Você está na página 1de 12

ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 1 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

INFORMAÇÃO DA ATIVIDADE

Título / Descrição TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Local: CSN CIMENTOS TODAS AS CORREIAS TRANSPORDORAS


( X ) Bloqueio de Energias Perigosas ( X ) Interdição de Rua ( X ) Trabalho em Altura
( X ) Trabalho a quente ( ) Linha Férrea ( ) Escavação
Característica(s) do(s)
( X ) Montagem de Andaimes ( ) Trabalho em telhado ( ) Espaço Confinado
Risco(s)
( ) Áreas com gás ( X ) Atividade com Eletricidade ( X ) Içamento de Carga
( ) Comissionamento de equipamento ( ) Construção Civil ( X ) Outros: Cabo Guia

Capacete com jugular ajustada, óculos de segurança rj, protetor auricular tipo plug ou concha, mascara de vapores orgânicos pff3 e pff2 botina de
EPI Requerido(s) segurança com biqueira de aço, luvas de raspa, luva de pvc (manuseio de produtos químicos), anticorte, luva de vaqueta, cinto de segurança com
02 talabartes e protetor facial, avental, blusão, creme de proteção.
Ferramentas: faca olfa, laminas para faca olfa, linha urso, giz, marcador industrial, esquadro 12”, rodilho, rodilho de dupla ação, abraçadeiras,
alavancas, estropos e cintas, martelo bola e borracha, cavalete, extensão elétrica, luminária, tesourão, cabo de arraste, conjunto chave
combinadas 13 a 36, chave grife e inglesa, turquês, catracas e talhas de corrente de 750 a 5T, marreta, tifor com cabo, trena, manilhas, chapa de
arraste, dispositivo de enrolar correia, tablado, roldana, garra de parafuso, garra para escalonar, cordas de náilon, escova de aço, escova de pelo,
Ferramentas, materiais e brocas, chave de aperto, furadeiras, esmerilhadeira angular e reta, soprador térmico, placa elétrica sampla 440v, bolsa de pressão de água e ar,
equipamentos chapa de alumínio, longarinas de aço, parafusos com porcas e arruelas, bomba de pressão água sampla, painel elétrico sampla, pinos de
requeridos segurança em L.

Materiais: Cola Vipal, catalisador, solventes, cola preta para emenda quente (continental, vulk), borracha de ligação e cobertura, flexsol, fita de
acabamento para reparo, pinceis.
Equipamentos: Pá Mecânica, Guindaste, Caminhão munck, Empilhadeira, é de responsabilidade do cliente.

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 2 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

Substância / produtos
Não aplicável.
requeridos

1.1 Os empregados somente poderão ter acesso ao local dos


serviços após terem recebido  as orientações de segurança e
terem participado do treinamento de integração de segurança da
Piso desnivelado Impacto por e Escoriação, Luxação,
CSN e da CSN Cimentos, a qual tratará de riscos existentes da
contra Fratura.
Veículos área.
(Pá mecânica, Queda com e sem Escoriação, luxação, 1.2 Antes de iniciar a jornada de trabalho, a supervisão da
empilhadeiras, diferença de nível fratura, esmagamento, VULMAX deverá treinar seus empregados sobre o conteúdo desta
guindaste, caminhão
munck, veículos de Atropelamento. amputação. AR/PST, todos assinarem no documento e realizar Reunião
passeios, bob cat.) Aprisionamento Relâmpago abordando os riscos da área e serviços, propondo
01 PREPARAÇÃO DO medidas preventivas e evidenciando em formulário próprio. A
PESSOAL E LOCAL Escada Ferida Amputação de
AR/PTR deverá estar na frente de serviço.
Corte contuso membros
Ferramentas 1.3 Não improvisar caminho, utilizar somente passagens
manuais (cabo de Morte demarcadas, não desvie de seu local de trabalho para outro não
arraste, faca olfa, autorizados.
talhas, marreta,
manilhas, chapa de 1.4 Ao chegar ao local da execução o trabalhador deve fazer uma
arraste análise crítica do ambiente e das condições de trabalho. Caso
encontre alguma situação grave e/ou iminente que gere risco a um
ou mais trabalhadores, deve exercer o direito de recusa,
interromper de imediato as atividades e comunicar o fato ao seu

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 3 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

superior hierárquico para as devidas providências.


1.5 Após chegar ao local de trabalho os responsáveis de posse de
todos os documentos RS, ART o supervisor VULMAX responsável
pelo serviço deverá acompanhar a liberação da PTR/ PSQ com os
responsáveis GMN e logo após realizar a reunião relâmpago junto
com seus subordinados abordando passo a passo a atividade e
consequentes riscos e as interferências do dia relacionados as
atividades, verificando também o estado físico e emocional dos
empregados sob sua responsabilidade.
1.6 É proibido fumar no interior das áreas. Utilizar locais permitidos
Incêndio / explosão e identificados como fumódromo.
1.7 Obedeçam às sinalizações de segurança, atente-se para as
placas de aviso, sirenes e alarmes.
01 PREPARAÇÃO DO Materiais inflamáveis Queimadura / morte 1.8 Todos os empregados envolvidos no serviço devem estar aptos
PESSOAL E LOCAL pela Medicina do Trabalho e devidamente treinados e capacitados
com as devidas evidências enviadas ao para protocolar CSN /
GST.
1.9 É proibido realizar a atividade sozinho, os colaboradores
deverão ser orientados pela supervisão da Vulmax a realizar a
atividade em dupla ou com auxílio de mais colaboradores.
02 ISOLAMENTO E Atropelamento 2.1 Comunique imediatamente ao seu Supervisor, ao Serviço de
Queda de material Escoriação

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 4 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

Segurança do Trabalho, sobre a falta ou falha de sinalização ou


proteção em locais que ofereçam perigo.
Impacto por /
Veículos de passeio Ferimentos
contra 2.2 A equipe VULMAX deverá isolar ou sinalizar a área com fita
SINALIZAÇÃO DA ÁREA Veículos industriais Fraturas zebrada, antes de iniciar a atividade, em toda extensão de
À SER EXECUTADA A Queda ou projeção trabalho, alertando sobre os principais riscos da atividade a ser
(Pá mecânica, Amputação de
ATIVIDADE de materiais executada na área.
empilhadeiras,
membros
guindaste, caminhão
Aprisionamento. 2.3 Toda área onde estiverem armazenados os materiais e
munck, bob cat.) Corte de membros / equipamentos deverão estar isolados e sinalizados.
Queda com e sem morte
diferença de nível 2.4 Os empregados deverão ter atenção nas movimentações de
veículos industriais nas áreas de atuação das atividades.
03 BLOQUEIO E Contato com partes Queimadura/morte 3.1 Antes de iniciar as atividades o líder da Vulmax deverá solicitar
Exposição à energia
DESBLOQUEIO DE energizadas o responsável CSN para fazer os bloqueios necessários. O líder da
ENERGIAS PERIGOSAS elétrica equipe Vulmax juntamente com “liga e desliga” (responsável pelo
bloqueio CSN) deverá fixar seu cadeado no dispositivo de bloqueio
e, após a execução de todo procedimento e verificação de
implantação do bloqueio, deerá o líder colocar a chave no interior
de sua caixa de bloqueio, na qual todos os colaboradores expostos
de sua equipe deverão fixar seus cadeados e etiquetas. Proceder
conforme PP 503574 (ISE 04).
3.2 Tanto em horário administrativo ou em horário noturno,
comunicar e solicitar liberação de bloqueio do equipamento na sala
de controle acompanhamento do eletricista CSN cimentos.
3.3 Não é permitido o líder Vulmax trocar de turno entregar sua

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 5 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

chave a outra pessoa sem efetuar o desbloqueio. Somente quem


efetuou o bloqueio tem autorização para desbloquear.
3.4 Ao finalizar a atividade o líder Vulmax deverá comunicar a
todos os envolvidos na atividade que o equipamento será
desbloqueado e se certificar de que ninguém está trabalhando no
local. Em seguida deverá solicitar ao eletricista CSN cimentos o
desbloqueio do equipamento.
Queimadura
Atrito / perfuração
4.1 Ao executar serviços com lixadeira diretamente na peça (parte
Choque elétrico Incisão de metal), revestimento, deverá abri PSQ (Permissão Para Serviço
á Quente) e usar os seguintes EPI´s: Protetor facial, protetor
Impacto por / Escoriação auricular, óculos de segurança, e blusão de raspa.
Lixadeiras contra 4.2 Fazer inspeção e realizar check list em cabos elétricos, plugs,
04 UTILIZAÇÃO DE Fraturas discos, rebolos da lixadeira antes de sua utilização. Verificar se a
FERRAMENTAS Furadeiras Queda com ou sem
rotação do disco é compatível com a rotação da lixadeira, e se o
diferença de nível Corte disco usado é apropriado para o corte ou para o desbaste, sendo
Esmerilhadeiras Queda de matérias que o mesmo deve estar com a proteção do disco.
4.3 Ao realizar corte com faca mantenha postura defensiva não
deixando membros no raio de ação da faca;
4.4 Nunca realize corte com a faca com movimento de empurrar.
Não abra muita lâmina na faca olfa. Cuidado ao trocar as lâminas;
4.5 Verificar a voltagem das ferramentas antes de conectá-las à
energia elétrica, é obrigatório o uso do espaço DR (Dispositivo de
Ferramentas Choque elétrico Lesões múltiplas Segurança) para uso da mesma. Todas as ferramentas elétricas
manuais (cabo de Impacto por / devem ser dotadas de plugs. Deverão ser feitas inspeções diárias

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 6 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

contra
arraste, faca olfa, Morte nos equipamentos.
laminas olfa talhas, Queda com ou sem 4.6 Sempre no final da atividade, quando estiver utilizando
marreta, manilhas, diferença de nível lixadeira, a mesma deve ser desligada de imediato da tomada, para
chapa de arraste Irritação nos olhos que no acionamento impróprio não possa ligá-la repentinamente.
04 UTILIZAÇÃO DE Queda de matérias Observar que ao desligar a lixadeira, a mesma continua em rotação
peles e vias
FERRAMENTAS Poeira negro de do disco, procurar mantê-la sempre distante do corpo, em posição
respiratórias
fumo defensiva.

5.1 – Deverão ter treinamento teórico e prático de trabalho em


altura e portar a carteirinha de liberação para acesso a trabalho em
altura e estar Apto pela medicina do trabalho a exercer essa
atividade de acordo com o descrito na NR-35.Conhecer e cumprir
PP 503578 ISE -08 (Trabalho em Lugares Altos).
Fraturas 5.2 - Isolar e sinalizar o local de trabalho com fitas zebradas e
05 TRABALHO EM Altura Queda com Amputações placas sinalizadoras. É expressamente proibido trânsito de
ALTURA diferença de nível funcionários em áreas não liberadas.
Perfurações 5.3 - O cinto de segurança tipo paraquedista deverá ser usado com
Escadas
Contusões dois talabartes presos em estrutura fixa na altura do ombro ou
acima, caso não seja possível prender na estrutura deverá ser
Corte das mãos Morte montado à linha da vida (esta deverá ser montada com cabo de
Andaimes Queda de material aço 8 mm não ultrapassando a distância máxima de 10 metros de
Entorse
comprimento e sendo um dos cabos individuais por montador). A
montagem da linha da vida deve ser realizada por pessoa
habilitada.
5.4 - Cabe ao empregado realizar a inspeção do cinto de
segurança antes de usá-lo, dando atenção aos talabartes,

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 7 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

mosquetões, costuras, identificação do cinto (etiqueta), e fivelas.

Andaimes Fraturas 5.5 Os colaboradores da Vulmax, deverão usar somente acessos


permitidos, como: escadas e locais demarcados. Nunca improvisar
Amputações
05 Queda com caminhos alternativos. Sempre utilizar corrimão para subir e descer
TRABALHO EM
Altura Perfurações escadas.
ALTURA diferença de nível
Escada 5.6 Não encostar / apoiar nos equipamentos existentes na área.
6.1 O funcionário deverá estar habilitado para sinalizar para os
operadores da Ponte Rolante e Guindaste, devendo estar
identificado, sendo colocadas tarjas verdes em cruz, na parte
Impacto por contra superior do capacete.
Escoriação, Luxação, 6.2 Todo material içado deve ter isolamento pré-demarcado,
Atropelamento
Fratura. isolando em todo raio de ação.
SINALIZAÇÃO DE Aprisionamento
06 Ponte rolante / 6.3 Antes do içamento de materiais a área deverá estar
PONTE ROLANTE E Escoriação, luxação,
Guindaste Esmagamento de devidamente isolada com fita zebrada em todo raio de ação.
GUINDASTE fratura, esmagamento, 6.4 Usar rádio caso não possa se comunicar através de sinais
membros
amputação / morte. manuais (um rádio para o operador e outro para o sinalizador).
Queda de materiais 6.5 Deverá ser utilizado gancho prolongador ou corda para
manusear a carga mantendo-se fora do raio de ação da mesma.

7.1 Antes iniciar as atividades fazer inspeção da área ,visita


Fraturas diversas técnica para ver condição do local de trabalho, quanto a acessos,
Correias Queda de pessoa
limpeza e se há atividades conflitantes ou em piso acima ou abaixo;
07 PREPARAÇÃO, transportadoras sem diferença de Dores lombares 7.2 Para acessar contra pesos utilize cinto de segurança e sempre
POSICIONAMENTO E nível realize ancoragem com dois talabartes em local fora da caixa;

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 8 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

7.3 Ao subir e descer escadas utilize o corrimão;


Ergonômico 7.4 Não fiquem no raio de ação de cabos de aço, veículos
Esforço excessivo Ler / Dort automotores, máquinas e cargas suspensas;
Ferimentos tipo 7.5 Realize a Análise Preliminar de Tarefa levantando todos os
ESCALONAMENTO DE Impacto por contra esmagamentos possíveis riscos envolvendo a atividade;
COREIAS PARA TROCA
Queda ou projeção 7.6 Verifique o estado da equipe (sinais de embriaguez e
problemas de Concentração);
de objeto 7.7 Cuidado ao levantar pesos, procure ajuda para içar peças;
Ferimentos tipo
Queda com e sem 7.8 Não acumule materiais sobre passagem, cuidado ao
escoriação movimentar-se, cuidado especial com as mãos para evitar
diferença de nível
pensamentos;
Veículos industriais Impacto de 7.9 Evitar posições ante ergonômicas, tendo sempre boa postura;
(Pá mecânica, Fraturas exposta 7.10 Não usar relógio, aliança ou qualquer material/adorno que
pessoas contra
guindaste, caminhão possa servir como ponto de agarramento, Usar camisa por dentro
munck, trator esteira, objetos parados.
da calça;
Atropelamento. Escoriação, luxação e 7.11 OBS: Na utilização de ferramentas manuais como catraca,
Equipamentos tifor e talha , e obrigatório o uso de estropo ou cintas para fixar
móveis Aprisionamento fratura.
essas ferramentas em estruturas fixas . Também e obrigatório fazer
Esmagamento inspeção das ferramentas antes da utilização. Proibido utilizar
estropos e cintas danificadas.
8.1. Executar atividade somente se estiver seguro para tal,
Verificar local de trabalho quanto a acessos, limpeza e se há
Partes móveis sem Impacto por / Dores lombares e mal
atividades conflitantes ou em piso acima ou abaixo;
TROCA DE CORREIAS proteção (correias contra jeito em membros 8.2 Para acessar contra pesos utilize cinto de segurança e sempre
TRANSPORTADORAS, transportadoras) Aprisionamento realize ancoragem com dois talabartes em local fora da caixa;
08 8.3 Ao subir e descer escadas utilize o corrimão; cuidado ao
COM AUXILIO DE Queda de pessoa Fraturas, escoriações, levantar pesos, procure ajuda para içar peças;
Ferramentas

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 9 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

com e sem 8.4 Ao realizar corte com faca mantenha postura defensiva não
manuais (cabo de deixando membros no raio de ação da faca;
arraste, faca olfa, diferença de nível torções, 8.5 Nunca realize corte com a faca com movimento de empurrar.
MÁQUINAS tifor, talhas de Queda ou projeção Fraturas expostas Não abra muita lâmina na faca olfa. Cuidado ao trocar as lâminas;
INDUSTRIAIS, correntes, marreta, de objeto 8.6 Ao trocar as lâminas acondicionar restos de lâminas em local
manilhas, cintas e adequado;
ACIONAMENTO DO Carga suspensa
estropos, turquês, 8.7 Não fiquem no raio de ação de cabos de aço, veículos
MOTOR E TIFOR chapa de arraste automotores, máquinas e cargas suspensas;
Exposição a partes
8.8 Ao operar equipamentos rotativos verifique a condição das
móveis sem luvas e garanta o abotoamento das mangas;
proteção 8.9 Não acumule materiais sobre passagem, cuidado ao
Veículos industriais Fraturas, escoriações, movimentar-se;
Agarramento
(Pá mecânica, torções,
guindaste, caminhão Queda de material 8.10 Ao manusear longarinas e platôres atentar para a
Irritação nos olhos, comunicação a fim de evitar acidentes com pensamento de mãos
munck, empilhadeira, Inalação de poeira
Trabalho em altura peles e vias dedos.
Exposição ao respiratórias
Partícula suspensa 8.11 Utilize protetor facial e Blusão de raspa para utilizar lixadeira.
particulado

Produtos inflamáveis Inalação, ingestão Intoxicações e 9.1. Executar atividade somente se estiver seguro para tal, Verificar
ou absorção, por desmaio local de trabalho quanto a acessos, limpeza e se há atividades
(cola Vipal,
contato de conflitantes ou em piso acima ou abaixo;
catalisador,
9.2 Para acessar contra pesos utilize cinto de segurança e sempre
solvente)Ferramenta substancia
Fraturas, escoriações, realize ancoragem com dois talabartes em local fora da caixa;
s manuais (cabo de química. 9.3 Ao subir e descer escadas utilize o corrimão; cuidado ao
arraste, faca olfa, torções,
Corte levantar pesos, procure ajuda para içar peças;
tifor, talhas de
9.4 Ao realizar corte com faca mantenha postura defensiva não

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 10 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

correntes, Lixadeiras Impacto por / Fraturas expostas deixando membros no raio de ação da faca;
Esmerilhadeiras contra 9.5 Nunca realize corte com a faca com movimento de empurrar.
09 EMENDA NO
cintas e estropos, Não abra muita lâmina na faca olfa. Cuidado ao trocar as lâminas;
PROCESSO A FRIO E A Choque elétrico Queimadura 9.6 Ao trocar as lâminas acondicionar restos de lâminas em local
turquês, chapa de
QUENTE Aprisionamento adequado;
arraste, placa Morte 9.7 Não fiquem no raio de ação de cabos de aço, veículos
elétrica sampla 440v, automotores, máquinas e cargas suspensas;
bolsa de pressão de 9.8 Ao operar equipamentos rotativos verifique a condição das
Queda de pessoa Irritação nos olhos,
água e ar, chapa de luvas e garanta o abotoamento das mangas;
com e sem peles e vias 9.9 Não acumule materiais sobre passagem, cuidado ao
alumínio, longarinas
diferença de nível respiratórias movimentar-se;
de aço, parafusos
Poeira negro de 9.10 Ao manusear longarinas e platôres atentar para a
com porcas e comunicação a fim de evitar acidentes com prensamento de mãos
arruelas, bomba de fumo
e dedos.
pressão água 9.11 Utilize protetor facial e Blusão de raspa para utilizar lixadeira.
sampla, painel Incêndio
elétrico sampla
Explosão
Fraturas, escoriações,
torções,
Ferramentas 10.1. Executar atividade somente se estiver seguro para tal,
Atrito / perfuração
manuais Verificar local de trabalho quanto a acessos, limpeza e se há
Choque elétrico Fraturas expostas atividades conflitantes ou em piso acima ou abaixo;
(cabo de arraste, 10.2 Verificar local de trabalho quanto a acessos, limpeza e se há
faca olfa, tifor, talhas Impacto por / atividades conflitantes ou em piso acima ou abaixo;
10 contra 10.3 Ao subir e descer escadas utilize o corrimão; cuidado ao
REPARO A QUENTE, A de correntes, Queimadura
levantar pesos, procure ajuda para içar peças;
marreta, manilhas,

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 11 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

10.4 Ao realizar corte com faca mantenha postura defensiva não


cintas e estropos,
deixando membros no raio de ação da faca;
turquês, chapa de Queda com ou sem 10.5 Nunca realize corte com a faca com movimento de empurrar.
arraste placa elétrica diferença de nível Não abra muita lâmina na faca olfa. Cuidado ao trocar as lâminas;
sampla 440v, bolsa 10.6 Ao trocar as lâminas acondicionar restos de lâminas em local
Morte
de pressão de água adequado;
Queda de matérias 10.7 Ao operar equipamentos rotativos verifique a condição das
e ar, chapa de
luvas e garanta o abotoamento das mangas;
FRIO E A GRAMPO alumínio, longarinas Irritação nos olhos, 10.8 Não acumule materiais sobre passagem, cuidado ao
FARPA de aço, parafusos Poeira negro de peles e vias movimentar-se;
com porcas e fumo respiratórias 10.9 Ao manusear longarinas e platôres atentar para a
arruelas, bomba de comunicação a fim de evitar acidentes com prensamento de mãos
e dedos.
pressão água
10.10 Utilize protetor facial e Blusão de raspa para utilizar lixadeira.
sampla, painel
elétrico sampla

Furadeiras
11 Retirar seus Fraturas, escoriações, 11.1 Após o termino das atividades os responsáveis Vulmax pelas
Choque elétrico
RECOMENDAÇÕES bloqueios torções, atividades deverão retirar todos seus empregados do equipamento
FINAIS Atrito / perfuração e solicitar a supervisão da GMN e GGC e desbloqueio dos
Ferramentas
manuais (cabo de Corte equipamentos.
Fraturas expostas
arraste, faca olfa, 11.2 Ao acessar escadas estar com uma das mãos livres para
talhas, marreta, Impacto por /
manilhas, chapa de contra utilizar o corrimão para subir e descer.

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN
ANÁLISE DE RISCO DO TRABALHO - ART Página: 12 de 11

Número: S13121060 Data: Gerência Contratante: GGC / GMN Área: CSN CIMENTOS VOLTA REDONDA

Revisão: 02 Nome da Empresa Contratada: V A DE SOUZA MONTAGENS INDÚSTRIAIS E VULCANIZAÇÃO (VULMAX)

Título / Descrição: TROCA DE CORREIAS TRANSPORTADORAS E PROCESSO DE VULCANIZAÇÃO A QUENTE E A FRIO / REPAROS A QUENTE E A FRIO

Item Descrição da Tarefa Perigo Risco Consequências Medidas de Controle

11.3 Encontra-se em anexo a FISPQ (ficha técnica dos produtos


químicos) utilizados na atividade de vulcanização.

11.4 Não execute qualquer atividade para qual não esteja


devidamente treinado, habilitado e autorizado.

11.5 Fazer cumprir a prática do 5s, antes, durante e após


realização das atividades. Na CSN Cimentos, todo serviço é
Queda com considerado finalizado somente após a realização do 5s do local
arraste Queimadura
onde foi executado.
diferença de nível
Morte
Guindaste Exposição à 11.6 Recolher todo o resíduo gerado e colocá-lo em local
energia elétrica designado para recolhimento da sucata. Usar luvas de raspa
durante a remoção da sucata.
Aprisionamento
“Segurança é um por todos e todos por um.”. Os telefones
descritos abaixo devem ser contados em caso de emergências:
Ambulância / CSN: TEL.: 4455 / VULMAX : (24) 3342-6042
Corpo de Bombeiros: 3730 / 5555

Aprovação:

Supervisão Contratada SESMT Contratada Responsável da área da CSN Protocolo da Segurança do Trabalho - CSN

Você também pode gostar