Você está na página 1de 2

Secretaria Municipal de Educação de Baixo Guandu-ES

EMEIEF PROFESSORA LÉA HOLZ


Endereço: Rua Sete de Setembro, s/nº, Bairro: Mauá – Baixo Guandu – ES.
PLANO EMERGENCIAL DA EQUIPE ESCOLAR DO ENSINO FUNDAMENTAL DURANTE O
PERÍODO DE SUSPENSÃO DE AULAS DO ANO LETIVO DE 2020, DEVIDO À PANDEMIA DO
COVID-19

ORIENTAÇÕES ÀS FAMÍLIAS:
Senhores Pais e/ou Responsáveis,
Estamos vivendo um momento que modificou nossas rotinas. É um tempo em que vamos precisar
unir esforços para mantermos uma rotina de estudos para os alunos.
Dessa forma, estamos propondo atividades e gostaríamos que fosse observado o desenvolvimento
das mesmas para podermos alcançar os objetivos propostos.
Para o público-alvo da Educação Especial, as atividades deverão ser desenvolvidas de acordo com
o ritmo de aprendizagem do aluno, conforme preceitua a Lei Nº 9394/96, Art. 58 e 59.
DISCIPLINA: HISTÓRIA / CIÊNCIAS
PROFESSOR: Andréa Lampier
ANO/TURMA: 5º TURNO: MATUTINO
DATA: 08/06/2020
CONTEÚDO (OBJETO DO CONHECIMENTO): As Grandes Navegações; O Solo, Tipos de solos.
OBJETIVOS: Reconhecer as mudanças que as navegações trouxeram à sociedade;
Compreender o processo de formação dos solos;

EMEIEF “PROFESSORA LÉA HOLZ”


NOME:__________________________________________ TURMA:_________
PROF: Andréa Lampier DATA: 08/06/2020
HISTÓRIA
As Grandes Navegações – parte 2
1) O que você acha que é navegação?
2) Já teve a experiência de navegar? Se já teve, como foi?
Se não, como acha que deve ser?
Estas perguntas não necessitam de respostas corretas, pois servem como estímulo para aproximação com
o assunto a ser tratado.

Foram necessários oito naus, três fragatas, três brigues e duas escunas para o transporte. Outros 4 navios
da esquadra britânica acompanhavam a corte.

Além das pessoas, foram embarcados no dia 28 de novembro de 1807, móveis, documentos, dinheiro, obras
de arte e a real biblioteca. Aos que ficaram, lhes foi aconselhado receber de maneira pacífica os invasores
para evitar derramamento de sangue.

O general Junot (1771-1813), comandante da invasão, ficou em Lisboa até agosto de 1808 quando foi
derrotado pelos ingleses. A partir daí, Portugal era governado pelo Conselho de Regência integrados por
fidalgos do reino.

Travessia
A viagem ocorreu em condições insalubres e durou 54 dias até Salvador (BA), onde desembarcou no dia 22
de janeiro de 1808. Na capital baiana foram recebidos com festas e ali permaneceram por mais de um mês.

De acordo com o texto responda:


1- Como foi à travessia da família real para o Brasil?

2- Como é o nome das embarcações que foram usadas para que a família real aqui chegasse?

3- Em qual data partiram de Portugal?

4- O que foi embarcado junto às pessoas nas embarcações para a viagem?

CIÊNCIAS

O solo
Imagine que você está em um parque deitado sob uma árvore grande, em cima da grama macia. Nesse
gramado, há alguns arbustos floridos. Ao inspirar, sinta o aroma delicioso dessas flores, trazido pela brisa que
sopra suavemente. Agora, veja-se em uma praia de mar azul. Imagine-se caminhando pela areia macia até a
beira da água. Tudo isso é muito bonito e agradável, não é? Mas nada disso existiria sem o solo.
Sem o solo, todas as paisagens seriam iguais e teriam o aspecto de uma enorme pedreira, assim como
uma selva de pedras. O solo é a camada mais superficial da crosta terrestre, e em geral, é chamado também
de "terra" ou "chão". Ele é o resultado de muitos anos de "trabalho" da natureza.

A formação do solo
Há milhões de anos, não havia solo, mas sim enormes rochas dos mais variados tamanhos - conhecidas
como "rocha-mãe". As chuvas, o vento, o calor e o frio, fizeram com que o enorme rochedo começasse a ruir.
Nessas rachaduras, instalaram-se os líquens - que produziam uma espécie de ácido capaz de dissolver
pequenas porções de rocha. A ação desses organismos continuou a desgastar as rochas que se quebraram
em pedaços menores, deixando espaços entre si.
Chegou um momento em que as rochas haviam se quebrado tantas vezes que se tornaram pequenos
grãos! Finalmente, esses dividiram-se em partes cada vez menores até tornarem-se minerais. A partir daí,
plantas maiores puderam se desenvolver, e então os animais - as plantas surgiram antes dos animais.
Restos dos vegetais (lembre-se que plantas são vegetais) e animais mortos ao entrar em decomposição
enriqueciam o solo em formação, de nutrientes. Esses, chamados de húmus misturavam-se com os minerais.
O solo é o resultado dessa mistura. Após milhares de anos, a camada de solo depositada sobre a rocha-mãe,
estava mais espessa e continuava a engrossar. Muitos tipos diferentes de solo se formaram, conforme a
quantidade de minerais e nutrientes que predominava em cada ambiente.

Tipos de solo
O solo é constituído por areia, argila e húmus, que é uma mescla de restos de animais e vegetais em
decomposição. Existem vários tipos de solo, são eles:
Solo arenoso: possui grande quantidade de areia. Esse tipo de solo é muito permeável, pois a água infiltra
facilmente pelos espaços formados entre os grãos de areia. Normalmente ele é pobre em nutrientes.

Solo argiloso: é formado por grãos pequenos e compactos, sendo impermeável e apresentando grande
quantidade de nutrientes, característica essencial para a prática da atividade agrícola.

Solo humoso: chamado em alguns lugares de terra preta, esse tipo de solo é bastante fértil, pois contém
grande concentração de material orgânico em decomposição. O solo humoso é muito adequado para a
realização da atividade agrícola.

Solo calcário: com pouco nutriente e grande quantidade de partículas rochosas em sua composição, o solo
calcário é inadequado para o cultivo de plantas. Ele é típico de regiões desérticas.

Responda
1) O que é que nós chamamos de terra?
2) Quais são os elementos que constituem o solo?
3) Quais são os tipos de solo?

Você também pode gostar