aconteceu nos EUA de 1861 a 1865 e foi resultado da disputa
entre Norte e Sul pela questão da ampliação da utilização do trabalho escravo nos novos
territórios. O primeiro ato de agressão desse conflito aconteceu:
a) na Batalha de Gettysburg
b) na Batalha de Fredericksburg
c) na Batalha de Chickamauga
d) na Batalha do Fort Sumter
e) no Cerco de Petersburg